xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 23/04/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Em breve, estaremos de volta com as novas transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, alguns programas ao vivo ). O modelo será mais ou menos como no vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos em que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

23 abril 2015

Economia cearense tem alta de 2,7% no quarto trimestre de 2014

graficos-crescimento-positivo-seta

A economia cearense apresentou uma taxa de crescimento de 2,70%, no quarto trimestre de 2014, se comparado a igual período de 2013. O desempenho volta a ser, pela décima nona vez consecutiva, superior ao índice da economia brasileira, que registrou 0,3% no último trimestre de 2014. O Ceará fechou o ano de 2014 com um crescimento de 4,36%. Os números fazem parte do documento Boletim da Conjuntura Econômica Cearense – 4º Trimestre de 2014, elaborado pela equipe de técnica do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Estado do Ceará (IPECE), e apresentado à imprensa na tarde desta quinta-feira, dia 23/04, pelo diretor-geral da instituição, professor Flávio Ataliba. No documento, os técnicos apresentam análises dos cenários econômico internacional e nacional, que servem de parâmetros para o desempenho da atividade econômica estadual. Para Flávio Ataliba, o Boletim, com 60 páginas, é rico de informações e análises econômicas. “O interesse do Ipece é que esse trabalho sirva de consulta para setores empresariais, acadêmicos e demais interessados no assunto”, pontuou o Diretor-Geral do Instituto.  

Segundo dados do Boletim, o crescimento econômico mundial foi de 3,3% em 2014, de acordo com o Fundo Monetário Nacional (FMI). O resultado foi gerado, principalmente, pelo desempenho a economia americana, cuja expansão foi de 2,4%. Já a economia brasileira apresentou uma leve alta em 2014 (0,1%), o que acabou se configurando em um cenário de estagnação. É o mais baixo resultado para a economia nacional desde a crise internacional de 2009, quando foi registrado recuo de 0,2%. No quarto trimestre do ano, o crescimento foi de 0,3%, puxado pelo setor agropecuário, que cresceu 1,8%. O documento destaca ainda que a agropecuária cearense no ano de 2014 obteve ganhos e perdas, comportamento esse muito relacionado ao período de estiagem que vem ocorrendo em todo o Nordeste. Assim, a vantagem do período de chuva de 2014 sobre 2013 está relacionada a uma melhora da distribuição temporal, favorecendo assim a produção de algumas culturas temporárias desenvolvidas no Ceará. A indústria de transformação cearense voltou a apresentar resultados negativos no quarto trimestre de 2014, fechando com uma redução de 5,4% na produção quando comparada ao mesmo período de 2013, de acordo com o indicador de produção física da Pesquisa Industrial Mensal do IBGE. O resultado intensificou a queda já observada nos períodos anteriores e se constituiu no terceiro período seguido de retração neste tipo de comparação.

O resultado registrado no setor de serviços cearense no ano de 2014 mostrou um crescimento de 8,0%, inferior ao obtido no mesmo período do ano anterior (expansão de 13,0%). Por outro lado, o desempenho estadual foi superior ao registrado pelo país (6,0%), e superior ao observado nas principais economias do Nordeste, Bahia (7,0%) e Pernambuco (3,9%).

No varejo comum, os resultados do terceiro e quarto trimestres de 2014 das taxas de crescimento observadas ficaram abaixo daquelas registradas em igual período de 2013 confirmando, dessa forma, uma desaceleração no ritmo de vendas no varejo local. Todavia, não foi observada no varejo ampliado nenhuma queda trimestral ao longo do ano de 2014. A queda da renda real por conta da alta inflacionária e o menor nível de atividade econômica têm provocado uma dinâmica particular no mercado de trabalho tanto no país como no Ceará. De fato, em dezembro de 2013, a taxa de participação na RMF era de 56,8% da população acima de 10 anos, aumentando esse índice para 58,2% até dezembro de 2014, o que revela aumento do total de pessoas ocupadas e em busca de emprego.

No mercado formal, a economia cearense registrou um saldo positivo de 12.403 novos empregos com carteira assinada no quarto trimestre de 2014. Esse número foi metade do registrado no terceiro trimestre do mesmo ano e também inferior à criação de novos empregos no quarto trimestre de 2013, quando foram gerados 16.797 novos postos de trabalho com carteira assinada.

O saldo da balança comercial cearense totalizou um déficit de US$ 1,53 bilhão em 2014, mantendo a trajetória de saldo negativo dos últimos anos. Adicionalmente, com o movimento das exportações e importações, a corrente de comércio exterior do Ceará encerrou o ano de 2014 com o valor de US$ 4,47 bilhões, com retração de 5,28% frente ao ano de 2013. A queda das receitas orçamentárias observada no último trimestre de 2014 sinaliza para maiores restrições orçamentárias que o Estado deverá enfrentar no ano de 2015, cujas expectativas iniciais apontam para queda de receitas na arrecadação federal que, por consequência, deverão afetar os repasses do FPE para os estados.

