xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 19/01/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

19 janeiro 2015

Funceme divulgará prognóstico da quadra chuvosa de 2015 nesta terça-feira (20)

Chuvas_Sertao

O prognóstico climático para a quadra chuvosa de 2015 no Ceará, elaborado pela Fundação Cearense de Recursos Hídricos (Funceme), será divulgado na próxima terça-feira, dia 20 de janeiro, às 10 h, no auditório do Palácio da Abolição, sede do Governo do Estado. Trata-se de uma das mais relevantes informações para a orientação de políticas públicas nas áreas de agricultura e gestão de recursos hídricos, com impactos também em outros setores da sociedade.

O Governo Estadual, sensibilizado da gravidade do panorama da seca no Ceará, que chega em 2015 ao quarto ano consecutivo, enxerga a importância do prognóstico e trata a questão dos recursos hídricos como prioridade. Atualmente, 176 dos 184 municípios cearenses têm decretos de estado de emergência por consequência da estiagem. E a situação dos açudes também preocupa, pois nos 149 reservatórios monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), há disponíveis somente 20,4% da capacidade de armazenamento de água, havendo várias regiões do Estado em que o sistema de reservatórios está abaixo dos 10%.

“Somente um cenário de chuvas acima da média e bem regulares poderá atenuar o cenário atual da seca no Ceará. A Funceme fez prognósticos em novembro e em dezembro de 2014 e, em ambos, as condições dos oceanos não nos deram bons sinais. Agora em janeiro, rodamos novamente os modelos globais e o resultado será apresentado na terça-feira. Acho importante lembrar que desde novembro de 2013, a Funceme demonstra preocupação com 2015, devido à atuação do El Niño. O prognóstico apontará as probabilidades de como será o acumulado de precipitações nos meses de fevereiro, março e abril de 2015”, explica Eduardo Sávio Martins, colaborador da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Segundo ele, desde o início do atual ciclo de estiagem, em 2012, o Governo do Estado toma medidas para melhorar a convivência com a Seca, como investir na ampliação e integração da rede de distribuição de água, repasse de toneladas de milho para alimentação animal, além de ações mais emergenciais como carros-pipa e instalação de adutoras de engate rápido para os municípios e localidades com situação mais crítica. “Estive recentemente reunido com o governador Camilo Santana e apresentei as previsões. Ele garantiu que vai manter e incrementar o conjunto de ações para amenizar os danos da seca”, afirma Martins.

Workshop

Para chegar às probabilidades de cada categoria do prognóstico (acima da média, em torno da média e abaixo da média), a Funceme, analisa os modelos atmosféricos do Superconjunto Nacional, composto pela modelagem global da instituição cearense com o Centro de Previsão do Tempo de Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE) e do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Essa análise aconteceu no dia 19 de janeiro, durante o “XVII Workshop Internacional de Avaliação Climática para o Semiárido Nordestino”, realizado no auditório da Funceme, com a participação de meteorologistas de centros estaduais, nacionais, da Europa e América do Norte. A reunião técnica é fechada para imprensa ou visitantes.

Como o prognóstico climático apontará para o próximo trimestre e a quadra chuvosa oficial no Ceará engloba os meses de fevereiro, março, abril e maio, a Funceme fará, no fim de fevereiro, nova avaliação dos modelos para apontar as probabilidades de como serão as precipitações acumuladas de março a maio.

Serviço:

Coletiva de divulgação do prognóstico da quadra chuvosa de 2015 no Ceará
Data: 20 de janeiro de 2015
Horário: 10 h
Local: Local: Auditório do Palácio da Abolição (Rua Silva Paulet, 400 – Meireles)

 

Assessoria de Comunicação

Comitê da Seca apresenta balanço do Programa Água para Todos

AguaPara_Todos1

O Comitê Integrado da Seca reuniu, na manhã desta segunda-feira (19), representantes dos municípios atingidos pela estiagem, na ocasião, foi apresentada a prestação de contas do programa “Água para Todos” no ano de 2014.

O coordenador estadual do Programa, Wanderley Guimarães, apresentou os números do programa Água para Todos até o final de 2014. Segundo ele, mais de 67 mil famílias foram beneficiadas com o programa, por meio de 1.366 projetos, cujo investimento foi superior a R$ 274 milhões, em parceria com o Ministério da Integração Nacional.

