xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 28/03/2010 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

28 março 2010

CRATO - Previsão do Tempo - 29 de Março de 2010

Bom Dia, amigos!

Tudo ainda por fazer aqui no Blog do Crato edição de hoje, 29 de Março de 2010. Mas o dia promete, e teremos inúmeras matérias. Uma triste notícia é que o time do Crato perdeu para o Ceará de Goleada ontem no estádio Mirandão, por 4 x 0. Mas a boa notícia é que hoje mesmo, o prefeito Samuel Araripe preocupado com a situação convocou uma coletiva de Imprensa para avaliar todo o problema e garantir apoio ao time, que durante o campeonato, atravessou problemas graves, como faltra de pagamento dos Jogadores, e há 2 dias do último jogo, o presidente do time Sr. Kiki renunciou, segurando 50.000 reais recebidos da Prefeitura para ajudar o time. Daqui a pouco, reportagem completa sobre a coletiva de Imprensa, em que estiveram presentes os jogadores, técnicos, apoiadores do time, e o Dep. Federal Arnon Bezerra, que também garantiu apoio ao time. Cremos que se o time do Crato depender de apoio, este não irá faltar.

Na coletiva de imprensa, foram divulgados documentos importantes, que mostram claramente coisas absurdas, como jogos em que foram divulgados que apenas 114 pessoas estiveram no estádio em um jogo, sendo obviamente, mentira. Muita água vai rolar ainda debaixo da Ponte. Alguém na coletiva diante de tantos absurdos, chegou a dizer que o caso é de polícia e que estávamos discutindo o tema certo no lugar errado. O prefeito Samuel Araripe parabenizou o público presente e sua atitude, que mesmo em face do resultado negativo de 4 x 0 para o Ceará, parabenizaram os jogadores.

Hoje teremos diversas matérias. Além da coletiva de imprensa realizada hoje no salão nobre da prefeitura sobre o esporte, traremos a cobertura da aula inaugural do Projovem trabalhador, em que foram abertas 500 novas vagas de trabalho, com cursos profissionalizantes no Crato, além de outras reportagens.

PREVISÃO DO TEMPO

A previsão do tempo para hoje é de Sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.

Ceará goleia Crato fora de casa e se classifica; Fortaleza só empata

Nota do Blog do Crato: Infelizmente, não foi dessa vez para o time do Crato, imerso em grandes problemas, com a saída de seus principais jogadores por causa de uma diretoria incompetente. Tudo isso talvez pudesse ser evitado. Não se ganho jogo com time desfalcado. E o time do Crato perdeu logo 3 dos seus principais atacantes. Uma pena! Maiores informações logo mais na coluna Amilton Som, no Blog do Crato.

O Ceará garantiu neste domingo a sua classificação antecipada para as semifinais do segundo turno do Campeonato Cearense ao golear o Crato por 4 a 0 fora de casa e chegar aos 21 pontos na competição. No Castelão, o Fortaleza empatou com o Ferroviário no clássico da rodada e segue fora do G-4. Além do Ceará, o Guarany também se classificou ao fazer 6 a 0 no Quixadá.

CLASSIFICAÇÃO DO CEARENSE
TIME P SG
1º) Ceará 21 15
2º) Guarany-CE 20 12
3º) Horizonte 18 7
4º) Crato 15 -3
5º) Fortaleza 13 0
6º) Ferroviário 12 -1

* CONFIRA TABELA COMPLETA
* ACOMPANHE OS PRÓXIMOS JOGOS


Após faturar o título do primeiro turno, o Fortaleza precisava torcer para o arquirrival Ceará neste domingo para seguir vivo no returno. O alvinegro recebia o Crato, que disputa com o a equipe tricolor uma das vagas entre os quatro que avançam para as semifinais do turno. Apesar da rivalidade, a torcida do Fortaleza comemorou o resultado conquistado pelo Ceará, que bateu o Crato com facilidade. Após pressionar durante todo o primeiro tempo de jogo, conseguiu abrir o placar apenas no último minuto, com o Geraldo. Na etapa final, porém, o alvinegro conseguiu aproveitar melhor as chances. Logo aos 36seg, ele aproveitou cruzamento e fez o segundo, de cabeça. Foi o quinto gol de Geraldo na competição. O terceiro saiu aos 5min, com Luizinho. Dinei marcou o quarto, fechando o placar. Se o Ceará ajudou, o Fortaleza não conseguiu fazer a sua parte. No clássico contra o Ferroviário, no Castelão, buscou o empate em 1 a 1. Rafael abriu o placar e Betinho marcou para o tricolor cearense, que segue em quinto, com 13 pontos. O Crato tem 15, em quarto.

