xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 06/01/2014 - 07/01/2014 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

30 junho 2014

Cogitações de um jegue abandonado - Por: Emerson Monteiro

Primeiro de tudo, regra número um, questão de sobrevivência, jamais engolir essas folhas brancas que voam pelo ar, os tais sacos plásticos, lixo espalhado nos cantos distantes da cidade, aqui aonde vim trocando patas, depois que me largaram nas quebradas, animal de tração de segunda, destituído das qualidades industriais de depois dos açudes, barragens  e s estradas asfaltadas. Triste não servir a mais nada.

Sei, sim, que quando chove aparece babugem nas beiras das estradas e alimento nunca falta, contudo, nos meses secos, a peleja vem de novo e aumenta; meninos vadios enchem a paciência da gente quando querem; sobem no meu lombo e futucam lá atrás com pedaços amolados de madeira, pegando corrida uns com os outros, coisa de gente desocupada. Tudo acostuma, o que é ruim, o que é bom. Perdem-se os caprichos de andar parecido como os burros ou os cavalos, primos ricos pretensiosos conservados nas reservas, a fim de serem explorados em trabalhos forçados ou nas pegas apostadas dos finais de semana.

Homens, esses animais imprevisíveis; agora eles acharam de corre montados latas coloridas, que enchem estradas forradas de preto, vez em quando trombando pernas, focinhos dos bichos agoniados, jogados nas pistas de velocidade. Respeito, esqueceram até consigo mesmos; conosco nem pensar. Uns ingratos; embriagados, então, viram sádicos, arrancam pedaços, machucam e esquecem fácil, fácil, as missões que nos confiaram nos momentos de trabalho do passado.

Meio monótona continuar isso tudo, andar à busca de surpresas quase sempre desagradáveis, na monotonia de ocupar lugares inexistentes e campos que, indiferentes, vida de estrangeiro, pois viemos da Ásia e nessa terra nos largaram.

Há notícias de, um dia, transportarmos a Família Sagrada, na fuga ao Egito, mas isso lá nos tempos envelhecidos, palavras guardadas só em livro; e sermos restos de civilização pouco preservados entre as dobras do sentimento. Longe, bem longe, aconteceu a viagem do Oriente, enquanto ainda hoje quase ninguém lembra mais a aventura de transportar o Príncipe das Nações.

Vivemos assim, nas periferias dos lugares, bichos anciões, criados soltos por causa da inutilidade em nos transformaram, semelhantes às garrafas secas que chutamos no escuro das jornadas.

29 junho 2014

Conheça o estranho mundo dos “black bloc”, pessoas convocadas para acabar com as passeatas de protesto feitas pelo povo

Um black bloc de saias
(Fonte: VEJA)

Rafael Lusvarghi, um dos vândalos presos pela polícia em São Paulo, é fã de vikings e tem no rosto uma falsa cicatriz feita por tatuador
Na última segunda (23), Rafael Marques Lusvarghi, 29 anos, foi preso pela polícia após participar de uma manifestação em São Paulo. Ele e o estudante Fabio Hideki Harano, 26 anos, foram acusados de associação criminosa e levados pelos policiais que acompanhavam o protesto. O secretário de Segurança Pública de São Paulo, Fernando Grella Vieira, apresentou a dupla à imprensa como "os primeiros black blocs presos" em flagrante na capital. Quando foi detido, Lusvarghi usava uma saia kilt e tinha o que parecia ser uma cicatriz do lado esquerdo do rosto. Só parecia: o falso machucado foi feito no último dia 17, enquanto o Brasil jogava contra o México, em um estúdio de tatuagem em Jundiaí, na Grande São Paulo. A técnica é chamada de escarificação e consiste em criar na pele um corte milimetricamente desenhado na base do bisturi. Para fazê-lo, Lusvarghi inspirou-se nos games: ele é fã do jogo God of War e queria uma marca no rosto igual à do personagem Kratos, o fortão espartano que protagoniza a saga. Aos amigos, contou que nas diversas brigas que arranjou nunca conseguiu um machucado que marcasse seu rosto - apenas sinais no pulso e num dos dedos. 
Aficionado pela história russa e pela cultura militar, Lusvarghi coleciona álbuns com retratos dos líderes da Revolução Russa e do período comunista. Fotos de exércitos, tanques e armas também estão no seu acervo. Obcecado por vikings, tem tatuada no braço a palavra Berserk, nome de um mangá, posteriormente transformado em anime, inspirado nos guerreiros da mitologia nórdica.
Lusvarghi nasceu em Jundiaí, numa família de classe média. A mãe é professora formada em Biologia e o pai, de quem ela é separada, gerencia uma pequena empresa em Minas. É o mais velho de quatro irmãos. Um deles conta que, desde pequeno, Lusvarghi sonhava alistar-se na Legião Estrangeira da França. Aos 18 anos, comprou uma passagem para aquele país, onde morou por três anos - como integrante da tropa, segundo disse a familiares. Quando regressou ao Brasil, prestou concurso para soldado da Polícia Militar em São Paulo e ficou na corporação entre março de 2006 e julho de 2007. O motivo de sua saída é desconhecido, mas em agosto ele já prestava um novo concurso, desta vez para ser PM no Pará. Aprovado, permaneceu na corporação até 2009 e, mais uma vez, saiu antes de concluir o curso de oficial.
Partiu, então, para a Rússia. Em 2010, mudou-se para Kursk, cidade onde ocorreu uma das mais importantes batalhas da Segunda Guerra Mundial. O que fez lá ninguém sabe. Segundo parentes, teria estudado administração e tentado alistar-se no exército russo. Como não conseguiu, regressou ao Brasil.Logo depois de chegar, em janeiro deste ano, iniciou uma viagem de um mês e meio entre Colômbia e Venezuela. Disse ao irmão ter "feito contato" com as Farc neste período - e não gostou da experiência. Na volta, instalou-se em Indaiatuba, no interior paulista, onde começou a trabalhar como professor de inglês e técnico de informática. Além do fortão do videogame de quem copiou a cicatriz no rosto, Lusvarghi se diz admirador do presidente russo Vladimir Putin. Antes de ser detido nesta semana, ele fazia planos de ir para a Ucrânia "lutar pelas forças separatistas". O que o kilt tem a ver com tudo isso segue sendo um mistério.
                                                          

A boa notícia: Sarney deixa a política


(jornal “O Estado de S.Paulo”)

Dia desses correu nos meios políticos uma boa notícia que rapidamente se espalhou pelo País: José Sarney desistiu de se candidatar mais uma vez ao Senado. Não faltou quem se apressasse a anunciar que o mais antigo cacique do País estaria se aposentando da política. Ledo engano. Aos 84 anos, com quase 60 na vida pública, o maranhense José Ribamar Ferreira de Araújo Costa, alcunhado José Sarney, soube aprimorar o modelo de dominação do coronelismo nordestino, construiu um império sustentado na conjugação de política com bons negócios e se tornou um dos homens mais poderosos do País. Uma conquista que se deve principalmente ao insaciável apetite por servir-se do poder, mantendo-se para tanto quase que permanentemente aliado aos governantes de turno. E vocação assim é tão longa quanto a vida.

A biografia de Sarney, escoimada da mistificação hagiológica das publicações por ele patrocinadas, revela um político extremamente habilidoso, solerte, capaz de transitar com desembaraço entre todos os antagonismos, sempre pragmaticamente focado em somar conquistas a seu patrimônio pessoal e político. Desse ponto de vista, a carreira de José Sarney é um magnífico exemplo de coerência: nunca embarcou - pelo menos por mais tempo do que o estritamente necessário - em canoa furada. Mas a trajetória política do 31.º presidente desta República é marcada também por dois outros atributos decisivos: a capacidade de adornar a própria imagem com tinturas de ideias progressistas e muita sorte.

Sarney se lançou na política maranhense fazendo oposição ao senador Vitorino Freire, o "coronel" cria da ditadura Vargas, chefe político no Estado por mais de 30 anos. O futuro presidente da República disputou sua primeira eleição a deputado federal em 1954, conquistando a terceira suplência, mas assumindo provisoriamente uma cadeira na Câmara dos Deputados no ano seguinte. Pouco depois trocou o partido pelo qual se elegera, o então PSD, pela UDN, legenda na qual permaneceu até o governo militar, que extinguiu os partidos políticos e criou a Arena e o MDB.
Na UDN, Sarney identificou-se com a ala mais progressista, cujas preocupações sociais passaram a pautar sua ação política no Maranhão, no combate ao vitorinismo. Em 1965, aos 35 anos, elegeu-se governador. E começou a revelar sua verdadeira face de novo coronel do pedaço. Apesar de algumas realizações pontuais comemoradas por uma população absolutamente carente de serviços públicos, a substituição do vitorinismo pelo domínio da família Sarney resultou, depois de quase meio século, na manutenção do Maranhão como um dos Estados mais atrasados e carentes. Hoje, sob o governo de Roseana Sarney, exibe o segundo pior Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) regional.

