xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 04/10/2013 | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

04 outubro 2013

VÍDEO - Programa FATOS em FOCO - Entrevista com o Vereador Bebeto Anastácio

Para evitar ouvir 2 sons ao mesmo tempo, pare o player da Rádio Chapada do Araripe, na entrada do Blog, no canto superior direito.


O programa Fatos em Foco desta semana entrevista o vereador Cratense Bebeto Anastácio. O vereador tem se tornado uma figura de destaque na cidade, por pertencer à base aliada do prefeito, e haver comprado muita briga com os colegas, por fazer severas críticas ao governo municipal e à própria câmara de vereadores. Numa de suas últimas entrevistas, declarou que a câmara municipal do Crato está entregue às baratas e que esta se comporta como uma extensão do poder executivo. A entrevista de meia-hora de duração à Web TV Chapada do Araripe e ao repórter Ed Alencar, foi realizada nesta semana, nas dependências da Câmara Municipal do Crato.
Por: Dihelson Mendonça
Reportagem: Ed Alencar
Web TV Chapada do Araripe
www.tvchapadadoararipe.com

Crise D’água na sede Ponta da Serra - Por: Antonio Correia Lima


A população da sede de Ponta da Serra apreensiva quanto à possibilidade do retorno do mesmo dilema do final de 2012 e início de 2013, quando ocorreu uma das maiores crises no seu abastecimento de água.

A população do Bairro Barreirinho, o que mais sofre com a falta do precioso líquido está em colisão depois que a Saaec instalou uma Caixa d’água de cinco mil litros num certo ponto deste bairro para atender as necessidades dos moradores. Para os que moram ao lado deste local a idéia é boa, mas para quem mora mais distante o ideal é manter o carro pipa que já vem atendendo nesses dois meses rua por rua. Para outros o ideal é que a Saaec mantenha os dois sistemas.

Há também a preocupação que essas medidas temporárias prolonguem ainda mais a solução definitiva para esse problema que vem se arrastando de administração para administração.
Para a Direção da Saaec, esta é uma medida paliativa enquanto é liberado os recursos para uma solução definitiva, que seria a construção da Adutora que deverá transportar a água de um posso profundo já cavado no sítio Malhada com esse objetivo.



Coisas da República (Armando Rafael)

 Cédula do"cruzeiro" que circulou até 1967

Me engana que eu gosto 1

Ainda faltam 3 meses para 2014, ano de eleições presidenciais. Mas, pela 3ª vez consecutiva, as administrações petistas já  aparecem para anunciar “novas descobertas de petróleo” na área do pré-sal. A conferir: “Rio - Autoridades brasileiras pretendem anunciar a descoberta de uma gigantesca reserva de petróleo no mar, situada perto do Estado de Sergipe, nas próximas semanas, no que poderia ser a maior do país fora da grande região do "pré-sal", informou o governo estadual. O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, vai "anunciar oficialmente a descoberta" durante uma visita à capital do Estado, Aracaju, disse à Reuters um porta-voz do governador em exercício, Jackson Barreto, nesta quinta-feira”. (Cfe.”Estadão”)

Me engana que eu gosto 2

Pois é. No discurso feito na sede da ONU, dona Dilma Rousseff afirmou que “O Brasil não abriga terroristas” (Sic). Que o diga o terrorista italiano  Cesare Battisti. Depois de falsificar até o passaporte que lhe foi dado por Lula,  Battisti anunciou que seus advogados poderão entrar com dois novos recursos no Supremo Tribunal Federal–STF defendendo a inocência dele. Além de condenado por quatro assassinatos na Itália, Battisti está  agora ameaçado de expulsão do Brasil, pelo Superior Tribunal de Justiça–STJ,por ter falsificado o passaporte.  Depois de transitado em julgado, o Ministério da Justiça terá 15 dias para decidir se expulsa o meliante do País por fraude, caso resolva mesmo  cumprir o Estatuto do Estrangeiro. O que é dificil quando se trata de proteger bandidos.

Médicos cubanos ou
Cadê o respeito às leis?