Foram licitados mais de 600 poços, dos quais 336 já foram perfurados e os demais já estão sendo encaminhados para a instalação. Além desses dados, foram apresentadas também as demandas de ações sociais que já ajudaram mais de 58 mil famílias com 1.301 projetos.

“O aumento das perfurações ocorreu, principalmente, pela adoção da nova política de perfuração de poços, implantado em julho, que determina que toda e qualquer solicitação para perfuração de novos poços deverá vir acompanhada do devido estudo geofísico, medida que reduz a quantidade de perfurações ociosas e superexpostas no enfrentamento da seca”, afirmou Wanderley.

Milho

O secretário do Desenvolvimento Agrário e presidente do Comitê Integrado da Seca, Dedé Teixeira, informou que será encaminhado um documento ao governador Camilo Santana para que ele negocie diretamente com o Ministério da Agricultura e Pecuária e com o Palácio do Planalto o envio de maior estoque de milho para o Ceará.

Segundo ele, o governador Camilo Santana deve juntar-se a outros governos, como Rio Grande do Norte e Paraíba, que são os três principais estados com o problema, para que garanta o estoque do milho para pequenos produtores e subsídios para combater a falta d’água. “Estou aberto para ouvir os prefeitos e representantes que colocam as suas reivindicações diante da necessidade de ações emergenciais por conta da estiagem e farei os devidos encaminhamentos, colaborando com os interiores, tentando soluções e agilizando os projetos, para que a situação seja resolvida”, frisou o secretário.

Na reunião, também entrou em pauta a volta do decreto que garante o estoque para a comercialização do milho, a garantia do subsídio de R$ 18,13 a saca de 60 kg. Hoje, com a extinção do decreto, o preço é bem superior.

Água

Os municípios também apresentaram demandas de ações de abastecimento de cada um. Segundo o secretário Dedé Teixeira, o governador Camilo Santana vai anunciar várias ações, de curto e médio prazos, que serão necessárias nesse momento, já que essas ações estão se transformando em prioridade máxima.

 

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado do Ceará

Casa Civil

Prefeitos discutem crise em hospitais

hospitaliguatuO Hospital Regional de Iguatu recebe pacientes de dez municípios. Problemas serão debatidos com o secretário da Saúde do Estado

Foto: Honório Barbosa

Iguatu. Na manhã de hoje, os prefeitos e secretários de Saúde de municípios que são sedes de hospitais polos regionais vão discutir a crise financeira e de gestão que atinge as unidades. O futuro desses hospitais será debatido com o titular da Saúde do Estado, Carlile Lavor. Os problemas vêm se acumulando a cada mês e alguns já debatem a possibilidade de repassar os equipamentos para o governo estadual ou mesmo de deixarem de ser referência regional.

Inicialmente, haverá um encontro entre os gestores e assessores para definirem propostas comuns que serão apresentadas a Carlile Lavor em reunião ampla a partir das 11h, na sede da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece). "A crise financeira vem se agravando e esses hospitais que recebem pacientes de uma determinada região estão sem condições de oferecer atendimento adequado", disse o presidente interino da Aprece, Expedito Nascimento.

O prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara, disse que o Governo do Estado permanece com repasse atrasado no valor de R$ 390 mil e o Governo Federal, desde dezembro de 2013, atrasa parcelas no valor de R$ 400 mil.

Na manhã da sexta-feira passada, Carlile Lavor esteve em Iguatu e discutiu a crise financeira e de gestão do Hospital Regional, que é da Prefeitura e recebe pacientes de dez municípios. A precariedade no atendimento vem se agravando: faltam anestesistas, cirurgiões e pacientes são atendidos em corredores e em cadeiras.

Diario do Nordeste - Regional

Parapente cai e fere três pessoas em Aracati

parapenteO parapente teria sido atingido por uma rajada de vento causada pela aproximação de um outro equipamento de voo. Ao perder sustentação, os turistas e o piloto foram arrastados pela ventania por oito metros

Foto: Kléber A. Gonçalves

Aracati. Pai e filha, turistas de São Paulo, e o piloto sofreram queda durante voo de parapente na tarde de ontem, na praia de Canoa Quebrada, no município de Aracati. Ao perder altitude após ser atingido por uma rajada de vento, o trio foi arremessado ao topo de uma falésia e arrastado por oito metros. Os turistas feridos residem na cidade de Presidente Prudente (SP) e vieram passar férias no Ceará. O acidente ocorreu às 15h40, quando muitas pessoas deixavam a praia devido ao aumento das marés.

