xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 19/07/2013 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

19 julho 2013

Idéias de um Cratense‏ - Por: Alan Carlos Charapa Alves


Dihelson, como todo Cratense venho aqui pedir publicação de algumas ideias inclusive com liberdade para quem quiser opinar e sugerir sobre estes temas, desde já agradeço.

1.  - Como todo serviço carece de garantia. Penso que as prefeituras deveriam exigir uma garantia de 4 anos que é o que dura uma gestão no serviço de asfaltamento, ou seja cada buraco que surgir deve ser reparado a custo zero, creio que surgiria um asfalto super resistente afim de reduzir manutenção já que seria obrigação da empresa prestadora de serviços, aliás acho estranho sempre a mesma empresa ser beneficiadas nas licitações em toda a região. Em minha opinião asfalto é para rodovias, dentro de municípios impermeabiliza o solo e causa inundações onde deveria ser feito um calçamento bem feito com paralelepípedo que por sinal é até mais bonito, sem contar que há outros inconvenientes causados pelo asfalto, um exemplo é que quando a SAAEC vai realizar reparos ou cortes fica aquele defeito no asfalto, um exemplo cômico é você encher bem os pneus de uma motocicleta coloque na garupa dela um cidadão que sofra de hemorroidas e percorra a Rua Pedro II até chegar à Ida Bilhar, esse cidadão vai sofrer tanto que acho que não vai andar de moto nunca mais. Aquela artéria está horrível.

2.  - Aquele terreno ao lado da rodoviária que só serve de abrigo para mendigos deveria ser aproveitado, por exemplo, para ampliar o “mini” estacionamento lá existente ou construir uma bela praça para que os visitantes desse município tenham uma imagem melhor na chegada da nossa cidade, na verdade o Crato necessita é de uma rodoviária nova, poderia ser construída no Palmeiral que não ficaria longe da atual rodoviária e os ônibus não necessitariam de entrar na cidade atrapalhando o trânsito já que a rodovia fica ao lado do Palmeiral e com o calçamento daquela via que liga o bairro São Miguel à rodovia facilitaria o acesso à mesma.

3. - O mundo produz lixo em proporções absurdas e as prefeituras deveriam criar um programa de incentivo a seleção de lixo. O primeiro passo seria criar nos bairros pontos de coleta de lixo reciclável onde os cidadãos receberiam um desconto em tributos municipais ou um desconto em lojas do comércio local e taxistas (transporte cada vez menos usado) em contrapartida estas lojas e taxistas receberiam descontos no ISS ou até no alvará dentre outras obrigações. A prefeitura poderia criar um órgão de reciclagem deste lixo com recursos próprios ou com parceria da iniciativa privada reaproveitando este material diminuindo custos em compra de material. Com isso a população iria se acostumar a separar o lixo e esta nossa geração mal educada não, mas a próxima já faria isso com naturalidade e que logo será uma necessidade. Nas escolas já poderia ensinar as crianças para que num futuro próximo tenhamos ruas mais limpas. Tem gente que vai dizer “ah, mas o município perde muito com estes descontos”, não acho porque economizará em outras coisas como, por exemplo, se a coisa funcionar não precisaria de caminhões circulando as ruas para recolher o lixo frequentemente e reduziria a inadimplência de tributos sem contar que receberia vários títulos como cidade limpa e amiga do meio ambiente e de quebra ajudaria o comércio da cidade.

Quem ganharia?

·  O município, que seria um pioneiro neste sistema, além de reaproveitar os materiais reciclados nas escolas e hospitais, por exemplo, reduzindo a aquisição de alguns materiais e teria ruas mais limpas. Remanejaria garis para estes pontos de coleta descartando custos com nova mão de obra e de quebra economizaria com o transporte de lixo até os aterros;

·  A população que seria a “máquina” para que isso funcione;
·  O meio ambiente com a redução de aterros sanitários e poluição de rios;
·  O comércio local que alavancaria as vendas evitando os Cratenses irem ao comércio de cidades vizinhas (já que brasileiro adora descontos) mudando o perfil do consumidor local.
·  Os taxistas que teriam um movimento melhor.

Acima de tudo o maior benefício seria o orgulho de ser Cratense.

