xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 07/01/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

07 janeiro 2015

Barbalha Celebra o Dia de Reis

Reisado_Juazeiro_do_Norte
Ilustrativo

Na manhã desta terça-feira dia 6 de janeiro, o grupo de Reisado do Sítio Lagoa da cidade de Barbalha, começou o dia com cortejo na rua do vídeo no centro da cidade, terminando com a apresentação na praça Neroly Filgueiras, juntamente com o grupo de Folia de Reis.

Saiba mais.

O dia de Reis foi criado para lembrar a data em que os três Reis Magos entregaram presentes ao Menino Jesus. É uma festa da Igreja Católica Apostólica Romana, realizada entre os dias vinte e quatro de dezembro e 06 de janeiro, o dia da comemoração.

 

Barbalha On-line

Cariri ganhará sucursal da APRECE a partir deste ano – Por Beto Fernandes

 


Prefeitos de todo o Ceará além da natural preocupação com a economia e custeio da máquina administrativa este ano, têm ainda atenções voltadas para eleições da entidade que os representa. No próximo dia 30, haverá eleição para escolha da nova diretoria da APRECE (Associação dos Municípios do Estado do Ceará) para o biênio 2015/2016.
Por enquanto uma chapa está registrada e tem na cabeça o presidente em exercício, Expedito José de Nascimento, prefeito de Piquet Carneiro. No atual mandato Expedito é vice-presidente, ms assumiu em função do afastamento da presidente, Adriana Pinheiro Barbosa, prefeita de Fortim, afastada para um tratamento de saúde.
Expedito está em seu segundo mandato como prefeito e na APRECE tem capitaneado a luta municipalista como a relacionada a ampliação do percentual de repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios). Recentemente, em encontro com prefeitos caririenses, Expedito fez um balanço das ações da APRECE quando tratou ainda de assuntos importantes e polêmicos como
a contribuição sobre iluminação pública, aterros sanitários, consórcios públicos e custeios da saúde e educação.
Cariri na chapa
 EXPEDITOEEVANILDO
Expedito (esquerda) é candidato a presidente e Evanildo o candidato a vice na APRECE

A Região do Cariri estará presente na próxima administração da APRECE de forma mais efetiva. Houve unanimidade em torno do nome de Evanildo Simão, prefeito de Mauriti como candidato a vice-presidente. “Evanildo é um dos bons quadros da nova safra de gestores de nosso Estado. É justo que haja um representante desta importante região de nosso estado na direção da APRECE até para fortalecer o pleito municipalista junto aos governos Estadual e Federal”, avaliou Expedito.
Evanildo, por sua vez, disse que a escolha de seu nome aumenta sua responsabilidade. “Estou muito grato porque agora além de representar o povo de meu município também represento interesses dos companheiros prefeitos de todo o Cariri. Vamos ajudar o Expedito a fazer uma grande gestão defendendo as cidades e as boas práticas de políticas públicas”, comprometeu-se.
Já se sabe que uma das metas para este ano é a implantação de uma sucursal da APRECE na Região. Posteriormente será definido se a sede será fixa e onde, ou se será de forma itinerante. Na atual administração apenas quatro municípios do Cariri estão na direção da APRECE. Germano Correia, prefeito de Araripe é integrante do conselho fiscal e ainda José Leite e Adailton Macedo, prefeitos de Barbalha e Araripe, respectivamente. Após as eleições no fim deste mês os gestores deliberarão se será uma sucursal ou uma nova entidade será criada como a AMCAR (Associação dos Municípios do Cariri).
A APRECE tem ainda seis entidades vinculadas aos seus serviços: AMAB (Associação dos Municípios do Maciço de Baturité ), AMUV (Associação dos Municípios do Vale do Curu e Serra da Uruburetama), APDMCE (Associação das Primeiras Damas do Ceará), AVIPRECE (Associação dos Vice-prefeitos do Ceará), COEGEMAS (Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social), CONDETEC (Conselho dos Secretários Municipais de Agricultura e Meio Ambiente do Estado do Ceará ) e UNDIME (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação).

|BLOG DO JUAZEIRO

Ventania, raios e trovões em Várzea Alegre

 raio
Foto: Ilustrativa

Uma rápida tempestade seguida de ventos fortes, raios e trovões assustaram os moradores do distrito de Naraniu, município de Várzea Alegre, na Região Centro-Sul do Estado. O fenômeno ocorreu no fim da tarde desta terça-feira 6), com rajadas de vento de 20 Km/h. Relâmpagos foram vistos em forma de raios em pontos do distrito, o que chamou a atenção foi a ausência da chuva durante a ventania que parecia ser destruidora.
A falta de energia elétrica ocorreu praticamente em todo o distrito de Naraniu. A Coelce foi acionada para solucionar o problema. Embora ainda não se saiba como será o inverno em 2015, esses fenômenos podem ser indícios de um inverno promisso.  A esperança dos agricultores é de um começo de ano com muita fartura durante suas colheitas.
(Colaborou Abner Ferreira) 

Flavio Pinto Newsa

Icasa e Guarani ameaçam tirar seus jogos do Romeirão

rumeirao
Polêmica à vista em Juazeiro do Norte. As diretorias de Icasa e Guarani ameaçam não disputar os jogos do Campeonato Cearense de 2015, no estádio Romeirão. É que a direção do estádio, alegando custos de despesas para manutenção do Romeirão, decidiu aumentar em 100% as taxas cobradas nos jogos ali disputados. Os clubes pensam em transferir seus jogos para o Estádio Mirandão no Crato.
De acordo com os diretores de Icasa e Guarani, os custos para uma realização de partidas de futebol tornou-se inviável, pois além das exigências da Federação Cearense de Futebol (FCF), tais como, pagamento do quadro de arbitragem, hospedagem dos árbitros, pagas pelos clubes, a administração do estádio aumentou consideravelmente seus serviços, que são a limpeza e manutenção do estádio, a marcação do campo,
No início de dezembro passado, a Câmara Municipal de Juazeiro do Norte questionou a direção do estádio a apresentar planilha dos recursos (despesas e receitas). Muito são os pontos obscuros, no entendimento dos vereadores, como por exemplo: o dinheiro arrecadado pelo estacionamento, as taxas de ambulantes e os aluguéis do estádio para eventos. Não se sabe sequer se há prestação de contas da administração com a prefeitura.

Flavio Pinto News

Zezinho Albuquerque abre encontros que Camilo quer ter com os 46 deputados estaduais eleitos

 

camilozezinho-300x200

Zezinho Albuquerque abriu a série de encontros que Camilo pretende ter com os deputados eleitos. (Foto: Carlos Gibaja)

O governador Camilo Santana deu início nesta terça-feira (7), ao encontro que pretende ter com todos os deputados estaduais,  no Palácio da Abolição. O primeiro encontro foi com o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (Pros). Todos os 46 deputados eleitos, independente de ser da situação ou da oposição serão convidados um a um, pois Camilo quer manter o diálogo aberto.

