xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 21/11/2012 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

21 novembro 2012

Ronaldo e Samuel comentam sobre o elevador do bairro seminário - Por: Wilson Rodrigues


ELEVADOR PARA O BAIRRO DO SEMINÁRIO É UM SONHO ANTIGO PARA UM PROJETO ATUAL


O prefeito eleito do Crato, Ronaldo Gomes de Matos PMDB disse que vai colocar sua administração na linha de frente em defesa da construção do elevador ligando o centro da cidade ao Bairro do Seminário. Considera uma obra importante do ponto de vista turístico, cujo projeto não pode ficar fora da pauta das prioridades de seu governo porque, segundo disse, o Crato é que é a verdadeira cidade turística da região por ser um Oasis do Cariri com suas belas fontes, berço da historia política e cultural do País e outros atrativos e acrescentou. “Mas para que nossa cidade seja incluída no calendário turístico nacional o poder publico tem a obrigação de criar infra estrutura capaz de garantir segurança, visibilidade e comodidade aos que aqui chegarem”, disse o prefeito eleito. Por outro lado o prefeito atual, Samuel Araripe PSDB, considera o elevador uma obra social e turisticamente importante e justificou. “Durante meus doze anos como gestor, por dois momentos tentei fazer a obra e não consegui por razões muito simples. Primeiro, na condição de vice prefeito de Walter Peixoto, fomos algumas vezes a Brasília, na companhia do senador Sergio Machado e não conseguimos recursos. Em 2010, já como prefeito, tentei inseri-lo no projeto de requalificação da encosta do seminário e o Banco Mundial rejeitou. Espero que o meu sucessor consiga fazer o elevador e assim realizar o sonho de todos nós cratenses”, finalizou Samuel Araripe.

A idéia de construir o elevador ligando o centro do Crato ao Bairro do Seminário tem quase cem anos e é de autoria do arquiteto cratense, Julio Saraiva Leão que no inicio do século passado, fez o projeto e sempre entregava a todos os prefeitos que eram eleitos no município, conforme disse a sua filha, a artista plástica Telma Saraiva. Ela conta que, o único gestor municipal na época a se interessar pelo projeto foi Alexandre Arraes de Alencar em 1937 e que veio a falecer em 1943 e acrescentou. “Mesmo assim meu pai nunca desistiu do sonho até o dia de sua morte em 24 de maio de 1971. Vinte e seis anos depois, em 1997, o então prefeito Raimundo Bezerra, de saudosa memória, demonstrou interesse em fazer o elevador, chegou até confeccionar uma maquete, mas morreu em outubro de 1998 e mais uma vez o sonho do meu pai foi frustrado”, disse Telma Saraiva.

O vice prefeito eleito do Crato, Raimundo Bezerra Filho, entende que a construção do elevador é viável e de baixo custo em torno de 10 milhões de reais e de manutenção barata, podendo-se cobrar de seus usuários uma tarifa de 10 centavos a 20 centavos. Raimundo Filho não ver nenhum empecilho o Crato lutar pela execução desse projeto a exemplo de Juazeiro do Norte que vai instalar um bondinho ligando o centro a Serra do Horto e Barbalha um teleférico até o Balneário do Caldas. Explica o vice prefeito que o elevador para o Seminário consiste apenas em algumas caixas de concreto e uma passarela. “Digo que é uma obra simples, mas que muda a visibilidade da cidade por ser um projeto visionário e de extrema importância para o desenvolvimento urbano. Se este elevador fosse construído nos próximos 4 anos eu estaria realizando dois sonhos: o primeiro como participante da gestão do prefeito eleito Ronaldo Gomes de Matos e o segundo ver concretizada a iniciativa de meu pai Raimundo Bezerra que abraçou a idéia do arquiteto Julio Saraiva”, disse o vice prefeito eleito. Ele também informou que o arquiteto Alexandre Landim, responsável pelo plano de requalificação das Praças e ruas do Crato, já foi consultado sobre a possibilidade de adequar o projeto a modernidade arquitetônica atual.

Alexandre Landim disse que é possível a atualização do projeto dentro dos conceitos da acessibilidade urbana e é quase uma obrigação dos gestores públicos no que concerne a mobilidade humana. Para o arquiteto o elevador do Seminário valorizaria todo o plano arquitetônico do Crato que já é uma cidade referencia com suas praças e ruas centrais modernizadas. O jornalista Osvaldo de Sousa publicou na pagina 84 de seu livro “Andanças e Lembranças” que o elevador ( plano inclinado do moro do seminário ), alem de ser um traço de união entre as partes alta e baixa da cidade, traria três importantes pontos como geração de renda para o município, resolveria o problema de acesso e estimularia o turismo.

