xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 28/01/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Prefeito do Crato é escolhido um dos melhores prefeitos do Ceará pela PPE Eventos, em Fortaleza. ( 09-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

28 janeiro 2015

Exército industrial de reserva - Por: Emerson Monteiro

Em países enormes e superpopulosos quais China e Índia o momento atual deixa margem a graves avaliações quanto a desejar dias melhores neste chão. A partir desta afirmação, há um raciocínio a desenvolver no que diz respeito à quantidade dos habitantes desempregados, o nível de jovens acima de 20 anos que não estudam e não trabalham, ausência de postos de trabalho, grau de violência, economia em declínio, esgotamento dos recursos naturais, poluição, etc.

Nessas fases da história, sujeita a aparecer conflitos armados, o crime organizado demonstrar maior agressividade e a corrupção se tornar endêmica no Estado, vistas situações semelhantes a momentos outros, quando aumenta a luta pelo poder ao ponto do declínio dos valores morais e da instabilidade social passar a refletir antigos padrões bárbaros de civilização.

O que bem poderia significar o exército humano de reserva no crescimento das nações denota, assim, ausência de lideranças autênticas, num salve-se quem puder de comprometer as bases do equilíbrio político-social. Perante os conceitos marxistas de economia, os desempregados representam esse exército de cidadãos à mercê das circunstâncias do sistema capitalista.

Nas palavras do próprio Karl Marx: O desemprego em massa constitui o exército industrial de reserva, quanto maior ele é melhor para o capitalista que poderá assim afirmar ao proletário no caso deste fazer greve, que pode contratar outra pessoa a um custo menor fazendo o mesmo trabalho. Daí que o exército industrial de reserva seja tão importante para o capitalismo.

Nesta época histórica quando as práticas dos regimes somam interpretações científicas da economia política de todas as épocas, numa única dominação do famigerado neoliberalismo, o abandono dessas massas humanas à sorte esclarece o motivo de muitos dos desmandos verificados no mundo inteiro, sejam as guerras localizadas, o tráfico de drogas, a hegemonia da indústria armamentista, jogos, vícios vários, prostituição e caos urbano, todos eles fatores em progressão que representam o produto das ações coletivas desencontradas tanto hoje quanto em épocas remotas a carecer de consciência crítica e solidariedade humana no sentido amplo destas palavras.

A morte de Roberto Jacu (por Armando Rafael)

Com a prematura morte do nosso conhecido Roberto Jacu,  Crato perdeu um dos seus tipos populares mais conhecidos. Roberto era eleitor de carteirinha do PSDB e era um revoltado com o descalabro e a corrupção que tomaram conta do Brasil. Roberto, apesar de ser uma pessoa simples, acompanhava com interesse o  noticiário político.
 Numa de suas últimas passagens pela Praça Siqueira Campos, Roberto Jacu dizia, a um grupo de pessoas, que a chegada do PT ao poder e os doze anos de sua permanência na direção do País criaram, além do caos social, moral e econômico, a incerteza quanto ao futuro das instituições republicanas, uma vez que aquele partido político partido não deixava de alimentar a intenção de transformar o Brasil numa República Socialista Bolivariana.
Roberto partiu hoje pela manhã,  e essa ameaça permaneceu.
Roberto: onde você estiver, descanse em paz. Nós não vamos desistir do Brasil.
Nas fotos abaixo, Roberto Jacu levando nos braços os candidatos José Serra (2010) e Aécio Neves (2014) quando estes visitaram o Crato em campanhas políticas...
Roberto, Serra, Samuel Araripe e Tasso Jereissati (2010)
Em meio à  vibração de muitos cratenses, Roberto Jacu "sustenta" Aécio (2014)

No fundo do poço: Justiça quebra sigilo bancário e fiscal do ex-presidente Gabrielli e da Petrobrás

(Fonte:"O Estado de S.Paulo”)
Ex-presidente da estatal é alvo de investigação sobre superfaturamento em obras do centro de pesquisas no Rio; construtora Andrade Gutierrez também é alvo
A Justiça do Rio de Janeiro decretou a quebra do sigilo bancário e fiscal do ex-presidente da Petrobrás José Sérgio Gabrielli, do ex-diretor de Serviços  Renato Duque, do ex-gerente de Engenharia Pedro Barusco, da própria estatal petrolífera e da construtora Andrade Gutierrez em investigação sobre superfaturamento de R$ 31,4 milhões em obras do Centro de Pesquisas e Desenvolvimento da Petrobrás (Cenpes).
A busca nas movimentações financeiras e dados tributários de Gabrielli, Duque, Barusco, outros cinco servidores da estatal e das empresas alcança período de 2005 a 2010. A decisão é da juíza Roseli Nalim, da 5.ª Vara da Fazenda Pública, que acolheu pedido do Ministério Público Estadual, feito em dezembro do ano passado, em ação civil pública. A investigação reúne quatro inquéritos civis da Promotoria do Rio. A Promotoria requereu, ainda, o arresto dos bens dos investigados, mas a Justiça não acolheu agora esse pedido.
Enquanto isso, Ações da Petrobrás desabam após divulgação de balanço sem a baixa dos desvios da corrupção
Após balanço, ação despenca e Petrobras perde R$ 13,9 bilhões em valor num único dia
As ações preferenciais da estatal afundaram 11,21%, enquanto as ordinárias recuaram 10,48%; como resultado, a Bovespa terminou o dia em queda de 1,85%
O comportamento do Ibovespa hoje já estava dado nos primeiros minutos da sessão. Numa forte reação ao fiasco do balanço do terceiro trimestre de 2014 - que não trouxe as tão aguardadas baixas contábeis em razão das irregularidades apuradas pela Operação Lava Jato da Polícia Federal - as ações da Petrobrás desabaram e embutiram um viés negativo por toda a bolsa brasileira. Durante a tarde, o índice chegou a amenizar um pouco as perdas, mas não mudou de trajetória. Petrobrás PN caiu 11,21%, a R$ 9,03, e a ON recuou 10,48%, a R$ 8,63, as duas principais quedas do índice, à frente de PDG ON (-5%). O mau humor dos agentes com a estatal extrapolou para o restante da Bovespa, ainda mais diante de um cenário de dificuldades para a economia brasileira e diante da possibilidade de racionamento.