Enquanto o Maranhão se contorcia em atraso e pobreza, a carreira de Sarney só fez progredir. Em 1985, dando-se conta dos estertores da ditadura militar que apoiara convictamente como presidente do então partido governista, a Arena, bandeou-se para a oposição. Na eleição indireta de 1985 tornou-se vice-presidente da República, assumiu provisoriamente a chefia do governo quando o titular eleito, Tancredo Neves, adoeceu antes da posse e tornou-se chefe de Estado quando, semanas depois, Tancredo morreu sem ter envergado a faixa presidencial.

Os cinco anos do governo Sarney foram marcados pelo agravamento da situação econômica e pelo grande aumento das denúncias de corrupção. Isso criou condições para que um aventureiro de Alagoas se tornasse seu sucessor, em 1989, proclamando-se "caçador de marajás". Em 1990, elegeu-se novamente senador, pelo então recém-criado Estado do Amapá, e passou a operar politicamente a partir da Câmara Alta, que presidiu por três vezes.

Quando Lula chegou à Presidência, em 2003, Sarney o esperava de braços abertos. Imediatamente se identificaram no apego ao poder e cimentaram uma sólida aliança. A decisão de se poupar do repúdio do eleitorado amapaense não vai mudar isso. Mesmo assim, é uma excelente notícia para o Brasil.

Notícias e reflexões (Armando Lopes Rafael)

Novo historiador cratense
O jovem padre Tales Figueiredo, do clero da Diocese de Crato, após concluir mestrado em História da Igreja, em Roma, estará retornando a esta cidade, no próximo dia 2 de julho. A monografia do Mestrado, defendida pelo Pe. Tales,  tem por título: Diocese de Crato: gênese e contexto, na qual é resgatada a história desta igreja particular, que este ano completa o centenário de criação. A monografia do Pe. Tales tornou-se a mais completa obra sobre a história da Diocese de Crato. O jovem sacerdote fez suas pesquisas nos arquivos do Vaticano, tendo acesso aos documentos oriundos da Nunciatura Apostólica no Brasil do início do século XX, o que permitiu um novo olhar sobre os fatos que levaram o Vaticano a criar, em 1914, a segunda Diocese do Ceará. Na sua monografia Pe. Tales Figueiredo divulga alguns fatos até agora desconhecidos pelos historiadores do Cariri. Uma obra que merece ser publicada.
Túnel do Tempo
Era o dia 04 de outubro de 1940. Naquela data o segundo bispo de Crato, Dom Francisco de Assis Pires, inaugurava o Palácio Episcopal com a entronização de uma imagem do Sagrado Coração de Jesus (foto ao lado, feita pela jornalista Patrícia Silva). Esta imagem permaneceu no Palácio Episcopal até 1992, quando Dom Vicente renunciou ao bispado e aquele imóvel deixou de ser o lugar de morada dos bispos diocesanos. Depois disso levaram a  imagem do Coração de Jesus para o Centro de Expansão Dom Vicente Matos. Lá, uma das mãos da estátua foi quebrada e encontrada no lixo.
Aleluia
Nesta sexta-feira, dia 27 de junho de 2014, Dia do Sagrado Coração de Jesus, 74 anos depois da entronização, a bela imagem – agora restaurada por iniciativa do Pe. José Vicente Pinto Alencar da Silva – voltou ao Palácio Episcopal e foi reentronizada, após uma missa celebrada por Dom Fernando Panico (foto abaixo, feita por Patrícia Silva, na capela do antigo Palácio Episcopal). A partir de agora, anualmente, todo Dia do Coração de Jesus, haverá a “Renovação”, que será feita pelos funcionários da Cúria Diocesana de Crato.

Povo sem memória
Dom Luís Flávio Cappio às margens do Rio São Francisco
Lembram-se daquele bispo católico que, em 2007, fez uma greve de fome, alertando para a preservação do Rio São Francisco? Há sete anos, Dom Luís Flávio Cappio, bispo de Barra (BA) denunciou: o chamado Rio da Integração Nacional passava por inúmeros problemas ambientais, incluindo o assoreamento resultando aquele curso de água ficar, a cada dia que passa, mais raso. Dom Flávio Cappio dizia que o projeto faraônico da transposição das águas do Rio São Francisco corria o risco de naufragar devido ao pouco volume de água.
Vida de gado
Pois bem, Dom Flávio Cappio estará chegando à Rodoviária de Crato no próximo dia 7 de julho e daquele terminal segue direto para a cidade de Camocim de São Félix – no agreste pernambucano –, onde vai pregar o retiro anual do clero da Diocese de Crato. Em 2007 todo mundo ficou ao lado do governo (naquela época Lula e o PT ainda tinham alguma credibilidade), e contra o bispo. Muitos escreveram que Dom Cappio era um desumano, que não queria dividir a água com os sertanejos do Ceará, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte. Foi um Deus nos acuda...
Hoje sabemos que o bispo é quem tinha razão
Antes de desviar as águas do rio para a transposição o governo precisava de um projeto paralelo de recuperação ambiental com o objetivo de melhorar a qualidade da água daquela bacia hidrográfica. Outra providência que se impõe é o reflorestamento das margens na tentativa de recuperação da mata ciliar, impedindo a erosão, que em muitos pontos está entupindo os canais, gerando assoreamento, causando problemas para a navegação e diminuindo a concentração de espécies nativas. Outra iniciativa que precisa ser feita é a coleta e tratamento das águas dos esgotos das cidades ribeirinhas na Bahia e Pernambuco, na tentativa de diminuir a poluição hoje presente no rio.
No mais
Planejada para ser inaugurada em 2010, a obra da transposição se arrasta em meio a muitos problemas. O último aconteceu na semana passada: a greve dos operários, no trecho de Mauriti (CE) por conta da falta de pagamentos dos seus salários. Recentemente a presidente Dilma desabafou: “O país subestimou a dimensão e a complexidade da obra de transposição do rio São Francisco”. Descobriu uma verdade que Dom Flávio Cappio havia previsto há 7 anos...

É brincadeira
Vá lá. Admito que nestes dias o brasileiro só lê notícias ou comentários se for sobre futebol. É por isso que a mídia entrou no ritmo da “pátria de chuteiras”. No entanto, a vida desta república continua a mesma rotina dos 365 dias normais  do ano quando não tem Copa do Mundo. Quer uma prova? Noticiou-se que o fundo de pensão dos Correios "aplicou" (o certo seria dizer: "torrou") mais de 370 milhões de dólares em letras da dívida da Argentina e da Venezuela. A ordem do (des)governo é: “ajudem os bolivarianos e outros  governos da esquerda troglodita”.
Pelos frutos se conhecem as árvores
Não foi por isso que o Governo da República Federativa do Brasil gastou mais 1 bilhão de dólares na construção de um porto em Cuba? Só depois, (será?) descobriram que o tal porto não tem movimento para garantir seu funcionamento, pois a ilha-prisão está com a economia falida. E agora, pasmem, o governo do PT tenta convencer algumas indústrias farmacêuticas brasileiras a transferir suas fábricas para Cuba com a finalidade der viabilizar o porto de los hermanos –ditadores. Os empresários rechaçaram a sugestão, pois não são idiotas...Mas, hoje é dia de hoje do Brasil... Deixa prá lá! Viva Neymar!
No mais
Em 2003 o atual governo dizia que naquele ano começava a história do Brasil. O os feitos de 503 anos que tinham ficado para trás m coisas sem importância. O passado se resumia aos erros das “zelite” brancas. Mas, depois de 12 anos de poder do PT, oh dor!, vemos na mídia as invasões de terrenos e prédios para solucionar o problema de falta de moradias. Oxente, e o Brasil não tinha virado um  paraíso?
A frase do dia
Veio do leitor Euclides Sousa: “Bem feito para o Japão, fica investindo em saúde e educação, tá aí o resultado: fora da Copa!”.

