xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 13/08/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

13 agosto 2015

Valor bruto da produção agropecuária bate novo recorde

agropecuaria

O valor bruto da produção (VBP) agropecuária de 2015 somou R$ 469,7 bilhões no acumulado de janeiro a julho, com aumento de 0,63% em relação aos R$ 466,7 bilhões do mesmo período do ano passado, atingindo o valor mais alto da  série histórica iniciada em 1989. Os dados foram divulgados hoje (13) pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

As lavouras representam R$ 300,9 bilhões e a pecuária, R$ 168,8 bilhões. As culturas agrícolas tiveram redução de 0,12%, enquanto a pecuária aumentou 2%, disse o coordenador-geral de Estudos e Análises da Secretaria de Política Agrícola (SPA) do ministério, José Garcia Gasques.

Segundo ele, uma das características deste ano é que a maior parte dos produtos analisados tem apresentado preços menores que em 2014. Um ponto relevante de 2015 é o aumento das safras de milho, soja, trigo e cana-de-açúcar. "Os preços mais baixos desses produtos têm o efeito compensado pelo aumento da produção, o que  resulta em acréscimo do valor da produção", disse Gasques.

Entre os produtos com aumento no VBP estão cebola (122,42%), mamona (97,57%), pimenta-do-reino (52,10%) e trigo em grão (7,18%). Os que tiveram maior redução foram maçã (-21,8), uva (-18,8 %), tomate (-15,9 %), batata inglesa (-11,0 %) e mandioca (-6,8 %).

Na pecuária, tiveram melhor desempenho carne bovina (9,50%), ovos (2,26%) e carne suína (1,01%). O leite e a carne de frango têm apresentado variação negativa do VBP neste ano. O ministério não revelou os percentuais.
As estimativas regionais indicam que a liderança do VBP continua sendo do Sul (R$ 135,9 bilhões), seguido pelo Centro-Oeste (R$ 125,7 bilhões), Sudeste (R$119,8 bilhões), Nordeste (R$ 47,9 bilhões) e Norte (R$ 27,8 bilhões).

Agência Brasil|

Servidores do Judiciário rejeitam reajuste definido pelo STF e mantêm greve

greve-judiciario

Servidores do Poder Judiciário no Distrito Federal (DF) decidiram hoje (13) continuar em greve. Eles rejeitaram uma nova proposta de reajuste da categoria, definida ontem (12) entre o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Ministério do Planejamento, que prevê reajuste de até 41,47%.

Segundo o coordenador-geral do Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário do Distrito Federal (Sindjus), José Rodrigues Costa, o objetivo dos servidores é derrubar o veto da presidenta Dilma Rousseff ao primeiro projeto de lei que trata do aumento dos trabalhadores do Judiciário, aprovado em junho no Senado, e que previa reajuste entre 53% e 78,56%.

“A mobilização, a partir de agora, é no Congresso Nacional, demonstrando com documentos e fundamentando com dados a necessidade de manter o reajuste definido anteriormente”, disse Rodrigues.

Ele informou que os sindicatos vão pedir ao presidente do STF, ministro Ricardo Lewandowski, que só envie o novo projeto de lei ao Congresso após o veto ser apreciado.

O acordo definido quarta-feira prevê que o aumento individual deve oscilar entre 16,5% e 41,47%, a ser pago em oito parcelas semestrais, a partir de janeiro de 2016. De acordo com Ministério do Planejamento, o impacto total do aumento será de R$ 5,9 bilhões.

A Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União (Fenajufe) divulgou nota na qual alega que o acordo entre Executivo e STF foi feito sem “qualquer consulta” aos servidores e que não contempla a demanda da categoria pela reposição das perdas inflacionárias “acumuladas desde 2006”.

Da Agência Brasil

Ministro diz que país deve valorizar a inovação para recuperar competitividade

aldo

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aldo Rebelo, disse hoje (13) que a inovação é um desafio para o país. Segundo ele, a pasta tem o compromisso de valorizar a inovação como instrumento necessário à manutenção da competitividade da economia nacional.
“A inovação no Brasil ocupa posições de retaguarda na economia mundial", disse o ministro, ao participar do Fórum Empresarial de Defesa e Segurança, promovido pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

Para Aldo, o papel do Estado é fundamental no esforço de pesquisa e produção científica e tecnológica e de inovação na sociedade. “Temos que olhar para a frente, com a capacidade de recuperar a economia e ampliar os investimentos em ciência, pesquisa e inovação. Na dúvida, precisamos pesquisar e inovar para as nossas necessidades.”

O ministro disse que a preocupação com investimentos em inovação tem o objetivo de tornar a economia do país mais competitiva. “É onde podemos recuperar e alcançar a competitividade. O Brasil sempre teve uma relação de responsabilidade das suas instituições públicas com os desafios da ciência e pesquisa.”

