xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 27/06/2013 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

27 junho 2013

O PIB do Brasil da Maria Joana.

Maria Joana subiu no tamanco
Procurou um banco
Arrumou dinheiro
Fez um empréstimo, montou um negócio
Conseguiu um sócio e se mandou pro Juazeiro
Comprou a vista e vendeu fiado
Foi rombo pra todo lado
O povo desapareceu
E quando chegou o fiscal do banco
Maria preto no branco disse que a loja cresceu

Ó seu fiscal, como o senhor mermo tá veno
Minha loja vai de vento em polpa
Seno assim libere logo a outra parte do dinheiro
Mar dona Maria o negócio aqui tá mais desmantelado do que galope de vaca
A senhora inda vem dizer que um negoço desse cresceu mulher
Cresceu sim
Cresceu? Só se foi...

Pra dentro que nem pedra de amolar
Pra fora que nem milho no estalo
Pra cima que nem fumaça
Pra baixo que nem rabo de cavalo.

O Lula está a convocar o povo a sair às ruas. É deverasmente muito desenformado. Nunca sabe de nada. Não sabe que o povo já está nas ruas.  Pois bem, seu trabalho está facilitado, basta-lhe  ir as manifestações levando a Dilma a tira colo.

Flavio Leandro e Genival Lacerda.

  video

Senado aprova projeto que torna corrupção crime hediondo


Projeto integrou agenda de votações prioritárias estabelecida pelo Senado. Texto será agora enviado para apreciação da Câmara dos Deputados.

O Senado Federal aprovou nesta quarta-feira (26) o projeto de lei que altera o Código Penal para aumentar a punição para corrupção e tornar esse tipo de delito crime hediondo, considerado de maior gravidade. O texto aprovado determina que a corrupção ativa (quando é oferecida a um funcionário público vantagem indevida para a prática de determinado ato de ofício) passa ter pena de 4 a 12 anos de reclusão, além de multa – atualmente, a reclusão é de 2 a 12 anos. A mesma punição passa a valer para a corrupção passiva (quando funcionário público solicita ou recebe vantagem indevida em razão da função que ocupa).

A proposta também inclui entre crimes hediondos a prática de concussão (ato de exigir benefício em função do cargo ocupado). A proposta segue agora para a Câmara – se alterada pelos deputados, voltará para o Senado antes de ser sancionada pela presidente da República.

O texto foi votado um dia após o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), anunciar “agenda positiva” com a votação da proposta entre as prioridades estabelecidas pela Casa para atender as reivindicações surgidas nos protestos de rua por todo o país. No discurso que pronunciou durante reunião com governadores e prefeitos na última segunda-feira (22), a presidente Dilma Rousseff defendeu endurecer a legislação para que a corrupção dolosa passasse a ser qualificada como crime hediondo. De acordo com o Código Penal, a condenação por crime hediondo impede a concessão de anistia e o livramento mediante o pagamento de fiança. Por esse tipo de crime, a pena deve ser cumprida inicialmente em regime fechado.

O relator do projeto, senador Alvaro Dias (PSDB-PR), incluiu no texto, de autoria do senador Pedro Taques (PDT-MT), outros dois tipos de crime que envolvem recursos públicos.
Pela proposta, o crime de peculato (quando funcionário se apropria de bem público) passa a ter a pena mínima aumentada de dois para quatro anos de reclusão, além de ser considerado hediondo. A pena máxima permanece em 14 anos de prisão. Já o crime de excesso de exação (quando servidor público cobra indevidamente imposto ou contribuição social) tem a pena mínima aumentada de três para quatro anos de reclusão, além de também ser considerado hediondo. A pena máxima permanece em 14 anos.

Para Alvaro Dias, a proposta é fundamental para recuperar a credibilidade das instituições públicas. “O projeto aprovado hoje que transforma o crime de corrupção em hediondo aumenta as penas, elimina os privilégios e acaba com a impunidade se a legislação for corretamente aplicada”, declarou.

Emendas

O projeto foi aprovado com uma emenda do senador Wellington Dias (PT-PI) que aumenta em um terço o período de reclusão da pena para peculato nos casos em que o crime for cometido por “agente político” ou “membro de carreira de estado”. Outra emenda aprovada, de autoria do senador José Sarney (PMDB-AP), vai além dos crimes de corrupção e inclui no projeto o homicídio simples e as suas formas qualificadas como crime hediondo.

