xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 04/01/2014 - 05/01/2014 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

30 abril 2014

Dor na Coluna ? - Um excelente artigo que explica o que se deve fazer para manter a coluna sadia


Não subestime a dor na coluna

A dor nas costas é a doença crônica mais comum entre os brasileiros. É, também, a menos tratada, apesar de ser percebida precocemente. O problema afeta 36% da população, e 68% dos atingidos buscam tratamento. Os dados são de um estudo realizado pela Escola Nacional de Saúde Pública, ligada à Fiocruz. Os pesquisadores entrevistaram 12.423 pessoas com mais de 20 anos, em todas as regiões do Brasil, em 2008.

O problema também está presente nas estatísticas da Organização Mundial da Saúde, que estima que 80% da população mundial sofrerá ao menos um episódio de dor nas costas na vida. Dentre as principais causas para este anunciado episódio de lombalgia acontecer, podemos listar: tumores, cistos, lesões nos nervos, nas vértebras, nos discos, má postura, fraqueza dos músculos da região, tabagismo e obesidade. “Felizmente, a evolução desta dor geralmente é benigna, em termos de alívio, espontâneo. Repousa-se, espera-se um pouco e a tendência é a melhora dos sintomas”, explica o reumatologista Sergio Bontempi Lanzotti, diretor do Instituto de Reumatologia e Doenças Osteoarticulares (Iredo).

Em geral, as lombalgias, têm origem mecânico-postural. Embora nas regiões cervical, dorsal e lombar possam ocorrer tumores, infecção ou inflamações, a causa mais freqüente da dor nas costas é mecânico-postural degenerativa. “Alguns pacientes têm a coluna perfeitamente alinhada, não apresentam desvio postural nenhum e reclamam de dor nas costas. Pode-se dizer, então, que nesses casos a dor é causada por alterações musculares resultantes, por exemplo, de a pessoa permanecer muito tempo na mesma posição sem conseguir relaxar a musculatura. Portanto, não é necessário haver um problema de postura para o sintoma aparecer”, explica o médico.
Travou!

A história típica da dor na coluna envolve quase sempre um adulto jovem e está relacionada com as atividades físicas e a sobrecarga a que ele expôs sua coluna ao longo da vida. Em geral, a queixa é que, um dia, ao fazer um esforço, o indivíduo dobrou o tronco para frente para pegar um objeto mais pesado e sentiu uma dor tão intensa na região lombar, que se viu obrigado a deitar-se. O repouso associado ao calor local e, eventualmente, ao uso de analgésicos e antiinflamatórios provocou melhora dos sintomas em dois ou três dias…

O sinal de alerta é dado, porém, quando a pessoa deita, relaxa e a dor não desaparece ou quando ela se manifesta à noite e não melhora com repouso. Além disso, é preciso considerar de novo a faixa etária. “Pessoas idosas, da mesma forma que crianças e adolescentes, requerem atenção especial porque a dor nas costas pode resultar de lesões secundárias, como as fraturas provocadas pela osteoporose ou de alguma doença não diagnosticada ainda”, alerta o reumatologista.
O repouso, no entanto, não deve ser muito prolongado. Está demonstrado que mais de dois dias de repouso absoluto provocam perda de massa óssea e de massa muscular. Portanto, este deve ser relativo. Não se deve fazer esforço, nem carregar peso. Na fase inicial da lombalgia, antiinflamatórios comuns contribuem para aliviar a dor. “Nem medicamentos, nem fisioterapia ou massagens, nem aplicação de calor mudam a história natural da doença. A dor irá melhorar espontaneamente desde que o fator desencadeante do processo seja suspenso”, reforça Lanzotti. De qualquer forma, métodos fisioterápicos e analgésicos são coadjuvantes para diminuir os sintomas, enquanto se aguarda a evolução natural da doença.

E o que fazer para a crise lombar não voltar?

Passada a crise, é preciso afastar os fatores externos que a desencadearam porque provavelmente ocorrerá outra, se a pessoa não se cuidar. Além disso, é importante corrigir a postura e reforçar os músculos que dão suporte à coluna porque manter a musculatura firme é fundamental para garantir a estabilidade da coluna e evitar novas crises.

“Está demonstrado que o fortalecimento do grupo de músculos paravertebrais, principalmente, associado ao dos abdominais e glúteos é o que mais garante a higidez da coluna. Também está provado que uma caminhada de 30 minutos, três vezes por semana, diminui a incidência de novas crises. Só a caminhada, porém, não fortalece todos os músculos. Para tanto, são necessários exercícios específicos, sob orientação profissional para não sobrecarregar os discos”, orienta.
Conheça outras dicas para prevenir uma nova crise de coluna:

· A orientação geral é não carregar peso. No caso de ser obrigado a levantar um volume pesado, nunca se deve manter as pernas esticadas e curvar o corpo. Deve-se dobrar os joelhos que funcionarão como alavancas e manter o objeto o mais próximo possível do tronco quando for erguê-lo;

· É necessário evitar atividades de impacto repetitivo, por exemplo, andar a cavalo, de moto, de jet-sky, de lancha. Quem faz hipismo competitivo precisa estar com a musculatura costal bem desenvolvida para evitar maior desgaste dos discos;

· Profissionais cujo trabalho exige esforço físico maior apresentam mais desgaste nos discos do que os que se dedicam a serviços mais leves. Carregadores de peso, como os estivadores, por exemplo, acabam apresentando mais problemas porque expõem a coluna à sobrecarga contínua;

· Por mais paradoxal que pareça, pessoas que trabalham paradas na mesma posição sem relaxar a musculatura, como os caixas de bancos, ou quem fica horas em frente ao computador, também integram o grupo de risco. Nesse caso, é recomendável levantar-se a cada 40 ou 50 minutos, andar um pouco e colocar um tablado para erguer alternadamente os pés e relaxar a musculatura;

· Motoristas de veículos pesados também estão no grupo de risco. Quem dirige carros mais velhos tem mais problemas de coluna do que quem dirige carros novos e em melhores condições mecânicas;

· Ver televisão, jogado no sofá, com a coluna toda torta também é contra-indicado. O ideal seria sentar-se numa cadeira de braços que servissem de apoio na hora de levantar e bem de frente para a tela;

· Um fator muito comum de dor na região cervical é assistir à televisão ou ler deitado. A pessoa fica numa posição forçada, às vezes, durante horas pressionando o disco. Quem faz questão de ver tevê na cama deve providenciar um suporte para a cabeça e para o tronco, de forma a permanecer quase sentado e colocar o aparelho bem alto, evitando ficar com o pescoço fletido por muito tempo;

· Para a coluna, a posição que oferece menor pressão sobre os discos é a de barriga para cima, com a cabeça apoiada num travesseiro baixo para evitar a hiperflexão. Como nem todo mundo consegue dormir desse jeito, deitar de lado com joelhos flexionados e o travesseiro baixo colocado de forma a impedir que o corpo se incline para um lado ou outro é outra boa opção. Dormir de bruços, mesmo sem travesseiro, como regra geral, não é bom para a coluna.

Fonte: Site http://institutopostural.com.br


29 abril 2014

Para você Refletir ! - Por Maria Otilia

Ano de eleição, de novas escolhas. Momento importante para todos nós cidadãos e por isso  precisamos ser cautelosos diante destas escolhas. Não podemos e não devemos  acatar tomadas de decisões baseadas nas negociações de interesses individuais, bajulações, troca de favores, submissão. A humildade, serenidade, bom senso, cautela, senso coletivo, respeito, dignidade,etc.,  são palavras que devem ganhar vida  em cada um de nós. Posto abaixo um texto que fala  da maior virtude de um homem: a humildade. Faça uma boa leitura.

