xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 07/07/2010 | Blog do Crato
.

VÍDEO - ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Prefeito do Crato é escolhido um dos melhores prefeitos do Ceará pela PPE Eventos, em Fortaleza. ( 09-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

07 julho 2010

Sobre os índios Cariris - Por: Evandro Rodrigues de Deus e Janinha


O Crato é uma cidade pacata situada na região do Cariri, mais precisamente ao sul do Ceará, ao sopé da Serra do Araripe. Berço da tribo Cariri, índios que habitaram a localidade durante muito tempo. Esta é basicamente a informação que a maioria das pessoas tem a respeito da história do município. Porém, iremos mostrar mais detalhadamente os fatos que marcaram época e os cidadãos ilustres que dedicaram sua vida ao bem estar da comunidade cratense e ao desenvolvimento do seu povo. Buscando conhecer um pouco mais acerca de nossas raízes nos surpreendemos com a beleza e a riqueza dos acontecimentos. Expomos aqui um resumo que pode ser de muita ajuda para aqueles que por ventura possam se interessar pelo assunto. A região era uma aldeia habitada pelos índios Cariris, um povo pacato, característica que os batizou com esse nome porque no falar de Porto Seguro, Kiriri significa: Calado, tristonho, sincero. A tribo subdividia-se em grupos de diversas denominações, de acordo com os dialetos falados: Quixeréus, curianêses, Calabaças, Cariús, Tremembés, Pacajus, Icós, Cariris, Carirés, Jucás, Jenipapos, Jandaias, Sucurus, Garanhuns, Chocos, Fulniês, Acenas e Romaria. Qualquer índio da região era conhecido como Cariús, por ser a maior tribo existente na época. Os índios Cariris eram originários da Ásia e chegaram ao novo mundo pelos rios Amazonas e Tocantins. Dois tipos étnicos chegaram à América no período neolítico: os Sudésticos e os Brasilídios, a procura de um lugar que lhes dessem melhores condições de vida. Os Brasilídios geraram 12 tribos que se espalharam e povoaram quase que completamente o continente sul americano. Uma dessas tribos foi a nação Cariri que chegou ao sul do Ceará nos séculos IX e X da era Cristã em busca de terras férteis, úmidas, quentes e de fácil plantio, de onde pudesse retirar o sustento da família e conseqüentemente melhor a qualidade de vida. Encontraram no Cariri, mais precisamente no Crato, o ambiente propício às suas aspirações; com suas fontes e riquezas naturais a região propiciou-lhes uma vida fácil e primitiva, retirando da natureza, em abundância, uma diversidade de alimentos como macaúba, babaçu, piqui e araçá, dentre outros. Dedicaram-se ainda ao plantio da mandioca, do milho e do algodão. A caça e a pesca farta nas matas e rios faziam do ambiente um verdadeiro paraíso tropical onde suas famílias puderam viver em paz durante muito tempo.

A vida na tribo era tranqüila. Suas residências eram construídas com a palha da palmeira. Usavam utensílios feitos de forma artesanal como cabaças, cuias e coités. Fabricavam seus utensílios domésticos. Dentre eles destacamos o pilão de socar, a arupemba, o abano, esteiras de palha de palmeira e artigos feitos em cerâmica como vasos, pratos e panelas onde podiam fazer seus cozidos provenientes da farinha de mandioca, (produzida em estilo rudimentar, em casas de farinhas primitivas). e do milho. O bejú, a tapioca, a puba, a canjica, o cuscuz e muitas outras receitas nutritivas vieram dos nossos antepassados indígenas. A maioria destes costumes, comidas e ambientes foram e são utilizados pelas comunidades, até mesmo nos nossos dias. Nos séculos XVII e XVIII, na Serra do Araripe, os índios cariris foram descobertos pelos povoadores do ´Ciclo do Couro` de Sergipe, Pernambuco e possivelmente da Torre da Bahia. Missões Indígenas espalhados pelos Sertões Pernambucanos catequizaram e civilizarão a tribo Cariri. Documentos antigos relatam a presença dos missionários na região a partir de 1730. È aí que se inicia a história do Crato.

TEXTO: Evandro Rodrigues de Deus


fonte: http://acessogeral.blogspot.com

* Irmãos Aniceto, grupo de música cabaçal do Crato com forte influência dos grupos indígenas.




Por: Evandro Rodrigues de Deus e JANINHA

Crato - Fim de Tarde na Zona Rural - Dihelson Mendonça



Crato - Ceará - Fim de Tarde na Zona Rural

Foto: Dihelson Mendonça
Proibida a Reprodução e utilização sem a autorização do autor

COMPOSITORES DO BRASIL - Programa de Rádio - Zé Nilton Figueiredo


Régua, compasso,
matemática e loucura:
a Antropologia de

FAUSTO NILO

Por Zé Nilton

Um eminente antropólogo urbano – Carlos Nelson Ferreira dos Santos – de saudosa memória, um dia escreveu bela página sobre como teria migrado da arquitetura para a antropologia. Muito fácil, concluiu: arquitetos e antropólogos findam enaltecendo os elementos simbólicos em ambas as artes. Fausto Nilo é arquiteto urbanista. Melhor ainda, é de Quixeramubim cá do meu Ceará. Estas duas qualidades por si só dizem do muito que ele é. Simples, inteligente, honesto com as suas artes. Desenha espaços com a mesma leveza com que desenha palavras. Simplicidade.

O arquiteto esteve em Crato, não faz muito tempo. Andou por suas ruas feito um da terra. Ninguém o estranhou. Tinha a nossa cara. Era daqui. Mas alguém o seguia de longe. Seu olhar direcionava-se para o poeta com seus passos cadenciados sob uma roupa branca. E o seguia catando a poesia que entornava no chão de minha cidade. Tenho dificuldades em chamar Fausto Nilo de letrista. Melhor será dizê-lo poeta da música. Ninguém nunca chamou Vinícius de letrista, foi sempre o poeta ou o poetinha seguindo seus carinhos em diminutivo.