                                                    

Agora ele reconhece: lançado candidato a presidente da República, Eduardo Campos promete tirar economia brasileira do “atoleiro”

(das Agências de notícias)

A convenção do PSB oficializou neste sábado, em Brasília,  o ex-governador de Pernambuco, Eduardo  Campos  e Marina Silva como candidatos a presidente da República  e vice, respectivamente.
- "Vamos acabar com esse suga suga! Sugam de um lado hoje, para depois sugar do outro lado. E tem gente que acha isso bem bonito! Isso é inaceitável. Vamos acabar com esses sanguessugas dos cofres brasileiros", disse Eduardo.

Em seu discurso, após a indicação, Eduardo  Campos taxou a situação econômica do País como um "atoleiro". "Só um Brasil unido poderá enfrentar o atoleiro em que se meteu a nossa economia. Juros lá no alto, inflação alta, indústria em queda, contas públicas fragilizadas. É um País que não merecemos depois de tanto esforço do povo brasileiro", afirmou. Campos se comprometeu com uma retomada do crescimento sustentável da economia brasileira e ainda pediu para ser cobrado por isso em seu governo, caso seja eleito. 

"Vamos botar a inflação para baixo e o crescimento pra cima", disse. "Em nosso governo, todas as crianças e jovens terão vaga em boa escola pública em período integral. Quero ser cobrado por isso", afirmou durante convenção partidária em Brasília. "Só com o Brasil unido poderemos acabar com o apartheid da educação e com o abismo que separa a escola do rico e a do pobre".
                                                   

28 junho 2014

Empresário paraibano é o novo bilionário da lista da Forbes


Janguiê Diniz possui fortuna estimada em US$ 1,1 bi. O ex-engraxate fundou o Grupo Ser Educacional, no Nordeste.

Empresário Janguiê Diniz é o principal acionista do grupo que criou as empresas Faculdade Maurício de Nassa e Faculdade Joaquim Nabuco (Foto: Reprodução)
O empresário paraibano José Janguiê Bezerra Diniz é o mais novo bilionário a integrar a lista da Forbes, que relaciona os homens mais ricos do mundo. Fundador e principal acionista do Grupo Ser Educacional, Janguiê Diniz nasceu no município de Santana dos Garrotes, no Sertão paraibano, e na infância chegou a trabalhar como engraxate.

O empresário é detentor de uma fortuna estimada em US$ 1,1 bilhão, conforme publicação da Revista Forbes. Janguiê Diniz é formado em Direito e em Letras, além de possuir mestrado e doutorado também na área de Direito e iniciou os negócios na área educacional em 1994 com cursos preparatórios para concursos públicos.

A partir de 2003, o Grupo Ser Educacional passou a atuar também com cursos de graduação, pós-graduação e ensino técnico e, em outubro do ano passado, abriu capital na bolsa de valores (IPO).

O grupo foi fundado em Pernambuco e atualmente mantém unidades educacionais também na Paraíba, Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Pará, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. Entre as empresas que compõem o grupo está a Faculdade Maurício de Nassau que na Paraíba possui unidades em João Pessoa e Capina Grande.

Do G1 PB


Um Cratense Governador - Cid Gomes confirma Camilo Santana candidato ao governo do Estado



O governador Cid Gomes acaba de confirmar o nome do deputado Camilo Santana como candidato ao governo, em chapa que agora será comandada pelo PT. “É o camilo” informou Cid Gomes ao blog. Com a indicação do petista na cabeça da chapa, o deputado federal José Guimarães poderá perder a vaga para o Senado. A influência de Santana na Região do Cariri foi um dos fatores que contribuiu para a indicação.

Com informações do DN e Eliomar de Lima
Foto: Wilson Bernardo




TEM QUE SER NO SOFRIMENTO - Brasil vence o Chile nos pênalties e está nas quartas de final



Goleiro Júlio Cesar
O técnico Luiz Felipe Scolari avisava, antes mesmo da Copa do Mundo, que não gostaria de enfrentar o Chile no mata-mata. A preocupação foi justificada no início da tarde deste sábado, no Mineirão. A Seleção Brasileira só superou o rival sul-americano por 3 a 2 na disputa de pênaltis após um empate por 1 a 1 no tempo regulamentar da partida. O goleiro Júlio César, o vilão do Mundial passado, defendeu as cobranças de Pinilla, Alexis Sánchez e Díaz. Pelo Brasil, Willian chutou para fora e Hulk desperdiçou, mas David Luiz, Marcelo e Neymar converteram.

Ofensivo no início do dramático confronto em Belo Horizonte, a Seleção abriu o placar com o zagueiro David Luiz, após cobrança de escanteio de Neymar. Permitiu o empate do Chile ainda no primeiro tempo, quando o atacante Sánchez tirou proveito de uma bobeada do esforçado Hulk. Nos minutos que se seguiram com a bola rolando, o time foi pouco criativo e ainda sofreu alguns sustos, como em um chute no travessão, de Pinilla, a um minuto dos pênaltis.

Ainda que sofrido, o resultado amplia o retrospecto favorável do Brasil sobre o Chile em Copas do Mundo. Antes, o time nacional havia vencido por 4 a 2 nas semifinais de 1962, na casa do oponente, com uma grande atuação de Garrincha (autor de dois gols, assim como Vavá). Os outros dois confrontos também foram válidos por oitavas de final - 4 a 1 em 1998, com César Sampaio e Ronaldo anotando duas vezes cada, e 3 a 0 no Mundial passado, através de Robinho, Juan e Luis Fabiano.

Superado o seu duelo mais difícil com o Chile, a Seleção Brasileira terá quase uma semana para se recuperar tecnicamente para as quartas de final. O encontro com o vencedor do duelo entre Colômbia e Uruguai será apenas na próxima sexta-feira, às 17 horas (de Brasília), no Castelão.

O jogo -Nem parecia que os jogadores brasileiros e chilenos eram adversários no túnel de acesso ao gramado do Mineirão. Companheiros de Barcelona, os atacantes Neymar e Alexis Sánchez se abraçaram e conversaram amistosamente, com sorrisos e afagos, à espera de a partida começar. O lateral direito Daniel Alves fez questão de se juntar aos dois.

Em campo, tudo mudou. As hostilidades entre brasileiros e chilenos começaram nas arquibancadas, com vaias para trechos das execuções dos hinos nacionais dos dois países. E continuaram já nos primeiros minutos de jogo, quando Fernandinho cometeu uma falta dura em Aránguiz, que revidou em Neymar.

O Chile tentou aproveitar aquela empolgação inicial para atacar o Brasil. A iniciativa durou pouco. Depois que Marcelo deu um bom chute de fora da área, que quase acertou a meta aos cinco minutos, os donos da casa passaram a controlar as ações da partida. Principalmente pelo lado esquerdo, onde Neymar e Hulk se revezavam nas arrancadas em velocidade.

O Brasil era mais perigoso, contudo, nas jogadas de bola parada. Foi assim que abriu o placar. Aos 18 minutos, Neymar cobrou escanteio na área do Chile. A dupla de zaga brasileira, então, aproveitou a baixa estatura adversária para aparecer com destaque. Thiago Silva desviou o cruzamento com a cabeça, e David Luiz disputou com a coxa com Jara para empurrar a bola para dentro.

Com a vantagem no placar, o Brasil se sentiu confortável para permanecer no setor ofensivo, envolvendo o Chile - apesar de Oscar, Daniel Alves e quem mais que atuasse pela direita participarem pouco da partida. Só um erro do time de Luiz Felipe Scolari seria capaz de reanimar os chilenos naquele momento. E foi o que aconteceu.

Aos 32 minutos, Marcelo cobrou um lateral no campo de defesa para Hulk, que dominou de maneira desatenta. Vargas tirou proveito para fazer o desarme e acionar Alexis Sánchez dentro da área. O amigo de Neymar e Daniel Alves dominou com tranquilidade e finalizou cruzado, sem tanta força, para superar Júlio César e empatar o jogo.

O gol do Chile silenciou momentaneamente a torcida brasileira e entusiasmou a visitante. No gramado, os jogadores chilenos redobraram a rispidez nas disputas de bola e motivaram Neymar a fazer acrobacias a cada falta sofrida, para irritação de Felipão com a arbitragem. Nem mesmo a pressão que o Brasil esboçou no final do primeiro tempo foi suficiente para acalmar o treinador.

Aos 35, Neymar quase marcou um gol de cabeça em cruzamento de Oscar, que desviou na defesa chilena. Três minutos depois, o astro brasileiro recebeu um lançamento longo, brigou com três marcadores, e a bola sobrou para Fred concluir para o alto. Daniel Alves também perdeu a timidez e chutou de longe, fazendo Bravo espalmar para cima do travessão. Na defesa, no entanto, a Seleção dava novos sinais de desatenção.

