xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 05/09/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

05 setembro 2015

Flores de que falava a canção - Por: Emerson Monteiro

Palavras que desenvolvam os pensamentos, que por sua vez desenvolvem os sentimentos que nós sustentamos. Disso fala a música quando fala de flores. Sorrir dentro falas quais movimentos inevitáveis de alegria, amabilidade, ainda que aparentemente existam motivos de pensar diferente. Porém tudo leva a tempos de boa paz, felicidade, tempos menos bicudos, menos difíceis de cruzar o mar das procelas, o que exigem atitude tocar em frente. Razões infinitas de manter forte o ânimo e continuar pelas lembranças das vitórias anteriores, conquistas que ninguém toma. Preservar o senso de justiça nos pousos da presença soberana, sadia, que domina o sistema universal onde habita existência de seres e de objetos. Manter a todo custo o desejo de igualdade nos direitos adquiridos; auxiliar o correr dos barcos que transportam rebanhos aos dias melhores, apesar de impressões deixadas no calor, nas tintas cinza de horas atrás. No mais íntimo, lá o pintor do quadro reserva sabedoria a esse prazer de usufruir beleza aos apreciadores dos mistérios que renascem, na história contínua.

A gente desperta e sabe da imortalidade dos dias na alma e no tempo. Alimenta de verde o instante ao dispor da consciência, pauta aberta que pede visões de paraíso. Oferece festas de esperança na luz das ocasiões, qual maestro eficiente da sinfonia do presente. Amar, verbo por demais necessário ao controle da máquina perfeita do indivíduo que notamos em nós existir, o miolo essencial da gente. Segurar o trem nos trilhos ao efeito maduro do conhecimento obtido nas horas da experiência. Exercitar esse gosto saboroso do belo, que equilibra os tons das cores a envolver o firmamento constante das paisagens imperecíveis do bom senso. 

Por menores sejam as lições, trazem consigo os cuidados que bastam ao anseio de respirar perfumes e apreciar maravilhas. Ver lado benfazejo nos detalhes mínimos, porquanto leis imutáveis conduzirão para sempre ao pouso seguro da eterna certeza as nuvens que chegam. Lá passam milênios, enquanto derrama suas tintas nas criaturas que crescem dia após dia, e aqui estamos contentes de que ser artífices da tranquilidade, autores prudentes de possibilidades imensas através das nossas mãos. Pensar bem e escolher a melhor parte, nisso viver e ser feliz, eis a missão.

Agora foi a Forania 5: padres do Cariri Oeste da Diocese de Crato também ficaram ao lado de Dom Fernando

Hoje, dia 4, os treze padres residentes na Região Forânea 5, da Diocese de Crato, emitiram uma Nota de Solidariedade a Dom Fernando Panico. No comunicado oficial os padres destacam a gratidão às diversas atividades missionárias que o Bispo realiza naquela região e, em especial, o apoio prestado à causa da beatificação da Serva de Deus, Benigna Cardoso. Neste final de semana serão divulgadas mais duas notas de solidariedade, referentes ao sacerdotes que trabalham nas Regiões Forâneas 1e 4, completando o percentual de 97% do clero que estão ao lado do Bispo Diocesano.
Confira na íntegra a nota da Forania 5:

NOTA DE SOLIDARIEDADE A DOM FERNANDO PANICO

Manifestamos nosso apoio de solidariedade ao nosso Bispo diocesano, Dom Fernando Panico, sucessor dos Apóstolos e maior autoridade da Igreja. Como tal merece respeito e obediência na condução do povo de Deus.
A Forania 5 da Diocese de Crato, composta pelas paróquias do Cariri Oeste lembra com gratidão as muitas atividades missionários de Dom Fernando nessa região pastoral. Além dos trabalhos ordinários destacamos de forma especial o grande apoio que ele tem dado à causa de Benigna em Santana do Cariri.
Como padres da Região Forânea 5, membros da Diocese de Crato, rezamos por nosso Pastor Diocesano e pedimos a Deus para que a verdade sempre prevaleça e que dê cada vez mais forças a nosso Bispo para seguir sua missão.
Forania 5,  aos  4 de setembro de 2015.
 Pe. Francisco César Pereira Retrão
Paróquia Santo Antônio-Antonina do Norte
Pe. José Wilton Leite
Pe.Cícero José da Silva
Pe. Klébio de Freitas Felipe
Pe. José Adauto Alencar
Paróquia N.Sra da Penha-Campos Sales
Pe. Paulo Evangelista da Costa da Silva
Paróquia N. Sra. das Angústias- Tarrafas
Pe. José Almeida dos Santos
Paróquia Santo Antônio-Araripe
Pe. Francisco Alberto Nascimento
Paróquia Santa Teresa de Jesus-Altaneira
Pe. Ronaldo do Nascimento Oliveira
Paróquia N. Sra. das Dores- Assaré
Pe. Sebastião Bandeira Gonçalves
Paróquia São José- Potengi
Pe. Paulo Lemos Pereira
Paróquia Senhora Santana- Santana do Cariri
Pe. Antônio Luiz do Nascimento
Paróquia São Sebastião- Nova Olinda
Pe. José Vicente dos Santos
Paróquia São Francisco de Assis- Salitre

