25 abril 2014

Motoqueiros uniformizados perturbam o sono dos Cratenses


Além de inúteis, perturbam o sono da população!



Há certas coisas que jamais deveriam ser inventadas. Algumas, porque não ter qualquer utilidade prática, e outras, porque trazem mais mal-estar do que bem-estar à população. É o caso das companhias de segurança que "patrulham" ENTRE ASPAS as ruas do Crato à noite. Completamente inúteis e perturbadoras, já que atrapalham o sono das pessoas, que precisam dormir bem para se sentirem dispostas ao trabalho no dia seguinte, os motoqueiros tem transformado a vida dos Cratenses em um verdadeiro INFERNO. Sem contar o fato de que foi constatado que esses "defensores da lei" só passam de hora em hora pela mesma rua, enquanto um bandido só precisa de em média, 5 minutos para assaltar uma residência. Há inúmeras formas de se ganhar dinheiro honestamente, mas perturbando o sono das pessoas certamente que não é uma delas.

O retrato da indignação é demonstrado neste clamor do nosso amigo e colaborador Pachelly Jamacaru, que se sente, como muitos, prejudicado por mais este abuso que acontece não apenas na nossa cidade, mas em diversas cidades do Nordeste: ( Dihelson Mendonça )

"É incrível como se tolera tantos abusos aqui no Crato! Toda sorte de Barulhos perturbadores, provenientes de inúmeras fontes tiram o sossego dos moradores da cidade.  A mais nova estupidez são essas buzinazinhas chatas e inconvenientes e burras que circulam nos bairros buzinando abusivamente.  Imaginem que o argumento é espantar os ladrões!!!  Ora, ora, o assalto começa nas taxas cobradas por esse serviço! Mas que serviço? O de avisar aos supostos larápios para que se escondam, porque lá veeemmm os guardas motorizados buzinando pateticamente! 

Nós buzinamos este abuso!

Pachelly Jamacaru


Um comentário:

  1. O Pachelly tem absoluta razão. É um verdadeiro absurdo!
    Barulho ensurdecedor no meio da madrugada, perturbando o sossego alheio.
    Até quando?

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.