Os sustos sofridos no primeiro tempo claramente incomodaram os comandados de Felipão. Neymar chutou a bola para longe quando a partida foi para o intervalo. No vestiário, o astro deixou de lado as chuteiras douradas e milionárias que ganhou de sua fornecedora de material esportivo para calçar o mesmo modelo utilizado na fase de grupos da Copa do Mundo. Felipão, entretanto, esperou para mexer na sua formação.

O posicionamento do Brasil foi outro no segundo tempo. Percebendo que o seu time era deficiente no lado direito do ataque, Felipão mandou Hulk atuar mais por ali. Aos nove minutos, a ordem quase acabou premiada com um gol. O atacante dominou a bola com o braço e bateu de joelho para a rede, porém o árbitro inglês Howard Webb viu a irregularidade e interrompeu a festa que os brasileiros já faziam. "Vá tomar no...", berrou o jogador, revoltado.

Jorge Sampaoli, o técnico argentino do Chile, resolveu entrar em ação naquele instante. Substituiu Vargas por Gutiérrez. Felipão não ficou atrás. Escolheu Jô, atuando em casa por ser atleta do Atlético-MG, para ocupar a vaga de Fred, mineiro de Teófilo Otoni e ex-jogador do Cruzeiro. A torcida até se alegrou com a mudança, embora tenha levado um susto em seguida. Aos 18, Aránguiz bateu forte após cruzamento rasteiro da direita, e Júlio César fez grande defesa para salvar o Brasil.

Muito nervosa, a Seleção começou a oferecer cada vez mais espaços para o Chile atacar. Felipão ainda recorreu a Ramires no lugar de Fernandinho, que mancava em campo. Outros jogadores também pareciam com problemas, porém técnicos, como Daniel Alves. Jô foi mais um a falhar, aos 28 minutos, quando furou um cruzamento de Hulk e enervou Felipão.

Alguns torcedores até tentaram fazer com que a apatia da Seleção Brasileira não se refletisse nas arquibancadas do Mineirão. "Levanta! Levanta! Levanta!", berraram, para aqueles que estavam sentados, inertes. A maioria só se levantou mesmo aos 38, com uma boa jogada de Hulk, que parou em Bravo. De fato, as razões para contentamento eram poucas. Os atletas brasileiros aparentaram alívio com o fim do segundo tempo.

A ordem era mudar de postura completamente na prorrogação. Hulk demonstrou que queria que fosse assim ao correr o campo inteiro com a bola em sua primeira jogada, ser derrubado perto da área e brandir os braços para chamar o público para o jogo. A torcida correspondeu, porém os seus companheiros já não tinham o mesmo vigor físico àquela altura do jogo.

No último tempo da partida com bola rolando, Felipão optou por dar fôlego à equipe brasileira com Willian no posto de Oscar. O Chile, também desgastado, já queria os pênaltis. Medel se jogou em campo e só foi substituído por Rojas depois que a maca entrou para retirá-lo. Em seguida, Pinilla e Gutiérrez ficaram caídos pelo tempo que puderam. "Timinho! Timinho! Timinho!", reagiram os torcedores.

Quem tinha a missão de não se apequenar no Mineirão era a Seleção Brasileira. O drama já fazia o público ter de mostrar a sua crença aos jogadores antes da decisão por pênaltis: "Eu acredito! Eu acredito! Eu acredito!". Era mesmo necessário ter fé. Aos 15 minutos, Pinilla dominou bem a bola, girou diante de Thiago Silva e soltou o pé. Só não virou o jogo para o Chile naquele mesmo instante porque acertou o travessão.

A tensão era tamanha que Júlio César chorou antes da disputa de pênaltis. Parecia prever que seria decisivo, defendendo as cobranças de Aránguiz, Díaz e Jara, tendo a sua grande redenção em uma Copa do Mundo. Pelo Brasil, Willian e Hulk desperdiçaram, porém David Luiz, Marcelo e Neymar converteram para sacramentar a suada classificação.

(Foto: Jefferson Bernardes/ Vipcomm)
Yahoo Notícias


Página da vida - Por: Emerson Monteiro


Via a flor toda manhã. Abria a janela, avistava o canteiro. Não sabia se o mesmo exemplar da noite passada, porém flor de fisionomia airosa, inteira.

Um dia mais, amanhecera. Lançou olhar ao viço vegetal, enquanto escutava no rádio plantão noticioso. Outra guerra explodira nos lados orientais, no Iraque; bases bombardeadas, homens-bomba, Bagdá. Soldados estrangeiros perseguiam e eram perseguidos. Armas localizadas embaixo de ruínas. Apelos de paz das instituições representativas e sem qualquer poder político.

Levado pelos sentimentos, arquitetou na imaginação de quem buscava a beleza da flor um suposto diálogo entre ela, o mimo do jardim, e a guerra do mundo, monstro devorador.

Seria a guerra quem iniciaria a conversa:

- Como andas, companheira deste planeta obtuso?

- Vou tangendo a minha vida. Não tão vermelha de sangue quanto a tua, mas rósea como nascem ad manhãs – meio tímida, pudica, respondeu a pequena flor.


- Tu eternamente orgulhosa! Sou encarnada por que me tingem os heróis no líquido viscoso que corre dos vasos e veias abertos nas batalhas magistrais, na luta. A ti jamais dirigirão tanta glória e feitos estratégicos, futuro construído nas dores do parto.


- Também não pretendo tamanha burrice. Os homens nunca procuram a beleza quando querem matar ou morrer. São eles uns egoístas azedos, endurecidos, animais ferozes, de caracteres pouco elaborados.

- Deixa disso, frágil criança. Continuas a deter o homem titânico. Para ti, grandes são os bobos que passam pela vida a vagabundear e fazer versos inúteis, imprestáveis. Esses são quem mais aprecio durante o meu repasto de pó e fumaça.

- Poetas são os poucos que forjam homens verdadeiros, no sonho dos conceitos e palavras. Se todos agissem como eles, viveríamos em novo universo que não habitarias assassina!

- Contudo, graças à matéria infamante, esses cabeças-de-vento não mandam nos meus domínios. Não confiaria neles um só minuto, e estou a eliminar suas vidas através das hecatombes e seus efeitos monumentais e castigos, principalmente nos países atrasados, longe das conquistas esplendorosas do desenvolvimento, onde impero com êxito e dela comando a festa da morte.

- Tu és das piores pragas. Se soubesses alcançar com teus arroubos hipócritas e canalhas a ti mesma, desaparecerias com eles. A natureza recusa que existas. Quem sabe olhar a pureza dos momentos originais, domina o amor. A ti, amor é máquina, fuzilamento, granadas, que adora qual a deuses fatídicos.

- Eis por que existo – a guerra respondeu, enquanto lambia feridas sem conta espalhadas no corpo oleoso da Terra. No meu reinado não admito que falem no amor. Meu maior sonho é ver o dia em que o Sol desapareça, dia que vai chegar, assim aguardo confiante. Paz não existe, é abstração doentia. Os meus inimigos são fracos amorosos a que breve dizimarei.

- Pusilânime! Nojenta! - gritou sobressaltada a pequena flor. - Existissem homens de coração verdadeiro e não dominarias! O horror que prometes não virá, pois defenderei a vida e os seres de boa-vontade.

- Vamos parar com isto - exclamou contrafeita, impaciente, a guerra. - Tu não mereces viver. Vou te arrancar pela raiz e silenciar tuas audácias.

Pelo sim, pelo não, olhei o jardim, no dia seguinte, e a flor jazia esmagada. Tudo que sobrara dela se resumia em pétalas murchas de corpo inerte, despedaçado.

27 junho 2014

VÍDEO - Prédio do CRAS do Alto da Penha, em Crato, completamente deteriorado - Programa FATOS EM FOCO


O Programa FATOS em FOCO de hoje apresenta reportagem sobre o estado de ruínas em que se encontra o prédio do CRAS do bairro Alto da Penha, em Crato, que teve que ser realocado para uma residência no Bairro Pinto Madeira. No programa, além das imagens estarrecedoras, entrevistas com o vereador Bebeto Anastácio e a Secretária da Ação Social Elizângela Rodrigues.É interessante observar porque deixaram o prédio chegar ao estado de ruínas, ser depredado, saqueado, invadido, para poder começar ( Ainda vai começar ) uma reforma que será mais cara do que construir um novo prédio. Supõe-se que os prédios públicos deveriam ter sistema de segurança e pessoas para manter o patrimônio público, o que, definitivamente, não aconteceu aqui. Vejam nas imagens chocantes, o estado lastimável em que deixaram chegar a edificação, a fim de começar uma reforma. 