 

Assessoria de Imprensa da Seplag

Dia da Polícia Civil é comemorado em solenidade no Palácio da Abolição

 

diadopoliciaoOs 48 anos da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) foram celebrados em solenidade presidida pelo governador Camilo Santana, nesta quinta-feira (23), no Palácio da Abolição. O evento comemorou ainda o Dia da Polícia Civil do Estado do Ceará, festejado a cada 21 de abril, e contou com a presença de cerca de 350 servidores da corporação, como delegados, escrivães e inspetores, além de autoridades da segurança pública cearense.
Durante a cerimônia, o governador Camilo Santana foi agraciado com a primeira Medalha do Mérito Policial Civil e a recebeu das mãos do Delegado Geral da Polícia Civil, Andrade Júnior, e do presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, Zezinho Albuquerque. Em seu discurso, o governador ressaltou o compromisso que assumiu de tratar pessoalmente dos assuntos relativos à segurança. “O que for possível fazer para melhorar as condições de trabalho dos servidores do Sistema de Segurança nós vamos fazer. Vamos traçar os caminhos necessários para melhorar a segurança pública o Ceará”, frisou.
Para o titular da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Delci Teixeira, “é uma honra muito grande trabalhar com policiais cearenses”. O secretário destacou os bons resultados já alcançados nestes primeiros meses de 2015. “Os policiais que estão dentro das viaturas e os que estão nas delegacias é quem devem ser parabenizados pela redução nos índices de criminalidade”, ressaltou.
O Delegado Geral afirmou que sua vontade era homenagear com a Medalha do Mérito Policial Civil todos os policiais que compõem a instituição. “Como não é possível, acredito que os homenageados de hoje representam o bom trabalho dos nossos policiais”.
Homenageado in memorian, o inspetor Tony Ítalo foi representado pela sua mãe Gláucia Lima. Tony Ítalo foi morto em janeiro, durante uma tentativa de assalto em Fortaleza. A medalha foi entregue pela primeira-dama do Estado, Onélia Maria Leite de Santana, acompanhada da Controladora Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública e Sistema Penitenciário do Estado do Ceará, Socorro França.
Durante sua fala, após agradecer ao governador por ter acompanhado a família no momento da perda do filho, Gláucia Lima lembrou o empenho de Ítalo com a profissão que abraçou. “Eu não poderia deixar de parabenizar cada um de vocês por essa profissão tão difícil”, frisou.
Fotos: Tiago Stille

Assessoria de Comunicação da SSPDS

Cresce a proporção de empregados domésticos com carteira assinada

emprego2

Se por um lado a proporção de empregados domésticos com carteira assinada na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) cresceu de 14%, em 2009, para 23,3%, em 2014, por outro lado percebe-se a redução da participação dos serviços domésticos no total de ocupados na RMF, que atingiu 6,6%, o menor valor já registrado na série, iniciada em 2009.

Os dados são da pesquisa "O Emprego Doméstico na Região Metropolitana de Fortaleza", divulgada nesta quinta-feira (23), pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho e do Desenvolvimento Social (STDS) e do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT), em parceria com o Dieese e a Fundação Seade.

O documento mostra que a expansão do registro em carteira ocorreu com maior intensidade nos últimos dois anos, fato que pode estar associado aos avanços da legislação trabalhista nesse período, com destaque para a aprovação da Emenda Constitucional nº 72, em 2013, responsável por assegurar os direitos dos empregados domésticos com relação ao salário mínimo, da extensão das jornadas de trabalho, do pagamento de horas extras, dentre outros.

Entretanto, na contramão desse indicador, o número de empregadas domésticas sem carteira assinada continua bastante expressivo na região (44,9%), mesmo com os sucessivos declínios desse tipo de vínculo laboral ao longo desse período. Destaca-se que a maior proporção de domésticas sem carteira assinada está nas regiões metropolitanas de Recife (26,6%), Salvador (40,2%) e, principalmente, Fortaleza (44,9%), quando comparadas ao registrado nos mercados metropolitanos de Porto Alegre (19,9%) e São Paulo (20,3%), aos quais se têm informações disponíveis para o ano de 2014.

"Os dados da pesquisa mostram claramente que a maioria dos profissionais não conta com proteção social e trabalhista e que eles estão expostos aos riscos das doenças ocupacionais, dos acidentes de trabalho e do desemprego, o que torna relevante que existam maiores incentivos para formalização desses trabalhadores", analisa o presidente do IDT, Gilvan Mendes.