Apesar de ser atividade comum e intensa na alta estação, o voo de parapente necessita de fiscalização, inexistente em Canoa Quebrada.

Carlos Oliveira, 61 anos, e sua filha Talita Aparecida de Oliveira, 26, faziam o passeio em voo livre com o instrutor Jerome Saunier, chamado de Jerônimo e conhecido nacionalmente por ser o autor do primeiro voo de parapente no Brasil. Há 25 anos, ele atua com este esporte em Canoa Quebrada, sendo o mais experiente do ramo.

Carlos sofreu uma pancada na cabeça e Talita apresenta arranhões e fortes dores na perna esquerda. Jerônimo teria recebido o maior impacto na queda ao acumular parte do peso dos dois passageiros caídos sobre ele. Não houve procedimento planejado de resgate. As três pessoas ficaram no chão, enquanto outros turistas e alguns parapentistas tentavam socorrê-las.

Uma ambulância do Samu foi acionada, mas, passados dez minutos do acidente, as três vítimas foram encaminhadas em carros particulares para o Hospital Regional de Aracati. No momento da queda, várias pessoas aguardavam voo.

De acordo com pilotos que testemunharam o acidente, o mesmo teria ocorrido após uma rajada de vento causada pela aproximação de outro equipamento de voo cruzando a linha imaginária do voo triplo. Ao perder sustentação, os três foram arrastados pelo vento em horizontal. O voo só foi interrompido após o equipamento encontrar como obstáculo um veículo parado no fim da rua, na região superior da falésia. "Se eles encontrassem um campo aberto, teriam sido arrastados por mais tempo ou até mesmo alçado voo, já que, ao cair, o equipamento se manteve aberto pela força do vento. O piloto experiente evitou o pior", afirma o instrutor Ulisses Sousa.

Legalização

A prática esportiva de parapente é legalizada, mas com ressalvas. Nesta alta estação, que dura até o Carnaval, milhares de voos são realizados, chegando a uma média de mais de 100 decolagens durante o dia.

No entanto, as irregularidades da atividade em Canoa, embora frequentes, raramente são objeto de fiscalização. Isso porque a prática, enquanto atividade econômica, é permitida, desde que com fins de treinamento.

Em miúdos, o turista com interesse em treinar voos paga pelas aulas, tornando-se um "aluno". Na realidade, a "aula" é um voo com tempo médio de dez minutos que muitos turistas já incluem no roteiro de aventura das férias.

O próprio piloto Jerônimo é conhecido por defender a capacitação e credenciamento dos que entram como instrutores, para garantir mais segurança. Em Canoa Quebrada, são duas equipes de pilotos, vendedores e auxiliares que realizam as "aulas-passeio", ao custo de R$ 100 por pessoa.

"A fiscalização seria de responsabilidade da Guarda Municipal de Aracati. Mas não temos nem como fiscalizar, não há pessoal suficiente, já temos a responsabilidade de fiscalizar o trânsito", disse um guarda municipal.

Melquíades Júnior
Repórter

|Diario do Nordeste - Regional

Governo aumenta impostos para arrecadar R$ 20,6 bilhões

EQUIPE ECONOMICA/ANUNCIO

(Foto: Estadão Conteúdo)
O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, anunciou, há pouco, medidas de aumento de tributos para reforçar a arrecadação do governo. De acordo com o ministro, o objetivo é obter este ano R$ 20,6 bilhões em receitas extras. A maior arrecadação virá da elevação do Programa de Integração Social (PIS) e da Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins) sobre os combustíveis e do retorno da Contribuição para Intervenção no Domínio Econômico (Cide).
O aumento conjunto dos dois tributos corresponderá a R$ 0,22 por litro da gasolina e R$ 0,15 por litro do diesel. O governo espera obter R$ 12,2 bilhões com a alta, que entrará em vigor em 1º de fevereiro.
Por causa da regra da noventena, que estabelece que a elevação de tributos das contribuições só pode entrar em vigor 90 dias depois do anúncio, o governo temporariamente elevará apenas o PIS e a Cofins em R$ 0,22 por litro da gasolina e R$ 0,15 por litro do diesel. Depois desse prazo, o reajuste do PIS/Cofins cai para R$ 0,12 para a gasolina e para R$ 0,10 para o diesel. A Cide subirá R$ 0,10 por litro da gasolina e R$ 0,05 por litro do diesel.

