xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 07/08/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

07 agosto 2015

Akira Kurosawa - Por: Emerson Monteiro

Na época das sessões das quatro dos Cines Cassino e Moderno, em Crato, imaginar o dia em que pudéssemos alugar fitas, ou DVDs, e trazer em casa isso nada mais seria do que sonho fantasioso, coisa de mentes férteis quais a de Júlio Verne, modelo de ficção daquela época, anos 60 e 70, não tão distantes assim, mas que o tempo encobriu debaixo das cinzas televisivas do mau gosto e das novelas.

Hoje, contudo, ficou rotineiro passar numa locadora e escolher, entre milhares, os filmes de preferência e levá-los para assistir em casa, numa mágica propiciada pela tecnologia, chance de conhecer obras raras dos melhores diretores, o que ocorria apenas por coincidência de oportunidades, no passado.

Quem curte cinema de autor, jeito como denominam os filmes de arte, por exemplo, pode bem usufruir as criações dos diretores excepcionais, aqueles que utilizam com maestria a linguagem sob preocupações estéticas de refinado gosto.

Desses, merecem destaque alguns nomes: Ingmar Bergman, Louis Buñuel, François Truffaut, Michelangelo Antonioni, Vitório de Sica, Pier Paolo Pasolini, Jean Luc Godard, Glauber Rocha, Frederico Felini e Akira Kurosawa, numa amostra rápida.

É a propósito desse derradeiro diretor que queremos agora tecer algumas considerações: Akira Kurosawa estreou no cinema em 1942, com o filme Sugata Sanchiro. Conhecido no Ocidente através do filme Rashomon, com ele ganhou o Leão de Ouro no Festival de Veneza de 1951. Recebeu também um Leão de Prata, por Os sete samurais, a Palma de Ouro, do Festival de Cannes, por Kagemusha, a sombra do samurai; dois oscars, por Rashomon e Dersu Uzala; e mais um prêmio especial da academia que lhe foi conferido em 1990, por dois admiradores declarados - os cineastas Steven Spielberg e George Lucas. 

Ao longo de sua carreira, tanto nos filmes de época (histórias de samurais), quanto nos que se desenrolam no Japão contemporâneo, o cinema de Kurosawa visa o desenvolvimento de uma consciência individual, o que um crítico, Donald Ritchie, chama de descoberta ou revelação da personalidade. 

Kurosawa em momento algum renega suas origens japonesas, mas também aprecia o faroeste americano e a literatura russa clássica de Máximo Gorki e Dostoievski, os quais, junto de Shakespeare (Trono machado de sangue, baseado em Macbeth, e Ran, adaptado de Rei Lear), acham-se entre os autores que adaptou para a tela. 

Porém há um filme de Kurosawa que consideramos sua obra-prima, Sonhos, encontrado fácil nas locadoras, onde narra oito histórias de seus sonhos, numa interpretação fílmica da rara beleza plástica, inesquecíveis aos que se dispuserem a conhecer. Criador torturado pela forma e, por isso, quase sempre insatisfeito com o que produzia, chegou a afirmar certa vez: A perfeição é impossível, e seguiu pelejando para realizar o filme ideal. Seus trabalhos podem não raiar o perfeito absoluto, mas acham-se dentre o que de mais belo e denso existe no cinema mundial de todos os tempos.

Forças Armadas reforçarão segurança dos Jogos Olímpicos com 38 mil militares

forca_nacional

Cerca de 38 mil militares do Exército, da Marinha e da Aeronáutica vão reforçar a segurança dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016, informou hoje (7) o Ministério da Defesa. No Rio de Janeiro, serão mobilizados 20 mil homens, além de 18 mil militares em Brasília, Belo Horizonte, Manaus, Salvador e São Paulo, que receberão jogos de futebol.

A operação deve custar, ao todo, R$ 580 milhões, valor aplicado desde o ano passado, conforme o ministério. O custo total é menor que o gasto na Copa do Mundo de 2014 pela Defesa (R$ 709 milhões), já que algumas estruturas do torneio devem ser aproveitadas nas Olímpiadas.

“A Defesa é responsável pelo espaço aéreo, pelo espaço marítimo, pelas áreas contra terrorismo e pela área de controle de estruturas estratégicas – como energia e torres de transmissão, segurança cibernética”, explicou o chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, general José Carlos De Nardi. O policiamento nas ruas cabe à Polícia Militar.

Segundo o ministério, mais de 15 mil atletas de 205 países vão participar dos Jogos, que começam em agosto do ano que vem. A pasta diz que cerca de 100 autoridades estrangeiras deverão passar pelo Brasil durante os eventos.

As Forças Armadas vão atuar na segurança de 65 modalidades, 44 eventos-teste e quatro cerimônias. Também está previsto o monitoramento da passagem da tocha olímpica por 300 cidades do país, que vai começar em 3 de maio de 2016 e deve durar 100 dias.

De Nardi disse que não descarta a possibilidade de atentado terrorista durante os Jogos. “A minha grande preocupação é de um lobo solitário. Esse, nem os Estados Unidos conseguem interceptar. E a Olimpíada tem esse viés”, afirmou o general. Ele destacou a necessidade de integração entre a Polícia Federal, a Interpol e as forças de segurança de outros países para o sucesso dos Jogos.

“Pela experiência que nós temos dos grandes eventos, estamos em condições de fazer o melhor e termos a melhor Olimpíadas dos últimos tempos”, finalizou De Nadai.

