xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Do seriado “Caos da República”: Lava Jato – Palestras de Lula para cervejaria estão sob investigação | Blog do Crato
.

VÍDEO - Em breve, estaremos de volta com as novas transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, alguns programas ao vivo ). O modelo será mais ou menos como no vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos em que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

29 dezembro 2016

Do seriado “Caos da República”: Lava Jato – Palestras de Lula para cervejaria estão sob investigação



A frase abaixo foi escrita pelo dono da Cervejaria Petrópolis, Walter Faria, no dia 13 de novembro de 2013, em e-mail enviado para Paulo Okamoto, presidente do Instituto Lula. A frase foi esta: “Se o Presidente (Lula) puder falar que: “A cerveja Itaipava por ser 100% brasileira, é sua cerveja preferida” como ele falou na palestra de Atibaia: “Não bebo muita cerveja, mais quando bebo é Itaipava”, seria ideal para nos dar força na chegada da marca (no Estado) da Bahia.”
Ontem, dia 28, as agências de notícias informam que o e-mail acima citado foi apreendido pela Operação Lava Jato e registra “frases de propaganda a ser faladas” por Lula, no evento, a pedido do contratante a título de “palestra”, segundo interpreta a Polícia Federal, no laudo Nº 1.233/2016.

Mas a coisa é mais profunda: A Polícia Federal e o Ministério Público Federal, em Curitiba, investigam se as palestras feitas por Lula ocultaram propinas de empresas que eram beneficiadas por ele, em negócios com o governo, especialmente na Petrobras. Entre 2011 e 2016, a LILS recebeu R$ 28 milhões, revelou quebra de sigilo da empresa. Quase metade disso, pago por empreiteiras acusadas de corrupção - quatro delas com delação premiada, Andrade Gutierrez, Camargo Corrêa, UTC e Odebrecht.

Interessante é que o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, cujas “palestras” estão sob investigação da Polícia Federal e do Ministério Público, é o mesmo que ganhou um elogio do presidente dos EUA, Barack Obama, em 2009.  Ao encontrar o presidente brasileiro durante almoço que fez parte da reunião de líderes do G20 (grupo de países desenvolvidos e em desenvolvimento), em Londres, na Inglaterra, o presidente Obama afirmou que Lula "é o cara" e que o presidente brasileiro é o "político mais popular do mundo".

O “Mais popular do mundo” Lula nunca foi. Durante algum tempo Lula encantou apenas a massa ignara e os professores das universidades públicas brasileiras.

Bom não esquecer que, neste ano, a Universidade Regional do Cariri–URCA tentou ressuscitar um título de “Doutor Honoris Causa” para Lula. Mas a repercussão junto à opinião pública dessa ressurreição foi tão negativa, e houve tantos protestos (até pela Internet) que a bajulação foi cancelada.

Hoje sobre a Reitoria da URCA só se fala na “ocupação” feita naquela universidade por um magote que “protesta” contra a reforma do ensino médio projetada pelo Governo Federal. Já faz um tempão que a reitoria foi ocupada. E continuará sendo, pois a população é tão indiferente a esta pseudo “ocupação” que se os ocupantes quiserem ficar eternizados por lá, não faça cerimônia. Façam da reitoria sua nova residência. O povo não está nem aí...
(Postado por Armando Lopes Rafael)
             

0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30