xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Carne e bebidas são os itens mais cortados nas compras, diz pesquisa | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

04 setembro 2015

Carne e bebidas são os itens mais cortados nas compras, diz pesquisa

cerveja

Produtos passaram a ser menos consumidos em meio à crise.
Itens de limpeza e higiene, por outro lado, foram os menos cortados.

 

Cerveja está entre produtos que passaram a ser menos consumidos (Foto: Edgar Domingues/ Arquivo Pessoal)

Cervejas, carnes bovinas e refrigerantes lideram a lista de produtos que passaram a ser menos consumidos no atual cenário econômico, apontou uma pesquisa divulgada nessa quinta-feira (03) pela GfK com 16 categorias de consumo. Os três itens passaram a ser adquiridos com menor frequência e em quantidades reduzidas, enquanto as promoções se tornaram decisivas.

Mais da metade dos consultados relatou que ter mudado o comportamento de compra de cervejas e carne bovina, enquanto que o consumo de produtos de higiene e limpeza, como sabonetes, detergentes e água sanitária, foram os menos cortados da lista do consumidor.

Segundo a pesquisa, a troca de marcas preferidas por outras com preços mais acessíveis foi a estratégia mais usada pelos consumidores para algumas categorias de alimentação, como leite, café e óleo de soja.  A prática é a mais aplicada para todas as categorias de higiene pessoal e cuidados com o lar.

No caso do tomate e cebola, que tiveram seus preços significativamente aumentados desde o início do ano até o período do campo da pesquisa, o consumidor, além de reduzir quantidade, a frequência das compras e buscar promoções, intensificou a busca por lojas ou canais alternativos que ofereçam preços mais vantajosos.

Preços
A inflação da baixa renda, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor - Classe 1 (IPC-C1),desacelerou de 0,68% em julho para 0,06%, em agosto, segundo pesquisa da Fundação Getulio Vargas (FGV). Com este resultado, o indicador acumula alta de 8,01%, no ano e, 10,37%, nos últimos 12 meses.

Do G1, em São Paulo

0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31