                                   AS LENTILHAS – O CAMINHO DE DIÓGENES


Um dia, estava Diógenes a comer um prato de lentilhas, sentado no umbral de uma casa qualquer.
Não havia alimento mais barato, em toda Atenas, como o guisado de lentilhas.
Dito de outra maneira, comer guisado de lentilhas significava estar no limiar da pobreza.
Passou um ministro do Imperador e disse-lhe:
- Ai, Diógenes! Se aprendesses a ser mais submisso e a adular um pouco mais o imperador, não terias de comer tantas lentilhas.
Diógenes parou de comer, levantou os olhos e, fitando intensamente o endinheirado interlocutor, respondeu:
- Ai de ti, irmão. Se aprendesses a comer um pouco de lentilhas, não terias de ser submisso e adular tanto o imperador.”

Este é o caminho de Diógenes. É o caminho do auto-respeito, da defesa da nossa dignidade acima das nossas necessidades de aprovação.
Necessitar demasiado da aprovação dos outros,
necessitar demasiado da aceitação dos outros,
necessitar demasiado do reconhecimento dos outros,
necessitar demasiado da valorização dos outros,
Pode levar a caminhos desviantes, desviantes de ti próprio.
Se o Preço a pagar for deixares de ser tu mesmo, então o preço é demasiado caro.

Então é como aquele homem que procurava a sua mula por toda a aldeia enquanto ia cavalgando… em cima da sua mula.

O que preferes tu?
Comer as lentilhas ou venderes-te?

Observa bem a tua vida!
E verifica se não o fazes em inúmeras ocasiões, em inúmeras situações.
E verifica se o medo ou a necessidade impera sobre outros valores mais altos.
Observa e vê se isso acontece e decide o queres para ti.

É preferível perder tudo, mas não te perderes a TI!
Podes ter muita coisa, mas se te afastas de ti, ou se te perdes do teu centro, então se calhar não vale a pena.

Podes ter inúmeras coisas, mas não deixes que te "comprem", mas não deixes que te afastem de ti.

Nunca deixes que as circunstâncias exteriores te roubem de tu mesmo, ou te afastem de TI!

Tu és um filho(a) de Deus, és uma obra prima, és único(a).
Assume aquilo que és, a tua individualidade, e todas as bênçãos do céu derramarão sobre ti.

Vereadores requerem o afastamento do Prefeito ( Em Baturité )


A minoria venceu a maioria

Baturité. Eis o documento protocolado por nove vereadores (Luciano Furtado, Herbeli Mota, Marcelo Cardoso, Nilton Guedes, Sávio Cézar, Nelson Arruda, Gildo Barros, Valdinho e Irmã Edleuza), através do qual requerem que seja cumprida a lei e votado em Plenário o afastamento provisório do prefeito Bosco Cigano. O presidente da Câmara, Renaldo Braga (PSDB), ignorou o requerimento e encerrou a sessão. O objetivo dos vereadores é apurar, através de duas Comissões Processantes já instauradas, denúncias de irregularidades na coleta de lixo e na cobrança de taxas e propinas na feira do município. Claro, que sem ter gestor no cargo para não atrapalhar. Veja o documento:





Venham Conhecer o Crato - Por Pedro Esmeraldo


Sempre nos causa revolta quando pronunciamentos sem luz de alguns cratenses que moram fora vêm macular a boa conduta de seus conterrâneos. São palavras ocas que só emperram o crescimento da cidade. Nem sequer respeitam mais a preservação do nosso patrimônio. 

Não vamos falar à toa, mas desejamos que haja união e compreensão mútua. Infelizmente, procuram-nos diminuir, empurrando-nos para um ambiente escuro. Para nós isto e um desrespeito incompreensível, cheio de sombras maléficas que nos causam arrepios devido a mudanças no comportamento “climático” que o humano está sujeito. Isto agrava a temperatura emocional e o comportamento estável. Partiremos para o lado da discórdia, e da intolerância doentia.

Aquela gente impetuosa praticava reuniões às escondidas, na calada da noite, deixando-nos com o pensamento cheio de urdiduras sem nada poder fazer. Retiraram daqui todo o conjunto de obras que seria o ponto de equilíbrio para que pudéssemos lutar pelo bem- estar econômico e social. E ainda aparecem cratenses que abaixam a cabeça e dizem amém. Um exemplo, quando foi tirado do Crato o direito ao Campus da Universidade Federal, que seria o embrião da futura Universidade do Cariri. 

Admitamos que nessa cidade apareçam os abutres, depredando sem dó e nem piedade. Não há mais dúvidas, são confirmados planos sórdidos que alguém revela: Procede de uma entidade da capital esse abuso forjado contra o Crato. Todos nós, os cratenses, somos castigados por termos direitos iguais. 

Uma vez, numa reunião, ouvimos de um político de expressão nacional, dizer que foi ele um dos que ajudaram a retirada da Universidade Federal do Crato. Fez isso porque o prefeito da outra cidade era da situação da conjuntura política nacional, mas quem merecia mesmo aquela Universidade era o Crato. Ao mesmo tempo, quis comparar o Crato como grande centro educativo do grande nordeste. 

Não pessoal, filhos do Crato, consideramos isso como desprezo, um desprestígio. Não vamos abaixar a cabeça e nem vamos dizer amém. Fiquem sabendo, senhores: o Crato foi tratado com desdém. Depois, vem com desculpas esfarrapadas dizendo palavras estapafúrdias que nos causam pavor. 

Somos bastante ativos. Não somos saudosistas como eles dizem. Também progredimos com atividades que nos levam a caminhos largos de vida próspera, com honestidade e trabalho. Esta cidade não merece ser desprezada. Não somos isso que vocês dizem. Não temos riquezas. Os ricos daqui (serão que são ricos mesmo?) não tem condições de arcar sozinhos com responsabilidade permanente. Para seus conhecimentos aqui só há investimentos da esfera privada. Não é preciso dizer aos incrédulos do Crato que aqui só vem as migalhas. Não senhores! Ao mesmo tempo pedimos que abram os olhos, que tirem as viseiras e que olhem para todos os lados da cidade que virão crescer distanciada das autoridades estaduais. O que acontece é que a nossa estrutura não é apoiada por todas as áreas políticas. Aqui recebemos pouco apoio das autoridades atuais. Mas, assim mesmo, aceitaremos de bom grado por que tudo que vem é bom para a nossa seara. Será bem contemplado e bem recebido. 

Agora podemos dizer: tudo que vem para o Crato é contestado pela outra cidade e é obscurecida pelo movimento falacioso provocado pelos inimigos número do Crato, por que todo progresso tem que ser destinado só para lá. Aqui, não temos direito a nada; só temos direito de dizer amém. Para se ter uma idéia, observem por que tudo é arrancado daqui na marra. Basta verificar, quando arranja qualquer benefício para as duas cidades, lá é a cidade comtemplada primeiro, já que constroem as obras em poucos espaço de tempo. No Crato leva meses ou anos para construir uma obra. 

Temos como exemplo o Centro de Convenções, iniciada há mais de dez anos, (no governo de Lúcio Alcântara) por quê? E o ginásio poliesportivo da Urca, quando é mesmo que vão inaugurar? Ah que coisa triste pra nós! E ainda vem chamar o Cratense de acomodado? Possuidor de ressentimento pelo malogro do Crato que foi provocado pelas artimanhas dos inimigos. Agora dizemos em voz alta, é doze para elefante. Relembremos as construções residenciais (Minha Casa Minha Vida), lá do outro lado do mundo constroem-se rapidamente e no Crato demoram a iniciar a construção, pois faz meses que estão emperradas. Constroem a passos de cágados. 