Transformações - Por: Emerson Monteiro

Hoje achei de recordar quando, em l959, fui a Recife pela primeira vez. Crato, Campina Grande, passando pelo açude de Coremas, e chegamos à capital pernambucana, num salto tecnológico secular, levando-se em conta os benefícios da energia elétrica, que avançava célere sobre o Nordeste. Adeus às tochas e lampiões do passado.

A civilização desvendara os encravados sertanejos, modificando tudo, desde paisagem e costumes dos habitantes, ao Sol que agora nascia dentre torres metálicas, campanários exóticos onde se penduraram as redes dos cabos prateados, interrompendo pássaros, reflorestando carrascos e massapês.

Os tentáculos do progresso zumbiam nos leitos secos de grotões desolados, algo parecido com a chegada do trem-de-ferro, no início do século, trazendo promessas de alteração do ambiente, para possibilitar, segundo as crenças, uma qualidade melhor de vida.

Lembro-me disso quando reencontro as mesmas torres nos filmes japoneses que os meninos gostam de ver num dos canais da televisão, cenas que se repetem todo dia, produções parecidas com embalagens de supermercado, de sabores químicos - para consumo brando, num pesadelo que podia ainda ser revisto; voragem moderna versus simplicidade original.

A era massificadora se estabeleceu através desses fios, resultado das muitas conquistas humanas. Poderosos repartiram despojos, sob razões de lucro, transferindo percalços em favor da perpetuação no poder (desculpa esfarrapada para justificar a ausência de critérios éticos).

Isso nos motiva transcrever, neste ponto, pedaço de um artigo da revista Planeta (março de l992) sobre os índios hopis do Novo México, Estados Unidos:

- As grandes potências do mundo devem entender que, se querem escapar da destruição iminente - palavras de Martin Gashweseoma, o líder espiritual daquela nação indígena. - Tudo que fizeram de errado com os povos antigos (...) deve ser corrigido.

A demora da avestruz com a cabeça na areia pode lhe ter afetado os miolos. E o que ocorreu, então, se reflete nas coisas que vem de gerar. As armas e os eletrodomésticos se sofisticaram, porém inúteis ou inconvenientes, no crivo do tudo ou nada dessa luta constante.

Para Gashweseoma, chegou à hora da purificação, quando os terrícolas deverão escolher uma entre duas saídas - seguir no mesmo passo equivocado em que vêm, até à destruição, ou mudar de propósitos e se conduzir numa perspectiva renovadora.

O esforço exclusivista dos menos escrupulosos ocasionou retrocesso evolutivo. No princípio, chegava a parecer diferente. As naves espaciais, difundidas pela propaganda, fizeram brinquedo de lata dos destinos africanos, latino-americanos, asiáticos, sem que ninguém pudesse questionar o sistema neofeudal estabelecido na Terra contemporânea.

Espécie de vaidade prevaleceu entre patrões e seus escriturários, enquanto longa marcha de forçados transportava matérias-primas e produtos acabados, que nada mais tentador do que se comparar à construção das grandes pirâmides, destinadas a sarcófagos reais, marca do cruel egoísmo reeditado no tempo, milênios adiante.

E se lembrar de que René Descartes, já no século XVII, centrava suas preocupações nos assuntos internos; que poderíamos haver seguido outros caminhos; que há uma pequena glândula no cérebro na qual a alma exerce as suas funções de modo mais particular do que nas outras partes. Eis detalhe importante para se examinar, ainda que depois.

A oportunidade das eras ficou para trás, recoberta de limo e infinitos tropeços, qual botija enterrada em lugar inacessível. Restam-nos, todavia, os individuais propósitos dessas revelações íntimas, o Espírito eterno, que persistirá mesmo quando tudo for embora e as oferendas coletivas virarem ilusão. Este momento (sim, o momento) é hoje.