Ele afirmou que a atividade industrial brasileira, principalmente de alta tecnologia, tem sofrido reveses. Segundo Aldo, as exportações industriais, lideradas pelas mercadorias de alta tecnologia, sofreram um processo de mudança. “As nossas exportações industriais eram lideradas por produtos de alta tecnologia e passaram a ser lideradas por produtos de baixa tecnologia. Os produtos de alta tecnologia que ocupavam o primeiro lugar passaram para o quarto. É outro índice que deve nos lançar ao desafio da ciência, da pesquisa e da valorização da tecnologia e inovação.”

O ministro lembrou que a Presidência da República tem como prioridades a proteção cibernética e as áreas nuclear e espacial, que, segundo ele, devem receber mais investimentos do Estado. “Temos que ter segurança cibernética porque temos um sistema ainda vulnerável a invasões. Na área nuclear, já tivemos conversas com os presidentes dos institutos para ver as necessidades. E, na área espacial, temos o satélite com os chineses, os franceses, temos o microlançador com os alemães, além de uma cooperação com os russos”, disse.
“Isso tudo pressupõe que haja na base uma indústria de suporte de serviços e de equipamentos”, destacou Aldo Rebelo.

Da Agência Brasil

Ex-fuzileiros voltam a Cuba para hastear bandeira dos EUA em embaixada

Ex-fuzileiros

Três ex-fuzileiros navais que, em 1961, arriaram a bandeira norte-americana na Embaixada dos Estados Unidos em Cuba voltam amanhã (14) à ilha, 54 anos depois, para hastear a bandeira com o secretário de Estado John Kerry. “Vou adorar ver a bandeira ser içada novamente”, informou um dos fuzileiros navais, Jim Tracy, de 78 anos, em um vídeo veiculado no site do Departamento de Estado.

Tracy, fuzileiro naval durante 30 anos, era encarregado de abaixar a bandeira na embaixada de Havana quando os Estados Unidos romperam relações com Cuba, em 4 de janeiro de 1961. Naquele momento, os cabos Mike East e Larry Morris ajudaram Jim Tracy a abaixar a bandeira dos Estados Unidos e a dobrá-la. “Foi um momento comovente”, disse East, hoje com 76 anos.

Segundo Morris, de 75 anos, a bandeira “vai voltar para onde deve estar”.

Na sexta-feira, eles voltarão a Havana com Kerry para selar a retomada das relações diplomáticas entre os dois países, iniciada em dezembro pelos presidentes Barack Obama e Raúl Castro.

Uma fonte do Departamento de Estado disse que a bandeira que será hasteada não é a mesma de 54 anos atrás.

Amanhã, John Kerry será o primeiro chefe da diplomacia norte-americana a visitar Cuba desde 1945.

Agência Brasil

Dólar sobe e volta a fechar acima de R$ 3,50

dolar1

Depois de fechar nessa quarta-feira (12) em baixa, a moeda norte-americana voltou a subir e fechou acima de R$ 3,50 pela primeira vez em uma semana. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (13) vendido a R$ 3,514, com alta de R$ 0,039 (1,13%).

A cotação operou em alta durante toda a sessão. Na máxima do dia, por volta das 12h30, o dólar chegou a ser vendido a R$ 3,523. A divisa acumula alta de 2,59% em agosto e de 32,2% em 2015.

Desde que a equipe econômica anunciou, há três semanas, a redução para 0,15% do Produto Interno Bruto (PIB, soma das riquezas produzidas no país) da meta de superávit primário (economia para pagar os juros da dívida pública), o dólar passou a subir. Segundo economistas, a possibilidade de o país perder o grau de investimento das agências de classificação de risco tem pressionado o câmbio.

(Agência Brasil)

PF apreende quase uma tonelada de maconha em circo

DROGASpf

Droga apreendida | Foto: PF/Divulgação

A Polícia Federal (PF), através da Delegacia de Repressão ao Tráfico de Entorpecentes (DRE), apreendeu quase uma tonelada de maconha na escola de Circo do Motoka, localizado em Caucaia, na tarde desta quinta-feira, 13. Duas pessoas foram presas.

De acordo com um dos agentes que participou da operação e preferiu não se identificar, os policiais iniciaram a operação após denúncias de tráfico de drogas na região. Durante a investigação, a equipe da DRE suspeitou da movimentação na escola de Circo do Motoka. “Tinha um movimento muito característico do tráfico de drogas, com entra e sai de pessoas e de carros. Soubemos que estava chegando um carregamento de drogas aqui. Depois disso, montamos campanas na região”, disse o policial.

Na madrugada desta quinta-feira, 13, um caminhão baú – com placa de fora do Estado – chamou a atenção da equipe da DRE, após chegar ao local, ficar por algumas horas e seguir viagem. Depois disso, os policiais decidiram invadir a casa.

