xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> Antônio José de Figueiredo Albuquerque e a Cooperativa do Sítio Malhada, em Crato – por Renato Casimiro | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

20 junho 2015

Antônio José de Figueiredo Albuquerque e a Cooperativa do Sítio Malhada, em Crato – por Renato Casimiro

Aí pelo começo dos anos 70, eu era um estudante universitário, li e ensaiei pequena discussão em seminário em sala de aula, com o então projeto de instalação de uma usina de pasteurização de leite no Cariri que fora concretizado pelo funcionamento da CILCA-Companhia de Laticínios do Cariri, em anos anteriores, aqui em Juazeiro do Norte.
Desde aquela época eu nutria uma expectativa de que a região do Cariri viesse a resolver satisfatoriamente a questão da comercialização e do consumo de leite cru, ainda sem pasteurização, e bem assim oferecesse oportunidades de industrialização para os seus derivados. E, realmente, por muitos anos, esta unidade funcionou entre nós aqui no Triângulo Crajubar, hoje inativa e deixando a região quase que totalmente refém das alternativas de consumo de leite longa vida, vindo de várias partes do país, da tradição dos leites em pó e os derivados vindos de fora.
No ano passado eu tive a oportunidade de conhecer de perto a unidade industrial da Cooperativa Agroindustrial dos Pequenos Produtores do Sítio Malhada (CAIPEMA), no distrito de Ponta da Serra, em Crato. Essa Cooperativa montou uma planta de processamento de leite graças a mobilização da Associação dos Pequenos Produtores de Leite do Sítio Malhada, que havia sido fundada em 3 de março de 2007, e que em dezembro de 2008 passou à condição de Cooperativa Agroindustrial.
Ao cumprimenta-lo, Antônio José, quero inicialmente manifestar-lhe o meu sincero agradecimento pela atenção com que tenho sido recebido, e aos meus alunos, ao visita-los algumas vezes, desde o ano passado, incluindo suas instalações no roteiro obrigatório de uma visão minuciosa por sobre a tecnologia de alimentos na região do Cariri.
Anteriormente eu havia lido uma substanciosa notícia das atividades e da vida da CAIPEMA, através de um trabalho de professores da UFC e da URCA com o qual se fazia uma avaliação socioeconômica e tratava da viabilidade desta Cooperativa. Mais de perto, tem sido extremamente prazeroso, Antônio José, verificar como esta iniciativa, com o apoio de 22 cooperativados atualmente, firma um exemplar compromisso de crença e serviço em torno de pequena parcela do volume diário desta nossa bacia leiteira. Infelizmente, Antônio José, o Cariri pouco conhece do excelente trabalho que esta Cooperativa vem realizando, chegando ao mercado ainda timidamente, particularmente só em Crato, com diversos tipos de produtos derivados, como leite fluido pasteurizado, iogurte e bebida lática, queijos diversos, manteiga e creme.
Esta é uma realidade bem administrada pela pequena disponibilidade de matéria prima entre os cooperativados, do entorno de poucos sítios como Palmeirinha dos Brito, Sítio Juá, Palmeirinha dos Vilar, Sítio Patos, Umburana, Malhada, Sítio Cipó e Sítio Macapá, dentre outros. Ninguém, em sã consciência, pode ignorar a grande relevância da produção leiteira para a economia local, fato que se amplia a mais que a simples visão econômica do negócio, para contribuir valiosamente para as questões da alimentação básica e para os índices de nutrição de seu povo. Lamentável, Antônio José, é verificar que em nosso meio a oferta de leite para a população carente ainda se faz sem a proteção mínima de tratamento técnico adequado, minimizando ao máximo as ocorrências de veiculação de doenças potencialmente transmissíveis pelo leite mal cuidado e frequentemente adulterado.
Como a única instalação em operação com leite no Cariri, recai sobre esta unidade fabril uma grande responsabilidade social que reclama mais apoio financeiro e de incentivo e proteção técnica para a sua expansão e a dinamização de suas atividades, especialmente governamental.
Desejo parabenizar-lhes, Antônio José, e a sua equipe pela excelência daquilo que não cansamos de admirar nestas visitas, particularmente pela qualidade de seus produtos e pela renitente resistência que esta Associação manifesta, acreditando no sucesso crescente de seus empreendimentos. Sem dúvida alguma, este é um exemplo magnífico que homens de visão dão ao setor produtivo, desde esta célula básica da agricultura familiar, e que impacta socialmente para a grandeza do pais. Vocês estão de parabéns pelo sucesso da CAIPEMA, porque vocês fazem esta diferença.

0 comentários:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.


Edições Anteriores:

Novembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30