LUTO - Falece em Crato Roberto pires, mais conhecido por Roberto Jacu



Chega a ser inacreditável a fragilidade da vida. Acordei hoje e vi estampados em inúmeros perfis das redes sociais, a notícia do falecimento do meu grande amigo Roberto Jacu, e não tenho palavras nesse momento para descrever a dor que sinto. Há tanto tempo tenho feito resenhas e homenagens a gente que está partindo, que este, seguramente, é mais um duro golpe para todos nós que amávamos aquele cara tão legal, sempre alegre, uma pessoa leal para comigo, um ser humano como poucos. Na verdade, eu nem consegui ainda acreditar nesta notícia, que é muito triste! - Há uns 3 dias estive no centro, na lanchonete Primavera, onde eu sempre encontrava o Roberto Jacu, e ele veio até mim e disse: "Ê, Dihelson, seu amigo véio aqui quase foi dessa vez, senti uma arritmia cardíaca e corri para o hospital, os médicos "tacaram" logo umas injeções aqui na minha veia ( mostrando o braço )."

Eu estava com várias pessoas no momento e nem pude conversar muito, mas perguntei "e qual a sua idade, Roberto ?" Ele me disse: "40 anos".Eu disse "É muito novo ainda"... Ele me disse: "É um problema de família, meu pai tem, várias pessoas lá em casa sofrem disto". Como eu estava de saída, ele finalizou dizendo: "Se precisar do seu amigo aqui, estou à sua disposição". Foi a última frase que eu escutei da sua boca.

Mais um grande amigo que se foi... De um ano para cá, inúmeros amigos nossos foram chamados pelo criador. Praticamente toda semana, alguém está percorrendo este verdadeiro corredor. Ainda não consegui digerir esta informação completamente. Os meus sinceros pêsames à toda a família do Roberto, que era só alegria. Em breve, pretendo publicar alguns vídeos que fiz com ele. No momento, sem palavras e na preparação para um velório, que certamente ocorrerá, do nosso grande amigo. Saudades !

Por: Dihelson Mendonça


Após 17 anos de estudo, cientistas identificam animal que imita até 15 espécies

 

polvo

Reprodução
Foram 17 anos de tentativas para que, finalmente, especialistas identificassem um animal marinho muito peculiar que teve contato com o ser humano pela primeira vez apenas em 1998. Chamado de polvo mimético, ele habita as águas do sudeste da Ásia e possui a impressionante capacidade de imitar outras espécies.
De acordo com especialistas, a característica é bastante peculiar, mas não inesperada. Isso porque polvos são considerados animais marinhos com impressionante capacidade de adaptação aos ambientes onde vivem, inclusive através da imitação. De qualquer modo, o polvo mimético impressiona pela agilidade com a qual age.
A peculiaridade que mais chama a atenção dos especialistas neste caso é que o polvo mimético não imita apenas as características físicas de outros animais. Após estudos, cientistas comprovaram que essa espécie imita também o comportamento de outros 15 animais marinhos. Entre os imitados estão corais, linguados, peixe-leão e as cobras de Bali, consideradas muitíssimo perigosas.

Por Redação Yahoo! Brasil

Estado e município debatem segurança e políticas sobre drogas

debatece

O grupo de trabalho formado entre Governo do Estado e Prefeitura de Fortaleza se reuniu pela primeira vez nesta terça-feira (27), no Palácio Iracema – prédio onde funciona a Vice-Governadoria,  para debater assuntos de segurança pública na cidade. Esses encontros, que reúnem diversos órgãos das esferas municipal e estadual, têm como objetivo montar um plano de conduta na prevenção da violência e uso de drogas, bem como ações de acolhimento, tratamento e responsabilidade social.

Na última quinta-feira (22), o governador Camilo Santana e o prefeito Roberto Cláudio se reuniram no Palácio da Abolição com órgãos de segurança pública, mobilidade urbana e política sobre drogas. Na ocasião, ficou determinada a criação do grupo de trabalho para avaliar as ações em conjunto entre estado e município. Entre os principais temas debatidos no encontro estava a situação atual da segurança dentro dos ônibus e nos terminais da cidade.

Na reunião desta manhã, que foi coordenada pela vice-governadora Izolda Cela e pelo prefeito Roberto Cláudio, foram apresentadas e discutidas ações já desenvolvidas no enfrentamento ao uso de drogas, exemplos exitosos com resultados de redução da criminalidade e a situação atual dos ônibus e terminais da cidade. O programa envolverá ações de educação, esporte, cultura, lazer e saúde na prevenção da violência atuando, principalmente, nas áreas mais críticas.

Além da vice-governadora e do prefeito de Fortaleza, estiveram presentes o presidente do Iplanfor, Eudoro Santana, o chefe de gabinete do Governador, Élcio Batista, os secretários Guilherme Sampaio (Cultura), Maurício Holanda (Educação) e Josbertini Clementino (STDS), o delegado-geral da Polícia Civil; Andrade Júnior, entre outras autoridades de segurança, trânsito e política sobre drogas.

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Programas e ações da STDS destinados à Infância são apresentados à primeira-dama

primeira

Com intuito de se aprofundar das políticas da Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), a primeira-dama do Estado, Onélia Leite, recebeu nesta terça-feira (27/1), em seu Gabinete, o titular da pasta Josbertini Clementino e equipe técnica para discutir programas e ações destinados à Infância no Ceará.