O canal do rio Granjeiro é um desafio. Não fazem nada com seriedade. Tomam medidas apressadas e paliativas. Querem enganar o povo com banana e bolo, ou melhor, querem tapar o sol com a peneira. Quanto à mudança da ExpoCrato, devido tanto descaso que há no tratamento não igualitário, vez que o Crato permanece tão abandonado e o Cratense fica de orelha em pé e não acredita mais em propostas governamentais. Ocorre, porém que essa pretensão da Urca querer realizar seu sonho de dominar a educação sem respaldo afirmando: Terreno a Urca tem demais, ou seja: Campus do bairro do Pimenta, lá há terreno que satisfaz os seus anseios que é uma grande área por larga superfície que serviria para aproveitar em prédio. Onde estar localizada a Faculdade de Direito. Lá há uma superfície enorme que poderia construir prédios para diversas modalidades de ensino superior. 

Também, no bairro pimenta poderia construir prédios de proporção alarmante, visto que onde foi construído o primeiro prédio da Faculdade de Filosofia o professor José Nilton ex-diretor, iniciou a construção do prédio de dez andares, não chegando a terminar por falta de verba, mas o projeto está estruturado, basta concluir se quiser. Se quiser conhecer o Crato, venha dá uma voltinha na cidade, percorra todos os bairros, observe como o Crato cresce assim mesmo com desprezo e abandono. Ah, íamos esquecendo, com relação da estátua de Nossa Senhora de Fátima, no Barro Branco, quando é que vão terminar mesmo? Ficamos por aqui. Queremos que todos saibam a verdadeira situação do Crato, só consegue o desenvolvimento privado e o governamental contestado pelo impedimento dos embusteiros. 

Por Deus, pedimos com sinceridade: Cratenses ajudem o Crato, façam força por que ele também merece um lugar ao sol. Procurem crescer com o Crato, creio que vocês não se arrependerão. A cidade agradece.

PS: Esta crônica e dedicada ao parente e amigo Coronel Ronald Brito e ao amigo R. Noroes Oliveira 

Crato 02 de março de 2014
Autor: Pedro Esmeraldo



Urca realiza aula inaugural do Mestrado em Enfermagem


O Mestrado Acadêmico de Enfermagem da Universidade Regional do Cariri (URCA), o primeiro do Interior do Estado, terá sua aula inaugural nesta tarde de segunda-feira (28) às 17 horas. O evento será no Salão de Atos da Instituição e contará com a disciplina de ‘Introdução ao Mestrado Acadêmico’.

Com dez alunos selecionados para a primeira turma, a coordenação afirma que a maioria dos estudantes aprovados pelo curso é formada por ex-alunos da URCA. A coordenadora, Célida Juliana, diz que o curso vem atender a uma demanda reprimida, para os diversos alunos dos da Enfermagem da própria região e do Estado. Muitos enfermeiros formados no Cariri e Região Sul do Estado, segundo ela, antes tinham que se deslocar a outras partes do país para fazerem Mestrado na área.

Fonte: URCA


Aeroporto Pinto Martins é o sexto melhor avaliado pelos passageiros



Em pesquisa realizada pela Secretaria de Aviação Civil (SAC), o Aeroporto Internacional Pinto Martins, de Fortaleza, teve a sexta melhor avaliação de passageiros. A pesquisa foi realizada no primeiro trimestre de 2014 e divulgada nesta segunda-feira (28).

Na pesquisa, os passageiros atribuíram notas de 1 a 5 para vários indicadores, como acesso ao aeroporto, tempo de fila no check-in, as condições de limpeza do aeroporto, acesso a internet/Wi-Fi, custo do estacionamento e custo da alimentação foi o item, que recebeu a pior avaliação entre os serviços, com 2,16 pontos.

No Ranking dos aeroportos, o aeroporto de Natal foi o que recebeu a maior nota, com média de 4,16. Em segundo lugar estão os aeroportos de Porto Alegre e Curitiba, com nota 4,06, seguidos de Congonhas, em São Paulo, com nota 4. Fecham a lista os aeroportos Santos Dumont (3,91), Recife (3,91), Fortaleza (3,89), Confins (3,88), Campinas (3,86), Galeão (3,86), Salvador (3,76), Brasília (3,56), e Manaus (3,55).

A pesquisa ouviu 18.062 pessoas nos aeroportos das 14 cidades-sedes da Copa do Mundo, além do aeroporto de Campinas, em São Paulo. Dos entrevistados, 12.316 estavam em salas de embarque doméstico e 5.746 em salas de embarque internacional.

O POVO Online


Arrecadação de impostos no País chegou a R$ 86 bi em março


A arrecadação de impostos e contribuições federais chegou a R$ 86,621 bilhões em março. O crescimento ficou em 2,5% com a correção pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, (IPCA).

No primeiro trimestre, a arrecadação de R$ 293,426 bilhões teve crescimento real (corrigido pela inflação) de 2,08%, na comparação com o mesmo período do ano passado. Segundo a Receita Federal, o resultado foi influenciado pela queda na arrecadação do Imposto de Renda da Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre Lucro Líquido em janeiro e em fevereiro, com reduções de 5,46% e 16,53% respectivamente. Em março, a Receita informou que a arrecadação desses tributos ficou estável.

A Receita também citou como fator de influência, as desonerações tributárias principalmente de folhas de pagamento, da Contribuição de Intervenção do Domínio Econômico (Cide) dos combustíveis, do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) dos automóveis e do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), cobrado no crédito para pessoas físicas.

Agência Brasil


Implantado Núcleo Permanente de Conciliação da Comarca do Crato


Um projeto pioneiro no interior do Estado foi implantado na última sexta-feira, durante solenidade realizada no Fórum Hermes Parahyba, em Crato. Trata-se do Núcleo Permanente de Conciliação da Comarca do Crato, uma parceria da Universidade Regional do Cariri (URCA), por meio do Curso de Direito, com o Fórum Hermes Parayba. A cerimônia foi presidida pelo diretor do Fórum, o juiz José Flávio Bezerra de Morais, contando com a presença da Reitora da URCA, Professora Otonite Cortez, e do Vice-Reitor, Professor Patrício Melo, além da Pró-Reitora da Extensão da Universidade, Professora Sandra Nancy Freire, professores, coordenadores, chefia de gabinete e diretores de centro.

O Núcleo terá a coordenação acadêmica da Professora Antônia Cileide Araújo, Pró-Reitora da Assuntos Estudantis da Universidade. A coordenação ficará a cargo do juiz Rômulo Veras Holanda, da Vara Única de Famílias e Sucessões. O juiz Flávio Morais destacou a relevante parceria com a URCA, resultando na criação do Núcleo, ressaltando a formação de bons profissionais atuantes em todas as áreas do Direito, ainda enfatizando a formação do profissional, dentro de uma visão conciliadora. Uma forma de estreitar as atividades entre a Universidade e o fórum, beneficiando a sociedade.

Para a Reitora, a iniciativa de reveste da maior importância para a Universidade. Ela afirma que a extensão é um dos eixos de formação do estudante. “Uma via de mão dupla, onde a URCA e a sociedade se beneficiam mutuamente. Os alunos são beneficiados, com a oportunidade de vivenciar a teoria e a prática do conhecimento. Ensina a Universidade a rever os seus conceitos e formar melhor os estudantes”, diz, ao acrescentar os serviços que vêm sendo desenvolvidos ao longo de anos pelo Curso de Direito da URCA, com benefícios diretos à sociedade.

