xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 11/04/2011 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

11 abril 2011

NOTÍCIAS DO CRATO - Artesã do Crato transforma histórias reais em bonecos


Mesmo sem nenhuma divulgação de seu trabalho, os bonecos de dona Mundinha já circulam em São Paulo como autênticos representantes do artesanato regional. Mesmo sem nenhuma divulgação de seu trabalho, os bonecos de dona Mundinha já circulam em São Paulo como autênticos representantes do artesanato regional.

Crato. “A arte é a expressão mais pura que há para a demonstração do inconsciente de cada um. É a liberdade de expressão, é sensibilidade, criatividade, é vida”. Ancorada, inconscientemente nesta filosofia, a dona de casa Raimunda Maria Dantas, conhecida como “Mundinha”, está dando um exemplo de superação para aqueles que têm mais de 70 anos de idade. Está transformando em bonecos as histórias que ouviu contar quando era menina no terreiro de sua casa no Sítio Serra Verde. Personagens como Padre Cícero, Lampião, Maria Bonita, beato José Lourenço, dentre outros que fizeram parte de sua vida são revividos na arte de fazer bonecos. Além de relembrar o passado, dona Mundinha utiliza a arte como uma forma de se comunicar com o mundo exterior. Uma pintura, por exemplo, pode valer mais do que mil palavras, pois a linguagem sutil da alma costuma se expressar com mais clareza por meio dos mínimos detalhes de um trabalho artesanal. E assim, a artesã vai costurando suas ideias e alinhavando seus pensamentos.

História de Criança

Cada boneco restaura uma história de criança, diz dona Mundinha, lembrando que a confecção do beato Zé Lourenço foi inspirada numa conversa familiar. Seu pai contava que um dia descobriu o beato, acompanhado de nove mulheres, dentro do mato, talvez fugindo da Polícia. Ao ser descoberto, o beato se largou de mata a dentro, deixando a comida que estava sendo preparada para o almoço. A imagem ficou gravada na mente dela que, hoje, a reproduz em forma de bonecos. E assim ocorre com outros personagens da história regional que povoaram a imaginação dos sertanejos.

Autênticos

Ao contrário das bonequeiras do pé de manga, que se reúnem debaixo de uma árvore para confeccionar suas bonecas, dona Mundinha realiza um trabalho solitário. Mesmo sem nenhuma divulgação, os seus bonecos já circulam em São Paulo como autênticos representantes do artesanato regional. Por trás dos bonecos, existe uma história triste de dor e sofrimento. A morte de uma filha querida levou dona Mundinha ao reencontro com a arte que foi sufocada pelos afazeres do dia a dia de uma dona de casa. “Era uma formar de matar a saudade”. Nos braços dos bonecos, surgiram outras conquistas. Apreendeu a ler e escrever com mais de 60 anos de idade. Concluiu o Ensino Médio. Agora, aos 73 anos, está sendo incentivada pelas filhas a fazer uma faculdade.

MAIS INFORMAÇÕES

Mundinha Dantas
Rua Derval Peixoto, 200
Município do Crato

Fonte: Jornal Diário do Nordeste

Um Forte abraço para o ASSIS LANDIM ... - Por: Dihelson Mendonça


Às vezes, é necessário quebrar o protocolo aqui no Blog do Crato, que deixa de ser momentaneamente um site de notícias, e se transforma também num veículo de integração da sociedade cratense. A verdade é que aqui, formamos uma grande comunidade de pessoas espalhadas pelos quatro ventos, que procuram o Blog para se atualizar sobre as notícias da nossa cidade, e também para reencontrar velhos conhecidos.

Hoje pela manhã, tive a grata satisfação de receber aqui na secretária eletrônica do estúdio, um recado especial. De uma das pessoas mais conhecidas do povo Cratense, que por muitas décadas manteve um grande comércio na nossa cidade. Um senhor de voz calma e firme, deixou um recado dizendo que era Assis Landim; Deixou um número de telefone, e pediu que eu o retornasse. Retornei a ligação e tivemos uma das conversas mais prazerosas que um ser humano pode ter. Sr. Assis Landim me fez recordar de bons tempos, pois era muito amigo de meu pai, Damião de Sousa, que trabalhou por muito tempo na construtora LEIMO, do Dr. Assis leite, foi colega de Dr. Paulo Higino, quando este ainda era engenheiro da prefeitura do Crato, no tempo do Capitão Ariovaldo, lá pelos idos de 1980, mais ou menos. E quantas lembranças boas...