Jornadas de trabalho
Em relação à jornada de trabalho, entre 2013 e 2014, verificou-se que a média de trabalho semanal dos trabalhadores domésticos permaneceu estável na região metropolitana de Fortaleza (38 horas), e que a jornada média de trabalho semanal permaneceu mais prolongada entre as assalariadas com carteira assinada (48 horas), seguida das trabalhadoras sem carteira (44 horas) e, com menor duração, das diaristas (24 horas).

Perfil profissional
O perfil dessa força de trabalho não apresentou grandes modificações nos últimos anos, ao permanecer constituído majoritariamente por mulheres, com idade entre 25 e 49 anos (68,2%) e com menos escolarização, uma vez que quase a metade delas não chegou sequer a terminar o ensino fundamental (47,6%), retratando um baixo perfil de escolarização das trabalhadoras locais. Destaca-se também que boa parcela delas chefia suas famílias (33,4%), o que sobremaneira revela a importância do ofício para a manutenção do núcleo familiar.

Rendimento
Entre 2013 e 2014, o rendimento médio por hora trabalhada aumentou nas três formas de contratação do trabalho doméstico, embora com maior intensidade entre as diaristas (12,3%) e as mensalistas sem carteira de trabalho assinada (9,0%), cujos valores passaram a equivaler R$ 5,85 e R$ 3,15, respectivamente. Quanto ao rendimento das mensalistas com carteira, este cresceu 5,2%, passando a equivaler R$ 4,05, isto é, pouco superior ao valor horário assegurado pela legislação do salário mínimo vigente no ano de 2014, que era de R$ 3,29.

Dia do Trabalhador
A divulgação do estudo inicia as celebrações em comemoração ao Dia do Trabalhador, que contempla ainda a apresentação dos dados do emprego e desemprego no mês de março, que ocorrerá no dia 29 de abril, e encerra no dia 1º de Maio, numa grande festa em homenagem aos trabalhadores, na Praça do Ferreira, promovida por meio de uma parceria entre a STDS, a Prefeitura de Fortaleza, a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Ceará (SRTE/CE) e o Sistema S (Sesi, Sest Senat, Senai e Senac), que levarão uma série de serviços aos trabalhadores cearenses.

 

Assessoria de Comunicação Social do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho – IDT

Ministério Público Federal ajuíza ação contra Prefeitura de Juazeiro e operadora Oi

mpf

O Ministério Público Federal (MPF) ingressou com ação na Justiça Federal, com pedido de liminar, contra a operadora de telefonia móvel Oi e a Prefeitura de Juazeiro do Norte para que seja determinado o rebaixamento ou a desmontagem de torre que viola o plano de zona de proteção do Aeroporto Regional do Cariri. A altura da antena pode acarretar restrições operacionais ao aeroporto, impedindo a continuidade de voos comerciais existentes atualmente.
A torre de celular invade em 2,9 metros a superfície de aproximação das aeronaves, de acordo com o que apurou o procurador da República Rafael Rayol em inquérito civil público instaurado no MPF em Juazeiro do Norte para acompanhar o processo de homologação de mudanças no aeroporto, que incluem o aumento da pista de pousos e decolagens.
De acordo com informação do Comando da Aeronáutica sobre a homologação das mudanças e que consta no inquérito em trâmite no MPF, “o projeto não foi aceito por haver implantações que violam superfícies invioláveis do plano de zona de proteção do aeródromo”. Entre as restrições que podem ser impostas ao aeroporto, salienta-se a redução do tamanho da pista para pouso e decolagem, o que pode interferir nos tipos, tamanhos e peso total das aeronaves que operam atualmente.
O procurador requereu à Justiça que determine a desmontagem ou rebaixamento da torre imediatamente – num prazo de cinco dias – sob penal de multa diária de R$ 10 mil. Caso a companhia telefônica não cumpra a liminar requerida, o MPF quer que a prefeitura realize os serviços, custeada por recursos que devem ser bloqueados eletronicamente das contas da empresa.”
(Site do MPF-CE)

Universitários denunciam limitações do Fies e MPF pede resposta ao MEC

Fies-2015-02

MPF realizou audiência para discutir reajuste de mensalidades em faculdades

Estudantes de Juazeiro do Norte que querem renovar ou firmar novos contratos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e reclamam de dificuldade para concluir a requisição denunciaram os problemas ao Ministério Público Federal (MPF), durante audiência realizada na manhã desta quarta-feira, 22. Agora, o MPF vai pedir informações ao Ministério da Educação(MEC) para que se manifeste sobre os assuntos.

Reajustes de mensalidade em percentual maior que o limite estabelecido pelo MEC também estiveram na pauta da reunião. Participaram da audiência representantes de alunos e das seguintes instituições: Faculdade de Medicina Estácio de Juazeiro do Norte, Faculdade de Juazeiro do Norte, Faculdade Leão Sampaio e Faculdade Paraíso.