Pergunta pertinente: se dirigir falando ao telefone é uma infração e o que dizer de quem dirige com um som ensurdecedor que além de ter sua atenção desviada pelo entretenimento (se é que podemos assim dizer) incomoda os outros e ainda polui o silêncio tão desejado dos cidadãos que se prezam? Seria talvez porque em época de eleições os próprios políticos fazem toda aquela baderna soar com ladainhas de estourar os tímpanos de quem quer sossego.

Alan Carlos Charapa Alves
Bairro: Santa Luzia


Pelo novo parque! – Por Carlos Eduardo Esmeraldo

Durante alguns anos, trabalhei sob as ordens de um Diretor da Coelce que costumava dizer: “só não muda de ideias quem não as tem.” Pensando nisso, resolvi mudar minha opinião sob a localização do nosso Parque de Exposição do Crato. O local já estava inadequado desde 1956, ano em que a Exposição foi transferida para o antigo “campo agrícola do Dr. Lucena," como o chamávamos, então.  O barulho que os autofalantes e as estridentes bandas de forró fazem incomodam os dois hospitais existentes nas proximidades, colégios e uma Universidade que se veem obrigados a paralisar completamente suas atividades.  Além do mais o trânsito fica impraticavel nas ruas centrais da cidade.

Devemos aproveitar a boa vontade do Governador, que deseja construir um novo parque, num investimento que há dois anos, estava estimado em 25 milhões de reais. É um presente que ninguém em seu completo uso da razão poderá recusar.  Além do mais, colocou-se à disposição de levar uma comissão de políticos e representantes da sociedade cratense para conhecer o moderno parque de exposição de Sobral. Se há dois anos tivéssemos aceitado a oferta, hoje nossa Expocrato estaria funcionando em novas instalações.

Creio que o nosso bairrismo não pode nos deixar cegos! Não podemos nos apegar ao tradicional, ao antigo, mas deixar nossos corações abertos às surpresas do Espírito.
 
O fato de concordar com a mudança, não significa concordar com o terreno do chamado “Palmeiral” como adequado para o novo parque. É um terreno de várzea, sobre solo laterítico da modalidade massapé, que se expande ao ser molhado pelas águas do Rio Grangeiro que inunda suas margens em épocas de cheias. Esse tipo de solo ao expandir compromete as fundações e como consequências toda e qualquer estrutura das edificações sobre esse tipo de terreno.  Além do mais exigirá gastos adicionais para aterramento, reforço e regularização. Em engenharia, há uma proposição que afirma que se um solo é bom para agricultura é péssimo para edificações. A recíproca também é verdadeira. E aquele solo é excelente para o plantio de cana de açúcar.

Mas deixo como sugestão três opções: 1ª) Um terreno nos Sitios Lagoa Encantada e Cobras, o que obrigaria o governo a construir uma nova ligação Juazeiro – Crato pelo Salgadinho\Pau Seco\Cobras, estrada essa que mais dia, menos dia terá de ser construída, pois a atual avenida já se encontra sub dimensionada. 2ª) Um terreno no Muriti ao lado das garagens do Metrô. Ideal, pois fica às margens da ferrovia, facilitando transporte mais barato aos visitantes. 3ª) Um terreno ao norte do Estádio Mirandão, sobre um alto que passa por trás dos cursos da São Camilo.

Não será fácil a escolha desses e de  qualquer outro terreno porque a maioria das áreas disponíveis pertencem a mais de um proprietário, posto que são pequenos minifúndios.

Asseguro aos meus conterrâneos cratenses, que não há a menor possibilidade de se instalar nossa exposição em qualquer outro município. E com toda certeza não é essa a ideia do governo.Acabar com uma das maiores exposições do Nordeste.

Antes que esqueça! No local do atual parque de Exposição, reservar uma área para a  URCA e para alguns cursos da Universidade Federal do Cariri. E também construir um espaço para lazer e atividades socioculturais, com área para caminhadas, salas de ginásticas, anfiteatro, campo para jogos, bares, etc.

Por Carlos Eduardo Esmeraldo 

Crato antigo e Crato de hoje - Passeio Fotográfico - Dihelson Mendonça


Muitos leitores do Blog do Crato me param nas ruas e falam sobre as fotos da nossa cidade; Fotos antigas e atuais. Embora o Blog tenha vários locais específicos ( Inclusive no facebook ) onde postamos sempre uma grande quantidade de fotos antigas e novas, hoje resolvi trazer de volta este quadro que há um bom tempo não era apresentado aqui: "O Crato antigo e Crato de hoje".


