xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 19/01/2014 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

19 janeiro 2014

USO E RECOMENDO A TODA REGIÃO DO CARIRI - RVNET - O Seu próximo Provedor de Internet


Empresa de Internet Testada e Aprovada com nosso Selo de Qualidade


No Blog do Crato nós membros, temos uma filosofia, que é só fazer parcerias com empresas e poder recomendar ao público, se o produto for realmente bom. Se a gente puder testar e se passar pelo nosso rígido "selo de qualidade". Após muitos anos usando o VELOX da OI como nosa fonte de acesso à internet, já estamos utilizando todo o sistema da Rede Chapada do Araripe de Comunicações que inclui os Sites Blog do Crato, Chapada do Araripe, WebRadio Chapada, e WebTV serão transmitidos através da empresa RVNET. 

Como usuário por mais de uma década do Velox, e tendo sido cliente de outras empresas de internet sem fio da região, posso assegurar a todos os nossos leitores que o produto vendido pela RVNet é de primeiríssima qualidade. Com uma equipe de profissionais da mais alta qualidade, com conhecimento, educação, e treinados para servir bem aos clientes, a RVNET veio para ficar. Além de tudo, é uma empresa que investe em seu produto. Basta dizer que ela está implantando em Juazeiro do Norte até o fim deste mês um link de 1 Gbit para servir melhor ainda, e passando fibra ótica por várias cidades do sul do Ceará, além de atender também a região de Iguatu. 

Operando na faixa de 5.8Ghz, o que garante a verdadeira experiência da internet sem fios sem problemas de conexão, como ocorre com muitos provedores supercongestionados do cariri, na RVNET sua conexão é como sempre deveria ter sido: Estável, com velocidades reais de acesso, e sem problemas de quedas. 

Portanto, ao contratar o seu próximo provedor de Internet, escolha com o melhor. Fique com a RVNET. E se ela passou por todo o nosso clássico perfeccionismo, é porque podemos atestar a sua qualidade. Não recomendaríamos jamais aos nossos clientes e amigos se fosse diferente.

Mas não acredite apenas em nossa palavra: Contrate a RVNet e não se contente com menos.



www.blogdocrato.com
Saiba mais acessando a página: 

Para Você Refletir ! - Por Maria Otilia

Estamos no início do ano letivo.E em todas as escolas  estão sendo preparada a " Semana Pedagógica".  Sugerimos que nestes dias destinados a planejamento e estudo, façamos uma reflexão de qual a verdadeira  função social da escola, principalmente no que se refere a educação inclusiva. Postamos a fábula sobre educação para que façamos uma boa leitura e uma reflexão do nosso papel de educador.  
                                            
                Uma fábula sobre EDUCAÇÃO
Certa vez os animais resolveram preparar seus filhos para enfrentar as dificuldades do mundo atual e, por isso, organizaram uma escola. Adotaram um currículo prático que constava de corrida, escalada, natação e vôo. Para facilitar o ensino, todos os alunos deveriam aprender todas as matérias.

O pato, exímio em natação (melhor mesmo que o professor) conseguiu notas regulares em vôo, mas era aluno fraco em corridas e escalado. Para compensar esta fraqueza, ficava retido na escola todo dia , fazendo exercícios extras. De tanto treinar corrida ficou com os pés terrivelmente esfolados e, por isso, não conseguia mais nadar como antes.

Entretanto, com o sistema de média aritmética das notas nos vários cursos, ele conseguiu ser um aluno sofrível, e ninguém se preocupou com o caso do pobre pato.

O coelho era o melhor aluno do curso em corrida, mas sofreu tremendamente e acabou com esgotamento nervoso, de tanto tentar natação.

O esquilo subia tremendamente, conseguindo belas notas no curso de escalada, mas ficou frustrado em vôo , pois o professor o obrigava a voar de baixo para cima e ele insistia em usar os seus métodos, isto é, em subir nas árvores e voar de lá para o chão.Ele teve que se esforçar tanto em natação que acabou por passar com nota mínima em escalada, saindo-se mediocremente em corrida.

A águia foi um aluno problema, severamente castigada desde o principio do curso porque usava métodos exclusivos dela, além de nem sempre chegar no horário das classes. Seus métodos, eram ortodoxos fosse para atravessar o rio ou subir nas árvores.
No fim do ano, uma águia anormal, que tinha nadadeira, conseguiu a melhor média em todos os cursos e foi a oradora da turma.