Autoafirmação da mulher negra na cultura é debatida na Bienal do Livro

bienaldolivro-20150811-070158Jovens e veteranas negras produtoras de cultura tiveram espaço hoje (4) na 17ª Bienal do Livro do Rio de Janeiro. No espaço Cubovoxes, o debate com jovens criadores abordou a questão da autoafirmação enquanto negra, tratada no conto MC K-bela, de Yasmin Thainá, que deu origem ao filme curta-metragem Kbela.

Yasmin, que também dirige o filme, disse que o conto, publicado no primeiro livro da Festa Literária das Unidades de Polícia Pacificadora (Flupp) e posteriormente disponibilizado na internet, partiu de um sentimento comum às meninas negras com dificuldade em aceitar suas características naturais, por causa de tantas manifestações racistas que ouvem constantemente, inclusive na própria família.

O nome é uma integração entre as palavras cabelo e beleza. Já o filme, segundo a cineasta, é uma extensão do projeto, idealizado depois das centenas de depoimentos recebidos de mulheres negras de todo o país.

“São reflexões sobre as situações que as mulheres negras estão vivendo em suas vidas, a questão do cabelo de bombril, do racismo, de ser excluída das coisas. O Kbela reflete sobre esse momento em que a gente está gostando de ser a gente. A gente está segura de falar que somos mulheres negras, estamos produzindo novas narrativas nesse sentido, que a gente quer uma nova imagem sobre a gente, que a gente está gostando mais do nosso corpo. A gente está produzindo, empreendendo”, disse Yasmin.

A diretora de comunicação do Kbela, Silvana Bahia, destaca que o negro é lembrado sempre no carnaval, mas a produção cultural é feita durante todo o ano e em todas as vertentes artísticas. Para ela, as novas tecnologias de comunicação possibilitaram a maior visibilidade dessa produção.

“Como é ser negro na produção cultural fora do carnaval, sem a sexualidade que objetifica o corpo da mulher? É um desafio, e o que eu vejo de novidade nesse campo é que tem um monte de gente se organizando para fazer isso durante o ano inteiro, não só produção ligada ao negro, mas discutir mesmo que lugar é esse que a gente está, que lugar é esse que a gente ocupa? O que a gente pode inventar de novo? Eu acho que tem um movimento que já acontece há um tempo, mas hoje ele ganha mais visibilidade, talvez por conta das novas mídias, da tecnologia”.

O filme Kbela será lançado no próximo sábado, 12 de setembro, às 20h, no Cine Odeon, na Cinelândia, centro do Rio.

SarALL

Integrante do Coletivo Mulheres de Pedra, de Pedra de Guaratiba, zona oeste do Rio, Leila de Souza Neto, 60 anos, participou hoje do SarALL. O coletivo reúne mensalmente, há 15 anos, cerca de 15 mulheres para escrever e recitar poesia, discutir o feminismo negro, homenagear mulheres, discutir as vivências e trabalhar identidade cultural enquanto mulheres negras. Para Leila, a poesia é um instrumento de empoderamento da mulher negra na sociedade.

“Fortalece quando a gente se empodera dessa ferramenta que é a poesia e que, através dela, nós podemos falar mais, comunicar mais, expressar mais literalmente e estar em conexão com outros coletivos da periferia que estão fazendo o mesmo trabalho de empoderamento”, disse.

O Coletivo Mulheres de Pedra estará na mesa de discussão do SarALL no domingo, às 14h30.

Editor Aécio Amado

Agência Brasil|

Dólar fecha a R$ 3,86, com alta de 2,68% no dia

dolares

O dólar encerrou a semana a R$ 3,86, com alta de 2,68%. A cotação é a mais alta desde outubro de 2002. Na semana, a moeda americana acumula alta de mais de 7%. Os últimos cinco dias foram de trajetória ascendente do dólar, que reagiu a incertezas políticas e econômicas e à crise chinesa. Nesta sexta-feira (4) dados sobre a economia dos Estados Unidos também contribuíram para a alta.

O desemprego nos Estados Unidos caiu para 5,1% no país em agosto. É o menor nível desde abril de 2008. A divulgação do índice reforçou a crença dos investidores de que o Federal Reserve (Fed, banco central norte-americano) iniciará a retirada de estímulos da economia e aumentará os juros.

O dólar acumula altas desde o início da semana. Na segunda-feira (31) o Poder Executivo entregou ao Congresso Nacional a proposta orçamentária para 2016, com previsão de déficit primário de R$ 30,5 bilhões. Na ocasião, a moeda americana fechou o dia com alta de 1,17%, cotada a R$ 3,63. Na terça-feira (1°), o dólar ultrapassou passou de R$ 2,70 ao longo do dia, mas recuou e fechou o dia a R$ 2,688, reagindo à notícia de queda na produção industrial na China.

