xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 31/01/2014 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

31 janeiro 2014

CRATO - Desmandos em nossa cidade - Por: Rogerio dos Santos


Prezado,

Gostaria que fosse dada especial atenção a uma questão que a meu ver atinge profundamente a economia de nossa Cidade. A truculência e desmandos com que estão sendo tratados os Pequenos/Individuais Empresários da Construção Civil na Cidade do Crato.

Não bastasse a incoerência de uma Lei de Zoneamento Urbano que engessa o crescimento do Município, um Código de obras que da margens a "dúbias"   interpretações deixando os investidores geradores de emprego na cidade sem saber ao certo que rumo tomar, pois mudam-se as regras do jogo com o jogo em andamento e de acordo com a interpretação particular de cada um dos que tem nas mãos o "poder da caneta", temos agora um Código Tributário Municipal aprovado pela Câmara e que do qual a maioria dos Srs. Vereadores se quer entendem, que veio sobre taxar a atividade da construção civil com valores irreais e absurdos.

O argumento da Prefeitura, que vem através de uma "Pseudo Assessoria" contratada pelo Sr. Prefeito que, sequer se digna atender os Empresários,  esta comprometendo o ramo da construção civil a ponto de boa parte dos empresários da Cidade ja estarem buscando transferir seus negócios para outros Municípios. Será que é sina do Crato estar condenado a ser sempre uma aldeiazinha em relação a Juazeiro por exemplo.

Rogerio dos Santos
www.blogdocrato.com



VEREADOR BEBETO TEVE AUDIENCIA NESTA SEXTA COM O SEC. DE SEGURANÇA DO ESTADO PELAS AMEAÇAS QUE VEM SOFRENDO.


O vereador Roberto Anastácio (Bebeto) viajou às pressas na manhã de sexta-feira 31/jan, para Fortaleza, onde teve uma audiência com o Secretário de Segurança Pública do Estado do Ceará Dr. Servilho Paiva, onde fez um relato das ameaças que vem recebendo não só a sua pessoa, mas também a sua família.

Falando a nossa reportagem ainda na estrada, o vereador Bebeto disse que as ameaças que constantemente vem sofrendo, já toma outras proporções, as ameaças chegam agora aos seus amigos policiais, que voluntariamente nas horas vagas, vem lhe acompanhando nas suas andanças. Afirmou Bebeto, que esses policiais estão ameaçados de serem transferidos para outras localidades, se continuarem acompanhando o vereador, concluiu Bebeto, que essas ameaças vêm partindo de pessoas ligadas ao gestor do município, pessoa essa que já tem pendências com a justiça e não quis citar seu nome até o seu encontro com o Secretário de Segurança do Estado. 

Disse que o último ultimato aos policiais, seria para que eles não estejam presentes na sessão da próxima segunda feira dia 04/fev na Câmara Municipal do Crato.

(CRATO TÁ VIRANDO UMA CIDADE DE FAROESTE ? ISTO É GRAVE!)

Por Ed Alencar - Repórter/Membro do Blog do Crato 
www.blogdocrato.com


O ocaso de uma princesa – por Armando Lopes Rafael (*)


