xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 27/05/2012 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

27 maio 2012

A NOTÍCIA DE TODO O CARIRI - Portal Chapada do Araripe


Portal CHAPADA DO ARARIPE - As Notícias do Cariri, do Ceará e do Mundo num só lugar !

http://3.bp.blogspot.com/-Z6KO9kqek3c/T0nMsSgalpI/AAAAAAAAfFM/XaCwL1f9Pg4/s1600/Chapada%2Bdo%2BAraripe%2BLogo%2B2012%2B-2.jpg


A Notícia do Cariri na hora em que você precisa. Há 6 anos no ar, e com mais de 50.000 artigos, o Portal Chapada do Araripe é a maior central de notícias da região, contendo artigos, Reportagens, entrevistas, Vídeos, Fatos da História do Cariri, Agenda Cultural, salas de bate-papo e milhares de fotos. Visite agora mesmo o Portal Chapada do Araripe e fique por dentro de tudo que acontece na sua região.

R$ 50 MILHÕES PARA A EXPOCRATO


 
A Exposição Centro-Nordestina de Animais e Produtos Derivados (Expocrato) já está garantida para o próximo. Isso, segundo Leitão Moura, presidente da Comissão Organizadora da exposição, se dá pelo bom nível de organização que o evento vem tomando nos últimos anos. Em 2012, a festa se realiza de 8 a 15 de julho, no Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti.

Na última semana a comissão organizadora esteve reunida e aprovou o material de propaganda e o cartaz da festa. Para Leitão Moura, a Expocrato reúne hoje no parque as principais empresas do setor agrícola do Nordeste e este ano vai ampliar o setor de negócios.

A Expocrato que teve início há mais de 60 anos e pode ser considerada atualmente uma das cinco maiores exposições do Nordeste. “Se no ano passado negociamos algo em torno de R$ 50 milhões, esperamos esse ano mais investimentos, tanto do setor público como da iniciativA. 

(Via- O Povo).

POLÍTICA CRATENSE - Surge um novo nome no PT do Crato para a disputa da prefeitura nas eleições deste ano


Nota do Editor: "Conforme os cratenses devem ter acompanhado nas últimas entrevistas, o médico Marcos Cunha afirma de forma cabal, que não será vice de ninguém. Sabemos que no Ceará há um grande impasse: O governador Cid Gomes propõe para os cratenses o nome de Sineval Roque como cabeça de chapa pelo PSB; Por outro lado, é esperada uma aliança com o PT, cujo candidato "natural" seria  o  Marcos Cunha. Desde que este rejeita  terminantemente qualquer possibilidade de ser vice da chapa, pode ser que com esta nova manobra interna do partido dos trabalhadores, o professor Roberto Olliveira acabe se tornando o candidato do partido, e portanto, um potencial "vice" na futura aliança com o deputado Sineval Roque. O futuro da política é incerto, mas quem viver, verá..."

Dihelson Mendonça

"As discussões políticas internas no PT devem tomar um novo rumo. Com a aproximação das convenções que irão definir os nomes do partido para a disputa eleitoral,em Crato,o professor e sindicalista Roberto Oliveira surge como uma alternativa interna ao nome do médico Marcos Cunha.

O professor Roberto Oliveira é fundador da CUT no Ceará, professor, e um militante histórico do Partido dos Trabalhadores. Atualmente é da direção estadual da APEOC e faz parte da tendência Campo Democrático. Para Oliveira “o meu nome vem sendo colocado por diversos companheiros do partido e acho que por ser o PT um partido extremamente democrático, plural, é que me dá esta oportunidade de fazer o debate interno, iremos debater com a militância, qual a melhor tática e estratégia para o fortalecimento do partido no Crato, que é melhor para o partido”, afirma.

O sindicalista acredita que a unanimidade nem sempre é boa, e que ao surgir o seu nome ele quer contribuir com o debate. “O nome de Marcos Cunha é bom, ele é uma pessoa que tem uma história, mas quero também contribuir com o debate e lutar ainda mais para mudar para melhor a minha cidade, a cidade que nasci e que gosto muito”, diz.