WebTV Chapada do Araripe

Num Patrocínio exclusivo de


Para voce refletir ! - Por Maria Otilia

Foi estarrecedor, por que não dizer cruel, a notícia veiculada nas emissoras de televisão, da  decisão de pena de morte de uma mulher muçulmana que decidiu casar com um cristão.E nos perguntamos até que ponto aqueles que estão no poder, seja do estado ou da igreja, podem determinar quais caminhos seguir em busca da nossa felicidade ? Não estamos falando aqui de transgredir regras da moral ou da ética, mas do livre arbítrio.É um direito de cada indivíduo fazer suas escolhas pessoais no que se refere ao credo, orientação sexual, cultura, etc. Infelizmente existem muitas mulheres como a Meriam que não tem sua dignidade respeitada. São inúmeros casos de violência doméstica, de assassinatos por companheiros que se acham "donos" destas mulheres.São muitos homens e mulheres que decidem ter uma orientação sexual "fora do convencional" formatada  por uma sociedade machista, que são discriminados de forma preconceituosa,expostos a humilhação, violência física, etc.
 Acredito que faz-se necessário e urgente,  políticas públicas sérias ,principalmente para as escolas(desde a educação infantil até a universidade ) , de uma educação voltada para a construção da  cultura dos direitos iguais,  do respeito, da solidariedade, do compartilhamento do saber, de uma geração da paz etc. 
Tudo isto nos  leva  a uma reflexão de que somos incompetentes  perante grande desigualdade de compreender o outro. Precisamos construir a cultura do saber, ser, sentir e existir. Faça uma boa leitura do texto abaixo e reflita sobre  a sua missão como ser humano e como ser social.
                                                        
                             O Galo Angustiado

                   Não  era ele que levantava o sol

Era uma vez um grande quintal onde reinava soberano e poderoso galo. Orgulhoso de sua função, nada acontecia no quintal sem que ele soubesse e participasse. Com sua força descomunal e coragem heróica, enfrentava qualquer perigo. Era especialmente orgulhoso de si mesmo, de suas armas poderosas, da beleza colorida de suas penas, de seu canto mavioso.

Toda manhã acordava pelo clarão do horizonte e bastava que cantasse duas ou três vezes para que o sol se elevasse acima para o céu. "O sol nasce pela força do meu canto", dizia ele. "Eu pertenço à linhagem dos levantadores do sol. Antes de mim era meu pai; antes de meu pai era meu avô!" ...

Um dia uma jovem galinha de beleza esplendorosa veio morar em seu reinado e por ela o galo se apaixonou. A paixão correspondida culminou numa noite de amor para galo nenhum botar defeito. E foi aquele amor louco, noite adentro. Depois do amor, já de madrugada, veio o sono. Amou profundamente e dormiu profundamente.

As primeiras luzes do horizonte não o acordaram como de costume. Nem as segundas. ... Para lá do meio dia, abriu os olhos sonolentos para um dia azul, de céu azul brilhante e levou um susto de quase cair. Tentou inutilmente cantar, apenas para verificar que o canto não lhe passava pelo nó apertado da garganta. - "Então não sou eu quem levanta o sol?", comentou desolado para si mesmo. E caiu em profunda depressão. O reconhecimento de que nada havia mudado no galinheiro enquanto dormia trouxe-lhe um forte sentimento de inutilidade e um questionamento incontrolável de sua própria competência. E veio aquele aperto na garganta. A pressão no peito virou dor. A angústia se instalou definitivamente e fez com que ele pensasse que só a morte poderia solucionar tamanha miséria. "O que vão pensar de mim?", murmurou para si mesmo, e lembrou daquele galinho impertinente que por duas ou três vezes ousou de longe arrastar-lhe a asa. O medo lhe gelou nos ossos. Medo. Angústia. Andou se esgueirando pelos cantos do galinheiro, desolado e sem saída.

Do fundo de seu sentimento de impotência, humilhado, pensou em pedir ajuda aos céus e rezou baixinho, chorando. Talvez tenha sido este momento de humildade, único em sua vida, que o tenha ajudado a se lembrar que, em uma árvore, lá no fundo do galinheiro, ficava o dia inteiro empoleirado um velho galo filósofo que pensava e repensava a vida do galinheiro e que costumava com seus sábios conselhos dar orientações úteis a quem o procurasse com seus problemas existenciais.

O velho sábio o olhou de cima de seu filosófico poleiro, quando ele vinha se esgueirando, tropeçando nos próprios pés, como que se escondendo de si mesmo. E disse: "Olá! Você nem precisa dizer nada, do jeito que você está. Aposto que você descobriu que não é você quem levanta o sol. Como foi que você se distraiu assim? Por acaso você andou se apaixonando?". Sua voz tinha um tom divertido, mas ao mesmo tempo compreensivo, como se tudo fosse natural para ele. A seu convite, o galo angustiado empoleirou-se a seu lado e contou-lhe a sua história. O filósofo ouviu cada detalhe com a paciência dos pensadores. Quando o consulente já se sentia compreendido, o velho sábio fez-lhe uma longa preleção:

"Antes, quando você ainda achava que até o sol se levantava pelo poder do seu canto, digamos que você estava enganado. Para definir seu problema com precisão, você tinha o que pode ser chamado de "Ilusão de Onipotência". Então, pela mágica do amor, você descobriu o seu próprio engano, e até aí estaria ótimo, porque nenhuma vantagem existe em estar tão iludido. Saiba você que ninguém acredita realmente nessa história de canto de galo levantar o sol. Para a maioria, isto é apenas simbólico: só os tolos tomam isto ao pé da letra. "Entretanto, agora", continuou o sábio pensador, "você está pensando que não tem mais nenhum valor, o que é de certa forma compreensível em quem baseou a vida em tão grande ilusão. Contudo, examinando a situação com maior profundidade, você está apenas trocando uma ilusão por outra ilusão. O que era uma 'Ilusão de Onipotência' pode ser agora chamado de 'Ilusão de Incompetência'. Aos meus olhos, continuou o sábio, nada realmente mudou. Você era, é e vai continuar sendo, um galo normal, cumpridor de sua função de gerenciar o galinheiro, de acordo com a tradição dos galináceos. Seu maior risco, continuou o pensador, é o de ficar alternando ilusões. Ontem era 'Ilusão de Onipotência', hoje, 'Ilusão de Incompetência'. Amanhã você poderá voltar à Ilusão de Onipotência novamente, e depois ter outra desilusão... Pense bem nisto: uma ilusão não pode ser solucionada por outra ilusão. A solução não está nem nas nuvens nem no fundo do poço. A solução está na realidade". Após um longo período de silêncio, o velho galo filósofo voltou-se para os seus pensamentos. Nosso herói desceu da árvore para a vida comum do galinheiro.

Na dia seguinte, aos primeiros raios da manhã, cantou para anunciar o sol nascente. E tudo continuou como era antes.

 Maurício de Souza Lima - Psicólogo

A ciência do próximo passo II - Por: Emerson Monteiro

Nisso de confiar em um poder maior do que nós que acompanha cada acontecimento em tudo que ocorre, adotamos aceitar os limites da condição humana e buscar se render às evidências, sob o esforço de cumprir as fases preliminares da responsabilidade que me diz respeito. Aguardar de Deus sustentação, mas agir do jeito que disse uma lameira de caminhão que, certa vez, avistei: Venha sorrindo, mas limpe os pés.

Alguns chegam a imaginar que bastaria pedir, e pronto. Imagino assim parecido. Que a confiança deva ser incondicional, bem nos moldes da fé pura e verdadeira das pessoas simples. Outros até consideram que o Poder conhecerá o de que necessitamos antes mesmo que tenhamos vontade de pedir. No entanto há que se haver plantado na intenção de suprir os petitórios, e colher nas necessidades urgentes, porquanto a Justiça prevalecerá nas ações da natureza com base no equilíbrio universal. Querer, porém antes que se mereça, eis o pressuposto que norteia as ações e oferece bases à confiança na certeza do querer com sucesso.

Trabalhar motivado na pequenez dos menores, contudo de olhos abertos aos infinitos mistérios da Criação que labora sob igualdade, bondade e harmonia, exercício matemático da perfeição.