Muito de antropologia em sua poética de ritos, de mitos, de simbologias, ressignificando a dureza das histórias do cotidiano. Escutem novamente Meninas do Brasil, Paroara, Baião da Rua, Amor nas Estrelas... Ou leiam seus poemas sem a música e os musiquem novamente. Claro que pode. As letras da poesia soltam toadas. Vamos falar um pouquinho do nosso conterrâneo Fausto Nilo no programa Compositores do Brasil desta quinta feira. Dentre seu vasto repertório escolhemos para nos deliciarmos:

ZANZIBAR, de Fausto Nilo e Armandinho, com A Cor do Som
RETRATO MARROM, de Fausto Nilo e Rodger Rogério com Ney Matogrosso
BLOCO DO PRAZER, de Fausto Nilo e Moraes Moreira com Gal Costa
MIL E UMA NOITES DE AMOR, de Fausto Nilo, Pepeu Gomes_e_Baby Consuelo com Pepeu Gomes
JARDIM DOS ANIMAIS, de Fausto Nilo e Fagner com Fagner
DOROTHY LAMOUR, de Fausto Nilo e Petrúcio Maia com Ednardo
TUDO COM VOCÊ, de Fausto Nilo e Lulu Santos com Lulu Santos
AMOR NAS ESTRELAS, de Fausto Nilo e Roberto de Carvalho com Nara Leão
PAROARA, de Fausto Nilo, Chico Buarque e Fagner com Fausto Nilo
O ELEFANTE, de Fausto Nilo e Robertinho do Recife com Robertinho do Recife
BAIAO DA RUA, de Fausto Nilo e Nonato Luiz com Fausto Nilo
PEQUENINO CÃO, de Fausto Nilo e Caio Silvio com Simone
MENINAS DO BRASIL, de Fausto Nilo e Moraes Moreira com Moraes Moreira

Quem ouvir verá!

COMPOSITORES DO BRASIL
Pesquisa, produção e apresentação de Zé Nilton
Rádio Educadora do Cariri – 1020
Quintas-feiras, de 14 às 13 horas
Retransmissão: www.cratinho.blogspot.com

Globo entra na Justiça contra o UOL por exclusividade na Copa - portal segue Lei Pelé - Postado por Océlio Teixeira


As Organizações Globo entraram nesta segunda-feira (5) com pedido de liminar na Justiça do Rio alegando que o UOL “se aproveita de forma ilícita” das imagens da Copa do Mundo. O UOL segue estritamente a legislação brasileira, da qual faz parte a Lei Pelé, que garante o direito do público à informação.
No caso de eventos esportivos como a Copa do Mundo, a Lei Pelé permite a todos os meios de comunicação a utilização jornalística de vídeos desde que tal exibição se restrinja a 3% do tempo total de cada evento. Essa regra é respeitada pelo UOL.
O portal iG, que também usa trechos de vídeos dos jogos da Copa do Mundo em sua cobertura, não é citado nessa ação judicial da Rede Globo.
Em sua defesa, apresentada nesta terça-feira (6), o UOL refuta as teorias utilizadas pela emissora e aponta uma série de inverdades contidas na ação das Organizações Globo.
Na ação, a Rede Globo considera ilegal a veiculação dos Gols 3D, produto de animação desenvolvido a partir de software especialmente criado para o UOL no início deste ano. Sobre os Gols 3D, a Globo diz que sua divulgação não possui finalidade jornalística, “mas sim, destina-se unicamente ao entretenimento”. Acusa também o portal de usar imagens da emissora para criar as animações, o que não corresponde à realidade. Os Gols 3D mostram, em versão animada, os gols da Copa por vários ângulos. Sua realização é possível graças à biblioteca com inúmeros movimentos criada com exclusividade para o UOL entre fevereiro e maio deste ano.
Em junho, quando o UOL recebeu a primeira notificação, tanto a Rede Globo como a Fifa receberam resposta formal esclarecendo que o UOL exerce o direito público de informar conforme as garantias constitucionais e da Lei Pelé.
Na semana passada, o portal recebeu uma proposta de acordo que obrigaria o UOL a tirar qualquer videorreportagem da Copa do ar em 48 horas. A proposta também pretendia reduzir o limite máximo de uso de imagens de 3% da duração da partida, como reza a Lei Pelé, para máximo de 90 segundos fixos, independentemente de haver prorrogação e pênaltis. A emissora também exigia que o UOL não utilizasse publicidade nesse material jornalístico. O UOL nunca veiculou publicidade relacionada aos gols em vídeo na Copa de 2010. O UOL não aceitou a proposta restritiva. Outras empresas, como o Terra e a ESPN Brasil, aceitaram.
A Rede Globo, ciente da existência da Lei Pelé, alega que o fato de o UOL manter os vídeos disponíveis após 48 horas da realização dos jogos resultaria em perda do caráter jornalístico do conteúdo. Entretanto, não existe nenhum respaldo jurídico na afirmação de que uma cobertura perca seu caráter jornalístico em 48 horas, ou que o interesse público de uma informação tenha data para expirar.
Além disso, sempre que reproduz imagens de qualquer emissora em suas videorreportagens, o UOL dá créditos ao autor das imagens. O mesmo tem acontecido nesta cobertura da Copa.
Após 26 dias de Copa do Mundo, a Globo pede ao UOL que retire imediatamente todos os vídeos dos gols, inclusive as animações em 3D, de seu banco de imagens, 48 horas após a primeira veiculação, sob pena de multa diária de R$ 100 mil. Pede também, além do pagamento de custas judiciais e honorários advocatícios, “indenização por perdas e danos pelo uso indevido de imagens” no valor de US$ 2 milhões (cerca de R$ 3,6 milhões).
O UOL não transmitiu nenhum vídeo ao vivo de partidas da Copa do Mundo nem tampouco transmitiu partidas na íntegra, limitando-se sempre ao limite máximo de 3% da duração de cada jogo, como faculta a legislação brasileira a qualquer veículo de comunicação.
Não é a primeira vez que a Globo, que funciona sob concessão pública, tenta impedir o UOL de informar seus usuários, ignorando a legislação vigente no Brasil e o óbvio interesse público na cobertura jornalística da Copa do Mundo. Em 2005, durante o Campeonato Brasileiro, a emissora chegou a obter liminar para impedir o UOL de veicular resumos da competição de futebol. A liminar, porém, foi cassada.
No Congresso, a Rede Globo tem feito este ano lobby ostensivo para reduzir as garantias da Lei Pelé. Seu objetivo é obrigar todos os veículos de comunicação do país a depender exclusivamente do envio de imagens selecionadas por ela, além de reduzir o tempo limite de exibição de imagens de 3% do total do evento para um máximo de 90 segundos.
Na manhã desta segunda-feira (5), o PT havia registrado o programa de governo da candidata Dilma Rousseff que propunha, entre outros pontos, o combate ao “monopólio da mídia”. No início da noite, porém, o PT voltou ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral), retirou o texto e apresentou nova redação, da qual foram subtraídos pontos polêmicos, inclusive o do “combate ao monopólio da mídia”.
Fonte: UOL Esporte
Obs: O destaque em itálico é meu.

Crato - Prefeito Samuel Araripe entrega novo fardamento ao DEMUTRAN

Com a presença do Chefe do Demutran da cidade de Crato, Joatan, além de secretários de governo, o prefeito Samuel Araripe realizou no salão nobre da Prefeitura Municipal do Crato, a entrega do novo fardamento ao Demutran, conforme registrado nessa reportagem fotográfica enviada a nós pelo fotógrafo Henrique Maia. A população espera que o Demutran continue sempre atuante nos casos de abusos no trânsito, e possa realizar com urgência, o plano que prevê a identificação dos mototaxistas da cidade através de adesivos, vestimenta especial, e cor dos veículos. Um projeto que já existe há algum tempo, e que pela envergadura e a grande necessidade, precisa ser implementado na nossa cidade. O Blog do Crato fornecerá em breve, algumas sugestões ao Demutran, para que possamos tornar mais coerente e humano, o trânsito no Crato. Quem quiser enviar sugestões, basta escrever no mural do lado direito do Blog.