O Núcleo será um órgão direcionado à resolução de casos por meio da conciliação, proporcionada pelo diálogo. “Para as pessoas que serão atendidas, o benefício é inestimável”, antecipa Professora Otonite. Na ocasião, o diretor do Fórum entregou o certificado aos ministrantes do 1º Curso de Formação de Conciliadores e alunos aprovados. Participaram da formação 40 estudantes, para assumirem 8 vagas, conforme edital de seleção. Os alunos dos semestres 7º, 8º e 9º da URCA permanecerão no estágio por um ano, prorrogável por mais um. O diretor do fórum destacou o nível dos discentes da Universidade, após a avaliação do resultado das avaliações para a escolha dos estagiários.

O projeto será de grande importância, conforme a direção do Fórum Hermes Parahyba, por possibilitar a Conciliação de problemas e a redução da demanda de processos na comarca do Crato. Os estudantes terão suas ações coordenadas por meio do fórum. Os selecionados serão remunerados pelas atividades, por meio da URCA. Todas as comarcas serão beneficiadas com o Núcleo, principalmente a Vara da Família, com exceção da penal.

Demanda de processos será minimizada

Para o diretor do Fórum, o Juiz José Flávio Bezerra Morais, o convênio com a Universidade tem um caráter multidisciplinar e visa atingir outras áreas de estudo, como forma de criar uma assistência técnica. Essa proposta já vinha sendo estudada pelo fórum, visando a sua implantação e assim poder prestar serviços de forma mais ampla à sociedade, nas áreas social, psicológica e no segmento jurídico, entre outras atividades. Com o Núcleo, haverá uma dinâmica maior no andamento dos processos, além de possibilitar maior número de conciliações, com o tempo ampliado a ser destinado às partes envolvidas. “Para a justiça vai ser muito bom, com causas humanitárias”, afirma o diretor. Para o juiz Rômulo Veras, é importante salientar a experiência adquirida pelos estagiários em processos conciliadores, já que a formação na universidade possibilita mais litigadores. “Com isso, pode-se mudar um pouco do pensamento do profissional, com uma experiência fundamental para a sua carreira”, afirma. No final do estágio, o aluno receberá um certificado de extensão em conciliação. 

O juiz de Direito do Juizado Especial, Ângelo Bianco, disse que a finalidade do Núcleo é efetivar os princípios constitucionais da eficiência e duração razoável do processo, contribuindo para a redução da demanda e qualificação da gestão judiciária. O Núcleo está inserido na Política Judiciária Nacional de tratamento adequados dos conflitos de interesse do âmbito do poder judiciário, instituída pela Resolução 125 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

URCA


Estado de saúde de Genoino não é grave, conclui novo laudo médico


Junta médica do HUB concluiu que o estado de saúde de José Genoino não é graveValter Campanato/Agência Brasil

A junta médica do Hospital Universitário de Brasília (HUB) concluiu que o estado de saúde do ex-deputado José Genoino não é grave. O documento foi enviado hoje (28) ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa.  Com base no resultado da perícia, Barbosa vai decidir se Genoino continuará em prisão domiciliar ou retornará ao Presídio da Papuda, no Distrito Federal. O ex-parlamentar foi condenado a quatro anos e oito meses de prisão em regime semiaberto na Ação Penal 470, o processo do mensalão.

Os médicos concluíram que o estado de saúde do ex-deputado continua estável, conforme primeiro laudo pericial, feito em novembro do ano passado. “Constata-se mais uma vez, em reforço à impressão emitida na avaliação anteriormente conduzida, a persistência de condições clínicas caracterizadas como não graves e o definido sucesso corretivo curativo da condição cirúrgica do paciente”, afirmaram os cardiologistas. Segundo os médicos, o quadro de saúde de Genoino não justifica tratamento diferenciado. “Não se expressa no momento a presença de qualquer circunstância justificadora de excepcionalidade e diferenciada do habitual para a situação médica em questão, visando ao acompanhamento e tratamento do paciente em apreço”, diz o laudo.
Genoino teve prisão decretada em novembro do ano passado e chegou a ser levado para a Penitenciária da Papuda. Mas, por determinação de Barbosa, ganhou o direito de cumprir prisão domiciliar temporária. Durante o período em que ficou na Papuda, o ex-deputado passou mal e foi levado para um hospital particular.

O advogado do ex-parlamentar, Luiz Fernando Pacheco, defende que ele cumpra prisão domiciliar definitiva. De acordo com o advogado, Genoino é portador de cardiopatia grave e não tem condições de cumprir a pena em um presídio, por ser “paciente idoso, vítima de dissecção da aorta”. Segundo Pacheco, o sistema penitenciário não tem condições de oferecer tratamento médico adequado ao ex-parlamentar.

No dia 4 deste mês, a Câmara dos Deputados rejeitou o pedido de aposentadoria por invalidez, apresentado por Genoino. No laudo, a junta formada por quatro médicos concluiu, depois de analisar exames médicos complementares solicitados, que ele não é portador de invalidez que o impossibilite de trabalhar. Com a decisão da Câmara, o ex-parlamentar deixou de receber o benefício integral de R$ 26,7 mil pagos aos parlamentares no exercício do mandato. Ele continua a receber aposentadoria por tempo de contribuição, no valor de R$ 20 mil por mês.

Agência Brasil


Comissão aprova projeto que torna permanente regra de reajuste do salário mínimo


A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados aprovou proposta que torna permanente a atual política de valorização do salário mínimo, válida até 2015. Pela regra em vigor, o reajuste é definido pela inflação do ano anterior mais o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos anteriores.

O texto aprovado é o Projeto de Lei 7185/14, apresentado pelo deputado Roberto Santiago (PSD-SP).

O relator na comissão, deputado André Figueiredo (PDT-CE), acrescentou um dispositivo para estender as mesmas regras de reajuste do salário mínimo aos que recebem aposentadorias mais altas.

Atualmente, o aposentado com benefício de até um salário mínimo tem reajuste segundo as mesmas regras dos demais trabalhadores. Já as aposentadorias acima de um salário são reajustadas apenas com a correção do ano anterior, provocando perdas em termos reais.

“Só para se ter uma ideia do comparativo, em 2003, o teto das aposentadorias era de R$ 1.508, o que equivalia a 10,45 salários mínimos. Agora, em 2014, o teto é de R$ 4.159, o que equivale a 6,13 salários mínimos. É um achatamento extremamente injusto com os aposentados no Brasil”, disse André Figueiredo


28 abril 2014

Exame de rotina - Por: Emerson Monteiro


Os filhos cresceram e logo bateram asas para cuidar da sorte, da fama e da riqueza rumo das cidades maiores noutras brenhas menos abandonadas. Acostumados aos matos do sítio, eles dois permaneceram curtindo a saudade madrugadeira e saberes das distantes pela televisão da sala rústica na velha casa vazia. Conforto nunca faltara, o mesmo que não diziam das chuvas. Porém as beiras d’água dos riachos alimentavam com fruta molhada de cacimba e de aragens as tardes do nascente.

Nisso, o tempo correu célere de sempre acontecer.

Lá no aniversário dos oitenta anos do pai, a filharada resolveu marcar encontro na terrinha amiga em que nascera. De todas as procedências, vieram cercados de novas famílias; maridos, mulheres, filhos, namoradas, amigos; um festival de animação na forma da família de novo reunida.