Alegando não ser responsável pelo preço dos combustíveis, Levy evitou comentar se a medida se refletirá em preços mais altos para os consumidores. “O preço vai depender da evolução do mercado e da política de preços da Petrobras. Essa decisão não é do Ministério da Fazenda, mas da empresa”, declarou. Teoricamente, a estatal tem condições de reduzir os preços nas refinarias para absorver o aumento dos tributos. Isso porque a gasolina e o diesel atualmente estão acima do preço internacional do petróleo.
Além dessa, o ministro anunciou mais três medidas, entre as quais o aumento do IPI sobre os atacadistas de cosméticos. Um decreto vai equiparar o atacadista ao industrial. Até agora, apenas as indústrias pagavam o tributo. Segundo Levy, o objetivo é tornar mais homogênea a incidência do imposto na cadeia produtiva do setor. Com essa medida, o governo pretende reforçar a arrecadação em R$ 381 milhões em 2015.
Outra medida é o aumento do PIS e da Cofins sobre os produtos importados. A alíquota subirá de 9,25% para 11,75%. Levy explicou que a alta foi necessária para corrigir a distorção provocada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), que eliminou o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) da base de cálculo do PIS/Cofins das mercadorias importadas.
“Com a decisão do Supremo, o produto importado pagava menos PIS/Cofins que o produto nacional”, disse o ministro. O governo espera obter R$ 700 milhões neste ano com os tributos sobre as mercadorias importadas.
Outra decisão diz respeito ao Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) no crédito para pessoas físicas, cuja alíquota dobrará de 1,5% para 3% ao ano. A alíquota de 0,38% cobrada na abertura da operação de crédito está mantida. Dessa forma, o tomador de crédito, que pagava 1,88% ao ano, passará a pagar 3,38%. De acordo com a Receita Federal, o aumento renderá R$ 7,4 bilhões aos cofres federais este ano.

Agência Brasil

Astrônomos descobrem dois novos planetas no nosso Sistema Solar

planeta

O Sistema Solar tem, pelo menos, mais dois planetas esperando para ser descobertos, além da órbita de Plutão, anunciaram astrônomos britânicos e espanhóis nesta segunda-feira.

A lista oficial de planetas do nosso sistema solar inclui oito corpos solares, entre os quais o gigante gasoso Netuno é o mais afastado.

Além de Netuno, Plutão foi relegado ao status de "planeta anão" pela União Astronômica Internacional, em 2006, embora seja considerado por alguns o planeta mais distante do sol.

Em um estudo publicado na última edição do periódico mensal Monthly Notices, da Sociedade Astronômica Real, cientistas propõem que há "pelo menos" dois planetas além de Plutão.

Seus cálculos se baseiam no comportamento orbital incomum de rochas espaciais muito distantes, denominados objetos transnetunianos, ou ETNOs, na sigla em inglês.

Em teoria, os ETNOs deveriam estar dispersos em uma faixa de cerca de 150 Unidades Astronômicas (UA) do Sol.

Uma UA, medida de distância do Sistema Solar, corresponde ao espaço entre a Terra e o Sol: quase 150 milhões de quilômetros.

Os ETNOs também deveriam estar, mais ou menos, no mesmo plano orbital que os planetas do Sistema Solar.

Mas observações de cerca de uma dúzia de ETNOs sugeriram uma imagem bem diferente, segundo o estudo.

Se a pesquisa estiver correta, os cientistas deduzem que os ETNOs se dispersaram muito mais amplamente, entre 150 e 525 UA, com uma inclinação orbital de cerca de 20 graus.

Para explicar esta anormalidade, o estudo sugere que alguns objetos muito grandes, como planetas, devem estar nos arredores e sua força gravitacional está influenciando os ETNOs, muito menores, ao redor.

"Este excesso de objetos com inesperados parâmetros orbitais nos leva a crer que algumas forças invisíveis estão alterando a distribuição" de ETNOs, disse Carlos de la Fuente Marcos, da Universidade Complutense de Madri.

"O número exato é incerto, uma vez que os dados que temos são limitados, mas nossos cálculos sugerem que há pelo menos dois planetas e, provavelmente, mais, nos confins do nosso Sistema Solar", noticiou a agência de notícias científicas espanhola Sinc, citando o cientista.