Assis Landim nos disse que lê o Blog do Crato todos os dias. A exemplo de outras centenas ou milhares de pessoas espalhadas por esse Brasil, ele lê tudo que aqui é escrito, inclusive achei interessante, ele sabe de cor dos meus artigos, como aquele que escrevi semana passada sobre a "TV Colorado RQ - De Volta aos anos 70", pois ele já tinha loja quando o comerciante referido naquela postagem, Antonio leandro, da cidade de Farias Brito, em 1970 era seu cliente aqui no Crato. Assis Landim me disse ainda que ouve constantemente os meus programas na Rádio Educadora do Cariri, e inclusive gostou muito do programa da semana passada, em que apresentei lá o choro "Espinha de Bacalhau" ( de Severino Araújo ), com letra ( cantado por João Bosco, que ele ainda não conhecia ). Conversamos sobre o Vicelmo, sobre o Ivens Mourão e seu livro "Só no Crato", sobre o tio do Ivens, o Luis, sobre as estórias do Melito, falamos ainda sobre o José Milton Arraes, pessoa que gostamos muito, sobre Ernani Brígido e Valdemir Correia, que por sinal, mora bem pertinho dele. Assis possui uma grande coleção de música de alta qualidade, possui um bom-gosto musical como poucos; Falamos sobre a orquestra de Severino Araújo, sobre a cantora Dóris Monteiro, sobre Chico Alves, que ele tem mais de 500 músicas gravadas por ele, falamos ainda sobre Antonio Moraes, do Blog do Sanharol, que foi gerente do BIC nos anos 80, e sobre tantas coisas que nem vou falar para não esticar essa postagem. Fui convidado para ir à sua residência a qualquer tempo, e pretendo ir ainda nesta semana, tomar um cafezinho com o Assis Landim, para ouvir e ver fotos que ele tem do Crato que com certeza, são muito importantes para a nossa cidade.

Esta mensagem aqui é especial. É para enviar um abraço para o Assis Landim e sua família, e dizer que foi um grande prazer conversar sobre um Crato de outras épocas, um Crato que nós conhecemos e compartilhamos.

Ao memso tempo, quero dizer que é cada vez mais constante as pessoas que nos abordam nas ruas, ou entram em contato e dizem sempre que lêem o Blog do Crato diariamente. Na semana passada, o Pres. da Câmara se referiu ao Blog: "É uma coisa viciante. Eu leio o Blog do Crato todo dia, pra saber das novidades", e assim faz muita gente, portanto, eu gostaria de estender esse meu abraço ao Assis Landim a todas essas pessoas que nos acompanham, que se alegram conosco pelas coisas boas da cidade, que se entristessem com as más notícias também, e que estão sempre unidas. Eu falo sempre que no Crato, AINDA existe uma só família: A família Cratense. Aqui todo mundo se conhece, a cidade ainda é pequena, existem ainda as pessoas que são os destaques sociais da cidade, como José Milton Arraes, Paulo Leonardo, Assis Landim, Valdemir Correia, Samuel Araripe que vem de Ossian, e tantos outros que poderíamos listar, mas que o espaço não permite.

Um grande abraço para todos vocês!
Obrigado por estarem sempre conosco todos os dias. É por vocês que eu sempre acho que isso aqui, que já está no sexto ano de existência, vale a pena todo esse esforço que fazemos para manter atualizado. Que Deus esteja sempre nos nossos propósitos, e que o Crato e a família cratense estejam acima de tudo.

Dihelson Mendonça
Administrador do Blog do Crato

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Prefeito do Crato apresenta dia 14 Plano Municipal de Saneamento Básico


O prefeito do Crato, Samuel Araripe, apresentará, no próximo dia 14, às 9 horas, no Salão Nobre do Palácio Alexandre Arraes, as Diretrizes Nacionais de Saneamento Básico e da elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico – PMSB. O chefe do executivo convida todos os secretários do município, poder Legislativo Municipal, representantes do Poder Judiciário local, Presidentes de Entidades e os integrantes dos meios de comunicação. É importante salientar a importância desse evento, dentro do processo de criação de medidas que busquem melhorar a nossa qualidade de vida e proteção do meio ambiente.

Fonte: PMC

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Audiência Pública - Deficiência Visual em Debate, na Câmara de Vereadores de Crato


A Câmara Municipal do Crato realizará uma Audiência Pública sobre deficiência visual, neste dia 03 de maio. A discussão foi sugerida pelo Centro Educativo de Apoio às Pessoas com Deficiência Visual – CEC e acatada, imediatamente, pelo Presidente do Poder Legislativo, Vereador Florisval Coriolano (PTC). A presidente da entidade, Jaquelina Caldas Rolim de Oliveira já se reuniu com o cerimonial da Câmara, com objetivo de discutir os detalhes da audiência, que contará com a participação de diversos segmentos da sociedade.

O Centro Educativo de Apoio às Pessoas com Defiência Visual, fundado no dia 22 de dezembro de 2010, foi reconhecido, recentemente, pela própria Câmara Municipal, através da Lei, número 2. 687/2011 como de utilidade pública. De acordo com os seus estatutos trata-se de uma entidade sem fins lucrativos, destinada a integração das pessoas com deficiência visual e tem como prioridade, a realização de atividades de caráter assistencial, educativo, profissionalizante, produtivo e outras que contribuam para elevação do padrão de vida e do bem estar das pessoas. Jaquelina Caldas, disse que o principal objetivo da Audiência Pública é chamar a atenção da sociedade para causa do deficiente visual, além de abrir espaços para firmar parceiras com instituições públicas e privadas.

Fonte: CVC

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Recuperação do canal do Rio Granjeiro será executada em 90 dias


As obras de recuperação do canal do Rio Granjeiro, no município do Crato, Região do Cariri, serão executadas em um prazo de 90 dias, a contar da data de assinatura de contratação da empresa. Neste sábado (9), o governador Cid Gomes e o presidente da Central de Licitações do Estado, Tarso Pinheiro, realizaram uma sessão pública para a contratação da empresa que executará as obras, uma vez que o processo de contratação é uma dispensa de licitação. “O Governo quis dar transparência e publicidade ao processo e por isso estamos realizando esta sessão pública”, justificou, ao explicar que o processo segue todas as normas de um leilão reverso, com exceção dos prazos, que neste caso são em caráter emergencial.