Agência Brasil

Ministério Público Federal lança no Rio campanha contra a corrupção

mpf

O Ministério Público Federal (MPF) lançou hoje (7), no Rio, a campanha 10 Medidas Contra a Corrupção, que pretende recolher assinaturas em todo o país para apresentar ao Congresso um projeto de iniciativa popular contra a corrupção e a impunidade. A meta é recolher, até 2 de setembro, 500 mil assinaturas. São necessárias 1,5 milhão de assinaturas para apresentação do projeto.

A procuradora regional da República Mônica de Ré, coordenadora da campanha no estado, explicou que é preciso agilizar os processos dos crimes de corrupção, definindo penas maiores para esse tipo de crime.

“Como as penas são baixas, os réus acabam tendo uma série de benefícios. Eles cumprem geralmente em regime semi-aberto, aberto ou domiciliar, o que gera a cultura da impunidade. Nossa proposta é aumentar as penas para crime de corrupção e torná-lo crime hediondo, quando o valor da propina for superior a 100 salários mínimos.”

Para a também procuradora regional da República Silvana Batini, uma das raízes da corrupção está no sistema eleitoral, por meio de doações ilegais de campanha, seja do chamado caixa dois - de recursos não declarados - ou mesmo das doações legais, mas de origem criminosa.

“Entre as medidas propostas pelo MPF,  a mais importante é a criminalização do caixa dois. O caixa dois é muito difícil de ser imputado, de se obter uma condenação, porque ele não existe. Uma outra medida é colocar os partidos como corresponsáveis por esse ilícito. Hoje, um partido que viabiliza uma campanha indevidamente financiada não sofre punição, mas, na verdade, ele é o grande avalista da candidatura”, esclareceu Silvana, que já atuou como procuradora regional eleitoral.

Os dez temas da campanha contra a corrupção são Prevenção à corrupção, transparência e proteção à fonte de informação; Criminalização do enriquecimento ilícito de agentes públicos; Aumento das penas e crime hediondo para corrupção de altos valores; Aumento da eficiência e da justiça dos recursos no processo penal; Celeridade nas ações de improbidade administrativa; Reforma no sistema de prescrição penal; Ajustes nas nulidades penais; Responsabilização dos partidos políticos e criminalização do caixa 2; Prisão preventiva para evitar a dissipação do dinheiro desviado; Recuperação do lucro derivado do crime.

Para participar da campanha e baixar os formulários para recolher assinaturas, basta acessar o endereço eletrônico www.combateacorrupcao.mpf.mp.br.

Agência Brasil|

Autoridades eclesiásticas afirmam que 230 sequestrados pelo EI são cristãos

is

Os 230 sequestrados pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI) na cidade de Al Quariatain, na Síria, são cristãos, disse nesta sexta-feira à Agência Efe o arcebispo siríaco-ortodoxo da província de Homs, Silvanos Boutros al Nehme.

O responsável eclesiástico destacou que a maioria dos reféns são civis siríaco-ortodoxos, embora haja também siríaco-católicos, e alegou que não se sabe nada deles desde o último dia 5.

"Não sabemos o que o EI quer fazer com eles, não pediram nada até o momento, e nunca tivemos contato com o Estado Islâmico", disse o arcebispo, acrescentando que entre os reféns há crianças, idosos e mulheres.

Mais cedo, o Observatório Sírio de Direitos Humanos informou que entre os 230 reféns havia entre 60 e 70 cristãos.

Segundo esta ONG, os terroristas islâmicos os capturaram com base em listas, mas não se sabe se elas apoiavam o governo do presidente Bashar al Assad.

Nehme afirmou que em Al Quaraitain e outras cidades da região vivem cerca de 300 famílias cristãs.

O EI tomou ontem o controle desta cidade da província de Homs, após confrontos com as forças do regime de Bashar al Assad. A cidade é importante porque fica perto da estrada que liga a parte oriental de Homs com o leste da região de Al Qalamoun, na periferia de Damasco.

O EI avançou em maio pelo leste de Homs, onde assumiu o controle de várias cidades, como Palmira, cujas ruínas estão incluídas na lista de Patrimônios da Humanidade da Unesco.

EFE

Refém consegue fugir de jihadistas que atacaram hotel no Mali

jihadistas

Ilustração

Um homem de nacionalidade ucraniana, que era feito refém por um grupo jihadista na cidade de Mopti, no Mali, conseguiu escapar nesta sexta-feira de um hotel em que estava em cárcere.

O Ministério das Relações Exteriores do páis do Leste Europeu, confirmou a presença do ucraniano no grupo de reféns, que ainda tinha um russo e dois sul-africanos, de acordo com órgãos malineses de segurança.

O governo do país africano confirmou a morte de cinco soldados e de dois terroristas, durante o ataque ocorrido pela manhã (hora local), no Hotel Byblos, no bairro de Sévaré, na periferia de Mopti, onde habitualmente ficam hospedados membros da missão da ONU no Mali.

A corporação internacional confirma que um de seus homens morreu no atentado. Além disso, autoridades locais garantem que sete terroristas foram detidos.

EFE

Explore a superfície de Marte com aplicações web da Nasa

marteap

A Nasa está usando a mesma aplicação para definir onde irá pousar um veículo em Marte daqui cinco anos

Gabriel Garcia, de INFO Online

São Paulo - Você sempre quis conhecer Marte, mas não conseguiu ser escolhido no processo de seleção da Mars One? Fique tranquilo: a Nasa lançou duas aplicações que colocam o usuário na superfície do planeta vermelho, usando apenas o navegador do computador.

A primeira delas, a Mars Trek, reúne os quase 50 anos de dados sobre Marte coletados pela agência espacial para criar uma visualização 3D da superfície do planeta vermelho, que pode ser explorada diretamente a partir do browser.