A nota abaixo é de autoria de João Paulo Dias (e-mail: jpdiasjr@gmail.com) “A Câmara dos Deputados avançou sobre as competências dos Conselhos Regionais de Medicina (CRMs) com o argumento do atraso na validação dos diplomas. Vamos imaginar, então, se todas as instituições, empresas, prefeituras, governos, etc., fizessem o mesmo quando entendessem que o Congresso Nacional está sendo ausente ou incompetente. Respeito à lei e à ordem é o básico e nem isso os nossos políticos entendem”.

Que se lixem as leis...

A opinião é do médico Luiz Nusbaum ( e-mail: lnusbaum@uol.com.br) “ Bem-vindos à República Bolivariana do Brasil. Quando a vontade do Planalto é contrariada, basta emitir uma medida provisória (621), contrariar a lei (n.º 3.268, de 30/9/1957, que regulamentou as atribuições dos Conselhos Regionais de Medicina–CRMs), mesmo que se mudem as regras no meio do jogo, e pronto. O próprio Ministério da Saúde vai registrar os médicos estrangeiros. E quem vai fiscalizar?”

   

Vereador Bebeto Anastácio se filia ao PROS, partido do Governador Cid Gomes


Na última sexta-feira, o vereador Cratense Bebeto Anastácio se filiou ao PROS, o Partido Republicano da Ordem Social, deixando o seu antigo partido, o PTN. A legenda recém criada, já tem a sétima bancada da Câmara dos Deputados e faz parte dela o governador do Estado do Ceará, Cid Gomes. No último dia 03 de outubro, o PROS promoveu cerimônia para filiar 28 deputados. Dirigentes dizem que trabalharam por quatro anos para formalizar a sigla. O PROS ganha de uma vez só um governador (Cid Gomes), um vice governador (Domingos Filho), o prefeito de Fortaleza (Roberto Cláudio) e mais 37 prefeitos. Devem se filiar ainda o presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado José Albuquerque, oito deputados estaduais, cinco deputados federais, além de 287 vereadores e de lideranças municipais. Com esse número, o PROS deve se tornar o maior partido do Estado.

Saiba mais sobre o PROS

O plenário Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmou no último dia 24 de setembro, por cinco votos a dois, a criação do 31º partido político do país, o Partido Republicano da Ordem Social (PROS). Na semana anterior, a maioria do tribunal já havia se manifestado a favor do registro da legenda. Segundo informações do TSE, o PROS foi fundado em 4 de janeiro de 2010. O número de representação do partido em eleições será o 90. O partido foi criado em Planaltina de Goiás, cidade do entorno do Distrito Federal, pelo ex-vereador da cidade Eurípedes Júnior (ex-PSL).

Ouça o áudio:


Com informações do repórter Ed Alencar
Fontes adicionais: Site G1





Conversando sobre Política - Com Olímpio Arraes


Com quantos votos se elege um Deputado ?



"O sonho de ter deputado e a realidade do PPS no Ceará como um todo, estão cada vez mais distintos. O PPS é um partido fragilizado no nosso estado. Para vocês terem uma ideia, nas eleições de 2010 (para deputado estadual) o partido apresentou 10 (dez) candidatos, e o total de votos obtidos pelo PPS cearense foi de 13.180 (8.631 votos nominais + 4.549 votos de legenda). O candidato mais votado do PPS obteve 4.582 votos, e na coligação onde estava, o deputado eleito com o menor número de votos foi Leonardo Franklin do Partido Republicano (PR) com 30.521 votos.

No Crato a situação não é diferente, na eleição passada o PPS apresentou 3 candidatos a vereador e atingiu o total de 109 votos (92 votos nominais + 17 votos de legenda) mesmo com o seu principal expoente, Raimundo Filho, sendo candidato a vice prefeito.

Essa afirmação: “O PPS trabalha hoje com a possibilidade de eleger 4 deputados estaduais e 1 federal. Para a Assembleia Legislativa, a expectativa do partido é eleger representantes com cerca de 20.000 votos, o que torna a chapa do partido uma das mais competitivas do estado” é completamente sem fundamento. 

