xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 01/05/2013 | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

01 maio 2013

Manifestações marcam hoje o Dia do Trabalho


Juventude e seca estão entre os temas a serem abordados nos eventos marcados para a manhã de hoje nos municípios
Crato. Hoje, a partir das 4 horas da manhã, os participantes da Caminhada da Fraternidade sairão da Paróquia de São Francisco, neste município, rumo ao Santuário dos Franciscanos, em Juazeiro do Norte. O objetivo do evento, que é aberto a toda a população, é celebrar o Dia do Trabalho. Anualmente, a Igreja Católica organiza o evento, que este ano, terá como tema “Fraternidade e juventude”, devido à Jornada Mundial da Juventude, que será realizada no próximo mês de julho, no Rio do Janeiro. A expectativa é que cerca de oito mil pessoas compareçam ao ato desta manhã.
CaminhadadafraternidadeA Caminhada da Fraternidade já é um evento tradicional no calendário do Cariri em comemoração à data. Sindicatos de Trabalhadores Rurais se unem às Pastorais da Igreja Católica e promovem o ato aberto ao público FOTO: ANTÔNIO VICELMO
Durante o percurso, acontecerão duas paradas. Na primeira, os participantes irão divulgar o sentido da Campanha da Fraternidade de 2013. Já o segundo momento será dedicado ao Dia do Trabalho, quando os participantes farão citações sobre o desenvolvimento das leis, normas e direitos adquiridos por eles. Também vão ser abordadas as funções dos homens do campo, operários do comércio e da indústria, além das dos funcionários públicos. Todos os que estiverem presente terão acesso às informações sobre as conquistas dos setores e poderão expressar o que estão esperando dos poderes públicos.
Todas as Pastorais da Igreja Católica irão incentivar os jovens a mudar os hábitos e atitudes, no sentido de seguir os princípios da religião. Na chegada ao Santuário dos Franciscanos, haverá a bênção dos trabalhadores e um café da manhã comunitário aberto a todos.
Segundo um dos organizadores da Caminhada, Francisco Inglês dos Santos, por ser muito complexo, o tema da seca, que está provocando prejuízos aos trabalhadores rurais, não será abordado durante o evento. Porém, na sua opinião, os poderes públicos devem estar mais empenhados para desenvolver ações de combate à estiagem. “Não resta dúvidas que a seca é um dos pontos que mais tem gerado problemas no Nordeste. Hoje, os trabalhadores estão sofrendo com as mortes de seus animais, com a falta de pasto e alimentação para as famílias. Essa é uma situação muito delicada”, afirma.
Atualmente, os incentivos dos programas governamentais destinados aos trabalhadores da zona rural não são totalmente eficazes e nem suficientes para proporcionar qualidade de vida e garantir renda para as famílias. No Cariri, o atraso do milho para ração animal distribuído pela Conab está sendo um problema para os pecuaristas.
Centro-Sul
O Dia do Trabalho será comemorado em Icó com a tradicional manifestação que reúne milhares de produtores rurais, sindicalistas, servidores públicos e integrantes de movimentos sindicais e sociais. Neste ano, as principais reivindicações estão relacionadas com a seca que castiga o sertão desde 2012. Os agricultores solicitam a regularização da venda de milho pela Conab, obras de abastecimento de água e apoio à produção agrícola.
Por volta das 8 horas, os manifestantes reúnem-se no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Icó (STRI) para um café da manhã comunitário. Depois, o grupo segue pelas principais ruas do centro histórico, que é tombado desde 1997 pelo Iphan.
A programação inclui participação de violeiros, sanfoneiros e artistas populares. “Haverá uma manifestação em frente à Câmara de Vereadores”, disse o diretor do STRI, Emanuel Bonfim de Lima, mais conhecido por Novo. Em frente ao Legislativo, os manifestantes vão apresentar reivindicações referentes à melhoria de serviços públicos nos setores de educação, saúde, assistência social e estradas vicinais. O ato vai terminar em frente à Igreja de São José, com bênção do padre Rogério Freitas e pronunciamento das lideranças comunitárias e sindicais.
No Sertão Central, o Dia dos Trabalhadores será comemorado com festas, manifestações, caminhadas e seminários nas cidades da região. Em Quixeramobim, um grupo de apoio ao Ministério Público e a Justiça pretende reunir cerca de cinco mil manifestantes, em frente ao Sindicato dos Trabalhadores Rurais e dali partem com destino à Praça Capitão Dias Ferreira, onde fica situado o Paço Municipal. A manifestação dos “caras pintadas” contra a corrupção tem início previsto para as 9 horas e será encerrada com ato público.
No mesmo horário o Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (Sintraf) de Choró pretende realizar uma caminhada. Em seguida haverá um seminário. São esperados aproximadamente dois mil trabalhadores rurais de todo o Centro do Estado e Maciço do Baturité. Os participantes se concentrarão no ginásio poliesportivo José Airton Campelo. Conforme o presidente do Sintraf, Valcir Alves dos Santos, a festa será encerrada com uma feijoada e sorteio de brindes para os trabalhadores.
Na maior cidade da região, Quixadá, a Prefeitura Municipal programou para a noite de ontem, véspera de 1º de Maio, a Festa do Trabalhador, na Praça José de Barros, com shows e sorteio de prêmios.
Para hoje, o Sindicato dos Servidores Públicos (Sindsep) e o Sindicato dos Comerciários resolveram unir forças e promover juntos uma festa para os trabalhadores na AABB.
YAÇANÁ NEPONUCENA/HONÓRIO BARBOSA/ALEX PIMENTEL
REPÓRTERES/ COLABORADOR do Jornal Diário do Nordeste