Wilson Rodrigues
Radialista/Repórter
Colaborador do Blog do Crato e Portal Chapada do Araripe

O Pensamento do dia - Por: Wilson Bernardo e Dihelson Mendonça



Foto: Dihelson Mendonça

"O CRATO É BEM MAIOR DO QUE TODOS NÓS JUNTOS..."



Foto: Wilson Bernardo

"Um dos maiores objetivos da poesia moderna é a condensação de idéias, é reduzir ao máximo as palavras, fazendo um poema, se possível numa frase. E somente um "gênio" como Wilson Bernardo poderia ter ido tão longe nesta arte de sintetizar as coisas. Numa frase ele disse o que só caberia num texto inteiro: "O Crato é bem maior do que todos nós juntos" - O que isso significa ? Significa que o Crato não é de um grupo, que o Crato não é de uma elite, que o Crato é mais do que de todos nós: Todos nós juntos ainda somos menos do que representa a grandiosidade da nossa cidade para 120.000 pessoas. Nas suas praças, nas suas avenidas, na sua história, tradições, paisagens belas, nas suas ruas esburacadas, na sua gente boa e na sua gente má. O Crato "espiritual" é verdadeiramente a soma desses Cratos todos, uma cidade efervescente, que brota Arte, Cultura, desejos de mudanças, de novos tempos. É um Crato que se renova a cada dia, com a força de um povo forte que vem de uma tradição de fortes. Por isso, o Crato é bem maior que todos nós juntos. É como Atenas, cidade eterna, que estava aqui bem antes desta geração existir, e estará muito depois de irmos ao limbo. Poderíamos ir ainda adiante e dizer que o Crato é até maior que todas as gerações reunidas. Salve, Crato! magistral, altaneiro, belo. Como bem está estampado em teu formoso hino: "Quem já te viu, oh não te esquece mais". 

Dihelson Mendonça
www.blogdocrato.com

Agenda Cultural - Colégio ÁGAPE homenageia Luiz Gonzaga com debate



Josane Garcia
( Colaboradora )

O Parque Eólico para o Cariri Cearense está cada vez mais difícil de acontecer - Por: Wilson Rodrigues


Políticos e empresários acham que se o Parque Industrial do Cariri continuar crescendo no mesmo ritmo que segue daqui ha 15 anos não vamos ter água e nem energia elétrica suficientes para garantir a produção. A projeção foi depois do anuncio da diminuição da vazão das fontes naturais de água localizadas no Sopé da Serra do Araripe e o distanciamento cada vez maior do lençol freático do Aqüífero local. Quanto a energia elétrica, o sistema já deu sinal de enfraquecimento com o registro de freqüentes apagões. Em suas andanças pela região o governador Cid Gomes demonstrou a mesma preocupação e apontou o Cinturão das Águas como alternativa para evitar no futuro um possível colapso no sistema de abastecimento. Quanto as precauções em relação ao fornecimento de energia elétrica, Cid Gomes defendeu o aproveitamento da força dos ventos caririenses e transformá-los em energia eólica. Para o governador esses são os dois grandes projetos que o Cariri precisa executá-los urgentemente e que só serão possíveis com a união de todos e a participação da população, entidades de classe e representantes da sociedade civil organizada.

 O governo do estado já deu inicio as obras de construção do Cinturão das Águas,  mas parece que a implantação do Parque Eólico para o Cariri está longe de acontecer. Há quatro anos técnicos de empresas interessadas em explorar o setor estiveram na região realizando alguns estudos e que até agora não foram apresentados  aos órgãos ambientais do estado. Na Área de Proteção Ambiental ( APA Chapada do Araripe ) por exemplo, como declarou Paulo Maier, chefe regional, não chegou nenhuma demanda acerca de processo autorizativo para a implantação de nenhum empreendimento no que diz respeito a geração de energia eólica no Cariri. No escritório da Floresta Nacional ( FLONA ), conforme declarou o chefe regional, Williams Brito não existe nenhum pedido, fornecimento de dados técnicos, resultados de pesquisa ou apresentação de projetos para geração de energia eólica no Ceará e em especial no Cariri. O que existe, disse Williams, é a implantação de um sistema semelhante com nove aerogeradores dentro da Área de Proteção Ambiental, sendo em território pernambucano e que já receberam autorização do Instituto Chico Mendes e logo-logo  serão instalados para geração de energia eólica para o estado de Pernambuco.