O Deputado eleito com menos votos (sorte grande) em 2010 foi do PTdoB numa coligação de 3 partidos que apresentaram 75 candidatos e apenas dois (um do PTN e outro do PTdoB) se elegeram, tendo o segundo mais votado 21.999 votos, ou seja, eleger com 20 mil votos não existe.
O quociente Eleitoral em 2010 foi 94.667 esta foi a quantidade de votos que um partido ou coligação precisou atingir para eleger 1 (um) candidato. Em 2014 esse quociente será ainda maior, apenas um pouco maior é verdade, devido ao aumento de duas vagas na assembleia estadual, mas calculo que ficará em torno de 95 mil votos.

Desse modo, com 95 mil votos para eleger um candidato, se considerarmos a votação do PPS em 2010 (todos os 10 candidatos e mais os votos de legenda) 13.180 votos, o nosso amigo Raimundo Filho poderia ter 100% dos votos do Crato (80 mil votos) e nem assim seria eleito pelo PPS porque não ia atingir o Quociente Eleitoral.

O quociente Eleitoral para eleger UM em 2014 será 95 mil votos (ou mais), então é matemática pura e simples, é quase uma progressão, 95 elege um, 180 dois, 260 (ou mais) três e mais de 360 mil votos para eleger 4, simples assim. E convenhamos, para se atingir 360 mil votos, haja voto meu amigo. A não ser que uma coisa atípica (um Ciro Gomes com 600 mil votos, um Enéas, um Tiririca com mais de um milhão de votos) arraste um bom número de parceiros de partido com votação inexpressiva, o NORMAL é uma votação sem surpresas. Em 2010 dos 437 candidatos a Dep Estadual no Ceará, apenas 2, isto mesmo, DOIS deles (Camilo Santana e Mauro Filho) obtiveram mais de 100 mil votos. Apenas 19 obtiveram acima de 50 mil votos, ou seja, juntar em um partido, candidatos com potencial de voto que superem os 360 mil é difícil e tendo estas pessoas (como 80% dos candidatos são) um potencial de 20 a 30 mil votos é impossível. Eleger-se deputado com 20 mil votos no Ceará (onde realizo meus estudos nessa área) é muito, mas muito difícil, improvável mesmo. 

Por: Olímpio Arraes
Softeria, o seu espaço de sabores e delícias 
Rua Santos Dumont 138 – loja 8B – Shopping Residence - Crato


Crato - 9 meses sem políticas de desenvolvimento para a cidade


Cadê a retórica da mudança ?


"Tá difícil. Passados 9 meses e ainda não temos uma política em forma de projeto pro futuro de nossa Crato. Não sabemos pra onde ele vai. Tudo circula no varejo. E o nosso futuro? Quais os projetos estruturantes e integrativos que possam ligar os pés-de-serra com a cidade? E os planos macro e micros em prazos estabelecidos? 

E a retórica de mudança, cadê? Por que não dialoga com a população que acreditou num raro fenômeno de transmutação? És o velho ou o novo travestido de enganação para essa velha cidade desmerecida? Que diabos és tu, ó infiel de toda a vontade de quase todos daqui? Por que fizeste isso com o consentimento de quase todos nós. Por que ? Inda resta tempo. Coragem e mãos a obra. Estamos, amados cratenses, dispostos a lhe ajudar. Custa dizer?"

Prof. José Nilton de Figueiredo
Grupo Filhos e Amigos do Crato no Facebook
www.blogdocrato.com

"Estelionato"?, "abaixo-assinado" de padres? vale tudo contra o Bispo!


(Postado por Armando Lopes Rafael)

Dentro do estrondo publicitário – orquestrado e organizado contra o bispo de Crato – foi divulgado (em milhares de boletins entregues nas ruas) que a Diocese de Crato teria praticado “estelionato”. E mais:  que existiria em circulação  um “abaixo assinado” de padres pedindo a saída do bispo da Diocese e outros quejandos. Sobre essas acusações, Dom Fernando Panico -- antes de viajar para Roma (onde será recebido pelo Papa Francisco na próxima 2ª feira, dia 7) --, concedeu entrevista, via-email, para um jornalista de Fortaleza, na qual declarou textualmente:

À direita, dom Fernando  quando recebeu a visita da Dra. Zilda Arns, esta falecida no terremoto do Haiti.                                                                                 

Repórter – Houve ocorrência de estelionato nas ações da Diocese?