Cobertura Fotográfica:
DSC_1188b


DSC_1189b


DSC_1186b

Fotos: Henrique Maia
É proibida a reprodução do material sem a autorização do autor

Alegria de Pobre dura Pouco! - Comissão da EXPOCRATO Proíbe realização de Shows na "parte de cima" - Comissão vai conversar

Nota do Editor - É pra acabar mesmo com a cultura local ?

Caros Colegas da imprensa,

Desconsiderar momentaneamente o Comunicado que foi enviado sobre Palco Sonoro da URCA.
Hoje fomos informado que a comissão da Expocrato tinha tomada a decisão proibir a realização de shows ou uso de sons na "parte de cima" do evento, tomando conhecimento uma Comissão da URCA composta pela Reitora em exércicio - Professora Antonite,a Pró-reitora de Extensão - a professora Arlene Pessoa, os assessores da Cultura da URCA Luiz Carlos Salatiel e o Alexandre Lucas, acompanhados ainde de André Ferreira da Banda Liberdade e Raiz, Micaelson Lacerda - Banda Sétimo Selo, Ruth Rodrigues e Yuki Meneses integrantes do Coletivo Coletivo Camaradas foram conversar com o presidente da Comissão da Expocrato - Francisco Leitão. O mesmo ficou de apresentar uma decisão final até o final da tarde de hoje.

Abraços,
--
Prof. Alexandre Lucas
(88)9248-5255
(88) 88476946
(88)99783047

AÇÃO SOCIAL:SÃO JOÃO DA TERCEIRA IDADE-Por Wilson Bernardo.

Na tarde de ontem,se reunião na praça da sé,os CRAS do Alto da Penha,Batateiras,Seminário,Vila Alta,e em cortejo junino seguiram,em direção a quadra Bicentenário,onde todos dançaram uma quadrilha improvisada,ao som de muito forró pé de serra.No final o baile animou a todos,os devolvendo assim,a auto estima de que a velhice nunca será um empecilho,para quem determina viver com harmonia e graça.Quantos não se lembraram da juventude,e de quanto era sadio os forros pé de serra de suas épocas,com certeza o saudosismo contagiou a todos.
O grupo reunido na Sé
Liduina Secr.de Ação Social,sempre demonstrando dinamismo
Mônica Araripe não poderia deixar de prestigiar,evento tão significativo
Liduina em entrevista ,fala da importância da inclusão da terceira idade.
A festa foi simples mas contagiante
Não faltaram alegria nos olhos,ao lembrarem dos bons tempos de juventude
Eita final de festa Bommmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm
Quem adivinhar que é essa boneca de arupemba,ganha um livro do Blog do Crato.
Wilson Bernardo(Texto & Fotografia)

a

É necessário que haja uma reação – por Pedro Esmeraldo


Quando nós, simples eleitores, forçados pela lei eleitoral, somos obrigados a comparecer às urnas a fim de escolhermos nossos representantes quer sejam legislativos, quer sejam executivos, esperamos com galhardia e confiança que todos cumpram fielmente os seus compromissos assumidos com fidelidade durante a campanha eleitoral.
Ocorre, portanto que a maioria desses cidadãos esquece-se de satisfazer as suas obrigações e passa a não executar com fidelidade as promessas postas em práticas durante o período da manobra política.

Por essa razão, esquecem os políticos que o povo não procura mais satisfazer seus agrados e passa a cobrar valores representados por moedas ou papel com a finalidade de eleger um ou mais indivíduos de sua confiança.

Ultimamente, nós os cratenses, sofremos com a síndrome do pânico, pois por motivos alguns ficamos apavorados por causa do desmantelo desses políticos, já que quase todos não têm interesses de trabalhar por esta cidade.

Nesse momento, estamos convencidos que há uma horda de aventureiros que se beneficia e nem sequer procura solucionar os problemas da cidade, por mais simples que sejam.

Não possuem coragem de enfrentar a luta. Preferem viver na maré mansa sem levantar ao menos uma palha em defesa do povo. A maioria deles é clientelista e tem a prática de oferecer privilégio a sua clientela com o intuito de beneficiar-se eleitoralmente e por isso se esquece de satisfazer a maioria de seus eleitores.

Alguns deles usam viseiras, não têm o costume de olhar para frente, não enxergam um palmo diante do seu nariz. São molengas, não reage ás intempéries da insalubridade e esperam que venha tudo naturalmente. São subjetivos, se possível entregam facilmente a nossa cidade aos abutres que vêem de fora. Não pensam em lutar pela terra comum, afastam-se celeremente das encruzilhadas perigosas, cruzam os braços durante a luta e deixam tudo ao Deus dará. Recordamos a falta de apoio que eles não deram ao Crato quando da vinda do Campo Universitário da UFC, visto que tiveram medo de entrar na luta em defesa do Crato que caia na bancarrota.

Alegaram que não tinham representações políticas no Congresso Nacional, pois avisamos a esses homens locais que a representação política é o próprio povo e junto com ele poderíamos reagir às disparidades, pois, contraria o nosso desenvolvimento.

Não lutam com amor a terra, não reagem com forças contra a desigualdade comunitária.
Observamos que a cidade está perdendo força e não pode avançar em suas pretensões no campo tecnológico de só erguer literalmente com bom humor, visto que andamos sem força para caminhar no campo sólido da igualdade e da prosperidade.

Olhemos para frente e vejamos o descaso da Ponta da Serra que é um simples distrito que quer se emancipar e que por sua vez vem nos prejudicar, pois não suportamos mais os seus arrufos, que nos envergonham há anos, já que alguns desses políticos são favoráveis a essa luta e se juntam a eles (os pontasserranos) para se movimentarem de corpo e alma e se dedicarem contra o Crato. Isto é uma vergonha, um crime de lesa a pátria.

Cratenses, tomem cuidados, não se deixem levar por essa camada de entorpecentes que vivem querendo enganar o povo com o intuito de angariar votos. Vamos tomar cuidado e partimos para frente porque esses políticos de mau bofe são semelhantes a pregos que só servem para levar pancadas na cabeça.
Texto de Pedro Esmeraldo

A URCA aparece para salvar os Artistas Caririenses da completa Exclusão na ExpoCrato 2010


Nota do Editor - Uma iniciativa louvável da URCA - Universidade Regional do Cariri para com os Artistas Caririenses. Entretanto, conforme divulgado algumas linhas acima, esse comunicado está suspenso, porque a Expocrato está proibindo shows na "parte de cima". Uma comissão foi ontem conversar com os organizadores.