De acordo com a avaliação do Departamento de Arquitetura e Engenharia do Estado, as obras de reconstrução estão estimadas em R$ 4 milhões, já empenhados pelo Ministério da Integração Nacional. Na primeira fase que envolve obras de reconstrução do canal, o projeto prevê investimentos de R$ 2,898 milhões. A segunda fase que contemplará as obras nas vias e acessos, assim como as edificações prejudicadas com as fortes chuvas envolve recursos de R$ 1,4 milhão.

Durante o processo licitatório, coordenado pela Defesa Civil do Estado, três empresas apresentaram propostas comerciais. São as empresas Contrutura G&F Ltda, Construtora Borges Carneiro e Coral construtora. Com os preços iniciais de R$ 2.782 mi, R$ 2.883 mi e R$ 2.869 respectivamente, os representantes das empresas foram oferecendo descontos. O maior desconto foi oferecido pela Coral construtora que afixou o preço de R$ 2.520 milhões, representando uma redução de 13% do preço inicial do projeto. A partir da assinatura da ordem de serviço a construtora terá o prazo de 90 dias para concluir a obra.

Na ocasião, o Governador anunciou que os recursos para a primeira etapa da obra já foram liberados ao Estado e o restante já está empenhado pelo Ministério. Cid Gomes disse ainda que a empresa vencedora terá de repassar R$ 20 mil para a igreja Nossa Senhora de Fátima que também foi atingida com as fortes chuvas. O Governador também sinalizou que o Estado poderá fazer um projeto básico para as obras de transposição das águas do rio Granjeiro, já estimado pelo DAE em R$ 40 milhões, para ser apresentado ao Governo Federal, como forma de prevenir futuros desgastes.

Mais:

O município do Crato foi atingido no último mês de janeiro por fortes chuvas, o que causou o transbordo das águas do canal do Rio Granjeiro, que corta o município. Naquele período o município recebeu a visita do então governador em exercício, Domingos Filho que levou o caso ao ministério da Integração Nacional. Participaram da sessão pública o secretário das Cidades, Camilo Santana, o deputado federal Arnon Bezerra, o deputado estadual, Ely Aguiar e o reitor da Urca, Plácido Cidade Nuvens.

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Ceará
Foto ilustrativa ( Cid Gomes visita partes destruídas do canal do rio grangeiro em Crato )

Lulu Santos: Aviões Passam. O Pop dignifica e o Cariri é Magico - Wilson Bernardo


Um grande show na vizinha cidade do Juazeiro do Padre Cícero do Crato, em virtude da inauguração do Hospital Regional do Cariri.É sempre bom limpar os ouvidos da parafernália do forro eletrônico de quinta categoria.


Show digno de lembranças da década de oitenta


Cores e sons performáticos


de um Sábado a noite a canção


momentos bons e inesquecíveis


e deu a louca da perua doida no homi


sabores e cores de como uma onda no mar


beleza pura de iluminados e sabores


Wilson Bernardo (Texto & Fotografia)

O Massacre dos Estudantes no Rio de Janeiro - Os meus 2 centavos sobre a questão - Por: Dihelson Mendonça


Parece que todo mundo resolveu escrever uma crônica sobre o massacre dos estudantes no Rio de Janeiro. O Blog do Crato nesta última semana, tem recebido inúmeros textos ( às vezes, não publicados ), sobre o assunto. E a razão disso tudo, é a enorme repercussão que o fato tem alcançado nos meios de comunicação globais. De certa forma, a sociedade se sente responsável pelo ocorrido, e começa a cobrar se o modelo social a que "estamos submetidos" forçadamente pelo SISTEMA, não é mesmo propício à criação de tais aberrações.

O fato é que esse tipo de tragédia não é particularidade deste ou daquele país. Num mundo cada vez mais globalizado, internético e de homogenificação de costumes, sistemas políticos e econômicos, somos forçados a fazer ilações também aos "Tiros em Columbine", e ao próprio massacre em Jonestown, promovido por Jim Jones, cognominado "o pastor do diabo", além de tantos outros. Seriam atos de pura insanidade humana, ou um comportamento a que todos nós poderemos estar sujeitos no nosso dia-a-dia?

Análises e mais análises caberiam ao conjunto dos fatos, em vários campos das ciências, variando desde a psicologia à sociologia, e que nunca deveriam ser encarados como elementos isolados, mas como uma sucessão de atos de uma mesma natureza, como a tecer uma espécie de rede de "serial Killers" ou comportamentos em série atípicos dentro da sociedade. Não seriam lacunas no tecido social, ou se seriam, já estariam pelos dias atuais, a tomar o próprio lugar do tecido outrora são. Criamos nossos próprios monstros, quando fornecemos aos nossos filhos, uma educação incorreta, desequilibrada, e baseada em desigualdades. O que se tem feito ao longo das últimas décadas, e aí reune a formação do indivíduo, tem favorecido sobremaneira o aparecimento de pessoas que agem totalmente fora dos padrões de comportamento em sociedade.