A Nasa está usando exatamente o mesmo programa para definir onde irá pousar seu próximo veículo que irá explorar o planeta vermelho a partir de 2020.

Os mesmos dados também serão usados no planejamento de uma missão tripulada ao planeta na próxima década.

Uma segunda aplicação, a Experience Curiosity, coloca os usuários no comando do rover Curiosity, que pousou em Marte em agosto de 2012.

O simulador permite que os usuários façam um passeio por Marte usando controles manuais e diversos ângulos de câmera registrados pelo explorador. Ambas as aplicações já estão no ar e são compatíveis com qualquer navegador.

"Usamos processamento 3-D pesado para fazer o Experience Curiosity funcionar em um browser", afirma Kevin Hussey, gerente de Aplicação e Desenvolvimento de Visualizações do Jet Propulsion Laboratory da Nasa.

"Qualquer um com acesso à internet poderá fazer uma jornada por Marte."

Exame

BC entra em ação e dólar fecha em queda

bc3

“Depois de se aproximar de R$ 3,60 no pregão de ontem (6), a moeda norte-americana caiu pela primeira vez em seis sessões, com o aumento da atuação do Banco Central (BC) no mercado de câmbio. O dólar comercial fechou nesta sexta-feira (7) vendido a R$ 3,508, com queda de R$ 0,029 (-0,83%).

De manhã, a moeda chegou a operar em alta, mas a tendência reverteu-se nas horas seguintes. Na mínima do dia, por volta das 11h50, o dólar chegou a ser vendido a R$ 3,497. Durante a tarde, o ritmo de queda diminuiu, mas a moeda continuou em baixa. A divisa acumula alta de 2,44% em agosto e de 31,95% no ano.

A cotação passou a cair depois que o BC aumentou a atuação no mercado cambial. Hoje, a autoridade monetária leiloou 11 mil contratos de swap cambial, quase o dobro dos 6 mil contratos leiloados nos últimos dias. O swap cambial funciona como uma venda de dólares no mercado futuro e ajuda a segurar a cotação do dólar porque transfere a procura pela moeda norte-americana do presente para o futuro.

O dólar começou a subir desde que a equipe econômica anunciou, há duas semanas, a redução para 0,15% do Produto Interno Bruto (PIB, soma das riquezas produzidas no país) da meta de superávit primário (economia para pagar os juros da dívida pública). Segundo economistas ouvidos pela Agência Brasil, a possibilidade de o país perder o grau de investimento das agências de classificação de risco tem pressionado o câmbio.

A cotação caiu mesmo com dados que mostram a recuperação da economia dos Estados Unidos. Hoje, o governo americano informou que a criação de postos de trabalho fora do setor agrícola em julho fez o nível de emprego no país voltar aos níveis de 2008, antes do estouro da bolha imobiliária que resultou na crise econômica global.”

(Agência Brasil)

Programa Minha Casa, Minha Vida terá manual de instruções para seleção de interessados

minhacasa

“O Ministério das Cidades apresentou o manual de instruções para a seleção de beneficiários do Minha Casa Minha Vida, no âmbito do Programa Nacional de Habitação Urbana. A iniciativa foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (7). Ação do governo federal está presente em mais de 900 municípios com população acima de 50 mil habitantes e é destinado a famílias com renda mensal bruta de até R$ 1,6 mil, cadastradas e indicadas pelos municípios participantes.

Para participar do programa, as prefeituras precisam firmar o termo de adesão com o ministério. Já as construtoras interessadas em participar do Minha Casa Minha Vida devem apresentar projeto aos entes públicos – no caso, estados, Distrito Federal e municípios – ou diretamente ao Banco do Brasil.

Manual

A publicação traz informações sobre como as operações relacionadas às cotas no Fundo de Arrendamento Residencial devem ser feitas. São apresentados também os critérios de seleção dos candidatos ao benefício, o que inclui, entre outros, os itens que definem o perfil de candidatos a residências financiadas por meio do programa.

O documento mostra como serão feitas a apresentação da relação dos candidatos e a verificação das informações apresentadas, bem como a publicação do resultado da seleção, além de descrever como as operações com recursos transferidos ao Fundo de Desenvolvimento Social devem ser feitas.

O programa financia imóveis populares para famílias de baixa renda, com subsídio de até 95% do valor. De acordo com o Ministério das Cidades, desde que foi criado, em 2009, o programa já beneficiou mais de 9,2 milhões de pessoas, com a entrega de 2,3 milhões de moradias em todo o País. Há, no momento, mais 1,5 milhão de residências em construção.

No dia 5 de agosto, a presidenta Dilma Rousseff anunciou que 3 milhões de unidades habitacionais serão contratadas na nova fase do programa, que tem início no dia 10 de setembro. Segundo ela, não há hipótese de o programa acabar em decorrência das dificuldades econômicas do País.”

(Agência Brasil)

Participação do pai no cuidar é importante para saúde da criança

hias_site_dia_dos_pais_

Pensou em cuidado com os filhos, logo vem à cabeça a imagem de uma mãe. Quando os filhos estão doentes, durante a hospitalização, elas estão alí, pertinho, em todos os momentos do tratamento. Mas quem disse que tem que ser assim, compromisso apenas do amor de mãe? Cuidar dos filhos é missão de quem ama. E esse amor é um conjunto de atitudes que proporcionam bem-estar e segurança. No Hospital Infantil Albert Sabin, da rede pública do Governo do Estado, há pais que assumem a paternidade no seu conceito mais puro e participam de todos os aspectos da vida dos filhos. São acompanhantes dos filhos.