Flavio Pinto News

Zé Aílton Brasil é o primeiro deputado do Cariri a ser recebido pelo governador Camilo Santana

zeailton

Zé Ailton Brasil tem base política no Crato. (Foto: Flávio Pinto)

E dando sequência a série de encontros que o governador Camilo Santana pretende ter nos próximos dias com os 46 deputados estaduais eleitos, o deputado José Ailton Brasil (PP) foi o primeiro parlamentar representando a Região do Cariri que foi recebido pelo governador, no Palácio da Abolição, em Fortaleza. Os dois conversaram nesta tarde de quarta-feira (7), por cerca de 40 minutos.
Em seu primeiro dia de encontro, Camilo ouviu ao todo, 12 dos 46 deputados que irão compor a nova legislatura da Assembleia. Entre os que foram recebidos no Palácio da Abolição estavam: o presidente Zezinho Albuquerque, Sérgio Aguiar, José Sarto, Elmano Freitas, Augusta Brito, Evandro Leitão, Carlos Matos, entre outros. O deputado Wellington Landim encerrou a agenda, que deve ser retomada nesta quinta-feira, dia 8. Camilo quer manter diálogo aberto com todos os parlamentares, independente de ser situação ou oposição.

Flavio Pinto News

Obama oferece ajuda a Hollande para capturar autores de atentado de Paris

obama1Washington, 7 jan (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, apresentou pessoalmente nesta quarta-feira suas condolências ao presidente francês, François Hollande, pelo atentado contra a revista satírica "Charlie Hebdo" e ofereceu ajuda para capturar seus autores.

A Casa Branca indicou que, no telefonema, Obama ofereceu "recursos" e parceria com a França "para identificar, capturar e levar à Justiça os responsáveis e todos aqueles que ajudaram a planejar ou facilitar este ataque terrorista".

Obama, que falou com Hollande desde o Air Force One onde estava a caminho de Detroit, reiterou que "nossos pensamentos e orações estão com as vítimas e seus entes queridos".

"Nós americanos estamos do lado do povo francês após esta atrocidade", acrescentou o comunicado da Casa Branca.

Hollande agradeceu as expressões de apoio dos EUA e informou a Obama sobre as últimas novidades da investigação.

Antes de voar o presidente americano qualificou os atentados de "covardes" e "malvados" e um ataque contra a liberdade de expressão que "põe em relevo o grau no qual estes terroristas temem a liberdade de expressão e a liberdade de imprensa".

Obama afirmou que os Estados Unidos apresentarão "toda a assistência possível" em matéria antiterrorista.

A imprensa francesa afirmou que as forças de segurança francesas já identificaram os três supostos responsáveis pelo ataque à sede do "Charlie Hebdo".

O governo francês elevou o alerta antiterrorista para o máximo e mobilizou mais de três mil membros das forças de segurança na operação de busca e captura dos autores do atentado.

O FBI ofereceu toda sua colaboração desde Washington e de seus escritórios regionais para determinar quem são os autores materiais e os possíveis cúmplices do atentado de Paris.

EFE

Polícia francesa lança grande operação em Reims após atentado

francapoliciaParis, 7 jan (EFE).- As forças de segurança francesas lançaram uma enorme operação na cidade de Reims, 130 quilômetros a nordeste de Paris, em busca dos três suspeitos de terem cometido o massacre contra a revista satírica "Charlie Hebdo".

Mais de 50 de caminhonetes e veículos policiais estão nessa cidade, mostraram as imagens das televisões francesas, apesar de até o momento não haver confirmação oficial sobre o alvo da operação.

Os três autores do atentado, que deixou 12 pessoas mortas, entre elas oito jornalistas e desenhistas, foram já identificados.

O site do jornal "Metronews" publicou que os suspeitos são três homens de 34, 32 e 18 anos com antecedentes por cooperar com redes jihadistas.

Seriam os irmãos Said K. e Chérif K., franceses, e o mais jovem Hamyd M., de nacionalidade desconhecida.

Este último estava inscrito ano passado em um instituto de ensino médio em Reims.

Chérif K. foi julgado em 2005 por fazer parte de uma célula de envio de jihadistas ao Iraque que teria recrutado uma dezena de jovens para combater no Iraque entre 2003 e 2005.

Ele foi condenado então a três anos de prisão, metade deles em liberdade condicional.

O governo francês elevou ao nível máximo o alerta antiterrorista e mobilizou mais de três mil membros das forças de segurança na operação de busca e captura dos autores do atentado.

EFE

Identificados supostos autores de atentado em Paris, segundo imprensa francesa

atentadofranca

EFE(Foto: AP)
Os três supostos autores do atentado à sede da revista "Charlie Hebdo", em Paris, que causou a morte de 12 pessoas, já foram identificados, segundo grande parte da imprensa francesa.

O site do jornal "Metronews" explica que os suspeitos são três homens de 34, 32 e 18 anos com antecedentes por cooperação com redes jihadistas.

De acordo com a publicação, os dois primeiros seriam os irmãos Said K. e Chérif K. de nacionalidade francesa, e o mais jovem seria Hamyd M., cujo país de origem é desconhecido. Este último estava matriculado no ano passado em uma escola de ensino médio em Reims (norte da França), segundo essas informações, que não foram confirmadas oficialmente.
Chérif K. foi julgado em 2005 por fazer parte de uma célula de envio de jihadistas ao Iraque que teria recrutado dez jovens para combater no Iraque entre 2003 e 2005. Ele foi condenado a três anos de prisão, metade deles isenta de cumprimento.

Já a revista "Le Point" indicou que os suspeitos puderam ser identificados graças a uma carteira de identidade encontrada no veículo no qual os três fugiram do local e com o qual colidiram com outro carro no nordeste de Paris.

O governo francês elevou ao nível máximo o alerta antiterrorista e mobilizou mais de 3 mil membros das forças de segurança na operação de busca e captura dos autores do atentado.

EFE

Detentos fazem motim na Cadeia Pública de Aquiraz, no Ceará

cadeia4Sejus afirma que detentos tentaram quebrar celas e queimar colchões.
Grupo de Apoio Penitenciário conteve a situação e não houve feridos.


da Cadeia Pública de Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza, fizeram um motim na manhã de quarta-feira (7). De acordo com a Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado (Sejus), internos de duas celas tiveram suas visitas suspensas pelo juiz da comarca por  indisciplina. a proibição motivou o motim, os presos tentaram quebrar celas, queimar colchões e jogar pedras nos agentes penitenciários.

A Sejus informou que Agentes especiais da Sejus dos grupos Operações Cosipe e do Grupo de Apoio Penitenciário (GAP) foram deslocados para a unidade e contiveram a situação sem nenhum incidente de maior gravidade.

Gioras XerezDo G1 CE

Um golpe no turismo do Ceará

turistaitaliana3

A investigação precisa ser absolutamente técnica e não se submeter a qualquer tipo de patrulha

Lamentavelmente, o tenebroso e violento assassinato da turista italiana, Gaia Barbara Molinari, em Jericoacoara tem chamado menos atenção do que a decisão de manter temporariamente presa a farmacêutica carioca, Mirian França de Melo. A prisão temporária foi concedida pela Justiça a pedido da delegada Patrícia Bezerra, que alegou haver contradições no depoimento de Mirian.

Mirian é negra. Este fato foi o suficiente para mobilizar um movimento pela libertação da carioca sob o seguinte argumento: a prisão teria se dado somente em função da cor da pele. Por esse raciocínio, se Miriam fosse branca nem o pedido de prisão e nem a decisão judicial que o acatou se efetivariam. Dessa forma, tanto a delegada quanto o juiz que acatou o pedido de prisão temporária seriam racistas.

