11 junho 2015

Sete anos depois, Justiça começa a julgar o escândalo do Juaforró 2008

 

Raimundaomacedo

 

Sete anos depois de estourar o escândalo do Juaforró 2008, a Justiça Federal, finalmente agendou para o período de 15 a 19 de junho, o início do julgamento do caso. A ação penal é proposta pelo Ministério Público Federal (MPF), que durante os sete anos investigou e apontou vários crimes montados por um grupo de pessoas ligadas ao atual prefeito Raimundo Macedo (PMDB). Na época (2008), Raimundão cumpria o último ano de seu primeiro mandato (2005-2008).
Entre as denúncias apresentadas e comprovadas pelo MPF estão desvio de dinheiro público, superfaturamento e lavagem de dinheiro, envolvendo a quantia de R$ 900 mil repassada à Prefeitura de Juazeiro pelo Ministério do Turismo para a realização do Juaforró 2008.
De acordo com os autos, a prefeitura na época, recorreu a uma empresa de fachada estabelecida no município de Farias Brito, para promover o evento com a finalidade de desviar recursos públicos.

flavio pinto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.