"Se isto se confirmar, nossos resultados podem ser realmente revolucionários para a astronomia", concluiu.

Até agora, não há evidências diretas que sustentem esta teoria.

 

Por Por Richard INGHAM | AFP

Homem suspeito de integrar quadrilha do PCC é preso em Juazeiro do Norte

armapcc

 

FOOT: DIVULGAÇÃO PM

 

Arma estava municiada com dois cartuchos intactos, conforme a PM

Um suspeito de integrar a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), identificado como Vanderlei Nunes Santana, 26, foi preso no último domingo, 18, emJuazeiro do Norte, 493,4 km de Fortaleza. O homem estava sendo monitorado pela Polícia Militar do município e foi detido por posse ilegal de arma de fogo.
Segundo informações do 2º Batalhão de Polícia Militar de Juazeiro, Varderlei foi prso em flagrante por volta das 12horas, com um revólver Taurus de clibre 32. Ele está detido na Delegacia Regional do município e é investigado pela participação na quadrilha, ainda não confirmada pela Polícia.
O Primeiro Comando da Capital (PCC) é considerado a maior e mais organizada facção criminosa do Brasil. Foi criado por oito presos, em 31 de agosto de 1993, durante uma partida de futebol realizada no Anexo da Casa de Custódia de Taubaté (SP), que era considerada a prisão mais segura do Estado.

Redação O POVO Online

Após paralisação, alunos da Urca voltam às aulas em Juazeiro do Norte

 

URCA2Cerca de 10 mil alunos retornaram às atividades nesta segunda. Estudantes do Centro de Artes não tiveram aulas.

Depois de mais de três meses de paralisação, cerca de 10 mil alunos em 17 cursos superiores voltou às aulas nesta segunda-feira (19) na Universidade Regional do Cariri (Urca), em Juazeiro do Norte. Após assembleia na semana passada, a maioria dos professores aceitou a proposta do Governo do Estado de voltar ao trabalho para que haja concurso público com vagas efetivas. Segundo o vice-reitor da Urca, Patrício Melo, serão pelo menos 62 vagas de imediato para o Cariri.

O calendário universitário está atrasado em pelo menos seis meses. O Centro de Artes da Urca foi o único que não retomou às atividades depois da greve na manhã desta segunda-feira. Segundo alunos e professores, seriam necessários pelo menos 12 docentes efetivos para os cursos de artes visuais e teatro, mas o quadro atual conta com dois em cada um deles para mais de 450 estudantes do Centro de Artes.

De acordo com a Urca, o colegiado, formado por professores e coordenação, decidiu retomar as atividades no dia 26 de janeiro. Com professores efetivos e substitutos, o curso de Artes Visuais volta com apenas quatro docentes e o de Teatro, com cinco. "A luta ainda não cessou. Estamos esperando que a greve ainda tenha o impacto com professores efetivos e também estrutura", afirmou o estudante de Artes Visuais, Ras Luna.

"Nós colocamos toda a equipe administrativa da universidade para, na maior brevidade possível, dá encaminhamento à publicação de edital e, naturalmente, o processo de seleção para professor efetivo da Urca", afirmou o vice-reitor da universidade.

G1-CE

Primeira dama do Estado, Onélia Leite Sobreira vai entregar centro educacional em Santana do Cariri

 

OnaliaLeite

A Secretaria de Assistência Social do Estado vai entregar no próximo dia 29, um centro de educação infantil em Santana do Cariri. A unidade será instalada no distrito de Brejo Grande e deverá contar com a presença da primeira dama do Estado, Onélia Leite Sobreira (foto) e do secretário da pasta, Josbertini Clementino e coordenador do Proares, Roberto Luís. O centro educacional será entregue a prefeita Danieli Machado.
Segundo a prefeita de Santana do Cariri, a inauguração do Centro é um sonho antigo da população de Brejo Grande e todo o município, que lutavam por essa conquista. "Graças a parceria com o governo estadual, estamos tornando esse sonho em realidade", comemorou Danieli Machado.
(Com informações de Amaury Alencar)