Do G1, em Brasília


Mantega diz que economia brasileira se mantém sólida; Oposição contesta


Em audiência na Câmara, ministro da Fazenda ressalta que o quadro econômico do País está melhorando, apesar da crise internacional. Deputados do DEM apontam inflação alta e crise de confiança do governo.

Guido Mantega afirmou que o surto inflacionário causado pela alta do preço dos alimentos já foi superado. O ministro da Fazenda, Guido Mantega, rebateu nesta quarta-feira críticas ao governo e reforçou a solidez da economia brasileira. A oposição, no entanto, questionou os números apresentados por ele. Mantega participou de audiência pública conjunta das comissões de Finanças e Tributação; de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio; de Fiscalização Financeira e Controle; e de Viação e Transportes. Segundo o ministro, o Brasil está preparado para enfrentar a crise financeira internacional. Ele destacou que a situação econômica mundial chegou a passar por uma melhora em 2010, mas, desde 2011, voltou a piorar.

O ministro reconheceu o fraco desempenho da economia brasileira em 2012, quando o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) foi de apenas 0,9%, mas enfatizou que o quadro econômico dá sinais de incremento neste ano. "Podemos ver o resultado do primeiro trimestre deste ano, quando tivemos um crescimento do PIB de 0,6%, porém, com o setor agropecuário crescendo 9,7%. A indústria teve crescimento negativo, mas por causa da indústria extrativista. A indústria de transformação teve resultado positivo. Os serviços cresceram 0,5%, e os investimentos aumentaram 4,6%”, destacou.

Mantega ainda comparou os resultados brasileiros com os de outros países. “É um ano difícil para a economia internacional, em que vários países estão desacelerando seu crescimento, mas estamos conseguindo acelerar nosso crescimento e tivemos no primeiro trimestre crescimento igual ao dos Estados Unidos e superior ao do Chile, México, Reino Unido e Colômbia." Nos últimos dez anos, ressaltou, o crescimento médio da economia brasileira foi de 3,6%. Além disso, a economia feita para pagamento dos juros da dívida, o chamado superavit primário, foi acima de 3%, com exceção dos anos de crise, em que ficou em torno de 2%.

Ele destacou ainda que, entre 2003 e 2012, as reservas internacionais brasileiras saíram de US$ 37 bilhões para US$ 370 bilhões. No período, a relação dívida/PIB caiu de 60% para 35%. O ministro informou que, em dez anos, quase 20 milhões de empregos foram criados no País.

Crise mascarada

Para a oposição, no entanto, os números mascaram a crise na economia e nas contas públicas brasileiras. O deputado Mendonça Filho (DEM-PE) lembrou o aumento recente da inflação. "Há quatro anos, a gente não consegue chegar ao alvo da meta. A gente sempre chega ao teto. O que me refiro é que essa inflação de 6,5% é muito maior para quem vive a economia real, o trabalhador." De acordo com estimativa do mercado financeiro divulgada na segunda-feira (24) pelo Banco Central, a inflação em 2013 será de 5,86%, acima dos 5,84% registrados em 2012. O centro da meta do governo para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) neste ano é de 4,5%, podendo ficar entre 2,5% e 6,5% sem que a meta seja formalmente descumprida.

Na opinião do deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), existe também uma crise de confiança com o governo de Dilma Rousseff. “Não é crise internacional. A crise que o Brasil vive é de desconfiança no governo da presidente Dilma, nos governos estaduais e municipais", afirmou.

Tripé econômico

Rodrigo Maia também cobrou que a equipe de Dilma respeite a política econômica que veio do presidente Fernando Henrique Cardoso, “que o presidente Lula, com o presidente do Banco Central Henrique Meireles, manteve, e que, infelizmente, vossas excelências com essa política anticíclica para lá e para cá têm desrespeitado e gerado um excesso de desconfiança no mercado”. De acordo com Guido Mantega, os governos Lula e Dilma mantiveram o tripé econômico introduzido pela gestão de Fernando Henrique Cardoso, de metas de inflação, câmbio flutuante e superavit primário. Mas, segundo ele, outros elementos, como aumento dos investimentos e redução da taxa de juros, foram incluídos para evitar distorções na economia. 

