xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Boa notícia: Juiz determina quebra do sigilo do empréstimo do BNDES no valor de 682 milhões de dólares feito pelos governos do PT para a ditadura cubana | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

08 julho 2016

Boa notícia: Juiz determina quebra do sigilo do empréstimo do BNDES no valor de 682 milhões de dólares feito pelos governos do PT para a ditadura cubana

O juiz disse que a existência de indícios de irregularidades nas operações de financiamento no valor de US$ 682 milhões de dólares feito pelos governos do PT para a ditadura cubana  “sobrepõe-se ao dever de sigilo sobre os contratos”
O juiz Marcelo Rebello Pinheiro, da 16ª Vara Federal do Distrito Federal, proferiu sentença favorável a exibição dos documentos referentes ao empréstimo do BNDES ao Porto de Mariel, em Cuba. O empréstimo do BNDES ao porto cubano é de US$ 682 milhões de dólares. O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior havia classificado o contrato como secreto, sob a justificativa de que nele constam informações sigilosas. Pelo decreto, o contrato só se faria conhecido em 2027.
O pedido de quebra de sigilo é do advogado Adolfo Saschida, que “pretende a exibição de processo administrativo […] objetivando subsidiar futura e eventual ação popular”. O juiz disse que a existência de indícios de “irregularidades” nas operações de financiamento para reconstrução do Porto de Mariel “sobrepõe-se ao dever de sigilo sobre os contratos”.

1 comentários:

Armando Rafael disse...

Temer investigará porto de Mariel, construído por Lula e Dilma em Cuba
Por Monica Bergamo (“Folha de S.Paulo”), 09/07/2016

CUBA NA MIRA
O governo de Michel Temer abrirá auditoria sobre uma das principais obras dos governos de Lula e Dilma Rousseff: o Porto de Mariel, em Cuba, que foi construído pela Odebrecht.
FORÇA TAREFA
O Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle já prepara uma equipe para auditar os contratos do porto. O BNDES também entra na mira, já que a obra foi feita com recursos oriundos da instituição.
ZERO
A pasta acredita que não teria havido retorno em prestação de serviços para empresas brasileiras já que, em Cuba, quase tudo está nas mãos do Estado, ou tem o governo como sócio majoritário.
MIL
Em 2014, Marcelo Odebrecht, então presidente da empreiteira, fez defesa enfática da obra em um artigo publicado na Folha.
*
Segundo ele, o BNDES financiou exportações de serviços de cerca de 400 empresas brasileiras lideradas pela Odebrecht. "Se o porto será de grande importância para o socialismo cubano, foi o capitalismo brasileiro que mais ganhou até agora".

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31