Roberto Oliveira defende a ampla unidade da base aliada nestas eleições. “Acredito que o PT deve buscar com mais afinco a unidade da base aliada, já que somos parte integrante desse governo, somos líder do governo(Dep. Antonio Carlos) e discutir com PSB, PC do B e o PMDB um palanque único nestas eleições com o intuito de construir um governo democrático para a cidade e tirar do governo os tucanos que agora estão travestidos de verdes”, afirmou. Defende também a construção de um novo programa de governo democrático e popular. “O atual prefeito e seu grupo político esqueceram e abandonaram a cidade, é preciso inverter as prioridades e buscar parcerias com os governos estadual e federal para reconstruir o Crato”, diz.

No âmbito do PT Roberto Oliveira defende prévias para definir o nome do partido nas eleições. Caso o PT venha a ocupar uma vice ele também coloca seu nome. “Mas se o companheiro Marcos Cunha confirmar que quer ou pode ser vice de alguém retiro meu nome. Caso ele não queira, meu nome está à disposição do partido”, confirmou. A pré-candidatura de Roberto Oliveira faz parte de uma estratégia de sindicalistas em participar mais da política. Isso está acontecendo em várias cidades. No próximo dia 7 de junho o presidente da APEOC Anísio Melo vai estar em Crato para o lançamento da pré-candidatura do sindicalista Roberto Oliveira.

Via Tarso Araújo

Em Fortaleza, só foram entregues casas do Minha Casa Minha Vida para 352 das 90 mil famílias inscritas


O sonho da casa própria ainda não virou realidade para a agente de endemias Luciana Soares de Sousa, 34, e a cada dia essa perspectiva mingua mais. Luciana foi uma das 90 mil pessoas que se inscreveram no programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV 1) em 2009, na Habitafor, mas até agora ainda não foi contemplada. A renda mensal da agente não chega a dois salários míninos, por isso continua a morar com a mãe e o padastro, ambos aposentados, em uma casa no Parque Dois Irmãos.

" Sinceramente, não tenho mais esperança de receber essa casa. Já se passaram três anos e nada. Acho um desrespeito e descaso com a população de baixa renda que, encontrou nesse Programa, uma forma de melhorar de vida e realizar o sonho da casa própria", fala. A situação não foi diferente para Ediuto Barros, 38 anos. O agente de saúde fez seu cadastro no Minha Casa, Minha Vida no segundo dia de inscrição na Habitafor e, após mais de três anos, ainda espera pela casa de seus sonhos."Sinceramente, me sinto enganado e não acredito mais que irei receber essa casa um dia", lamenta.

Ediuto recebe um salário mínimo por mês e mora de aluguel há 13 anos. Com o projeto do MCMV, ele viu uma oportunidade de realizar o sonho da casa própria e sair do aluguel. "Fiquei bastante empolgado com o programa, providencie toda a documentação, mas ainda hoje, continuo pagando R$ 225 de aluguel todo mês. Esse descaso, tem ameaçado meus planos de casar e formar uma família. Como vou assumir uma pessoa e filhos, se não tenho não tenho condições de oferecer um lar digno?", desabafa o agente.

Espera sem fim

Noventa mil famílias residentes em Fortaleza se inscreveram no programa habitacional “Minha Casa, Minha Vida 1” (MCMV), em 2009, pela Fundação de Desenvolvimento Habitacional de Fortaleza (Habitafor), mas, até agora, apenas 352 famílias receberam as casas. De acordo com a Habitafor, até o final de 2012, outras 606 famílias serão beneficiadas com as novas residências. Apesar do número ser superior ao entregue em 2011 (352 unidades), a quantidade ainda está abaixo da expectativa anunciada no início do processo pela Caixa Econômica Federal (CEF), que era de 15 mil unidades para o Estado e 2.920 para a capital. Dessas, apenas 956 apartamentos serão entregues às famílias de Fortaleza, até o fim de 2012, pela Habitafor, quantidade equivalente à apenas 33% do total prometido.

