13 janeiro 2013

Mais de 200 mil pessoas vivem na pobreza extrema no Cariri


Segundo dados do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, em Juazeiro do Norte por exemplo, 24.099 pessoas sobrevivem na pobreza extrema ou estado de vulnerabilidade.

Thiago Aguiar

Atualmente, 10 milhões de brasileiros passam fome no Nordeste, atrelado diretamente a este numero gritante, está a seca, em 2012 uma das mais severas secas dos últimos anos agravou este quadro, o governo federal lançou uma série de projetos sociais de convivência com a seca. O Governo está distribuindo cestas básicas, que não são suficientes na tentativa de emplacar programas que suavizem o problema. O Superintendente da SUDENE, Sérgio Moreira, é o responsável por esse novo programa do governo. O programa da bolsa escola, para cada criança na escola a família vai receber – pasmem - ½ salário mínimo. A pergunta é: Se é mínimo, como pode alguém receber a metade do mínimo?

No Ceará são 1.502.924 cearenses em estado de vulnerabilidade ou pobreza extrema, pessoas que sobrevivem com R$: 70,00 por mês, para boa parte delas, foram liberados também através do governo federal, cerca de R$: 10 milhões para combater a escassez de água e consequentemente de alimentos, falta água em diversas cidades do semiárido cearense, pessoas não tem água pra beber em casa, na maioria, localizados na zona rural. Recentemente o governador Cid Gomes lançou três editais do Projeto São José III para investir em sistemas e abastecimento d'água, esgotamento sanitário e projetos produtivos, contemplando as cadeias produtivas da ovino caprino cultura, apicultura piscicultura e agricultura irrigada. O investimento será de R$ 47,7 milhões e faz parte de convênio entre o Banco Mundial e o Governo do Estado do Ceará. Assinada em dezembro de 2012, a ordem de serviço com Organizações Não Governamentais (ONGs) para construção de 30.294 cisternas de placa e 7.800 quintais produtivos com cisternas de produção não foi iniciada em tempo hábil, o projeto está em estado de licitação. A ação tem parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS) e deve englobar mais de 90 municípios, com investimento de R$ 130 milhões, recursos do tesouro nacional.

DADOS DA FOME NO CARIRI

Segundo dados do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome coletados pelo Site Veja Juazeiro, em Juazeiro do Norte, por exemplo, 24.099 pessoas sobrevivem na pobreza extrema ou estado de vulnerabilidade, ao todo mais de 150 mil pessoas vivem na pobreza extrema nas maiores cidades do Cariri, lembrando que o Cariri possui mais de 1.540,000 habitantes, distribuidos em 49 cidades.

. Veja abaixo algumas cidades do Cariri com alto numero de cidadãos em situação preocupante de miseria.

                           
CARIRIAÇU                                    8.379
ASSARÉ                                          7.046
SALITRE                                         5.699
ARARIPE                                         8.406
SANTANA DO CARIRI                       6.789
JARDIM                                           7.995
PENAFORTE                                     1.817
JATI                                                 1.882
PORTEIRAS                                       4.440
UMARI                                               2.346
MILAGRES                                    6.540     
ABAIARA                                            2.399
ALTANEIRA                                         2.235
POTENGI                                             3.463
NOVA OLINDA                                      3.967
SALITRE                                              5.699
TARRAFAS                                           3.148
UMARI                                                 2.346
VÁRZEA ALEGRE                            11.191
ANTONINA DO NORTE                          2.045
GRANJEIRO                                        1.467
FARIAS BRITO                                    6.539
BAIXIO                                              1.272
ALTANEIRA                                        2.235
BREJO SANTO                                    6.941
JUAZEIRO DO NORTE                 24.099
BARRO                                              5.729
BARBALHA                                         7.175
CRATO                                             13.412
IPAUMIRIM                                         2.899
CAMPOS SALES                                  7.693
LAVRAS DA MANGABEIRA                    9.762
MISSÃO VELHA                                   7.765
AURORA                                             6.772

Foi assinada ainda em dezembro pelo estado, a ordem de serviço para a ação social e implantação de 14.228 cisternas de polietileno, beneficiando 14 municípios nos territórios do Cariri, Sertão Centro Sul, Sobral e Maciço de Baturité. O investimento total é de aproximadamente R$ 7 milhões, através de parceria entre a SDA e o Ministério da Integração Nacional.

RESULTADOS IMEDIATOS

O município de Acopiara  (Foto) será beneficiado com a implantação de 3.356 cisternas de polietileno.

Das medidas tomadas pelo governo, a única ação a ser executada de imediato foi a distribuição e implantação de 14.228 cisternas de polietileno, a maioria já se encontra em fase de implantação, sendo que esta tarefa foi entregue aos prefeitos dos 14 municípios beneficiados e dependem das mesmas. Já a construção das 30.294 cisternas de placa e 7.800 quintais produtivos com cisternas de produção de responsabilidades das ONG's estão em processo licitatório e devem ser iniciados ainda neste semestre segundo a Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA).

Fonte de pesquisa:

Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome
Com site Veja Juazeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.