Tanto a delegada quanto o Judiciário não podem se intimidar por este tipo de pressão. A investigação precisa ser absolutamente técnica e não se submeter a qualquer tipo de patrulha. A questão subjacente é mais importante. No caso, o brutal assassinato em um paraíso turístico do Ceará. Como ocorre em todo o Ceará, os casos de violência em Jericoacoara têm sido crescentes.

Em 2011, foi notícia aqui e na imprensa do Sudeste a mobilização de moradores do mais cultuado destino turístico do Ceará contra a escalada da violência no local. À época, já eram muitos os relatos de estupros e abusos sexuais contra moradores e visitantes. Um caso em especial ganhou repercussão.

Em 1º de julho daquele ano, por volta de 22h, dois casais de adolescentes, com idades entre 16 e 17 anos, foram rendidos por três homens armados com facas na Duna do Pôr do Sol. Os quatro foram levados pelos criminosos a um local conhecido como Sítio. Os rapazes foram amarrados, despidos e espancados. As garotas, além de estupradas, tiveram os cabelos cortados.

Agora, o assassinato de Gaia ganhou repercussão internacional. Além da tragédia que tirou a vida de uma jovem, o fato pode ser visto como o mais duro golpe no turismo do Ceará. Que a investigação seja rigorosa e chegue rápido ao(s) autor(es) do crime. Sem que se importe com a cor da pele.

O Povo

Ceará registra chuva em 56 cidades nesta quarta-feira, diz Funceme


Maior registro de chuva ocorreu em Maranguape com 55 mm.
Funceme prevê mais chuva nos próximos dias da semana.

chuvasce
Funceme diz que haverá mais chuvas durante a
semana no Ceará (Foto: Reprodução/Funceme)

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou chuvas em 56 dos 184 municípios do Ceará, até as 11h desta quarta-feira (7). Três cidades da Região Metropolitana registraram as maiores precipitações. Fortaleza teve apenas 2.4 mm de precipitação.

De acordo com o relatório do órgão, o município de Maranguape, na Região Metropolitana, registrou a maior precipitação, com 55 mm. Já Maracanaú registrou  49 mm. Em seguida estão Caucaia, com 48.0 mm,Itaitinga com 38 mm.

No interior do Ceará, a cidade de  Acopiarateve 35 mm chuva; Iguatu, 32 mm; e Orós  28 mm. As medidas foram realizadas entre 10h de terça-feira (6) e 11h desta segunda.

 

Previsão para quarta-feira
A Funceme, nesta quarta-feira, informou que há tendência de formação de áreas de instabilidade sobre o setor norte do nordeste  brasileiro por causa da atuação do Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN). Por isso, o céu deverá ficar com nebulosidade variável e chuvas isoladas no Ceará. No litoral e proximidades, a tendência é de céu com pouca nebulosidade à tarde.

Ainda segundo a Funceme, na quinta-feira (8), o Ceará deverá permanecer sob a influência de áreas de instabilidade atmosférica que se formam devido à presença de um Vórtice Ciclônico de Altos Níveis. O céu deverá ficar com nebulosidade variável entre a madrugada e manhã e podem ocorrer chuvas isoladas em todas as regiões. À tarde e à noite, há possibilidade de chuvas isoladas no centro-sul. Nas demais regiões, céu parcialmente nublado.

Do G1 CE

Cenários menores - Por: Emerson Monteiro

A Geraldo Urano

O que pretendo dizer com estas palavras nem mesmo eu ainda sei, no ditado das coisas e filosofias de meio de noites claras e luas deslizando no azul do céu, mar da cena cá de dentro. Quantas imagens se formaram e escorrem na ponta dos dedos, somente.

Pensar que dá nisso viver e esperar sinais a cada capucho de nuvem molhada... Uma busca que persiste nas paredes infinitas, corcéis galopantes.

Ah! Tempo sem palavra, movido só de emoções, sentimentos. Contar histórias da solidão agressiva que corre quente através dos becos escuros da alma, veias abertas, abalos nascidos na razão direta das pessoas, consigo e com as outras.

Depois, sono voraz atiça o foco da memória, jato rude a desvendar sortilégios, trilhos e vagas enormes, doces sonhos que algum dragão sonha e persegue rastros de vento mordente nas horas escorregadias do furor das madrugadas ausentes.

Saltos vadios de tons alaranjados e sinfonias, pouco caso de tudo por tudo perdido no apego a solitários portos. Jamais saber do sentido apenas aparente das lâminas afiadas, reais, nas cercas espalhadas e as cascas dos pequizeiros vetustos retorcidas nas várzeas.

Quantas espécies de imagens escondidas nas prateleiras das lojas fechadas. Fosse mais simples e carrilhões soariam cortando o silêncio feitos dobrões de prata batendo entre si, nos bisacos das feiras, diante de versos úteis, calados nas bocas contritas de beatos tontos de fé, quase mudos. Delírios espasmódicos. Monges enfileirados à hora do ângelus. Cheiro de incenso pelo ar, longe, espirais alongadas, douradas de estio. Ânsias de paixão cobrem túnicas desbotadas, novelos coloridos em cadentes pelotões amarfanhados e nus. Procissão indiferente de heróis envilecidos. Novos pagãos afinal repousam, cruzadas derrotas sucessivas nas batalhas esquecidas.

Nesse momento, hordas bárbaras invadem o mosteiro abandonado e jogam lá de cima blocos secos de palavras carcomidas de dentes mofados, num eco propício que retém sórdidos poderes. Murchos ao mínimo, os espaços deixados, no brilho do inverno generoso, prisioneiros, camponeses, espantalhos rústicos, cobrem a face com flores suaves, abertas no campo há pouco ressequido, durante a fase em que repousava o lenço da saudade nas mãos macias do desejo, antevéspera das costumeiras despedidas.

Houve um tempo, em torno de três quatro décadas atrás, quando ainda não existia o asfalto que hoje recobre as estradas do Grangeiro e do Serrano, que fina areia branca impregnava o clima fértil dos bosques em volta dos canaviais, domínio das encostas do sopé tropical da Serra, nos arredores do Crato. Poucos levaram a sério contas dos riscos daquilo corrosivo, dominador que perseguiu lares e praças na idade negra..

Ninguém avaliava os ninhos seguintes dos pássaros. Cânticos, porém, restaram roucos para sempre, adoçados no visgo melado, vazio, de engenhos que sumiram aos montes. Outrossim, portas e janelas se abriram em forma de postes e bueiros, depondo nos riachos os detritos das caixas de rapaduras desfeitas na bruma tosca do desalento.

Mangas rosa, contudo, ainda trescalam o aroma das delícias em cores de aurora, nas mãos encardidas dos moleques.  Passados dois séculos e a lenda do frade do Lameiro integra-se no imaginário do povo. Tesouros encantados, com isso, talvez, permaneçam encobertos nas frondes sombrias das árvores, debaixo de sete capas, nas pedras e nos lajedos próximos de nós que ora habitamos, neste chão dadivoso.

(Foto: BBC natureza).