Quando vemos exaltados no mundo moderno, um verdadeiro culto a banalidade, as drogas, ao alcoolismo, a prostituição, a decadência cultural representada aqui no Nordeste pelas bandas de forró eletrônico, no Sul pelo Funk de Rua, o consumismo capitalista desenfreado que cria relações instáveis de desigualdade social, fomentados pela injustiça, e a falta de políticas que privilegiem a formação e a continuidade baseadas no coletivo, e não no individualismo; Investe-se no indivíduo, mas não se investe nas relações grupais sadias; Quando vemos que os grandes valores são jogados diuturnamente na lata de lixo e seitas religiosas se apropriam habilmente da fragilidade e da ignorância latente das pessoas acerca dos fatos da vida, estamos muito mais propensos a fomentar esse tipo de comportamento.

Os meus dois centavos sobre o assunto? A minha tônica! - "que se invista mais na formação geral das pessoas". Aprender que educar não é somente ministrar aulas de português, de matemática ou química. Formar um indivíduo involve inúmeras variáveis que dependem muito mais de políticas corretas e de um sistema eficiente, igualitário, que garanta qualidade de vida, cultura e senso de responsabilidade social.

Se hoje nos deparamos com fatos graves como esse massacre no Rio de Janeiro, em que uma pessoa aparentemente desajustada adentrou a uma escola pública e matou 11 alunos, não culpemos apenas este rapaz isoladamente, como fazem os que percorrem uma leitura superficial dos fatos. Ele é apenas uma das inúmeras válvulas de escape para uma sociedade que está gravemente enferma, e que há muito, já perdeu a noção dos padrões morais e sociais que toda sociedade deve ter na sua lista de prioridades.

Ele é mais um de nós, um João, um José, um Joaquim, e cada um se torna responsável, pois no íntimo, todos sabemos que ele apenas externou e praticou através de um ato público, aquilo que o sistema nos força, de forma quase incoercível a cometer. Se há culpados pela tragédia ? há: Todos nós, que quer por uma ignorância atávica, ou a mera e costumeira irresponsabilidade, negamos aos nossos filhos uma educação clássica, baseada em grandes valores que em tese, deveriam sempre nortear as relações e o comportamento das sociedades ditas civilizadas para um mundo moderno.

Por: Dihelson Mendonça

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Pregão define empresa que fará reconstrução do canal - Por: Antonio Vicelmo


A Avenida José Alves de Figueiredo ficou destruída após a enchente, no final de janeiro. Mas para evitar novas enchentes, será necessária uma intervenção maior - FOTO: ELIZÂNGELA SANTOS. Com proposta de pouco mais de R$ 2,5 milhões, Construtora Coral prometeu iniciar obras esta semana

Crato. Com uma proposta de R$ 2,520 milhões, a Construtora Coral foi a vencedora do pregão presencial, promovido pelo Governo do Estado, para restauração da primeira etapa do canal do Rio Granjeiro, que foi parcialmente destruído pela chuva de que desabou sobre o Crato, no último dia 28 de janeiro. O pregão foi presidido pelo governador Cid Gomes, no auditório da Universidade Regional do Cariri (Urca). O diretor presidente da Coral, Ivo Rodovalho, anunciou que os trabalhos da primeira etapa serão iniciados ainda esta semana.

Os recursos são parte da verba de R$ de 4 milhões liberada pelo Ministério da Integração Nacional para restauração do canal que corta a cidade. O restante (R$ 1,420 milhão) será aplicado na segunda etapa, que consiste na recuperação de duas pontes e da malha asfáltica da Avenida José Alves de Figueiredo, que foi arrancada pela enchente. "Se sobrar dinheiro, serão realizados outros trabalhos", garantiu Cid Gomes.

O orçamento básico apresentado pelo Departamento de Edificações e Rodovias (DER) foi de R$ de 2 milhões 898 mil. Compareceram ao pregão as empresas G&F, Coral e Borges Carneiro. As propostas eram acompanhadas pelo público por meio de telão e um sistema de som. Com a apresentação da última proposta, o Governador bateu o martelo anunciando a construtora Coral como a vencedora. Porém, o próprio Governo do Estado admite que os R$ 4 milhões aplicados nesta recuperação não resolvem o problema. A cidade continuará sendo inundada por chuvas acima de 100 milímetros. A prefeitura do Crato dispõe de um projeto que defende a contenção das águas que descem do pé da serra com a construção de pequenos açudes em pontos estratégicos.

Transposição

Em entrevista concedida após o pregão, Cid Gomes explicou que está sendo elaborado um anteprojeto. "Não é um projeto definitivo, é apenas uma ideia que está sendo estudada, que consiste na transposição do Rio Granjeiro, isto é, um desvio do leito do rio para fora da cidade". Este projeto, segundo o governador, está orçado em R$ 45 milhões. É mais complicado. "Mesmo assim, nós vamos tentar a liberação de recursos", garantiu Cid Gomes.

A propósito das obras paralisadas em Crato, tema de matéria publicada pelo Diário do Nordeste no último sábado, o governador disse que não tinha conhecimento, por exemplo, de que as obras da Escola Profissionalizante se encontravam paralisadas. A unidade está sendo construída no bairro São Miguel.

Quanto ao Centro de Convenções, Cid Gomes garantiu que está sendo aberta uma nova licitação para a execução da segunda etapa. As obras do Ginásio Poliesportivo, conforme o governador, são de competência da Universidade Regional do Cariri (Urca). A vice-reitora Otonite Cortez informou que estão sendo obedecidos os trâmites legais para o reinício da obra.