Inscrições abertas para oficina de Literatura de Cordel


Cordel
Com o objetivo de despertar o interesse e proporcionar o conhecimento sobre a Literatura de Cordel, a Unidade Juazeiro do Norte do Sesc realiza, de 6 a 10 de maio, oficina de Literatura de Cordel. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas nos dias 2e 3/5, na Biblioteca da Unidade. As vagas são limitadas.
Os encontros acontecem das 18h às 21h, com informações sobre rimas e métricas para a construção de um folheto decordel. Após a oficina, todos os participantes receberão certificação.
SERVIÇO
Inscrições para oficina Literatura de Cordel
Local: Biblioteca – Unidade Juazeiro do Norte do Sesc (Rua da Matriz, 227)
Datas: 2 e 3 de maio
Horário: 8h às 21h
Informações: (88) 3512.3355
Oficina Literatura de Cordel
Local: Biblioteca – Unidade Juazeiro do Norte do Sesc (Rua da Matriz, 227)
Datas: 6 a 10 de maio
Horário: 18h às 21h
Informações: (88) 3512.3355
:::Gratuito:::
www.sesc-ce.com.br
Facebook: /sescceara
Twitter: @sesc_ce

Grupo protesta em por lei que dá férias de 90 dias a vereadores


Vereadores de Juazeiro do Norte aprovam lei que dá férias de 90 dias.
Com repercussão negativa, Câmara diz que pode ‘voltar atrás’.
Manifestacaojn
Moradores de Juazeiro do Norte, no interior do Ceará, realizaram na manhã desta quarta-feira (1 º) um protesto contra a lei aprovada na Câmara Municipal que garante férias de 90 dias aos vereadores da cidade. Com a repercussão negativa da lei, vereadores admitem que podem repensar sobre a lei e “voltar atrás”.
A concentração do protesto foi na Avenida Castelo Branco, no centro da cidade. Os moradores pintaram o rosto e se mostraram contrários à lei aprovada na Câmara. “O povo votou em vocês para defender o povo. Como vocês podem se colocar contra nós ?”, questiona o estudante Cícero Andrade.
Em Juazeiro do Norte, uma lei de 1990 garantia férias de até 90 dias para os vereadores, que foi revogada em 2012, sem nunca ter sido na prática cumprida. Na semana passada, os vereadores restabeleceram a lei que estende as férias. O autor do projeto, vereador Ronnas Motos, diz que as férias de 90 dias vão pôr na prática o que o existe em lei. “Sempre foi assim, sempre foram garantidos os 90 dias. Não aumentamos um dia, um segundo”, afirma.
O vereador Cláudio Luz é contra o aumento do período de férias. “A lei orgânica ela é superior e é explícita. Tem que ter uma alteração à lei orgânica e caso os vereadores não assine, o povo de Juazeiro do Norte têm à sua disposição a emenda popular”, afirma.
Do G1 CE, com ifnormações da TV Verdes Mares Cariri