Flavio Pinto News

Além de pedir suspensão do início das aulas na Faculdade de Medicina de Juazeiro do Norte, Ministério Público quer também a suspensão do vestibular

fmj

Como esse blog adiantou no último dia 14, o Ministério Público do Estado do Ceará entrou com uma Ação Cautelar preparatória de Ação Civil Pública requerendo a suspensão do resultado final do Vestibular 2015.1 da Estácio FMJ – Faculdade de Medicina Estácio de Juazeiro do Norte por suspeita de fraude durante o certame. O documento foi assinado no último dia 13, pelo promotor de Justiça Lucas Felipe Azevedo de Brito. O processo aguarda decisão judicial da 1ª Vara Cível de Juazeiro do Norte.
A ação também pede pela suspensão do início das aulas da nova turma que se iniciaria com os candidatos aprovados. O prazo mínimo proposto seria de 30 dias e até que fossem cumpridas as diligências pleiteadas, como a divulgação da Estácio FMJ, em seu sitio eletrônico, do resultado dos recursos apresentados pelos candidatos que questionaram a correção das provas.
Denúncias apontam que teria ocorrido uma manipulação no resultado final do Vestibular 2015.1, realizado pela Faculdade de Medicina de Juazeiro do Norte. Há indícios de que nomes de candidatos, que não apareciam nas duas primeiras listagens de aprovados, teriam sido inseridos numa terceira e última listagem divulgada posteriormente. Além disso, testemunhas ouvidas pelo Ministério Público afirmam que a Instituição de Ensino não divulgou o resultado dos recursos apresentados pelos candidatos que questionaram a correção da Redação e das provas discursivas de Biologia e de Química. As notas das matérias da prova objetiva (Língua Portuguesa, Espanhol ou Inglês, Matemática, Física, Biologia, Química e Cultura Geral) também não foram divulgadas.
(Com informações do MPCE)

Gasolina vai subir R$ 0,22 e diesel R$ 0,15

combustivel

O ministro da Fazenda, Joaquim Levy, anunciou nesta segunda-feira (19) uma série de aumentos de impostos, que devem incrementar o caixa do governo em R$ 20 bilhões neste ano. O pacote incluiu a volta da Cide (tributo regulador do preço de combustíveis, zerada desde 2012) e aumento de PIS/Cofins sobre a gasolina. Juntos, a alta desses tributos representará uma arrecadação de R$ 12,2 bilhões.
A alta nos impostos sobre a gasolina será de 22 centavos sobre o litro, e de 15 centavos para o litro do diesel. O repasse para os preços dependerá de decisão da Petrobras, disse Levy. "Não tenho envolvimento com política de preço da Petrobras", disse.
A alta na taxação do combustível começa a partir de 1º de fevereiro. Como a alta da Cide precisa esperar um período regimental de 90 dias, o PIS/Cofins será maior até a alta da Cide entrar em vigor.
Alta do IOF
Outra medida foi o aumento do IOF (Imposto Sobre Operações Financeiras) sobre empréstimos e financiamentos a pessoas físicas, de 1,5% para 3%. Segundo Levy, será mantida a alíquota de 0,38% por operação. Essa medida vai representar arrecadação extra de R$ 7,4 bilhões.
O governo alterou a cobrança de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) do setor de cosméticos, equiparando o atacadista ao produtor industrial. Segundo Levy, a medida vai organizar o setor e dar mais transparência aos preços. Outra medida foi o aumento da alíquota do PIS/Cofins sobre importação, que passa de 9,25% para 11,75%.
Segundo Levy, o ajuste corrige decisão da Justiça de eliminar do cálculo o ICMS de importação, favorecendo a competitividade da produção doméstica.
Levy defendeu que as medidas têm objetivo de "aumentar a confiança da economia". "No conjunto, o efeito é aumentar a confiança, a disposição das pessoas em investir, tomarem risco, de o empresário começar a pensar em novas coisas. Isso reflete nos indicadores financeiros.
(DN)

Fidelidade doutrinária - Por: Emerson Monteiro

Dentre as argumentações de Allan Kardec a propósito da verdade espírita como instrumento divino de redenção, uma há que, por si, suficiente seria à defesa da tese: a concordância dos ensinos, na mesma ocasião em todos os lugares onde eram recolhidos através do fenômeno mediúnico.

Quando as guarnições do Espírito da Verdade se lançaram a campo, nos diversos centros, distantes ou próximos, sobretudo na Europa, médiuns foram acionados e o confronto das comunicações coincidiu em seus postulados essenciais.