O pregão presencial é a modalidade de licitação em que a disputa pelo fornecimento de bens ou serviços públicos comuns é feita em sessão pública, nas dependências da instituição compradora, por meio de propostas de preços escritas e lances verbais para classificação e habilitação do licitante com o menor preço ofertado.
MAIS INFORMAÇÕES

Departamento de Edificações e Rodovias (DER)

Av. Godofredo Maciel, 3000, Fortaleza

(85) 3101.5704/ http://www.dert.ce.gov.br

Antônio Vicelmo
Repórter do Diário do Nordeste

Colaborador do Blog do Crato e Chapada do Araripe Online

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - CCBNB-Cariri comemora cinco anos de existência valorizando os artistas e grupos caririenses


O Centro Cultural Banco do Nordeste-Cariri (rua São Pedro, 337 - Centro - fone: (88) 3512.2855), com sede em Juazeiro do Norte, na região Sul do Ceará, comemora, neste mês, cinco anos de existência, valorizando os artistas e grupos caririenses. Será realizada uma série de eventos comemorativos, abrangendo espetáculos de teatro adulto e infantil, shows, exibição de filmes, contação de histórias e passeio cultural.

Neste sábado, 9, às 16 horas, acontecerá a contação de histórias "Deuses, heróis e monstros da mitologia", com Elizabete Pacheco, inspirada na milenar mitologia grega e permeada por aventuras que envolvem deuses e monstros. O conjunto de histórias mostra como a humanidade era vista pelos antigos gregos e como ela está presente na história do ocidente. A contação será reapresentada no dia 16, às 16h.

Além da contação de histórias, três espetáculos infantis serão apresentados no teatro do CCBNB-Cariri: "Tio G." (neste sábado, 9, às 15h); "Lampiãozinho", com a Cia. Yoko de Teatro, do Crato (dia 16, às 15h e 17h); e "Os três porquinhos", com a Cia. Anjos da Alegria, também do Crato (dia 30, às 15h).

A mostra de filmes destaca o trabalho de cineastas caririenses. Neste sábado, 9, às 17h30, serão exibidos os seguintes curtas-metragens: "A curva", de Salomão Santana; "Corpos sagrados", de Mariana Porto; "Cerca", de Glauco Vieira; "Amor", de Ythallo Rodrigues; e "Jarro de Peixes", de Salomão Santana. No dia 16, será apresentado o longa-metragem "Estrada para Ythaca", dirigido pelos Irmãos Pretti e Primos Parente. E no dia 30, a partir das 17h30, serão exibidos cinco curtas-metragens: "Lampião", de Ythallo Rodrigues; "Também sou teu povo", de Orlando Pereira e Franklin Lacerda; "Encontro não marcado", de Michel Macedo; "Adeus, meu bem!", de Allison Gomes e Ythallo Rodrigues; e "Quarta parede", de Allison Gomes e Roberto Alves.

Dentro do programa Arte Retirante, que leva espetáculos para além das dependências do Centro Cultural, serão encenadas cinco peças teatrais, sendo quatro adultas e uma infantil, a saber: "Bodas de sangue", do autor espanhol García Lorca e direção de Márcio Rodrigues, com o grupo cratense Centauro de Teatro, no município de Barbalha (dia 10, às 19h); "A vingança do finado Joaquim", dirigida por Flávio Rocha e apresentada pela Cia. Anjos da Alegria, do Crato, na Vila Três Marias, em Juazeiro do Norte (dia 17, às 16h30); "Retalhos de minha terra", com direção, pesquisa e texto de Gilsimar Gonçalves e apresentação pelo Grupo de Teatro Louco em Cena, de Barbalha, na Festa dos Karetas, na cidade de Jardim (dia 21, às 17h). E para a garotada, o espetáculo infantil "Os três porquinhos", com a Cia. Anjos da Alegria, do Crato, na Fundação Casa Grande, em Nova Olinda (dia 29, às 16h).

Já no teatro do CCBNB-Cariri, serão apresentados os seguintes espetáculos cênicos: "Pássaro de voo curto", com texto de Alcione Araújo e direção de Mauro César, e encenação pela Cia. Entremeios de Teatro, do Crato (dia 12, às 19h); "Avental todo sujo de ovo", com direção de Jânio Tavares e apresentação pelo Grupo Ninho de Teatro (dia 13, às 19h); "Caboré", com direção de Mano Damasceno e apresentada pela Cia. Desabafo de Teatro, de Juazeiro do Norte (dia 14, às 19h); "A comédia da maldição", texto e direção de Cacá Araújo, com a Cia. Cearense de Teatro Brincante, do Crato (dia 15, às 19h); "O hóspede", com direção de Joylson John Kandahar, encenada pela Cia. Mandacaru, de Juazeiro do Norte (dia 19, às 19h); e o monólogo "Retrato", livremente inspirado na obra de Elias José, com texto e direção de Yarley Lima e apresentação de Walesvick Pinho, da Cia. Yoko de Teatro, do Crato (dia 20, às 19h).