Conforme o MPF, um pai de estudante denunciou que a FMJ aumentou em 12% o valor das mensalidades do cursos no primeiro semestre de 2015, “ou seja, 5,59 pontos percentuais acima do que é permitido para o aditamento do Fies, que só pode ser feito até o dia 30 de abril”.

Reajustes

De acordo com o procurador da República Celso Leal, o objetivo da audiência foi, após receber as denúncias, ter uma resposta das instituições de ensino. “De fato, as faculdades tiveram aumento acima do que o MEC permite - menos a Leão Sampaio, que reajusta no meio do ano. Elas alegaram que o reajuste foi antes de o Governo Federal estipular um limite, que antes não isso não existia”, informa o procurador.
A partir do retorno do MEC é que, segundo o procurador, o MPF vai avaliar quais medidas serão propostas.
Ainda segundo o MPF em Juazeiro do Norte, um inquérito havia sido instaurado para investigar denúncia de que além de não estarem conseguindo renovar o contrato de financiamento, os estudantes estariam sendo informados pelas faculdades que teriam de arcar diretamente com os valores das mensalidades reajustados acima dos 6,41% definidos pelo Governo Federal.

Redação O POVO Online

Passeata contra a xenofobia na África do Sul após onda de violência

xenofobiaMilhares de pessoas participaram de uma passeata nesta quinta-feira no centro de Johannesburgo, capital da África do Sul, para protestar contra a violência xenófoba, após uma nova incursão noturna da polícia e do exército em um bairro da cidade.

A passeata reuniu entre 5.000 e 10.000 pessoas, segundo os observadores presentes.

No início da manifestação, o chefe do governo provincial de Gauteng (região de Joanesburgo e Pretória), David Makhura, declarou estar "muito feliz com a resposta da população".

"Além da violência, queremos mobilizar e educar a população, implementar estruturas (...) para tornar este país mais acolhedor", afirmou Makhura.

Desde os primeiros dias de março, uma nova onda de ataques xenófobos em Durban (leste) e em Joanesburgo deixou pelo menos sete mortos, lembrando os tristes levantes anti-estrangeiros de 2008, que deixaram 62 mortos.

A África do Sul, acusada de inação ante os ataques xenófobos ocorridos desde 2008, decidiu usar o exército para apoiar a polícia nas operações de manutenção da paz nos distritos afetados pela violência.

Na quarta-feira à noite, a polícia sul-africana, reforçada pelo exército, realizou uma demonstração de força no bairro de Alexandra, em Joanesburgo.

Nesse bairro, com uma reputação de perigoso e onde vivem 400 mil pessoas em pequenas casas de alvenaria ou barracos de madeira, um moçambicano que foi esfaqueado morreu no sábado.

De acordo com o Centro para as Migrações Africanas da Universidade de Witwatersrand (África do Sul), mais de 350 estrangeiros foram mortos no país desde 2008. A grande maioria destes crimes ficaram impunes.

AFP

Delator denuncia que esquema na Petrobras começou em 1997

augusto

Foto: Lucio Bernardo Junior/Câmara dos Deputados
O esquema de corrupção da Petrobras começou ainda em 1997, durante o governo de Fernando Henrique Cardoso, afirmou Augusto Mendonça Neto, executivo da Toyo Setal, em depoimento à CPI nesta quinta-feira (23). Segundo ele, duas diretorias foram responsáveis por montar e abastecer o esquema.
“Não podemos sequer imaginar que uma companhia como esta, organizada e competente, pudesse ter um esquema como essas duas diretorias montaram. O poder que um diretor da Petrobras tem de atrapalhar é enorme, de ajudar, pequeno. Na minha opinião eles vendiam mais dificuldade do que entregar facilidade”, afirmou Mendonça Neto em depoimento aos parlamentares.
Ainda de acordo com o executivo, durante sua delação premiada, parte da propina obtida com fornecedores da Petrobras foi direcionada ao PT como doação oficial. Mendonça Neto ainda endossou o ex-gerente de Serviços da estatal, Pedro Barusco, que afirmou que a corrupção na empresa é generalizada.

Yahoo Notícias

Dólar fecha abaixo de R$ 3 pela 1ª vez desde o início de março

Moeda dos EUA caiu 0,89%, negociada a R$ 2,9816 na venda. A última vez que o dólar fechou abaixo dos R$ 3 foi em 4 de março.

dolares

O dólar fechou em queda pelo terceiro pregão seguido nesta quinta-feira (23), terminando a sessão abaixo de R$ 3 depois de quase 2 meses sendo negociado acima deste piso.

A moeda norte-americana recuou 0,89%, cotada a R$ 2,9816 na venda. A última vez que o dólar tinha fechado abaixo dos R$ 3 foi em 4 de março (R$ 2,9807). Veja cotação

Segundo a agência de notícias Reuters, a queda do dólar no mercado internacional ajudou a intensificar a desvalorização ante o real, que vinha encontrando dificuldade para se manter abaixo dos R$ 3.

