16 março 2013

Dá para fazer muito mais que Dilma, diz governador de Pernambuco,Eduardo Campos


Mais candidato, impossível. Diante de 60 empresários, o governador pernambucano Eduardo Campos, do PSB, disse que é possível fazer muito mais do que o governo Dilma vem fazendo, sinalizou confiança numa eventual vitória, criticou a Petrobras, ao afirma que o Brasil "que diz que tem o petróleo do pré-sal importa gasolina" e deu o tom do que será seu discurso, em 2014: "continuidade, mas com liderança renovada".

Os bastidores do encontro de Campos com representantes do PIB nacional, reunidos na casa de Flávio Rocha, dono da Riachuelo, foram narrados pela jornalista Monica Bergamo, na Folha de S. Paulo. Leia abaixo

"Dá para fazer muito mais" que a presidente Dilma Rousseff. Com esse, digamos, slogan, o governador Eduardo Campos (PSB-PE), de Pernambuco, passou seu recado a um grupo de 60 empresários que se reuniram na quinta-feira (14) em SP, num jantar, para conhecê-lo melhor --e descobrir se ele é, mesmo, candidato à presidência. Boa parte saiu de lá com a certeza de que Campos vai, sim, se lançar contra Dilma em 2014.

Campos diz que a presidente Dilma conhece suas críticas. E mais: sabe também que seu partido, o PSB, o pressiona para se lançar candidato à presidência. "Quem disse a ela não foram terceiros, fui eu mesmo", afirma. "Ela sabe o que o meu partido pensa e sabe os sonhos que meu partido tem. Se esses sonhos vão ser realizados ou não, é outra coisa."

Começou dizendo que o Brasil teve grandes conquistas nas últimas décadas --e logo engatou crítica que a oposição sempre fez a Lula, a Dilma e ao PT: "O Brasil não começou ontem. Não começou com o partido A, B ou C".

Na sequência, engrossou o coro dos que dizem que as coisas no país vão bem --mas podem piorar. "Não há grande incômodo nas grandes massas. Não há na classe média esse sentimento, nem de forma generalizada no empresariado. Mas há, nesse instante, nas elites, grande preocupação com o futuro. Há o sentimento de que as coisas podem piorar."
(Postado por Armando Rafael)
                                                                                                                

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.