De acordo com o agente, uma equipe seguiu o caminhão e outra invadiu a casa. Um suspeito – que estava dentro da residência – tentou pular o muro na fuga, mas não conseguiu. Em seguida, ele entrou nas dependências do imóvel e pegou uma pistola. “Estávamos em maior número, com bom armamento, e revidamos. Tínhamos oito policiais, houve troca de tiros, e ele resolveu se entregar”, comentou o policial.

Os policiais da DRE fizeram uma busca na casa e encontraram quase uma tonelada de maconha que seria distribuída por toda Fortaleza. Além disso, foram apreendidas cinco pistolas e duas submetralhadoras – uma delas de fabricação israelense – e munições. Segundo o agente, este tipo de armamento é utilizado em assaltos de carros blindados e esta quantidade de droga colocaria mil “bocas de fumo” fora de atuação.

O motorista do caminhão baú também foi detido no km 16 da BR-116. Os dois homens vão prestar depoimentos na sede da Polícia Federal, no bairro de Fátima, nesta noite.

O Povo

Equipamento desenvolvido no CE mede qualidade do leite e envia resultado em tempo real

Sonda_qualidade_do_leite

Um projeto inovador desenvolvido no interior do Ceará promete levar mais tecnologia às bacias leiteiras brasileiras. A iniciativa consiste em uma sonda que, munida de sensores e acoplada ao reservatório de armazenamento do leite, mede a qualidade do alimento, monitorando temperatura, acidez e densidade. O resultado é enviado para um portal que pode ser conferido por qualquer cidadão com acesso à internet.

O projeto recebeu recursos da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Ceará (Governo do Estado/Secitece) e da Financiadora de Estudos e Projetos (MCTI/Finep) por meio do Programa de Apoio à Inovação Tecnológica em Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Estado do Ceará (Tecnova-CE) e foi desenvolvido pela RAV Tecnologia – empresa sediada no município de Limoeiro do Norte, a 197km de Fortaleza. De acordo com um dos sócios, Victor Martins, o equipamento traz vantagens ao governo, produtor e consumidor final.

"Dentro da pecuária, a leiteira é a que precisa de mais controle. Hoje no interior, o leite serve não só para a produção de queijo, mas para outros derivados, como iogurte e requeijão, fazendo com que o líquido precise cada vez de mais qualidade. Já existe, inclusive, a Instrução Normativa nº 62, do Ministério da Agricultura, que orienta sobre os padrões físico-químicos do leite e que estão em consonância com a avaliação feita pelo nosso equipamento", justifica Victor Martins.

Para desenvolver o equipamento, foram investidos R$ 331 mil pelo Tecnova-CE. "O poder público é um grande interessado nesta qualidade e nada mais justo que participarmos de um edital que fomenta o desenvolvimento da tecnologia também no setor pecuário", enfatiza.

Com a expansão do programa cearense Cinturão Digital, de acesso à banda larga, e de outras redes sem fio no interior, o acesso aos resultados obtidos a partir da verificação do equipamento será facilitado. O custo médio para aquisição do equipamento será de R$ 800,00.

Sobre o Tecnova-CE

Em sua primeira etapa, o Tecnova cearense contou com recursos da ordem de R$ 15.593.075,36 oriundos da Finep e do governo estadual, sendo R$ 13.500.000,00 para apoio às empresas e o restante para a gestão do projeto. Foram submetidos 168 projetos e 60 empresas foram recomendadas para desenvolvimento de seus projetos inovadores com demanda de R$ 27.490.957,60.

Foram liberados mais R$ 3.381.030,00 para aporte voluntário ao programa em 2015. Com esse recurso, sete novas empresas serão atendidas, totalizando 35 empresas beneficiadas nos setores de Agronegócio, Eletrometalmecânica e Materiais, Petróleo e Gás, Têxtil e Confecção, além de Couro e Calçado, Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e Biotecnologia.

O Tecnova-CE conta com a parceria da Fundação de Apoio a Serviços, Ensino e Fomento a Pesquisas (Fundação Astef), da Rede de Incubadoras do Ceará (RIC) e da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

 

Cynthia Cardoso
Assessora de Imprensa da Secretaria de Ciência, Tecnologia

Cineteatro São Luiz apresenta filmes e curtas cearenses em sessões especiais

 

Milagre2A segunda semana de agosto no Cineteatro São Luiz, equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, traz nesta quinta-feira (13), às 15h, sessão especial em homengem aos 50 anos de Antonieta Noronha nas artes, com a exibição do longa “Milagre em Juazeiro”, de Wolney Oliveira. O filme integra a programação realizada de 8 a 15 de agosto, pela classe artística em Homenagem  à atriz que dos seus 79 anos de vida, 50 foram dedicados a arte de representar. Ambientado em Juazeiro do Norte, 1889, o longa-metragem, tem classificação livre e reconstitui o fenômeno em que durante a missa, Padre Cícero preside a cerimônia de comunhão. Ao dar a comunhão a Maria de Araújo, a hóstia se transforma em sangue na boca da beata.