Numa surpresa, invadiram dos velhos a privacidade. Montaram barracas nos quintais. Armaram redes nos oitões. Lotaram casas de parentes e vizinhos. Rezaram missa. Cantaram, zoadaram bastante, multidões de felicidades. As cajaraneiras do recanto retirado nunca acolheram tanto menino a subir pelos galhos e tirar frutos de vez, na safra de fevereiro.

Baixada a poeira do programa inesquecível, os visitantes ainda de férias resolveram permanecer mais alguns dias. Preocupava-os demorados períodos ausentes, e filho pensa na saúde dos pais, vadios brejeiros de médicos e refratários a ambulatórios, desde nunca imaginar coisa o pior, mania de antigamente quando nem se falava em exame.

Sob qual aspecto, orquestraram jeito bom de levar os dois octogenários à cidade, a passeio e compras, diversões, cinema, visitas e, de quebra, entrar numa clínica e providenciar acompanhamentos mais do que necessários na idade avançada, ainda que nenhum sintoma inspirasse cuidado além das apreensões da vida longa.

Eis, portanto, a fase preparatória do que ocorreria poucos dias depois das festivas comemorações.

Consultas marcadas, ele, o pai, e junto a esposa querida se apresentaram ao clínico, ambos tímidos, desconfiados. Um pé na frente, o outro, atrás. Seguro no braço da companheira, sem ação também desvanecida, olhando de lado, por saber dos motivos da visita àquele canto granfino.

Ciente dos planos, o doutor trabalhava o quanto conseguia no sentido de auscultar os sertanejos, austeridades em pessoa. Pegar pulso, medir pressão, temperatura... E o homem cabreiro de não querer a menor palestra, nem ao menos em respeito à filha sorridente, animada, amiga do médico, ex-colega de escola primária...

Porém a prática haveria de fixar suas bases de procedimentos, rompendo a formalidade. Diante daquilo tudo, o médico indagou com espontaneidade:

- Mas diga o que o senhor sente mesmo, seu Astrogildo?

Sem pretender levar longe mais meia braça do drama que já embaraçava a todos, extenso e fora de propósito, alto e bom som, o paciente rebateu o facultativo:

- Quer saber de sinceridade, doutor? O que eu sinto muito é fome! Tá chegando a hora do almoço e quero ir pra casa. E estamos conversados – com isso arredondou de vez as cogitações do médico em pedir qualquer exame daquele paciente.

Nota: História ouvida de Henrique Costa.

As ligações de São João Paulo II com o Cariri

Reportagem e fotos  – Luiz   Palmeira
(Postagem original: Blog Portal de Juazeiro)

 O agora santo São João Paulo II teve ligações importantes com o Ceará, Pernambuco e o Cariri: Primeiro, em 1979, recebendo em audiência dois bispos cearenses, depois, em 1980, quando veio para o X Congresso Eucarístico Nacional em Fortaleza e foi homenageado no estádio Castelão por dois artistas ilustres – Luiz Gonzaga, Rei do Baião e Pernambucano do Século e Pedro Bandeira de Caldas, o paraibano adotado por Juazeiro do Norte e ainda hoje considerado o “ Príncipe dos Poetas Populares".
Pouco tempo depois de assumir o pontificado, João Paulo II convocou sacerdotes  recém-eleitos bispos da Igreja Católica,  para cerimônia solene da sagração episdcopal,  no Vaticano. Entre eles estava o cearense de Acopiara, Dom Newton Holanda Gurgel, que se tornou bispo naquela data especial – 27 de Maio de 1979.
O bispo diocesano de Crato à época era Dom Vicente de Paulo Araújo Matos, que também esteve presente a esse evento no Vaticano. Com a sagração, Dom Newton Holanda tornou-se bispo-auxiliar da Diocese de Crato. Com o Falecimento de Dom Vicente em 6 de dezembro de 1998, Dom Newton já era o novo bispo diocesano de Crato, pois tinha assumido essa função em. 9 de janeiro de 1994, vindo a renunciar ao múnus episcopal em 2001, quando a Santa Sé nomeou Dom Fernando Panico. Desde a saída da função de Bispo de Crato, Dom Newton mantém uma vida discreta como bispo emérito .
Daquela viagem histórica ao Vaticano para encontro com o Papa João Paulo II , Dom Newton, hoje com 90 anos, residende  no bairro São Miguel em Crato, guarda com carinho especial as fotos que recebeu como presente da cúria romana .
Internado no Hospital São Francisco de Assis, para tratamento de pneumonia, ele pouco fala, mas recebe com atenção cordial muitos católicos e sacerdotes, sejam de Crato ou de qualquer cidade da região do Cariri, da qual foi bispo diocesano durante 8 anos.  Seguindo orientação médica ele não grava entrevistas e nem sabia que o Papa que o sagrou bispo em Roma agora foi elevado aos altares como Santo.
“Desculpe-me, não posso falar muito, pois tenho que obedecer a orientação médica”, disse ele com o semblante cansado de quem luta pela recuperação da saúde.  O repórter lembra do seu encontro com o Papa João Paulo II em Roma e pergunta como ele vê a canonização deste domingo, 27 de abril de 2014, um mês antes das comemorações de 35 anos de sua sagração episcopal, acontecida em 27 de maio de 1979. “Foi um dia inesquecível, um dia abençoado para todos nós. O papa sempre foi muito gentil. Vamos louvar a Deus por estas canonizações”, finalizou Dom Newton,  pedindo orações por ele e pela Diocese, que em outubro próximo festeja  o Centenário de criação.
 Católicos comemoram    
 Quando o mundo celebra o que chamaram de "Dia dos 4 Papas", padres e  católicos de Juazeiro do Norte, Crato e da região do Cariri comemoram, com muitas orações, desde cedo, em várias missas que reuniram grande número de fiéis , empolgados com a decisão do Papa Francisco, que pouco a pouco amplia ações da igreja em todo o mundo.
  Diocese recebeu relíquia do Vaticano
  A Diocese de Crato foi uma das poucas do Brasil contempladas com uma relíquia doada pelo Vaticano e que contém --  na peça folheada a ouro --  uma gota de sangue do saudoso João Paulo II, que agora será chamado de São João Paulo II.  Com exclusividade para o "Portal de Juazeiro" o relicário com o sangue do novo santo da Igreja Católica  foi apresentado pelo padre Edmilson Neves Ferreira, Cura da Catedral de Nossa Senhora da Penha,  durante entrevista na residência paroquial, localizada na Praça da Sé, em Crato. A "teca" (peça que guarda uma relíquia) também foi apresentada aos fiéis na missa dominical desta tarde, na Igreja-Catedral de Nossa Senhora da Penha.
 Homenagem
 Entre as homenagens a João Paulo II,  na cidade de Juazeiro do Norte, um destaque para a Biblioteca da Faculdade Paraíso que leva o nome do novo santo da Igreja Católica.