Na área musical, serão realizados, no final do mês, nove shows comemorativos dos cinco anos de existência do Centro Cultural BNB-Cariri. No dia 26, apresentam-se Os Peleja, de Barbalha, às 18h30, e a Família Linard, do Crato, às 19h50. No dia 27, o rock do Morfin 8, às 18h30, e da Glory Fate, às 19h50 (ambas são de Juazeiro do Norte). No dia 28, às 18h30, canta Sílvio Grangeiro, de Milagres, e às 19h50, Geraldo Júnior, de Juazeiro do Norte. No dia 29, é a vez do show coletivo que reunirá nomes como Abidoral Jamacaru, Luiz Carlos Salatiel, João do Crato e Zabumbeiros Cariris, às 19h. No dia 30, Cleivan Paiva e Dihelson Mendonça, ambos do Crato, apresentam juntos o show "Tons musicais", às 20h. No dia 1º de maio, Geraldo Júnior retorna ao palco, mas desta vez na Fundação Casa Grande, em Nova Olinda, às 19h.

Antes, no dia 30 de abril, às 16h30, haverá o Passeio Cultural, cujo objetivo é mostrar às crianças lugares do Cariri, valorizando a cultura e a história da região. O foco do passeio serão as praças históricas, a exemplo da Praça da Sé, no Crato.

ENTREVISTAS E INFORMAÇÕES ADICIONAIS:

* Lênin Falcão (gerente do Centro Cultural Banco do Nordeste-Cariri) - (88) 3512.2855 / 8802.0362 - lenin@bnb.gov.br

* Luciano Sá (assessor de imprensa do Centro Cultural Banco do Nordeste) - (85) 3464.3196 / 8736.9232 - lucianoms@bnb.gov.br

Via Ivanildo Souza

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Cid Gomes inaugura Hospital Regional do Cariri


O tão esperado Hospital Regional do Cariri teve as portas abertas para a população nesta sexta-feira (8). A inauguração do primeiro hospital regional de alta complexidade, instalado no Interior do Estado foi inaugurado pelo governador Cid Gomes e pelo ministro da Saúde, Alexandre Padilha, na presença de milhares de pessoas, além do vice governador, Domingos Filho, do presidente da Assembleia Legislativa, Roberto Cláudio, dos senadores (Inácio Arruda, Eunício Oliveira e José Pimentel), deputados federais, estaduais e prefeitos de todas as regiões do Ceará. O hospital, em Juazeiro do Norte, leva o nome Monsenhor Murilo de Sá Barreto, sacerdote reconhecido no Nordeste por suas ações de caridade.

Antes da solenidade, o Governador e o ministro visitaram as instalações do Hospital, que aportou recursos da ordem de R$ 104,7 milhões. De acordo com Cid Gomes, desse montante, R$ 20 milhões são oriundos do Ministério da Saúde e o restante e recurso próprio do tesouro estadual. “Nosso grande desafio é o custeio. É manter os equipamentos com qualidade, e essa será nossa luta para manter todo o complexo sistema de saúde funcionando”, relatou o Governador. No entanto, o ministro anunciou: “O ministério da Saúde não vai se omitir em ajudar o Governo do Estado a prestar serviços de qualidade aqui no Hospital Regional do Cariri”, afirmou Padilha. Diariamente, segundo Cid Gomes, o investimento para o bom funcionamento do hospital é de R$ 200 mil.

Emocionado, Cid começou o discurso agradecendo aos cerca de 700 trabalhadores da construção civil que ajudaram a erguer a obra e lembrou os vários momentos em que lá esteve. Aos prefeitos presentes na solenidade, o governador dirigiu-se lembrando que o sistema público de saúde é um sistema complexo e que, no entanto é necessário que cada agente público cumpra bem seu papel. “A população das microrregiões que esse hospital atenderá ultrapassa a casa de 1 milhão de habitantes, daí a importância da atuação dos agentes públicos”, destacou.

O Governador também lembrou os desafios com a saúde mas voltou a reafirmar que pretende adotar no Ceará um sistema referência no setor. Para isso, lembrou Cid, estão sendo implantados 16 Centros de Espacialidades Odontológicas, 21 Policlínicas com ofertas de até 13 especialidades médicas e através da parceria com o Governo Federal, implantadas 32 Unidades de Pronto Atendimento no Ceará, além do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU). Também já está em construção o Hospital Regional Norte, no município de Sobral e será erguido mais hospital regional para atender as regiões do Sertão Central, Sertão dos Inhamuns e Canindé. “Tudo o que eu fizer vai ser pouco diante da enorme gratidão que eu tenho pelos cearenses”, finalizou Cid.

De acordo com o ministro Alexandre Padilha, o Hospital do Cariri não deixa nada a desejar do que qualquer outro hospital quer seja público ou privado do Brasil. “Esse hospital passa a ser um dos grandes orgulhos do nosso sistema público de saúde”, disse. E acrescentou: "Estou há quase 100 dias a frente do ministério da Saúde e afirmo aqui que poucos momentos me deram tanto orgulho em ser ministro, do que quando visitei cada ala desse hospital”, ressaltou.

Alexandre Padilha também anunciou que o Cariri será uma região prioritária para a implantação do programa Rede Cegonha para atendimento integral a gestante e que pretende voltar a região para a implantação do Samu. De acordo com o ministro, a determinação da presidenta Dilma Rousseff é de que sejam interiorizadas todas as ações de saúde como forma de garantir o acesso a população mais carente do Brasil. “Esse hospital vai salvar muitas vidas mas não podemos esquecer que o que faz uma saúde com qualidade é aquilo que se começou no Ceará e hoje é exemplo em todo o País, são as experiências positivas do Programa Saúde da Família. E finalizou: "O Ceará é um estado que cresce e por isso a saúde cresce também. Não podemos deixar de reconhecer toda a determinação do governador Cid Gomes que foi muitas vezes a Brasília procurar vencer todos os obstáculos para que hoje estejamos inaugurando esse grande hospital".