Queda de mais de 6% no mês
No mês de abril, o dólar acumula queda de 6,56%. No ano, entretanto, a valorização ainda é de 12,15%.

Segundo dados da BM&FBovespa, o giro financeiro ficou em torno de R$ 1,3 bilhão.

Efeito Petrobras
Durante a maior parte da manhã, a moeda norte-americana foi negociada em alta, reagindo aos dados divulgados na véspera da Petrobras. Na máxima da sessão, chegou a subir 0,89%, a R$ 3,0352.

Balanço auditado divulgado pela Petrobras mostrou que a companhia registrou um prejuízo de R$ 21,6 bilhões em 2014, afetado por perdas de R$ 6,2 bilhões por corrupção e queda em mais de R$ 44 bilhões no valor de seus ativos.

Analistas destacaram negativamente dados relacionados ao endividamento da estatal e perspectivas quanto ao fluxo de caixa, bem como o anúncio de não pagamento de dividendos, embora tenham considerado que a divulgação dos resultados auditados traz um "alívio".

"Não dá para achar que está tudo resolvido só porque divulgou o balanço. Isso não está abrindo uma janela de oportunidade para emissão", disse a Reuters o estrategista de renda fixa da Coinvalores, Paulo Celso Nepomuceno.

Nesta manhã, o BC brasileiro vendeu a oferta integral de até 10,6 mil swaps para rolagem dos contratos que vencem em 4 de maio, equivalentes a US$ 10,115 bilhões. Até o momento,  a autoridade monetária já rolou cerca de 76% do lote total.

Do G1, em São Paulo

Três fábulas - Por: Emerson Monteiro

Quero falar a propósito de Loqman, consagrado autor de fábulas árabes, conhecido no Ocidente desde o século XVII, quando traduzido, na Europa, em 1615, por Erpenius.  Existem considerações de que algumas fábulas consideradas suas pertenceriam mesmo a Esopo. Enquanto algumas desse autor grego seriam dele, Loqman.

Eis a primeira, O leão e os dois bois: Lá numa jornada, dois bois se toparam com um leão faminto, que lhes agrediu sem dó nem piedade. Porém os bovinos demonstram força de sobrevivência, dotados de amolados dentes e outros equipamentos valiosos, no que levaram a melhor, vencendo o rei dos animais. Perdido, o leão propôs um pacto aos bois, que dali adiante exercitaria amizade em quaisquer circunstâncias. Tempos passados, no entanto, os bois, confiantes na seriedade do acordo, esqueceram de andar juntos noutras viagens. Resultado, em duas vacilações serviram de repasto ao leão.  Na avaliação do autor: Esta fábula no ensina que se duas cidades se entendem, elas podem sustentar valentemente a luta contra o inimigo. Se se desentenderem, sua sorte está marcada: sucumbem.

A segunda fábula dá conta de um veado que adoeceu e haja amigos vindos de todo canto a visitá-lo.  Com presença da multidão dos visitantes, a vegetação que existia em torno da casa do enfermo tendeu a sumir com as refeições de tanta gente. Dada a solidariedade recebida dos amigos, sim, o animal restabeleceu a saúde, contudo, logo depois, ao buscar alimento nas imediações, nada restara para manter o seu sustento. Diz Loqman: Mais se tem parentes, mais se tem inquietudes.

E a terceira dessas fábulas, O leão decepcionado. Nela, ao buscar as sombras de uma caverna, um leão se viu surpreendido por lagarto ligeiro que subiu ao seu pescoço, e que, por mais quisesse, não avistava o bicho enganchado às costas. Olhava de todo lado e não via. Esboçava até algum pavor quando chega à caverna uma raposa, que ri da situação do rei e explica o que ocorrera.

- Eu não tenho medo de lagarto, mas o que me enfada é a sua insolência - o leão se justificou, - e o pouco respeito que ele me tem.

Esta fábula nos ensina que às vezes o desprezo faz sofrer mais do que a própria morte, afirma Loqman.

Oito cidades do Interior receberão salas de cinema

cinema2

Iguatu. Dez municípios cearenses devem receber salas de cinema a partir deste ano. A ação faz parte do projeto de descentralização e democratização do acesso ao audiovisual viabilizada pela Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) e pela Agência Nacional do Cinema (Ancine). As novas unidades ainda serão construídas. As cidades beneficiadas serão Aracati, Canindé, Crateús, Crato, Iguatu, Itapipoca, São Benedito e Tauá. Outras duas a serem contempladas serão definidas em breve.

Recentemente, houve reunião entre secretários de Cultura e gestores das cidades contempladas com o programa e o secretário de Cultura do Ceará, Guilherme Sampaio para apresentação e discussão do projeto. "Estamos fazendo um trabalho conjunto, passo a passo, de forma que todos os municípios envolvidos no projeto possam estar no mesmo estágio de cada uma das etapas previstas no edital, até que todas as salas estejam prontas", explicou o titular da Secult.