Os ratos e os cães de caça não entraram na escola porque a administração se recusou a incluir duas matérias que eles julgavam importantes, como escavar tocas e escolher esconderijos.
Acabaram por abrir uma escola particular junto com as marmotas e, desde o principio, conseguiram grande sucesso.

Citado no livro Inclusão em educação
Mônica Pereira dos Santos

Politicagem e Baixaria tomam conta do Crato - FILHO DO VEREADOR BEBETO ANASTÁCIO É VÍTIMA DE BANDIDOS - Ameaças feitas nas Redes Sociais foram ao mundo real


Vereador Bebeto diz que irá às últimas consequências para proteger a sua família.


Depois da segunda quinzena de outubro e a primeira quinzena de novembro de 2013, mais precisamente durante o período da votação das contas referentes ao exercício de 2009 do ex-gestor Samuel Araripe pela Câmara Municipal do Crato, quando surgiram as denúncias de um esquema que envolvia a compra de vereadores totalizando-se 450 mil reais para a votação contrária ao parecer do TCM, o que está sendo investigado pela justiça, surgiram na rede social FACEBOOK, dezenas de perfis falsos, ( que se constitui em crime de falsa identidade perante a lei ), que agem no anonimato e tendo em si duas características principais: Tentar blindar a Administração Ronaldo Gomes de Mattos das denúncias, e ao mesmo tempo atacar através de calúnias, injúrias e difamações qualquer pessoa que tenha ligações com o ex-prefeito do Crato, Samuel Araripe. 

As pessoas se tornaram reféns desses criminosos virtuais que agora, passaram a agir no mundo real, quando na última quinta-feira, o filho do vereador Bebeto Anastácio, um dos principais delatores do esquema de corrupção que segundo gravações do vereador Dárcio Luiz, envolveria o prefeito e 9 vereadores, teve seu carro pichado com ameaças e frase igual ao que os "fakes" tem usado para denegrir a sua imagem no Facebook, segundo o vereador.

Desde Outubro, a cada dia são postadas em grupos da rede social mais conhecida do planeta, palavras de baixo calão, calúnias, pilhérias e todo tipo de baixarias contra pessoas específicas, numa espécie de rodízio macabro. Uma das maiores vítimas das calúnias é o vereador Cratense Bebeto Anastácio, que é o enfrentante e o maior opositor da administração Ronaldo, além de sua família, amigos, e qualquer pessoa que ouse se opor à administração Ronaldo Gomes de Mattos. 

Os chamados "Fakes" ( perfis falsos ) tem procurado denegrir a imagem das pessoas através de desenhos obscenos, usando palavras como "Ladrões", "Criminosos", "torturador", além de outras coisas. Até este repórter que vos fala, também já foi vítima de mentiras e calúnias, por fazer críticas à administração atual, além de outras pessoas que tiveram ou tenha qualquer vínculo de amizade com o ex-prefeito Samuel Araripe. 

PREFEITO E A PRIMEIRA-DAMA NEGAM ENVOLVIMENTO COM OS PERFIS FALSOS

Pelo fato dos operadores de perfis falsos das Redes Sociais se configurarem claramente como "advogados virtuais" do Prefeito Ronaldo, aplaudindo e tecendo loas à administração, estivemos com este em reunião há 2 semanas no salão nobre da prefeitura, quando pude questionar se o prefeito apoiaria essas iniciativas, ou se estão sob seu aval, ou da primeira-dama, Gilvania Gomes de Mattos, ao que recebi a resposta clara e objetiva de que nem o prefeito nem a primeira-dama aprovam ou estariam ligados a qualquer ato desta espécie contra quaisquer pessoas, ainda que de oposição. 

Os crimes já tem sido denunciados ao Facebook, e está sendo esperada a resposta e a revelação dos IPs de conexão, enquanto a justiça já investiga os fatos, mas é muito morosa na aplicação das penas e no rastreamento dos sistemas de onde partem estes ataques. Todavia, em recente conversa com o vereador Bebeto, falou à nossa reportagem, que a investigação está em estágio avançado, e logo logo, a Polícia Federal espera poder divulgar os terminais e telefones de onde tem partido os crimes, que são publicados em vários grupos, e que dispõe de dados que comprovam já algumas pessoas, mas que só revelará ao término das investigações.

