01 novembro 2014

Notícias do fim-de-semana (Armando Lopes Rafael)


Cardeal Cláudio Hummes visita Missão Resgate

O arcebispo emérito de São Paulo (SP) e presidente da Comissão Episcopal para a Amazônia da CNBB, Cardeal Dom Cláudio Hummes, esteve entre 24 e 27 de outubro passado na Prelazia de Lábrea, no Estado do Amazonas.  Na sua visita, o cardeal Cláudio Hummes esteve em Canutama, onde foi acolhido por fiéis daquela cidade, na  paróquia São João Batista,onde atuam missionárias cearenses da Comunidade Católica Missão Resgate, cuja sede fica na cidade de Crato (CE). Dom Cláudio ouviu uma exposição das missionárias sobre a finalidade e trabalho da Missão Resgate, instituição muito conhecida pelos caririenses.

Mudança no visual do bairro do Seminário

Estão bem adiantados os serviços de urbanização de uma área de 14,3 hectares, localizada no bairro do Seminário em Crato. As obras estão sendo feitas pelo Governo do Estado do Ceará. A propósito alguém tem notícia de alguma obra feita, nos últimos dois anos, nesta cidade, pela Prefeitura? Se tiver, por favor, divulgue.  Nos trabalhos do bairro do Seminário estão sendo feitos serviços de contenção da encosta e obras de recomposição da vegetação do local, auxiliado por um sistema automático de irrigação.
Como vai ficar o bairro do Seminário
Nova Avenida
No bairro do seminário também está sendo construída uma avenida paisagística no topo da encosta, com extensão de 1,2 quilômetros, onde serão realizados serviços de drenagem, terraplanagem, iluminação, paisagismo, sinalização e espaços de contemplação de paisagem. Por oportuno: será que algum vereador já apresentou projeto denominando a nova avenida do bairro do Seminário?
E qual o nome desta nova via?
A pergunta é pertinente, pois os vereadores desta cidade – principalmente os que se ufanam de serem oriundos das “famílias tradicionais” de Crato, ou "cratense da gema" (termozinho idiota) – vêm dando a parentes deles os nomes das novas ruas de Crato. A maioria desses patronos dessas novas ruas possui uma “biografia” que não justifica a homenagem. Enquanto isso o maior benfeitor do Crato – Dom Vicente de Paulo Araújo Matos – continua relegado ao esquecimento e à ingratidão dos vereadores cratenses. Ninguém se lembrou, por exemplo, de homenagear o ex-governador Miguel Arraes que tantas ligações tem com o Crato. Ligações familiares, de vivência, afetivas e de amor por esta cidade. Eis aí dois nomes que poderiam com absoluta justiça denominar a nova avenida do bairro do Seminário...  
Revista do Centenário
Confirmado: a Revista do Centenário da Diocese de Crato será lançada no dia 10 de dezembro próximo, coincidentemente o Dia Internacional dos Direitos Humanos. A revista contém matérias que resgatam a caminhada histórica da Diocese de Crato durante os últimos cem anos.
Pelo menos uma boa notícia
Neste final de semana o Aeroporto Deputado Orlando Bezerra (antigo Regional do Cariri) ganhou dois melhoramentos em termo de ampliação de área no terminal de passageiros. A nova sala de embarque passou de 115 m² para 600 m². Já a área de desembarque foi ampliada de 194 m² para 450 m², contando com duas esteiras de restituição de bagagem. Os banheiros também passaram por melhoramentos.
 Mudança de domicílio
O Bispo-emérito de Crato, Dom Newton Holanda Gurgel – que completou 91 anos no último dia 1º de novembro –  (foto à direita) passou a residir no Abrigo Jesus Maria e José, administrado pela Congregação das Filhas de Santa Teresa de Jesus, e localizado na esquina da Praça Alexandre Arraes com Rua Rui Barbosa no centro de Crato. Naquele Abrigo dom Newton construiu um pequeno apartamento para residir.  A espaçosa residência dele, localizada na Rua José Pinheiro Esmeraldo, no bairro Santa Luzia, vai ser cedida  para servir de Casa Paroquial, para o padre da Paróquia de São Miguel de Crato.
A realidade insofismável dos números
Segundo o TRE, em 26 de outubro de 2014 o Brasil tinha oficialmente 142.822.046 eleitores aptos a votar. Diante do número acima (ou seja, 100% do eleitorado) podemos afirmar – com absoluta segurança – que os 54.499.901 que votaram em Dilma Rousseff representam apenas 38% do eleitorado brasileiro. Já Aécio Neves foi votado por 51.041.010 brasileiros, o que representa 36% do eleitorado. Dilma teve míseros 2% de maioria nas últimas eleições. A abstenção, no 2º turno, foi a opção de 30.137.165 votantes, os quais somados com os votos em branco/nulos (em número de 7.141.404) totalizaram 37.278.569, correspondente a 26% dos eleitores brasileiros. E ainda há quem diga que dona Dilma teve a maioria do eleitorado...
Palavras centenárias e atuais
Faz cem anos que Ruy Barbosa, em discurso no Senado da República, pronunciou as palavras abaixo (ver: “Obras Completas”, Vol. XVI tomo VI, pág. 187): “A injustiça desanima o trabalho, a honestidade, o bem; cresta em flor os espíritos dos moços, semeia no coração das gerações que vêm nascendo a semente da podridão, habitua os homens a não acreditar senão na estrela, na fortuna, no acaso, na loteria da sorte, promove a desonestidade, promove a venalidade, promove a relaxação, insufla a cortesania, a baixeza, sob todas as suas formas. De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto”.
Coisas da "ré – pública"
Xô, responsabilidade fiscal! Acreditem, é vero! Custou, mas, infelizmente, aconteceu. Depois de doze anos das administrações petistas voltamos ao vermelho nas contas públicas do Governo Federal. O governo da presidente Dilma Rousseff passou a registrar um rombo nas suas contas em 2014, atingindo um déficit de R$ 15,7 bilhões (é isso mesmo que você leu: bilhões de reais) nas contas de setembro. Este resultado acumulado no corrente ano significa que do superávit conquistado desde os governos de FHC (uma herança bendita, sabe-se agora) redundou -- nos dias atuais -- numa despesa maior do que a arrecadação. O Brasil está no vermelho. Esta a realidade nua e crua. Nem que a vaca tussa, como mandava dizer o marqueteiro de certa candidata...
A hora da onça beber água
Segundo a imensa maioria dos economistas – daqui e além-mar – dona Dilma nadou, nadou, mas chegou à encruzilhada inevitável. Após o déficit fiscal histórico, ou Dilma adota políticas anti-inflacionárias para sanar o rombo, fazendo  os ajustes que ela e sua trupe tanto criticaram na era FHC,  ou país poderá assistir a fuga de investidores. A Fundação Getúlio Vargas prevê que o resultado fiscal fique negativo em 0,5% do Produto Interno Bruto. Ou seja, o país terá de aumentar seu endividamento para conseguir honrar o pagamento dos juros.  Quem sobreviver verá? É só aguardar mais alguns dias...
                                                                      
