18 fevereiro 2014

Jornal do Cariri destaca Câmara Municipal do Crato mais uma vez


Câmara Municipal do Crato afunda cada vez mais


Quando a sociedade do Crato acredita que a lama atingiu o patamar máximo na Câmara de Vereadores,  vem a surpresa: um novo escândalo estoura. Isso tem se repetido semana após semana. E a democracia perde. A mais nova denúncia foi feita pelo vereador Jales Veloso, que acusa a gestão passada da Mesa Diretora da Câmara do Crato de ter desviado mais de R$ 2 milhões. Cobra a instalação de uma CPI para investigar esse desvio e quem se locupletou. Há suspeitas sobre vários vereadores beneficiados. Ocorre que Jales não é apenas denunciante, também é denunciado. Sofre a acusação de ter se beneficiado indevidamente do pagamento de diárias rurais, que foram criadas pela Câmara há anos atrás para os vereadores supostamente residentes em distritos longe da sede. O parlamentar afirma estar aberto também  uma investigação sobre suas diárias. 

Moralização que se impõe já 

Não precisa ser inteligente ou esperto demais para saber que na maioria das câmaras municipais brasileiras os seus presidentes usaram como método de dividir o dinheiro que sobrava do duodécimo repassado pelas prefeituras o pagamento indevido de diárias aos vereadores. A Câmara do Crato está com sua imagem suja. Cinco vereadores afastados pela Justiça e mais quatro sob ameaça. Agora, vem a denúncia do desvio de R$ 2 milhões e o caso das diárias. O Ministério Público precisa abrir apuração sobre os dois  escândalos. Porém, antes disso ocorrer, o atual presidente Luiz Carlos pode mostrar um gesto de boa vontade: extinguir imediatamente o pagamento dessas diárias rurais. Está claro que esses pagamentos podem ser legais, mas são imorais.

Fonte: Jornal do Cariri - Coluna Donizete Arruda


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.