A LEI TAMBÉM RESPONSABILIZA O ADMINISTRADOR DO GRUPO

Um novo rumo para o tratamento dos casos de Calúnias e Difamações também está sendo empreendido: Pela legislação em vigor, qualquer crime virtual praticado na internet é tratado como um crime no mundo real, e no caso de grupos de redes sociais, os administradores também respondão processos  judiciais por crimes praticados sob sua tutela, pois considera-se conivência ou conluio, uma vez que já se possui inúmeros documentos de requisições feitas a estes administradores para que excluíssem  estes perfis falsos e foi terminantemente negado. Grupos como o "O CRATO É NÓS TODOS", "CRATO/CE", "REFLEXÕES SOBRE O CRATO", "NAÇÃO CRATO", "OPINIÃO", "CRATO EM DEBATE", além de outros, comop o grupo "CRATO POLÍTICA", este todo administrado por perfis falsos já estão na mira da justiça. 

VEÍCULO PIXADO E ESCALADA DA VIOLÊNCIA

Neste domingo, o vereador Bebeto Anastácio comunicou à imprensa que o carro do seu filho, foi vítima de uma pichação, ocorrida na última semana, quando elementos escreveram com tinta no para-brisas, as mesmas frases usadas pelos criminosos no Facebook. "Poderia ter sido pior", afirma Bebeto. "E quem garante que outras ações mais perversas não serão cometidas ?"

Segundo Bebeto Anastácio:

"Quero avisar ao povo do Crato que meu filho Yathagan foi vítima dos bandidos por Eu, Bebeto, estar cobrando o que é certo como Vereador. O mais grave é que a frase que os FAKES estão publicando no face, estava escrito no para-brisas traseiro do gol, e mais, poucas pessoas sabem que este carro ainda é meu, inclusive, um foragido. Amor se paga com amor, o contrário, todos temos filhos..."

UM CAMINHO SEM VOLTA

A internet trouxe muitas coisas boas à civilização, mas se a justiça não acompanhar o desenvolvimento tecnológico necessário, poderemos entrar numa convulsão social, com a perpetração dos crimes mais hediondos, que  certamente não se restringirão apenas ao mundo virtual, mas poderão ( como já estão ) passar para o mundo real e ameaçar a integridade física e mental das famílias Brasileiras. 

Logo mais, o vereador Bebeto deverá conceder entrevista em vídeo, acerca das providências que sua família está tomando para se proteger acerca dos fatos recentes, e das denúncias que tem feito contra a Administração Ronaldo Gomes de Mattos, pois segundo ele, não teme represálias, e continuará firme no seu caminho das denúncias, ainda que seja atacado ( Segundo palavras do vereador ). "O que não podemos deixar é a sociedade refém de criminosos virtuais que atacam a nossa honra, a nossa família e querem me tirar de qualquer forma, da câmara de vereadores do Crato, mas eu não me intimidarei com essas ameaças, e irei até as últimas consequências. Essas pessoas mais cedo ou mais tarde irão pagar por seus crimes, e a justiça está aí para isso", conclui Bebeto. 

www.blogdocrato.com


Chuva no Crato do dia 19 de Janeiro às 08:07 - Visão da Vilalta


VÍDEO e FOTO:




Hoje, Domingo, dia 19 de Janeiro, o Crato amaheceu debaixo de mais uma pequena chuva. Essa era a visão às 08:07 da manhã, à partir da Vilalta.





O Rio de Janeiro continua lindo – por Armando Lopes Rafael




 
“Cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro

Rainha das paisagens

Maravilha do mundo inteiro”

(texto da música “Rio, capital eterna do samba”, composição de  Walter Rosa)


A partir de 21 de abril de 1960, há quase 54 anos, a capital do Brasil foi transferida do Rio de Janeiro para Brasília.

Mas, nem por isso, o Rio de Janeiro perdeu o seu glamour. E nem por isso Brasília deixou de ser a cidade fria, composta de edifícios quadrados, onde se destacam o cimento armado e os janelões de vidro com moldura de alumínio.

A amigos estrangeiros costumo dizer que “Brasília é a capital da República”. Nunca um titulo foi tão apropriado! Na prática e na representatividade do modelo republicano. O Rio de Janeiro continua uma das cidades mais lindas do mundo e continuará sendo a eterna Capital do Brasil.
Dá para contar nos dedos as cidades do mundo conhecidas por seus slogans. “Roma, Cidade Eterna”; “Paris, Cidade-Luz”; “Rio de Janeiro, Cidade Maravilhosa”.

