xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Banco Mundial diz que PIB do Brasil vai cair 2,5% em 2016 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

07 janeiro 2016

Banco Mundial diz que PIB do Brasil vai cair 2,5% em 2016


O Banco Mundial cortou as projeções de crescimento do Brasil. Para a instituição, o País deve encolher 2,5% neste ano, o pior desempenho entre as principais economias mundiais, de acordo com o relatório "Perspectivas Econômicas Globais", divulgado nesta quarta-feira (6). A expectativa dos economistas da instituição é de que o País só volte a crescer em 2017, com expansão de 1,4%.

Num grupo de 23 países apresentados no relatório do Banco Mundial, além do Brasil, só a Rússia deve ter contração na economia em 2016, de 0,7%. A previsão é que a economia mundial tenha expansão de 2,9%. Os países em desenvolvimento devem crescer 4,8% e a América Latina, 0,1%. A Índia deve ser o destaque, com alta de 7,8% no Produto Interno Bruto (PIB). As perspectivas do Banco Mundial para o Brasil são bem piores do que as presentes no relatório anterior, divulgado em junho de 2015. Naquele documento, a expectativa era de que o PIB brasileiro fosse ter alta de 1,1% este ano e de 2% em 2017. Para 2015, a aposta era de contração mais suave, de 1,3%, número que foi revisado para 3,7%.  No novo relatório, foi acrescentada projeção para 2018, ano em que o Brasil deve crescer 1,5%. Durante a reunião anual da instituição junto com o Fundo Monetário Internacional (FMI) em outubro, em Lima, no Peru, os economistas do banco falaram na possibilidade de o País encolher 0,61% neste ano e 2,5% em 2015.

Os economistas do Banco Mundial mencionam várias vezes o Brasil ao longo das 286 páginas do relatório e citam que a situação piorou no País desde a divulgação do documento de junho. O Brasil tem passado por um "severo ajuste" em meio a desafios domésticos e internacionais e aumento do risco político, afirma o documento. Enquanto a economia russa teve de lidar com a forte queda do preço do petróleo e sanções da Europa e Estados Unidos por causa do conflito da Ucrânia, o Brasil tem elevada incerteza política, que contribui para manter a confiança de empresários e consumidores em níveis historicamente baixos, diz o documento. Além disso, o aperto na política fiscal e monetária, para conter a inflação, acabaram tendo reflexo na atividade. 

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Via www.blogdocrato.com



0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31