Essa entrega incondicional dos ditames da bondade superior bem significaria a sonhada convicção ensinada pelas escolas espirituais, Faze por ti, que os céus de ajudarão. O excesso de racionalidade dificultaria, pois, a compreensão dos fatores da rendição absoluta aos valores da Eternidade.

O passo seguinte dos aflitos apresenta isto, o peso das dúvidas, ausência de juízo suficiente a orientar o desvalido nas pedras rudes da estrada. Nalguns momentos de interrogação, perante lágrimas e angústias, a vida continuará, e as flores haverão de brotar, o Sol nascerá dentro das almas, nas luzes da esperança, ocasiões de levantar os pés e seguir em frente, força viva e essência dos movimentos. Eis o de que mais necessitam os fiéis, aceitos nos braços amáveis do Criador.

(Foto: Jackson Bola Bantim).

12 toneladas de peixes morrem na cidade de Aurora-CE de causa ainda desconhecida


Aurora. Técnicos da Ematerce deverão solicitar nas próximas horas a realização de um laudo laboratorial na tentativa de ser explicado o fenômeno que resultou na morte de cerca de 12 toneladas de peixes, no Açude Cachoeira, localizado na zona rural deste município. Os peixes eram criados em tanques, dentro do reservatório, por 20 produtores que fazem parte da Associação Comunitária de Apicultores e Aquicultores de Cachoeira e região. A morte dos peixes representa uma perda estimada em 70% de toda a produção da entidade, extraída de 120 gaiolas espalhadas por um espelho de água de um hectare, aproximadamente.

O prejuízo inicial, conforme cálculo dos produtores, já atinge R$ 100 mil. O valor das perdas, no entanto, pode aumentar caso os peixes restantes nas gaiolas também não sobrevivam. Os peixes mortos, da espécie tilápia, pesavam em média 800 gramas, e já apresentavam boas condições para comercialização e consumo. Depois de retirados da água com ajuda de uma retroescavadeira, os peixes foram enterrados em valas abertas a uma distância de cerca de 8 metros da margem do açude.

Os criadores acreditam que a morte dos peixes tenha se dado por causa do aumento da temperatura e pela diminuição de oxigênio nas águas do açude, o que também vem sendo defendido por especialistas que acompanham a produção desenvolvida na região. O nível de oxigênio necessário para que haja vida submarina varia entre 4 e 6 miligramas de oxigênio por litro de água. Até o momento, no entanto, não se sabe qual a quantidade de miligramas de oxigênio por litro de água presente no açude, devido à demora na solicitação do laudo laboratorial.

Sem oxigênio

Conforme o engenheiro de pesca Breno Teixeira, que presta assessoria à Ematerce no acompanhamento da produção de tilápias pela Associação de Aquicultores de Cachoeira, a morte de tamanha quantidade de peixes em um único local pode ser explicada justamente pela diminuição do oxigênio na água do açude onde os animais eram procriados, devido a um fenômeno conhecido como ressurgência, que se dá quando as águas mais quentes, localizadas na superfície do espelho d´água, são arrastadas pelo vento, fazendo com que as águas mais frias, oriundas das regiões mais profundas, aproximem-se da superfície, trazendo consigo grande quantidade de organismos, como algas, por exemplo, que podem gerar oxigênio durante o dia e consumir o gás vital para a sobrevivência durante o período noturno.

"É um fenômeno muito difícil de acontecer em águas doces ou represadas. Casos esporádicos só foram relatados em períodos de boa quadra invernosa. No entanto, por causa da coloração barrenta da água, que se apresentava cristalina até o final de semana passado, esta é a possibilidade que estamos considerando inicialmente, até que haja um laudo comprobatório e definitivo em relação à causa do fenômeno que resultou na mortandade de quase toda a produção", informou o especialista. Os peixes permaneciam em tanques de até seis metros de profundidade. Em cada reservatório havia cerca de 500 peixes, número considerado ideal pelos técnicos por propiciar melhores condições de desenvolvimento ao animal. Com apenas 30% da produção ainda viva, a esperança dos produtores se volta ao berçário do criatório, onde estão cerca de dez mil alevinos.

Financiamento

Conforme o presidente da Associação Comunitária de Apicultores e Aquicultores de Cachoeira, Francisco França, o projeto de piscicultura desenvolvido pela entidade teve custo R$ 330 mil, adquiridos através de financiamento junto ao Banco do Nordeste do Brasil (BNB). O pagamento do recurso é feito duas vezes a cada ano. As parcelas tem valor médio de R$ 24 mil. À próxima parcela vence no próximo mês de dezembro e os produtores temem não conseguir o dinheiro devido a perca de grande parte da produção.

"Não há, sequer, garantias de que os 30% da criação restante vá sobreviver. Até porque não se tem certeza da causa da morte dos peixes. O prejuízo é alto e a solução será tentar negociar com o banco para que haja uma prorrogação no pagamento da próxima parcela", lamentou o presidente da associação.

Roberto Crispim
Colaborador do Jornal Diário do Nordeste


QUE INTERESSANTE ! - A PAZ MUNDIAL EM JOGO E NINGUÉM COMENTA NADA...


Massacres acontecendo todos os dias no Iraque

Alguns países do oriente médio, sobretudo o Iraque, a Síria, o Irã e até a Arábia Saudita atravessam a pior crise das últimas décadas com o aparecimento do maior grupo terrorista até então, chamado ISIS, que pretende formar um Califado na região árabe, destruindo fronteiras, massacrando populações, e pregando um extremismo islâmico que mesmo os mais radicais dos radicais, como o grupo Al CAEDA e o HEZBOLAH os acham extremistas demais. 

O ISIS hoje é formado por mais de 10 mil membros regados a centenas de milhões de dólares, que foram conseguidos com a posse de ouro dos bancos do norte do Iraque, venda de petróleo para os governos dos próprios países, contrabando, e hoje representam a maior ameaça à paz mundial. O ISIS tem recrutado pessoas do mundo inteiro para fazer parte do levante, e servirem de homens-bomba. Todos os dias, pessoas literalmente explodem nos países árabes matando dezenas de outras e trazendo o terror. 

O Iraque hoje se desmantela pela briga interna entre as seitas Sunnis ( do qual o ISIS é formado ), Shia e Curdos. O grupo hoje já controla cerca de 70% do território do Iraque, conseguido em poucos dias, e ameaça invadir países vizinhos como a Jordania e a Arábia Saudita. Os Estados Unidos já se pronunciaram que não irão enviar tropas para o Iraque a fim de combater diretamente o ISIS, mas apenas um grupo de cerca de 300 "advisers" para ajudar o governo do iraque, de maioria Shia, a tentar controlar o levante, mas a capital Bagdad está sitiada há vários dias e já há cerca de 500 mil pessoas refugiadas. 

O ISIS investe pesado em propaganda e nas redes sociais, para recrutar mais adeptos, e se orgulha das execuções sumárias que tem praticado aos milhares. A idéia é treinar guerrilheiros para que estes voltem a seus países de origem a fim de executar os planos dos extremistas. Enquanto isso, O Iraque a Síria pegam fogo, e já temos a maior crise humanitária de refugiados desde a Segunda grande guerra mundial.

Tudo isso acontecendo, e você sem saber, apenas vendo os jogos da Copa do Mundo, onde tudo é belo...

Por: Dihelson Mendonça


Entra em vigor a Lei da Palmada HOJE, 27 de Junho



Foi publicada hoje (27) no Diário Oficial da União a lei que proíbe o uso de castigos físicos e de tratamento cruel ou degradante como formas de correção, disciplina e educação de crianças e adolescentes.

Conhecida como Lei da Palmada, a norma determina que pais, demais integrantes da família, responsáveis e agentes públicos executores de medidas socioeducativas que descumprirem a norma vão receber encaminhamento para um programa oficial ou comunitário de proteção à família, tratamento psicológico ou psiquiátrico e advertência.

O texto prevê ainda que a União, os estados e os municípios deverão atuar de forma articulada na elaboração de políticas públicas e na execução de ações destinadas a coibir o uso de castigo físico ou de tratamento cruel ou degradante e difundir formas não violentas de educação de menores.

Ainda de acordo com a norma, os casos de suspeita ou confirmação de castigo físico, de tratamento cruel ou degradante e de maus-tratos contra criança ou adolescente serão obrigatoriamente comunicados ao conselho tutelar mais próximo.

A lei entra em vigor hoje.