Fideralina e o Açude Grande - Por: Emerson Monteiro


As chuvas do Sertão surgem só no Verão, estação do estio noutras regiões. Ainda assim, quando vêm, se é que vêm, chegam com intensidade a ponto de o sertanejo classificar de inverno, seu Inverno, porquanto irriga o solo e possibilita o plantio das lavouras de subsistência, milho, feijão, arroz, fava, jerimum, maxixe, no tanto suficiente a cruzar o ano inteiro.

No Tatu, situado a meio do semiárido cearense, no Sertão do Salgado, segundo a classificação atual, o regime das chuvas funciona desse modo típico. Pelos inícios do século XX, numa dessas quadras chuvosas que superam a média histórica de causar espanto face ao excesso de águas, naquele ano, Fideralina Augusto Lima viu o Açude Grande receber volume além do suportável, o que ameaçava a capacidade do reservatório.

Diante daquilo, como seguissem chuvas volumosas e na madrugada em nada diminuíssem de ritmo, a matriarca decidiu fazer, ela própria, a defesa da parede de barro do açude, indo se postar no logo percurso da barragem que retinha as águas, munida de um rosário, e rezava andando de extremo a outro em preces fervorosas.

Contava o meu avô que os relâmpagos ali indicavam na escuridão a presença aflita do vulto sobre a barragem. O leito do açude já iniciava levar o obstáculo de barro que retinha o volume d’água, enquanto a tempestade monumental prosseguia célere.

Os gestos da velha senhora refletiam o tanto do seu desespero, que, de longe, lá do beco entre a casa grande e o engenho, testemunhavam familiares e moradores, absortos e cientes das impossibilidades para conter a fúria natural dos elementos.

O dia nem clareara e Fideralina, em lágrimas, abandonaria o cimo da parede à convulsão das águas a rolar devastando os obstáculos que achasse pela frente, levando num único gesto o apurado de todo inverno, fortuna do ano inteiro da sobrevivência dos matutos.

Esgotada, trêmula, cabisbaixa, molhada no corpo e na alma, quem demonstrara tanta valentia perante desafios guerreiros e tempestades emocionais, agora revelava a fragilidade feminina e os limites da vontade humana.

Ao claro tímido da manhã chuvosa, enquanto as pessoas observavam o estrago deixado pela força indômita das águas no ventre devastado das plantas do brejo logo abaixo, caminho aonde fugira o açude, a principal personagem do drama noturno sob os lençóis dormia sono solto.           

JUIZ IMPORTADO - POR ANTONIO MORAIS


Em meados da década de 50 do seculo passado,  exatamente em 1956, foram acertadas duas partidas de futebol entre as equipes de Várzea-Alegre e Lavras de Mangabeira. Ficou acertado que  o jogo de ida seria em Lavras e que o juiz seria Anildo Batista, importado de Crato, com todo o poder e decisão para que  não houvesse interveniencia  do poder local. 

Contrato  firmado e  assinado por Luiz Otacílio Correia prefeito de Várzea-Alegre e pelo Coronel Raimundo Augusto representante de Lavras da Mangabeira.

O Jogo transcorria  normalmente  até  40 minutos do segundo tempo quando  um zagueiro de Lavras segurou o atacante de Várzea-Alegre Nenê de Canuta pela cintura dentro da pequena área. 

O juiz marcou penalti.  Começou o sururu, o cu de boi. Foi não foi. Bate não bate. Chamaram o Coronel Raimundo Augusto que do alto de sua  sabedoria e disciplina chamou o juiz da partida e disse:  O senhor é quem conhece a regra. Marcou tá marcado. Mande bater. Bateram o penalti  e converteram em gol.  

Terminada a comemoração  o Coronel Raimundo Augusto  chamou o arbitro e determinou: Agora mande bater dois do outro lado.

Penaltis batidos, convertidos em gols e resultado revertido. 2 x 1 para o Coronel.


Edições Anteriores:

Novembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30