Acima: Antiga feira do Crato


Acima: Foto antiga da Praça Siqueira Campos


Esta foto é bastante atual: Juazeiro do Norte, que um dia foi também Crato, assim como diversas cidades do Cariri. A foto é do nosso querido amigo Marcos Carvalho, e retocada por mim. Aliás, quero parabenizar os dois irmãos, Marcos e Jorge Carvalho, dois grandes batalhadores da cultura caririense. O Jorge Carvalho, inclusive está com um novo programa na Rádio Educadora do Cariri nas quartas-feiras, o seu famoso: Rapadura Culturarte, programa de variedades, em que ele traz músicas, entrevistas e muita informação importante para o cariri.


Acima: Uma foto do prédio do Cassino Sul Americano, prédio histórico do Crato, onde funcionou o cine cassino. Repare o Café Crato, logo ao lado, que já não existe mais.


Acima: Foto da Praça Siqueira Campos antes da reforma recente de requalificação urbana do Crato. É interessante como o tempo passa rápido. Tudo isso da forma como está na foto, já não existe mais.


Ouitra mudança: Praça da Sé. O coreto foi removido na última reforma da praça.


E acima, temos uma foto das proximidades da Praça Alexandre Arraes ( Antigo parque municipal ). Vejam como tudo está mudado...

Fotos modernas da autoria de Dihelson Mendonça


O Crato precisa repensar o futuro para as próximas gerações - Por: Dihelson Mendonça


Vejo tantas cidades belas pelo mundo, em que seus governantes se preocupam com a qualidade de vida do seu povo, cidades como Gramado-SC, Joinville-SC, Campos do Jordão-SP e tantas outras, e fico aqui vendo no Crato pessoas mesquinhas ainda querendo destruir uma das poucas e importantes áreas verdes da nossa cidade, que possui árvores centenárias, sendo um patrimônio ao mesmo tempo histórico e ambiental, que é o Parque de Exposições Pedro Felício Cavalcante. 

É preciso pensar não somente na geração atual e no nosso umbigo, mas como o Crato vai estar daqui a 20, 30 ou 100 anos. Além de muitos outros fatores, é preciso investir em urbanização, criando novos bairros, com a abertura de avenidas para que a própria cidade possa se desenvolver. O Parque de Exposições atual do Crato, no mínimo, deveria ser transformado em área verde no coração da cidade, a exemplo do Parque do Ibirapuera em São Paulo, com avenidas interligando bairros distantes como o Barro Branco e o Parque Grangeiro, criando espaços para moradia e valorizando áreas urbanas. Isso desafogaria o trânsito no centro do Crato, que a bem da verdade, hoje já é caótico. 

No parque atual, o mais importante seria abri-lo para o uso permanente da população, derrubando os muros, criando pistas de cooper, ciclovias e um lago central, além de investir em arborização e um projeto paisagístico. Isso valorizaria sobremaneira a cidade do Crato. As futuras gerações teriam uma grande área verde no coração da nossa cidade para desfrutar o ano inteiro. Mas enquanto tivermos homens mesquinhos como líderes, que não enxergam além das folhas de um canavial, qualquer projeto paisagístico para o Crato será em vão, porque contra a ignorância, infelizmente, ainda não inventaram nenhum remédio.











Por: Dihelson Mendonça
Fotos: Google


Credibilidade se Conquista ! - Anuncie no BLOG DO CRATO - 200 Mil Visitas por mês Comprovadas por Institutos de Medidas


Existem muitos sites picaretas na internet. Gente que diz ter muitos acessos, mas não tem como comprovar com os clientes. Mas há como os anunciantes saberem comprovadamente se.os sites de internet tem idoneidade. Existem ferramentas que medem a quantidade des acessos diários. DESCONFIE DE TODO SITE QUE NÃO TEM O PROGRAM "Hi-STATS" INSTALADO. Anuncie somente com quem divulga as estatísticas de acesso medidas dia a dia, mês a mês e ano a ano. Segundo os serviços do Hi-Stats, o Blog do Crato atinge médias de 200 mil acessos por mês. Nossos clientes anunciantes podem receber mês a mês o comprovante de visitas, o que garante que diferentemente dos picaretas, nós não escondemos os dados de acesso. Anuncie apenas com quem divulga as estatísticas do Hi-Stats em Boletins timbrados e autenticados pelo Hi-Stats.