A STDS cofinancia municípios na execução de serviços de convivência e fortalecimento de vínculos para crianças de 0 a 6 anos. Por meio do Programa para Resultados (PforR), a secretaria financia capacitação dos profissionais do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) dos 36 municípios mais pobres do Ceará com foco no desenvolvimento infantil e faz acompanhamento das famílias com crianças de 0 a 6. Também através do Programa de Apoio às Reformas Sociais do Ceará – PROARES II são destinados recursos para construção de Centros de Educação Infantil. Josbertini e equipe citaram ainda programas e espaços que são de responsabilidade da STDS destinados às crianças como os ABCs, Circo Escola, Espaço Viva Gente, as unidades de acolhimento, entre outros.

Onélia ressaltou que quer unir forças em prol das crianças do Ceará. “Estamos nos apropriando das informações para conduzir esses programas, projetos, ações com seriedade, com verdade. Será realizado um diagnóstico para saber como se encontra a Primeira Infância no Ceará. Este momento é uma oportunidade de eu conhecer melhor vocês. Eu preciso da ajuda de vocês, que possuem uma larga experiência”, pontuou.

28.01.2015

Assessoria de Imprensa do Gabinete da Primeira-Dama

Açude cearense socorre a Paraíba

acudeÁgua atende mais de 20 cidades, que mais estão sofrendo com os anos seguidos de seca

FOTO: HONÓRIO BARBOSA

Iguatu. Diariamente, 50 caminhões pipa oriundos da Paraíba percorrem em média 200 km para captar água no Açude Lima Campos, localizado no município de Icó, na região Centro-Sul do Ceará. Essa situação ocorre quando o sertão nordestino enfrenta uma das maiores crises de abastecimento dos últimos 50 anos e, com isso, reservatórios e poços estão secando.

A partir do próximo mês, o número de caminhões da Operação Pipa, coordenada pelo Exército, na Paraíba, que faz a captação de água no Ceará, deve ser acrescido em mais 70 veículos. No total, serão 120.

Pelo menos essa é a informação repassada pelos motoristas dos caminhões pipa (pipeiros) que desde novembro do ano passado começaram a vir pegar água no açude Lima Campos, reservatório administrado pelo Departamento Nacional de Obras e Combate à Seca (Dnocs).

O vai-e-vem de caminhões é intenso na margem do Açude Lima Campos. O serviço começa pela madrugada, por volta das 4 horas. A maioria faz duas viagens diariamente para socorrer milhares de famílias que enfrentam escassez de água no sertão paraibano, percorrendo mais de 400km. São cerca de 20 municípios atendidos, dentre eles: Uiraúna, Triunfo, Bernardino Batista, Poço Dantas, Cajazeiras, Souza, Aparecida, São João do Rio do Peixe, Marizopólis, São José de Piranhas, Diamante e centenas de localidades no Vale do Piancó.

Gravidade

"A situação das famílias é grave e depende dessa água", disse o pipeiro Jurandir Lacerda, que há seis anos trabalha como motorista de caminhão pipa, na região de Uiraúna. "Os açudes secaram, não tem mais água nos poços e o jeito que o Exército encontrou foi pegar água aqui no Ceará que está salvando a Paraíba", disse. "A gente coloca água numa cisterna e as famílias próximas vêm buscar com baldes".

Na manhã de ontem, o pipeiro José Duarte de Aquino contou que quando o caminhão chega às comunidades rurais, centenas de moradores se aglomeram e disputam uma lata de água. "Cercam o caminhão e se a gente não tiver cuidado pode atropelar as pessoas", disse. Há um ano que Aquino faz o transporte de água para o abastecimento de famílias no município de Triunfo e há quatro meses começou a viajar para o Ceará. "Esse açude é a nossa salvação", afirmou.

O sistema de abastecimento dos caminhões é simples e improvisado nas margens do Açude Lima Campos. Há dois motores movidos a óleo diesel que fazem o bombeamento para os tanques por meio de canos instalados em forquilhas de troncos de árvores nativas. Em 20 minutos, o caminhão fica cheio. Outros veículos têm sistema de bombeamento próprio. O encarregado local, Kenedy Alves, confirmou que a partir de fevereiro o movimento deve aumentar e serão 120 veículos vindos da Paraíba.

Preocupação

Nas primeiras semanas da chegada dos caminhões os moradores de Lima Campos ficaram preocupados, temendo a perda de água. "Sei que eles estão sofrendo, mas se o açude secar a gente vai sofrer também", disse a dona de casa Francisca Souza. O agricultor aposentado Raimundo Leandro da Silva gosta de acompanhar o movimento dos veículos e mostrou ser favorável ao abastecimento. "Acho certo porque eles precisam e todos são nossos irmãos", disse. O reservatório Lima Campos, construído em 1932, um dos mais antigos do Nordeste, acumula 55% de sua capacidade e é reabastecido pelo Orós, o segundo com maior volume do Ceará.

Além de afetar o abastecimento rural, o baixo nível dos reservatórios no sertão da Paraíba já atingiu áreas de produção de banana e de coco em perímetros irrigados, desde 2013, reduzindo a produção em 90%. Em Souza, o coqueiral no perímetro irrigado de São Gonçalo foi drasticamente atingido. O mesmo ocorreu em Cajazeiras, em núcleos de produção de banana irrigada.