Os municípios cearenses que receberão as novas salas de cinema estão nos preparativos para a doação dos imóveis, onde serão construídos os equipamentos culturais. Cada cidade vai receber duas salas de cinema, com capacidade para 100 e 200 espectadores, gerando novos espaços de exibição, de forma acessível, beneficiando o público do Interior do Ceará.

O projeto está na fase de apresentação dos terrenos onde serão construídos os cinemas. A obra será edificada com 80% de recursos federais e 20% de recursos do Governo do Estado, em articulação promovida pela Secult, ainda na gestão do secretário Paulo Mamede.

O programa "Cinema Perto de Você", do qual faz parte o projeto "Cinema na Cidade", a partir do apoio da Secult, incluiu os municípios cearenses. É organizado e coordenado pela Ancine, em parceria com o Ministério da Cultura (MinC), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Ministério da Fazenda.

O programa articula diversos instrumentos federais para a expansão, democratização e descentralização dos serviços de exibição cinematográfica, com foco na inclusão da população com baixa renda, moradores, no Interior dos estados. O objetivo é que, em quatro anos, sejam implantados 600 novos espaços de exibição em todo o Brasil.

O município de Tauá será um dos contemplados. A prefeita Patrícia Aguiar disse que os moradores já vivem a expectativa de início das obras. "Vamos dar todo o apoio necessário e avalio como positivo esse projeto de descentralização das salas de cinema para o sertão cearense, que é tão carente de cultura nessa área", enfatizou.

A secretária de Cultura do Crato, Dane de Jade, participou da reunião na Secult sobre o projeto. O município é um dos contemplados para receber duas salas de cinema. "A Prefeitura está agora providenciando a documentação para enviar à Secretaria de Cultura do Estado do Ceará para liberação dos recursos e consequente implantação das duas salas de cinema na cidade", frisou Dane de Jade.

A manutenção, os filmes a serem exibidos e a gestão do complexo de cinema serão debatidos entre os parceiros do projeto. Segundo Dane de Jade, a ideia é que as salas sejam uma espécie de espaço cultural, servindo para debates de temas importantes para a região, exibição de filmes de arte, nacionais, regionais, realização de mostra de vídeo e cinema entre outros eventos.

O prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara, lembrou que, em 2014, apresentou ao então secretário de Cultura do Estado, Paulo Mamede, uma área para construção do cinema com duas salas de exibição, próximo ao Centro de Convenções, que está em edificação. "Houve a aprovação do espaço e estamos providenciando a documentação exigida para participarmos desse projeto, que vai trazer de volta salas de exibição de filmes para a cidade", disse Alcântara.

A cidade de Iguatu, até meados da década de 1980, contava com o Cine Coliseu. Na década anterior, havia dois cinemas, o Coliseu e o Alvorada. Os dois fecharam suas portas e a população local ficou sem opção de assistir às exibições em grandes telas. A chegada do DVD e das TVs de tela digital e da internet contribuíram ainda mais para afastar o retorno do cinema. Essa foi uma tendência nacional. Até nos grandes centros, salas de exibição foram fechadas.

Shoppings

Na década passada, houve nova tentativa com a implantação do Cine Asa Branca, em um shopping de mesmo nome no centro desta cidade, mas a ideia não prosperou. Os dois empreendimentos fecharam. Para assistir filmes em cinema, os moradores da ampla maioria das cidades do Interior precisam viajar ao Cariri ou à Capital. Nos shoppings, as salas estão lotadas.

O projeto Cinema da Cidade faz parte das ações do Programa Cinema (Ancine) em parceria com o Ministério da Cultura, BNDES, Ministério da Fazenda e articula diversos instrumentos federativos para expansão e democratização dos serviços de exibição cinematográfica.

FIQUE POR DENTRO

Municípios são responsáveis por doar o terreno

O programa Cinema da Cidade é uma iniciativa do Ministério da Cultura por meio da Agência Nacional de Cinema (Ancine) em parceria com as secretarias de Cultura dos Estado e Prefeituras Municipais. Cabe aos municípios fazer a doação do terreno para a construção das duas salas de exibição. Os recursos para o projeto são oriundos do Ministério da Cultura (MinC), do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e do Ministério da Fazenda. Na cidade de Iguatu, o terreno a ser doado pela Prefeitura fica na Avenida Dário Rabelo, próximo ao futuro Campus Universitário Multi-Institucional. O projeto quer levar a magia do cinema para as cidades do Interior com mais de 20 mil habitantes. Essa iniciativa foi concebida e articulada de modo a atender e se adequar às necessidades de cada município. As prefeituras interessadas no programa receberão da Ancine as orientações necessárias.