Completando a rodada, mais 13 gols. O Guarany, vice no primeiro turno, fez 6 a 0 no Quixadá. Com o resultado, a equipe de Sobral vai a 20 pontos, na segunda colocação, abrindo sete de vantagem para o Fortaleza e garantindo a classificação. Na briga contra o rebaixamento, o Mananguape fez 2 a 0 no Boa Viagem e o Limoeiro fez 6 a 1 no Itapipoca.

Do UOL Esporte
Em São Paulo

Semana Santa - Páscoa – Por João César Mousinho Queiroz

Considerada, essencialmente, a Festa da Libertação, a Páscoa é uma das festas móveis do nosso calendário, vinda logo após a Quaresma e culminando na Vigília Pascal. Entre os seus símbolos encontram-se: O Ovo de Páscoa
A existência da vida está intimamente ligada ao ovo, que simboliza o nascimento. O Coelhinho da Páscoa por serem animais com capacidade de gerar grandes ninhadas, sua imagem simboliza a capacidade da Igreja de produzir novos discípulos constantemente.
A Cruz da Ressurreição
Traduz, ao mesmo tempo, sofrimento e ressurreição.
O Cordeiro
Simboliza Cristo, que é o cordeiro de Deus, e se sacrificou em favor de todo o rebanho.
O Pão e o Vinho
Na ceia do senhor, Jesus escolheu o pão e o vinho para dar vazão ao seu amor. Representando o seu corpo e sangue, eles são dados aos seus discípulos, para celebrar a vida eterna.
O Círio
É a grande vela que se acende na Aleluia. Quer dizer: "Cristo, a luz dos povos". Alfa e Ômega nela gravadas querem dizer: "Deus é o princípio e o fim de tudo".
O Girassol
Que simboliza a busca do homem pela luz;
A colomba pascoal
Que significa simboliza a vinda do espírito santo,
O sino
Que simboliza a alegria e celebração da ressurreição de Jesus Cristo.

A Páscoa (do hebraico Pessach, significando passagem através do grego Πάσχα) é um evento religioso cristão, normalmente considerado pelas igrejas ligadas a esta corrente religiosa como a maior e a mais importante festa da Cristandade. Na Páscoa os cristãos celebram a Ressurreição de Jesus Cristo depois da sua morte por crucificação que teria ocorrido nesta época do ano em 30 ou 33 da Era Comum. O termo pode referir-se também ao período do ano canônico que dura cerca de dois meses, desde o domingo de Páscoa até ao Pentecostes.

Os eventos da Páscoa teriam ocorrido durante o Pessach, data em que os judeus comemoram a libertação e fuga de seu povo escravizado no Egito. A palavra Páscoa advém, exatamente do nome em hebraico da festa judaica à qual a Páscoa cristã está intimamente ligada, não só pelo sentido simbólico de “passagem”, comum às celebrações pagãs (passagem do inverno para a primavera) e judaicas (da escravatura no Egito para a liberdade na Terra prometida), mas também pela posição da Páscoa no calendário. Sinto muitas saudades dessa época quando menino morando na Vila Silvestre, um clima diferente de todos o resto do ano. Lembro-me das novenas, do cheiro do bacalhau, das comidas diferentes e dos feriados das aulas do Diocesano que agente ficava mais em casa com nossas famílias.
Estamos na páscoa, tempo de Vida Nova, festa da vitória ! A Vida vence a Morte ! Diante dessa festa tão importante, precisamos voltar às origens para celebrarmos esse momento fundamental da nossa vida cristã. Antes de tudo nos deparamos com a experiência da morte, que nos surpreende com sua chegada intempestiva, levando todos aqueles que estavam unidos a nós por vínculos de afeto. Desde os tempos mais antigos das culturas da humanidade há questionamentos sobre a morte: vamos continuar vivendo após a morte? Como seremos? Para onde vamos? Entretanto, somente a religião cristã, nenhuma outra cultura viu a possibilidade da ressurreição da pessoa como tal.

As interrogações sobre o que há após a morte tira o "sono" de muita gente, porque bem sabemos que o homem tem, no mais profundo de seu ser, o desejo de ser eterno e procura, em sua cultura, símbolos que falem da sua esperança numa outra vida. Não podemos deixar de lembrar que a realidade latino-americana é marcada pela opressão e morte dos pobres. A vida de milhões é aniquilada lentamente por estruturas de políticas públicas injustas. Nessa união de fé e cultura destacamos a festa da páscoa, festejada de formas diferentes nas diversas culturas, evocando tradições anteriores aos ritos judaicos.