Mantega reconheceu que houve um surto inflacionário no fim do ano passado e início deste ano, motivado, em sua avaliação, pelo aumento sazonal no preço dos alimentos. O ministro lembrou, no entanto, que esse cenário já passou e que os preços começam a refletir a recente desoneração tributária feita pelo governo para a cesta básica. "Controlar a inflação é a prioridade número um. Mesmo porque será isso também que permitirá um crescimento maior da economia."

Agência Câmara
www.blogdocrato.com 


Meteorologia prevê chuva para o crato na noite de hoje - Previsão do Tempo


Bom dia, Crato!


Quinta-feira, 27 de Junho de 2013. Após alguns dias sem qualquer previsão de chuvas, os serviços de meteorologia prvêm para hoje, Sol com aumento de núvens ao longo do dia e à noite ocorrem pancadas de chuva. É de se ressaltar que quando vem este tipo de previsão, o índice de acerto é em torno de 50% segundo nossas próprias estimativas aqui no Blog do Crato, pois divulgamos diariamente a previsão do tempo há muitos anos.

Outros dados:

Temperatura: Max 31º Min 22º
Ventos: SE a 17km/h
Umidade Relativa do Ar: 93% e mínima de 59%
Índice UV: Extremo 

Fontes: INPE e GOES12


URCA - Museu de Paleontologia realiza Simpósio para comemorar Jubileu de Prata, dias 25 e 26 de julho


I Seminário Internacional Cultura da Sustentabilidade: Perspectiva na contemporaneidade será realizado no Cariri

A Universidade Regional do Cariri (URCA), por meio da Pró-Reitoria de Extensão  e Geopark Araripe, além da Secretaria de Cultura do Crato, reúne pesquisadores da Universidade para planejar o I Seminário Internacional Cultura da Sustentabilidade: Perspectiva na contemporaneidade. A proposta está em construção e visa alternativa de operacionalizar propostas de sustentabilidade sócio-ambiental e cultural em nível regional, tomando como base as práticas de experiências bem sucedidas, no uso sustentável da natureza na cidade do Crato. Essas experiências constituirão um projeto piloto a ser ampliado para outras localidades. Ontem pela manhã, os pesquisadores das instituições envolvidas no projeto estiveram reunidos, na Pró-Reitoria de Extensão, para dar os primeiros passos nos encaminhamentos dos trabalhos direcionados à realização do Seminário.

Museu de Paleontologia realiza Simpósio para comemorar Jubileu de Prata, dias 25 e 26 de julho

O Museu de Paleontologia da Universidade Regional do Cariri (URCA), completa no próximo dia 26 julho, 25 anos, com comemoração do Jubileu de Prata na cidade de Santana do Cariri. Para marcar a data, será cumprida uma programação, com a realização do Simpósio Comemorativo dos 25 Anos do Museu de Paleontologia da URCA, no Município.

A abertura acontece no dia 25, às 9 horas. Às 10 horas, será realizada palestra com Diógenes de Almeida Campos, do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) sobre “O Estado de arte nas pesquisas paleontológicas da Chapada do Araripe”. Durante a realização do evento, também acontece visitação ao acervo do Museu e, à tarde, a programação científica segue com palestra do professor da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Paulo Marques de Brito, sobre “O estado de arte da pesquisa sobre os Peixes da Chapada do Araripe" e, do cientista Alexandre Kellner, do Museu Nacional, sobre “O estado de arte da pesquisa sobre os Pterossauros da Chapada do Araripe".

O arquiteto José Sales Filho ministra palestra às 19 horas, sobre "O projeto requalificação urbana de Santana do Cariri-CE".  Na data do Jubileu de Prata do Museu de Paleontologia, haverá solenidade comemorativa, com palavra da Reitora da URCA, Professora Otonite Cortez, e, das 10 às 22 horas, visitação de autoridades e cientistas e do público em geral.