Os chefes regionais da APA e da Flona disseram que a utilização dos ventos na geração de energia está sendo a alternativa que muitos Países têm encontrado para suprir a escassez do produto com redução de consumo de matéria prima não renovável. Sobre a viabilidade da implantação de um Parque Eólico no Cariri, Paulo Maier e Williams Brito declararam que as condições dos ventos da região são favoráveis, bastando apenas fazer um estudo mostrando em que intensidade dos ventos vai determinar o nível de aproveitamento, concluíram. No site da Casa dos Ventos, empresa especializada no assunto, explica que a fabricação de energia eólica acontece a partir do agrupamento de vários aerogeradores em uma mesma região com a função de extrair a energia cinética do fluxo de AR em movimento e transformando em energia mecânica que logo em seguida é convertida em energia elétrica com potencia em larga escala ao sistema elétrico.

Por: Wilson Rodrigues
Radialista/Repórter
Colaborador do Blog do Crato e Portal Chapada do Araripe

Tudofel: Janinha ou Joplin?

Tudofel: Janinha ou Joplin?: Geraldo Urano, poeta maior, escreveu um verso, em um poema em prosa intitulado Craterdã (foi a primeira vez que ele citou esse ne...

Dia da Consciência Negra - Por Maria Otilia

 Para todos nós, negros, brancos, mulatos e afrodescendentes.....esta bela música comemorando o Dia da Consciência Negra. Viva a diversidade! Viva a diferença.

Kizomba, Festa da Raça

Martinho da Vila

Valeu Zumbi
O grito forte dos Palmares
Que correu terras céus e mares
Influenciando a Abolição
Zumbi valeu
Hoje a Vila é Kizomba
É batuque, canto e dança
Jogo e Maracatu
Vem menininha pra dançar o Caxambu
Vem menininha pra dançar o Caxambu
Ô ô nega mina
Anastácia não se deixou escravizar
Ô ô Clementina
O pagode é o partido popular
Sarcedote ergue a taça
Convocando toda a massa
Nesse evento que com graça
Gente de todas as raças
Numa mesma emoção
Esta Kizomba é nossa constituição
Esta Kizomba é nossa constituição
Que magia
Reza ageum e Orixá
Tem a força da Cultura
Tem a arte e a bravura
E um bom jogo de cintura
Faz valer seus ideais
E a beleza pura dos seus rituais
Vem a Lua de Luanda
Para iluminar a rua
Nossa sede é nossa sede
De que o Apartheid se destrua
Vem a Lua de Luanda
Para iluminar a rua
Nossa sede é nossa sede
De que o Apartheid se destrua
Valeu
Valeu Zumbi

Comentários dos leitores do Blog do Crato e grupo Filhos e Amigos do Crato


PG Morais comenta sobre os Demutrans
Sugestão aos Demutrans do Juazeiro do Norte e Crato: aponham faixas suspensas antes das faixas para pedestres onde o movimento é mais intenso, com a mensagem abaixo: "ADIANTE, FAIXA DE PEDESTRES: DÊ PASSAGEM A ELES". Tenho certeza que o resultado será positivo.

Kaika Luiz comenta sobre animais perambulando pelas ruas do Crato:

Uma nova espécie de equinos e bovinos perambula pelo Crato. Trata-se dos "COMEDORES DE LIXO", um novo animal que, tal qual os antigos cachorros "vira-latas", estão comendo o lixo que é colocado nas ruas em sacos plásticos para serem recolhidos pela limpeza pública. São vacas, touros, cavalos, éguas, burros e jumentos que livremente matam a sua fome rasgando os sacos de lixo. Os donos desses animais naturalmente não tem pastos e nem rações para lhes dar, então deixam esses animais perambulando pelas vias públicas à cata do seu pão. Os cachorros vira-latas tem esse nome porque antigamente os lixos eram colocados "pra fora" de casa em latas, daí a limpeza pública recolhia e jogava somente o lixo em caminhões abertos. Então esses cachorros ditos "sem donos", literalmente viravam as latas para se alimentarem. Os vira-latas ainda existem, é certo, o que não vemos mais são as latas. Mas os desamparados cachorros vira-latas agora concorrem na luta pela sobrevivência com os bois e cavalos. E com uma desvantagem: esses últimos, por serem bem maiores, conseguem alcançar o lixo que os pequenos cães  não conseguem. Hoje verificando esses animais se alimentando de lixo na hora em que ia para minha casa no 
Grangeiro, me lembrei muito da forma arcaica em que eram alimentados os porcos. Lembro que, quando criança, na minha casa já fazia coleta seletiva de lixo, involuntariamente. Embaixo da pia, fica uma lata ou balde, onde eram colocados os restos de comida, além de cascas de frutas, o que hoje chamamos de "lixo orgânico". Só que, a finalidade daquele, era para alimentar os porcos que geralmente ficavam no chiqueiro no quintal da casa. Esse lixo orgânico tinha um nome: "Lavagem"! Então: pensando bem: hoje, além dos vira-latas, cavalos, éguas, burros, bois e vacas também comem lavagem. Não seria melhor que todos em casa voltassem a essa antiga prática de separar os alimentos que vão para o lixo e alimentar esses famintos animais? Eles estão se aliementando de lixo, não por culpa deles, mas pela sua sobrevivência, já que os seus donos e a seca não lhes dão água nem comida. Que tal fazermos uma campanha para que todos em casa passassem a guardar novamente a "lavagem", lixo orgânico, como queiram chamar, para esses animais? Fica aqui a dica e ao mesmo tempo a minha indignação por ver esses animais diariamente se alimentando de um lixo fedido, sujando as via públicas, involuntariamente, é claro, e nos deixando vulneráveis a possíveis acidentes com eles, já que caminham a esmo pelas ruas e avenidas, à procura de alimento para a sua sobrevivência.