PALCO SONORO URCA - COMUNICADO

A URCA, através da Pró-Reitoria de Extensão-PROEX e do Instituto Ecológico Cultural Martins Filho, a partir de hoje, 07 de julho, estará recebendo release, currículo e, se possível, gravação de áudio, acompanhado da proposta de show de artistas individuais e/ou grupos musicais para apresentações no palco sonoro da URCA , que acontecerá no ambiente da ExpoCrato 2010. O material solicitado deverá ser entregue até sexta-feira, dia 09 de julho, no período de 08 às 11 da manhã, na sala do IEC –Instituto Ecológico Cultural Martins Filho, rua Teófilo Siqueira, 712 (próximo à quadra Bi-Centenário).

Uma comissão competente analisará as propostas. Os artistas selecionados serão comunicados e chamados para uma reunião onde se montará a programação. Maiores esclarecimentos, procurar a assessoria de cultura da URCA: Luiz Carlos Salatiel (fone: 99214773) ou Alexandre Lucas fone: (9248.5255).

Assessoria de Comunicação
Universidade Regional do Cariri - URCA
(88) 3102-1212 ramal 2617
www.urca.br
Crato, 07 de julho de 2010.

CRATO - Notícias do dia 07 de Julho de 2010


Crato promove Dia Municipal de Combate à Dengue

A Prefeitura Municipal do Crato, por meio da Secretaria de Saúde do Crato, realiza nesta quarta-feira, dia 7, o Dia Municipal de Combate à Dengue, com uma grande mobilização, em todos os bairros da cidade e no centro. O evento conta com a participação dos profissionais de saúde de todo o município, além da sociedade. Segundo a assessora técnica da Secretaria de Saúde, Aline Franca, esse trabalho tem como objetivo promover o envolvimento de toda sociedade, como forma de combater o mosquito e conter os índices de infestação no município. Panfletagem, faixas e cartazes serão levados às ruas. Também haverá um envolvimento institucional no sentido de fortalecer a campanha. Enquanto isso, continua sendo realizado o trabalho dos agentes, juntamente com o setor de Mobilização Social, no intuito de promover atividades continuadas de controle em todo o município. O Crato está atualmente com 600 casos de dengue e mais de mil notificações.

Crato se prepara para realizar concurso público

A Prefeitura Municipal do Crato, através da Secretaria de Administração, estará realizando em breve o lançamento de edital para realização de concurso público pela administração. Um levantamento das necessidades de funcionalismo foi realizado em todos os setores, no sentido de inserção das vagas a serem disponibilizadas no concurso. Recentemente, a administração realizou um cadastramento do funcionalismo, promovendo a atualização dos servidores do município.

Vacinação contra a poliomielite continua sendo realizada em Crato

A Secretaria de Saúde do Crato, por meio do setor de Imunização, continua realizando campanha de vacinação contra a Poliomielite. Crianças de 0 a 5 anos devem receber a dose da vacina. A coordenação da Imunização informa que as mães que ainda não levaram seus filhos, que todas as unidades de saúde estão com estoque de vacinas disponível. Em Crato já foram vacinadas 81,8% das crianças até cinco anos. A paralisia infantil foi erradicada no Brasil, porém, em outros países, a doença ainda existe. Portanto, torna-se importante a imunização, pois há a possibilidade de contato com o vírus.

Projeto de recuperação de sinalização nas ruas do Crato

O projeto de sinalização das ruas do Crato está sendo realizado nas principais vias do centro da cidade. O trabalho foi iniciado desde a semana passada, com a recuperação das pinturas verticais e horizontais. O trabalho vem sendo desenvolvido por meio da Secretaria de Infraestrutura em parceria com o Departamento Municipal de Trânsito

Secretaria de Ação Social realiza o “Arraiá da Terceira Idade”

O Governo Municipal do Crato por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, realizaou ontem na quadra Bicentenário, “o Arraiá da Terceira Idade”. A comemoração faz parte dos festejos juninos que a Ação Social do Crato se propôs a realizar durante todo o mês de junho e parte de julho, com comidas típicas, apresentação de quadrilha improvisada e forró. O intuito dessa comemoração é promover momentos de festejos, diversão, interação e inclusão social.

Secretaria de Cultura do Crato abre inscrições para o Festival Cariri da Canção Estudantil

A Prefeitura Municipal do Crato, através da Secretaria da Cultura, Esporte e Juventude abriu inscrições para o Festival Cariri da Canção Estudantil 2010. O evento de natureza educativa, artística e cultural acontecerá nos dias 14, 15 e 16 de Outubro de 2010. As fichas de inscrições e o Edital serão disponibilizados no site da Prefeitura do Crato, www.crato.ce.gov.br e na sede da Secretaria da Cultura, Esporte e Juventude a rua Teopisto Abath no Centro Cultural do Araripe, no Largo da RRFSA. Poderão participar do Festival, estudantes do Ensino Médio, Cursinhos Pré-vestibulares, Cursos Técnicos e Universitários regularmente matriculados na rede de ensino da região Metropolitana do Cariri (Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha, Caririaçu, Farias Brito, Jardim, Nova Olinda, Missão Velha e Santana do Cariri). As inscrições irão até o dia 17 de setembro. Participe! Faça já sua inscrição! - Mais informações 88 3523.23.65.

Governo Municipal do Crato

CRATO - Notícias da URCA - Universidade Regional do Cariri - Dia 07 de Julho de 2010


Museu de Paleontologia será reaberto nesta sexta-feira, dia 9

Será reaberto, na próxima sexta-feira, às 17 horas, em Santana do Cariri, o Museu de Paleontologia da Universidade Regional do Cariri (URCA), com a presença do Secretário de Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Estado, René Barreira. O evento será às 17 horas. O Museu é atualmente um dos maiores do gênero no Brasil. São cerca de 10 mil fósseis, incluindo os não catalogados. Foi criado pelo então prefeito de Santana do Cariri, o sociólogo Plácido Cidade Nuvens, atual Reitor da URCA, em meados dos anos 80 e atualmente sob a tutela da Universidade. A reforma do Museu de Paleontologia praticamente duplicou o espaço de exposição do museu, que teve toda sua rede elétrica e hidráulica renovada, além da ampliação, reforma e melhoria de toda a parte de segurança, além da modernização do seu espaço de exposições, com um trabalho de planejamento por meio de museólogos.

O Museu conta com um importante acervo de vegetais, invertebrados e vertebrados e a melhor coleção de fósseis do período Cretáceo, com destaque para peixes e pterossauros, inclusive com fósseis que preservam tecidos moles, fato raro na Paleontologia Mundial. Possui um acervo de mais de cinco mil peças. Portanto é um importante suporte para o estudo da vida no planeta.