Ao anunciar a sua empresa na internet, é muito importante procurar quem tem credibilidade e seriedade naquilo que faz. A internet é hoje um lugar cheio de vigaristas que criam sites de brinquedo quase sem visitação e tentam enganar o público anunciando altos índices de visitas. Para evitar essas fraudes, é que em todo o mundo, os sites sérios e aqueles que se preocupam com a sua credibilidade e Idoneidade utilizam ferramentas como o HISTATS. O Histats é um sistema completo que mede o acesso verdadeiro de cada pessoa que acessa os sites. Com o Histats é possível saber em tempo real quantas pessoas estão acessando naquele momento e qual a quantidade de acessos por dia, por mês, por ano, e inclusive saber quais notícias tem mais Ibope.

Portanto, se um site OMITE as informações do Histats, não acredite nos anúncios sobre acessos. 

Há muitos anos, o Blog do Crato adotou o Histats como meio oficial de estatísticas, por ser o de maior confiabilidade. Aqui, nossos clientes não são enganados com promessas de acessos falsos. Aqui, nós divulgamos periodicamente as estatísticas, e cada anunciante pode receber mês a mês um boletim com o volume de acessos para acompanhar se o seu investimento está sendo válido. 

Desconfie de todo site que não publica os dados verdadeiros e em tempo real do HISTATS. As estatísticas diárias do Blog do Crato podem ser vistas na lateral direita do Blog todo o tempo:


Acima: O Histats do Blog do Crato registrado no dia seguinte às eleições municipais. Veja que naquele dia e até aquele horário ( 18:00, já tínhamos 10.202 acessos de páginas e 173 pessoas acessando ao mesmo tempo - 173 computadores conectados ao Blog do Crato ). Os leitores do Blog podem acompanhar em tempo real, quantas pessoas estão visitando o Blog, e as estatísticas do dia.



Acima: Um outro exemplo: Estatísticas do mês de Outubro de 2012 - Tivemos 212.373 Acessos a páginas do Blog.

BLOG DO CRATO - MOSTRANDO AS ESTATÍSTICAS, PORQUE NÃO TEM NADA A ESCONDER

Anuncie na Maior Vitrine da Internet do Interior do Ceará

www.blogdocrato.com -  A maior vitrine da Internet do Interior Cearense.

200 Mil Acessos mensais comprovados pelo HiStats. A maior visibilidade da sua empresa na Internet. Entre em contato pelo e-mail:  blogdocrato@hotmail.com e agende uma visita


A SOLIDEZ DE QUEM JÁ ESTÁ HÁ 8 ANOS NO MERCADO !

Ex-presidente manda PT barrar coro do 'Volta, Lula'


Em conversa com parlamentares e governadores do PT, nesta semana, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chamou de “burrice” a tentativa de companheiros de entoar o coro do “Volta, Lula” para a eleição de 2014. Lula cobrou apoio à presidente Dilma Rousseff e desautorizou quem tenta passar a imagem de que ele é um “reserva” no banco, à espera da saída da afilhada política. “Quem prega o ‘Volta, Lula’ ou é burro ou é ingênuo”, afirmou o ex-presidente, segundo petistas que estiveram com ele.
“Não podemos cair na armadilha de enveredar no mesmo debate político da oposição”, resumiu o senador Jorge Viana (PT-AC). “Há um mês, o governo tinha todo respaldo e agora há demandas novas das ruas. Mesmo com problemas na articulação política, as mexidas na equipe só serão feitas por causa do calendário eleitoral. O momento é de cautela e de ajustar as coisas.” Lula se reuniu, nos últimos dias, com os líderes do PT na Câmara, José Guimarães (CE), e no Senado, Wellington Dias (PI), e também com os deputados Marco Maia (RS), Cândido Vaccarezza (SP), Ricardo Berzoini (SP) e Nelson Pellegrino (BA). Estiveram com ele, ainda, o líder do governo na Câmara, Arlindo Chinaglia (SP), e os governadores Jaques Wagner (Bahia) e Tião Viana (Acre), todos do PT.