Encerrada a greve nas universidades estaduais


Em assembleias realizadas na quarta-feira (15), Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) e Universidade Regional do Cariri (Urca) comunicaram a suspensão da greve dos professores. Na quinta-feira (16) foi a vez da Universidade Estadual do Ceará (Uece) decidir, também em assembleia, pelo fim da paralisação.

A decisão foi tomada a partir dos resultados de um encontro realizado na última segunda-feira (13) entre Governo do Estado e comando de greve das três universidades. Durante esta reunião, o governador Cid Gomes assumiu os seguintes compromissos em relação à pauta emergencial da greve:

1 – Regulamentação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) dos docentes;

2 – Assistência Estudantil, com a destinação de R$ 10 milhões para cada uma das três universidades, a serem disponibilizados a partir do dia 27 de janeiro;

3 – Concurso público para professor efetivo, com autorização de editais de concurso a serem honrados após a realização de seminários na UVA, Urca e Uece e que terão, dentre outros objetivos, a identificação da demanda no número de vagas de cada instituição;

4 – Ampliação e reforma da Facedi/Uece, em Itapipoca, além da criação de um novo curso de licenciatura nesta unidade.

Tendo em vista, ainda, a suspensão da greve por parte dos servidores técnico-administrativos desde o dia 19 de dezembro de 2013, foi solicitado, durante audiência entre secretário da Secitece e governador, um estudo à Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag) sobre a repercussão financeira das reivindicações dos servidores, o qual já foi concluído.
Seminários nas universidades

Os seminários que vão tratar de assuntos relativos às universidades – como a identificação da demanda real no número de vagas para realização de concurso público, serão realizados nas três instituições a partir de fevereiro. A coordenação dos eventos estará sob a responsabilidade da Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece).

Os seminários foram agendados para os seguintes dias:

- 3 e 4 de fevereiro: UVA (evento em Sobral)
- 10 e 11 de fevereiro: Urca (evento no Crato)
- 17 e 18 de fevereiro: Uece (evento em Fortaleza)
Nesta sexta-feira (17), a Secitece promoverá um encontro para tratar da organização e planejamento dos seminários. O evento será no auditório da secretaria (Av. Dr. José Martins Rodrigues, 150 – Edson Queiroz) e terá início às 9 horas.
Foram convidados para este encontro reitores, vice-reitores e pró-reitores das três universidades estaduais; presidentes dos sindicatos dos docentes e servidores; representante do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes); representantes dos Diretórios Centrais dos Estudantes (DCEs); o presidente da Assembleia Legislativa, deputado José Albuquerque, e os deputados estaduais José Sarto, Rachel Marques, Tin Gomes e Dedé Teixeira, além dos deputados federais Artur Bruno, Chico Lopes e José Guimarães.

Assessoria de Comunicação
 da Secitece 



Rio de Janeiro: Para evitar rolezinho, Shopping Leblon fecha as portas neste domingo


Ato, marcado em apoio aos adeptos de SP, já tinha mais de 9.000 confirmados

Para evitar um rolezinho marcado para este domingo (19), o Shopping Leblon decidiu suspender excepcionalmente o funcionamento. Em comunicado publicado na sua página oficial no Facebook, o centro de compras, localizado na zona sul do Rio de Janeiro, informou que fecharia as portas neste dia, “visando garantir a segurança e o bem-estar de seus clientes, lojistas e colaboradores”.
O ato havia sido agendado para as 16h20 e contava com a confirmação de mais de 9.000 internautas.



Dupla assalta posto bancário do Detran no interior do Ceará



Dois homens levaram R$ 6 mil de um funcionário.Polícia informou que ninguém foi preso.

Assalto

Um posto bancário do Banco do Brasil que funciona no interior do Departamento Estadual de Trânsito Detran (Detran-Ce ), foi assaltado na tarde da última sexta-feira (17), no Crato, a 527 Km de Fortaleza. Segundo o Comando de Policiamento do Interior (CPI), o assalto ocorreu por volta das 13 horas e foi realizado por dois homens. O CPI informou que a dupla roubou R$ 6 mil de um funcionário. Ainda de acordo com o CPI, o funcionário disse para a polícia, que um dos homens estava armado e entrou na agência com o revólver em punho, enquanto o comparsa dava apoio em uma moto de cor preta. Após o assalto, os dois fugiram. Ninguém foi preso.