O Brasil tem necessidade de uma reforma agrária? -- por Armando Lopes Rafael



A presidente Dilma Rousseff nomeou o petista  Patrus Ananias para um dos seus 40 ministérios, com o objetivo de acelerar a “reforma agrária” no Brasil.  A manipulação da população brasileira por um tema ultrapassado esconde o fato de que hoje a população rural que vive no campo, no Brasil,  corresponde a  menos de 15 % de todos os brasileiros. Ou seja, 85% da nossa população reside hoje nas cidades e não tem atividades com a produção agrícola. A este respeito eis um artigo publicado  na edição de 07-01-2015 no jornal “Estado de S.Paulo”.


Reforma agrária: um debate ultrapassado – por Antònio Márcio Buainain (*)
A reforma agrária - tal como foi historicamente concebida e nos moldes que vem sendo feita - não é necessária. Indo mais longe, eu qualificaria a tentativa de realizar hoje, uma reforma agrária, como aberração história, de proporções equivalentes à aberração de não a ter feito no momento certo, quando se colocou como necessidade e poderia de fato ter moldado um desenvolvimento econômico e social com mais equidade.
Uma reforma agrária hoje, mesmo se bem implementada, com crédito, assistência técnica e todo o apoio requerido, não é solução para nenhum dos problemas que o País enfrenta, nem no campo nem na cidade. Temos uma agricultura que produz alimentos suficientes, e pode produzir muito mais se os pequenos produtores tiverem um apoio adequado, o que não vêm ocorrendo, apesar da propaganda oficial e do dinheiro despejado no Pronaf.
Tal como vejo, a reforma só é necessária para atender à militância agrária que apoia o governo, e vejo como um retrocesso que no segundo mandato a presidente Dilma Rousseff esteja recuando nesta área, que, corretamente, havia sido marginalizada.
(*) Antônio Márcio Buainain é professor do Instituto de Economia da Unicamp

Alma penada - Por: Emerson Monteiro

Pio Carvalho Brito, cratense de quatro costados, nascido em 1877, além de esmerado prosador e repentista, versejador qualificado, se consagrou no anedotário pelas façanhas engraçadas que protagonizou. Da geração de Teófilo Siqueira, Zé de Matos e Luiz Quezado, formou grupo impossível no seu tempo de mocidade em Crato.

Entre os estados do Ceará, Pernambuco, São Paulo, Pará e Amazonas, exerceu funções diversas, desde comerciante, farmacêutico, delegado, alfaiate, empregado nas primeiras obras da construção do Orós e trabalhador em um seringal da Amazônia. Aos 85 anos, faleceu em Iguatu a 23 de outubro de 1963, informações que se acham no livro O cômico, o satírico e o erótico na Literatura do Cariri, autoria de Jurandy Temóteo.

Segundo Flávio da Cunha Prata, em seu trabalho Estórias pitorescas do Nordeste, certa ocasião, Pio Carvalho se movimentava pelas quebradas sertanejas e chegara à noitinha na fazenda de um amigo para ali fazer o pernoite.

Depois das acomodações habituais, na conhecida hospitalidade do povo nordestino, a dona da casa convidou o viajante para saborear deliciosa coalhada escorrida.

Sem se fazer de rogado, entrou forte no apreciado quitute. Comeu de dar preocupação aos donos da casa.

Seguiram daí as tradicionais conversações noturnas, envoltas nas sombras do alpendre da casa, na presença de moradores e serviçais do lugar.

Lá adiante, veio a hora de recolher. Cada um para seu lado, em leitos macios e confortáveis, naqueles berços da fartura do Sertão.

Passava de meia noite quando o visitante acordou de pesadelo, experimentando graves consequências devido o excesso alimentar. Sua barriga registrava protuberância descomunal. De fora a fora, virara só dolorimento. Compreendeu, então, a bronca onde fora se meter. Aperta daqui, aperta dali, e nenhuma melhora. Tempo fechado no oco do mundo de escuridão da noite. Devagar, silenciosamente, buscou a localização apalpando as paredes do quarto. No piso dentro da casa, em tudo quer era lugar revirou, sem auxílio de qualquer luminária que orientasse a posição.

Nessa busca cega, precisava o quanto antes de sair no terreiro, pois já andavam difícil de conter as voltas que davam as tripas impertinentes.

Em meio à aflição (quem viveu conhece), bateu o pé em objeto rasteiro, que denunciou o som arrastado e inconfundível dos antigos urinóis (os penicos da antigamente).

Com a descoberta em mãos, Pio se abaixa agradecendo aos céus a chance de resolver o impasse.

- Onde posso nessa hora ter chegado, meu Deus? – pensava, enquanto rápido agia nas últimas dos intestinos agoniados.

- Mulher, só alma do outro mundo se move a fazer barulho assim – no escuro, ouviu a fala rouca do compadre, no quarto de quem o hóspede havia chegado sem saber.  

- Te esconjuro que é isso mesmo! – respondeu a esposa, e depois indagou: - O que a alma penada quer? Diga logo, minha amiga!

No meio de tudo, encastelado na boca larga do penico, Pio Carvalho cuidava de resolver a dificuldade emitindo zoeira de causar espanto.

- Eu queria só ir no mato, dona, mas não localizei a saída – agoniado e gemendo, se espremia o guloso do jantar.

De resto, apenas se escutava, quebrando o silêncio da madrugada fria, os latidos afastados de uns cães caçadores.

Defensoria Pública do Ceará pede liberação de jovem acusada de matar italiana

cms-image-000411708A Defensoria Pública Geral do Estado do Ceará espera que a farmacêutica Mirian França de Mello seja liberada ainda hoje (6). O pedido de revogação da prisão dela foi feito ontem (5) ao Fórum de Cariré, no interior do estado, que analisa o caso. Para os defensores, não há indícios que justifiquem a prisão da jovem carioca. Mirian é suspeita da morte da turista italiana Gaia Molinari, dia 25 de dezembro, na Praia de Jericoacoara – 287 quilômetros a oeste de Fortaleza.

De acordo com a defensora pública Gina Moura, do Núcleo de Assistência aos Presos Provisórios e às Vítimas de Violência, a prisão de Mirian é desnecessária e ilegal. Ela explica que o argumento da polícia, de que a jovem caiu em contradição, é insuficiente para mantê-la presa. A defensora argumenta que a farmacêutica colaborou com as investigações, e as confusões no depoimentos não se referem a fatos cruciais para a resolução do crime contra a italiana.

“Essas ditas contradições são em relação a dados periféricos. Você imagina que uma pessoa prestando depoimento em outro estado, sobre um crime dessa magnitude, não fique nervosa, não se atrapalhe ou se equivoque sobre a exatidão de horário, de frequência?”, questiona. Mesmo que a jovem tivesse mentido, acrescenta a defensora, o inquérito não indica o envolvimento dela no crime. “A polícia não tem subsídios para indiciar ninguém”, completa.

A defensoria, que tem conversado com Mirian nos últimos dias, também informou que, caso seja liberada, a jovem se comprometeu a não sair do Ceará e a permanecer à disposição da polícia. “O fato dela morar em outro estado não justifica o decreto de prisão. E acrescento: ela se comprometeu a ficar até a conclusão da investigação policial, à disposição”, disse.