Só leva a lei da Vantagem - por Pedro Esmeraldo

Conforme se observa: desde o inicio da era milagreira do outro município caririense houve mudança de comportamento ético-religioso na região do cariri.
    Indicou seu procedimento em faixa de terreno movediço contra a cidade do Crato.
    Foi injustiçada com a sedição de Juazeiro no ano de 1914, já que dilacerou esta cidade com assaltos nas residências, deixando a população empobrecida. Por essa razão, Crato não tinha nada a ver com isto porque a luta era deles.
    Com o seu comportamento inconsequente que foi traçada em negrito, porque o povo cratense se afastou para o outro lado da linha de encontro amigável. A fim de evitar as peripécias desse povo, foi preciso ir ao ponto de convergência com a base fundamental da religião apregoada por Cristo. Afastou também o nosso principio ético para o lado da discórdia. O cratense então ficou atônito, permaneceu no comportamento de sensibilidade, procurar descartar do ambiente piegas, para evitar os incêndios feitos pela massa ignara dessa localidade. Afastou-se dos princípios sombrios e preferiu permanecer na doutrina para servir com gratidão e a confiança depositada em Deus.
    Conduziu esse povo pelo caminho espinhento das estradas sinuosas da região, transformando esse processo em sentimento ridículo, comandado por pessoas excessivamente apaixonadas.
    Seguiram faixa de terreno sem observar as ocorrências em negritos, com destino a posição incorreta.  Adotaram ultimamente alguns membros influenciados com pré-disposição de dizer não a sinceridade, a honestidade e união regional.
    Quando houve a movimentação separatista do distrito já que tinha tendência de querer ser grande (megalomaníaco), antes do tempo, transformou o cidadão comum (dessa localidade), em pessoas contrarias ao desenvolvimento deste município, fomentando com ódio e rancor a esta cidade.
    Originou-se uma revolta em não querer pagar os impostos. Revoltados não obedeciam às normas adotadas pela prefeitura cratense. Mesmo assim, foram lutando com afinco, até quando o governador do estado do Ceará sancionou a lei de independência desse município em 22/07/1911. Era o único desejo desse povo desmembrar esse município da cidade do Crato.
    Depois dessa conquista continuou às turras com o Crato. Através de fanatismo foram lutando, lutando até conseguir recurso suficiente para elevar-se a sua cidade em proporções gigantescas.  As vezes, utilizavam a mentira e a calúnia contra o município do Crato.
    Houve época que os maiorais do Juazeiro e quiseram impedir a vinda da estrada de ferro chegar ao Crato. Só com o aval do Ministro Francisco Sá, foi determinado à vinda da estrada de ferro até o município de Crato. Por essa razão, o povo do Crato contemplando-o com o nome da Praça da Estação de Francisco Sá em homenagem a esse grande vibrador defensor do Crato.
    Afirmamos que no ano de 1914, com e sedição de Juazeiro queria derrubar o Governo do Ceara o seus maiorais acharam de invadir o Crato, saqueando e destruindo com assalto às casas provocando o desdoiro no seio da população. Como o Crato era cidade líder da região desencadeou dois movimentos revolucionários com a Revolução Republicana de 1817 e a Confederação do Equador, Crato tornou-se a cidade mais apresentável do cariri. Conseguiu a liberdade da província, não só para si, mas para os estados do Piauí e Maranhão. Tem-se como impressão que houve deslocamento de corpo, acompanhado pela inveja e a mania de grandeza.
    Agora, permanece no descontentamento do povo cratense, já que os seus políticos intrigantes e ameaçadores do patrimônio alheio veem querer arrebatar as terras do Crato que serão as mais valorizadas na atual conjuntura e que nos deixam completamente revoltados pela atitude indiscreta e usurpadora desses políticos maldosos.

CRATO HOJE - Estradas dos distritos em estado lastimável e sem perspectivas de melhora



Na foto acima: O ativista Samuel Siebra mostra a situação das estradas dos distritos do Crato. Os condutores de veículos precisam prestar muita atenção para não serem literalmente "engolidos" pelas crateras.

Estradas intransitáveis e nenhuma esperança de melhora, infelizmente é o que vemos na cidade do Crato hoje, onde pouco ou nada está sendo feito para resolver os problemas graves porque atravessa o município há anos. Com as últimas chuvas, o problema se agravou e alguns locais estão quase ilhados, conforme mostra esta incrível foto feita pelo colaborador Samuel Siebra. Que vergonha para o Crato, e que vergonha para aqueles que se colocaram como "O Fenômeno" que viria para "salvar" o Crato. De fenômeno nós já vimos que não existe nada. Não existem milagres. O que deveria existir seria trabalho e investimentos, enquanto a realidade mostra outra coisa. A cidade amarga em meio ao caos de uma das piores administrações que o Crato já têve, e não estou exagerando. Perguntemos à própria população, pois a revolta das pessoas e o comentário é quase unânime pelas ruas e praças do Crato. 


Crato - Meteorologia - Previsão do tempo para hoje, 28 de Abril de 2014


Bom dia, Crato!


Hoje, segunda-feira, dia 28 de Abril de 2014, segundo a meteorologia, será um dia de aumento de núvens pela manhã, com "direito" a pancadas de chuva à tarde e à noite. Mas será que isso realmente irá acontecer ? Postamos aqui no Blog do Crato a previsão dos últimos dias. De toda aquela "publicidade" das chuvas, é verdade, choveu, mas pouco em relação ao esperado. Quase toda madrugada vê-se pequeno chuvisco, mas nada de tão marcante. Vamos ficar atentos e torcer para que estas previsões se realizem. Aliás, quero aproveitar o espaço para desejar uma boa semana a todos os Cratenses, amigos, e principalmente aos leitores do Blog do Crato.

Segunda-Feira, 28/04 
Nascer do sol:05h39Pôr do sol:17h31
Temperaturas: Max 33º e Min 22º
Ventos a SSE  a 16km/h
Umidade Relativa do Ar: 96% e mínima de 76%
Índice UV: Extremo

Fontes: Goes 13 e INPE
www.blogdocrato.com
Desde 2005 registrando todo dia a História do Crato para a posteridade


Atenção ! - Concurso - Últimos dias de inscrição para 216 vagas da PRF


Prazo para concorrer a agente administrativo vai até 30 de abril. Organização está a cargo da empresa Funcab
  
No Ceará estão sendo ofertadas três oportunidades. Provas também serão aplicadas em Fortaleza .Vão até esta quarta-feira (30) as inscrições do concurso da Polícia Rodoviária Federal (PFR) que abriu 216 vagas na função de agente administrativo, classe A, padrão I, sendo 5% delas para pessoas com deficiência. O cargo exige nível médio completo e oferece salário de R$ 2.043,17, além da gratificação por desempenho (GDATPRF), que varia de R$ 1.521,60 a R$ 1.902. Haverá, também, o auxílio-alimentação de R$ 373. Sendo assim, a remuneração inicial poderá chegar a R$ 4.318,17. A jornada é de 40 horas semanais.

As oportunidades estão distribuídas entre os Estados do Ceará (3), Goiás (7), Mato Grosso (9), Mato Grosso do Sul (15), Minas Gerais (17), Rio de Janeiro (1), São Paulo (10), Paraná (18), Santa Catarina (19), Rio Grande do Sul (25), Bahia (18), Pernambuco (12), Espírito Santo (3), Alagoas (3), Paraíba (4), Rio Grande do Norte (3), Piauí (10), Maranhão (5), Pará (6), Sergipe (4), Rondônia/Acre (3), Tocantins (4), Amapá (3), Amazonas (3), Roraima (3) e Distrito Federal (3).

As participação pode ser confirmada pelo site da organizadora do processo seletivo, a Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab): www.Funcab.Org. A taxa de participação custa R$ 60. Candidatos listados no CadÚnico que componham família de baixa renda podem pedir a isenção do pagamento também até o dia 30.