 
Dom Fernando – A Diocese de Crato não praticou nenhuma fraude! Nos últimos doze anos, é verdade, foram vendidas 25 (vinte e cinco) casas do patrimônio diocesano. Não foram vendidos, “65” imóveis, ou mesmo “mais de 100”, ou até “52”, segundo a variação dos números que pululam por aí, ao gosto do acusador.  Por que essas casas foram vendidas? Ora, o patrimônio de uma diocese é um bem particular. Não é patrimônio público. Por algum motivo, ou outro – com a devida autorização do Conselho Econômico da Diocese – um bem pode ser vendido ou comprado. Dessas 25 casas, algumas foram vendidas porque os imóveis estavam deteriorados e não se conseguia mais alugá-los. Além do mais, o produto da venda de alguns imóveis foi utilizado na reforma e melhoria de outros bens. Considere-se, ademais, que 14 dessas casas – vendidas sem a notificação dos inquilinos para exercer o direito de preferência –, teve a transação anulada, por iniciativa da Cúria Diocesana, e já retornaram ao patrimônio da Diocese. O Cartório de Imóveis G. Lobo já efetivou a “recompra” desses imóveis. É informar-se lá para saber a veracidade dessa informação. 

O que aconteceu é que alguns inquilinos desses imóveis vendidos entraram com um processo alegando “estelionato” (não contra a Diocese, que é a parte envolvida na questão), mas contra a pessoa do Bispo, que “teria vendido as casas e continuava a receber o aluguel de alguns dos imóveis vendidos”. Não sabem (ou fingem não saber), que na venda os compradores dos imóveis concordaram em abrir mão – durante alguns meses – dos aluguéis, como forma de ajudar a Diocese de Crato em sua momentânea dificuldade financeira. Mas tudo isso já foi esclarecido à autoridade policial que conduz o inquérito que apura as denúncias feitas, cujo desfecho esperamos ocorrer nos próximos dias”.

Repórter – É verdade que existe um “abaixo-assinado” de padres pedindo sua remoção da Diocese de Crato?

Dom Fernando – Só soube disso através de um dos jornais que foi distribuído gratuitamente nas ruas e praças de Juazeiro do Norte e Crato. A verdade, porém, é que nunca existiu esse abaixo-assinado. Numa Diocese com mais de um milhão de habitantes, com 54 paróquias e 108 padres é natural que exista algum sacerdote descontente. Nenhum pai de uma grande família consegue agradar com unanimidade a todos os seus filhos. É natural que um ou outro filho se sinta preterido. Daí para passar à crítica é um passo!  Os nossos adversários vivem criando falsidades para tentar denegrir a imagem do bispo. Diante de tantas calúnias muitas vezes fico calado, acreditando que em breve a verdade aparecerá. A verdade é como o sol. Quando ele surge nenhuma força humana é capaz de impedir que sua luz brilhe e se espalhe. 

Repórter – A que o Sr. atribui toda essa perseguição?

Dom Fernando – Tudo começou quando a Diocese entrou legalmente na Justiça, em 2010, buscando recuperar uma grande faixa de terra que lhe foi usurpada, na cidade de Juazeiro do Norte. Essa questão é de domínio público no Cariri.  Interessante é que a pessoa física de Dom Fernando Panico não é parte nessa questão. Quem é parte no processo judicial é a Diocese de Crato. Mas, acharam que era mais   fácil enxovalhar e  macular a honra pessoal do bispo. É o que têm feito! Agora montaram uma campanha midiática, bem orquestrada e mantida por grupos interessados em confundir a consciência do nosso bom povo -- católico ou não -- intimidando a opinião pública ao fragor das calúnias e a veemência dos ataques.  No início do processo (e mesmo hoje), em muitas ocasiões, sofri calado essas injúrias. Algumas pessoas estranham porque -- algumas vezes -- fiquei calado ante tantas ignomínias. “Jesus autem tacebat”– Jesus também ficou calado! (cfr. Evangelho de Mateus, 26,63). Ora, se o próprio Jesus ficou em silêncio ante as falsas acusações que lhe eram assacadas, por que eu – pobre pecador – deveria ter um comportamento diferente diante das ofensas dos meus algozes? Espero na Providência e na Misericórdia do Senhor! Ele é Fiel e Santo. “A verdade vos libertará” (Evangelho de São João 8,32). E será gritada aos quatro ventos, pois é costume, é lei divina: A Verdade triunfará sobre a mentira.