A delegada do caso, Patrícia Bezerra, alegou ontem que o retorno de Mirian ao Rio de Janeiro inviabilizaria as investigações, e justificou a prisão dela com base em contradições nos depoimentos. “Mirian mentiu várias vezes  Ela foi submetida a acareação com outras pessoas em Jericoacoara, e as afirmações dela, em um primeiro momento, não se sustentaram. Ela não soube explicar a razão das mentiras”, disse a delegada.

Patrícia também informou que a jovem está em uma cela separada dos demais presos, e teve o direito de entrar em contato com a família, o que preferiu não fazer.

O advogado que representa a família de Mirian, Humberto Adami, aguarda a decisão da Justiça para apresentar ou não um pedido de habeas corpus. Ele voltou a afirmar que a jovem “entrou como colaboradora na investigação e saiu presa como participante, por cair em contradição. As contradições não são confissões de culpa, e são fáceis de acontecer”, ponderou.

O caso continua gerando repercussão nas redes sociais. Foi criada uma página no Facebook com mais de 4 mil pessoas pedindo a liberação de Mirian. Um protesto está previsto para a próxima terça-feira (13), no Rio de Janeiro, pedindo também que a morte da italiana seja esclarecida.

agencia brasil

Ministério da Saúde anuncia medidas para estimular o parto normal

arthur-chioro

Ministro da Saúde, Arthur Chioro – Foto: Elza Fiuza/Agência Brasil

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, e a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), anunciaram na manhã desta terça-feira, 06, que o preenchimento de um partograma, documento onde são registradas todas as etapas do trabalho de parto da gestante, passa a ser obrigatório para médicos de toda a rede privada do país.

A decisão tem como objetivo inibir o agendamento de cesarianas e, assim, evitar partos antes da hora. A partir de agora as operadoras de planos de saúde só podem realizar o pagamento dos procedimentos médicos mediante a apresentação do documento completo.

As informações contidas no partograma poderão ser analisadas por auditorias realizadas pelas operadoras de saúde. “Se a operadora entender que etapas não foram seguidas, ela poderá glosar o pagamento. É tudo que a operadora quer”, disse o presidente da ANS, André Longo.

A adoção deve forçar os médicos obstetras a esperar o início do trabalho de parto. “Parto não é evento que se marque. Normal é o parto normal”, afirmou o ministro Arthur Chioro.

Dados do Ministério da Saúde indicam que o percentual de partos cesáreos no Brasil chega a 84% na saúde suplementar. Segundo a pasta, a cesariana, quando não há indicação médica, aumenta em 120 vezes o risco de problemas respiratórios para o recém-nascido e triplica o risco de morte da mãe. Ao todo, cerca de 25% dos óbitos neonatais e 16% dos óbitos infantis no país estão relacionados à prematuridade.

“É inaceitável a ‘epidemia’ de cesarianas que vivemos hoje em nosso país. Não há outra condição, senão tratá-la como um grave problema de saúde pública. Em 2013, [foram feitos] 440 mil partos cesáreos. Não só temos um problema, mas um problema que vem se agravando ano a ano”, avaliou o ministro da Saúde, Arthur Chioro.

Unilab pode ter primeira travesti reitora do país

luma_620_465Estudantes da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), em Redenção, lançaram o movimento “Luma Lá” para que uma professora travesti seja nomeada reitora da instituição.

A campanha, iniciada no final de dezembro por alunos da universidade pública, pede para que o novo ministro da Educação, Cid Gomes (PROS), nomeie a professora Luma Andrade para o cargo que está vago desde o dia 1º de janeiro porque a ex-reitora Nilma Lino Gomes assumiu a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República.

Nilma foi a primeira negra a se tornar reitora de uma universidade brasileira. Caso seja escolhida, Luma será a primeira travesti reitora do país. Luma é conhecida como a primeira travesti do Brasil a fazer um doutorado. Ela defendeu em 2012 uma tese em educação na UFC (Universidade Federal do Ceará) sobre travestis nas escolas.

Luma afirmou que foi pega de surpresa pela campanha e que recebeu a iniciativa como “um presente”. “Não foi uma afirmação minha. Fiquei muito feliz porque a campanha veio do grupo mais forte de estudantes da universidade e eles confiaram no meu trabalho”, diz.

A assessoria do Ministério da Educação afirmou que a equipe de Cid Gomes ainda está sendo montada e que não há uma data para a nomeação do novo reitor da Unilab.

cearaagora.com.br

Governador anuncia concurso para 249 professores efetivos nas universidades estaduais

Reitores_06_01

O Governador Camilo Santana, acompanhado da vice-governadora Izolda Cela, reuniu-se com os reitores das universidades estaduais do Ceará, na manhã desta terça-feira (06). Na reunião, reitores da Universidade Estadual do Ceará (Uece), Jackson Sampaio; da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), Fabianno Cavalcante de Carvalho, e da Universidade Regional do Cariri (Urca), Antônia Otonite Cortez, e demais representantes, apontaram os indicadores para o quadro da demanda docente das instituições.

Como prometido durante a campanha, Camilo se prontificou em realizar um concurso público, com oferta de 249 vagas para professor efetivo, sendo 120 para a Uece, 67 para a UVA e 62 para a Urca, para suprir o déficit emergencial.

Na sequência, o governador e a comitiva receberam alunos e representantes dos sindicatos das universidades (Sinduece, Sindiuva e Sindurca) para tratar das demandas do movimento grevista, que se arrasta desde o dia 17 de setembro de 2014. As demandas abrangem questões ligadas a Servidores Técnico-administrativos; leis complementares ao plano de cargos carreiras e vencimentos dos docentes; política de assistência estudantil; reforma e ampliação do campus de Itapipoca e concurso emergencial para professores efetivos.

Camilo Santana se propôs a dar andamento e encaminhar as ações emergenciais apresentadas pelos sindicalistas e a reunião culminou com o anúncio dos concursos para as 249 vagas de professores efetivos. Contudo, o chefe do Executivo do Estado assumiu o compromisso, mediante o término da greve nas universidades. “Eu estou proposto a realizar o concurso, mas só com a certeza de que as universidades sairão de greve”, enfatizou Camilo.

“Camilo assumiu o compromisso com a pauta de reivindicações colocadas antes da campanha e agora, quando assumiu como governador, os pontos prioritários da pauta, após acordados, serão encaminhados. Questões como o concurso, a Lei de Insalubridade e Periculosidade, Lei de Professores Associados, dentre outros pontos. As leis estão aguardando o retorno do funcionamento da Assembleia Legislativa para aprovação”, comentou Élcio Batista, secretário-chefe do Gabinete do Governador.

06.01.2015

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Feira deverá reunir até 60 mil visitantes em Santa Quitéria

feirasantaquiteria

A iniciativa da CDL, a partir do dia 14, objetiva gerar emprego e renda no município

Foto: Jéssyca Rodrigues

Santa Quitéria. A sexta edição da Feira do Comércio e Indústria de Santa Quitéria (Fecoisq) será realizada de 14 a 17 de janeiro, com expectativa de movimentação de negócios estimada em R$ 200 mil em três dias de evento. A iniciativa é uma promoção da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Santa Quitéria e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) regional de Crateús, sendo realizada na Praça Matriz de Santa Quitéria.

Neste ano, a feira terá participação de 70 empresas, com expectativa de visitação de 60 mil pessoas durante os quatro dias de evento. Para o presidente da CDL do município, Marcelo Magalhães, o evento é hoje um dos mais importantes do Interior do Estado, e o principal de Santa Quitéria.