O coordenador da Operação Pipa, no município de Uiraúna, Lindon Johnson Figueiredo, confirmou a gravidade da crise de abastecimento de água em cidades da região: Triunfo, Joca Claudino, Poço Dantas, Vieirópolis, Bernardino Batista e Uiraúna. "Temos 10 caminhões que atendem a 1500 famílias", disse Figueiredo. "Até agora nada de chuva e parece que em 2015 a situação vai piorar".

De acordo com dados da Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa), 28 açudes, dos 124 monitorados pelo órgão, estão com menos de 5% da capacidade armazenamento. Outros 20 mananciais já apresentam volume morto.

Honório Barbosa
Colaborador

Diario do Nordeste - Regional

Falta do equipamento torna água mais cara

equipamento

Por causa do alto custo para operar o gerador, a água está sendo bombeada para as cidades de Canindé e Caridade em dias alternados

FOTO: ANTONIO CARLOS ALVES


Canindé A luta para a instalação da Adutora de General Sampaio para Canindé durou mais de um ano e sofreu diversos transtornos. Agora, a Prefeitura de Canindé está investindo além do que era previsto para atender aos 45 mil moradores residentes na sede do Município com água nas torneiras, vinda do açude General Sampaio.

Inaugurada no último dia 21 de dezembro, a adutora, que fornece o recurso para os municípios de Canindé e Caridade, no Sertão Central, continua funcionando à base de gerador, porque o transformador de responsabilidade da Companhia Energética do Ceará (Coelce) ainda não foi ativado na localidade de Saquinho, em General Sampaio, e no Distrito de São Domingos, de onde segue o curso das águas.

A água sai do açude de General Sampaio até a estação da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) em São Domingos. Desse ponto, vai para a Estação de Tratamento da Cidade numa vazão de 300 milímetros.

De acordo com o Serviço Autônomo de água e Esgoto de Canindé (SAAE), para o funcionamento do sistema, são necessários, 110 litros de óleo diesel diariamente, usados pelo gerador. Da data de inauguração até o dia 29 de dezembro, o Governo do Estado pagou o óleo. Dessa data até o dia 24 de janeiro último, a Prefeitura de Canindé já liberou 30 mil e 400 litros de diesel para funcionamento do equipamento durante 247 horas. O litro do combustível custa hoje R$ 2,65, totalizando R$ 80.560.

Segundo Elias Teixeira, engenheiro sanitarista e ambiental do SAAE, desde que foi inaugurada, a adutora, funciona em média 10,3 horas dia.

Mesmo com todas as dificuldades, ocasionadas pela ausência do transformador, a sede do Município recebe atendimento em 70% de seu território. "Enquanto não for ligado o transformador, a Cidade continuará enfrentando esse problema crucial. Teremos água dia sim, dia não. Se o impasse for solucionado, a água chegará às torneiras diariamente", diz Elias Teixeira. Segundo ele, o órgão tem se esforçado para manter a boa qualidade da água pura e dentro dos padrões de consumo.

Sobre a adutora no distrito de São Domingos, a Coelce informou que, na localidade de São Pedro, a empresa aguarda pagamento da obra para prosseguir os trabalhos. Já referente à intervenção na localidade de Pedras Pretas, a companhia realizou vistoria e encontrou um defeito técnico. A Coelce alega estar aguardando a correção do citado defeito do sistema para dar continuidade à obra.

Reunião

A adutora, que beneficia cerca 58 mil cearenses, teve investimento de mais de R$ 22 milhões. Segundo o Prefeito de Canindé, Celso Crisóstomo, a expectativa é de que, por todo o dia de hoje, o problema da instalação dos transformadores em General Sampaio e São Domingos seja resolvido.

Para tal, ele tem reunião agendada à tarde com técnicos do Governo do Estado e da Coelce para discutiu medidas urgentes para acabar com o impasse.

O investimento necessário para colocar os transformadores em operação gira em torno de R$ 400 mil reais. O governador Camilo Santana, entretanto, pediu uma revisão dos custos.

Antônio Carlos Alves
Colaborador
Diario do Nordeste - Regional

Justiça volta impedir Raimundão fazer a contratação de empréstimo milionário


justica_2

Menos de 24 horas depois do prefeito Raimundo Macedo (PMDB) sancionar o projeto de lei que autoriza o pedido de empréstimo milionário de R$ 22 milhões, uma nova reviravolta foi dada pela Justiça para o caso. Nesta terça-feira (27), o juiz da 1ª Vara Cível de Juazeiro do Norte, José Acelino Jácome Carvalho concedeu nova decisão suspendendo a sessão da câmara, realizada em 18 de dezembro, na qual, o empréstimo foi autorizado. Com a decisão, Raimundão voltou a ficar impedido de contrair o empréstimo junto a uma instituição bancária.
Dessa vez, a decisão foi baseada no pedido interposto pelo vereador Tarso Magno (PR), que na última quinta-feira (22) decidiu entrar com o processo, após o desembargador do Tribunal de Justiça do Ceará, Francisco Mendes, concluir que o Ministério Público, autor da ação anterior, não teria legitimidade para ser o titular da ação.
Em suas razões, Tarso Magno alegou a incapacidade financeira do município contrair elevada quantia sem as devidas garantias de a médio prazo, os cofres da prefeitura não seja comprometidos com os juros e amortização da dívida, que só deve ser começar a ser quitada daqui a dois anos, muito provavelmente pelo futuro gestor do município.
Na segunda-feira (26), Raimundão sancionou o projeto de lei, mas terá de esperar mais um pouco por nova decisão judicial, já que a Procuradoria do Município, vai recorrer novamente da decisão de Justiça local.