Já, de acordo com o titular da saúde no Estado, Arruda Bastos, esse será o primeiro hospital público de alta complexidade construído no Interior do Ceará para o atendimento de traumas, semelhante ao Instituto Dr. José Frota (IJF), em Fortaleza, ao mesmo tempo em que realiza atendimento clínico e cirúrgico em diferentes especialidades, como o Hospital Geral de Fortaleza (HGF).

Estrutura

O Hospital Regional do Cariri, com 27 mil e 126 metros quadrados de área, é o primeiro hospital público terciário construído no Interior do Ceará. A assistência no HRC inclui a garantia de exames complexos realizados com equipamentos modernos, atualmente só feitos na capital. Destaca a ressonância magnética, feita hoje na rede pública exclusivamente no HGF. Outros exames que serão assegurados no HRC são a tomografia computadorizada, endoscopia digestiva e respiratória, eletroencefalograma, eletrocardiograma, ecocardiograma, ecocardiografia, angiografia, mamografia, ultrassonografia geral e intervencionista, radiologia geral, além de serviços de laboratório de análises clínicas e patologias clínicas, anatomopatologia, citologia e agência transfusional.

Com o funcionamento do novo hospital regional, a população terá acesso a especialistas em traumato-ortopedia, neurologia, cirurgia geral, cirurgia vascular, cirurgia plástica, cirurgia buco-maxilo-facial, proctologia, gastroenterologia, urologia, oftalmologia, clínica médica e mastologia. Os atendimentos serão iniciados a partir do mês de maio a pacientes encaminhados pelos municípios através das centrais de regulação, com consultas e exames agendados. Durante todo este mês de abril serão feitos treinamentos com os 996 profissionais aprovados em seleção pública. Os diretores também passam por seleção pública. Iniciado há pouco mais de dois anos, exatamente em fevereiro de 2009, o Hospital Regional do Cariri, construído pelo consórcio das empresas Fujita/Palmas, é um investimento de R$ 104,7 milhões.

A administração do Hospital Regional do Cariri será feita pelo Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar, uma organização social que o Governo do Estado, através da Sesa assinou contrato de gestão, baseado em metas e resultados. O modelo de gestão é o mesmo adotado desde 2002 no Hospital Dr. Waldemar Alcântara, unidade que integra a rede estadual de saúde.

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

Coluna Armando Rafael -- Notícias do Cariri


Muita conversa, pouco trabalho Como esta coluna previu – há quase um ano – nenhuma das grandes obras públicas anunciadas, com estardalhaço, para comemorar o centenário de Juazeiro do Norte saiu do papel. Foi o caso da Praça do Marco Zero, Anel Viário, Avenida do Contorno, o Roteiro da Fé, os quatro portais nas entradas da cidade, a hospedaria para romeiros pobres, dentre outras. Nenhuma foi iniciada. E faltam apenas 3 meses e 10 dias para a data do centenário. Mesmo que fossem iniciadas hoje, não daria mais tempo para conclui-las até o próximo dia 22 de julho. Pior: todas aguardam liberação das verbas que “teriam” sido conseguidas por deputados...


Outras iniciativas suprirão essa lacuna

Entretanto, algo foi feito para comemorar a importante efeméride juazeirense. E nem precisou do alardeado componente político. A exemplo do Projeto Editorial do Centenário, trabalho articulado pelo Coordenador Executivo da Comissão do Centenário, prof. José Carlos dos Santos e pelo ex-diretor do Memorial Padre Cícero, Renato Casimiro. Depois de negociado (parceria UFC/BNB/Prefeitura de Juazeiro), o pacote sairá com 20 livros. O volume nº 1 da coleção – a ser lançado no próximo dia 22 de julho – será O Patriarca de Juazeiro, do padre Azarias Sobreira (foto à esquerda). Depois virão os outros 19. Outro lançamento editorial de grande importância será "Padre Cícero Romão Baptista e os Factos de Joaseiro" (editado numa parceria entre o Departamento Histórico Diocesano Padre Antônio Gomes/ Sesc/ Senac/ Fundação Padre Ibiapina/ Prefeitura de Juazeiro).


Iniciativa da URCA merece elogios

A Universidade Regional do Cariri também participa com um pacote editorial em homenagem ao Centenário de Juazeiro do Norte. Numa parceria Urca/Secult/UFC – sob a coordenação da vice-reitora Otonite Cortez – foram reeditados e se encontram à venda em Fortaleza (a propósito: quando serão colocados à venda no Cariri?) dois livros: “Efemérides do Cariri”, de Irineu Pinheiro e "Joaseiro e o Padre Cícero”, de Floro Bartolomeu”. Na mesma parceria também foram reeditados sete livros de J. de Figueiredo Filho: “História do Cariri” (quatro volumes), “Folguedos Infantis Caririenses”, “Engenhos de Rapadura do Cariri” (foto à esquerda) e “Cidade do Crato”, além de "O Cariri" de Irineu Pinheiro.