Importância

"O evento é importante para o Município, pois garante aos empresários oportunidades de negócios, divulgação de suas marcas e produtos, incrementa a vitrine da cidade, que se transforma em um grande polo centralizador de negócios na Zona Norte e Sertão Central do Ceará", afirmou. De acordo com ele, a necessidade de movimentar a região em torno do comércio e da indústria de Santa Quitéria foi o que impulsionou o surgimento da Fecoisq.

Segundo Marcelo, a feira tem como objetivo unir o melhor oferecido pelo comércio, indústria e prestação de serviço da região, buscando maior interação entre empresa e cliente, proporcionando maior organização dos setores. "A ideia é contribuir para a modernização, gerar oportunidades de trabalho e melhoria na qualidade de vida", afirmou.

Além da feira de artesanatos, oficinas de capacitação, atividades culturais e artísticas, shows com atrações nacionais e culturais. Para Marcelo, mesmo atuando como vitrine, o evento é ainda o momento em que os participantes e expositores poderão mostrar seus produtos e serviços aos visitantes e empresários, aumentando, assim, a expectativa de vendas entre comerciantes.

Tradição

A sexta edição consolida o sucesso da feira, que já se tornou uma tradição. À medida que o evento ganha peso e notoriedade diante de empresários locais, o município se torna um influente centro de negócios. Um ambiente onde o setor privado e pequenos produtores conquistam os seus espaços em uma economia, tradicionalmente, voltada para o comércio local, valorizando sua indústria e o artesanato.

A expectativa dos organizadores é gerar, ainda, 250 empregos diretos e indiretos. A VI Fecoisq será o momento no qual os participantes, convidados, visitantes e parceiros terão oportunidade de expor, capacitar, apreciar e conhecer a diversidade que cada setor pode disponibilizar. Dessa forma, cresce a expectativa de vendas e de produção, o que aquece a economia regional.

Novas tecnologias serão apresentadas, como o desenvolvimento do setor primário e o trabalho no campo, viabilizando a comercialização de produtos e serviços, com o objetivo de aumentar o consumo, as vendas e movimentar a economia.

Como destaque na programação, desfile de moda, minicursos, palestras, oficinas, workshops, atividades culturais e artísticas, espaço beleza & saúde, shows com atrações regionais e nacionais, bem como a apresentação de novas tecnologias na área de produção e as novas tendências do comércio varejista. Público-alvo: comerciantes, produtores, estudantes, empresários, industriais, técnicos e os empreendedores locais.

Mais informações:
VI Feira do Comércio e Indústria de Santa Quitéria (Fecoisq)
Dias: 14 a 17 de janeiro do 2015
Local: Praça Matriz da cidade
Horário: 18 às 23 horas

Jéssyca Rodrigues
Colaboradora

Diario do Nordeste - Regional

Apesar de chuvas, estiagem deve se confirmar no Ceará

 

Precipitação no fim de semana se deve a uma combinação de fenômenos típica da pré-estação, mas o prognóstico de chuvas abaixo da média histórica permanece pelo quarto ano seguido

seca-chuva-estiagem-cear-opovo

Ceará está há três anos com chuvas abaixo da média e probabilidade é de estiagem também em 2015

O fim de semana foi de chuvas intensas em grande parte doCeará, mas o fenômeno não indica uma mudança no prognóstico para a quadra chuvosa do Estado. O que provocou a precipitação, que na Capital chegou a 164,5 milímetros, foi a combinação de dois fenômenos: o Vórtice Ciclônico de Altos Níveis e as Ondas de Leste, que nada têm a ver com a quadra chuvosa.

“Foi um fato isolado”, pontua Meiry Sakamoto, chefe do Núcleo de Meteorologia da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). A previsão é de que o acumulado de chuva nos três primeiros meses do ano permaneça abaixo da média histórica.

Até o fim do mês, a Funceme deve divulgar a estimativa de chuvas entre fevereiro e abril de 2015. Na quadra chuvosa, o fenômeno que deve ser observado é a Zona de Convergência Intertropical.

Depois de três anos seguidos de chuvas abaixo da média, a provável estiagem em 2015 cria uma situação preocupante, segundo Meiry. No passado recente, ela afirma, não houve um período tão longo com poucas chuvas. Ainda que a quadra chuvosa subverta as previsões, o aporte de água pode não ser suficiente para melhorar as condições dos reservatórios.

Segundo Gianni Lima, coordenador de Oferta Hídrica da Secretaria dos Recursos Hídricos (SRH), a estrutura de distribuição de água montada para o Interior deve ser suficiente para evitar que aumente o número de localidades sem água. Há, de acordo com apresentação realizada em reunião do Comitê Integrado da Seca do Ceará, ontem, 39 cidades que receberam ações (Adutoras de Montagem Rápida (AMR), poços perfurados, açudes e carros-pipa, por exemplo) para assegurar o abastecimento, pelo menos, por mais este ano.

Atualmente, a situação mais crítica, aponta Gianni, é a de Jaguaretama. Lá, foram escavados poços profundos, mas não houve resultado, pois a vazão da água não era suficiente. Há dois projetos para a construção de uma adutora na cidade no prazo de três meses. Até lá, a cidade deve ser abastecida com o apoio de carros-pipa.

Novo secretário

Dar prosseguimento às ações realizadas atualmente deve ser o caminho da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), segundo o novo secretário, Dedé Teixeira. “As políticas desenvolvidas têm dado resultado. Se esse período (de estiagem) persistir, devemos continuar ativos”. A pasta está “definindo as prioridades” do que deve ser mantido. Um dos principais pontos de ação, aponta, é o estímulo da política de recursos hídricos em pequenas comunidades.

39 cidades cearenses receberam ações para assegurar o abastecimento

Saiba mais

10 maiores chuvas ontem no Ceará:

Beberibe (posto Lagoa Funda): 76 mm

Beberibe (posto Sítio Forquilha): 67 mm

Caucaia (posto Tucunduba): 54 mm

Itaiçaba (posto Itaiçaba): 44,4 mm

Guaiúba (posto Carrapateira): 43 mm

Nova Russas (posto Nova Russas): 41,4 mm

Beberibe (posto Beberibe): 41 mm

General Sampaio (posto General Sampaio): 41 mm

Morada Nova (posto Aruaru): 37 mm

Cascavel (posto Cascavel): 35 mm

FONTE: Funceme

Banco do Nordeste prorroga inscrições para patrocínio

 

bnb-banco-do-nordeste-nova-marca

Projetos deverão ser desenvolvidos nos nove estados do Nordeste e no norte dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo

 

O Banco do Nordeste prorrogou, até 31 de janeiro, o prazo para inscrição de projetos no Programa de Patrocínios do Banco do Nordeste para 2015. O edital está disponível noportal da instituição, ou aqui.

Serão selecionados projetos de cunho institucional ou mercadológico a serem apoiados ao longo do próximo ano.

Os projetos deverão ser desenvolvidos na área de atuação do Banco, que compreende os nove estados do Nordeste (Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia) e o norte dos estados de Minas Gerais (incluindo os Vales do Mucuri e do Jequitinhonha) e do Espírito Santo. O valor máximo de patrocínio por projeto será de até R$ 120 mil.