URCA entrega Restaurante Universitário próxima sexta

Serão servidas mais de mil refeições diárias para os estudantes de várias cidades da região do Cariri, a preço simbólico. Será entregue nesta sexta-feira, às 19h30, no campus do Pimenta II, o Restaurante Universitário da Universidade Regional do Cariri (URCA). O Restaurante Universitário é uma bandeira de luta histórica dos estudantes e representa investimento da atual Administração Superior da URCA na melhoria das condições de estudo dos alunos. Serão servidas diariamente mil refeições, inclusive à noite quando o afluxo de estudantes é maior. Com essa realização, a administração demonstra sensibilidade às necessidades do acadêmico. A abertura do Restaurante não ocorreu antes pela demora do processo licitatório. Foi necessário cancelar a primeira licitação.

PALCO SONORO URCA - COMUNICADO

A URCA, através da Pró-Reitoria de Extensão-PROEX e do Instituto Ecológico Cultural Martins Filho, a partir de hoje, 07 de julho, estará recebendo release, currículo e, se possível, gravação de áudio, acompanhado da proposta de show de artistas individuais e/ou grupos musicais para apresentações no palco sonoro da URCA , que acontecerá no ambiente da ExpoCrato 2010. O material solicitado deverá ser entregue até sexta-feira, dia 09 de julho, no período de 08 às 11 da manhã, na sala do IEC –Instituto Ecológico Cultural Martins Filho, rua Teófilo Siqueira, 712 (próximo à quadra Bi-Centenário). Uma comissão competente analisará as propostas. Os artistas selecionados serão comunicados e chamados para uma reunião onde se montará a programação. Maiores esclarecimentos, procurar a assessoria de cultura da URCA: Luiz Carlos Salatiel (fone: 99214773) ou Alexandre Lucas fone: (9248.5255).

Assessoria de Comunicação Universidade Regional do Cariri - URCA (88) 3102-1212 ramal 2617 www.urca.br Crato, 07 de julho de 2010.

O incubador de formas - postado por José Sales


Desafiar formas, brincar com as sombras e volumes. Coisas do artista-engenheiro ou engenheiro-artista que é Sérvulo Esmeraldo, na exposição "Ocupação do Espaço", em cartaz até sexta-feira, no Centro Cultural Banco do Nordeste (CCBNB). O lugar tem tudo a ver com o artista, pois abriga algumas esculturas de sua autoria. Na praça Murilo Borges, ali na frente, encontramos a coluna em aço pintada de azul e, na entrada do centro, está posicionada a escultura "Quadrados", integrada à mostra por meio de seu primeiro esboço, datado de 1982.

Desenhos estes que, de acordo com Dodora Guimarães, esposa de Sérvulo e curadora da exposição, fazem parte de um livro que está sendo produzido por ele, com texto de Fausto Nilo. Com um deles, intitulado "Ocupação do espaço" (o qual se transformou nos cinco tetraedros regulares que constituem o núcleo central da mostra), o artista presenteou a mãe, na ocasião de aniversário dela. "Isso veio de uma aula que o Sérvulo preparou sobre ocupação do espaço e agora virou exposição".

E é com o espírito de um paciente professor que essas obras foram saindo do papel e tomando formas. A mostra é composta, além do desenho, por esculturas em aço inoxidável, aço trefilado e pintado e as "Cônicas", conjunto de novas esculturas. Os Relevos Virtuais, "Prisma" e "Cubo", foram projetados nos anos 80 e só agora realizados.

"Os projetos de Sérvulo são assim. Ele faz e ficam numa incubadora, chocando", explica Dodora. As datas espelham isso. As "Cônicas côncavas/convexas", como pratos de bateria espelhados, vão de 2004 a 2010. Já os "Relevos Virtuais", chamados assim justamente por conta da pintura que dá a impressão de que vão saltar da parede, começaram a ser produzidos em 1989 e se realizam agora em 2010.

Em "Equação impossível", o mais interessante é a brincadeira com a sobreposição. Em "Volume", o encaixe das argolas de aço é desafiador. Em outro "Prisma", este mais recente, as sombras também compõem a obra, efeito possível graças ao redirecionamento da iluminação.

Já disse Sérvulo sobre a intuição do artista e a necessidade da experimentação, marca de seu trabalho, assim como a precisão na exploração do volume e espaço: "O que sabemos da arte nós, os artistas? Somos antenas? Recebemos o que, de onde? Nosso ´saber´, nossa linguagem é um aprimoramento empírico. O talento é uma conjunção desses dados. Trabalhamos com o subjetivo, sem o compromisso da aplicação imediata. O que fazemos hoje é fruto de um pensamento muito anterior".

Fonte: Caderno 3/ Diário do Nordeste

Cuidado: remédios falsificados são ameaças graves à saúde


Só este ano, a Anvisa apreendeu em todo o país quase 63 mil comprimidos falsos e 86 toneladas de remédios contrabandeados, sem nenhum registro. Conheça dicas para se proteger. Outro perigo comum no Brasil aparece na hora de comprar um remédio. O medicamento contrabandeado e as falsificações são duas ameaças graves à saúde. A cestinha está cheia de remédios. O aposentado Francisco de Assis Inácio já se deu mal. Na pressa, comprou o que não devia. “Quando abri, o comprimido parecia aqueles pequenininhos que põe embaixo da língua, tomei e minha pressão foi pra 13 por 9, 14 por 10”. Na correria do dia a dia, muitas vezes a passada na farmácia é rápida. É chegar no balcão, entregar a receita, pegar o remédio, pagar e pronto. Mas não deve ser assim, não. Este é um lugar que a gente tem que desacelerar e prestar atenção sempre. Tudo pra não levar para casa um remédio falsificado. Só este ano, a Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária - apreendeu em todo o país quase 63 mil comprimidos falsos e 86 toneladas de remédios contrabandeados, sem nenhum registro.

A primeira dica pra se proteger é: nunca compre remédios em camelôs, só na farmácia conhecida e que tenha um farmacêutico responsável. “Farmácia fundo de quintal, não. Saúde não tem preço”, ensina o empresário Richard Plewa. Confira os itens de segurança da caixinha, o lacre para garantir que o produto não foi aberto. “Acho importantíssimo, porque podem abrir e colocar uma coisa que não tem nada a ver”, acredita a aposentada Fernanda Barros. A data de validade junto com o número do lote e principalmente uma faixa branca. É uma raspadinha que mostra a marca ou o nome do laboratório. “Não pode borrar. Se tiver borrado é indício de que o medicamento é falso”, explicou o gerente farmacêutico Renner Lima. E se a compra for pela internet, o perigo é maior ainda. “Se não for farmácia legalmente habilitada, aberta ao público, que ofereça serviço adicional de venda pela internet, não compre. Porque pode ter qualquer coisa. Dificilmente vai ser coisa legalizada e o risco é muito grande”, alerta Pedro Menegasso, diretor do Conselho Regional de Farmácia/SP.