De acordo com o presidente da Habitafor, Roberto Gomes, o déficit habitacional da capital cearense é de 75 mil pessoas - dados do IBGE de 2002 - e, a procura foi bem superior a esse número. "É impossível, em um período curto, resolver esse déficit. Esse é um trabalho de médio a longo prazo", explica.

Outro ponto destacado pela Habitafor é que nem todos os 90 mil inscritos estão aptos a receber o imóvel, pois os inscritos devem se enquadrar nos requisitos: renda mensal de zero a três salários mínimos e não ter sido contemplado por nenhum outro programa do Estado ou Município. Em março deste ano, a Habitafor havia informado que quatro conjuntos residenciais seriam entregues até maio, em Fortaleza, porém a realidade é outra. Conforme o presidente da Fundação, o condomínio Monte Líbano, no bairro José Walter, que atenderá a 256 famílias, e o Independência, na Granja Lisboa, que atenderá 168 famílias, serão entregues até 15 de junho. Já o residencial São Bernardo, no Itaperi, que beneficiará 180 cadastrados, está previsto para ser entregue até o final de 2012 e, o Condomínio São Domingos, na Messejana, com 120 unidades, será entregue, somente em 2013.

Gomes explicou que, durante as gestões municipais anteriores ao atual mandato, foram entregues 12 mil unidades habitacionais e, nesses oito anos de gestão da prefeita Luizianne Lins, a expectativa é entregar seis mil e deixar outras 12 mil unidades contratadas. "O que foi feito em 18 anos, conseguimos, em oito, quase igualar", falou o presidente.

Entretanto, o que foi feito, ainda não é suficente. Várias famílias não conseguiram realizar o sonho da casa própria e, segundo Gomes, essas pessoas continuarão no cadastro e serão beneficiadas na medida que a política habitacional for ampliada.

O foco da análise do cadastro dos inscritos no Programa está associado à classe social mais baixa, com remuneração mensal de zero a três salário mínimos; estar morando próximo ao conjunto habitacional entregue; possuir maior número de pessoas por família; ter mulheres como chefes de família; e, possuir idosos e/ou pessoas com deficiência na família.

Terrenos doados

De acordo com a Habitafor, a Prefeitura de Fortaleza doará cinco terrenos às construtoras interessadas em construir empreendimentos para o Minha Casa, Minha Vida. "A Câmara já autorizou a doação dos terrenos da Prefeitura para as construtoras. A Prefeitura, por sua vez, está em fase final da elaboração de um edital de chamamento público para que as construtoras apresentem seus projetos e recebam os terrenos. Esperamos que, ainda nesse semestre, ocorra a abertura do edital", explicou o presidente da Fundação.

Sonho realizado

Aqueles que tiveram a 'sorte' ou o privilégio de receber suas moradias pelo MCMV 1 só têm a agradecer. Foi o que aconteceu com a costureira, Hosana Sales Barroso de 39 anos, que mora atualmente no Residencial Santo Agostostinho, localizado na Barra do Ceará e entregue em 30 de novembro de 2011 a 232 famílias. "Hoje eu moro no céu, quando comparo com minha antiga residência. Aqui, o ambiente é limpo, seguro, as pessoas  estão se reeducando para conviver melhor e temos tudo o que precisamos como escola pública, posto de saúde e delegacia bem pertinho", comemora.

Esse é o mesmo sentimento vivido por duas moradoras do Residencial Turmalina, no bairro Vila Velha, entregue em 17 de junho de 2011 a 120 famílias. Para a doméstica, Maria Célia Sousa, 48, que mora com sua filha e neta, a satisfação é enorme. "Eu morava antes em um abrigo e hoje ter a minha casa, a minha privacidade e ver a felicidade da minha família, não tem preço", fala Célia.

