xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 27/01/2016 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

27 janeiro 2016

As histórias maravilhosas do Padre Ibiapina - Por: Emerson Monteiro

Eis mais um livro da autoria de Flávio Morais, trazendo este o título de Padre Ibiapina: Histórias maravilhosas, uma entre doze outras obras desse autor caririense, natural de Milagres, Ceará, emérito pesquisador das histórias de nosso povo, transmitidas desde seu primeiro livro, que busca, por meio de linguagem simples e objetiva, preservar a etnografia interiorana com o talento de bom escritor, enriquecendo sempre a literatura com trabalhos valiosos.

Dr. Flávio Morais agora nos brinda com essas 30 histórias maravilhosas do apóstolo da caridade sertaneja, Padre Mestre cuja vida consagrou ao povo dos rincões nordestinos e vem, a cada momento, merecer biógrafos adequados que lhe mantêm a tradição de força espiritual através da qual exerceu missão religiosa de fina espiritualidade. São contos notáveis, práticas místicas que revelam a presença da força maior de Deus em várias demonstrações do quanto de virtude e bondade habitara consigo no decorrer da sua jornada neste chão carente de tanta penúria.

O autor elaborou, pois, compêndio da maior valia nos exemplos de coerência e brandura que obteve somar os principais acontecimentos gravados na alma do sertanejo no decorrer dos tempos, razão do prestígio inegável do religioso.

José Antônio Pereira Ibiapina nasceu em Sobral, Ceará, em 06 de agosto de 1805. Antes de chegar ao sacerdócio católico cumprira as funções de Chefe de Polícia, Juiz de Direito, Deputado Geral do Império e Advogado. Aos 46 anos, então, abraçaria a vocação religiosa que destinou ao culto de Nossa Senhora. O exercício da religião destinou a civilizar, ensinando práticas comunitárias consentâneas à mensagem cristã, adotando liderança constante na construção de igrejas, casas de caridade, cemitérios, hospitais, capelas, açudes, cacimbas e barragens, no que deixaria marcas profundas no hábito das famílias que amou tão ardorosamente.

Nesse meio tempo de dedicação fraterna, Ibiapina demonstrou o fervor da fé visto no poder testemunhado nos acontecidos consignados em forma de pequenas histórias, motivo da coletânea bem cuidada que neste momento veio a lume através das habilidades literárias de José Flávio Bezerra Morais.


Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31