Homenagem da AL

O Museu da URCA recebeu homenagem da Assembléia Legislativa do Estado, no último dia 27 de maio, pelos seus 25 anos. A proposta da sessão foi feita pelo deputado estadual, José Teodoro Soares, ex-reitor da URCA. A cerimônia contou com a presença da Reitora da Universidade Regional do Cariri, professora Otonite Cortez, do criador e museu e ex-Reitor da Instituição, Plácido Cidade Nuvens, além de representantes da administração municipal de Santana, funcionários e guias mirins do Museu. Durante a solenidade, foram agraciados com comenda, o coordenador do Museu, Professor Plácido Cidade Nuvens, a Reitora, e a prefeita de Santana do Cariri, Daniele Machado, representada na ocasião. Também esteve presente na solenidade, o geólogo e filho de Santana, João de Aquino Limaverde. A Reitora da URCA, em seu discurso, destacou a história do museu desde a sua criação, em 1985. Referindo-se a Plácido Cidade Nuvens, disse que “ao criar o Museu de Paleontologia, ele homenageou a um só tempo o seu município, por ocasião do centenário de Santana, e dotou a Paleontologia do Brasil e do mundo de meio eficaz para pesquisas científicas, em torno da história da vida no planeta”, ressalta.

Museu recebe mais de 300 mil pessoas

Hoje, o Museu de Paleontologia é um dos equipamentos mais visitados da região, perdendo apenas para os lugares de memória do Padre Cícero Romão Batista. Em 2010, foi inaugurada a reforma e ampliação do Museu, com investimentos de quase R$ 1 milhão, com recursos do Tesouro Estadual. Mais de 300 mil pessoas, com registro de todos os continentes, já passaram pelo Museu de Paleontologia. Somente este ano, se somam quase dez mil pessoas. O local Possui um acervo de mais de nove mil peças, dentre as quais cerca de 1.500 expostas para visitação. São fósseis de dinossauros, pterossauros, peixes, tartarugas, rãs, lagartos, além de insetos, moluscos e uma coleção paleobotânica com folhas, flores, frutos e troncos. Está abrigada no equipamento a maior coleção de fósseis do Cretáceo do hemisfério sul da Terra. A plástica das peças que compõem o acervo do Museu é muita boa porque é composta de formas tridimensionais com tecidos moles preservados.

O Museu possui holótipos que são peças que foram usadas para descrever novos gêneros e novas espécies de seres vivos já extintos. É o único no mundo que possui todas as espécies de peixes já descritos na Bacia do Araripe, 32 espécies, tornando o Museu imprescindível para o estudo da evolução dos peixes, que é maior grupo de vertebrados. Possui uma excelente coleção de fósseis de pterossauros. Em Santana foram descritas 24 espécies desses répteis voadores.

Fonte: URCA
www.blogdocrato.com 


MERCADINHO MATOS - A Certeza da Boa Compra !


EMPRESA RECOMENDADA PELO BLOG DO CRATO

O Mercadinho Matos firmou-se na cidade como um locais preferidos pelos Cratenses para fazerem as suas compras. Bons preços, excelente atendimento, e variedade. Produtos sempre novos, longe do prazo de vencimento. Tudo em: Cereais, enlatados, perfumaria, biscoitos, bebidas e frios em geral. MERCADINHO MATOS - O Prazer de comprar bem pelo melhor preço da cidade, com entrega em Domicílio. Rua Dr. João Pessoa, 73 - Fone (88) 3521-3893 - Crato - CE.

Excelentes Preços e variedade de produtos





E você ainda conta com Banco Popular para pagar as suas contas




mercadinho matos

Mercadinho Matos - Em Crato, A Sua melhor Compra !
Rua Dr. João Pessoa, 73 - Fone: (088)-3521-3893

SOFTERIA - Um local feito para pessoas que gostam de Qualidade e Delícias ( Em Crato )


SOFTERIA - NO SHOPPING RESIDENCE, Loja 8B


Agora em Crato, no Shopping Residence, a SOFTERIA. Um local feito especialmente para as pessoas que gostam de qualidade e delícias. Lá, você poderá provar Sorvete expresso, petit gateau, torta de limão, cheesecake, Milk Shakes, Sundaes e muitas outras coisas maravilhosas.