Já a vendedora Demarciele Santos Barreto, 29, que morava de aluguel e pagava mensalmente R$ 250, o MCMV 1 foi um presente de Deus em sua vida. "Pago atualmente R$ 54 por mês e, daqui há 10 anos, esse imóvel será meu. Quando morava de aluguel nunca teria uma casa como minha. Hoje, eu, meu esposo e meus 3 filhos, moramos em um local seguro e feliz", celebra Demarciele.

Kellyane Pinheiro - ( Portal Verdes Mares )

Coluna Armando Rafael



Edição de 26 a 31 de maio de 2012

Eleições 2012

O que está ocorrendo com a população caririense? Faltando exatamente 134 dias para as eleições municipais do dia 7 de outubro nota-se o desinteresse, a indiferença e apatia do povo em relação  aos candidatos e ao próximo pleito eleitoral. Pior. Vozes credenciadas e de credibilidade expressaram seus sentimentos – sobre este tema – na última edição do “Jornal do Cariri”. O professor e escritor juazeirense Renato Casimiro escreveu: “Sempre que nos aproximamos das novas eleições municipais me bate uma profunda tristeza pela pobreza que se acrescenta a este clima, especialmente pela mediocridade do quadro sucessório, pleno de nulidades que aspiram ao poder”.
Clima eleitoral

Esta mudança não é sentida apenas em Juazeiro do Norte. Em Barbalha, o médico e renomado intelectual Napoleão Tavares Neves, disse numa entrevista (também publicada no último número do “Jornal do Cariri”): “Tenho verdadeiro horror à política, sobretudo a política como se pratica no interior, a do disse-me-disse, de perseguição, de picuinhas”.  O dado concreto – como diria certo ex-presidente da república – é a constatação visível de um vazio das autênticas lideranças. Aquelas que  motivavam a expectativa e  esperança de melhores dias para nossas cidades.
Vazio de lideranças

Na verdade, o Cariri não possui mais lideranças políticas e empresariais como as existentes aqui na década de 50 que se prolongaram até o início dos anos 90 do século passado. Daquelas lideranças herdamos marcos de progresso inapagável. Como a eletrificação do Cariri, construção do aeroporto, introdução do ensino superior, criação da universidade regional, construção de rodovias, criação da Flona-- Floresta Nacional do Araripe (a primeira do Brasil), etc.

Ah! os velhos tempos

As lideranças do passado eram constituídas por  personalidades respeitáveis que batalhavam pela melhoria do Cariri. Mesmo correndo o risco de omissões involuntárias, não podemos deixar de citar Dom Francisco de Assis Pires, Leão Sampaio, Joaquim Fernandes Teles, Alencar Araripe (foto à esquerda) , Dom Vicente Matos,  Adauto e Humberto Bezerra, Pedro Felício, Dr. Raimundo Bezerra, Thomaz Osterne de Alencar, Antônio Corrêa Celestino (foto à direita), Felipe Neri,  Antônio Costa Sampaio, Raimundo de Oliveira Borges, José Newton Alves de Sousa, Antônio Martins Filho, dentre outros. E o que dizer do trabalho feito por  instituições como a Diocese,  o  Rotary Clube de Crato, Centro de Melhoramento de Barbalha e  as Associações Comerciais de Juazeiro do Norte e Crato? 