Fonte: G1

Bom Dia, Crato ! - Hoje, dia 07 de Julho de 2010

Bom dia, Crato!

Hoje, a partir das 08h da manhã, estará sendo realizado em Crato um grande movimento de combate à dengue no centro e nos bairros, através de uma caminhada promovida pelo governo municipal em nome da Secretaria de Saúde. O objetivo é promover a conscientização da população do Crato sobre o que deve ser feito para reduzir ainda mais os casos de dengue no município. Como se sabe, o único meio de combate à dengue, é erradicar o agente trasmissor da doença, no caso, o mosquito Aedes Egypti. E isso só pode ser feito pela própria população. Se não houver a devida compreesão por parte das pessoas de que cada um deve fazer a sua parte, a sociedade não poderá se livrar desse mal, que assume no Brasil inteiro, proporções cada vez maiores e mais graves, uma vez que os perigos da dengue hemorrágica são maiores. Aqui fica a nossa mensagem para hoje:

"Faça a sua parte! Elimine o Mosquito da Dengue!"

Previsão do tempo:

Sol com algumas núvens e não chove. A mesma de todo dia. E acho que essa previsão a esta altura de julho, vai valer mesmo pelo resto do ano, uma vez que a tendência é não haver chuvas durante o período da ExpoCrato, e nem no resto do ano, chegando à conclusão, que chuvas, provavelmente, agora somente em 2011. É vero ? A previsão pode ser pessimista, mas eu não diria isso. Eu diria Realista!

Pensamento do Dia

Mesmo assim, quer chova ou faça sol, a Felicidade não está em algo que resida fora de nós. É sempre inútil buscar sermos felizes apontando nossas esperanças em algo que ainda não temos. A felicidade, cada um deve buscar dentro de si mesmo. E essa é uma das maiores verdades que eu pude aprender na vida, e como lição, repasso aos nossos leitores. Lembrem-se da fábula: O homem mais feliz era o que não tinha camisa...

Bom Dia!
Bom Trabalho!

Dihelson Mendonça

ALMANAQUE - Dia 07 de Julho de 2010


ALMANAQUE

7 de julho: Dia da Independência das Ilhas Salomão.

* 1456 - O Papa Calisto III absolve Joana d'Arc da acusação de heresia, 25 anos depois da sua morte.
* 2005 - Terroristas islâmicos realizam ataques ao sistema de transporte público de Londres, provocando explosões em três trens do Metropolitano de Londres e num ônibus.
* 2007 - Realizam-se espetáculos simultâneos do Live Earth nos sete continentes, visando a chamar a atenção da opinião pública para as alterações climáticas no planeta.

Nasceram neste dia...

* 1848 - Rodrigues Alves, político brasileiro (m. 1919).
* 1860 - Gustav Mahler, compositor austríaco (m. 1911).
* 1901 - Vittorio De Sica, ator, cineasta e roteirista italiano (m. 1974).

Morreram neste dia...

* 1923 - Guerra Junqueiro, político, jornalista e escritor português (n. 1850).
* 1930 - Sir Arthur Conan Doyle (na imagem), escritor britânico (n. 1859).
* 1990 - Cazuza, cantor e compositor brasileiro (n. 1958).

Fonte: Wikipedia

BlogSaúde - Médicos ignoram risco de punição e mantêm garranchos nas receitas


Lei e decreto federal proíbem prática e profissional pode ser cassado.

Você já teve dificuldade em entender a letra do seu médico na receita médica? Caso sim, saiba que isso não deveria acontecer há pelo menos 35 anos, data quando o governo criou uma lei federal proibindo médicos de escreverem de forma não legível nas receitas. Além da lei, existem um decreto federal e um artigo no Código de Ética Médica que obrigam o médico a deixar claro o que está escrito na receita. O não cumprimento dessa prática pode causar punições e mesmo a cassação do médico e do farmacêutico que vender o medicamento errado por causa de má interpretação, segundo o Conselho Federal de Medicina e o Conselho Federal de Farmácia. A lei 5991, em vigor desde 1975, esclarece em seu artigo 35 intitulado “Do receituário” que “Somente será aviada a receita: que estiver escrita a tinta, em vernáculo, por extenso e de modo legível, observados a nomenclatura e o sistema de pesos e medidas oficiais”.

Ainda no artigo 15 do decreto federal 20.931, é considerado como um dos deveres dos médicos “escrever as receitas por extenso, legivelmente, em vernáculo, nelas indicando o uso interno ou externo dos medicamentos, o nome e a residência do doente, bem como a própria residência ou consultório”. Se avisos não faltam, a realidade nos consultórios e nas farmácias nem sempre é essa, segundo especialistas consultados pelo R7. De acordo com a diretora da Fenafar (Federação Nacional dos Farmacêuticos), Caroline Junckes da Silva, a dificuldade de entender os garranchos médicos é diária.

- Decifrar ‘hieróglifos’ médicos é um problema cotidiano. Mas antes da resolução do CFM, existe uma lei federal sanitária que ainda não faz mudar essa prática. Quando houver uma mudança mais efetiva dos pacientes e uma fiscalização dos profissionais talvez isso mude. A prática foi novamente condenada pelo Conselho Federal de Medicina em seu novo Código de Ética Médica lançado neste ano. De acordo com o conselheiro do CFM, José Fernando Vinagre, o profissional que insiste na prática pode sofrer um processo ético e ser penalizado de diferentes maneiras.

- O médico pode sofrer até cinco penas. Uma advertência confidencial, censura confidencial restrita ao prontuário médico, ser julgado pelo conselho, sofrer censura pública divulgada no Diário Oficial e no jornal de circulação do conselho que ele é inscrito e, com isso, sofrer suspensão do exercício profissional em 30 dias, ficando proibido de exercer a profissão e até sofrer a cassação do exercício profissional.

Camila Neumam, do R7

Crato realiza hoje Caminhada Educativa no Combate à Dengue

O Governo Municipal do Crato por meio do setor de Mobilização Social da Secretaria de Saúde promove hoje o Dia Municipal de combate á Dengue com diversas ações voltadas a informação e prevenção ao mosquito aedes aegypti. A partir das 8 horas será realizada a Caminhada Educativa que sairá da Praça Siqueira Campos com percurso pelo centro da cidade, retornando para a mesma praça e contando com a participação de profissionais de saúde do município, grupamento do Tiro de Guerra e integrantes de projetos das Secretarias municipais. Ainda na Praça Siqueira Campos estarão sendo disponibilizadas informações na Tenda Educativa sobre conhecimentos a respeito do ciclo de vida do mosquito, formas de combate a dengue e distribuição de panfletos. As 11 horas será a vez da Blitz Educativa que acontecerá em dois pontos estratégicos: Semáforo da Praça Alexandre Arraes, da Quadra Bicentenário e na Asa no bairro Batateiras.