Os curtas-metragens de diretores cearenses também são destaque no São Luiz em agosto sendo rodados sempre antes dos longas, de 12h30 às 14h. Nesta quinta-feira (13), às 12h30, o Café com Curtas que exibirá “A Rabeca”, filme de 2013, dirigido por Irene Bandeira. O Curta com classificação indicativa de 12 anos, destaca uma noite, um escritor e a quebra de seu bloqueio criativo. Na sequência, teremos o “Balada do guarda-roupa”, curta dirigido por Diego Akel, em 2012, com classificação livre, em interpretação animada sobre a música jazz-folk-swing-cigana da banda The Underscore Orkestra. Classificação Indicativa: 12 anos. Outro curta que será apresentado nesta quinta (13), é o “Estados Alterados”, que leva direção de Ives Albuquerque. O documentário, com classificação indicativa de 12 anos, aborda as políticas públicas sobre drogas entre Brasil e Portugal.

RacossadoOs grandes filmes que já passaram pela tela do São Luiz, entram nesta semana com novas exibições em cópias restauradas na sessão “Nossos Clássicos”, dias 13, 14, 15 e 16 de agosto, que exibirá às 18h, o filme Acossado, do diretor Jean-Luc Godard. O longa francês, de 1960, possui classificação indicativa de 14 anos, legendado. Em cena um homem rouba um carro e mata um policial antes de seguir para Paris. Lá, ele se esconde na casa de uma mulher, que tem o desejo de ser engravidada por ele. Quando ele perde a consciência e comete alguns pequenos delitos, dá também a brecha para os policiais o acharem e darem início a sua perseguição final. Com Jean-Paul Belmondo, Jean Seberg, Jean-Pierre Melville.

Nesta sexta-feira (14), às 12h30, o Café com Curtas apresenta o “Tempo Branco”. Dirigido por David Aguiar e Sabina Colares, o filme de 2013 possui classificação indicativa livre, e será seguido pelo curta “Esaú - o contador de história”, dirigido por André Dias. O filme conta a história de um garoto catador de lixo que, enquanto todos dormem, embarca em uma fantástica aventura acompanhado de um boneco que encontrou na rua. O curta, Couro Tecido, dirigido por Adriana Botelho apresenta o ofício do couro por dois mestres: Espedito Seleiro e Luís dos Couros.

Rcasa grande 2O longa-metragem “Casa Grande”, de Fellipe Barbosa, traz no enredo Jean, um adolescente rico que luta para escapar da superproteção dos pais, secretamente falidos. Quando o motorista de longa data é demitido, Jean tem a tão sonhada chance de pegar o ônibus público pela primeira vez. No ônibus, ele conhece Luiza, uma aluna da rede pública que começa a abrir seus olhos para as contradições de dentro e fora da casa grande. O filme será exibido nos dias 14 e 15 de agosto, sexta e sábado, às 15h, e tem no elenco Bruna Amaya, Clarissa Pinheiro, Georgiana Góes, Marcello Novaes, Suzana Pires, Thales Cavalcanti.

Sábado: manhã e tarde para público Infanto Juvenil

No sábado (15), às 11h, será a última oportunidade para conferir com a criançada o filme “Minions”, de Chris Renaud, no Cineteatro São Luiz. Na próxima semana, a Idearte Produções apresenta “O maior show infantil do ano”, dias 22 e 23 de agosto, sábado e domingo, às 16h.

500 alunos do Curso Projovem Urbano, ligados à Secretaria da Juventude de Fortaleza, irão conferir às 15h, o longa Casa Grande.

Os ingressos para o cinema estão à venda na bilheteria física (Rua Major Facundo, 500. Praça do Ferreira). Aberta de terça a domingo, das 11h às 18h30, ou até o horário de início de filmes e espetáculos.

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado - Casa Civil

Protesto contra a Transnordestina

[NREGIONAL - 4]  DIARIO/NREGIONAL/1_MATERIAL<NREG04> ... 13/08/15

Iguatu Moradores do distrito de José de Alencar, zona rural deste município, na região Centro-Sul do Ceará, realizaram na manhã de ontem uma manifestação contra as obras de construção da Ferrovia Transnordestina. Os serviços foram paralisados por duas horas. As famílias apresentaram várias reivindicações. A principal é a manutenção do acesso por antiga estrada vicinal para diversas localidades.