“Eu sou pai e mãe”, assim diz o vigilante Aldair Ribeiro da Silva, 38, pai de Ana Sophia Ribeiro Moraes da Silva, 5, que faz tratamento de microcefalia e encefalopatia e há dois anos é assistida pela equipe multidisciplinar do Albert Sabin. O pai é cearense, mas morava no Macapá (AP), onde conheceu a mãe de Sophia e com ela teve duas filhas. Ana Sophia é a caçula e desde dezembro do ano 2013, ela e sua irmã vieram de mudança com ele para Fortaleza. “Depois que eu e a mãe delas nos separamos, larguei tudo para me dedicar à ela (Sophia). Eu concilio cuidar das minhas duas filhas”, fala.

Ana Sophia nasceu com baixo peso, de um parto cesário e prematuro. A necessidade de antecipar sua vinda ao mundo foi para garantir a sobrevivência dela e da mãe, que passava por complicações no pâncreas e na vesícula. Atualmente, enquanto se recupera de um procedimento cirúrgico, a menina é acompanhada pelo pai e a irmã mais velha está com a avó. Apesar do preconceito que às vezes encontra pelas ruas da cidade, pois a criança é cadeirante, das dificuldades financeiras e da saúde delicada da filha, Aldair considera-se um homem feliz, um pai realizado. “A paternidade ainda não é muito valorizada por causa do tabu para muitos pais e para a sociedade. A partir do momento que o pai se infiltra e se dedica à família, quebra esse tabu. Ele sente na pele o que é ser uma mãe, cuidar da criança, indo além do quesito financeiro”, afirma.

Com as limitações e os cuidados necessários para dar uma melhor qualidade de vida à Ana Sophia, Aldair abriu mão do conforto e passou a ser, além de provedor e protetor, o pai, a mãe, o amigo, o cuidador dela. Essa experiência tem transformado sua percepção e concepção a respeito da vida e da sociedade e renovado a esperança no coração dele. “A Sophia mudou muita coisa na minha vida. Eu bebia e parei de beber, mudei de religião… Com o nascimento da Sophia, eu vim ver que a vida com esses olhos de que a gente tem que participar. Nem sempre a estrutura financeira é tudo, mas a família é. Eu me sinto um pai muito realizado e muito feliz pelo apoio que o Hospital tem me dado, eu não teria condições”, declara.

Paternidade que protege e cuida em parceria

Na última quarta-feira, 5, o Hospital Albert Sabin celebrou o Dia dos Pais com os papais que dedicam o tempo deles a acompanharem seus filhos internados. A confraternização foi um café da manhã especial na Cidade da Criança, um dos projetos de humanização do Hias, e um bate-papo com os profissionais para compartilhar experiências, dificuldades e sonhos. Apesar do nervosismo de véspera da cirurgia do filho, Marcos da Silva Diniz, 28, não perdeu a oportunidade de celebrar junto com os demais. Tímido e com o semblante de preocupação, conseguiu trocar algumas palavras e preparar-se para o desafio do dia seguinte. Na quinta-feira, 6, ele era um dos pais que estavam aguardando alguma boa notícia vinda da sala de cirurgia, algo que confortasse os corações temerosos. “Sim, estou muito nervoso. Há uma hora ele está lá dentro”, comentou.

Cícero Antônio dos Santos Diniz, 7, é o “do meio”, como diz o pai, dentre os quatro filhos. Eles são de Barbalha e há 15 dias estão internados no Albert Sabin. Segundo Marcos, tudo começou com as constantes dores de cabeça, os vômitos persistentes e por fim, o desvio no olho esquerdo que surgiu de repente. Pai e mãe já procuravam ajuda médica para descobrirem o que o filho tinha. Logo depois de algumas consultas com diferentes especialistas e um exame de tomografia, foi descoberto que Cícero estava com um tumor cerebral. Então Marcos precisou dividir os cuidados com a esposa e acompanhar Cícero durante o tratamento, já que ela não poderia deixar o caçula de oito meses, que ainda depende do leite materno. “O pai tem que acompanhar, tem que se unir, não só esperar pela mãe. Às vezes, o pai só quer saber de trabalhar e não tem tempo para os filhos, e acontece uma coisa com eles e não sabe como fazer”, desabafa.

A psicóloga Eva Marinho, do Hospital Albert Sabin, explica que as responsabilidades bem divididas e cumpridas as devidas funções daqueles que desempenham seus papéis na família proporcionam equilíbrio emocional às crianças. De acordo com ela, é preciso desconstruir a imagem de que pai só provê e protege, não leva para vacinar, não dá banho nas crianças, não troca fraldas, não cuida como a mãe. A compreensão da parte deles nas tarefas domésticas e no cuidar dos filhos é fundamental para que essas crianças se tornem adultos saudáveis. O pai não só deve ajudar como participar efetivamente da criação dos filhos. “Toda família tem que ter responsabilidades, desde seus papéis como pai, mãe e filho, e tem que ocupar suas funções. A identidade materna e paterna provoca o equilíbrio emocional. O pai precisa estar perto com a mãe de onde os filhos estão, acompanhando-os”, ressalta.

Para Marcos, atuar na educação e no dia a dia dos quatro filhos não o deixou desprevenido quanto aos cuidados especiais que Cícero precisa nesse momento. Enquanto o menino recupera-se na Unidade de Terapia Intensiva do Hias, a esperança do pai brincar com ele e participar de suas próximas conquistas é renovada. “Eu sou muito próximo aos meus filhos, brinco com eles, saio com eles… Agora fiquei mais ainda”.