A bomba que o PT luta para não estourar
O senador Álvaro Dias (PSDB-Paraná) parece que agora acordou. Ele se prepara para denunciar as roubalheiras e ilegalidades que tomaram conta do Brasil nos últimos anos. É dele um pedido ao Supremo Tribunal Federal–STF feito com base na Lei nº 12.527, de 2011, ou seja, a Lei de Acesso à Informação. Nessa lei está preceituado, no seu art. 1º: “garantir o acesso a informações previsto no inciso XXXIII do art. 5º, no inciso II do § 3º do art. 37 e no § 2º do art. 216 da Constituição Federal.
Mas qual é mesmo a bomba?
É do senador Álvaro Dias a seguinte declaração: “Não se pode admitir que o governo faça empréstimos vultosos sem que aqueles que pagam impostos (os contribuintes brasileiros) saibam de informações como o valor desses empréstimos, o prazo de carência para o seu resgate, taxas de juros, etc. Não vejo outro assunto que revolte tanto a população como saber que o governo empresta dinheiro dos brasileiros para a construção de um porto em Cuba, para o metrô de Caracas, para a construção de uma hidrelétrica na Venezuela, entre outras tantas obras em países controlados por ditadores”. Agora já se sabe que não foi apenas para se construir o Porto de Mariel, em Cuba, que o nosso suado dinheirinho foi empregado. Enquanto São Paulo e, principalmente, Salvador sofrem com a falta de transporte via metrô, o BNDES financia completamente o metrô de Caracas, capital da Venezuela.
Queda e coice
 Calcula-se que o desvio de dinheiro público por intermédio desses “empréstimos” é tão grande que se esses valores forem divulgados – como pleiteia o senador Álvaro Dias –, o “Mensalão” será rebaixado à categoria de “fichinha” no rol dos escândalos e os “mensaleiros” passarão a ser vistos como tímidos trombadinhas, batedores de carteira. Esses empréstimos foram feitos aos “companheiros” e “camaradas” do PT, em moeda estrangeira e atingem a cifra de bilhões de dólares.
CURTAS
– O novo aumento da gasolina será anunciado na próxima 3ª feira, dia 4 de novembro.
– Já o aumento das tarifas de energia elétrica será anunciado próximo ao dia 15 de novembro. Seria para comemorar a “proclamação” da república?
– Em São Paulo o programa “Minha casa, minha vida” dá prioridade a vender as residências  a gays e descendentes de índios.
– A frase da semana: “Quem com Cesare Battisti fere, com Pizzolato será ferido”.
                                                                                                                                         

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.