26 julho 2011

CRATO:Uma Feira Livre Secular e de Tradições Culturais na Formação do Kariri-Por Wilson Bernardo.

O Kariri não seria metade do que é se não fosse a comarca e a vila Imperial do Crato,temos na formação politica e não genética,os conceitos sociais onde uma formação humana é ímpar.Onde o  poder de agregar a diversidade ,mesmo quando o regime era autocrático.A cidade do Crato preserva uma feira de rua secular, e importante em todas as formações e feiras livres do caririri e do nordeste,só lembrando que Luiz Gonzaga e Patativa do Assaré visitava e  faziam questão de frequentar,nas segunda feiras a feira da farinha,onde hoje é as lojas GIGI e Esplanada,feira essa secular e culturalmente reconhecida pelos seus repentes do saudoso cego Aderaldo.
Eu dentro da feira e espelhos reais da vida como ela é...Combinação de fatos...
Reflexo...Natural de quem ver a feira sustentável
A Idade será sempre moedeira das razões
Mestre Raimundo Aniceto,irmãos dos catedráticos banda cabaçal Irmãos Anicetos
A feira e quem não se conhecer
Duas medidas e o único peso
Na cabeça a sabedoria de poder matar a sede

Wilson Bernardo( Texto & Fotografia)