Atendendo ao pedido feito abaixo:

Nacélio Nobre
Porque não se publica o nome do repórter e o nome do jornal?
Resposta: O repórter é Demitri Túlio. O jornal é "O POVO"

Como Fofoca, é bom - Briga de vizinhos pode tirar Facebook do ar no Brasil


Juiz determina suspensão da rede caso conteúdo considerado ofensivo não seja retirado do ar. Discussão começou com briga por causa de cachorro

O juiz Régis Rodrigues Bonvicino, da 1ª Vara Cível de São Paulo, determinou nesta quarta-feira que o Facebook retire do ar, no prazo de 48 horas, textos considerados ofensivos a um usuário sob pena de a rede ser retirada do ar no Brasil. O Facebook afirmou nesta quinta-feira, por meio de sua assessoria de imprensa, que "tem por política cumprir ordens judiciais para bloqueio de conteúdo desde que tenha a especificação do conteúdo considerado ilegal". Na prática, isso significa que o material só sairia do ar se a Justiça informasse o link em que está o conteúdo considerado ofensivo — o que não teria ocorrido até agora. A empresa não informou se já recorreu da decisão.

O episódio teve início em janeiro, quando a apresentadora de TV Luize Altenhofen afirmou em perfis no Twitter e Facebook que seu cachorro fora agredido pelo dentista Eudes Gondim Junior. Reportagem de VEJA São Paulo publicada naquele mês contou a história. Na versão de Gondim Junior, o cão de Luize invadira sua casa e, para defender-se, ele atacara o animal; Luiza disse que o ataque se dera sem razão aparente. Em abril, o dentista acionou a apresentadora na Justiça acusando-a de causar "danos irreparáveis". Os advogados da apresentadora afirmam que "os comentários ofensivos postados na mídia social que devem ser excluídos pelo Facebook por ordem judicial foram desferidos por usuários da rede que sensibilizaram-se com a história de agressão do seu animal de estimação" e que "Luize não possui nenhum vínculo com esses usuários".

No despacho desta quarta-feira, o juiz afirma que o Facebook deixou de cumprir ordem anterior para remover o conteúdo, datada de 8 de abril. Dois meses depois, o magistrado reiterou a determinação, mas a empresa garantiu que não tinha condições de realizar a ação por não gerenciar a infraestrutura do site — sob controle da empresa nos Estados Unidos e Irlanda.

De acordo com os documentos presentes no site do Tribunal de Justiça de São Paulo, Bonvicino considerou a atitude da companhia uma "afronta" à soberania nacional. "Ao desobedecer uma ordem judicial, (a empresa) afronta o sistema legal de todo um país. O Facebook não é um país soberano superior ao Brasil”, afirma.

Fonte: Site da revista VEJA



Queda de avião da Embraer deixa 14 mortos na Nigéria


Ao menos 14 pessoas morreram nesta quinta-feira na queda de um avião da Embraer pertencente a uma companhia aérea nigeriana com vinte pessoas a bordo, pouco depois de decolar do aeroporto de Lagos, anunciaram as autoridades. 

A aeronave tinha decolado às 09h30 (05h30 de Brasília) do aeroporto internacional Murtala       Mohammed, indicou o Ministério da Aviação em um comunicado. O avião, um EMB-120 Brasília, que tinha como destino a cidade de Akure, no estado de Ondo (sudoeste), caiu pouco depois de sua decolagem com "13 passageiros e sete membros da tripulação" a bordo, indicou à AFP o porta-voz do ministério, Joe Obi. 