Luciana Callou, Coordenadora do Setor de Mobilização Social da Secretaria de Saúde do Crato ressalta a importância de evento como esse e pede a participação da comunidade nessas atividades de hoje e na luta diária contra a dengue e em favor da saúde e da qualidade de vida da cidade.

Fonte: ASCOM - PMC

Hospital do Cariri só funcionará em agosto - Reportagem: Elizângela Santos


Estrutura do hospital Regional do Cariri está próximo de ser concluído. Falta apenas a parte do estacionamento. Em agosto, os serviços estarão disponíveis à população - ELIZÂNGELA SANTOS - Ainda faltam algumas conclusões na estrutura predial. O orçamento do hospital é superior a R$ 44,2 milhões

Juazeiro do Norte. O Hospital Regional do Cariri (HRC) iniciará suas atividades no próximo mês. Pelo menos essa é a expectativa da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa). Nos 15 primeiros dias, o restante dos profissionais estarão contratados para atuar no local e os equipamentos, que ainda estão chegando, funcionarão praticamente em sua totalidade. Segundo o secretário adjunto da Saúde, Marcelo Sobreira, a meta é entregar o hospital ainda no final de julho para o funcionamento ser iniciado em agosto. Mais de 800 funcionários serão contratados por meio de uma organização social, que fará a seleção dos currículos e entrevistas. Serão 242 médicos de diversas especialidades.

No entanto, uma das entradas do hospital ainda falta ser concluída. Serão duas em funcionamento, uma delas destinada ao serviço ambulatorial e de exames especializados e, a outra, será para emergência. Sobreira afirma que os equipamentos, em sua maioria importados, foram adquiridos no tempo previsto, mas as empresas não entregaram na data determinada. Por essas condições, o secretário adjunto afirma que o governador Cid Gomes decidiu entregar o hospital em agosto, mesmo sem a sua presença durante a entrega, pelo menos com os equipamentos e o prédio pronto, restando o lançamento do edital para contratação do pessoal em 15 dias. "Somente depois da primeira quinzena de agosto é que iremos funcionar com a carga total", diz.

Profissionais

O médico cardiologista de Juazeiro do Norte, Ângelo Roncalli, demonstra preocupação em relação à contratação de profissionais para o hospital, principalmente de médicos que irão atuar com tratamento de alta complexidade. "Talvez não tenhamos anestesistas suficiente, por exemplo. E isso tem que ser pensado de forma antecipada", diz o médico, que vem acompanhando o trabalho na região. Ele afirma que, possivelmente irá faltar profissionais de algumas especialidades na região. Quanto a isso, o secretário adjunto afirma que estão mantidos contatos com médicos de outros Estados, principalmente do Interior de Pernambuco. O médico juazeirense alerta para a possibilidade de se iniciar um grande centro de saúde com deficiências no seu funcionamento. Ângelo Roncalli diz ser importante que os profissionais de saúde da região e os conselhos de saúde e enfermagem tenham informações sobre as reais condições de funcionamento do hospital, como e quando realmente vai iniciar suas atividades e os recursos que estarão disponíveis. O profissional de saúde também questiona a forma como é feita a seleção de profissionais, por meio curricular, principalmente por ser ano eleitoral. Ele concorda que esse tipo de contratação deva acontecer por meio de concurso público ou por intermédio de órgãos específicos, como as próprias universidades.

Administração

O secretário adjunto diz que a forma de administração trabalhada pelo hospital, por meio do Instituto de Saúde do Cariri, segue o mesmo modelo do Hospital Waldemar Alcântara, em Fortaleza. E mais sete hospitais em São Paulo são administrados da mesma forma. Ele destaca a importância desse serviço, no sentido de proporcionar uma dinâmica de trabalho.

Marcelo Sobreira destaca também os plantonistas: "teremos médicos que farão plantões de poucas horas e deverão corresponder às expectativas de trabalho, mediante o tempo estabelecido de permanência", explica. Alguns especialistas, além do Estado do Pernambuco, são contatados em Fortaleza e a outra parte da própria região. O secretário adjunto afirma que o sistema de saúde da região terá uma melhora significativa. O equipamento também funcionará como hospital-escola, dando acesso aos profissionais de saúde que estão sendo formados na própria região, incorporando alunos da medicina tanto da Universidade Federal do Ceará (UFC-Cariri) e da Faculdade de Medicina de Juazeiro do Norte. O Hospital Regional do Cariri terá 209 leitos e vai garantir à população de 1,3 milhão de habitantes das regiões de Juazeiro, Crato, Barbalha, Icó, Iguatu e Brejo Santo assistência especializada em diversas áreas da saúde. No hospital, a população terá acesso a serviços comuns à Capital. O investimento é da ordem de R$ 44,2 milhões, sendo que R$ 23,5 milhões foram destinados para a compra dos equipamentos.

Carência

"O Hospital foi feito pela própria carência de mais equipamentos de saúde na região e profissionais"
Marcelo Sobreira
Secretário Adjunto da Saúde do Estado

MAIS INFORMAÇÕES
Secretaria de Saúde do Estado - Avenida Almirante Barroso, 600, Praia de Iracema - Fortaleza
(85) 3101.5123

Elizângela Santos
Repórter do Jornal Diário do Nordeste
Colaboradora do Blog do Crato

Miguel, Miguel do amanhecer – postado por Armando Lopes Rafael

(Fonte: site www.lepanto.com.br)
Esta é a história verdadeira de um fuzileiro naval - marine - americano que foi ferido durante a Guerra da Coréia em 1950. Escrevendo para sua mãe, ele conta a ela um fascinante encontro que ele teve na guerra. O Pe. Walter Muldy, um capelão da Marinha que conversou com o jovem fuzileiro e sua mãe, bem como com o comandante do grupo de combate, sempre afirmou a veracidade dessa narrativa. Nós a ouvimos de alguém que leu a carta original e relata aqui a história com todos os detalhes e o faz em primeira pessoa, para melhor transparecer algo do impacto que ela deve ter causado quando foi escrita pelo filho à sua mãe.

"Querida Mamãe,

Estou escrevendo para a senhora de uma cama de hospital. Não se preocupe, mãe, eu estou bem. Eu fui ferido, mas o médico me disse que eu terei alta em breve. Mas não é isso que eu tenho a contar para a senhora, mãe. Algo aconteceu comigo que eu não ouso contar a ninguém mais por medo de que não acreditem. Mas eu tenho que contar à senhora, a única pessoa em quem posso confiar, apesar de que mesmo a senhora pode achar difícil de acreditar.
A senhora se lembra daquela oração a São Miguel que a senhora me ensinou a rezar quando eu ainda era pequeno: "Miguel, Miguel do amanhecer,..." Antes que eu viesse para a Coréia, a senhora insistiu para que eu me lembrasse dessa oração antes de qualquer confronto com o inimigo. Mas a senhora na verdade nem precisava me lembrar, mãe. Eu a tenho sempre rezado, e após minha chegada na Coréia, eu a tenho recitado várias vezes por dia, enquanto estou marchando ou mesmo descansando.