Flavio Pinto News

Billabong faz doação de vestuários e calçados para comunidade carente de Santana do Cariri

 

billabong
Uma das maiores marcas de surfwear (moda surf) do mundo, a australiana Billabong faz nesta quarta-feira (28), uma ação social no município de Santana do Cariri. Através da Secretaria de Ação Social, a Billabong irá distribuirá R$ 500 mil em peças novas de vestuários (camisas, bonés, óculos, jaquetas, bermudas, entre outras peças) e calçados, para a população carente devidamente cadastrada no município.
Em todo o Nordeste brasileiro, a Billabong escolheu três municípios para ser contemplados com a doação. As outras duas ficam localizadas nos estados do Piauí e na Paraíba. No Piauí, o município escolhido receberá R$ 1,5 milhão em peças, enquanto na Paraíba serão distribuídas peças avaliadas em R$ 2,1 milhões.
Segundo a secretária de Ação Social de Santana do Cariri, Ana Abreu Machado,  a doação é feita pela Billabong International , através da G.M.S. Ltda, representante do Brasil da marca, cuja sede é na cidade de São Paulo. A ação social recebeu 288 volumes de peças novas.
Devido a grande quantidade peças recebidas, a distribuição dos vestuários e calçados serão feitas em várias etapas, sendo que a primeira acontece às 16 horas desta quarta-feira (28), na comunidade de sítio Ponta da Serra, quando, conforme Ana Abreu Machado serão contemplados cerca de 500 moradores. Nos próximos dias, outras comunidades serão agraciadas pela ação.
A escolha, segundo a secretária de Ação Social, ocorreu por meio do cadastro do bolsa família, beneficiando, exclusivamente, pessoas de baixa renda no município.

Flavio Pinto News

Prazo da cota única do IPVA termina nesta sexta-feira

ipva-atrasado-pagamento

Termina nesta sexta-feira (30), o praqzo para a quitação da cota única do IPVA 2015. Os boletos Já encontram-se disponíveis no site da Secretaria da Fazenda (www.sefaz.ce.gov.br). Este ano o pagamento será, prioritariamente, realizado por meio eletrônico. A cota única tem desconto de 5%.
Já o contribuinte que optar por parcelar o desembolso - sem nenhum abatimento especial - deverá pagar as parcelas, que não podem ser inferiores a R$ 50,00, nos dias 13 de fevereiro, 13 de março, 13 de abril e 13 de maio de 2015, em prestações iguais.
O IPVA 2015 poderá ser pago nos cartões de crédito vinculados ao Banco do Brasil ou Bradesco. Em 2015, 1.990.863 veículos foram tributados, com uma previsão de arrecadação de R$ 661,8 milhões.  A rede arrecadadora do IPVA inclui o Banco do Brasil, a Caixa Econômica, o BNB, Bradesco, casas lotéricas e farmácias Pague Menos.

Flavio Pinto News

Pena para roubo em residência pode aumentar em um terço

 

assalto1_4

Aumento da pena pode acontecer até mesmo nos casos em que não houver ninguém na residência.
Proposta (PL 7826/14) que tramita na Câmara dos Deputados quer aumentar em um terço a pena para roubos ou furtos cometidos em residências. O Projeto de lei, do deputado Marcos Rogério, do PDT de Rondônia, altera o artigo 157 do Código Penal.
A soma de um terço à pena já acontece em alguns casos. São exemplos disso: quando um carro é roubado e levado para outro estado ou país. Ou quando ocorre o uso de arma durante o assalto. O período de reclusão para os crimes comuns, sem o acréscimo de um terço, varia de dez a quatro anos, com multa.
Marcos Rogério explicou a necessidade da inclusão desse crime entre os crimes qualificados. Segundo ele, esse crime não é um crime comum. “A Constituição Federal diz que a residência é asilo inviolável. A Constituição Federal protege a residência, protege aqueles que estão dentro da residência. Logo, o crime de furto ou o crime de roubo cometido no ambiente da residência, no ambiente interno da residência, não pode ser julgado, não pode ser punido da mesma forma, que aquele mesmo crime cometido numa rua, naquele ambiente externo", afirmou.
Ainda segundo Rogério, mesmo que o crime seja cometido sem que haja alguém na residência, ele será classificado como roubo e não como furto, já que a violação da casa acontece da mesma maneira.
Atualmente, a matéria está em análise na Comissão de Constituição e Justiça e em seguida deverá ser apreciada em Plenário.

Fonte: Rádio Câmara

Começa consulta pública sobre lei do marco civil da internet

marcocivil

Lei foi sancionada em abril, mas ainda vai ser regulamentada. Cidadão também poderá opinar sobre futuro projeto de lei sobre proteção de dados pessoais.