07.08.2015

Assessoria de Comunicação do Hias

Funcap seleciona bolsistas para atuarem na Funceme

funcap

A Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) lançou na última quarta-feira (5) o  Edital 08/2015 - Programa de Bolsas de Transferência Tecnológica (BTT) Funcap/Funceme. Essa modalidade de bolsa tem  entre seus objetivos apoiar atividades de difusão e transferência de conhecimentos científicos e tecnológicos que possam resultar em impactos positivos para o desenvolvimento econômico e social do estado. No total, será investido até R$ 1,4 milhão.

O objetivo da chamada é selecionar pesquisadores, profissionais e técnicos, com proficiência técnica e/ou científica, para  atuarem na Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), apoiando o desenvolvimento de  pesquisas nas áreas de Meteorologia, Recursos Hídricos, Agricultura, Meio Ambiente e Energia.

Os selecionados irão atuar apoiando o desenvolvimento de um dos seguintes projetos de pesquisa: "Projeto Tempo, Clima  e Impactos: Passado, Presente e Futuro"; "Projeto Água" e "Projeto Meio Ambiente". Os bolsistas selecionados serão  pagos com recursos da dotação orçamentária anual da Funceme. Os recursos financeiros estimados para 2015 são de R$ 120 mil.

Serão concedidas até 25 bolsas. Destas, 12 serão implementadas imediatamente após a divulgação do resultado do Edital. As outras 13 serão implementadas eventualmente, a depender do desenvolvimento do projeto e sob demanda institucional da Funceme, dentro do prazo de vigência do Edital.

A inscrição deverá ser encaminhada, obrigatoriamente, via internet, por intermédio do formulário disponível na Plataforma Montenegro (www.funcap.ce.gov.br). A documentação complementar impressa deve ser protocolada na sede da Funcap até o dia 11 de setembro.

Cronograma

Inscrições mediante o preenchimento de formulário eletrônico específico disponível na Plataforma Montenegro: do dia 6 de agosto ao dia 9 de setembro, das 8h às 17h;

Entrega da documentação complementar na sede da Funcap: do dia 6 de agosto ao dia 11 de setembro, das 8h às 17h;

Publicação do resultado do julgamento na página eletrônica da Funcap: 23 de setembro de 2015

Entrega dos documentos do bolsista e assinatura do Termo de Outorga na Funcap: no dias 28 e 29 de setembro, das 8h às 17h;

Primeiro mês da concessão: outubro de 2015.

Confira a tabela com os valores das Bolsas de Transferência Tecnológica
(BTT): http://montenegro.funcap.ce.gov.br/sugba/edital/211.pdf

Confira o edital: http://montenegro.funcap.ce.gov.br/sugba/edital/235.pdf


Assessoria de Comunicação da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap)
Telefone: (85) 3275-9629
www.funcap.ce.gov.br
Twitter: @FuncapCE

Antes de deixar o cargo de prefeito, Luiz Ivan exonerou mais 13 servidores da Prefeitura de Juazeiro do Norte

LuizIvan2

 

Luiz Ivan passou 45 dias como prefeito e deixou a marca da austeridade administrativa. (Foto: Flávio Pinto)

A edição de número 4.064 do Diário Oficial do Município de Juazeiro do Norte, desta quinta-feira (6), traz a exoneração de mais 13 servidores nomeados por portaria e/ou cargos comissionados. São 12 da Secretária de Educação (Seduc) e uma integrante da Assessoria da Comissão de Licitação da prefeitura. Com essas exonerações, sobe para 54 o número de servidores exonerados pelo prefeito interino Luiz Ivan Bezerra (PTB), que na mesma quinta-feira, voltou a ocupar o cargo de vice-prefeito, após Raimundão ser beneficiado na Justiça (STJ) com liminar suspendendo seu afastamento.
Em 30 de julho último, Luiz Ivan havia exonerado 41 servidores, cujo cargo havia duplicidade de servidores nomeados, e em outra situação, aqueles que recebiam sem trabalhar, ou seja, os considerados "fantasmas". Na mesma data, o prefeito interino havia anunciado que ao todo pretendia exonerar cerca de 200 servidores em situação irregular. A medida seria para ajustar as contas da prefeitura e dar melhor equilíbrio financeiro para os próximos meses.
Resta agora saber, quantos e quais serão aqueles servidores que podem ser ou não renomeados para voltar a seus cargos pelo prefeito Raimundo Macedo, que já retomou a administração municipal.
Até as 18 horas desta sexta-feira (7), a edição de número 4.065 do Diário Oficial do Município não havia sido publicada na página da Prefeitura de Juazeiro do Norte. Há expectativa de que outros servidores possam ter sido exonerados por Luiz Ivan, uma vez que, Raimundão só retomou efetivamente a administração nesta sexta.
A lista com os nomes dos 13 servidores exonerados está disponível na página do Diário Oficial do Município.

flavio pinto

Palácio da Abolição sedia lançamento do 'Pacto por um Ceará Pacífico'

cearapacifico2

O Palácio da Abolição sedia, neste momento, o lançamento do Pacto por um Ceará Pacífico, ação intersetorial na área de segurança pública inserida no âmbito do Plano de Governo “Sete Cearás”.

Na cerimônia, que conta com a presença do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, acontece a assinatura de uma série de ações e protocolos para a construção do Pacto por um Ceará Pacífico, como o Decreto que institui o programa, o Termo de Adesão e o Termo de Compromisso Social para a instalação do primeiro território de atuação, o bairro Vicente Pinzon, em Fortaleza. De mãos dadas com Camilo Santana e o secretariado do Governo, entram em ação parceiros como o Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, o Ministério Público, a Assembleia Legislativa, prefeitos e autoridades municipais, sociedade civil organizada e iniciativa privada.