Fonte:  Agência Brasil

Ministério Público consegue suspensão de liminar e prefeito de Quixeramobim volta a ser inelegível


O presidente em exercício do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), Francisco Lincoln Araújo e Silva, deferiu um pedido de suspensão de liminar referente ao ex-deputado estadual e atual prefeito de Quixeramobim, Cirilo Pimenta. Com isso, ele volta a ser considerado inelegível. O pedido havia sido feito no dia 20 deste mês pelo Ministério Público do Estado do Ceará, através da procuradora de Justiça Francisca Idelária Pinheiro Linhares. A decisão judicial data da última quarta-feira (25).

Em 2010, Cirilo Pimenta havia conseguido junto ao Poder Judiciário uma liminar que suspendia, de uma só vez, os efeitos de seis decisões do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) as quais haviam desaprovado as contas dele como prefeito. Essas decisões ocorreram entre 2001 e 2009 e se deram, entre outras coisas, por conta de atos que configuram improbidade administrativa, como, por exemplo, ausência de licitações. O parecer do TCM foi enviado à Câmara Municipal de Quixeramobim, que concordou com o Tribunal, tornando o então ex-gestor inelegível. A liminar, que havia sido expedida em 2010 pela 5ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Fortaleza, vigorou até a última quarta-feira (25), quando saiu a decisão do TJ.

Por conta da proximidade do pleito eleitoral, o Ministério Público havia solicitado celeridade na decisão do Tribunal, já que o período das convenções partidárias se encerra no próximo dia 30. De acordo com o promotor de Justiça e assessor jurídico da Procuradoria Geral de Justiça, Marcus Renan Palácio dos Santos, o MP entende que a vigência da liminar por quase quatro anos – portanto, sem o julgamento definitivo do caso – configura exercício abusivo da atividade jurisdicional, prejudicando o interesse público e lesionando a ordem pública.

O TJ também deferiu na última quarta três pedidos semelhantes do MP referentes ao ex-prefeito de Icó e atual deputado estadual Francisco Leite Guimarães Neto Nunes (Neto Nunes); ao ex-prefeito de Saboeiro e atual deputado estadual Perboyre Silva Diógenes; e ao ex-prefeito de Ibicuitinga e atual deputado Federal Eugênio Rabelo. Com a decisão, os três políticos voltam a ser considerados inelegíveis.

Por: Roberto Moreira


Em entrevista, Ciro chama Eunício de "lambaceiro" e "riquinho que quer comprar o poder no Estado"


A declaração de Ciro foi feita durante uma entrevista na noite desta quarta-feira (25), antes da reunião do Pros com aliados, no Hotel Oásis Atlântico, em Fortaleza. Ao ser questionado sobre qual perfil terá o candidato que será escolhido pela cúpula para a sucessão estadual, Ciro disparou que não será alguém com conversa mole e muito menos lambaceiro como Eunício, que parece biruta de aeroporto.

Ao ser questionado sobre o possível acordo fechado entre Eunício Oliveira e Aécio Neves (PSDB), para presidente da República, Ciro reagiu afirmando que: “Agora a notícia que temos, é que ele [o Eunício] virou para o Aécio. É uma ideologia comovente”, ironizou, completando ainda que, “um cara que queria o apoio do Cid até ontem, nunca deu um centavo de emenda para a segurança, nunca deu um centavo para a Saúde no Ceará, só porque quer ser governador, porque é riquinho e quer comprar o poder no Estado do Ceará”.

Via Lindomar Rodrigues


Por Neymar, Justiça determina suspensão da venda de Playboy


A 3ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo determinou a suspensão imediata da edição e venda de novos exemplares da revista "Playboy" de junho, que traz a capa intitulada “A Morena que Encantou Neymar”.

O estaff do atleta da Seleção Brasileira afirmou em nota oficial que "a editora, além de divulgar uma mentira sobre a vida pessoal do Neymar Jr, utilizou indevidamente o seu nome, ou seja, sem a autorização da NR SPORTS, empresa dos pais do atleta e única detentora dos direitos de exploração da imagem, nome e seus atributos". A mulher que diz ter tido um relacionamento com o jogador é Patrícia Jordane, que estampa a capa com uma blusa azul em um fundo verde e amarelo, em clara alusão à Copa do Mundo e à Seleção Brasileira.

Sobre o suposto envolvimento, a garota disse: “conheci-o no Rio, em dezembro de 2012, mas não rolou nada. Coincidentemente, nos encontramos novamente na praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis, na véspera do Ano Novo. Ele é um cara muito do bem e divertido, e começamos a ficar nessa data. Durou até o Carnaval, quando ele assumiu o namoro com a Bruna Marquezine”.
Além da suspensão, a 3ª Vara Cível da Capital também determinou que a Editora Abril retire todos os exemplares que já estão à disposição do consumidor e que a decisão deverá ser cumprida imediatamente, sob pena de multa diária no valor de R$ 10 mil.

Fonte: Portal Terra


Tasso desistiu de sair candidato ao Senado, diz revista


Tasso desistiu de sair candidato ao Senado, diz revista Segundo a coluna, o ex-senador já teria comunicado o partido que não deseja concorrer ao Congresso.

O ex-senador Tasso Jereissati (PSDB) teria desistido de sair candidato ao Senado na chapa com Eunício Oliveira (PMDB). A informação é da coluna Radar Online, da revista Veja, e surge logo após o peemedebista comunicar a cúpula nacional do PT sobre possível aliança dele com tucanos no Ceará. De acordo com a coluna, Tasso permanece cotado para ser candidato à vice do senador Aécio Neves (PSDB-MG), mas teria comunicado que não quer concorrer a uma cadeira no Congresso. Tasso preferiria participar da campanha nacional do partido. Apesar da desistência, conforme informa a publicação, o PSDB permaneceria em coligação com o PMDB em terras cearenses.

Redação O POVO Online
com informações da coluna Painel Online


Governo do Estado atrasa pagamento de empreiteira por 7 meses e obra da Cidade Universitária de Iguatu está paralisada


Há sete meses que a empresa responsável pela construção da Faculdade de Tecnologia Centec (Fatec) não recebe os devidos pagamentos do governo do Ceará, o atraso atrapalha a conclusão da obra que já se arrasta por quase quatro anos.

A reportagem do portal Iguatu.net foi ao local e observou de perto que os trabalhos na Cidade Universitária estão paralisados. Em entrevista para nossa reportagem, o engenheiro Carlos Santos demonstrou preocupação com a situação, “ estamos há sete meses sem receber nada do governo, a última parcela paga aconteceu em dezembro de 2013 e foi referente há vários meses daquele ano, a situação está insustentável”, disse.

Para dar início aos trabalhos, o governador Cid Gomes, assinou no dia 30 de janeiro de 2009 o Decreto-Lei nº 3.365, de desapropriação de um imóvel, localizado no Centro de Iguatu, onde seria construída e implantada a Faculdade. E no dia 06 de julho de 2010 durante um evento em Iguatu, o governador assinou a ordem de serviço. Duas empresas passaram pela obra, a primeira não suportou a demora no repasse das verbas e saiu da construção, “ eles praticamente faliram”, disse o engenheiro Carlos Santos.

Na entrada da Cidade Universitária, existe uma lista de funcionários que serão demitidos pela empresa responsável da obra, “ não temos como continuar com eles, e infelizmente devemos demitir cerca de quinze homens e nos próximos dias mais dez, já que não temos perspectiva de receber algum pagamento do governo”, afirmou Santos. Questionamos o engenheiro sobre as explicações que a empresa recebe sobre o atraso dos pagamentos referentes aos serviços na FATEC, “ falam que existe um problema burocrático com o BNDES e por isto não estão podendo repassar nenhum pagamento para nossa empresa, até agora não temos perspectiva de nada”, adiantou. A Fatec de Iguatu deverá oferecer cursos superiores de Tecnologia, Cursos Técnicos de nível médio e cursos de qualificação profissional inicial e continuada para toda mesorregião do Centro Sul do Ceará. Inicialmente, a previsão é que sejam implantados três cursos superiores de Tecnologia (Gestão da Tecnologia da Informação, Gestão Pública e Gestão de Recursos Humanos), com duração de três anos e meio, e três cursos técnicos (Manutenção e Suporte em Informática, Redes Locais e Serviços Públicos), com duração de dois anos. O prédio será estruturado com 20 salas de aula, 11 laboratórios, sendo seis para área de Gestão e cinco para área de Tecnologia da Informação, biblioteca universitária e técnica, ambientes administrativos, espaços de convivência, auditório e demais dependências de acordo com padrões definidos pelo Ministério da Educação (MEC).