Começa, nesta quarta-feira, a consulta pública sobre o decreto que vai

 

regulamentar a lei do marco civil da internet, sancionada em abril de 2014 (Lei 12.965/2014), e também sobre o anteprojeto de lei para a proteção de dados pessoais. O debate, organizado pelo Ministério da Justiça, é virtual e será realizado em duas páginas na internet.

A lei do marco civil define os princípios para uso da internet, os direitos e os deveres de usuários e de provedores de serviços de conexão e aplicativos na rede. O decreto vai tratar de temas como a neutralidade e a privacidade da rede e de como será feita a guarda dos registros de acesso à internet.

Já a proteção de dados pessoais será tema de um futuro projeto de lei. Segundo o secretário de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça, Gabriel Sampaio, a proteção à privacidade é uma garantia constitucional e as relações pessoais estão passando por transformações com a internet.

"O tema da proteção de dados pessoais assumiu uma importância ainda maior à medida que alguns fatos foram sendo revelados ao longo dos últimos anos em relação ao acesso de alguns dados não só de particulares, mas também de altas autoridades no nosso país."

Na Câmara, um dos pontos que causou polêmica durante a tramitação do projeto do marco civil foi o princípio da neutralidade de rede. Por este princípio, os provedores e demais empresas envolvidas na transmissão de dados não podem tratar os usuários de maneira diferente, mesmo que a velocidade contratada seja maior. A lei prevê que poderá haver exceções por motivos técnicos ou para serviços de emergência. Essas exceções dependem da regulamentação por decreto.

O vice-presidente da Comissão de Tecnologia da Informação da OAB do Distrito Federal, André Lins, acha importante a participação popular na consulta, mas salienta que muitas pessoas não têm conhecimentos técnicos sobre o assunto. Para ele, se, por exemplo, no caso de uma neutralidade, for questionado se elas preferem que seja priorizado determinado serviço para que ele seja mais rápido em detrimento de outros, pode ser que ela responda que sim porque é um serviço que ela utiliza com frequência, só que isso fere o direito dos outros de terem também o seu acesso garantido. “Então é importante que setores preparados da sociedade sejam consultados, e não de uma forma majoritária sem que as pessoas consigam identificar o que é mais importante no marco civil”, ponderou.

Para quem estiver interessado, a página da internet para colaborar com o decreto que vai regulamentar o marco civil é participacao.mj.gov.br/marcocivil e para sugestões para o projeto de lei sobre proteção de dados pessoais é dadospessoais.mj.gov.br. A consulta deve durar 30 dias, mas pode ser prorrogada.

Fonte: Rádio Câmara

Transtorno – Trem que liga Crato a Juazeiro funciona parcialmente

(Fonte: “Diário do Nordeste”)
Metrofor não esclareceu motivos do problema. População reclama da falta de informações sobre a falha. Demanda do transporte é estimada em 5 mil passageiros por dia, operando das 5h 30 às 22h30

 O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Cariri está sem funcionar plenamente desde segunda-feira (26). Usuários que já são acostumados com o transporte, hoje mais barato que o ônibus, para fazer a linha entre as cidades de Juazeiro do Norte e Crato reclamam da situação e dizem se sentir prejudicados, porque, segundo eles, na segunda, nenhum trem circulou e, ontem, apenas um funcionou.
"Na segunda-feira, cheguei cedo à estação, como de costume, mas soube que o trem não estava operando, aí tive que ir para um ponto de ônibus e acabei perdendo tempo. O ruim é que quando o metrô quebra eles não avisam antes para a gente não dar a viagem perdida", reclama a doméstica Elvira Lima.
O projeto é considerado de grande relevância social por beneficiar a camada da população de renda mais baixa. Porém, o que nasceu para prestar um serviço diferenciado com segurança, rapidez e pontualidade, requalificando o transporte intermunicipal, tem deixado a desejar em outras questões.
Uma antiga expectativa dos usuários, prometida no início do projeto, é de que a linha do Metrô fosse ampliada, com a construção de mais estações, para bairros mais afastados nos dois municípios e até para as outras cidades da região metropolitana do Cariri.
Insatisfação
Mas o serviço continua restrito e, por conta disso, o número de pessoas atendidas é menor que o previsto inicialmente. Hoje, a linha conta com nove estações de passageiros.
A passageira Fátima Cardozo comenta que gosta do transporte ferroviário e já se acostumou a usar o metrô, porém acha que a quantidade de estações deveria ser expandida, para que mais pessoas possam aderir. Ela também aponta que, ocasionalmente, os trens sofrem problemas de circulação, mas, em sua opinião, as falhas são normais. "Em todo transporte tem problema", diz.
O Metrô do Cariri tem uma extensão total de 13,9km, ligando os municípios de Crato e Juazeiro do Norte. O trecho adotado é o mesmo do antigo ramal ferroviário do Crato, utilizado pela Rede Ferroviária Federal S.A. (RFFSA), até o início dos anos 1980.
Demanda
O material rodante é composto por duas composições, formada por dois carros equipados com ar condicionado, passagem tipo gangway e capacidade de transporte de 330 passageiros por composição.
A velocidade máxima operacional é de 60km/h. A demanda inicial foi estimada em 5 mil passageiros por dia, com período operacional entre 5h30 e 22h30. Ao todo, são realizadas 38 viagens em cada sentido, somando de 76 viagens por dia.
O Metrô do Cariri foi implantado a partir de um convênio entre o Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria de Infraestrutura (SEINFRA), e as prefeituras de Juazeiro do Norte e Crato, tendo por objeto a Cooperação técnica, financeira e administrativa para a implementação do Metrô.
Expansão
O Metrô do Cariri foi inaugurado em 1º de dezembro de 2009, com o início da Operação Assistida (Operação Branca), caracterizada por testes dos equipamentos envolvidos (trem, via, estações e sinalização). Por enquanto, a operação ocorre somente nas estações Crato e Juazeiro. A proposta inicial seria interligar, pelo sistema de Veículo Leve sobre Trilhos, outros municípios da região do Cariri, mas o projeto ainda está somente no papel.
A reportagem não conseguiu entrar em contato com a administradora do Metrô do Cariri até o fechamento desta edição.