Amigo de Lula há 30 anos, o deputado Devanir Ribeiro (PT-SP) é um dos que defendem abertamente o seu retorno. Em entrevista ao Estado, no último dia 4, Devanir criticou a articulação do governo e disse que a presidente continuará enfrentando problemas na base se não der autonomia aos ministros. “Já está na hora de Lula voltar”, afirmou Devanir. No seu diagnóstico, “falta gestão” e coordenação política. E comentou: “A Ideli, coitada, é como um elefante numa loja de cristais”. O ex-presidente não gostou das declarações. Nas conversas dos últimos dias, repetiu várias vezes que o PT só deve discutir a eleição de 2014 em 2014. Também repreendeu quem cobra em público a troca de ministros. 

Embora Lula tenha críticas à articulação política e à comunicação do governo, ele avalia que a hora é de ajudar Dilma, não de encostá-la na parede. Quem sai perdendo com essa ofensiva, avisa, é o próprio PT. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo. Foto: Reuters


Falta d´água se agrava e começa racionamento em Caririaçu


Mais de 26 mil pessoas enfrentam a menor média histórica de reserva hídrica e já vivem em racionamento

Caririaçu. À beira de um colapso no abastecimento de água, é preocupante a situação neste Município, com a capacidade de 20% no único reservatório que abastece a cidade, o açude São Domingos II. Com mais de 26 mil habitantes, o município enfrenta a menor média histórica de reserva hídrica e, desde a última quarta-feira, 17, foi iniciado o racionamento de água em diversas comunidades. Nível atual do açude é de 250 mil m³ de água, o que deve durar até outubro, segundo estimativa da Cogerh. A avaliação da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), do Estado, prevê capacidade de atendimento à população até o fim do mês de outubro.

Uma solução para conter o problema, considerado muito grave, pela presidente do Sistema de Gerenciamento Autônomo Municipal de Água e Esgotos (Samae), Lúcia Wanda Guimarães, ainda está sendo avaliada.Uma delas é construção de uma adutora, mas o projeto sequer estará pronto a tempo de atender à população. Deverão ser investidos para esse projeto, cerca de R$ 19 milhões. A possibilidade é de direcionar para Caririaçu as águas do Manoel Balbino, conhecido com açude dos Carneiros, em Juazeiro do Norte.

A sede do município, segundo Lúcia Wanda, é uma das áreas mais atingidas, além da comunidade Bananeiras, sítios Monte e São Paulo. De acordo com relatório da Cogerh, para se conhecer a capacidade atual que o açude São Domingos II tem de atendimento da demanda, para o abastecimento público da cidade de Caririaçu, foi simulado o seu esvaziamento. Com isso, segundo o assistente da presidência da Cogerh, Yuri Castro, a simulação deste esvaziamento contou com um balanço hídrico, considerando a evaporação e o atendimento de uma vazão de 31 litros por segundo para o abastecimento público. "O problema é muito sério e estamos preocupados com a avaliação realizada", diz Lúcia Wanda. O Estado enfrenta uma das maiores secas das últimas cinco décadas. Ela afirma que a vazão do açude também tem sido muito rápida, em virtude já da pequena quantidade de água existente. "O pior de tudo é que a cidade cresceu muito e não houve um planejamento para suprir essa carência", afirma.

Volume

A capacidade total do açude deveria chegar a 2.250.000 m3, (2 milhões e 250 mil metros cúbicos). O volume atual é de apenas 594,16 metros cúbicos, segundo o relatório feito pela Cogerh. A administração local, juntamente com a companhia, solicitou à Superintendência de Obras Hidráulicas (Sohidra), a perfuração de uma bateria de quatro poços profundos, para minimizar o racionamento de água já imposto ao município, com campanhas de educativas de conscientização realizadas a fim de evitar o desperdício de água.