Hoje estamos na tipoia

Na atividade política,  muitos nascidos e compromissados com outras regiões aparecem – vez por outra – no Cariri, mas, com apoio de prefeitos e vereadores, saem daqui – a cada eleição –  com expressivas votações. Esses não têm vínculos fortes com os anseios da região. Possuem somente frágeis compromissos políticos com seus apoiadores. Pouco – ou quase nada – reivindica pelo progresso do Cariri. Vou citar só um exemplo. O Banco do Nordeste anunciou recentemente estudos para implantar mais 54 novas agências em  municípios nordestinos com 50 mil habitantes. Fosse antigamente, nossas atuantes lideranças já estavam em campo para garantir agências – pelo menos – para Barbalha e  Mauriti, municípios que se enquadram nas exigências do plano de expansão do BNB. Até esta data – 25 de maio –  ninguém,  absolutamente ninguém,  falou no assunto.
Faltou garra

Por falar em Banco do Nordeste, o Conselho de Administração do BNB  no seu último plano de expansão, criou 25 novas agências. No Ceará foram contempladas: Fortaleza (com mais uma agência, a quinta) e as cidades de Cascavel e  Caucaia Ou seja, só foram beneficiadas cidades da Região Metropolitana de Fortaleza. O interior do Estado foi esquecido. Ninguém reclamou. Décadas atrás esse silêncio era impensável.

Agenda cheia

O bispo de Crato (foto à esquerda)  amanheceu 2ª feira última em Brasília. Na 3ª feira já estava em Fortaleza. Na quarta-feira desceu no aeroporto de Juazeiro e veio direto para o Cemitério Nossa Senhora da Piedade,em Crato, assistir ao sepultamento do jovem professor Tiago Barreto Esmeraldo.  Neste sábado, dia 26,  ele participa – em Santana do Cariri – da Romaria pela beatificação da menina Benigna, seguida do sepultamento dos restos mortais da jovem mártir na igreja-matriz Senhora Santana. No próximo dia 30, dom Fernando Panico estará em Milão – a segunda maior cidade italiana –  onde permanece até 3 de junho participando do VII  Encontro Mundial das Famílias, evento que terá a presença do Papa Bento XVI. Depois irá a  Roma. De lá seguirá para a Irlanda,  onde assistirá ao 50º Congresso Eucarístico Internacional, em Dublin, que será realizada de 10 a 17 de junho próximo.
Pucha Encoi

É  o que está ocorrendo em Santana do Cariri. Por não ter maioria na Câmara de Vereadores, o prefeito Geraldo Eriberto Werton Cruz (Beto), sofre um jogo de entra-e-sai. Num dia,  os vereadores declaram vago o cargo de prefeito. O titular entra então com uma liminar na Justiça e é reintegrado no cargo. Dias depois a história se repete. E quem está sendo punida é a população de Santana do Cariri,  prejudicada com essa novela de mau gosto.
Crise de credibilidade

Na semana passada os vereadores da cidade alagoana de Rio Largo foram presos e saíram algemados da Câmara, acusados de corrupção corporativa. Fatos como este piora o descrédito das Câmaras Municipais em todo o Brasil. A maioria da população – nos dias atuais –  não sabe, não conhece e  não compreende qual é a missão e o papel  dos vereadores.
Mudaram os tempos

E os homens! No Império do Brasil, os vereadores eram as pessoas mais respeitáveis e de credibilidade nos seus municípios. Àquela época, as Câmaras Municipais constituíam um espaço democrático para a sociedade debater e solucionar seus problemas. Teoricamente,  as Câmaras Municipais continuam com a mesma missão do passado. Devem ser  um sodalício para fiscalizar o Poder Executivo e  criar leis para beneficiar a coletividade; devem servir como uma escola para formar cidadãos e líderes.  Para o chamado “povão”, no entanto, a imagem que resta dos vereadores é a de um grupo que se  reúne  apenas para dar nome as ruas e distribuir títulos de cidadania.

