xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Secult entregou 104 bicicletas a agentes de leitura de 30 municípios cearenses, encerrando encontro no TJA | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

20 agosto 2015

Secult entregou 104 bicicletas a agentes de leitura de 30 municípios cearenses, encerrando encontro no TJA

RIMG_8260

Uma tarde festiva, de muita troca de conhecimentos e saberes, além de renovação do compromisso em formar cada vez mais leitores, em todo o Ceará. Assim foi o encerramento, nesta quarta-feira, 19/8, do VI Encontro Agentes de Leitura, promovido pela Secretaria da Cultura do Estado, no Theatro José de Alencar. Ao longo desta quarta-feira, 104 bicicletas foram entregues pela Secult aos representantes das secretarias municipais de Cultura, para utilização pelos novos agentes que sairão de casa em casa, em 30 municípios cearenses, oferecendo livros, realizando ações de formação e estímulo para a leitura. O secretário da Cultura do Estado do Ceará, Guilherme Sampaio, participou do encerramento do encontro e realizou a entrega de três das bicicletas aos secretários municipais de Cultura de Farias Brito, Porteiras e Quixelô.

A tarde foi também de formação técnica e humanística, com a palestra de Eliana Yunes, diretora da Cátedra Unesco de Leitura na PUC-Rio e nome decisivo na estruturação do Programa Nacional de Incentivo à Leitura – Proler, que em 2015 completa 20 anos. Falando aos 104 agentes de leitura, em uma palestra realizada no foyer do Theatro José de Alencar, a pesquisadora, fonte de referência sobre o atual panorama da leitura no Brasil e sobre o esforço histórico para maior democratização do acesso e para reforço à prática da leitura, destacou o poder transformador da leitura, além das várias leituras possíveis à vida de cada pessoa.

“O Ceará está de parabéns por continuar este projeto, como uma política de Estado, não como uma política de gestão”, destacou Eliana Yunes, ao final de sua palestra, ressaltando a importância do trabalho de cada agente de leitura. “O programa Agentes de Leitura está sendo retomado com força total, com perspectiva de ampliação do programa para todos os municípios cearenses”, ressaltou o secretário Guilherme Sampaio. “O retorno que os participantes nos deram ao longo desses três dias de Encontro só nos anima com relação ao potencial que esse programa tem e à capacidade desses jovens de serem motivadores de novos leitores no Ceará”, enfatizou.

Ampliação para todo o Estado

O secretário Guilherme Sampaio destacou que o Plano Estadual de Cultura, atualmente em debate na Assembleia Legislativa, traz entre suas metas a universalização do programa Agentes de Leitura, para todos os municípios do Estado. “Este Encontro dos Agentes de Leitura, com a qualidade que teve, com o mix entre palestras, vivência cultural com os agentes assistindo a 'O Carteiro e O Poeta' no São Luiz, entrando pela primeira vez no TJA, visitando os diversos equipamentos culturais, aliou a sensibilização necessária pra expansão de conhecimentos, que foi possível a partir de palestrantes renomados, algumas das maiores autoridades no campo da leitura, no Brasil, na academia. Isso expressa a importância desse programa para a política cultural do Estado”, apontou.

Os agentes de leitura e o Ceará Pacífico

O secretário Guilherme Sampaio destacou que a Secult apresentou proposta para levar o Agentes de Leitura também para as áreas do programa Ceará Pacífico, do Governo do Estado, em Fortaleza. “O programa Agentes de Leitura originalmente só era desenvolvido nos municípios do Interior. Agora nas áreas do Ceará Pacífico, Vicente Pinzon, Bom Jardim e São Miguel, teremos também agentes de leitura atuando junto à juventude e às famílias desses bairros”.

A solenidade de encerramento do VI Encontro Agentes de Leitura contou ainda com a participação da coordenadora de políticas de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas da Secult, Mileide Flores, e com os professores Cleudene Aragão e Kelsen Bravos, que participaram do desenvolvimento inicial do projeto. O escritor Fabiano dos Santos Piúba, idealizador do programa no Ceará e hoje secretário adjunto da Secult, também foi aplaudido pelos agentes de leitura.

Para Mileide Flores, coordenadora de políticas de livro, leitura, literatura e bibliotecas, da Secult, o VI Encontro dos Agentes de Leitura marca "um novo passo em um projeto que transforma as pessoas". "O Agente de Leitura vai até as famílias, o núcleo transformador. É um momento de busca da identidade local, em que eles se reconhecem. Uma forma de as famílias se reconhecerem dentro dessa identidade e como pessoas com grande capacidade de transformação", aponta Mileide.

Agentes de Leitura

No projeto Agentes de Leitura, da Secult, cada agente acompanha o processo leitor de 25 famílias, cadastradas dentre as escolhidas pelas secretarias municipais de Educação, em 30 municípios, em localidades de grande vulnerabilidade social no interior do Estado. A primeira mesa de trabalho do VI Encontro Agentes de Leitura, na manhã desta segunda-feira, teve roda de conversa reunindo Wilma Maia, agente de Parambu de 2012 e 2013, Maciel Araujo (agente de Pedra Branca de 2007/2008), Joelmir Nobre (de Croatá de 2012 a 2015), Rosana Maria de Sousa (de Mauriti, de 2012 a 2015) e Lucas Madeira Rodrigues (agente de Miraíma, de 2012 a 2013), debatendo as experiências vivenciadas no Interior com as famílias atendidas pelo projeto.

Os agentes selecionados têm idade entre 18 e 29 anos e passaram, nestes três dias de encontro em Fortaleza, por uma série de atividades de formação e intercâmbio de experiências, no intuito de fortalecer o importante trabalho que realizam nas cidades do Interior do Ceará. Entre as participantes, as agentes de leitura Rosineide Viana de Souza e Flávia Geane Pereira Oliveira, ambas de Antonina do Norte, relataram suas experiências trabalhando com as famílias no Cariri. "Algumas crianças com as quais trabalhamos só conseguiram aprender a ler após o reforço do programa Agentes de Leitura", destacou Flávia.

A agente de leitura Sâmia Rafaela, do município de Porteiras, na região do Cariri, também destacou a importância da iniciativa da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará para o exercício da função dos agentes no Interior."o Encontro é um momento muito importante, pra que a gente possa avaliar as experiências realizadas em cada município e pra que a gente possa levar esse gosto pela leitura de uma forma mais efetiva, para cada família".

Governo do Estado do Ceará
Coordenadoria de  Imprensa - Casa Civil

0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Dezembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 30