Na quarta-feira (2), em meio a boatos de que o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, deixaria o cargo, o dólar continuou subindo e fechou a R$ 3,76. Na quinta (3) Levy cancelou viagem à Ancara, capital turca, onde participaria de encontro do G20 (grupo das maiores economias do mundo) para se reunir com a presidenta Dilma Rousseff. No mesmo dia, a moeda americana atingiu R$ 3,81, mas recuou e fechou em leve queda. Após reunir-se com Dilma, Levy decidiu ir para a Turquia e o chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, disse que ele não deixaria o governo.

(Agência Brasil)

Várzea Alegre com quase 500 casos

Dengue340595034594

Várzea Alegre. O aumento do número de casos de dengue em Várzea Alegre tem deixado as autoridades do setor da Saúde preocupados. Já são 428 casos da doença confirmados até o momento, mas ainda são esperados os resultados de mais 42 sorologias que estão em análise.

Para Fernando Wilson Fernandes, secretário de Saúde do Município, mesmo tendo havido um decréscimo das notificações nas últimas semanas, a situação é preocupante.

Um fato constatado pela secretaria de Saúde chama a atenção. Quase 98% dos focos do mosquito da dengue estão sendo encontrados no ambiente familiar, ou seja, dentro das residências.

Sobre a morte recente do autônomo Helan Cícero, 37 anos de idade, com suspeita de dengue, o secretário afirma que tudo está sendo feito para esclarecer o caso, o que deve ocorrer num prazo de até 30 dias

Trabalho

"A Secretaria de Saúde de Várzea Alegre tem envidado todos os esforços para erradicar a dengue no nosso Município. Entretanto, é preciso que todos colaborem para que tenhamos êxito nessa jornada", aponta o secretário Wilson Fernandes.

Diario do Nordeste - Regional

Câmara de Milagres desaprova contas da gestão 2012 e deixa prefeito Hellosman Sampaio inelegível por 8 anos

camaramilagres

Cidadãos de Milagres superlotaram a Câmara Municipal. (Foto: Som da Terra FM)

Por 6 votos a favor e 5 contra, a Câmara Municipal de Milagres desaprovou as contas da gestão 2012 do prefeito Hellosman Sampaio. A votação aconteceu na noite desta sexta-feira (4), e foi acompanhada por dezenas de moradores da cidade, que superlotaram a sede do Poder Legislativo de Milagres. O resultou torna o prefeito Hellosman Sampaio inelegível por oito anos, pela Lei da Ficha Limpa.
Os vereadores Ubelardo dos Santos, Jorge de Dona Iraci, Giancles Filgueiras, Lorim, Ozório Dantas e Ivan Rodrigues acompanharam o voto do relator-conselheiro do TCM Ernesto Sabóia, que havia dado parecer desaprovando as contas.
Já os vereadores Landim, Beto Mitrado,Edinho Santana, Fernando Sampaio e Tião Vasques votaram contra a desaprovação.
O detalhe é que o presidente da Câmara, Ubelardo dos Santos é da base do prefeito, mas votou junto com a oposição.
(Com informações Som da Terra FM)

Dirigente do Icasa é convocado a prestar informações na Câmara Municipal de Juazeiro do Norte

Paes

 

Paes de Lira deve ir à Câmara prestar esclarecimentos aos vereadores

A crise dentro e fora do campo vivida atualmente pelo Icasa respingou na Câmara Municipal. O time faz a pior campanha de sua história numa competição nacional, onde é o lanterna da Terceirona e está praticamente rebaixado para a Quarta Divisão do Futebol Brasileiro.
Na sessão ordinária desta quinta-feira, o presidente da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte, acatou o pedido do vereadores da casa e enviou ofício ao presidente do Icasa, Paes de Lira, para que este dê explicações pelo péssimo rendimento do clube, e principalmente para saber como está sendo aplicado o dinheiro repassado pela Prefeitura do Juazeiro do Norte, cerca de R$ 80 mil mensais, a título de incentivo para o clube na Terceirona.

 

Danty Benedito encaminhou ofício convocando Paes de Lira. (Foto: Flávio Pinto)

Danty agendou para o próximo dia 10, a ida de Paes de Lira à Câmara Municipal.
Vale ressaltar que Paes de Lira é o mesmo dirigente que abonou em 2013, as contas do Verdão do Cariri, ainda na Série B, e reconheceu em cartório uma dívida de R$ 1 milhão do clube com o antigo investidor Artur Boim. De lá prá cá, o Icasa nunca mais foi o mesmo, nem financeiramente e muito menos dentro de campo.

flavio pinto


Edições Anteriores:

Outubro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31