Bem, um dia, recebemos a ordem de sair para procurar uns comunistas. Era um dia realmente frio. Enquanto eu estava andando, eu percebi um companheiro andando ao meu lado, e eu olhei para ver quem era. Ele era um sujeito grande, um fuzileiro de mais de 1,80m, fisicamente bem constituído. Engraçado, mas eu não o conhecia, e eu achava que conhecia todos da minha unidade. Eu fiquei feliz por ter companhia e quebrei o silêncio entre nós:

"Frio hoje, não é?" Então, comecei a sorrir comigo mesmo porque eu percebi que era um tanto absurdo falar sobre o clima quando estávamos avançando para o inimigo. Ele também deu um leve sorriso.
"Eu pensei que eu conhecia todo mundo da minha unidade," eu continuei, "mas eu nunca te vi antes."
"Não," ele concordou, "Eu acabei de me juntar ao grupo. Meu nome é Miguel."
"Verdade?! É o meu também!"
"Eu sei," o fuzileiro disse, "Miguel, Miguel do amanhecer..."


Mãe, eu fiquei realmente surpreso de como ele sabia sobre minha oração, mas eu a havia ensinado para muitos dos outros colegas, então eu pensei que aquele novato devia ter ouvido de alguém. De fato, a coisa se espalhou tanto que alguns dos meus companheiros estavam me chamando de "São Miguel".
Então, do nada, Miguel disse, "Vamos ter problemas aí em frente."
Eu fiquei pensando como eu poderia saber isso.

Eu estava respirando com força por causa da marcha acelerada, e minha respiração aparecia no ar frio quase como um denso nevoeiro. Miguel parecia estar em ótima forma porque eu não podia ver quase nada da respiração dele. Logo começou a nevar com força, ficando a neve tão densa que eu não podia ver nem ouvir o resto da minha unidade. Eu fiquei com um pouco de medo e disse, "Miguel!" Então, eu senti sua mão sobre meu ombro e ouvi sua voz no meu ouvido, "Logo a neve vai passar."
E foi o que aconteceu logo depois.

Então, a pouca distância à nossa frente, como uma dessas terríveis realidades, estavam sete comunistas, parecendo até um tanto cômicos por causa dos chapéus engraçados que tinham. Mas não havia nada de engraçado com eles naquele momento; suas armas estavam firmes e apontadas diretamente na nossa direção.

"Abaixe-se, Miguel!!!" Eu gritei enquanto me jogava no chão para me buscar cobertura.
Eu já estava no chão quando olhei para cima e vi Miguel ainda de pé, como se estivesse paralisado pelo medo. Foi o que eu pensei na hora. Balas estavam voando para todos os lados, e mãe, não havia como aqueles comunistas errarem daquela pequena distância. Eu pulei para puxá-lo para baixo, então fui atingido. A dor foi como um fogo quente no meu peito, e à medida que eu caía, minha cabeça rodou e eu me lembro de ter pensado comigo mesmo, "Eu devo estar morrendo..."

Alguém estava por cima de mim, me cobrindo, fortes braços estavam me segurando e me protegendo gentilmente por entre a neve. Naquele atordoamento, eu abri os olhos, e o sol pareceu brilhar nos meus olhos. Miguel estava de pé, havia um terrível esplendor no seu rosto. De repente, ele pareceu crescer, como o sol, o esplendor crescia intensamente em volta dele como as asas de um anjo. Eu estava quase ficando inconsciente quando vi que Miguel segurava uma espada na mão. Ela brilhava com a força de um milhão de luzes.
Mais tarde, quando eu voltei a mim, o resto dos meus colegas veio me ver juntamente com o sargento.

"Como você fez isso, rapaz?" ele me perguntou.
"Onde está o Miguel?" Eu perguntei.
"Miguel quem?" O sargento parecia perplexo.
"Miguel, o fuzileiro grande que estava andando comigo, até a última hora. Eu o vi quando fui atingido."
"Rapaz," o sargento disse em tom sério, "você é o único Miguel na minha unidade. Eu pessoalmente selecionei vocês todos, e só há um Miguel: você. E rapaz, você não estava andando com ninguém. Eu vim atrás de você porque você estava muito longe de nós, eu estava preocupado.
"Agora me diga, rapaz," ele repetiu, "como você fez isso?"
Era a segunda vez que ele me perguntava aquilo e eu já estava achando irritante.
"Como que eu fiz o quê?"
"Como que você matou aqueles sete comunistas? Você não atirou sequer uma vez com seu rifle."
"O quê?"
"Vamos lá, rapaz. Eles estão todos espalhados à sua volta, cada um morto por um golpe de espada."

E esse, mãe, é o fim da minha história. Pode ter sido a dor, ou o brilho do sol, ou o frio congelante. Eu não sei, mãe, mas algo que eu tenho certeza. Isso aconteceu.
Com amor, seu filho,
Miguel".

Centro Cultural banco do Nordeste Cariri Divulga: Lima Barreto: Cronista do Brasil

Lima Barreto

Que Sentimento É Esse? Por Luiz Cláudio Brito de Lima


Muitas vezes a dor invade a alma.
Corrói o espírito.
Destrói o pensamento.
Aniquila o sentimento.
Tenta, por vezes alcança, o âmago do ressentimento.
O revés no rebatamento.
O transverso do pressentimento.

Dói a dor não por doer, mais por insistir em tê-la.
Tal qual o ser pueril, que pensa poder ter o que ver.
Renegar o ser, abster-se da razão.
Passa longe do enternecimento.
Deseja a compaixão.
Sendo incapaz de perdoar-se.
É uma mistura de sensação e rejeição.
Pecado constante, indulto silente.

Presságios do que não se teve.
Desvarios do que virá.
Percepção de um vazio indizível.
Luz que ofusca o breu nunca visto.
A melancolia embebida na falsa aparência.
A amplitude reduzida quando nos interessa.

Enfim amanhece, reflexos da vida brotam.
Expectativas antes enevoadas, agora latejam com esplendor.
O orvalho de outrora, hoje pulsa e corre na veia da imaginação.
Os primeiros raios do astro central trazem a cura.
Os vestígios do esquecimento são abafados pelo canto dos pássaros.
O olhar antes obstado, agora enxerga o inesperado.
O peito antes apertado, hoje relaxa e permite libertar o coração.
E quando esse é libertado, há como é bom viver.....

Autoria: Luiz Cláudio Brito de Lima.

(imagem do site: http://perspectivabr.wordpress.com/2008/01/27/o-sol-nasce-para-todos/)

Edições Anteriores:

Novembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30