Mentira tem pernas curtas 1

Dizem que em papel sai tudo que se escreve. Verdade.  Duas notícias sobre o setor educacional de Juazeiro do Norte foram  publicadas no mesmo dia,  terça-feira, 22 de maio. A primeira saiu no “Jornal do Cariri” – que é distribuído gratuitamente – e hoje é um ardoroso defensor da administração do prefeito Manoel Santana, depois de ter sido um acérrimo crítico do governo petista. Na manchete principal, saiu:  “Juazeiro é destaque na educação do Ceará”. A matéria assinada por Raphael Barros  constou: “os números da educação em Juazeiro do Norte são animadores. O resultado oficial do Programa de Avaliação na Idade Certa–Paic (...) aponta um salto de qualidade no ensino do município”. (sic)




Mentira tem pernas curtas 2

O grande azar aconteceu porque – na mesma data –  o “Diário do Nordeste”, de Fortaleza,  publicou ampla matéria sobre o mesmo  Programa de Avaliação na Idade Certa (Paic) que avalia a educação no Ceará. E nela  apontou o município de Juazeiro do Norte como um dos piores resultados do Estado  “em aprendizagem no 2º ano”. Consta lá até  um gráfico com os piores resultados. E Juazeiro do Norte é destaque com avaliação negativa de 114,9...

Torpedos

1 – Bodas de Diamante – No próximo dia 22 de junho o Rotary Clube de Crato comemorará 75 anos  de sua fundação. Aquele clube de serviço contabiliza larga folha de serviços prestada a Crato e ao Cariri.
2 – Recebi dois e-mails tratando do número de igrejas dedicadas a Nossa Senhora de Fátima na cidade de Crato. Um do padre Francisco Roserlândio de Souza, presidente do Departamento Histórico Diocesano Padre Antônio Gomes-DHDPG – da Diocese de Crato – esclarecendo que além das 3 citadas na coluna passada, existem outras duas: uma localizada no bairro  Muriti de Cima – próximo ao Barro Branco, e   outra, no Conjunto Padre Cícero, próximo ao inacabado Centro de Convenções do Cariri.
3 – O outro e-mail é do Chanceler da Cúria Diocesana, o diácono e advogado Policarpo Rodrigues Filho. Ele informa a existência de mais duas capelas dedicadas a Virgem de Fátima em Crato: uma no bairro Mutirão (antigo Cafundó) e outra no bairro Vila Nova, proximidades do bairro Granjeiro. Fica, portanto a retificação: são 8 as igrejas dedicadas a Nossa Senhora de Fátima na Cidade de Frei Carlos, já que existe outra capela com essa denominação na Paróquia do Sagrado Coração de Jesus, no bairro do Seminário.
4 -- Estará à venda nas bancas,na próxima terça-feira, o nº 30 da revista "A Provìncia". Como faz 12 anos que "Itaytera" não circula, "A Província" tornou-se a única a divulgar a cultura de Crato.
5  – O governo, sempre otimista, projetou – no mês de janeiro último – um  crescimento de 4,5% para o PIB de 2012. Mas Analistas credenciados do mercado já falam abertamente em mais um “pibinho” para este ano, apesar das medidas de estímulo ao crédito, baixa dos juros bancários e cortes agressivos na taxa Selic.

6 – Todos os números de maio indicam que o PIB de 2012 será ainda pior que o de 2011. Talvez algo em torno de 2%. Resta ao governo alegar que o baixo desempenho do PIB brasileiro se deveu à crise da Grécia. Melhor desculpa não existe. E tirar de letra a diminuição da oferta de empregos; valorização do  dólar frente ao real;  redução da remuneração das cadernetas de poupança e queda nas exportações.

7 – Caso seja confirmada a candidatura do senador Eunício Oliveira a governador do Ceará em 2014, o Cariri poderá voltar ao comando do poder estadual depois de 40 anos. Eunício nasceu em Lavras da Mangabeira. Em 1974, o juazeirense Adauto Bezerra foi ungido governador do Ceará. Foi a última vez que um caririense chegou lá. Daquele ano até hoje, o cargo de governador ficou sendo alternado entre políticos nascidos em Fortaleza e Sobral.