A divulgação da lista de projetos pré-selecionados para a segunda fase está prevista para até 20 dias úteis após o fim do período de inscrição. Após o resultado, os contemplados têm 15 dias para entregar a documentação determinada no edital. Os projetos devem ser executados entre abril e dezembro de 2015.

O processo seletivo refere-se aos projetos de cunho institucional e mercadológico, não cabendo projetos culturais, tendo em vista que o Banco do Nordeste possui editais específicos para essa área.

As dúvidas sobre o Programa de Patrocínios Banco do Nordeste 2015 poderão ser encaminhadas para o e-mail patrocinio@bnb.gov.br.

Fonte:
Banco do Nordeste

Homem que assumiu matar sogro no Ceará é solto após pagar fiança

assacino
Polícia estabeleceu fiança em 10 salários mínimos.
Homem de 27 anos foi flagrado disparando dois tiros em Antônio Oliveira.

O jovem flagrado matando o sogro em Juazeiro do Norte, no interior do Ceará, foi liberado nesta segunda-feira (5) após pagar fiança de 10 salários mínimos. O suspeito, de 27 anos, foi preso na segunda-feira (5) e confessou ter matado Antônio Oliveira, de 43 anos.

O crime ocorreu no fim de semana, na Rua Seminário, em Juazeiro do Norte, e foi flagrado por câmeras de seguranças. As imagens mostram o momento em que o suspeito estava escondido atrás de um carro, vê a vítima se aproximar e dispara.

Ele atira duas vezes contra Antônio Oliveira, e quando o sogro está caído no chão, o suspeito chuta a cabeça da vítima. Antônio Oliveira chegou a ser socorrido, mas não resistiu. No velório, os parentes afirmaram que o genro e único suspeito do crime tiveram várias discussões com o sogro, inclusive com ameaças de morte.

Do G1 CE

Polícia do Ceará justifica prisão temporária de suspeita da morte de italiana

 

turistaitaliana

Em entrevista coletiva na tarde de hoje (5), em Fortaleza, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará informou os motivos da prisão temporária da farmacêutica Mirian França de Mello, de 31 anos. Mirian é suspeita pela Polícia Civil do Ceará de envolvimento na morte da turista italiana Gaia Molinari, na Praia de Jericoacoara, no fim de dezembro.

De acordo com a delegada responsável pela investigação, Patrícia Bezerra, o retorno de Mirian para o Rio de Janeiro “inviabilizaria a continuidade das investigações”. A farmacêutica estava com a volta programada para o dia 29 de dezembro, o mesmo dia em que foi presa. A delegada também justificou a prisão com o comportamento da suspeita durante os depoimentos.

“O que eu posso dizer a vocês é que a Mirian mentiu várias vezes ao longo dos seus dois depoimentos. Ela foi submetida a acareação com outras pessoas em Jericoacoara e as afirmações que ela prestou em um primeiro momento não se sustentaram. Ela não soube explicar a razão dessas mentiras”, disse a delegada.

A delegada e o secretário de Segurança, Delci Carlos Teixeira, rebateram as declarações do advogado de Mirian, Humberto Adami, que disse que a moça estaria incomunicável, sem poder falar com a família. Ambos disseram que Mirian, ao ser presa, teve o direito de ligar para a mãe, mas não quis fazê-lo. “Ela não quis telefonar para a mãe e a Polícia Judiciária não tem ingerência sobre para quem a presa vai telefonar ou não”, acrescentou a delegada.

Teixeira explicou ainda que entrou em contato com a Secretaria de Direitos Humanos do Rio de Janeiro hoje e acertaram um horário para que Mirian pudesse conversar com a mãe. Segundo ele, essa conversa ainda não ocorreu porque Adami convocou uma coletiva à imprensa no mesmo horário.

Patrícia explicou ainda que Mirian está em uma cela separada dos demais presos, como diz a lei, e que a prisão temporária tem duração de 30 dias, prorrogáveis por mais 30. A polícia cearense aguarda para até o dia 15 de janeiro o resultado de exames de DNA e toxicológico da vítima, para auxiliar nas investigações. Não foi encontrado, no entanto, indícios de sêmen no corpo de Gaia, o que afasta, a princípio, a possibilidade de violência sexual por parte de um homem. Segundo a delegada, pelo menos 15 pessoas estão envolvidas no caso.

Gaia chegou a Fortaleza no dia 16 de dezembro e estava hospedada no centro da cidade. Ela viajou até Jericoacoara no último dia 21 e deveria ter retornado no dia 24. O seu corpo foi localizado no dia 25, por volta das 15h.

Fale com a Ouvidoria

Marcelo Brandão – Repórter da Agência Brasil Edição: Fábio Massalli

Carlile Lavor destaca colaboração para melhorar a saúde do Ceará durante posse

saude

“A gestão da saúde pública é um desafio, mas estou muito confiante porque quero contar com colaboração do Ceará inteiro, incluindo os profissionais de saúde, os ex-secretários com as experiências acumuladas, os deputados federais e estaduais na compreensão do que é o SUS e na luta por mais recursos e ainda com o conhecimento das universidades”, afirmou Carlile Lavor durante a posse na Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) na noite desta segunda-feira (05). Ele destacou que “é ideia do Governador Camilo Santana é trabalhar integrado e que não dá para trabalhar separado”.  Ainda no foco da integração, Carlile Lavor lembrou da “orientação do Papa Francisco, que é acolher, juntar todo mundo num só caminho”.

No caminho da integração e da participação coletiva, o novo secretário da saúde do Estado frisou também que “sem a participação de todas as famílias a gestão pública não vai conseguir os resultados esperados na garantia da saúde da população”.  Isso para destacar a importância da valorização da vida, através de atitudes de promoção e prevenção. Carlile Lavor citou, como exemplo, a prevenção aos estragos da dobradinha perigosa bebida e direção, principalmente de motos. Como idealizador do Programa Agentes Comunitários de Saúde, em 1987, quando foi secretário da Sesa pela primeira vez, Carlile Lavor disse que vai mobilizar e envolver os 15 mil Agentes Comunitários de Saúde no trabalho de educação e prevenção para evitar acidentes e óbitos no trânsito.

O ex-secretário da saúde do Estado, Ciro Gomes, falou principalmente do desafio do baixo  financiamento  da saúde pública: “é preciso levantar as vozes sistematicamente para  ampliar e reforçar o financiamento da saúde. A saúde pública não pode ficar longe do que a população tem direito e merece”. Ciro Gomes destacou que “o Ceará tem hoje a melhor rede de saúde de todos os Estados, com 25 UPAs funcionando 24 horas, os 18 novos Centros de Especialidades Odontológicas, as 19 policlínicas já abertas em diferentes regiões do Estado, que estão servindo de modelo para o governo federal que irá implantar  em todo o país, e ainda o SAMU em quase todos os municípios”.

Perfil do secretário        

Antônio Carlile Holanda Lavor nasceu em Jucás. Médico, formado pela Universidade Federal do Ceará, tem formação em Microbiologia. Carlile Lavor trabalhou no Instituto de Medicina Preventiva do Ceará (IMEP-UFC), dirigiu o laboratório de microbiologia do Hospital das Clínicas e o laboratório do Hospital de Maracanaú.