Dê uma passadinha por lá e confira, um local aprazível, feito com carinho pra você que gosta do que é bom.




Softeria, o seu espaço de sabores e delícias
Rua Santos Dumont 138 – loja 8B – Shopping Residence - Crato

Anuncie no Blog do Crato - A melhor vitrine da Internet no Cariri
Entre em contato pelo e-mail: blogdocrato@hotmail.com


STF emite mandado de prisão contra o deputado Natan Donadon


Brasília – A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Cármen Lúcia expediu nesta tarde (26) mandado de prisão contra o deputado federal Natan Donadon (PMDB-RO). O Supremo rejeitou o último recurso do parlamentar para evitar o cumprimento da condenação a mais de 13 anos de prisão, em regime inicialmente fechado, definida pela Corte em 2010.

A defesa de Donadon informa que o político está em Brasília e quer aguardar a manifestação da Câmara dos Deputados antes de tomar qualquer decisão. O advogado Nabor Bulhões informou que pretende entrar com pedido de revisão criminal no STF para anular a condenação. O recurso não tem o poder de suspender a execução da pena decretada.

A relatora Cármen Lúcia expediu diversos ofícios, além do mandado de prisão encaminhado à Polícia Federal, entre eles, comunicado ao oficial de Justiça competente para informar sobre a decisão e ao juiz da Vara de Execução Penal de Brasília.

A ministra também encaminhou ofício ao presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), relatando que o tribunal reconheceu "o imediato trânsito em julgado da decisão condenatória independentemente da publicação do acórdão” e “determinou o lançamento do nome do réu, Natan Donadon, no rol dos culpados".

A Câmara iniciou o processo de cassação  do parlamentar nesta tarde, porque, neste caso, o STF não decidiu sobre a perda de mandato. A questão foi ignorada em 2010 porque o parlamentar havia renunciado ao mandato.

Agência Brasil


Navio com 2.000 pessoas, dentre elas, 50 brasileiros, pega fogo em Veneza


Brasília – Um navio com mais de 2 mil pessoas, inclusive um grupo de 50 brasileiros, pegou fogo e está no Porto de Margueira em Veneza, na Itália. Não há informações de mortos e feridos. Em decorrência do incêndio, os passageiros e a tripulação estão sem água e energia. O Ministério das Relações Exteriores, Itamaraty, por meio do Consulado em Milão, informou à Agência Brasil que prestará apoio aos brasileiros. O Navio Zenith, da empresa Pulmantur, pegou fogo no último dia 25. Porém, os brasileiros só conseguiram entrar em contato com parentes e amigos hoje pela manhã. O apelo foi feito, por intermédio de um religioso, no Rio Grande do Norte, que entrou em contato com autoridades em Brasília. Não há detalhes sobre as causas do incêndio.

Na embarcação, há mais de 1.600 passageiros e a maioria é estrangeiros, principalmente espanhóis e portugueses. O navio incendiou-se próximo à região de Chioggia, na província de Veneza. Pelas informações preliminares, divulgadas por autoridades locais, a Guarda Costeira e a polícia fazem a perícia no local.

A cidade de Veneza é conhecida por sua história, seus canais, museus e monumentos. A cidade está coberta tem mais de 100 canais, pontes e 118 ilhas. Diferentes barcos são os únicos meios de transporte na área antiga da cidade. É classificada como Patrimônio da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Agência Brasil
www.blogdocrato.com 


Projeto proíbe descarte de lixo em lugares públicos


Liliam Sá: "Todo cidadão tem o dever de colaborar com a limpeza pública".

A Câmara analisa o Projeto de Lei 5089/13, da deputada Liliam Sá (PSD-RJ), que proíbe o descarte de lixo em praias, rodovias, rios, ruas, praças e lugares públicos. Para isso, a proposta determina a instalação nesses locais de lixeiras “em quantidade e tamanho adequados”.

A fiscalização nas áreas urbanas e praias será responsabilidade das prefeituras, que poderão estabelecer multas para quem descumprir a lei. Nas rodovias, os responsáveis serão os órgãos responsáveis pela sua manutenção. O valor arrecadado pelas multas será destinado à limpeza urbana.