   Esta semana, na minha costumeira ida aos Correios para retirar minhas correspondências, percebi – com espanto e pesar – o quanto a Princesa do Cariri está maltratada e envelhecida. Um declínio que se acentuou de forma considerável nos últimos meses. Não me lembro de uma única obra de vulto construída pela Prefeitura Municipal nos últimos anos. Todos os empreendimentos de importância – feitos em tempos recentes, nesta cidade – foram iniciativas do Governo do Estado. A exemplo da requalificação das praças centrais, da construção da avenida que passa em frente à Expocrato, do plano de revitalização do bairro do Seminário.
    Ora, direis que até uma lady aristocrática também envelhece e fica encarquilhada. E que o dinheiro do município só dá para tocar o trivial – o “arroz com feijão" – como diz o povo. Interessante que cidades vizinhas (algumas com orçamento municipal menor que o de Crato), construíram mercados públicos, avenidas de acesso, urbanizaram áreas degradadas, implantaram parques ecológicos, pavimentaram ruas e mantêm suas praças com jardins bem cuidados. Aqui não! O dinheiro da Prefeitura só dá (e mal) para pagar o funcionalismo, para recolher o lixo, manter as escolas municipais e comprar remédios para os sucateados postos de saúde. Algo está errado nisso tudo.
   Não dá para fugir ao saudosismo da comparação. Na opulência do regime monárquico era a Vila Real do Crato – Cidade Cabeça de Comarca – quem capitaneava o processo civilizatório e o progresso, aqui e alhures, abrangendo o território da sua vasta Comarca, que se espraiava desde os sertões adustos de Quixeramobim até as faldas verdejantes da Chapada do Araripe. Mesmo depois do fatídico 1889, já nos decadentes e medíocres tempos republicanos, esta cidade ainda era um farol a espargir luzes pelas zonas que a circundavam. Isso durou até os anos da década 60 do século passado. Essas luzes refletiam educação, cultura, bons serviços de saúde, polo comercial, lazer, enfim um "adiantamento" como se dizia então.
   Quantos marcos de pioneirismo o Crato contabilizou! Foi a primeira cidade do interior cearense a fundar um jornal (“O Araripe”); a que teve os primeiros cursos de ensino superior (em 1922, no seminário São José), a primeira a instalar uma usina hidroelétrica em solo cearense; a implantar a primeira estação de rádio no interior; a primeira diocese; a primeira reserva florestal protegida por lei no Brasil... e outros tantos. 
          Hoje, até alguns melhoramentos que havíamos conquistado, como o sistema da zona azul para estacionamento de veículos, foi encerrado. Estacionar um veículo no centro de Crato voltou a ser um drama. Pior: carros são estacionados em cimas das faixas.  Não vemos fiscais do Demutran orientando sobre isso,  nem organizando os congestionamentos nas portas de escolas no início e fim das aulas. Parece que recuamos ao nível de cidades dos grotões da miséria e do atraso do Nordeste, aquelas que vivem em torno da esmola do Bolsa Família.
Pobre Princesa! Quando será que vai aparecer um estadista para estancar tanta mediocridade e tanta falta de visão administrativa?

(*) Armando Lopes Rafael é historiador.

Acima, Praça da Sé,  onde havia espaço da "zona azul", agora é área de estacionamento para "privilegiados" que visitam a Catedral de Nossa Senhora da Penha. Observem os cones do Demutran.



À direita, Praça da Sé, onde havia espaço para estacionamento de deficientes,  desde novembro de 2013 virou lugar para um parque de diversão.
Coisa de cidade minúscula...
 Texto e fotos: Armando Lopes Rafael




A volta do filho - Por: Emerson Monteiro


A notícia do retorno se propagou nas quebradas feita relâmpago em noite escura. O moço voltava alquebrado da longa ausência quando rondara mundos distantes, desde cedo conhecendo as vaidades noutras taças que não as do torrão natal. Gastara muito daquilo que a família adquirira com esforço e sacrifício na lide das roças, de inverno e verão.

Havia, nesse recomeço, algo semelhante à história evangélica do filho pródigo chegando de volta ao lar paterno.

Viera no meio da noite à porta principal da casa, que abririam de par as cavernas da saudade. Abraços calorosos lhe receberam na festa do regresso, pondo todos em polvorosa, acordando os irmãos mais novos nunca imaginados que houvesse da parte do que sumira nas estradas. Reminiscências. Aventuras valorizadas. Longas conversas, da madrugada à barra do dia.

O lugar atualizava, no vento as manhãs alegres, dentro das orelhas frias, na ponta do nariz, nos olhos insones... Dormira nada, deixava o sono para conciliar de tarde, pela calma de tanta excitação.

Viu nas primeiras réstias de sol na telha motivos de sobra suficientes de saltar da cama só no dia seguinte, quando avistou o curral. Andou dolente a ler na consciência o campo cinzento fosco da redondeza. As casas de taipa dos mesmos moradores, o brejo, o açude, árvores destacadas no desenho maior, menores, indo recortar a paisagem no horizonte avermelhado. Deteve-o a silhueta inconfundível de dois vaqueiros ordenhando o gado, na orla do chiqueiro da criação.

Pessoas em movimento ecoavam a lembranças do riso engraçado das mocinhas. Notou, por trás da cerca do quintal, um dos empregados puxando carneiro gordo ao tronco da cajazeira secular, sob a qual arrumavam prato de barro, fogo aceso e facões. Os atos denunciavam a condenação próxima do animal.

- O que farão com esse bicho? – perguntou agoniado, querendo reverter a tempo a execução do carneiro.

- Vamos abater para comemorar sua volta – logo respondeu o caboclo.

Demorou quase nada pensando, e entrou casa adentro na procura da velha mãe. Ao vê-la, chegou dizendo que o animal culpa nenhuma tinha de ele regressar.

- Em lugar de matar o carneiro, mãe, por que não cuida de lhe dar só uma pisa boa, caso queira dividir com ele a responsabilidade desses meus procedimentos?    