A festa da páscoa tem origem numa tradição judaica, muito antes da vinda de Cristo. Era uma festa que recordava momentos significativos do povo hebreu (judeu). Inicialmente começou com a cerimônia das primícias, apresentava-se a Deus o primeiro feixe da colheita ( Lv 23, 9-14).
Outro momento significativo é a páscoa da libertação, que é a passagem do Senhor (Ex. 12,11), passagem de Deus na figura do anjo exterminador que passou, adiante, ao ver o sangue do cordeiro sobre os umbrais das portas das casas habitadas. Páscoa neste sentido significa a libertação do povo na situação de morte entre o mar vermelho e o exército inimigo do Faraó do Egito. O terceiro momento era o rito da imolação do cordeiro e a atitude de comer pães ázimos que recordava o grande acontecimento da libertação no Egito e da aliança no Sinai, bem como a entrada na terra prometida liderados por Moisés.

Páscoa é dizer sim ao amor e a vida; é investir na fraternidade, é lutar por um mundo melhor, é vivenciar a solidariedade. A Páscoa não é um dia somente para comermos chocolates e sim para comemorarmos a vida e ressurreição daquele que morreu para nos salvar.
Para você na Páscoa. Que a alegria da Ressurreição de Cristo esteja em seu coração hoje e sempre.
Fontes: Bíblia –Artigos – Livros.
Não Ao Ato Médico. SIM A EMANCIPAÇÃO DA PONTA DA SERRA
São Paulo 28 /03/10 Artigo XIII – www.sosdrogasealcool.org

Blog do Crato retransmitiu ao vivo o Jogo CRATO x CEARÁ

O Blog do Crato, através da Rádio Chapada do Araripe internet retransmitiu o Jogo Crato x Ceará a partir da Rádio ARARIPE AM do Crato. O jogo foi realizado na tarde deste Domingo no estádio Mirandão. Estaremos em contato com a equipe da Rádio Araripe do Crato, 1140khz para retransmitir outros jogos.

Infelizmente, não deu! - CRATO 0 x CEARÁ 4


O nosso querido "Azulão", o Crato Sport Clube mais uma vez entrou em campo para defender a nossa cidade. Com muita garra, muita fibra, mas passando por uma incrível temporada de problemas, o azulão não foi páreo para o "Ceará", um time da primeira divisão do futebol cearense. A bem da verdade, o time passa por graves problemas financeiros, e perdeu seus 3 principais atacantes por falta de pagamento. Como se não bastasse, o Presidente do Crato Sport Clube, Dr. Kiki renunciou 2 dias antes da partida, deixando um enorme abacaxi para "alguém" descascar. Simplesmente embolsou mais de 40.000 reais e está segurando, alegando que "tem outros compromissos para pagar". Toda a renda do Jogo do Domingo no Miradão, que teve mais de 3.000 torcedores, será revertida para o pagamento dos salários atrasados dos Jogadores.

De qualquer forma, a torcida deu um bom exemplo de comportamento, e de respeito no Mirandão! Sem dúvidas, é um programa salutar para toda a família. Vamos torcer com muita alegria e responsabilidade nos próximos jogos, para que nosso time possa vencer as grandes dificuldades que tem enfrentado.

Por: Dihelson Mendonça

As muitas vozes da Teia: postado por José Sales


A Teia 2010, o grande encontro dos Pontos de Cultura, vem reunindo em Fortaleza produtores culturais e artistas de todo o Brasil tem números superlativos. O grande encontro dos participantes do programa Cultura Viva, do Governo Federal, vem reunindo em Fortaleza anunciados 2500 representantes de Pontos de Cultura, vindos de todos os estados brasileiros. Cada um enviou representantes à capital cearense, para o encontro que se iniciou na última quinta-feira e segue até esta quarta, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, no Auditório do Sebrae e em diversos outros espaços da capital cearense.

Nos equipamentos e arredores do Dragão, os números se traduzem em gente, atividades, movimento. Como na abertura da Mostra Artística, noite de quinta-feira última, quando o público deu de ombros para as fortes chuvas que banharam Fortaleza e dançou ao som de atrações como os maracatus cearenses, o cantor e compositor Raimundo Fagner, os capixabas do grupo Manguerê e o carioca B. Negão. Como em um grande congresso estudantil, um clima descontraído, aguçado pela energia da chegada para o evento que só começava.