As entidades integram o comitê permanente de acompanhamento, monitoramento e orientação das políticas públicas. A instância terá papel fundamental na "internalização" do planejamento participativo e no fortalecimento da cultura intersetorial. É uma estratégia concreta para melhorar os processos de tomadas de decisão, manter o foco na agenda construída publicamente e atingir os resultados programados sem desperdício de recursos.

"Desejo que abracemos essa questão da violência. Nós não vamos avançar se não houver a participação de todos. O importante é fazer algo focado nesse momento e envolvendo a comunidade. Se não fizermos contato direto com a comunidade, não funciona", disse o governador Camilo Santana.

Os “Sete Cearás”

O programa faz parte da elaboração do Plano de Governo pautado pelo diálogo com diversos segmentos da sociedade antes mesmo da posse de Camilo Santana. Um dos grandes momentos dessa construção em conjunto foi o Seminário de Validação e Consolidação das Propostas do Plano de Governo, realizado entre 2 e 4 de dezembro do ano passado. Na ocasião, 1.300 cidadãos debateram temas importantes para a gestão, validando e sintetizando propostas do documento preliminar; apontando ações para o primeiro ano e sugerindo as que compõem o Plano Plurianual.

Os debates deram vida, além do Ceará Pacífico, a outras seis linhas de atuação do Governo: o Ceará Sustentável, de Oportunidades, o Democrático, o Acolhedor, o do Conhecimento e o Saudável. Em todos está inserida a marca da intersetorialidade e participação ativa como a melhor forma de comprometer os indivíduos e governos com objetivos e resultados de interesse público.

O Ceará Pacífico

Coordenado pela vice-governadora Izolda Cela, o Ceará Pacífico abrange programas, projetos e ações voltadas para a prevenção da violência e redução da criminalidade. Com o objetivo de construir uma cultura de paz em todo o território cearense, vai operar a partir de políticas públicas interinstitucionais de prevenção social e segurança pública. A meta é a melhoria do contexto urbano, por meio de ações que possibilitem o monitoramento e a avaliação contínua da sociedade, criando as condições de acolhimento das populações mais vulneráveis e o enfrentamento da violência.

O eixo de atuação do Ceará Pacífico é a atuação integrada e compartilhada dos órgãos e entidades públicos estaduais, municipais e federais, junto da sociedade civil. O Pacto será realizado a partir de atividades conjuntas nas áreas de Segurança Pública e Defesa Social, Justiça e Cidadania, Direitos Humanos, Educação, Ciência e Tecnologia, Saúde, Politica sobre Drogas, Cultura, Esporte, Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente, e Juventude.

“Foi um compromisso meu abraçar e cuidar especialmente da segurança pública do Estado. Sei que é um trabalho árduo e difícil, mas temos esse grande desafio de enfrentarmos a questão da violência e garantir mais tranquilidade para o povo cearense. O Ceará é conhecido como 'Terra da Luz' e o meu desejo é que o nosso Estado também seja conhecido como 'Terra da Paz', pois nós somos conhecidos como um povo pacífico, trabalhador e acolhedor”, destaca Camilo Santana.

Timeline Ceara Pacifico - Portal-01

Serviço

Lançamento do Ceará Pacífico

Local: Palácio da Abolição (Rua Silva Paulet, 400, Meireles)

Quando: 7/8 (sexta-feira)

Horário: a partir das 10h

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil

Festival do Humor Cearense leva descontração para Iguatu

luanadocrato

O humor cearense é apresentado em todas as suas formas em sequência de eventos pelo Interior. O principal deles chega à 12ª edição. Durante quatro dias, o Festival de Humor Cearense faz, em Iguatu, um palco da descontração. Diversas atrações humorísticas animam as noites de 5 a 8 de agosto na unidade local do Serviço Social do Comércio (Sesc). O Cariri também traz evento para que não falte motivo para rir. Os festivais reafirmam a cearensidade.

O Festival de Humor Cearense chega à 12ª edição com atrações humorísticas numa programação, sempre à partir das 20 horas. O acesso às apresentações se dá com a doação de 1kg de alimento não-perecível.

O evento tem por objetivo promover o humor, a desconcentração, e estimular novos talentos. Durante a edição do Festival, o público confere as participações dos personagens Suricate Seboso (CE), Ronaldo e Cibalena (CE), Marlon Rossi (AL), Zé Lezim (PB) e outros humoristas na Mostra Competitiva. A apresentação fica por conta do personagem Zebrinha, interpretado por Jader Soares.

'Tom de todo jeito'

Também como parte da programação, que vai até o final de semana, fica em cartaz a exposição Tom de Todo Jeito, que faz homenagem ao humorista cearense Tom Cavalcante. A visitação acontece diariamente das 18h às 21h.

A mostra surgiu de uma homenagem do Museu do Humor Cearense. Nome nacionalmente conhecido e respeitado no rádio, na TV e no teatro, Tom Cavalcante teve exposição em seu louvor aberta no Dia Nacional do Humorista, em 12 de abril. Desde então, faz sucesso por onde passa.

No acervo, estão peças doadas pelo artista ao Museu do Humor Cearense, como figurinos originais de personagens do humorista, fita K7, CDs, DVDs, cartazes e ingressos de shows, além de fotos, reportagens antigas e atuais de jornais e revistas. Também há detalhes sobre a história do artista, como seu nascimento e início da carreira, contados em painéis.