A reportagem do portal Iguatu.net entrou em contato com a Secretaria da Ciência e Tecnologia e Educação Superior (Secitece) que é a representante do Governo do Ceará na construção da FATEC-Iguatu e enviou uma nota sobre o caso.

Segue nota da Secitece:

A assessoria de Comunicação da Secitece informa que a obra do Campus Multiinstitucional de Iguatu está orçada em R$ 18.204.481,00, dos quais R$ 16.384.032,90 (90% da construção) são financiados pelo BNDES-Estados e os outros 10%, correspondentes a R$ 1.820.448,10, são de responsabilidade do governo estadual. A liberação do BNDES obedece a um cronograma de desembolso próprio do banco. Por conta da demora desta liberação, o Governo do Estado tem assumido a obra. Tanto é que já investiu R$ 12.874.207,86 do tesouro estadual.

O BNDES fez a primeira liberação de recursos em junho/2014 no montante de R$ 11.586.787,07 para fins de ressarcimento ao Governo do Estado, já que este utilizou recursos a mais de seu tesouro para a obra. No mês de julho está prevista a segunda liberação do BNDES no valor de R$ 4.391.855,17. Os recursos serão aportados para a obra de Iguatu e o cronograma deverá ser normalizado.

Fonte: Iguatu.Net e Roberto Moreira


TJCE nega reintegração de soldados afastados da Polícia Militar


O Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Estado do Ceará (TJCE) negou por unanimidade, nesta quinta-feira (26), o mandado de segurança impetrado pelos soldados afastados da Polícia Militar, que solicitam o retorno à corporação. De acordo com a decisão, o caso em questão não se aplica a teoria defendida pelos PMs.

Os soldados afastados participaram de um concurso público para PM no ano de 2010, porém só ingressaram na corporação através de liminar. Com dois anos em serviço, eles foram excluídos, pois foi criado o Órgão Especial do TJCE, que redistribuiu os processos para outros desembargadores, que extinguiram as ações, revogando as medidas concedidas.

Por conta da exclusão da corporação dois anos após a posse, os soldados afastados entraram com um mandato de segurança no TJCE. Eles alegaram que, como a situação consolidou-se pelo período superior a dois anos em que prestaram relevantes serviços à sociedade cearense, têm direito de retornar aos quadros da PM, sob o argumento da aplicação da teoria do fato consumado. Conforme a teoria, se uma decisão judicial autorizou determinada situação jurídica e, após muitos anos, constatou-se que tal solução não era acertada, ainda assim não deve ser desconstituída essa situação para que não haja insegurança jurídica.

O desembargador Abelardo Benevides, relator do processo, afirma que o caso não se enquadra na teoria do fato consumado, pois as medidas liminares perderam a efetividade com a extinção dos processos. Além disso, a magistrado explica que “as situações de fato geradas pela concessão de provimentos judiciais de caráter meramente provisório não podem revestir-se, ordinariamente, de eficácia jurídica que lhes atribua caráter de definitividade” e completa dizendo que a quantidade de tempo não importa no caso.

Fonte: Direitoce


Dólar fecha abaixo de R$ 2,20 pela primeira vez em quase oito meses


Pela primeira vez em quase oito meses, o dólar comercial fechou abaixo de R$ 2,20. A moeda norte-americana encerrou o dia com queda de 0,44%, vendida a R$ 2,196. O valor é o menor desde 30 de outubro do ano passado, quando a cotação tinha fechado a R$ 2,192 para venda.

O câmbio começou a sessão em alta. Na máxima do dia, por volta das 9h15, o dólar comercial chegou a ser vendido a R$ 2,213. Nas horas seguintes, a alta diminuiu, até que a cotação inverteu a tendência e passou a cair por volta das 15h30 até encerrar no nível mínimo do dia. Desde que o Banco Central (BC) anunciou, na terça-feira (26), a extensão do programa de venda de dólares no mercado futuro até pelo menos o fim do ano, o dólar não para de cair. Ontem, a moeda norte-americana havia caído 1%.

Previstas para acabar no fim do mês, as intervenções do BC para segurar o dólar foram prorrogadas até 31 de dezembro, com possibilidade de serem estendidas por mais tempo. A autoridade monetária continuará a injetar US$ 200 milhões por dia em contratos de swap cambial (venda de dólares no mercado futuro) e a leiloar dólares das reservas internacionais com compromisso de recompra em momentos de instabilidade no câmbio.

Agência Brasil


IBGE disponibiliza mosaico de imagens de satélite do Ceará


O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) disponibilizou, nesta quinta-feira (26), em seu portal na internet, um mosaico de imagens de satélite do Ceará. Segundo o IBGE, as imagens captadas por satélite apresentam deformações, principalmente, de geometria, causadas por diferentes fatores como o ângulo de aquisição da imagem, o relevo, a curvatura e a rotação da Terra.  Por este motivo, as cenas individuais do Estado, captadas por satélite, foram corrigidas (ortorretificadas) pelo instituto. 

Com isso, as coordenadas retiradas diretamente da imagem corrigida devem espelhar a realidade do território, o que facilita o trabalho de produção de cartas topográficas da região, entre outros benefícios. Ainda segundo o IBGE, o acervo de imagens cobre 88% do Ceará. Devido à presença significativa de nuvens, característica da região, não foi possível captar 100% das imagens do território estadual. Para completar o trabalho, o IBGE informou que vai utilizar um novo sensor que deve captar a área restante (12%). O acervo de imagens pode ser acessado pela internet e disponibiliza as cenas individualmente e mosaicadas.

Diario do Nordeste – Regional


Obra é contestada em Juazeiro do Norte


Juazeiro do Norte. Representantes de movimentos sociais deste município voltaram a reivindicar a paralisação imediata das obras de construção de uma piscina semiolímpica, com arquibancadas e área para estacionamento, além de um Centro de Reabilitação Motora e uma Oficina de Órteses e Próteses, no interior do Parque Ecológico das Timbaúbas.

A área é protegida pelo decreto municipal nº 1.183, de 23 de março de 1995, que impede o uso do espaço público para construções, e abriga em seu subsolo um aquífero responsável por cerca de 70% do abastecimento de água de toda a cidade. Conforme os manifestantes, a realização de obras no interior do parque poderá ocasionar prejuízos irreparáveis ao aquífero devido à derrubada de árvores e a realização da pavimentação utilizada nas obras impedindo, desta maneira, que haja a penetração das águas provenientes de chuvas, responsáveis pela recarga do lençol freático que abastece grande parte da cidade.

Os manifestantes também reivindicam que o Parque Ecológico das Timbaúbas seja devidamente enquadrado na legislação ambiental do Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC) e que o município crie e efetive um Plano de Manejo na área protegida.
“Nós não queremos que as obras deixem de ser realizadas. O que estamos reivindicando é que estas construções aconteçam em outras áreas públicas que podem servir de espaços para novos equipamentos sem que haja prejuízos ao aquífero e, consequentemente, ao abastecimento de água em nossa cidade”, explicou Edson Xavier.

Roberto Crispim
Colaborador - Diário do Nordeste




Crato inicia vacinação contra sarampo


A Secretaria de Saúde do Crato realiza campanha de vacinação contra sarampo de hoje, sexta-feira, dia 27 de junho, até o próximo dia 18 de julho. Podem ser imunizadas crianças a partir de 6 meses e menores de 1 ano que ainda não tomaram a vacina e crianças de 1 ano a menor de 5 anos deverão tomar a segunda dose da vacina.

De acordo com a coordenação de imunização do Crato a vacina será disponibilizada em todos os postos de saúde do município e a meta é imunizar 8.971 crianças. O município do Crato está dentro dos 158 municípios que não precisaram ser incluídos na campanha para enfrentamento do surto de sarampo no Ceará, iniciada no dia 27 de janeiro, e seguindo as instruções do Ministério da Saúde participará dessa nova campanha. As crianças receberão a vacina tríplice viral, que também protege contra rubéola e caxumba e faz parte do calendário básico da vacinação.

O sarampo é uma doença infecciosa aguda, de natureza viral, grave, transmissível e extremamente contagiosa, muito comum na infância. A principal forma de prevenção é a vacinação, com a tríplice viral disponível nos postos de saúde durante todo o ano.

Informações: Centro de Especialidades do Crato
Rua Jose Marrocos , S/N 
Fone -523-2507

Fonte: PMC



Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30