Foi professor da Universidade de Brasília de 1969 a 1978. Lá construiu as bases do sanitarismo comunitário e iniciou as pesquisas, ainda na década de 70, para a construção do Programa Agentes Comunitários de Saúde (PACS), uma das marcas de sua gestão como secretário de Saúde do Estado, de março de 1987 a abril de 1988. Nesse período, contratou 6.000 agentes comunitários de saúde para um trabalho emergencial por um ano. Os agentes de saúde transformaram-se em programa permanente da Secretaria e, em 1991, foi adotado pelo Ministério da Saúde.

Carlile Lavor ajudou a criar o Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Ceará (Cosems-Ce), presidindo-o desde sua criação, em 1989, até 1991. Ex-prefeito de Jucás, presidiu a Associação dos Municípios do Ceará, dedicando-se especialmente à campanha de escolarização das crianças de 7 a 14 anos, contribuindo para criação do Fundef. Premiado pelo Unicef, representou o Brasil no Encontro Internacional dos Prefeitos Amigos da Criança, realizado no México, em 1994. Na África, iniciou em 2007 a implantação do Programa Agentes Comunitários de Saúde em Luanda, Angola. Em 2014 ajudou o governo angolano a regulamentar o PACS. Quando convidado a retornar à Secretaria da Saúde do Estado, Carlile Lavor dirigia o escritório da Fundação Oswaldo Cruz no Ceará e estava à frente da implantação da unidade da Fiocruz no Estado.

 

Assessoria de Comunicação da Sesa

Ceará totaliza 1.404 transplantes realizados em 2014

Doacaoorgaos_balanco_2014

A vida de 1.404 pacientes mudou em 2014, ano em que o Ceará registrou um novo recorde de transplantes de órgãos e tecidos. O balanço final da Central de Transplantes da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) para todo o ano passado aponta, ainda, novos recordes de transplantes de rim e fígado, além de pulmão e medula óssea, confirmados no início de dezembro. Em 2014 também foram realizados mais transplantes de valva cardíaca e córnea que no ano anterior. Os números finais apontam a realização de 288 transplantes de rim, cinco de rim/pâncreas, 21 de coração, 195 de fígado, 11 de pulmão, 58 de medula óssea autólogos e quatro alogênicos, dez de valva cardíaca, 786 de córnea e 26 de esclera.

Os 288 transplantes de rim superam o recorde anterior de 285 cirurgias realizadas em 2012. O recorde anterior de 194 transplantes de fígado foi registrado em 2013, mesmo ano do recorde anterior de 56 transplantes de medula óssea, todos autólogos. O número de transplantes de córnea é o segundo maior da série histórica, superado pelos 795 procedimentos de 2011. Em oito anos, este é o sétimo recorde de transplantes registrado no Ceará, com incremento de 111% dos procedimentos no período. Foram 654 transplantes em 2007, 743 em 2008, 760 em 2009, 872 em 2010, 1.297 em 2011, 1.269 em 2012, e 1.365 em 2013.

2014 também terminou com menos pacientes ativos na fila de espera do que o total de 1.404 transplantes realizados no ano. A lista tem 389 pacientes aguardando transplante de rim, 13 de pâncreas/rim, um de pâncreas isolado, oito de coração, 91 de fígado, quatro de pulmão, dez de medula óssea com o tecido coletado e 30 que ainda realizarão coleta, e 449 pacientes aguardando transplantes de córnea. No total, há 995 pacientes na lista de espera por transplantes de órgãos ou tecidos.

Para registrar os recordes sucessivos, o Ceará tem se mantido entre os três estados com maior número de doadores efetivos de órgãos e tecidos para transplante. De acordo com o Registro Brasileiro de Transplantes (RBT) relativo aos três primeiros trimestres de 2014, o Ceará figura na terceira colocação do país, com 26,7 doadores efetivos por milhão da população (pmp), depois de Santa Catarina e Distrito Federal, ambos com 31,6 pmp. Em número de doadores cujos órgãos foram transplantados, o Ceará avança uma posição, figurando com 26,0 pmp, atrás apenas de Santa Catarina, com 30,5 pmp.

Até setembro deste ano, o Ceará aparecia no RBT, publicação da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO), como o maior transplantador de fígado do país, com 24 transplantes pmp, à frente do Distrito Federal (20,8 pmp) e Santa Catarina (18,1). Em transplantes de pulmão, o Ceará é o segundo do Brasil, com 1,3 transplantes pmp, atrás do Rio Grande do SUL, com 1,4 pmp.

06.01.2015

Assessoria de Comunicação da Sesa

Aumento do piso nacional será aplicado a salário dos professores no Ceará, diz Camilo

 

camiloO aumento que for definido para o piso nacional dos professores pelo ministro da Educação e ex-governador do Ceará, Cid Gomes, será aplicado ao magistério no Ceará. A afirmação foi feita pelo governador Camilo Santana (PT) em entrevista à Rádio Tribuna Band News FM na manhã desta terça-feira, 6.
Hoje, Camilo tem reunião marcada com o comando de greve das universidades estaduais do Ceará, às 11 horas, no Palácio da Abolição. Na quarta-feira, 7, Cid Gomes deve anunciar o reajuste no piso nacional do magistério entre 12 e 14%.
“O Ceará foi um dos primeiros estados a pagar o piso nacional e o aumento que for dado ao piso nacional nós vamos pagar esses professores, quero garantir esse compromisso”, disse Camilo.

 

“Há uma boa relação, hoje, entre o Estado com os professores e os sindicatos. Vamos permanecer esse diálogo e vamos trabalhar dentro da lógica do Plano Nacional de Educação. A meta é chegar a 10% do PIB brasileiro com investimento na Educação, inclusive com dinheiro do pré-sal, para que a gente possa, com isso, melhorar a qualidade e a condição dos professores e consequentemente a qualidade do ensino no Brasil”, disse Camilo.
Saúde
Camilo voltou a destacar a necessidade de se criar uma contribuição nacional para a saúde. Ele frisou que defende que a contribuição seja exclusivamente para saúde, com dinheiro direcionado direto a municípios e Estados, diferentemente da CPMF que ficava com a União.
Camilo destacou os custos para o Estado com a manutenção dos equipamentos de saúde e frisou que o Estado recebe cerca de 30% da União e o objetivo é que esse percentual passe a ser de 50%.
Segurança
O governador destacou o aumento do salário dos policiais no Estado e a correção de distorções. Ele disse estar “muito animado” com o novo secretário de Segurança Pública, Delci Teixeira.

“A primeira questão que quero fazer é tentar ouvir as demandas da tropa para saber o que podemos solucionar, claro que não vou poder solucionar todos os problemas e todas as demandas. Tem a questão das promoções, que é uma grande reclamação da tropa – tem policial que trabalha 15 anos e não consegue ser promovido de soldado para cabo – temos uma proposta que está sendo discutida”, disse Camilo.
O chefe do Executivo destacou ainda a criação de um comitê que discutirá a integração de diversas áreas para combater a criminalidade no Estado. A vice-governadora Izolda Cela será a responsável pela coordenação do grupo, que contará ainda com especialistas de outros estados, como José Luiz Ratton, que coordenou o programa Pacto pela Vida, em Pernambuco.

Redação O POVO Online


Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30