Os temas abordados deixaram entrever, com clareza, conceitos reencarnatórios, de mundos habitados, escala dos espíritos, leis morais, dentre outros, sem contradições que comprometessem a brisa nova que percorria a crosta terrestre.

Depois, o trabalho veio se materializar com a participação firme de Kardec, o bom senso encarnado, no dizer de Camille Flammarion. Em O Livro dos Espíritos se localizam as estruturas basilares da filosofia transformadora, em l.0l9 perguntas, feitas pelo Codificador, numa visão científica da necessidade humana de conhecer os segredos universais e respondidas pelos espíritos a serviço da Terceira Revelação.

Em tudo, e por tudo, há coerência lógica. Os membros da Sociedade de Ciências de Paris, no ano de l857, na ocasião do lançamento de tal obra, foram unânimes em asseverar que ali estavam respondidas todas as perguntas que qualquer estudioso, de sã consciência, faria sobre a vida após a morte.

Esse patrimônio, hoje, supre as interrogações que se arrastaram durante tantos séculos, herança benfazeja daqueles que têm o merecimento de alcançar. Portanto, digno do respeito das coisas sublimes, alívio dos aflitos, alimento dos famintos, bálsamo dos feridos e código do Amor de Deus, a informação espiritista deve ser, desta forma, apreendida e praticada, para mostrar toda a sua pujança transformadora.

Pois se trata de edifício doutrinário que não contém reparos, nem os comporta, uma vez apagar as dúvidas com fachos luminosos de transparência sem precedente na história dos humanos.

Felizes dos seres que galgarem a compreensão da Doutrina dos Espíritos, estabelecendo vidas em suas pautas de Luz. Quando assim se der com a Humanidade inteira, a Terra será morada de uma raça espiritual superior, e Jesus-Cristo voltará a viver no meio de nós.

“O País foi enganado”, afirma Aécio Neves à Veja

A revista Veja que começou a circular neste fim de semana, traz uma entrevista com o presidente nacional do PSDB, senadorAécio Neves. A publicação aborda nesta edição as contradições entre o que foi prometido pela candidata Dilma Rousseff na eleição e as primeiras medidas anunciadas pela presidente reeleita, como o aumento da conta de luz, a elevação de impostos e o corte de direitos trabalhistas. Na entrevista, Aécio relembra que durante a campanha, Dilma Rousseff negou a necessidade de fazer ajustes para a economia retomar o crescimento. Ele afirma também que a presidente escolheu o caminho “do estelionato eleitoral” e que terá dificuldade para cumprir as promessas feitas aos brasileiros.
“A candidata, mesmo conhecendo a gravidade do quadro econômico, não apenas negava a necessidade de ajuste como atacava aqueles que faziam o alerta. Assistimos agora a um estelionato eleitoral sem precedentes, pois o governo terá de fazer um ajuste fiscal muito mais duro do que seria necessário no caso do PSDB, porque o mercado sabe que foi a própria presidente Dilma, que deliberadamente, entregou ao seu mandato uma herança maldita”, disse à Veja Aécio Neves. Em seguida, o tucano resume o que ocorre no momento: “Assistimos a um governo fazendo o oposto do que prometeu. Isso explica o grande sentimento de frustração e perplexidade que se percebe no país. Muita gente se sente enganada”. A entrevista completa está disponível na edição impressa e nas versões para smartphones e tablets.                    