Do G1 CE


Novo bispo de Crateús – por José Maria Bonfim de Morais (*)


   É inegável a importância de uma Diocese católica para o Ocidente cristão. O bispo é o sucessor direto dos apóstolos. O termo "episkopos", de origem grega, significa aquele que ver mais longe.
  Crateús, deitado no sopé da cordilheira ibiapabana, recebe o seu terceiro bispo, dom Ailton Menegussi. Jovem missionário camboniano, capixaba, vem continuar esta caminhada peregrina da igreja particular de Crateús. Deixa a sua terra, a sua família, a sua mãe Aurora, os seus fiéis, e vem trabalhar nas terras sofridas dos sertões castigados do oeste do Estado.

   O primeiro bispo desta diocese foi dom Fragoso, profeta para cidade e para o mundo. Como todo profeta não foi ouvido como deveria ter sido. Desajudado pelo regime militar, querendo rupturas em um povo filho de dom José Tupinambá da Frota, sua pregação aguda e rebelde não encontrou o acolhimento esperado. 
    O segundo chegou como quem chega do nada. Eis-me aqui. Sou pescador. Vim lançar as redes. Dom Jacinto do Brito foi o pastor extremado. Fez-se cidadão crateuense. Abraçou Crateús como se fosse seu rincão. Veio para todos. Para os pobres e para os ricos. Fez o seu caminho luminoso de uma catequese consistente e afinada com o povo. Plantou sementes generosas.

    E hoje Crateús se abraça com um filho de Daniel Camboni. Um peregrino. Um missionário. Filho de lavradores da terra, professor e reitor do seminário de São Mateus, dom Ailton vai fazer o seu próprio caminho. Chega na Epifania. No próprio ciclo do Natal. Apoia-se na coluna portentosa da Encarnação. Iluminado pela mesma estrela que guiou os magos a Jesus. Acende-se nele a estrela da nossa esperança. Brilha nele a luz que durante dois anos esperamos para retomar esta caminhada de povo de Deus. Dom Ailton, inicia seu pastoreio numa terra pobre e calcinada pelo clima e dureza dos corações dos políticos, incapazes de ouvir o clamor do seu povo. Filho de uma família de onze irmãos saberá ser partilha. Vindo das areias sagradas de Anchieta, saberá ser paciente. Vindo das catástrofes da natureza, saberá ser acolhida. Vindo molhado das águas telúricas do Cricaré, saberá ser poema de paz, de amor e de fé.

(*) José Maria Bonfim de Morais, médico cardiologista
   

Crato celebra 100 anos da Festa da Baixa Rasa


Os festejos começam no próximo sábado, num evento onde convergem a espiritualidade e a cultura regional

Mais de duas mil pessoas participam do centenário de celebração da Festa da Santa Cruz da Baixa Rasa. O evento, uma tradição, principalmente de moradores da serra, reúne fiéis para celebração em favor do vaqueiro que se perdeu na Floresta Nacional do Araripe, há mais de um século, e morreu de fome e sede. Os festejos acontecem no próximo sábado.

Uma cruz com vários ex-votos em volta atrai dezenas de participantes que rezam e acendem velas para o vaqueiro morto. A cultura popular se manifesta, dentre outras ações espontâneas, como a da banda cabaçal do Crato FOTO: ELIZÂNGELA SANTOS

O corpo foi encontrado, e, ao lado, estava o cavalo. A partir desse período, as pessoas passaram a visitar o túmulo e louvar pela alma do vaqueiro. Oficialmente, está sendo comemorado este ano os 100 anos da Festa da Baixa Rasa. Mas os moradores dizem que a tradição vem de bem mais longe, até mais de dois séculos. A missa celebrada no local tem pouco mais de duas décadas.
Uma cruz, com vários ex-votos em volta, uma coberta e dezenas de pessoas rezam em volta pelo vaqueiro e realizam promessas. Para muitos, o dia mesmo é de agradecimento. Há quem tenha alcançado várias graças e esteja no local para participar da celebração todos os anos. Os vaqueiros cumprem a missão, numa tradição que não se acabou e a cada ano se fortalece com a presença dos mais jovens para celebrar.