José Kleber Calou Filho parabeniza OAB

Gostaria de parabenizar nossa classse de advogados, que de maneira democrática, soube escolher os futuros dirigentes para o triênio 2012/2015 e, em especial, aos amigos Dr. Jorge Emicles, Dr. Alcantara Matos, Dr. Aderson Feitosa Ferro Terceiro e demais integrantes das respectivas chapas, o exemplo de educação civica e democracia, pois, a disputa enalteceu e trouxe a discursão para o campo exclusivamente das atividades profissionais de nossa laboriosa classe, na qual vive momentos de tanta turbulencia em face das carencias do Poder Judiário que influencia diretamente o nosso labor. Ao Dr. Fabricio Siebra Felicio Calou e aos demais integrantes da atual gestão da nossa OAB/Crato, parabéns pela condução da gestão em nosso favor e nestes instantes finais de mandato pela imparcialidade na qual colocou nossa instituição à frente de mais um processo eleitoral. Ao Aderson Feitosa, parabéns e votos de uma gestão de sucesso e acima de tudo, que as prerrogativas de nossa classe sejam defendidas na exaustão. Aos amigos, operadores do Direito, nossos parabéns.

Martins Carvalho comenta sobre os quebra-molas


"Se for para multar que multem aos mil, se for para colocar quebra mola, que coloquem de metro em metro. O que não dá é milhares de pessoas que fazem o translado Juazeiro Crato , Crato Juazeiro, Barbalha da mesma forma, ficarem se arriscando diariamente pela falta de pessoas que saibam elaborar estratégias e intervenções para melhorar o trânsito dessas vias. CADÊ os que foram eleitos????? Onde estão os que dizem que lutam pelo povo......???????"

Pedro Felício Cavalcanti Neto comenta sobre a OAB:

"Depois de alguns anos a Ordem dos Advogados do Brasil, subseção de Crato,Ce, recupera o seu prestígio e elege o atual Presidente Fabricio Siebra Felício, Conselheiro Estadual. Aproveito a oportunidade para agradecer ao Presidente Valdetário Andrade, reeleito à OAB/CE, pelo apoio à subseção de Crato, que a partir de Janeiro/2013 ficará a cargo do colega Aderson Feitosa, e a todos que colaboram direto e indiretamente para esta importante conquista cratense.Abraços."

 Comentários publicados no Grupo: "Filhos e Amigos do Crato" ( Grupo do Blog do Crato no Facebook )
www.blogdocrato.com
www.filhoseamigosdocrato.com




Dep. Sineval Roque destaca recuperação do Sítio Fundão no Crato


O deputado Sineval Roque (PSB) destacou, no segundo expediente da sessão plenária desta terça-feira (20/11), a recuperação do Parque Estadual Sítio Fundão, localizado na Chapada do Araripe, no município do Crato, na região do Cariri.
O Sítio Fundão está recebendo investimentos do Governo do Estado, por meio do Conselho Estadual de Políticas do Meio Ambiente (Conpam), conforme o parlamentar socialista. Uma das ações é o processo de tombamento do parque como patrimônio histórico. Contudo, desde que passou a ser responsabilidade do Estado, o equipamento passou a receber melhorias, como as cercas em torno do parque, a restauração da entrada e construção de uma guarita, de acordo com matéria do jornalista Tarso Araújo, publicada no Jornal O Povo no dia 19 de novembro, e destacada por Sineval Roque durante pronunciamento.
O deputado também agradeceu a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social pelo comprometimento de destacar duas novas viaturas para o Quartel da Polícia Militar no Crato e outras duas para municípios da região do Cariri.