A proposta de construção de uma adutora, segundo a assistência da presidência da Cogerh, seria de montagem rápida, desde o açude Manoel Balbino até a sede do município de Caririaçu, com aproximadamente 11,5 km de extensão. A construção deste sistema emergencial utilizaria tubos que contam com sistema de engate rápido e junta travável, que permite a montagem de canalizações auto-ancoradas na superfície do terreno, dispensando a abertura de valas. "Estas especificações possibilitam maior agilidade na montagem dos tubos, bem como redução nos custos com transporte e estocagem. Porém, esta alternativa se mostrou tecnicamente inviável, pois a topografia do provável caminhamento de um sistema adutor a partir do açude Manoel Balbino não é muito favorável", diz Yuri Castro. Um desnível geométrico, segundo o relatório da Cogerh, seria o grande problema para que esse tipo de iniciativa dê certo. Conforme a avaliação, o desnível elevado introduz ao sistema uma série de condicionantes operacionais e de implantação. Algumas comunidades de Caririaçu já estão sendo atendidas com abastecimento dos carros-pipa, cedidos por meio de parceria do Município com o Governo do Estado. Quatro deles estão atendendo várias localidades. Em outras áreas, devido ao racionamento, as população fica até dois dias sem água nas torneiras. "E quem mais sofre com esse problema é a população pobre, porque não tem condições de comprar água potável", ressalta Lúcia Wanda.

Mais informações:
Cogerh. Telefone: (85) 3218.7024
Rua Adualdo Batista, 1550, Cambeba - Fortaleza.
Prefeitura Municipal de Caririaçu
(88) 3547-1122

ELIZÂNGELA SANTOS

Repórter do Jornal Diário do Nordeste
Colaboradora do Blog do Crato e Portal de Notícias Chapada do Araripe



Foi chuva pouca, mas choveu em Crato - Previsão do Tempo para hoje, 19 de Julho de 2013


Bom dia, linda cidade do Crato!


Quem disse que a meteorologia não acerta alguma vez ? Sempre dizemos aqui no Blog do Crato que quando a meteorologia prevê chuvas, a possibilidade de que esta ocorra é de apenas 50 por cento. Hoje, tivemos a "sorte" de que ela acertou. Embora uma chuva de pouca intensidade, o Crato amanheceu com algumas poças d'água deixadas pela chuva ocorrida na noite de ontem ( 18 ).

Para hoje, a previsão é de Sol com algumas nuvens. Não chove.
Sexta-Feira, 19/07 Nascer do sol: 05h51 Pôr do sol: 17h37
Temperaturas: Max 29º e Min 22º
Ventos a ESE a 17km/h
Umidade Relativa do Ar: 93% e min de 57%
Índice UV: Extremo 

Fontes: INPE e GOES12



Projeto proíbe uso de balas de borracha em manifestações


O uso desproporcional da força por policiais militares durante os protestos que eclodiram no país em junho motivou o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) a apresentar um projeto de lei que propõe a proibição da utilização de armas equipadas com balas de borracha, festim ou afins pelas forças policiais estaduais ou federais em manifestações públicas. O PLS 300/2013 também regula e limita o uso de outros armamentos de letalidade reduzida nessas operações. A proposta será examinada pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) em caráter terminativo.

O parlamentar cita registros de que esse tipo de armamento erroneamente batizado de “não letal” pode provocar danos e sequelas.  Ele observa que o Centro de Inovação de Tecnologia Não-Letal da Universidade de New Hampshire, nos Estados Unidos, constata que é “muito fácil cegar alguém” com esse tipo de munição. O senador acrescenta, na justificativa da proposta, que a Comissão Europeia tem recomendado a diversos países membros para deixar de usar balas de borracha, em decorrência das “inúmeras mortes e danos irreversíveis causados por sua utilização”. Lindbergh reconhece a complexidade do trabalho dos policiais para controlar as manifestações, mas observa que a repressão a atos de depredação de patrimônio público ou privado não pode acarretar risco à integridade física ou à vida de cidadãos.

“As polícias militares dos estados reagiram, em diversas ocasiões, cometendo abusos e arbitrariedades”, diz o senador, ao comentar as manifestações que levaram milhões de brasileiros às ruas.

Agência Senado



Que tal um cafezinho gostoso ? - Cafeteria DI CAFFÉ - No centro do Crato




Cafeteria DI CAFFÉ, localizada no Shopping Residence, no centro do Crato. Um local muito aprazível, que está cada vez mais se transformando no novo "point" para aquele bate-papo gostoso, e claro, saborear o melhor café da cidade. Nós que já éramos fãs de carteirinha do DI CAFFÉ, agora, mais do que nunca estaremos por lá encontrando os amigos. E aproveitando, deixo aqui o convite: Que tal tomar um delicioso café na DI CAFFÉ ?



