xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Ação visa interiorizar Farmácias Vivas | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

27 julho 2015

Ação visa interiorizar Farmácias Vivas

farmaciaviva

Um edital da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) para o incentivo dos arranjos produtivos de plantas medicinais e fitoterápicas pretende implantar seis hortos pólos nas macrorregiões de saúde do Ceará, como forma de interiorizar as ações das Farmácias Vivas. Serão 24 arranjos produtivos de plantas municipais que funcionarão em parceria com o desenvolvimento da agricultura familiar.

Prioritariamente, estão sendo selecionados municípios que já possuem os serviços de farmácias vivas, mesmo que estas sejam do tipo 1. Entre as cidades escolhidas, estão Fortaleza, Maracanaú e Horizonte. O Horto de Plantas Medicinais Abreu Matos é responsável pela produção de mudas que serão levadas para os novos hortos polos. A previsão para que as novas hortos de plantas medicinais estejam funcionando é de até dois anos.

Para a implantação das Farmácias Vivas, está sendo feito um estudo geofísico para a perfuração de poços profundos para auxiliar as estruturas de irrigação. Os agricultores beneficiados também receberão todos os equipamentos e ferramentas necessários, além de um curso de capacitação sobre produtos fitoterápicos que também serão estendidos a médicos, enfermeiros, farmacêuticos e agrônomos.

Produção

Conforme Georgeline Silveira, farmacêutica e coordenadora da Farmácia Viva Lúcia Gurgel, a produção de fitoterápicos para a distribuição em postos municipais foi retomada em janeiro deste ano, a partir de um projeto piloto do curso de Farmácia da Universidade de Fortaleza (Unifor). Os medicamentos são elaborados pelos alunos da Instituição, e a matéria prima vem do horto municipal, localizado no bairro Parangaba, em Fortaleza. A distribuição começou em abril, e a intenção é ampliar, até o fim do ano, o projeto para os 93 postos de saúde da Capital.

Um outro exemplo de Farmácia Viva em pleno funcionamento desde 2004 no Ceará é a do município de Horizonte. Segundo o pesquisador da Universidade Federal do Ceará (UFC), Sérgio Horta Mattos, responsável pela unidade, na sede são produzidos 8 mil medicamentos fitoterápicos de 15 tipos diferentes por mês. Esses fármacos são entregues nos Centros de Abastecimentos Farmacêuticos (CAFs) e, posteriormente, distribuídos à população através dos postos de Saúde. O modelo da farmácia de Horizonte é do tipo 3, que se destina à preparação de fitoterápicos padronizados para o provimento das unidades do Sistema Único de Saúde (SUS).

Fundado há 32 anos pelo professor Abreu Matos, o Programa Farmácias Vivas da UFC foi pioneiro no País e tem sido reproduzido em diversos municípios, em todas as regiões.

Segundo Mary Anne Bandeira, supervisora do Núcleo de Fitoterápicos da Sesa e diretora do Horto de Plantas Medicinais Abreu Matos da UFC, há 74 unidades de farmácias vivas no Estado, 51 do tipo primário, que tem como finalidade garantir às comunidades o acesso à plantas medicinais e orientar sobre a preparação e o uso correto de remédios caseiros por profissionais capacitados.

Diario do Nordeste - Regional

0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31