O protesto foi organizado pelo Movimento dos Atingidos pela Ferrovia Transnordestina no distrito de Alencar (Mata) e contou com cerca de uma centena de participantes. "Não podemos aceitar o fechamento da estrada que é antiga e dá acesso a dezenas de localidades", disse o agrônomo Paulo Maciel, diretor do Instituto Rio Jaguaribe. "Além desse problema, a obra apresenta impactos ambientais, sociais e econômicos, atingindo as famílias de pequenos agricultores".

O pequeno produtor rural, Pedro Braz, disse que a obra de implantação da Ferrovia Transnordestina modifica de forma intensa a paisagem rural de várias localidades. "As nossas terras são pequenas e foram divididas ao meio, ficamos sem acesso às fontes de água e com dificuldades de trânsito na propriedade e para outros sítios", afirmou. "Muitos estão prejudicados e sem a estrada principal a situação fica mais complicada".

Moradores das localidades de Cajá, Logradouro, Várzea de Fora, Junco, Croatá, Várzea Grande, Aroeira, além de representantes do Instituto Rio Jaguaribe, da Câmara de Vereadores e da secretaria de Agricultura do município participaram do ato público. "Somos solidários aos moradores que temem pela perda da estrada que dá acesso a várias comunidades rurais", frisou o vereador, Pedro Lavor. Outro integrante do legislativo municipal, Antônio do Carmo, disse esperar que a empresa responsável pela obra atenda às reivindicações dos moradores.

"Infelizmente, o governo faz um projeto enorme e em vez de ajudar os moradores dos sítios, traz prejuízo para todos nós", disse o agricultor Luís Oliveira. "Sem essa estrada, todos serão prejudicados". O temor dos moradores é que a partir da implantação da ferrovia ocorra a perda do acesso antigo de ligação entre as localidades por meio de uma estrada de terra (vicinal), obrigando-os a trafegar cerca de 20 km a mais. "Se isso ocorrer será uma injustiça", disse a dona de casa, Ana Cláudia Braz.

O Movimento dos Atingidos pela Ferrovia Transnordestina em Alencar relacionou 12 problemas que seriam causados pela obra. Os principais referem-se à intensa poeira provocada pelo tráfego de veículos pesados, destruição das estradas vicinais, fuga e perda de animais, risco de acidentes, divisão dos terrenos, dificuldades de produção, desvalorização das propriedades rurais (maioria minifúndios), impedimento de trânsito de animais de um lado para outro das áreas de pastejo, risco de inundação, quebra de tubulações de água, baixo preço pago pelas desapropriações e questões ambientais.

O agrônomo Paulo Maciel mostrou que a obra vai ocasionar afugentamento e impedimento da movimentação da fauna natural; desmatamento de espécies arbustivo-arbóreas da caatinga; modificação dos cursos naturais de riachos e córregos, além de barramento de várzeas. Representantes da Transnordestina Logística e da empresa responsável pela obra, construtora Marquise, asseguram que a estrada não será bloqueada permanentemente. "Será feito um desvio de cerca de 300 metros e implantada uma passagem de nível", informou o engenheiro da Transnordestina Logística e fiscal da obra, Fábio José da Vitória e Silva. "Temos de observar a segurança operacional da via".

A assistente social da Tatyana Sampaio permaneceu reunida com os moradores atingidos pela obra para colher de cada um as queixas e solicitações, na sede da Associação Comunitária local. "Temos um programa de apoio às famílias atingidas pela obra, que analisa a desapropriação, impactos causados e procura minimizar os efeitos".

O encarregado geral da construtora Marquise, responsável pela obra, Naasson Rebouças, disse que a empresa está atenta às reclamações dos moradores e que algumas medidas já foram implantadas nos últimos meses como o desvio de tráfego de caçambas para reduzir a poeira, conserto de tubulação de distribuição de água para as casas, além de assegurar que o desvio será feito, garantindo o acesso dos moradores às suas localidades. A via férrea tem uma área de domínio de 80 metros de largura. Terrenos são cortados ao meio, há escavações e aterros de até 12 metros de altura, modificando a geografia da área rural.

A Ferrovia Transnordestina gera centenas de empregos temporários, trazendo benefícios diretos para várias famílias oriundas de outras cidades e de moradores locais, mas vai deixar uma mudança definitiva na paisagem do sertão cearense. "O trem vai trafegar em alta velocidade, sem deixar riqueza no semiárido, interligando portos e centros industrializados", observa Maciel. No Ceará, o projeto prevê a construção de 150 km no trecho entre as cidades de Missão Velha e Acopiara. Serão 526 km de estrada de ferro.

Honório Barbosa
Colaborador

Diario do Nordeste - Regional

Risco de colapso d'água até o fim do mês em 25 cidades

agua2

Iguatu. Nos centros urbanos de dezenas de municípios do Interior, a crise hídrica vem se agravando. Em pelo menos 25 cidades há risco de colapso no sistema de abastecimento de água até o fim deste mês e outras 13 enfrentam quadro semelhante no decorrer do segundo semestre. A alternativa encontrada pelo governo tem sido a perfuração de poços profundos nas ruas dos bairros.