“Todo cidadão tem o dever de colaborar com a limpeza pública. O lixo que vai para o mar causa uma série de problemas aos animais marinhos, como a morte por asfixia, que é o caso das tartarugas, que muitas vezes confundem plásticos com algas ou águas vivas”, destacou a deputada.

Segundo ela, o lixo deixado nas praias também pode prejudicar o ser humano, “envenenando, por meio da cadeia alimentar, e, em muitos casos, podendo levar à morte”.

Tramitação
A proposta tramita em caráter conclusivo e será analisada pelas comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

PL-5089/2013

Agência Câmara
www.blogdocrato.com 


Sobe para dez o número de mortos na ação do Bope na favela Nova Holanda


Rio de Janeiro - A Polícia Civil confirmou esta noite que aumentou para dez o número de mortes na ação do Batalhão de Operações Especiais (Bope) da Polícia Militar (PM) na favela Nova Holanda, no Complexo da Maré, na zona norte da cidade. A operação para combater traficantes começou na noite de segunda-feira (24). A décima vítima é José Everton Silva Oliveira, de 21 anos, que estava internado no Hospital Federal de Bonsucesso. Segundo a polícia, na ficha criminal de José Everton consta uma prisão por porte ilegal de arma de fogo e uma apreensão por roubo seguido de morte quando ainda era adolescente.

A Corregedoria Interna da PM abriu hoje (26) um inquérito para apurar a conduta dos policiais do Bope durante a operação na favela Nova Holanda, que resultou na morte de dez pessoas, entre elas, um sargento do Bope, três moradores sem ficha criminal, de acordo com a própria PM, e cinco homens suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas na região.

A medida foi anunciada após encontro do chefe do Comando de Operações Especiais, coronel Hugo Freire, com lideranças do Complexo da Maré e rerpresentantes da organização não governamental (ONG) Observatório de Favelas, que atua dentro da comunidade. Também participaram da reunião equipes da Corregedoria Interna da PM. Os moradores detalharam denúncias de arbitrariedades do Bope durante a ação na favela. Eles também defenderam a necessidade de mudar a política de confronto nas comunidades carentes do Rio.

O representante do Observatório de Favelas, Raquel Viladino, disse que o objetivo principal do encontro foi pedir que a Polícia Militar repense essas ações de confronto que sempre resulta em ações letais. "Não é a primeira vez que a gente se deparou com ações ostensivas que resultaram em mortes. As operações não devem ser mais arbitrárias e violentas, mas sim de inteligência com respeito aos moradores de qualquer território da cidade. Nesse processo, deve-se abrir uma perspectiva de aproximação de diálogo com a comunidade e de respeito aos direitos humanos".

O coronel Hugo Freire abriu a possibilidade de novos encontros com as lideranças da comunidade. O Complexo da Maré poderá ter uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP), mas sem prazo definido para a instalação. Segundo Raquel Viladino, este "seria o momento para novos diálogos a fim de evitar a violação dos direitos do cidadão e excessos na ocupação das forças de segurança do estado para instalação da UPP".

Agência Brasil

Que tal um cafezinho gostoso ? - Cafeteria DI CAFFÉ - No centro do Crato




Cafeteria DI CAFFÉ, localizada no Shopping Residence, no centro do Crato. Um local muito aprazível, que está cada vez mais se transformando no novo "point" para aquele bate-papo gostoso, e claro, saborear o melhor café da cidade. Nós que já éramos fãs de carteirinha do DI CAFFÉ, agora, mais do que nunca estaremos por lá encontrando os amigos. E aproveitando, deixo aqui o convite: Que tal tomar um delicioso café na DI CAFFÉ ?



O local mais aconchegante para você saborear um delicioso café... 


No centro da cidade, bem ali no Shopping RESIDENCE 


DI CAFFÉ - Rua Santos Dumont, 38 - Shopping Residence Loja 8A
O mais aconchegante Café do Crato.

Com forte esquema de segurança, manifestação em frente ao Congresso reúne 6 mil


Manifestantes voltaram a se reunir em frente ao Congresso Nacional no início da noite de ontem  ( quarta-feira ). A Polícia Militar estima que cerca de 6 mil pessoas compareceram ao protesto, número bastante inferior às manifestações da semana passada.

