03 janeiro 2012

Greve na PM – Bancários divulgam nota pedindo suspensão das atividades

NOTA OFICIAL

O Sindicato dos Bancários do Ceará apela ao Governo do Estado e ao Comando de Greve de Policiais e Bombeiros Militares para que seja aberto um canal de diálogo urgente como forma de solucionar o impasse e garantir à sociedade cearense os serviços de segurança pública e bancária, a integridade física e o direito de ir e vir dos trabalhadores cearenses.

A entidade clama para que essa situação seja contornada o quanto antes, com o intuito de solucionar a instabilidade institucional instaurada na capital Fortaleza e em vários municípios do Estado. O Sindicato repudia ainda a ação de aproveitadores que se beneficiam do cenário para criar uma atmosfera de pânico na nossa sociedade, entretanto, faz-se necessária uma solução urgente, pois os trabalhadores e a população em geral estão sendo os principais prejudicados.

O Sindicato segue firme na luta em defesa da segurança dentro das unidades bancárias, buscando condições de trabalho dignas e objetivando a integridade de todos, população e bancários. Somente em 2011 foram realizados 49 ataques a bancos no Ceará e a entidade vem tomando providências para cobrar dos banqueiros mais investimento em segurança e proteção à vida.

O Sindicato dos Bancários informa que já cobrou das direções dos bancos providências com relação à segurança dos funcionários, ameaçados, como toda a população, pelos “arrastões” promovidos em Fortaleza, devido à ausência de policiamento decorrente da greve em questão.

A entidade alerta ainda que está reivindicando aos banqueiros a adoção de medidas para garantir a segurança de clientes, usuários, bancários, trabalhadores do asseio e conservação, vigilantes e reivindicando que as atividades sejam suspensas e os funcionários liberados até que se solucione a questão.


Sindicato dos Bancários do Ceará.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.