Fonte: Karol Martins
Assessoria de Imprensa do Dep. Sineval Roque



O ato de doar - Por: Emerson Monteiro


Amor, eis o poder infinito que transforma as contradições das jornadas e atualiza valores e circunstâncias por vezes trágicas, talvez inevitáveis. Quando propomos algumas considerações a respeito da doação de sangue, de medula, córnea e órgãos vitais, pedaços de nossos corpos que a Ciência obteve o ganho de os participarmos com os demais seres humanos, nos vem à lembrança o reparo sublime das máquinas que nos mantêm no seio da natureza.

Dia 25 de novembro é comemorado o Dia do Doador de Sangue, data escolhida para evidenciar a coragem dos que contribuem nesta preservação de existências físicas perante os diversos riscos na saúde, através da sobrevida que lhes permite receber o plasma sagrado depositado nos bancos de sangue. A humanidade evolui ao nível de oferecer tamanha oportunidade, participação valiosa de outros, os chamados doadores, pessoas especiais, na história clínica dos semelhantes. Já cabe sentir no coração o tanto dispomos na busca da perfeição em grau de sentimentos bons, solidariedade, virtude, destas pessoas escolhidas.

Inexiste amor maior do que dar a vida pelos irmãos, afirma o livro bíblico de João 15, 13, enquanto, na essência mais verdadeira, este pensamento se torna viável, ao pé da letra, em toda probabilidade, na circunstância das doações. Oferecer parte de si mesmo em favor de outras criaturas, numa atitude ímpar, excelente gesto de abrir mão de parcela do próprio organismo a fim de partilhar o bem da vida com irmãos por vezes anônimos, importância inestimável, recurso que só avalia quem cruza momentos de aflição. Muitos e muitos, em quantos lugares, contam histórias parecidas.

Sem perder vitalidade, o doador agirá movido pelas bênçãos do gesto de servir os irmãos de humanidade nas crises... Quanto há nisso de desapego e grandeza... Ainda estamos longe de saber das exatas proporções, o significar pleno disto, porquanto passa além das providências apenas materiais deste mundo temporal.

Nada superior em termos de magnanimidade, portanto, do que o gosto de se permitir multiplicar a existência em outras existências. Amor que existe no que afirmou o evangelista, lição digna de ser secundada, nas possibilidades científicas de cura deste momento.

Partilhemos, pois, de nós e ofereçamos à medicina tão nobre instrumento de preservação do direito de viver.



Por: Emerson Monteiro

Tudofel: A Turma do Parque

Tudofel: A Turma do Parque: 1983, como diz um chavão, foi um ano de graça. Foi quando lançamos o jornal Folha de Piqui e retomamos o Salão de Outubro. Foi quan...

Homenagem do Blog do Crato pela passagem do Dia da bandeira



"AURI-VERDE PENDÃO DE MINHA TERRA,
QUE A BRISA DO BRASIL BEIJA E BALANÇA!
ANTES TE HOUVESSEM ROTO NA BATALHA,
QUE SERVIRES A UM POVO DE MORTALHA! "

( Castro Alves - Navio Negreiro )

Em comemoração ao Dia da Bandeira - 19 de Novembro


Escritor João Mendes Filho envia mensagem à sua mãe que faleceu no dia 11/11/2012


Despedida da minha mãe Terezinha de Lisieu Alencar Mendes‏

"Minha mãe, minha fortaleza, meu pedaço de mim. Contigo aprendi os primeiros beijos na tua face, contigo aprendi a amar, contigo aprendi a gostar das músicas de Luiz Gonzaga nas manhãs matutinas do meu Crato, temperadas com as poesias de Patativa do Assaré, declamadas por seu Eloi, na radio ARARIPE AM, contigo me fiz forte, de ti nasci criança, me fiz homem, hoje filho saudoso, que a vida não me deu chance de estar sempre a teu lado, porém sempre perto pelo amor que nos une. Rogo a Deus que segure tua mão e te conduza para a Luz Divina. Me perdoa as falhas na nossa breve convivência. Te amo, te admiro, tuas rosas florescerão no coração de cada um de nós. Segue forte, como sempre fostes, minha FORTALEZA. Até o nosso próximo encontro."

João MENDES Filho
Colaborador


Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31