Cariri Rir

O humor também é a tônica em Juazeiro do Norte, no Cariri, reunindo profissionais da risada na primeira edição do Cariri Rir. A programação, iniciada ontem, segue até a noite de hoje, a partir das 20 horas. Recebida com o apoio do Sesc, onde se apresenta, o festival é realizado pela Marmotas Produções e a participação de humoristas cearenses. A classificação indicativa é de 12 anos de idade. A entrada custa R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia), somada a um quilo de alimento não perecível.

Democratizar

O objetivo é descentralizar e democratizar o humor e descobrir novos talentos. Na edição, apresentam-se Luana do Crato, Damiana, Arrochadinha Bocão, Dona Fransquinha, Henrique Vidal, Tranquilino Ripuxado, Ícaro Brandão, Veia Cômica, Rafael Leite, Zé Golinho e Anderson Justos.

Na noite de ontem, o público conferiu o espetáculo de humor "Até que o humor nos separe" com os humoristas Luciano Lopes e Anderson Justos.

No palco, a vida a dois foi retratada com muita irreverência por recém-casados. A história conta a trajetória dos dois desde a primeira paquera, o primeiro beijo, a primeira noite, os familiares e os amigos.

Hoje, o humor fica por conta da Dona Fransquinha, Henrique Vidal, Ícaro Brandão, Rafael Leite, Zé Golinho e Veia Cômica.

Cinema gratuito

A partir de hoje, o Sesc realiza mais uma programação do Cine Sesc em Sobral. Sempre às 19 horas, as exibições acontecem, com acesso gratuito, nos dias 7, 14, 21 e 28 de agosto. Nesta sexta-feira, é exibido o drama "O médico alemão". Dirigido por Lucía Puenzo, o enredo traz a história de uma família argentina que atravessa a região desértica da Patagônia, em 1960. Classificação indicativa é de 12 anos.

Já no dia 14, o público confere "As férias do pequeno Nicolau" de Laurent Tirard. Ao terminar o ano letivo, Nicolau, seus pais e a avó viajam para o litoral com o objetivo de aproveitar ao máximo o verão. Na praia, o menino faz novos amigos e conhece uma garota, Isabelle, que ele acredita ser sua futura esposa. Classificação indicativa livre.

Na sequência, no dia 21, o público confere "Lunchbox", de Ritesh Batra. O Mumbai Dabbawallahs é um serviço de entrega de comida bastante conhecido em Mumbai, na Índia. Um dia, um erro na entrega faz com que uma pacata dona de casa conheça um homem que está na fase final de sua vida. Juntos eles criam um mundo de fantasia a partir de mensagens trocadas através das embalagens usadas pelo Mumbai Dabbawallahs. Classificação indicativa é de 12 anos de idade.

E encerrando a programação, no dia 28, a sessão acontece com a animação "O Congresso Futurista" de Ari Folman. Uma atriz em fim de carreira (Robin Wright) decide aceitar uma proposta inesperada: fazer uma versão digital de si mesma. Dimensões física e virtual se confundem ao longo da história, questionando o senso de realidade da narrativa. Classificação indicativa: livre.

Programação

12º Festival de Humor Cearense (FHC)

Dia 5/07

Suricate Seboso (CE)

Dia 6/07

Ronaldo e Cibalena (CE)

Dia 7/07

Marlon Rossi (AL)

Dia 8/08

Zé Lezim (PB)

De 5 a 8/08

Exposição Tom de Todo Jeito
1º Cariri Rir

Dia 6

- Espetáculo "Até que o humor nos separe" com Luana do Crato e Anderson Justos
- Apresentação de Arrochadinha Bocão, Damiana e Tranquilino Ripuxado

Dia 7

Apresentações de Dona Fransquinha, Henrique Vidal, Ícaro Brandão, Rafael Leite, Zé Golinho, Veia Cômica

Inscrições

Sesc Juazeiro do Norte
Entrada: R$20,00 (inteira); R$10,00 (meia) + 1kg de alimento não perecível
Classificação indicativa: 12 anos

Mais informações

Festival de Humor Cearense
Local: Unidade Iguatu do Sesc
Endereço:Rua Treze de Maio, 1130)
Data: 5 a 8/08
Horário: 20h
Entrada: 1kg de alimento não perecível
Informações: (88) 3581.1130

Diario do Nordeste - Regional

Centro Histórico de Barbalha quase pronto

chb

 

Centro Histórico passa por reformação em Barbalha. (Foto: Divulgação)

Em Barbalha, 19 ruas do Centro Histórico da cidade foram contempladas com a substituição das calçadas. Essa obra realizada pela Secretaria das Cidades do Estado em parceria com a Prefeitura de Barbalha, através do projeto Cidades do Cariri Central.
Foram contempladas com o projeto, as seguintes ruas: Rua 14 de Maio; Rua Padre Ibiapina; Rua da Umarizeira; Rua Neroly Filgueiras; Rua Edmundo Sá (antiga 15 de Novembro); Rua Totonho Filgueiras; Rua Pero Coelho; Rua da Matriz e Rua do Video. A empresa responsável pela obra foi a Justo Júnior.
O Centro Histórico foi totalmente requalificado com calçamentos em paralelepípedo rejuntado, e as calçadas, todas padronizadas com acessibilidade. Barbalha tem hoje um Centro Histórico totalmente requalificado, organizado e sinalizado, uma mobilidade urbana organizada, onde as pessoas trafegam com segurança.
A obra que padroniza as calçadas estar sendo concluída e, poderá ser inaugurada neste mês.
(Assessoria de Imprensa)

flavio pinto

Tailandês é condenado a 30 anos de prisão por ofender família real

thailandesA justiça da Tailândia condenou nesta sexta-feira um homem a 30 anos de prisão por mensagens publicadas no Facebook consideradas ofensivas à família real, uma das penas mais duras dos últimos anos.