Honório Barbosa
Colaborador

Diario do Nordeste - Regional

MPF vê fraude no Bolsa Família

bolsafamilia

Para o MPF, as irregularidades nos benefícios assistenciais seriam facilitadas pela falta de fiscalização dos órgãos municipais

Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Lavras da Mangabeira. A Polícia Federal (PF) abriu inquérito e está colhendo depoimentos de possíveis beneficiados em esquema fraudulento no Cadastro Único do Bolsa Família, neste município, na região Centro-Sul do Ceará. As irregularidades foram identificadas pelo Ministério Público Federal (MPF) e teriam sido praticadas no período de 2008 a 2010. A lista apresenta 251 nomes suspeitos.

O MPF recomendou à administração municipal o recadastramento de beneficiários do programa. Segundo o MPF, o esquema criminoso teria sido articulado por funcionários públicos, privados e agentes políticos no âmbito do Cadastro Único de Programas Sociais do Município. Em face das irregularidades, o órgão recomendou à Prefeitura a realização de recadastramento dos beneficiários com o objetivo de que os requisitos legais do programa sejam cumpridos.

Para o MPF, a existência de irregularidades na concessão e recebimento de benefícios assistenciais seria facilitada pela falta de fiscalização dos órgãos municipais. Consultas realizadas junto ao sistema de Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS), ao site do Tribunal de Contas do Município (TCM), e verificação eletrônica das transferências de recursos da União possibilitaram ao MPF identificar a existência de possível esquema fraudulento no Bolsa Família, neste município.

O procurador da República, Rafael Ribeiro Rayol, autor da recomendação, verificou que as pessoas envolvidas inseriram e fizeram inserir declarações falsas no CadÚnico, omitindo cargos, funções e profissões por elas exercidas, e, principalmente, a real renda mensal.

Na recomendação, o procurador estabelece o prazo de 15 dias para que a Prefeitura e a coordenação do CadÚnico do município manifestem-se e informem as medidas que serão adotadas. A omissão de resposta no prazo estabelecido será considerada como recusa ao cumprimento da recomendação.

O assessor de Comunicação da Prefeitura, Paulo Sérgio de Carvalho, esclareceu que as irregularidades identificadas pelo MPF referem-se ao período de 2008 a 2010. "Nenhuma irregularidade foi praticada na atual gestão municipal. Lamentamos que a notícia divulgada pelo MPF não informe essa data".

O coordenador do Cadastro Único do Bolsa Família, Júlio César Macedo Favela, esclareceu que a Prefeitura, em agosto de 2014, informou, por meio de ofício ao MPF, a pesquisa feita no sistema do programa. "Não recebemos até o momento nenhuma recomendação de recadastramento", frisou. A assessora da Secretaria de Ação Social, Inês Lopes, esclareceu também que o cadastro é feito segundo informação das pessoas sobre renda familiar, número de dependentes e outros dados.

Honório Barbosa
Colaborador

Diario do Nordeste - Regional

Diante do pedido de afastamento, Raimundão récua e envia mensagem pra Câmara Municipal. Agora quer ouvir os professores

raimundaoassinando

 

E o pedido de afastamento do prefeito Raimundo Macedo (PMDB) pelo Ministério Público (leia-se promotor José Carlos Félix da Silva, da Promotoria da Educação), já começa a surtir efeito. É que ao ser informado na manhã desta quinta-feira (23) por assessores do pedido de seu afastamento e do secretário de Educação, Geraldo Alves da Silva, Raimundão adotou duas medidas urgentes pra tentar "limpar a barra".
A primeira foi de determinar o secretário Geraldo Alves a se reunir na próxima segunda-feira (27), com o sindicato dos professores e servidores municipais, em greve há 58 dias.
A segunda foi de encaminhar em caráter de urgência mensagem à Câmara Municipal reajustando o valor do aumento concedido que foi de apenas 6,5% para as duas categorias, que culminou com a deflagração da greve no dia 25 de fevereiro passado.
Nessa nova mensagem, esse blog apurou que Raimundão estaria disposto a elevar o reajuste para os 13,01% como exige a categoria.
Só que o prefeito ainda deverá perder alguns dias de sono, pois mesmo que a mensagem dê entrada no Poder Legislativo e seja lida nesta quinta-feira na câmara, o Regimento Interno da casa, exige o prazo mínimo de 5 dias úteis para entrar em votação. Tempo esse que, caso o juiz da 1ª Vara de Juazeiro do Norte, Acelino Jácome, decida não esperar, pode muito bem acatar o pedido do Ministério Público, que pede o afastamento do prefeito Raimundão e do secretário Geraldo Alves da Silva.
Aguardemos!

flavio pinto

Ministério Público pede afastamento do prefeito Raimundo Macedo e do secretário de Educação de Juazeiro do Norte