"Os serviços de emergência encontraram seis sobreviventes e 14 mortos", anunciou depois a ministra da Aviação, Stella Oduah, em um outro comunicado. Um comunicado do Ministério da Aviação havia indicado anteriormente que o avião transportava 27 pessoas --20 passageiros e sete membros da tripulação. "O motor teve uma avaria na decolagem e ele(o avião) caiu e pegou fogo", explicou Supo Atobatele, porta-voz da Agência Nigeriana de Gestão do Espaço Aéreo.

O presidente Goodluck Jonathan "ordenou que uma investigação aprofundada sobre o acidente seja realizada por todas as agências relacionadas, com o objetivo de determinar as causas e tomar medidas complementares, se necessário", indicou nesta quinta-feira à noite a Presidência nigeriana em um comunicado. As autoridades nigerianas quase não costumam divulgar os resultados das investigações sobre os acidentes de avião no país.

O avião transportava o corpo de um ex-governador do Estado de Ondo, Olusegun Agagu, que deveria ser enterrado neste final de semana, indicou Obi. O setor aéreo nigeriano enfrenta uma crise, com o fechamento, no ano passado, da Air Nigeria devido a conflitos trabalhistas. Em razão dos atrasos frequentes e da má qualidade dos serviços nas linhas internas, várias companhias de charter surgiram, procuradas principalmente pelos líderes políticos e por empresários.

AFP via Yahoo



TSE barra o registro do partido de Marina Silva


A ex-senadora Marina Silva observa votação no TSE, que rejeitou a criação de seu partido, o Rede Sustentabilidade, …

Brasília - A maioria dos ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) votou contra a concessão de registro ao partido Rede Sustentabilidade, fundado pela ex-senadora Marina Silva. Os ministros entenderam que a legenda não conseguiu o número mínimo de 492 mil assinaturas de apoiadores exigido pela Justiça Eleitoral. Com a decisão, o partido não poderá participar das eleições do ano que vem. O prazo final para registro de partidos termina no sábado (5).O julgamento ainda não terminou, faltam os votos de três ministros.

Os ministros João Otávio de Noronha, Henrique Neves e Luciana Lóssio seguiram voto da relatora do processo, ministra Laurita Vaz. A relatora entendeu que não é possível validar no TSE as 95 mil assinaturas que foram invalidadas pelos cartórios eleitorais.

Em seu voto, Noronha disse que a ex-senadora Marina Silva é "um exemplo de ética na política', no entanto, declarou que não pode votar a favor do registro do partido, porque não foram validadas as assinaturas mínimas de apoiadores. Henrique Neves também entendeu que as assinaturas não foram suficientes.

A ministra Luciana Lóssio destacou que o processo de coleta das assinaturas foi feito com "filtro ético e com lisura", mas não cumpriu a regra mínima. Sobre a alegação de que certidões foram anuladas sem justificativa, a ministra disse que o fato não foi questionado pelo partido no processo. "Houve recurso dessas recusas? As recusas foram questionadas a tempo? Pelo que pude compreender, a resposta é negativa. Não cabe agora ao TSE validar, por presunção, as certidões", declarou.

O advogado do partido, Torquato Jardim, disse que a Rede conseguiu mais de 900 mil assinaturas e que houve diversas irregularidades cometidas pelos cartórios eleitorais, responsáveis pela validação das assinaturas dos apoiadores. Jardim citou a anulação de 95 mil assinaturas sem justificativa e a falta de cumprimento do prazo de 15 dias para que os cartórios certificassem os apoiamentos. ˜Ë inadmissível que possa o Estado restringir o direito fundamental [criação de partido político] em razão da má gestão", argumentou.

O vice-procurador eleitoral, Eugênio Aragão, manifestou-se contra a concessão do registro. Segundo Aragão, o partido não obteve o número mínimo de 492 mil assinaturas necessárias para a obtenção do registro. Para o procurador, a legenda conseguiu validar 442.500 assinaturas."A Rede Sustentabilidade cumpriu todos os requisitos, menos o número mínimo das assinaturas de apoiadores. Esse dado é fatal", disse.

*Com informações da Reuters
Agência Brasil



Edições Anteriores:

Dezembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 30