O policiamento foi reforçado, porque as redes sociais noticiavam que 40 mil poderiam vir à Esplanada dos Ministérios, que permaneceu fechada ao trânsito de carros. Cerca de 3.100 policiais fizeram a segurança. Foi montado um grande cordão de isolamento ao redor do Congresso para impedir que as pessoas chegassem à Praça dos Três Poderes, onde estão o Palácio do Planalto e a sede do Supremo Tribunal Federal (STF). Diferentes manifestações foram convocadas a partir do meio dia, mas durante toda a tarde, havia mais policiais do que manifestantes no gramado em frente ao Congresso.

Reivindicações

Laycer Tomaz / Câmara dos Deputados

Em ato organizado pela ONG Rio da Paz, 594 bolas de futebol de plástico foram lançadas em direção ao Parlamento. As reivindicações foram diversas com destaque para a reforma política, o voto aberto nas deliberações do Congresso e o combate à corrupção.

Em ato organizado pela ONG Rio da Paz, 594 bolas de futebol de plástico foram lançadas em direção ao Parlamento. As bolas representavam o número de deputados e senadores e simbolizavam que a responsabilidade pelas mudanças agora é dos parlamentares. No fim da tarde, os manifestantes deixaram a esplanada e bloquearam rapidamente o Eixão no início da Asa Sul, atrapalhando o trânsito no local. Em seguida, subiram o eixo monumental, passando pela Torre de TV até o Estádio Nacional Mané Garrincha, onde tentaram formar um cordão humano ao redor do estádio, de costas, mas foram impedidos pela polícia.

A estudante Luciana Brito reclamou da falta de organização do movimento. "A manifestação está sem foco, não tem pautas e o pessoal está realmente querendo incitar a violência indo para cima dos policiais que, na minha opinião, estão fazendo o papel deles, que é controlar a rota, as vias, então acho que a galera tem que focar mesmo no que elas querem porque está muito bagunçado". A maior aglomeração em frente ao Congresso Nacional só ocorreu por volta das 19 horas quando um grupo organizado em defesa dos direitos humanos se reuniu aos manifestantes dispersos, com bandeiras do movimento LGBT e entoando gritos de fora Feliciano.

Juliano Carvalho, arquiteto de 32 anos, afirmou que o grupo é contra o projeto que permite que psicólogos tratem a homossexualidade como doença (PDC 234/11) e o Estatuto do Nascituro (PL 478/07). "Feliciano é uma pessoa que representa um grupo de eleitores. É importante a saída dele por uma questão simbólica, mas mais importante é derrubar os projetos de lei que esse grupo defende e fazer com que os evangélicos possam ser representados no Congresso Nacional, mas com pautas civis e não religiosas."

Médicos
As manifestações desta quarta também contaram com a presença dos médicos que protestaram contra as medidas anunciadas pela presidente Dilma Rousseff, em especial, a contratação de médicos estrangeiros pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Eles anunciaram paralisação em todo País no próximo dia 3. A diretora do sindicato dos médicos do Distrito Federal, Lilian Lauton, explicou que a medida não é eficaz, porque não faltam médicos no País, “o que ocorre é uma má distribuição desses profissionais”. Lilian acrescentou que "não existe uma política de recursos humanos capaz de fazer com que haja a fixação do médico nos locais mais longínquos, nos locais sem a mínima infraestrutura".

Momentos tensos

Laycer Tomaz/Câmara dos Deputados

Tentativas isoladas de provocar policiais, como lançar garrafas plásticas com água, foram vaiadas pela maioria dos participantes. A manifestação foi pacífica na maior parte do tempo, mas teve momentos tensos. Tentativas isoladas de provocar policiais, como lançamento de garrafas plásticas com água, foram vaiadas pela maioria dos participantes. O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) foi o único parlamentar a sair para falar com os manifestantes que invadiram o espelho d'água e pediram para subir a rampa do Congresso.

Houve muita correria por volta das 21h30, quando a Polícia Militar jogou bombas de efeito moral contra a multidão, uma reação a rojões que foram lançados contra os policiais militares.

Agência Câmara
www.blogdocrato.com 



Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30