O Ministério Público Estadual entrou na Justiça com Ação Civil Pública  por ato de improbidade administrativa contra o prefeito de Juazeiro do Norte,  Raimundo Macedo ( PMDB) e o secretário de Educação,  Geraldo Alves da Silva. Na ação,  o promotor José Carlos Félix, da Promotoria da Educação, que na semana passada, já havia entrado na Justiça para obrigar Raimundão a conceder o reajuste salarial dos professores de 13, 01% de acordo com o piso nacional da categoria,  pede agora o afastamento das funções e suspensão dos direitos políticos por 5 anos, além do pagamento de multa, entre outras sansões previstas em lei. O motivo dos afastamentos, segundo o MP, é o mesmo, ou seja, o descaso do prefeito com a Educação. A greve chega hoje a 58 dias, prejudicando o calendário escolar da rede municipal de ensino no ano de 2015.

Fonte: Flavio Pinto
Foto: Veja/Abril


Justiça reconhece legalidade da greve dos professores de Juazeiro do Norte

 

professores12_03_15 022

Professores saíram vitoriosos com a legalidade da greve. (Foto: Flávio Pinto)

O prefeito Raimundo Macedo obteve mais uma derrota na Justiça Estadual. Nesta quarta-feira (22), o desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE), deu parecer favorável e manteve a legalidade da greve dos professores da rede municipal de ensino de Juazeiro do Norte. Até então, Raimundão empurrava as negociações com a barriga, acreditando que a Justiça pudesse decretar a ilegalidade da greve. Agora será obrigado a negociar.
E sem perder tempo, determinou ainda nesta tarde de quinta-feira, que o professor Geraldo Silva, secretário de Educação do município agendasse reunião com o Sindicato dos Professores para a próxima segunda-feira (27) para decidirem o destino da greve, que já dura 57 dias.
Na semana passada, o Ministério Justiça também havia reconhecido o direito de greve dos professores, principalmente pelo fato de que até então, o prefeito tenha se negado a oferecer algo além dos 6,5% concedido no reajuste salarial dos professores. O sindicato exige 13,01% de acordo com o aumento do piso nacional da categoria.

flavio pinto

Vitória dos Servidores: TJ –CE indeferiu liminar da prefeitura



O Tribunal de Justiça do Estado Ceará (TJCE), negou pedido de antecipação de tutela formulado pelo município de Juazeiro do Norte – CE, buscando a declaração da ilegalidade e abusividade do movimento grevista desencadeado pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Juazeiro do Norte - SISEMJUN. Extrai-se a seguinte colocação do Desembargador Relator do processo “ DIGITAR O TEXTO QUE PASSAMOS
De acordo com o processo, o Município alegou que a greve iniciada no dia 25 de fevereiro do corrente ano vem prejudicando todo o corpo de alunos da rede municipal  com a paralisação das aulas e que compromete a conclusão do ano letivo,  já com relação aos profissionais de saúde, foi sustentado o descumprimento do percentual mínimo de trinta por cento  dessas  atividades essenciais.
O Município  afirmou que não se nega a atender as reivindicações, porém dentro das suas possibilidades orçamentárias/financeiras e de acordo com a Lei de Responsabilidade Fiscal. Alega que a administração vem enfrentando dificuldades à implementaçãodo piso salarial dos agentes comunitários de combate as endemias e os agentes comunitários de saúde, bem como no reajuste de 13,01% para os profissionais do magistério. Finalmente, pede pelo deferimento liminar da ilegalidade/abusividade da greve.

Decisão

Ao analisar os autos, o desembargador Relator Antônio Abelardo Benevides destacou  que o direito de greve é garantido pela Constituição Federal e que a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal entende que sua aplicabilidade deve ser estendida à Administração Pública. Por fim, foi negado o pedido de antecipação de tutela feito pelo Município, no sentido de suspender o movimento paredista,  por entender o citado Desembargador que não havia a princípio qualquer ilegalidade ou abusividade na greve  ora em curso.

O Sindicato

A presidente do SISEMJUN Mazé Santos, ressalta que essa decisão com certeza é uma vitória para a categoria,  mas que é apenas uma batalha, estamos numa guerra contra a intransigência e a falta de diálogo da gestão municipal para com a classe dos servidores. Sendo esse um dos maiores empecilhos nas negociações, e disse que existem vários profissionais sendo coagidos e ameaçados, por terem aderido ao movimento grevista. Ela finaliza dizendo ainda que outras categorias também já se preparam para fazer possíveis manifestações e reivindicações caso a gestão não se manifeste, teremos uma greve geral em Juazeiro do Norte.

Via João Paulo Dias

www.blogdocrato.com


Grande chuva no Crato na noite desta quarta-feira, dia 22 de Abril








Fotos: Perfil de Luiz Wellngton, Diogo Sheldon, Davi Araripe, Olímpio Arraes

www.blogdocrato.com





Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30