Já a programação de debates atraiu um bom público na manhã de sexta-feira, em torno de temas como a projeção dos Pontos de Cultura para a América Latina e a troca de experiências entre integrantes de iniciativas tão diversas quanto as reunidas nesse grande emaranhado de ações, projetos, saberes e fazeres artísticos.

Não por acaso, diversidade é a palavra de ordem no evento, desta vez, devido ao aumento do número de pontos, ainda mais multifacetado que em suas edições anteriores, promovidas em São Paulo, Belo Horizonte e Brasília. Manifestações da cultura popular tradicional, associações que trabalham com educação musical, instituições de capacitação em produção audiovisual são apenas alguns dos exemplos unidos pela grande rede tecida aos poucos em todo o País, através do reconhecimento desses projetos como Pontos de Cultura pelo Governo Federal, que investe R$180 mil para a estruturação e a ampliação das atividades de cada ponto.

Natural que os gestores do MinC e os representantes dos Pontos de Cultura falem com entusiasmo sobre os resultados do programa. Entre os aspectos destacados, a natureza inovadora da iniciativa, o reconhecimento do Poder Público às ações que a sociedade civil já realiza (em oposição à ideia de um Estado "levando cultura para o povo") e a aposta no protagonismo social, com frutos capazes de justificar o investimento e de causar um impacto concreto não apenas na produção cultural, mas também em qualidade de vida e geração de renda em diversas comunidades.

Mas as loas ao programa Cultura Viva não ficam restritas a seus protagonistas. Ao menos, a se julgar pelos debates da manhã de sexta-feira, aos quais compareceram produtores culturais de outros países latino-americanos, da Europa e dos Estados Unidos. Na mesa de representantes latinos, o Brasil foi apontado como modelo, pela experiência dos Pontos de Cultura e por vir, ainda que aos poucos, aumentando significativamente a participação das atividades culturais em sua economia - segundo os debatedores, em estágio bem mais avançado que o de países vizinhos.

A impressão é confirmada por observadores como a professora e pesquisadora norte-americana Candace Slater, que participou das edições anteriores da Teia. "Aqui o Brasil é apontado como um modelo, como lição para os outros países", ressalta a professora de literatura brasileira na Universidade de Berkeley, na Califórnia, e autora de livros sobre temas da cultura nordestina.

A intelectual, que começou a visitar os Pontos de Cultura em 2007, a pedido do MinC ainda sob a gestão de Gilberto Gil, para opinar sobre a experiência, avalia que o programa cresceu não apenas em número de iniciativas contempladas, mas também em efetividade e organização."A Teia é um exemplo disso. A gente vê uma mudança incrível. No primeiro encontro, em São Paulo (em 2006), houve uma divisão muito grande entre teoria e prática, até com um prédio para cada coisa. Agora é impossível separar as duas coisas", enfatiza."Houve Teias em que tinha tanta coisa que era quase impossível saber o que estava acontecendo. Agora as ênfases estão mais organizadas".

Já o professor Bernd Fichtner, da Universidade de Siegen, na Alemanha, participa do evento pela primeira vez, como observador convidado pelo Ministério, com a missão de escrever um relatório avaliando a experiência. "A primeira impressão é que parece algo realmente revolucionário. Um conceito inovador, complexo de aliança entre cultura e sociedade", destacou o doutor em pedagogia e pesquisador das mudanças nas funções sociais do conhecimento. "Isso vai mudar a sociedade brasileira, porque é inovador, inédito em nível mundial.

"Por sua vez, representantes de Pontos de Cultura estreantes no evento compartilhavam diferentes expectativas. Como Hélio Cavalcante, do ponto Orquestra Jovem de Suzano-SP, participante do Cultura Viva desde 2006. "Trabalhamos com um estúdio musical público, acessível às pessoas, em uma experiência nova. Espero aqui conhecer mais sobre o que está acontecendo de música no Brasil". A programação da Teia segue até quarta-feira, também com atividades como o III Fórum Nacional dos Pontos de Cultura.

Fonte: Dalton Moura/ Caderno 3/ Diário do Nordeste

A 9 meses de sair, Lula tem aprovação recorde: 76% - Postado por Océlio Teixeira


Lula chega à quadra final de sua administração com cara de recordista. Segundo o Datafolha, o presidente é aprovado por 76% dos brasileiros.

