29 setembro 2014

Política no Ceará - Candidatos partem para o confronto



Os candidatos ao governo do Ceará aumentaram o tom das críticas e acirraram as opiniões durante o debate realizado na noite de ontem na TV Diário, em Fortaleza. Os temas discutidos entre Ailton Lopes, Eliane Novais, Camilo Santana e Eunício Oliveira foram educação, saúde, segurança e infraestrutura.
A polêmica ficou por conta das “supostas” acusações de Eunício Oliveira a Camilo Santana sobre o “escândalo dos banheiros”. O assunto, inclusive, veio à tona pelo próprio petista quando foi questionado sobre segurança, afirmando que o Eunício o acusou “covardemente” em sua propaganda política. “Eu não tenho nada com este caso. Quem deveria responder sobre este escândalo são os aliados de Eunício”. O peemedebista, no entanto, rebateu e afirmou que “não fez acusação e quem o fez foi o Tribunal de Contas do Ceará e o Ministério Público”.

Camilo Santana defende-se dizendo que já foi isentado da acusação, inclusive com a liberação de seus bens – que foram bloqueados na época durante as investigações, e finalizou, afirmando que “está indignado com o candidato que utilizou o tempo da propaganda eleitoral para denegrir a sua imagem”, finalizou. Porém, quando perguntado sobre segurança pelo petista, Eunício voltou ao assunto do “escândalo dos banheiros”, enfatizando mais uma vez, que “não fez acusações contra ele, e isso foi feito pelo próprio MP”. Durante a discussão sobre o tema saúde, Eunício afirmou que, entre as prioridades, estava a questão da seca. “O Ceará está sofrendo com a seca há mais de três anos e ninguém tomou nenhuma providência”. Neste momento, Ailton Lopes partiu para cima de Eunício Oliveira, indagando o “porquê de a gestão não ter feito nada já que ele fazia parte dela”.
Em uma de suas falas, Eliane Novais atacou o governo Cid dizendo que a gestão “envergonhou os cearenses pelas greves e desvalorização dos servidores públicos” e que, este pleito, no entanto, seria “uma oportunidade de mudança”, finalizou.

Bastidores

Uma hora do início do debate, na frente da TV Diário já se concentravam militantes dos candidatos Camilo e Eunício com bandeiras, adesivos e megafones. Os militantes pró-Eunício levaram papel higiênico e, com “gritos de guerras” provocaram os aliados petistas ao fazerem referência ao escândalo dos banheiros. Com clima tenso, apenas Eliane e Ailton entraram na emissora pela porta da frente. Camilo e Eunício preferiram evitar o tumulto, despistaram a imprensa e adentraram ao local por outro acesso.  A seis dias das eleições, os candidatos ainda terão pela frente dois embates públicos. Amanhã à noite, os candidatos participarão do debate promovido pela TV Verdes Mares e, na próxima quinta-feira (2), eles participam de sabatina na TV Jangadeiro. Nesta reta final da campanha eleitoral, o bom desempenho de cada um nos debates pode ser crucial para a conquista do eleitor que ainda está indeciso.

Fonte - Jornal O Estado(CE)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.