O evento entrou para o calendário festivo da região, por reunir grupos de tradição no local, além promover o turismo ecológico na Chapada. Pela área percorrida até o clarão dentro da floresta são mais de dois quilômetros, a pé. O trajeto normalmente é feito dessa firma, por haver fiscalização ambiental e não ter desmatamento na floresta. Praticamente todos os veículos ficam numa estrada mais distante e há a proibição de comercialização de bebidas alcoólicas.

Os grupos de tradição que estarão no dia da festa serão além dos irmãos Aniceto, a mestre da Cultura, Zulene Galdino, com o seu grupo; mestre Cirilo, com o maneiro pau; o reisado do mestre Aldenir, entre outros. Várias barracas para venda de comidas típicas são instaladas no local, e supervisionadas pelos órgãos ambientais. A concentração dos cerca de 400 vaqueiros, do Ceará e Pernambuco, acontece logo cedo, na vila do Lameiro, mas grande parte das pessoas que não segue no cortejo, sai de casa até antes do amanhecer do dia, para os primeiros momentos de orações. Os cavaleiros normalmente chegam por volta das 9 horas.

Rainha

Neste sábado houve a escolha da rainha da Baixa Rasa, que tem a honra de sair em uma charrete, à frente do cortejo dos vaqueiros. Todos os anos, são celebradas duas missas. Uma na chegada dos cavaleiros, e outra por volta das 11 horas, com a reza do terço ao meio-dia. É praticamente o momento, em que a maior parte das pessoas se despede do local. A intenção é fortalecer a manifestação popular. Segundo o chefe da Floresta Nacional do Araripe, William Brito, a maior dificuldade é tornar clara a importância da conservação da floresta para os frequentadores da Festa. “O que nós queremos é que seja uma festa sustentável, que ao final a floresta esteja no mesmo estado de conservação e não cheia de lixo e degradada. Estamos tomando toda essa cautela para que a floresta fique intacta”, afirma.

Todos os anos, uma comissão com representantes do Distrito do Belmonte é formada no intuito de discutir a organização da festa. Aline da Silva, bisneta dos fundadores da Festa da Baixa Rasa, integra a comissão. Ela destaca a importância das parcerias, no intuito de organizar a festa, além de promover a segurança do local. Para a secretária de Cultura do Crato, Dane de Jade, a Festa da Baixa Rasa faz parte do calendário da tradição popular, como manifestação enriquecedora e singular.

Ao lado do local onde está a cruz, protegida por uma pequena coberta, se encontram outras sepulturas. São familiares de Expedita Gomes Magalhães, como irmã e mãe, que foram enterradas em covas vizinhas, e também de catadores de pequi. Pessoas que se embrenharam na floresta adoeceram e não tiveram como sair por conta da enfermidade. A tradição se sustenta pela fé das pessoas, segundo um dos organizadores, Wilson Rosto. Ele afirma que é importante ser feito um acompanhamento por parte das instituições, em todos os anos, já que a festa se tornou muito popular e algo que já faz parte do calendário cultural da cidade. São dezenas de anos que os homens e mulheres acendem suas velas, pagam promessas e reverenciam a cruz.
A fé do vaqueiro sertanejo faz com que a originalidade da festa da Cruz da Baixa Rasa se mantenha, dentro do seu caráter religioso e festivo. Os homens vêm de várias cidades e participam todos os anos do cortejo e missa. O percurso é feito em duas horas. Com santos nas mãos e o gibão de couro, a subida da serra se torna uma reverência e um ato de peregrinação. Uma romaria que se depender dos vaqueiros do sertão, terá anos e anos de realização e fortalecimento de uma tradição.

A espontaneidade dos participantes é o que mais impressiona. A cultura popular se manifesta. Todos os anos, seu Antônio Aniceto, da centenária banda cabaçal do Crato, participa. “Desde os oito anos, quando o meu pai me trazia para cá”, diz ele. O grupo veio animar e reverenciar a alma do vaqueiro sofrido, perdido no mato e encontrado tempos depois. (E.S)
Mais informações:

Casa Sede do Ibama-Cariri
Escritório do Ibama
Praça Filemon Teles, S/N
Pimenta
Fones: 3523.1999 / 3501.1702
DN


O lado bom de tudo - Por: Emerson Monteiro

Enquanto o compressor escuro da civilização, apressado, tritura os recursos naturais, na destruição para comer a safra, vontade insistente remexe as entranhas da sobrevivência, querendo achar caminhos de preservar a esperança nos dias de claridade. Outro dia, achei a definição do que denominam pecar. Significa errar o alvo. E os frutos do progresso material dagora representam o produto de constantes erros aos alvos imaginários de séculos.