Segundo o advogado de defesa, essa condenação bate um novo recorde de duração.

O homem, de 48 anos, foi condenado por ter postado seis mensagens e fotografias em setembro de 2013 e novembro de 2014.

Ele não poderá recorrer da sentença por esta ter sido ditada por um tribunal militar e pelas postagens terem sido feitas quando na Tailândia ainda estava vigente a lei marcial.

A família real tailandesa é protegida por uma das leis mais restritivas do mundo. O artigo 112 do código penal estabelece que qualquer pessoa que ofenda o rei, a rainha, seu herdeiro ou o regente enfrenta 15 anos de prisão para cada delito.

AFP

Figura misteriosa que lembra uma mulher aparece em foto de sonda que está em Marte

martem2

Reprodução
Há 3 anos a sonda Curiosity está explorando o território de Marte. E durante todo esse período o que temos visto é uma gama de fotos espetaculares do Planeta Vermelho. E um outro tanto considerável de imagens sem muita explicação.
Divulgada nesta quinta-feira (6), uma foto de Marte causou agitação na comunidade de astrólogos e ufologistas por supostamente apresentar uma formação que lembra uma mulher. A foto entra para a galeria de imagens polêmicas do nosso planeta vizinho.
Recentemente outras imagens feitas pela Curiosity despertaram debate sobre Marte. Em uma delas, era possível ver uma forma que lembrava bastante uma aranha. Em outra, uma formação rochosa parecia bastante uma pirâmide egípcia.
Em nenhum dos casos, porém, a Nasa se pronunciou para explicar as imagens, justificando apenas que se trata de território rochoso. A agência espacial dos Estados Unidos, porém, acredito que em até 30 anos o ser humano terá contato com algum tipo de vida extraterrestre.
Veja a imagem ampliada:
martemReprodução

Por Redação Yahoo! Brasil

Nem milagre econômico salva o PT, avalia Lula


São Paulo - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva avaliou na quarta-feira, 5, em reunião com deputados estaduais e dirigentes petistas, em São Paulo, que, ao contrário do escândalo do mensalão, em 2005, quando o bom desempenho da economia ajudou o PT a superar a tempestade e vencer a eleição do ano seguinte, os efeitos da Operação Lava Jato não poderiam ser suplantados nem por uma repentina e milagrosa melhora das finanças sob a gestão Dilma Rousseff. Conforme o cenário projetado pelo ex-presidente, a diferença é que, desta vez, existem indícios de enriquecimento pessoal dos envolvidos nos desvios da Petrobras, ao contrário do que ocorreu no mensalão, cujo objetivo, segundo Lula, era financiar o "projeto político" do PT. Lula se reuniu na quarta-feira com os 14 deputados estaduais do PT de São Paulo e os presidentes nacional e estadual do partido, Rui Falcão e Emídio de Souza, na sede do Instituto Lula, no Ipiranga, zona sul de São Paulo. Lula não citou nominalmente em momento algum o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, preso na segunda-feira pela Lava Jato sob suspeita de receber dinheiro desviado da Petrobras para pagar despesas pessoais como viagens de avião e reformas de imóveis. Os dois não se encontram pessoalmente desde antes da primeira prisão de Dirceu, pela condenação no processo do mensalão, em novembro de 2013. A fala de Lula, no entanto, foi interpretada como uma referência à prisão do ex-ministro. Participantes notaram diferenças em relação ao discurso de Lula antes da prisão do ex-ministro, quando o ex-presidente dizia que, se Dilma e a economia saíssem da crise, levantariam o PT.

Agora, ao contrário de 2005, Lula avalia que a economia pode reerguer o governo, mas não é suficiente para salvar o PT. O enriquecimento pessoal de envolvidos na Lava Jato diferencia o partido das demais legendas e o PT precisa de uma nova "narrativa" para explicar os desvios. Ainda segundo relatos, Lula chegou a dizer que confia nos companheiros presos, fez a ressalva de que é preciso provar as suspeitas de enriquecimento pessoal e reclamou várias vezes dos "vazamentos seletivos" contra o PT. Para o ex-presidente, diferentemente do mensalão, quando o até então insuspeito PT foi jogado na vala comum dos partidos que praticam caixa 2 eleitoral, a Lava Jato diferencia a sigla das demais legendas, o que dificulta a elaboração do discurso de defesa.

"Não entendo como pode o dinheiro da mesma empresa ser sujo para o PT e limpo para outros partidos. É como se tivessem dois caixas. Um para o PT e outro para o PSDB", disse Lula. Segundo participantes, Lula ouviu atentamente avaliações e sugestões de cada um dos convidados durante mais de uma hora e só então falou, por aproximadamente 20 minutos. "Ele está claramente em processo de consulta, procurando o discurso", afirmou um deputado. Apesar do tom "duro e cru" adotado em sua avaliação, nas palavras de um dos convidados, o ex-presidente também apontou sinais otimistas.

Economia

Para o ex-presidente, a recuperação da economia é uma "certeza absoluta" e pode ocorrer antes do que foi previsto inicialmente pelo próprio governo, a depender das condições internacionais. A recuperação da economia seria suficiente para afastar as ameaças imediatas contra Dilma - Lula também não usou a palavra impeachment - e garantir o término do mandato. O petista também fez uma análise positiva sobre o comportamento da presidente Dilma Rousseff diante da crise. Segundo ele, a presidente passou a dar mais atenção aos políticos, se abrindo ao diálogo e rompendo o isolamento que marcou o primeiro mandato dela. 

Fonte: Revista EXAME



Edições Anteriores:

Outubro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31