Ex-diretor da SAAEC Cesario Cavalcante foi convidado para assumir cargo alto no Governo do Estado do Ceará


Nada como um dia atrás do outro - O FEITIÇO VIRA CONTRA FETICEIRO: Dr. Cesario Cavalcante é quem vai gerenciar recursos do Banco Mundial para os projetos do Cariri, inclusive o "Encosta do Seminário". Quem ficou na mão de quem ?

Com 39 anos de experiência no setor público e uma carreira brilhante como gestor, Cesario Cavalcante foi dispensado da SAAEC, segundo ele porque lhe disseram que ele era "perigoso demais". Em entrevista, Cesário disse que é perigoso para quem quer fazer falcatruas, e isso ele não aceita. ( Em entrevista em Agosto de 2013 ).



"O Dr. Francisco Cesário ex-diretor da SAAEC Crato, foi convidado  pelo  Sec. Adjunto Dr. Mário Fracalossi, da Sec .das Cidades do Governo do Estado, para assumir cargo de confiança em órgão da referida  Secretária, no UGP - UNIDADE DE GERENCIAMENTO DE PROJETO, para gerenciar recursos do Banco Mundial, para projetos na região do cariri, onde envolve (9) nove cidades, em especial o Crato que tem pela frente o grande projeto da “Encosta do Seminário”.

O Dr. Cesário é formado em administração de empresa, com pós-graduação em finanças e se aceitar o convite, ocupará o cargo em 01 de fevereiro de 2014. Em entrevista à nossa reportagem, de antemão, agradeceu o convite feito pelo amigo Dr. Mário Fracalossi, e se encontra em Fortaleza onde já se reuniu com outros diretores do órgão, e só depende do seu “sim”, para assumir a pasta. O Dr. Cesário no momento está avaliando entre seus projetos pessoais e o novo cargo. Em suma: “Se há quem fecha uma janela, há quem abra uma porta.”  Coisas da vida."

Por: Ed Alencar
Repórter/Membro do Blog do Crato e Portal de Notícias Chapada do Araripe


Chuvas em 59 cidades podem indicar ocorrência de inverno


Ainda não é inverno, mas as últimas precipitações registradas no Estado fortalecem a esperança

Choveu nos últimos dois dias no Ceará. A Fundação Cearense de Meteorologia (Funceme) registrou, até às 11h de ontem, precipitações pluviométricas em 59 municípios do Estado, sendo que a maior ocorrência, de 104,5 mm, foi registrada na cidade de São Gonçalo do Amarante, na Região Metropolitana de Fortaleza.

Choveu bastante também nos municípios de Pentecoste, Granja e Jaguaretama, que registraram 57 mm, 46 mm e 38.4 mm, respectivamente. Apesar das precipitações registradas em várias regiões, a Funceme informa que ainda não é o início da tão esperada quadra invernosa no Estado. A previsão é de que as chuvas continuem até hoje em várias regiões do Estado, especialmente na região Centro-Norte. Segundo o meteorologista, Raul Fritz, as precipitações não podem ser consideradas como o princípio da quadra invernosa, que deverá começar na segunda quinzena de fevereiro.

"Ainda não é inverno, mas há um indício positivo, esperançoso. As chuvas dos últimos dois dias e que deverão ocorrer até amanhã, são oriundas de um ramo da Zona de Convergência Intertropical, que se aproximou do litoral do Ceará", informa Fritz. De acordo com as previsões meteorológicas, a referida Zona deverá retornar para o Norte do País e a tendência é que volte a atuar de forma favorável ao Ceará na segunda quinzena de fevereiro, como já é costume, provocando as chuvas da chamada estação invernosa. "Nesse período de retorno é que se prevê o início da estação invernosa no Ceará", acrescenta o meteorologista, destacando que essa é a tendência, que depende ainda da variação atmosférica e das condições oceânicas. A previsão do órgão para hoje é que ocorram precipitações isoladas, principalmente no Centro-Norte do Estado, com chuvas intercaladas por momentos de sol, ainda por decorrência da presença do sistema.

Prognóstico

A Funceme divulgará o segundo prognóstico sobre a quadra invernosa deste por volta do dia 20 de fevereiro, segundo Fritz. O documento trará a previsão climática oficial do órgão sobre as chuvas que caíram no Ceará nos meses de março, abril e maio. Será o último deste ano. "Nessa próxima previsão, veremos se as condições mudaram ou se permanecem as mesmas do primeiro prognóstico", salienta Fritz. No primeiro prognóstico do órgão, divulgado no dia 21 deste mês, a probabilidade de a quadra chuvosa ficar abaixo da média no Ceará foi de 40%.