Contudo, ainda que sintomas coletivos mostrem o desencanto, reações de autodestruição em guerras, mutilações de corpos nas lutas televisadas dos esportes violentes, excessos de tatuagem que deformam a beleza física, as alucinações e as drogas, pornografia, há de haver estrutura na Terra que domine os crimes contra a existência.

Descobrir forças que mantenham a saúde revela dilemas graves da raça em face de onda avassaladora de pessimismo e apatia, quais eliminassem do sabor a procura do bem, na alma das pessoas. Devido aos instrumentos desenvolvidos, por mais que dure o tempo de vida, a qualidade e o desânimo existencial fere de dor seus pacientes.

No entanto importa descobrir a fórmula da alegria sem apelar a químicos, intenção de convencer que felicidade seja pura invenção do cérebro. A ilusão avançou até os limites da Natureza. Daí os desastres que sujeitam todos.

Na procura de Deus, do supremo Ser, criador e regente do Universo, os humanos preencheram a incompletude por meio das secreções da mente, ato de desespero que representa entrega fria e confissão da culpa. Esqueceu a sabedoria e abandonou o barco da certeza às vagas da incoerência. Na busca de resposta, admitem a derrota como resposta válida.

Todavia a lógica da história toca em frente, porquanto o Sol nasce a cada manhã e as potestades dos céus cumprem o papel que lhes convém. Quiseram dominar o mundo e nem a si dominaram. O aparente esvaziamento das consciências indica apenas margem das novas possibilidades que isso representa em termos da ciência do próximo passo.

(Foto: Jackson Bola Bantim).

O CRATO ERA OUTRO.

Lembro-me de décadas passadas, quando era simples tesoureiro da Prefeitura Municipal do Crato o Sr. Francisco Leão da Franca Alencar. Homem simples, correto, austero, o modesto servidor exercitava com prudencia e tranquilidade o seu mister de agente da fazenda municipal. Recolher o dinheiro da arrecadação dos impostos e efetuar o pagamento da folha dos servidores  e das obras em execução, era tarefa corriqueira ao dia-a-dia  do honrado e exemplar chefe da tesouraria do município. As rendas auferidas, com a cobrança dos impostos, eram parcas mas atendiam às carências da cidade e dos distritos. Recursos advindos de outras fontes, como o estado e a união, inexistiam.  O Crato, tranquilo em sua ingenuidade matuta, palmilhava os caminhos do progresso e do desenvolvimento, ignorando certos costumes impostos pelo modernismo informático e a presença de recursos federais e estaduais.

Alexandre Arraes de Alencar construiu obras memoráveis, a exemplo da Praça Francisco Sá, com o seu monumento ao Cristo Redentor, pavimentação de ruas, abastecimento d'água, arborização e a hidreletrica da nascente. Antônio Gonçalves entre outras iniciativas construiu o canal da rua Tristão Gonçalves.  Dr. Décio Teles Cartaxo promoveu a maior festividade cívica da nossa historia, em 1953, centenário de elevação do Crato categoria de cidade. Tudo com recursos próprios do município, que progredia e tinha prestigio nacional. O povo era feliz. A cidade crescia. havia ordem, mantida por um simples destacamento policial. O Dr. Hermes Paraíba era figura austera de juiz de direito, que impunha respeito, incorruptível sob a égide  da lei e da justiça. O delegado civil, João Bacurau, dava voz de prisão no meio da rua e o preso, sem coação nem pancadaria, recolhia-se a cadeia publica da Praça da Sé. Filas no único hospital da cidade inexistiam, pois o INSS era expressão desconhecida da população. A assistência social era exercida pelo espirito filantrópico de Dr. Teles, Dr. Gesteira, Dr. Macário, Dr. Elísio e outros abnegados discípulos de Galeno. Um Dr. Joaquim Fernandes Telles, como medico e deputado federal, construiu esse monumento formidável que é o Hospital  me Maternidade São Francisco, enquanto Alencar Araripe, deputado federal, trazia para o Crato, na década de 50, a Escola Agrotécnica Federal.

Escuto vozes que afirmam: ora, o Crato antigo era muito menor e a sua população não chegava  a trinta mil habitantes. Respondo: As mãos e a consciência dos homens públicos de antanho eram limpas.
E hoje?

OSVALDO ALVES DE SOUSA

Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31