xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 07/03/2011 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

07 março 2011

CARNAVAL DA CRIANÇADA

Nesse dia 8 de março minha homenagem às GRANDES MULHERES DO CARIRI! Por: Janinha


Izaíra Silvino
Gabriella Frederico
Orleyna Moura
Danielle Esmeraldo
Dane de Jade
Josenir Lacerda
Mônica Vitoriano
Fatinha Gomes
Irene
Maria


Claude Bloc
Lamento a falta de algumas grandes mulheres por não ter arquivos fotográficos, Deus as ilumine sempre, dando força, coragem e poder para nos representarem tão bem!

Curso Básico de Elaboração de Projetos Sociais começará dia 18 - Por Beto Fernandes

A EPUCA – Escola de Políticas Públicas e Cidadania Ativa – iniciará no próximo dia 18 Curso Básico de Elaboração de Projetos Sociais na cidade de Crato. O facilitador será Joelmir Pinho (foto)

As inscrições estavam abertas até a sexta-feira, mas a coordenação montou nesta segunda-feira, 7, um plantão telefônico e por e-mail visando atender os interessados.

O pedido de inscrição e de outras informações, inclusive sobre a forma de pagamento, pode ser feito através dos telefones (88) 9953-0610 e 8110-4321, ou ainda, pelo e-mail joelmirpinho@hotmail.com .

O curso terá 40 horas de duração e será realizado dias 18, 19 e 20, 25, 26 e 27. Sexta e sábado, pela manhã e à tarde aos domingos, apenas pela manhã. Nos módulos serão abordados os temas: terceiro setor, principais fontes de recursos, elaboração desde o diagnóstico até o orçamento e oficinas com abordagem teóricas e práticas sobre objetivo, justificativas e metas.

O curso é voltado para gestores e técnicos de projetos e organizações sociais governamentais e não-govenamentais, assistentes sociais, professores, estudantes de cursos da área social, entre outros.

As aulas serão realizadas em escritório localizado na Av. Santos Dumont, vizinho ao Teatro Municipal Salviano Arraes.

Para conhecer mais sobre o Curso Básico de Elaboração de Projetos Sociais acesse http://epuca.wordpress.com/cursos/. Visite o perfil do facilitador através do link http://joelmirpinho.wordpress.com/joelmir-pinho-perfil/.

Por Beto Fernandes

Claudio Dauelsberg: trio de mestres no palco - Por Dalwton Moura

Tocando em pé, animado e descontraído, Dauelsberg mostrou suas virtudes de pianista


O domingo de Carnaval no Festival Jazz & Blues convidou a uma integração entre os públicos dos dois universos musicais, com uma mesma sessão de shows reunindo o gaitista norte-americano Rick Estrin e o pianista e carioca Claudio Dauelsberg. Coube ao compositor e arranjador, que trabalhou ao longo da semana nas oficinas para jovens músicos promovidas pelo festival em Guaramiranga, a tarefa de abrir os trabalhos, ao lado de dois outros mestres que atuaram nas oficinas: o baixista quixadaense Adriano Giffoni e o baterista carioca Caíto Marcondes.

E a interação entre os músicos, reforçada pela convivência ao longo da semana, ficou clara para a plateia, que soube retribuir com aplausos à altura de um dos melhores shows do festival até aqui. Mesmo com ênfase no piano, o cuidado com a musicalidade, compreendida como prática de conjunto, foi o destaque da apresentação, diversificada e rica entre o jazz, o choro, o samba e a balada, como na autoral “Infância”, de Dauelsberg – com mais tempo para improvisação de todos os instrumentistas e participação especial do flautista Heriberto Porto, outro oficineiro, uma exceção em um show de temas percorridos de forma breve e intensa.

Tocando em pé, animado e descontraído, Dauelsberg mostrou suas virtudes de pianista revisitando o Pixinguinha de “1x0” e “Ingênuo” e lembrou Dave Brubeck nas construções de tempos quebrados, entre repetições e síncopes, de “Canto dos hebreus”, em estreita afinação com o baixo de Giffoni e a performance de Caíto na bateria. Também mostrou uma abordagem suave, mas diferenciada, de “Chovendo na roseira” e assistiu Marcondes carregar “Insensatez” do erudito para os ecos do samba.

E quem esperava pelo lado mais jazz do festival pôde conferir um dos pontos altos do evento até o momento: a versão de Dauelsberg e companhia para “Confirmation”, de Charlie Parker. “Ele dividiu o século em dois e criou o bebop, um dos maioers desafios para quem improvisa, porque obriga a pensar muito rápido”, contextualizou o pianista, para em seguida demonstrar, na prática, a sedução e os desafios do ritmo, com o baixo de Giffoni ainda mais hipnótico na condução que no improviso.

Com passagem pela autoral “Ventos do sul”, homenagem aos ritmos como a milonga e o chamamé, Claudio encerrou seu show com outro clássico do jazz: “Spain”, de Chick Corea. “Foi um grande incentivador da minha carreira”, revelou, agradecendo ainda a convivência com colegas professores e com os alunos, nas oficinas ao longo da semana. Dauelsberg teve ainda de voltar para o bis, com a riqueza rítmica de “Incompatibilidade de gênios” – “o hino dos alunos nesse festival”. Claudio Dauelsberg, Adriano Giffoni e Caíto Marcondes mostraram, no palco, grandes lições.

Dalwton Moura é jornalista e crítico musical
Publicado no Jornal O Povo Online
Foto de Chico Gadelha

Postado por Beto Fernandes

Popularidade do Brasil é a que mais cresce em pesquisa global

DA BBC BRASIL

Uma pesquisa anual do Serviço Mundial da BBC conduzida em 27 países revela que as opiniões positivas sobre a influência do Brasil no mundo tiveram o maior aumento entre as nações pesquisadas, passando de 40% a 49%.
Já as visões negativas sobre a atuação brasileira caíram três pontos percentuais, para 20%. Somente em um país, a Alemanha, as opiniões negativas sobre o Brasil suplantam as positivas (32% a 31%).
Outra nação a destoar do resultado geral foi a China, maior parceiro comercial do Brasil, onde a visão positiva da influência brasileira caiu 10 pontos percentuais, para 45%, e a opinião negativa subiu 29 pontos, para 41%.
O levantamento, coordenado pelo instituto de pesquisas GlobeScan e pelo Programa de Atitudes em Política Internacional (PIPA, na sigla em inglês) da Universidade de Maryland (EUA), foi feito entre dezembro de 2010 e fevereiro de 2011 com 28.619 pessoas, que opinaram sobre a influência de 16 países e da União Europeia.
Para Fabián Echegaray, diretor do Market Analysis, empresa que realizou a pesquisa no Brasil, a melhor avaliação do país pode ser atribuída à aprovação à diplomacia brasileira, à popularidade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e à atuação de empresas e ONGs brasileiras no exterior.
Segundo Echegaray, o bom desempenho da economia brasileira nos últimos anos, período em que muitos países sofreram intensamente os efeitos da crise financeira, também contou pontos a favor do Brasil, principalmente entre nações europeias.
A melhora na avaliação sobre o Brasil fez com que o país igualasse o desempenho obtido pelos Estados Unidos, cuja influência também foi considerada positiva por 49% dos entrevistados.
Os dois países ocupam posições intermediárias no ranking da pesquisa, que tem a Alemanha (com 62% de aprovação) e o Reino Unido (58%) nos primeiros lugares e Irã e Coreia do Norte (ambos com 16% de aprovação) nas últimas colocações.
Fonte: Folha.com

Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30