Em meio a divergências, PSDB começa a auditar dados da eleição presidencial

(Fonte: site Terra)
O PSDB concluiu a formação do grupo que será responsável pela auditoria do resultado das eleições e os trabalhos começaram nesta semana em Brasília, mas o partido está dividido sobre o que fazer depois da conclusão da análise. Oito especialistas do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA) e da Poli/USP foram selecionados e estão analisando 30 gigabytes de material. O grupo, que será remunerado pelo PSDB, terá 60 dias para apresentar o resultado. Será escrutinado um volume de informação equivalente a 7 mil edições-padrão da Bíblia, segundo cálculo do Estadão Dados. Cada Bíblia tem 4 MB e meio de volume de informação.
A expectativa com o resultado da apuração é grande no PSDB. Quando o coordenador jurídico da campanha presidencial de Aécio Neves, o deputado federal Carlos Sampaio (SP), pediu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a auditoria especial quatro dias depois do pleito, a decisão incomodou parte dos tucanos. Além de reclamarem que não houve debate interno sobre o tema, membros do PSDB diziam, reservadamente, que o resultado da investida podia ser um "tiro no pé". Presidente da sigla, Aécio chancelou a iniciativa.
Embora o repúdio à ação do PSDB, considerada "oportunista", seja unânime no PT, o partido questiona internamente há vários anos a segurança do sistema de urnas eletrônicas. Desde 2002 o PT tem um núcleo técnico encarregado de fiscalizar e acompanhar as mudanças do sistema. Dirigentes importantes do PT defendem aprimoramentos como, por exemplo, a impressão dos votos, como forma de garantir a possibilidade de auditorias. "O PSDB deveria se preocupar em aprimorar o processo eleitoral de forma que se possa fazer auditorias seguras com a adoção do voto impresso. Da forma como age neste momento, o PSDB questiona a democracia, e não o processo. Vamos olhar para a frente", disse o secretário-geral do PT, Geraldo Magela.
Entre os tucanos ouvidos pela reportagem, as opiniões sobre as providências em caso de comprovadas as falhas (ou fraudes) divergem. "Se chegarem à conclusão que alguma irregularidade tenha invertido o resultado da eleição, o partido terá que tomar medidas para dar legitimidade ao processo", avalia o ex-governador Alberto Goldman, vice-presidente nacional do PSDB. "Se não encontrarmos nada, isso trará tranquilidade. Se encontrarmos algo grave, isso será importante para que, no futuro, o resultado seja mais fidedigno", pondera o advogado Flávio Henrique Costa Pereira, coordenador do grupo de trabalho dos tucanos.
O próprio coordenador jurídico do PSDB, Carlos Sampaio, chegou a descartar a hipótese de tomar qualquer medida para reverter o resultado da eleição mesmo que fique comprovado que o sistema falhou. "Devemos aguardar o resultado com tranquilidade. A parte política do resultado só deve ser avaliada depois. De qualquer forma, a auditoria devia ser uma rotina", diz o deputado Antonio Carlos Mendes Thame (SP), secretário-geral do PSDB. "Vamos analisar no final os dados de 270 municípios, dez por estado", explica. "Em algumas cidades de Minas, por exemplo, o resultado final ficou muito aquém das pesquisas e da expectativa com o trabalho na campanha", afirma o coordenador. Ainda segundo ele, os critérios não podem ser pormenorizados, porque foi assinado um termo de confidencialidade. Além do grupo de trabalho, o partido contratou uma empresa especializada em tecnologia da informação para auxiliar o processo.
                                                 

Pedido de casamento inusitado em pleno Cariri Garden Shopping-- por Elizângela Santos

Shopping foi palco de um momento único com direito a flores, cartazes e declarações
Uma mistura de criatividade e romance marcou a noite de exibição do filme “Loucas pra Casar” no Cariri Garden Shopping, em Juazeiro do Norte, interior do Ceará, durante esta semana. Cícero Roberto, auxiliar administrativo, de 27 anos, aproveitou a ida ao cinema para fazer uma surpresa para a amada.
Aproveitando um momento de distração, quando a namorada foi ao banheiro, Cícero desceu as escadas da sala de cinema e rodeado de amigos, previamente combinado, a esperou com um bouquet de flores acompanhado de cartazes com frases de amor e um pedido de casamento. A cena chamou atenção dos clientes do shopping que se aglomeraram ao redor do complexo para gritarem pelo tão esperado sim.
Para a surpresa da noiva Thayse e Cícero centenas de pessoas se aglomeraram pelas escadas e corredores do shopping para verem o momento. O casal se conhece há dois anos e meio e desde então Cícero vem planejando a possibilidade de fazer o pedido de forma diferente. Para fevereiro, o casal pretende oficializar o pedido junto aos familiares e a previsão é que os dois devam subir ao altar em novembro deste ano.
A emoção do momento foi postada na página do Facebook do Cariri Garden Shopping e já rendeu mais de 10 mil visualizações. Para o gerente de marketing do Cariri Garden Shopping, Eduardo Duffles, conta que a administração do empreendimento ficou surpresa com o fato, mas também lisonjeada pela escolha. “A cena romântica acabou emocionando diversos funcionários do shopping, além de clientes que circulavam pelos corredores do centro de compras. Desejamos toda felicidade aos noivos!”

Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30