22 outubro 2011

PODEMOS COMEMORAR MAIS UM ERRO? - CLÁUDIO SOUSA


NE - Olha só, e o mundo nem acabou na Sexta-Feira. E agora, José ?





O radialista evangélico norte-americano Harold Camping, de 89 anos, tem prometido desde o começo do ano que o mundo acabaria. Ele já preveu a data do Juízo Finalalgumas vezes, e atribuiu a culpa a uma "falha de cálculo". Mas o fim do mundo tem nova data, determinada por ele mesmo: Hoje sexta-feira, 21 de outubro.

Em vez de um grande terremoto cataclísmico, como Camping tinha previsto para 21 de maio, a aposta da vez é que a profecia esteja se realizando "espiritualmente" e que o apocalipse concreto vai ocorrer nessa sexta-feira. Na época do anúncio original, seguidores da seita que ele dirige, a Family Network, chegaram a gastar as economias de suas vidas inteiras na expectativa de serem arrebatadas para o céu. A Family Network tem 66 estações de rádio nos EUA, por meio das quais Camping faz seus anúncios proféticos.


E AÍ AMIGOS COMENTARISTAS, PODEMOS COMEMORAR MAIS UM ERRO? OU AINDA ESTÁ CEDO?

Por Cláudio Sousa - Blog do Sanharol ( Rede Blogs do Ceará ).


Um comentário:

  1. É...

    Claudio Sousa:

    Meu pensamento pessoal sobre o fim do mundo é um tanto ou quanto controvertido.

    PRECISAMOS PONDERAR:

    O que entendemos por fim do mundo:

    1 - A destruição do planeta?

    2 - Somente a eliminação da vida animal e vegetal?

    3 - Somente a destruição da vida humana SEGUNDO PROFECIAS RELIGIOSAS?

    Se alguém for capaz de responder a um só desses itens, ainda restarão muitas dúvidas sobre o fim.

    O planeta terra não poderia ser destruído sem abalar seus vizinhos, e aí seria o fim do Sistema Solar e estaríamos falando de implicações de caráter universal.

    A vida animal e vegetal, não poderia simplesmente chegar ao fim, sem que antes houvesse uma sequencia de acontecimentos, iniciada milhares de anos atrás, culminando com o fim de tudo.

    É meu caro, acho que estou em sintonia mais com o pensamento cósmico do que com o pensamento puramente humano.

    Vejo o fim de muitos ciclos de vida, sem nenhuma destruição a toque de caixa, sem hecatombes.

    Muitas civilizações já desapareceram, muitos animais e plantas já foram extintos, e tudo isto faz parte da evolução planetária.

    Não acredito no fim do mundo. Não acredito nessas profecias. Não consigo. Me desculpem os profetas apocalípticos.

    Os garotos do meu tempo de infância e juventude, eram frequentememte atormentados, pois volta e meia, recebíamos a informação de que o mundo ia acabar.

    E eu como criança, sofria demais, naquela época em que considarava os adultos corretos em suas informações e formações religiosas.

    Hoje sei que tudo isto faz parte do imaginário de um povo sem Deus.

    Acredito na grandeza de Deus. Ele não nos colocaria aqui para nos destruir, para em um dia qualquer o caos voltar a reinar como era, no início da vida no planeta, há bilhões de anos.

    Desculpem-me o longo comentário. Há muito o que falar para poder explicar meus pontos de vista. O espaço aqui é muito restrito.

    Vicente Almeida

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.