Os candidatos serão submetidos a uma prova objetiva com perguntas sobre conhecimentos básicos (língua portuguesa; ética e conduta pública; e raciocínio lógico) e conhecimentos específicos (noções de direito constitucional; direito administrativo; administração; arquivologia; informática; e legislação relativa à PRF). O teste contará com 60 perguntas e será aplicado no dia 25 de maio. Em seguida, os aprovados passarão por investigação social e/ou funcional - os documentos referentes a esta etapa deverão ser entregues em 16 de junho.

O resultado provisório da perícia médica e da investigação social sairá no dia 23 de julho. Já o resultado final da seleção está previsto para 30 de maio.

Fonte: DN


Vale a pena ver - Prédios do Minha Casa no Rio terão que ser demolidos


Dois prédios de um conjunto habitacional do programa Minha Casa Minha Vida em Niterói, no Rio de Janeiro, que ainda não foram entregues, estão com graves problemas estruturais e terão de ser demolidos e posteriormente reconstruídos. A confirmação foi feita nesta quinta-feira, pela Caixa Econômica Federal.

O conjunto habitacional Zilda Arns II, com nove blocos e 371 unidades habitacionais, é destinado a pessoas desabrigadas e que vivem em áreas de risco na cidade, segundo a prefeitura de Niterói. Entre elas, estão sobreviventes dos deslizamentos de terra do Morro do Bumba em 2010. Essas famílias estão abrigadas no 3º Batalhão de Infantaria em São Gonçalo (RJ) há mais de dois anos, aguardando a conclusão das obras.

Os dois blocos condenados têm 40 unidades habitacionais cada. O valor total contratado para o empreendimento Zilda Arns II é de quase R$ 21,9 milhões. Do montante, foram liberados perto de R$ 19 milhões e o índice de conclusão da obra é de 88,68%.

A Caixa, responsável por repassar os recursos para o empreendimento, diz ainda não ter prazo para a reconstrução dos dois blocos. Por meio de sua assessoria de imprensa, o banco afirmou que aguarda conclusão de laudos técnicos para informar a situação de segurança dos outros sete blocos do conjunto Zilda Arns II. Para o conjunto Zilda Arns I, de 83 apartamentos, o prazo de entrega foi mantido para abril deste ano ( que no caso, já foi... )

Agência Estado



Procura o melhor Provedor de Internet do Crato ? - RVNET - Empresa testada e aprovada pelo Blog do Crato


Empresa de Internet Testada e Aprovada com nosso Selo de Qualidade


No Blog do Crato nós membros, temos uma filosofia, que é só fazer parcerias com empresas e poder recomendar ao público, se o produto for realmente bom. Se a gente puder testar e se passar pelo nosso rígido "selo de qualidade". Após muitos anos usando o VELOX da OI como nosa fonte de acesso à internet, já estamos utilizando todo o sistema da Rede Chapada do Araripe de Comunicações que inclui os Sites Blog do Crato, Chapada do Araripe, WebRadio Chapada, e WebTV serão transmitidos através da empresa RVNET. 

Como usuário por mais de uma década do Velox, e tendo sido cliente de outras empresas de internet sem fio da região, posso assegurar a todos os nossos leitores que o produto vendido pela RVNet é de primeiríssima qualidade. Com uma equipe de profissionais da mais alta qualidade, com conhecimento, educação, e treinados para servir bem aos clientes, a RVNET veio para ficar. Além de tudo, é uma empresa que investe em seu produto. Basta dizer que ela está implantando em Juazeiro do Norte até o fim deste mês um link de 1 Gbit para servir melhor ainda, e passando fibra ótica por várias cidades do sul do Ceará, além de atender também a região de Iguatu. 

Operando na faixa de 5.8Ghz, o que garante a verdadeira experiência da internet sem fios sem problemas de conexão, como ocorre com muitos provedores supercongestionados do cariri, na RVNET sua conexão é como sempre deveria ter sido: Estável, com velocidades reais de acesso, e sem problemas de quedas. 

Portanto, ao contratar o seu próximo provedor de Internet, escolha com o melhor. Fique com a RVNET. E se ela passou por todo o nosso clássico perfeccionismo, é porque podemos atestar a sua qualidade. Não recomendaríamos jamais aos nossos clientes e amigos se fosse diferente.

Mas não acredite apenas em nossa palavra: Contrate a RVNet e não se contente com menos.



www.blogdocrato.com
Saiba mais acessando a página: 


Cidades onde houve primeiras chuvas já têm safra superior a 2013, em 80%


No Cariri, cerca de 25 mil agricultores foram beneficiados com a distribuição de quase 1,4 milhão de toneladas de sementes de feijão caupi, milho híbrido, milho variedade, arroz, sorgo forrageiro e mamona

Crato. As chuvas caídas durante os meses de fevereiro e março trouxeram muito mais do que a renovação da esperança junto aos produtores rurais deste e de outros municípios que compõem a região do Cariri. Com a continuidade das precipitações no período, a produtividade agrícola conseguiu se manter e, para este ano, a colheita deve superar em até 80% os resultados obtidos pelos produtores rurais no mesmo período do ano passado.

Em vários municípios do Cariri, os produtores já deram início à colheita do feijão. Em algumas localidades é possível, ainda, perceber que algumas espigas de milho verde também estão sendo colhidas. Os agricultores esperam, até o final do mês de setembro, ter obtido um resultado satisfatório em relação à produção dos aos gêneros plantados na safra deste ano. Na maioria das cidades, o plantio ainda é de sequeiro e, portanto, a produção de arroz, feijão e milho ainda é predominante.

Em algumas localidades da região, no entanto, já é possível perceber o plantio de novos gêneros, como o amendoim e o abacaxi, por exemplo. A aposta de quem se aventura no plantio destes novos produtos se dá a partir da assistência técnica recebida, através da colaboração de técnicos agrícolas ligados à Empresa de Assistência Técnica de Extensão Rural do Ceará (Ematerce) e pela lucratividade que pode ser obtida com os novos plantios. Uma safra de abacaxi, por exemplo, pode gerar até 60% de lucro ao produtor rural, segundo cálculos apresentados por técnicos da Ematerce.

Aposta

No sítio Jenipapeiro, na zona rural de Crato, produtores que residem no condomínio rural da comunidade decidiram apostar no plantio do milho e feijão e, também, na produção de novas culturas neste ano. O agricultor Francisco Laurentino, que trabalha na lavoura desde muito pequeno, quando acompanhava o pai no trabalho diário da lavoura, já está colhendo os resultados da plantação iniciada no começo das primeiras chuvas.

O feijão, embora plantado em curto espaço de terra, já lhe rende o suficiente para a alimentação da família até o final do ano e, ainda, para a comercialização de dois ou três sacos de 60 quilos. O agricultor também espera obter bons resultados durante a colheita do milho também plantado para a safra deste ano.

"Eu plantei pouco feijão neste ano porque investi bastante no plantio de abacaxi. Também tenho milho plantado e, se for como o feijão que rendeu muito, a produção também deve ser muito boa", avaliou o produtor. Francisco Laurentino afirma que toda a boa expectativa em torno da colheita deste ano se dá por causa das chuvas relativas aos primeiros meses do ano. "A chuva foi boa por demais. Não faltou água pra produção e, diferentemente do que aconteceu em 2013, quando a maioria do plantio foi perdida por causa da seca, a colheita vai ser rica", observou.

O produtor rural que espera iniciar a colheita do milho a partir do mês de julho informou, ainda, que na safra deste ano também não houve incidência de pragas na lavoura. "Acho que por causa da boa quantidade de chuvas a lagarta não conseguiu segurar a folha do feijão. Quase não houve praga na lavoura", comemorou.