O local mais aconchegante para você saborear um delicioso café... 


No centro da cidade, bem ali no Shopping RESIDENCE 


DI CAFFÉ - Rua Santos Dumont, 38 - Shopping Residence Loja 8A
O mais aconchegante Café do Crato.

Ibope – Popularidade de Dilma em queda livre



O Ibope confirma em pesquisa divulgada, nesta quinta-feira, pelo jornal O Estado de S. Paulo: a popularidade da presidente da República Dilma Rousseff continua em queda. Após a onda de protestos por todas as regiões do país, durante o mês de junho, a petista aparece com apenas 30% das intenções de voto na pesquisa estimulada, quando é oferecido ao eleitor os nomes dos candidatos. O percentual é 28 pontos a menos que o divulgado na última pesquisa do instituto, em março deste ano.

O Ibope traz o ex-presidente Lula como o favorito para as eleições de 2014, ele é citado por 41% dos entrevistados. Apesar da queda vertiginosa na preferência do eleitorado à presidente Dilma, seus adversários praticamente se estabilizaram, com exceção da ex-ministra Marina Silva (Sem partido) que subiu dez pontos e agora aparece com 22%. O senador Aécio Neves (PSDB) subiu apenas 4% e chegou a 13, seguido pelo governador de Pernambuco, que subiu dois, Eduardo Campos (PSB), com 5%.

A surpresa são os números de intenção de voto nulo e nulos, que dobraram de 9% para 18%. A pesquisa foi realizada com 2.002 entrevistados com faixa etária a partir de 16 anos, em 140 municípios das regiões do Brasil. A margem de erro é de 2 pontos porcentuais para mais ou para menos.

Agência Brasil


Mutirão Carcerário no Ceará contará com a atuação de juízes de Fortaleza e de Juazeiro do Norte


O diretor do Fórum Clóvis Beviláqua, juiz Luciano Lima, esteve reunido, na última quarta-feira  [17], com o juiz auxiliar da Presidência do Tribunal de Justiça do Ceará [TJCE], juiz Emílio de Medeiros Viana, a coordenadora das Varas Criminais, juíza Rosilene Facundo, e magistrados das Varas de Execução Penal do Fórum Clóvis Beviláqua. 

Na ocasião, foram debatidas a logística e infra-estrutura para a realização do Mutirão Carcerário que será realizado, no Ceará, de 6 de agosto a 6 de setembro deste ano. A iniciativa é do Conselho Nacional de Justiça [CNJ], em parceria com o TJCE. O objetivo é reavaliar todos os processos de réus condenados [presos de qualquer regime]. Com a reavaliação, será definido se o detento tem direito a receber benefícios previstos em lei, como progressão de regime e liberdade condicional. Os processos dos presos provisórios serão analisados pelo juiz da Vara respectiva. O juiz Emílio Viana esclareceu que os magistrados decidirão pela manutenção ou não das prisões, encaminhando a decisão à coordenação do mutirão, juntamente com um formulário eletrônico disponibilizado pelo CNJ.

O magistrado explicou que o gerenciamento da secretaria do mutirão é do CNJ e o Judiciário cearense vai fornecer a melhor estrutura possível. A equipe do CNJ será composta por dois magistrados e cinco servidores, lotados no órgão ou em Tribunais de Justiça de outros estados.  Participarão ainda cinco juizes estaduais em Juazeiro do Norte e nove em Fortaleza, além de servidores do Judiciário cearense. Entre os magistrados que atuarão na Capital, três são os titulares das Varas de Execução Penal de Fortaleza. Os participantes do Ceará serão coordenados pela juíza Rosilene Ferreira Tabosa Facundo [também coordenadora das Varas Criminais da Capital]. Os magistrados e os servidores da Justiça Estadual que participarão da força-tarefa estão sendo escolhidos pela Presidência do TJCE, em parceria com as Diretorias dos Fóruns de Fortaleza e Juazeiro do Norte. Os nomes serão divulgados, por meio de portaria, nos próximos dias. Outra medida anunciada é que as Varas de Execução Penal funcionarão dentro do mutirão durante o período do evento, e não isoladamente em suas unidades físicas. “Os servidores serão lotados na secretaria do mutirão, provisoriamente”, afirmou o diretor do Fórum Clóvis Beviláqua, juiz Francisco Luciano Lima Rodrigues.