A previsão foi anunciada durante o encerramento do XVI Workshop Internacional de Avaliação Climática para o Semiárido Nordestino. Com a previsão, o órgão faz um alerta para a possibilidade de a seca ser prolongada em 2014 e deixou em alerta autoridades e lideranças em todo o Estado. Menores probabilidades ficaram para inverno na média e acima dela. De acordo com os dados meteorológicos do órgão, as chances de a quadra chuvosa ficar acima da média, neste ano, é de apenas 25%, contra 35% de permanecer dentro da média.

Açudes

O órgão fez um alerta de que, mesmo que haja chuva em torno da média, não é garantido que os reservatórios sejam abastecidos. Dada a situação de esvaziamento dos maiores reservatórios do Estado, Fritz reforça o alerta afirmando que "mesmo que tenhamos chuvas em torno da média, é provável que não sejam suficientes para abastecer suficientemente os reservatórios", diz. Segundo a Funceme, 113 reservatórios do Ceará, dentre estes os maiores, estão com volume abaixo de 30% de sua capacidade. Somente o Gavião está com volume de 90%.

O volume de água armazenado nos 144 reservatórios monitorados pela Cogerh no Estado é de 5.626.638.511 metros cúbicos. Isto equivalente a apenas 29,91% da capacidade total, segundo os dados são do próprio órgão. O nível hídrico ainda está em nível decrescente.

Situação crítica

Na região dos Sertões de Crateús, a situação hídrica preocupa autoridades e população. O Açude Flor do Campo, que abastece atualmente os municípios de Novo Oriente, Quiterianópolis e Crateús (agora somente com carros-pipas e ano passado transferiu um grande volume de água pelo leito do Rio Poty) está esvaziado, com 3,82% de seu volume total. Caso as chuvas da quadra deste ano não sejam suficientes para recarga do reservatório, a população desses três municípios - mais de 100 mil pessoas - correm o risco de ficar sem água para seu sustento.

A Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), em reunião em Crateús no final do ano, informou que possui um "plano B" para abastecer Crateús: transferir água novamente, desta vez do Açude Barra Velha, situado no município de Independência, que está atualmente com 5,87% da capacidade.

SILVANIA CLAUDINO
DN

Mais informações

Funceme
AvenidaRui Barbosa,1246
Aldeota, Fortaleza
Telefone:(085)3101.1088
www.funceme.br


Com gol nos acréscimos, Ferroviário vence o Crato por 1 a 0


Com gol nos acréscimos, o Ferroviário venceu a equipe do Crato, fora de casa, nesta quinta-feira (30), em jogo válido pela 10ª rodada do Campeonato Cearense. Apenas 64 pessoas pagaram ingresso para ver o Tubarão da Barra conseguir um resultado positivo após 5 partidas sem vencer na competição. O gol salvador foi marcado pelo atleta Mauri, aos 47 minutos do segundo tempo.

Ferrão quebrou jejum de 5 partidas sem vitória Foto: Kid Júnior

Com a vitória a equipe Coral permaneceu na 6ª posição, com 11 pontos, mesma pontuação do Quixadá. O Crato continua na lanterna do Estadual, com apenas 5 pontos. O Ferroviário volta a campo no próximo sábado (1), às 16h, contra o Icasa, no estádio Romeirão. A equipe do interior folgará na rodada.

Demais resultado da 10ª rodada

O Icasa venceu o Guarani de Juazeiro, pelo placar de 1 a 0, no estádio Romeirão. Foguinho marcou o gol da vitória, aos 44 minutos do segundo tempo. A vitória fez o Verdão do Cariri subir para a 4º posição, com 12 pontos. Apesar da derrota, o Leão do Mercado continuou na vice-liderança, com 15 pontos.

O Icasa jogará novamente no próximo sábado, às 16h, contra o Ferroviário, novamente no Romeirão. Já no domingo (2), às 16h, o Guarani enfrenta o líder Fortaleza, no estádio Romeirão.

Fechando a 10ª rodada, o Itapipoca venceu por 3 a 0 o Tiradentes, no estádio Presidentes Vargas. Epitacio e Nilsinho (2 vezes) marcaram para o Garoto Travesso.

Diário do Nordeste



O CRATO NA TV - 31-01-2014 - A Violência no Cariri e o Crato Esporte Clube




Veja no programa de hoje, conversando sobre violência no Cariri. Assaltos em plena luz do dia, a ineficiência da polícia, mal equipada, mal paga e a bandidagem na periferia da cidade. Ninguém mais está seguro. O que fazer ? E veja também, o Crato Esporte Clube e os últimos jogos.

WebTV Chapada do Araripe




Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31