A colheita da produção de Cícero Gonçalves de Souza, que mora na localidade de Poço da Mata, também na zona rural do município de Crato, também já está sendo realizada. O feijão do tipo caupi deve render ao agricultor algum lucro, além do milho plantado cujo as bonecas já começaram a florar. "O feijão a gente planta mais para o consumo próprio. Mas, sempre que sobra um pouquinho a mais a gente vende alguns sacos. O milho é que dá um rendimento maior e, se Deus quiser, nesse ano vai ser melhor afirma.

Fonte: DN


Uma fagulha de esperança para o Crato - Primeiro Fórum de debates é realizado na URCA


Sociedade se mobiliza para discutir os problemas do Crato

O Fórum se destina a debater os problemas e soluções para a cidade do Crato. É aberto a todos os cratenses. A primeira reunião foi realizada na URCA, Universidade Regional do Cariri, no último sábado, dia 26 de Abril, e outras virão.




Fotos: Tacinha Anastácio


Crato - A situação em "Sertãozinho" é complicada. Cadê a administração ?


Ô deusa da minha rua...Crato padece !






"A coleta do lixo acontece apenas uma vez por semana, e quando vem, não consegue se locomover por causa do mau estado das estradas .... vamos ver se olha para nós Prefeito Ronaldo Gomes de Matos! A população do bairro Franco Alencar "sertãozinho' apela, deixando o recado que depois da EXPOCRATO termina o prazo sucedido pelo mesmo."

Por: Vania Brito


‘A casa não pode cair’, - ou "O que muda, caso o PT deixe o poder" - Por J. R. Guzzo



“Projeto do PT”? Que diabo seria isso? Nada mais simples: o projeto do PT é não ter projeto nenhum. Em vez de trabalhar para construir um Brasil mais justo, confortável e promissor para os brasileiros, todo o esforço do partido se concentra em não largar o osso do governo. Não se trata de desejo: é necessidade. O que muda, se saírem, não é nada que tenha a ver com ideias, princípios ou valores; o que muda, no duro, é a sua vida material. Vão-se embora os 20.000 altos empregos que têm no governo federal. Vão-se embora as oportunidades ilimitadas de negócios com o poder público. Vão-se embora as Pasadenas, os mensalões, a compra de certas empresas de videogames por empreiteiras de obras, na base dos 10 milhões de reais. Ficam as fortunas criadas nos porões da Petrobras. Ficam as rosemarys, os youssefs e milhares de outros como eles. Ficam o caviar de Roseana Sarney, os jatinhos, os planos médicos milionários. Ficam as diárias de hotel a 8 000 euros. Fica um STF obediente. Mais que tudo, fica garantida a impunidade."

Por: J.R.Guzzo


Lula dá entrevista indecorosa sobre mensalão em Portugal


Na TV portuguesa, ex-presidente desqualifica o trabalho do Judiciário brasileiro e afirma que presos do mensalão 'não são gente de sua confiança’

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva parece ser adepto da máxima "uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade”. Em entrevista indecorosa à TV portuguesa RTP, publicada neste domingo no site da emissora, Lula — a quem caberia  defender no exterior as instituições brasileiras, fosse ele estadista e não chefe de partido — desqualificou o trabalho do Supremo Tribunal Federal e afirmou que as condenações do julgamento do mensalão foram, em sua maioria, políticas e não jurídicas.

"O que eu acho é que não houve mensalão. Eu também não vou ficar discutindo a decisão da Suprema Corte. Eu só acho que essa história vai ser recontada. É apenas uma questão de tempo, e essa história vai ser recontada para saber o que aconteceu na verdade", afirmou o ex-presidente. "O tempo vai se encarregar de provar que no mensalão você teve praticamente 80% de decisão política e 20% de decisão jurídica."

Àquilo que Lula "acha" se contrapõem as provas das 5 000 páginas dos autos do mensalão. São documentos, perícias e testemunhos que demonstram que em seu governo instituiu-se um grande esquema de compra de apoio parlamentar. Num tribunal formado majoritariamente por ministros indicados pelo próprio Lula e por sua sucessora, Dilma Rousseff, as evidências foram tidas como suficientes para mandar para a cadeia algumas figuras centrais de seu partido — mesmo depois de esgotadas todas as instâncias de recurso previstas pela legislação. 

O ex-presidente, aliás, tratou de se dissociar, de maneira desleal, dos mensaleiros que o ajudaram a fundar o Partido dos Trabalhadores, nos anos 1980, e a conquistar o mais alto posto da República, em 2002. Ele afirmou que embora haja "companheiros do PT presos, não se trata de gente da sua confiança".

Leia também: De dentro da cadeia, Dirceu reclama de Lula 

Um desses companheiros é José Dirceu, que chefiou a primeira campanha eleitoral de Lula e depois, no primeiro ano de seu mandato, exerceu o cargo de ministro-chefe da Casa Civil. Dirceu foi condenado a 7 anos e 11 meses de prisão e passa seus dias atualmente no presídio da Papuda, em Brasília. Outro companheiro é José Genoíno, igualmente fundador do PT. Ele ocupou a presidência do partido entre 2002 e 2005 — a era do mensalão, e um momento em que Lula exercia hegemonia absoluta sobre as engrenagens do PT. 

Veja


26 abril 2014

TESTES PARA ELENCO DE ESPETÁCULO


MONÓLOGOS DAS FLORES VIOLADAS
Drama de Cacá Araújo baseado em fatos reais.

1. Sinopse:

Antônia, Isabel, Alice e Cecília são parte de um universo atormentado e agonizante. Suas histórias são traços da realidade e a elas é imposto o trágico destino de viver à margem da dignidade.

É denso e atormentado o percurso psicológico das personagens: ouvem e repetem vozes e ações, sentem e repelem as agressões e os odores da violência. É a vida que se arrasta ferindo e manchando a inocência... É a morte que, mesmo vindo cedo, demorou demais.

2. Proposta do espetáculo:

A peça, escrita em 2008, foi baseada em fatos reais descritos na série de reportagens intitulada DOCUMENTO BR – HISTÓRIAS DE EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES NAS RODOVIAS FEDERAIS, publicada pelo jornal O POVO, Fortaleza-CE, em 17 de dezembro de 2006.

Sua encenação enveredará pelo naturalismo e se propõe ser uma denúncia que, pelo choque, inspire a reflexão, ações educativas e o funcionamento da justiça.

3. Inscrições:

3.1. As atrizes poderão se inscrever através do endereço eletrônico cacaraujo66@yahoo.com.br ou por meio de mensagem privada aqui nesta página do Facebook, no período de 26 de abril a 10 de maio de 2014. 
3.2. Para efetivar a inscrição, deve-se encaminhar uma breve comunicação contendo: a) nome completo, nome artístico, data de nascimento, endereços (físico e eletrônico), contatos telefônicos, e currículo resumido (até 10 linhas). 

4. Seleção:

4.1. Os testes serão realizados nos dias 17 (sábado) e 18 (domingo) de maio de 2014.
4.2. Feita a inscrição, cada atriz receberá, por via eletrônica, orientações contendo data específica, hora e local, além de textos-base para a composição de uma cena com duração de 3 a 5 minutos.
4.3. Serão selecionadas 04 (quatro) atrizes, que comporão o elenco do espetáculo "Monólogos as flores violadas", com dramaturgia e direção de Cacá Araújo.

Crato-CE, 26 de abril do ano 2014.


Cacá Araújo
Diretor da Cia. Brasileira de Teatro Brincante

+ Informações:
(88) 8801.0897 
(88) 9921.7140 

Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30