As paisagens urbanas das cidades do sertão estão se modificando. Em praças, nas ruas e calçadas poços profundos são perfurados em uma ação emergencial para socorrer os moradores com abastecimento de água. Outros poços passam por limpeza e são reativados. A água oriunda do subsolo é interligada aos sistemas de tratamento e distribuição da Cagece (Estado) ou do SAAE (autarquias municipais).

No decorrer dos próximos meses, as temperaturas mais elevadas voltam a atingir o sertão. A demanda por água aumenta. A evaporação é mais intensa causando redução drástica no nível dos reservatórios, que já estão em situação crítica. "A crise atual no abastecimento de água de áreas urbanas na dimensão que enfrentamos é um fato novo, por isso estamos acelerando mais a perfuração de poços profundos", explicou o titular da Secretaria de Recursos Hídricos, Francisco Teixeira.

A perfuração de poços profundos é a alternativa atual, considerada mais viável. Na verdade, trata-se de uma ação emergencial e desesperadora, em busca de água nas fendas de rochas, pois mais de 80% do subsolo do sertão são de embasamento cristalino, que apresenta baixa vazão e água salgada. "Procuramos água nas fissuras e essa tem sido a salvação", disse Francisco Teixeira. "O índice de perda de poço (seco) é de 30%".

[NREGIONAL - 1]  DIARIO/NREGIONAL/1_MATERIAL<NREG01> ... 13/08/15Alternativas

A perspectiva para 2016 não é favorável. Caso as condições atuais permaneçam, o próximo ano deverá registrar chuvas abaixo da média, sem recarga na maioria dos reservatórios. Resultado: a situação tende a se agravar no sertão cearense. Sem água nos açudes, as adutoras são alternativas que vão se esgotar. "O governo anterior fez 700 km e vamos fazer 150 km de adutora, pois é uma solução ainda necessária e o tempo mostrou que foi viável", analisa Teixeira.

Neste ano, serão instaladas quatro Adutoras de Montagem Rápida para evitar o colapso no abastecimento das cidades de Arneiroz, Independência, Ibicuitinga e Quixeramobim. Serão investidos nessas obras cerca de R$ 49 milhões.

O foco agora serão os poços profundos. Além da perfuração, é preciso instalar centenas deles, a maioria na zona rural. As unidades aguardam instalação de equipamentos (motores e bombas) e da rede elétrica para o devido funcionamento, isto é, retirada de água do subsolo e atendimento às famílias por meio de chafarizes.

"A nossa meta é instalarmos dois mil sistemas de abastecimento por meio de poços profundos e 220 dessalinizadores", adiantou Teixeira. "Vamos fazer pregão eletrônico, ata de registro de preço e buscar parceria, adesão das prefeituras e de outros órgãos públicos".

No geral, o Ceará enfrenta o quarto ano seguido de chuvas abaixo da média. Entretanto, nas regiões dos Inhamuns, Sertões de Crateús e parte do Sertão Central já são seis anos com pluviometria irregular e reduzida. "Nessas áreas já podemos falar de seis anos seguidos de seca", observa Teixeira. "Neste ano, tivemos a menor recarga desde 1998", disse.

A perfuração de poços profundos nos centros urbanos e nas áreas rurais foi ampliada. Essa foi a solução encontrada em caráter emergencial mediante a redução do volume de água nos reservatórios. "Precisamos agir com rapidez, caso contrário cerca de 30 cidades vão entrar em colapso no abastecimento de água neste ou no próximo mês", observa o superintendente adjunto da Superintendência de Obras Hidráulicas (Sohidra), Wanderlei Guimarães.

Nos últimos três anos, o governo vem investindo na perfuração de poços profundos, no Interior do Ceará. Essa era uma reclamação antiga das lideranças políticas do sertão. Somente pela Sohidra, em 2011, foram perfurados 214 poços; em 2012, foram 261 e em 2013, 336. Em 2014, a quantidade aumentou para 594. "Neste ano, já perfuramos 410 e a meta até dezembro é chegarmos a 800", disse Guimarães.

A Sohidra dispõe agora de 11 máquinas perfuratrizes. O custo médio de um poço instalado é de R$ 27 mil. De acordo com dados da Superintendência, de 410 poços perfurados, 120 não apresentaram vazão suficiente. "Temos situações privilegiadas, boas, com vazão de vinte mil litros por hora", frisou Guimarães.