Do fundo do baú

A propósito, o escritor J.de Figueiredo Filho (1904-1973), continua a ser o cratense com maior número de livros publicados, trinta e cinco anos depois do seu falecimento. Ele herdou o gosto literário do pai, José Alves de Figueiredo (o Zuza da Botica) que era poeta, jornalista e cronista. Figueiredo Filho era farmacêutico, historiador, jornalista, memorialista, cronista, folclorista e o único membro da Academia Cearense de Letras que morava no interior. Sem nunca ter saído de Crato, J. de Figueiredo Filho, além dos 7 livros de sua autoria, reeditados pela Urca/Secult/UFC, também escreveu e publicou: “Renovação”, “Meu mundo é uma farmácia”, “Folclore do Cariri”, “Patativa do Assaré–novos poemas comentados”, afora centenas de trabalhos de alto valor histórico, paleontógico, folclórico e literário, publicados em revistas e jornais brasileiros. Na foto abaixo, parte da família Figueiredo: da esquerda para a direita: Marineida (esposa do Dr. Aníbal, com a filha Magali ao colo), José Alves de Figueiredo (o Zuza da Botica, patriarca do clã), J. de Figueiredo Filho com Tiago, Zuleika (esposa de Figueiredo Filho) e Emília, a matriarca da família.
Encontro internacional das CEBs
Iniciada no último dia 31 de março será encerrada neste sábado, 9 de abril, em Santiago, capital do Chile, o Encontro de Articulação das Comunidades Eclesiais de Base (CEBs). Participaram do evento 35 participantes, provenientes de quatro continentes: África, Ásia, Europa e América Latina. A diocese de Crato esteve presente ao encontro – representada pelo padre Vileci Vidal, que aparece na foto ao lado (o terceiro da esquerda para a direita). Crato sediará, em 2014 – no Centro de Expansão Dom Vicente Matos – o 13º Encontro Nacional das CEBs, que será coordenado pelo padre Vileci. O evento reunirá representantes dos 26 estados brasileiros e do Distrito Federal.


Conhecendo o Cariri Na foto acima o Boqueirão de Lavras, localizado a cinco quilômetros da cidade de Lavras da Mangabeira. O Boqueirão é formado pela abertura de uma rocha, dentro da qual corre as águas do Rio Salgado. Mesmo na temporada de verão existe água naquele local, uma das paisagens mais bonitas do Cariri.


Curtas


1 – Que o sul do Ceará é um celeiro de vocações religiosas, todo mundo sabe. O que pouca gente sabe é que Crato é sede de algumas casas de formação católica. A exemplo da Casa de Formação dos Servos do Sagrado Coração de Santa Caterina Volpicelli, localizada no sítio Sítio Guaribas. E da Casa dos Missionários da Aliança de Misericórdia, destinada a aspirantes ao sacerdócio, localizada na Rua Dom Pedro II, centro de Crato. Esses vocacionadas estudam Filosofia e Teologia na Faculdade Católica do Cariri, frequentada também pelos mais de sessenta alunos do Seminário Diocesano São José.


2 – O botânico Christian Westerkamp – professor do curso de Agronomia do Campus UFC-Crato – é profundo conhecedor da obra do naturalista alemão Fritz Müller (1822–1897). O prof. Christian foi convidado para proferir palestras sobre Fritz Müller na exposição que será realizada pelo Instituto Martius-Staden (de São Paulo) e pelo Museu Koenig (de Bonn, Alemanha). Fritz Müller foi – e continua sendo – o mais importante biólogo do Brasil. Recentemente, o prof. Christian Westerkamp proferiu palestra, em Blumenau (SC), cidade onde Fritz Müller viveu por 34 anos.


3 – Juazeiro do Norte vai ganhar em breve a Rádio FM Universitária do Cariri, iniciativa da Universidade Federal do Ceará. O estúdio desta nova emissora de rádio ficará no próprio Campus UFC-Cariri.


4 – A boa notícia: O Hospital Regional do Cariri (oficialmente será denominado de Monsenhor Murilo de Sá Barreto) será inaugurado nesta sexta-feira, dia 8. Com direito a show de Lulu Santos e presença do ministro da saúde, Alexandre Padilha. Agora a notícia ruim: o hospital só começa a funcionar na segunda quinzena de junho...


5 – A divulgação do relatório (tardio) da Polícia Federal confirmou a existência do Mensalão. E provou que o esquema de corrupção não era uma “farsa”, como apregoava o ex-presidente Lula. Mais uma vez desmascarados, os chefões da "lambança" torcem pela prescrição do crime de “formação de quadrilha”, o que poderá acontecer no próximo mês de agosto, no qual estão implicados 22 dos 40 políticos denunciados pelo Supremo Tribunal Federal pelo Mensalão. Se a prescrição ocorrer mesmo, estará decretada a falência moral do Estado brasileiro...


6 - Monsenhor João Bosco Cartaxo Esmeraldo, reitor do Santuário Eucarístico Diocesano (instalado na igreja de São Vicente Ferrer, em Crato), participou em Salvador, Bahia, do 19º Encontro Nacional de Reitores de Santuários do Brasil. O evento aconteceu entre os dias 1º e 7 do corrente mês.


7 – Com a solenidade de ordenação de novo sacerdote (Emanoel Dias Alexandre) e do novo diácono ( Francisco Weslley Barbosa Barros) a Catedral de Nossa Senhora da Penha inaugurou na última 5ª feira, dia 7, o sistema dos telões internos, proporcionando que se veja, de qualquer lugar da Sé de Crato, o que se passa no altar-mor. Devido as largas colunas existentes naquele templo, quem ficava nas laterais não via o que se passava no centro do templo. Com os telões o problema foi resolvido.

Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30