Corrupção na Petrobrás: maior empresa brasileira divulga balanço trimestral sem baixas por corrupção

(Fonte: “O Estado de S. Paulo”)
Companhia anuncia que números não foram revistos por auditoria; lucro teve queda de 38% com relação ao trimestre anterior

A Petrobrás divulgou na madrugada desta quarta-feira, 28, depois de dois adiamentos, o balanço financeiro da companhia no último trimestre. A estatal não contabilizou, no entanto, os impactos sofridos pelas denúncias de corrupção, apuradas pela Operação Lava Jato. No documento, disponível à imprensa em seu site oficial, a Petrobrás informa que as "demonstrações contábeis não revisadas pelos auditores independentes do terceiro trimestre de 2014 tem o objetivo de atender obrigações da Companhia (covenants) em contratos de dívida e facultar o acesso às informações aos seus públicos de interesse, cumprindo com o dever de informar ao mercado e agindo com transparência com relação aos eventos recentes que vieram a público no âmbito da Operação Lava Jato".
Reconhece, ainda, que deverá fazer ajustes para corrigir os valores, de acordo com o impacto da investigação corrente, e afirma que está avaliando metodologias para atender às exigências de órgãos reguladores. O relatório não passou por uma auditoria independente. Sendo assim, a Petrobrás anuncia ter lucrado R$ 3.087 milhões no último trimestre de 2014, valor 38% menor ao do trimestre anterior.
A presidente da empresa, Graça Foster, faz um comentário no relatório para explicar a divulgação do balanço. "Como é de notório conhecimento, a Petrobras enfrenta um momento único em sua história. Em março de 2014, a “Operação Lava Jato”, deflagrada pela Polícia Federal com o objetivo de investigar suspeitas de lavagem de dinheiro, alcançou a Petrobras com a  prisão do ex-diretor de Abastecimento da Companhia Paulo Roberto Costa, que está sendo investigado pelos crimes de corrupção, peculato, dentre outros." Além de explicar os resultados, Foster deixa claro que a Petrobrás tem interesse em adequar os valores. "Continuamos trabalhando para produzir as demonstrações financeiras revisadas pelo Auditor Externo (PwC) no menor tempo possível, não apenas em relação aos ajustes nas demonstrações contábeis, mas também à necessidade de aprimoramento dos nossos controles internos."

“Dom Fernando é uma figura emblemática para o Nordestão de Liturgia”, afirmou o representante da CNBB – por Patrícia Silva

“O curso “Nordestão de Liturgia” estava passando por uma crise a nível nacional, mas quando Dom Fernando Panico o assumiu, esta capacitação  desenvolveu, cresceu e estamos impressionados como o treinamento está realmente bem estruturado. Dom Fernando é uma figura emblemática para o Nordestão de Liturgia”, afirmou o Pe. Gustavo Haas, assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Liturgia da CNBB.

A 19ª edição do curso  Nordestão de Liturgia, que há sete anos acontece na diocese de Crato, que foi encerrada dias atrás, e foi avaliada de forma positiva por seus participantes que vieram de cinco estados nordestinos – Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e Pernambuco -, além de participantes dos estados  do Amazonas, Pará, Espírito Santo e São Paulo. No Nordestão de Liturgia os participantes passam por três etapas de estudo, realizada uma a cada ano. Na primeira etapa acontece uma introdução geral a liturgia onde são abordados temas relacionados ao ano litúrgico, o espaço litúrgico, o que é a liturgia e a história da liturgia; a segunda etapa é dedicada aos sacramentos; e a terceira etapa visa abordar questões sobre como trabalhar a pastoral litúrgica nas comunidades, paróquias e dioceses, tudo dentro do contexto da Constituição Sacrosanctum Concilium, que promoveu a reforma da liturgia.
Para o Pe. Valter, que mora em Manaus e participa da terceira etapa, o curso faz com que aconteça uma liturgia onde se vibra mais, em que se sente a celebração. “A experiência da liturgia bem celebrada que vivenciamos aqui levarei para Manaus como exemplo, força e entusiasmo”, disse.
Em 2016 o Nordestão de Liturgia acontecerá de 11 a 21 de janeiro, em Crato- CE.

Edições Anteriores:

Novembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30