No momento, as cidades de Boa Viagem e Quixeramobim, na região do Sertão Central, enfrentam situação crítica. Na primeira, foram perfurados 71 poços na área urbana, e na segunda, 47. Se não fosse essa ação, nesta semana, haveria colapso no sistema de distribuição de água para as famílias.

Em Quixeramobim, o Açude Fogareiro secou e a Barragem que leva o nome da cidade está no porão. "A captação chegou a última gota", observa Teixeira. "Os poços salvaram a cidade e até o fim do ano a adutora estará concluída". Para Teixeira, a perfuração de poços profundos significa 'tirar água de pedra'.

Honório Barbosa
Colaborador

Diario do Nordeste - Regiona

Brejo Santo vai receber o I Seminário Interdisciplina da UFCA

brejosanto_cidade

O Instituto de Formação de Educadores do Campus de Brejo Santo da Universidade Federal do Cariri realizará o I Seminário Interdisciplinar, no próximo dia 19, das 9h às 12h, no auditório da Escola Profissionalizante Balbina Viana Arrais. O tema do evento tratará sobre  "Interdisciplinaridade  na Formação de Professores".
A programação contará com a presença da professora da Universidade Federal do Pampa, Maristela Cortez Sawitski, que palestrará sobre "As diretrizes curriculares para a educação superior na formação de professores e as diretrizes para a educação básica: um enfoque interdisciplinar”.
Segundo a vice-diretora do Instituto de Formação de Educadores do Campus de Brejo Santo, Jacqueline Andrade, o seminário visa promover uma reflexão sobre o papel da instituição de ensino na formação dos professores. " É um seminário voltado para estudantes, professores, coordenadores pedagógicos e diretores da rede municipal e estadual. Será uma oportunidade de encontro entre aqueles que colaboram com a formação de professores nos variados âmbitos educacionais na região".
O evento é uma realização do Instituto de Fomração de Educadores da Universidade Federal do Cariri, em parceria com a Secretaria de Educação Básica do Município de Brejo Santo e a Direção da E.E.E.P. Balbina Viana Arraes. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 18 pela plataforma da UFCA. A comissão organizadora lembra que, no dia do seminário, também será possível efetuar a inscrição presencialmente.
(Site da UFCA)

Senai oferta 400 vagas em cursos profissionalizantes

senai_facebook

O Senai está ofertando 400 vagas em cursos profissionalizantes presenciais nesta segunda quinzena do mês de Agosto. As qualificações são nas áreas de Alimentos e Bebidas; Automação Industrial; Construção Civil; Eletroeletrônica; Energia; Logística; Meio Ambiente; Metalmecânica; Refrigeração e Climatização; Segurança do Trabalho; Tecnologia da Informação; Telecomunicações; Têxtil e Vestuário; Transporte. Os cursos acontecem em oito unidades do SENAI no Ceará, localizadas em Fortaleza, Horizonte, Maracanaú, Sobral e Juazeiro do Norte, nos turnos manhã, tarde e noite.
Os interessados (pessoas físicas e jurídicas) já podem reservar suas vagas nos cursos pelo telefone (85) 4009.6300 ou pelo endereço eletrônico http://www.senai-ce.org.br no link Cursos para Você. Os valores de um curso no SENAI variam de acordo com a área escolhida e a carga horária.

flavio pinto

Servidores do IFCE declaram apoio à greve nas universidades federais

apoiogreveO Sindicato dos Servidores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (SINDSIFCE) manifesta seu apoio à comunidade acadêmica das Universidades Federais cearenses, pela decisão de entrar em greve, deliberação tomada de forma democrática e participativa, na forma de plebiscito que durou dois dias e teve o resultado conhecido na noite desta quarta-feira, 12/8.
Infelizmente, a realidade vivenciada pelo IFCE e pelas universidades é negativamente semelhante. Ameaça a direitos historicamente conquistados, falta de mecanismos de efetiva participação da comunidade acadêmica nos processos decisórios, realidade de defasagem salarial, luta por reposição salarial (não por reajuste), dificuldades de pessoal e de infraestrutura.
Os servidores do IFCE, em greve desde o dia 23/7, na luta por pautas de reivindicação gerais e específicas, locais e nacionais, prestam seu apoio aos colegas da UFC, da UFCA e da Unilab, parabenizando-os pela disposição para lutar pela causa maior, da defesa da educação pública em nosso País. E convidam, desde já, os professores e técnicos da UFC a unificar a luta, promovendo inclusive atividades conjuntas entre os respectivos Comandos de Greve, para esclarecimento da sociedade e engajamento cada vez maior na mobilização em defesa da educação pública, gratuita e de qualidade.

flavio pinto

STF julga hoje porte de droga para consumo próprio

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) julgará nesta quinta-feira, 13, uma ação que pode resultar na descriminalização das drogas para consumo próprio. Os ministros analisam a constitucionalidade do artigo 28 da Lei n. º 11.343, de 2006.