A Diretoria do Fórum da Capital, por recomendação da Presidência do TJCE, já está adaptando o prédio para receber o evento. Também disponibilizará servidores dos Departamentos de Informática e de Patrimônio e Serviços Gerais para atuarem na força-tarefa. “Nossa preocupação é fornecer recursos humanos e material físico”, disse o juiz Luciano Lima.

PRESENÇAS O encontro ocorreu na sala de reuniões da Diretoria do Fórum Clóvis Beviláqua. Contou com a presença dos juizes Francisco Luciano Lima Rodrigues [diretor do Fórum], Emílio de Medeiros Viana [juiz auxiliar da Presidência do TJCE] e Rosilene Ferreira Tabosa Facundo [coordenadora das Varas Criminais de Fortaleza]. 

Das Varas de Execução Penal da Capital, participaram os juízes titulares Luiz Bessa Neto [1ª] e Cézar Belmino Barbosa Evangelista [3ª]. Também estavam presentes os diretores dos Departamentos de Informática e de Patrimônio e e Serviços Gerais do Fórum, Leandro Taddeo e Gleicivan Rodrigues, respectivamente.

* Com informações do TJCE ( Via Yuri Guedes )


Após denúncias de sabotagem, Ministério da Saúde muda regras do "Mais Médicos"


Depois de receber denúncias de sabotagem ao Mais Médicos, o Ministério da Saúde passará a exigir que os candidatos apresentem documento em que declarem que vão deixar vaga de residência médica ou do Programa de Valorização da Atenção Básica [Provab] para atuar no novo programa. A declaração deve ser apresentada no ato da inscrição. Ao homologar a participação no Mais Médicos, o profissional terá de entregar declaração impressa confirmando o desligamento da residência médica ou do Provab, emitida pela universidade, hospital ou entidade responsável.

“Estamos estimulando os médicos brasileiros a participar do programa, mas não queremos ninguém que esteja fazendo qualquer tipo de sabotagem para atrasar um programa que visa oferecer médicos para a população”, diz o ministro Alexandre Padilha, em nota divulgada pelo ministério. Os médicos que homologarem a participação e não comparecerem no início das atividades ou desistirem nos primeiros seis meses serão excluídos do programa e só poderão se inscrever novamente após seis meses. Os reincidentes serão impedidos de voltar ao programa. As novas regras vão ser publicadas no Diário Oficial da União desta sexta-feira [19]. As novas medidas serão comunicadas aos médicos já inscritos pela Ouvidoria do Ministério da Saúde, por e-mail ou telefone. As inscrições seguem abertas até 25 de julho e podem ser feitas pelo site do Ministério da Saúde. Na primeira semana, foram registradas 11.701 inscrições de profissionais e 753 de municípios. O ministério recebeu denúncias de que grupos estão se mobilizando por meio das redes sociais para incentivar a inscrição de profissionais no programa para, depois, desistirem da vaga, com a intenção de atrasar o cronograma do Programa Mais Médicos. Entidades médicas disseram desconhecer a movimentação.

Lançado na semana passada, o programa visa a levar profissionais para atuar por três anos na periferia das grandes cidades e nos municípios do interior. A bolsa chegará a R$ 10 mil. Entidades médicas têm criticado o programa do governo federal, principalmente porque prevê a vinda de médicos estrangeiros sem a revalidação do diploma para ocupar as vagas que não foram preenchidas pelos brasileiros.

O Provab também é destinado para a atuação de médicos em regiões pobres do país. O contrato é por um ano. A bolsa é R$ 8 mil, mas passará para R$ 10 mil, a partir de setembro. O reajuste foi anunciado pelo ministério após o lançamento do Mais Médicos. No Provab, o médico pode escolher a cidade em que quer trabalhar, entre as inscritas no programa. No Mais Médicos, os candidatos serão designados para qualquer cidade inscrita. Em ambos os programas, a carga chega a 40 horas semanais. Em todo o país, há 3.568 médicos atuando pelo Provab em 1.260 municípios.
A residência médica é o período em que o médico escolhe a área na qual pretende se especializar, como ginecologia, pediatria, oncologia e cardiologia. A bolsa chega a R$ 2.976,26 por mês e o tempo de duração depende da especialidade.

Agência Brasil



Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30