8 – O torpedo da semana: "você é nosso, e nós somos teu (sic)". A frase foi enviada pelo deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP) ao governador (da “base aliada”),  Sérgio Cabral (PMDB–RJ). E foi visto em todo o Brasil graças a um repórter da "imprensa golpista" (PiG), que filmou tudo e divulgou Brasil afora. O torpedo do ex-líder do PT na Câmara Federal tranquilizava  Sérgio Cabral, avisando que o Partido dos Trabalhadores–PT, o havia blindado da sua ligação incestuosa com a Construtora Delta.

9 -- E por falar na CPI "chapa branca" de Cachoeira, o deputado federal Fernando Francischini (PSDB-PR) pediu a palavra (na sessão de ontem)  e, criticando o relator -- deputado Odair Cunha (PT-MG) -- desabafou: "Quando o relator pergunta das relações da empresa Delta e o governador Agnelo Queiroz (PT-DF), ele é tchutchuca. Quando a questão é com o governador Marconi Perillo (PSDB), ele vira tigrão"."Tchutchuca" na gíria do Paraná é o mesmo que "pau-mandado" ou "babão", aqui no velho Cariri. A que ponto chegou os termos usados no Parlamento da república...

Futebol - Com Amilton SIlva


Finalizada neste sábado, a segunda rodada do campeonato brasileiro da série B. O ceará roi a Ipatinga, o foi derrotado pela segunda vez consecutiva na competição, pelo o Ipatinga. Apesar de jogar bem melhor durante todo ojogo, o nosso representante , perdeu diversas oportunidades de gol, e saiu com a derrota de 2 X 1. O América mineiro venceu a segunda partida por 4 X 0 diante do CRB, O Bragantino perdeu em casa de 4 X 3 Para o Criciúma , finalizando a rodada , ASA e Barueri não sairaão do 0 X 0. Na edição de ontem que haveria mais tres pardidas: Goiás X Paraná, Vitória  X América RN e Atlético PR X Ipatinga, foram adiadas para o dia 05 de junho de 2012.


Resultados das partidas que iniciaram a segunda rodada da Série A do brasileirão na noite de ontem.  No Engenhão, Rio de Janeiro, Flamengo e  Internacional empataram em  3 X 3. O Flamengo ficou na frente do marcador por duas vezes, mas, permetiu o empate ao Colorado. Ronaldinho foi substiuido no segundo tempo, e saiu bastante vaiado pela torcida rubro negra. O Vasco foi a ao estádio de Canindé em São Paulo, e venceu a Portuguesa com um golaço de bicicleta , tento marcado pelo atancante alecsandro. Em Goiânia, Atlético e Ponte Preta ficaram no 1 X 1, na partida das 21:00h , Náutico e Cruzeiro não sairam do 0 X 0. Mais seis partidas serão realizadas neste domngo:

SANTOS X SPORT
SÃO PAULO X BAHIA
ATLÉTICO MG X CORINTHIANS
CORITIBA X BOTAFOGO
FLUMINENSE X FIGUEIRENSE
GRÊMIO X PALMEIRAS

Faltando os jogos de hoje , o Vasco lidera o campeonato com seis pontos ganhos em dois jogos realizados

Teve início na última terça feira, 22, em partida isolada, a  segunda rodada da série B do Brasileiro, com a Avaí vencendo o São Caetano por 1 X  0, Mais duas partidas foram realizadas na noite de ontem, Guarani X Boa Esporte e ABC X Joinvile empataram em 0 X , respectivamente. A rodada Será finalizada hoje com os seguintes jogos:

GUARATINGUETA X CEARA
AMÉRICA MG X CRB
BRANGANTINO X CRICIUMA
ASA X BARUERI
GOIAS X PARANA
VITORIA X AMERICA RN
ATLETICO PR X IPATINGA
A segunda rodada do Brasileirão na sua Série principal tera inicio hoje com o Flamengo buscando sua primeira vitoria diante do Internacional, Portuguesa X Vasco , Atlético GO X Ponte Preta e às 21:00h , nos Aflitos em Recife o Náutico recebe a visita do Cruzeiro.

Por: Amilton Silva



Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30