O recurso chegou ao Supremo em 2011 e tem repercussão geral, ou seja, servirá como base para decisões em casos semelhantes em todos os tribunais do País. A ação, proposta pela Defensoria do Estado de São Paulo, contesta uma decisão do Juizado Especial Cível de Diadema, na Grande São Paulo. A Justiça manteve a condenação de uma pessoa por portar 3 gramas de maconha. A argumentação apresentada pela Defensoria é de que o artigo 28 da Lei de Drogas "viola o princípio da intimidade e da vida privada" e é, portanto, inconstitucional.

O ministro Luís Roberto Barroso, do STF, classifica o julgamento como "um debate muito importante, que vai ter influência na definição da política de drogas no País". Contudo, o magistrado ponderou que este "não é um debate juridicamente fácil nem moralmente barato, mas precisa ser feito".

Barroso avalia que a abrangência da decisão dependerá da forma como o caso será apresentado ao colegiado pelo ministro relator, Gilmar Mendes. Caberá ao relator definir se a decisão valerá apenas para maconha - o caso concreto - ou para todo tipo de drogas ilícitas. Além disso, Barroso pondera que existem duas questões possíveis: "primeiramente saber se é constitucional ou não criminalizar o consumo de maconha"; e a segunda questão é "se é possível avançar num critério objetivo para que se distinguir o que seja consumo do que seja tráfico".

Na visão do ministro Marco Aurélio Mello, o problema de drogas deveria ser tratado do ponto de vista de saúde pública e não penal. Ele considera que a análise será restrita à questão sobre uso pessoal de drogas ser ou não crime. "Não dá para nós definirmos neste julgamento quem é usuário e quem é traficante", comentou. Para ele, essa distinção tem de ser feita caso a caso pelo juiz.

Para o ex-presidente nacional da Ordem dos Advogados Brasileiros (OAB) Cézar Britto, embora a quantidade de droga que define usuário e traficante devesse estar presente em lei, ou seja, uma atribuição do Legislativo, o STF poderá modular o resultado, prevendo um limite para que uma pessoa seja considerada usuária. Já para o professor de Direito Penal da Fundação Getulio Vargas (FGV) Thiago Bottino, o ideal seria fixar quantidades. "A maior parte das legislações internacionais diferencia usuário de traficante na quantidade."

Saúde

Especialistas da área da Saúde divergem sobre a questão. Presidente da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), Antonio Geraldo da Silva afirma que, caso o Supremo decida descriminalizar o porte de drogas, o número de dependentes químicos no País, hoje na casa dos 20 milhões, vai aumentar. "Como médicos, nós não podemos ser favoráveis à facilitação do acesso a nenhuma substância que pode provocar uma doença", defende ele.

No caminho contrário, um grupo de pesquisadores das mais diversas áreas da Saúde e do Direito, reunidos por iniciativa do Instituto Igarapé, firmaram um documento em que defendem a descriminalização do porte de entorpecentes e propõem quais seriam as quantidades de drogas que diferenciariam um usuário de um traficante. "Não vejo nenhum sentido, nem prático nem ético, em criminalizar o usuário. Ele deve ser tratado pela Saúde, não pela Justiça penal", afirma Francisco Inácio Bastos, médico e pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), um dos signatários. (colaboraram Beatriz Bulla e Fabiana Cambricoli) As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Estadão Conteúdo

Extremistas do Estado Islâmico teriam data para tentar matar a rainha Elizabeth

elizabeth


Depois do papa Francisco, o Estado Islâmico encontrou outro alvo para tentar apavorar o Ocidente: a rainha Elizabeth, do Reino Unido. O atentado ocorreria no próximo sábado, quando os britânicos irão às ruas para comemorar os 70 anos do fim da Segunda Guerra.
Segundo as fontes ouvidas pelo jornal Daily Mail, a rainha foi alvo de uma ameaça bastante específica — o que aumentou o senso de urgência para mudar os esquemas de segurança —, mas toda a família real estaria na mira dos jihadistas. Isso porque todos estarão reunidos com mil veteranos de guerra e o premiê David Cameron.
O relatório citado pelo Daily Mail ainda afirma que o ataque seria realizado por terroristas britânicos que deixaram o país, treinaram na Síria e retornaram ao Reino Unido para esta data. Até o momento, o Palácio de Buckingham se negou a comentar as notícias.
A informação dos alvos foi ainda reiterada pela rede Sky News, que passou quatro meses conversando com um terrorista do EI. Através de um perfil falso, ele conversou com o jihadista e obteve a informação de que há um número de potenciais extremistas no Reino Unido.
Mesmo sem os comentários de Buckingham, a polícia britânica reconhece há meses que o país enfrenta ameaças reais de terrorismo.

Por Redação Yahoo! Brasil


Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30