Desde 1990, ano em que o instituto começou a produzir esse tipo de estatística, nenhum outro presidente alcançara semelhante marca. Os índices de aprovação de Lula (ótimo ou bom) crescem pesquisa a pesquisa. De agosto de 2006 para cá, escalou nove pontos –de 67% para os atuais 76%. Considerando-se um intervalo maior –três anos— a escalada foi de notáveis 26 pontos percentuais. Hoje, apenas 20% da população atribui a Lula a menção regular. É ínfimo o número de entrevistados que o consideram ruim ou péssimo: 4%.

Abaixo, algumas das informações mais relevantes trazidas à luz pelo Datafolha:

1. Entre as mulheres, a aprovação ao governo Lula subiu de 71% para 75% entre fevereiro e março.
2. No segmento formado pelos brasileiros com mais de 60 anos, a aprovação de Lula cresceu seis pontos. Foi de 67% para 73%.
3. Considerando-se as faixas de renda, um dos saltos mais notáveis na avaliação positiva de Lula foi anotado entre as famílias com renda superior a dez salários mínimos (R$ 5.100). Pulo de 12 pontos –de 56% para 68%.
4. Em 2003, no alvorecer do primeiro mandato, esse mesmo segmento concedia a Lula aprovação bem inferior: 36%. Desde então, os índices de ótimo ou bom foram engordados em 32 pontos percentuais.
5. O avanço foi ainda maior –34 pontos— entre os integrantes de famílias com renda menor do que cinco salários mínimos (R$ 2.550,00). Nesse universo, a aprovação de Lula é, hoje, de 77%.
6. Entre os patrícios mais ecolarizados, com curso universitário, a aprovação do presidente foi de 65% para 70%.
7. Nas regiões Sul e Sudeste, a popularidade de Lula bate em 69%. O recorde dos recordes é obtido no Nordeste: 87%.
8. A despeito da superpopularidade de Lula, o Datafolha captou, na mesma pesquisa, dados eleitorais que sorriem mais para José Serra, presidenciável da oposição, do que para Dilma Rousseff, candidata do governo.
9. Um mês atrás, Dilma (28%) roçava os calcanhares de Serra (32%). Escassos quatro pontos separavam a candidata de Lula do líder oposicionista.
10. Hoje, a diferença ampliou-se para nove pontos. Serra foi a 36%. Dilma escorregou para 27%.
11. Uma evidência de que a transfusão de prestígio de Lula para a candidata dele é mais lenta do que gostaria o petismo.

Fonte: Blog do Josias de Souza

Mais uma boa avaliação do PNE - Postado por Océlio Teixeira


Formado por metas de acesso e qualidade, o Plano Nacional de Educação (PNE) estabeleceu 295 objetivos para nortear o planejamento da educação no Brasil, da creche a pós-graduação, até 2010. Mas às vésperas de chegar ao fim, muito deixou de ser cumprido. É o que avaliam os especialistas entrevistados pela Agência Brasil. O próximo PNE começa a nascer na Conferência Nacional de Educação (Conae), que sserá realizado em Brasília a partir de amanhã (28), quando serão traçadas as diretrizes do novo plano que irá vigorar de 2011 a 2020. O professor Jamil Cury, que participou da elaboração do plano à época, classifica o resultado como “um fracasso”. Para ele, um dos principais motivos para que boa parte das metas não fossem cumpridas foi a falta de previsão orçamentária no próprio PNE para sustentar as ações previstas. Um dos itens previstos no plano, mas que foi vetado pelo presidente Fernando Henrique Cardoso, era que o país conseguisse elevar para 7% até o fim da década o investimento público em educação. “Com isto, nós ficamos com um plano bastante interessante do ponto de vista da radiografia, do diagnóstico, das diretrizes e das metas. Só que ele ficou sem os recursos necessários para tal”, aponta Cury. O conselheiro nacional de educação, Mozart Neves Ramos, também aponta a falta de previsão de recursos como um dos nós do plano em vigência. “Você não lança ações para mudar a educação sem saber quanto elas custam. Tornou-se um plano sem compromisso entre gestores, foram lançadas 295 metas sem quantificar quanto será necessário para realizar aquela ação. Talvez isso reflita o baixo índice de atendimento das metas”, avalia Mozart, que também é presidente do Movimento Todos pela Educação.

Para ele, o excesso de metas incluídas no plano – muitas sem possibilidade de aferição de cumprimento – também dificultou o acompanhamento pela sociedade. Ele aponta que o plano não inclui mecanismos de acompanhamento e avaliação permanentes. “Às vésperas do novo plano é que a sociedade está despertando. Poucos educadores e gestores trouxeram isso para um acompanhamento anual ou bienal. Você não viu o ministério fazer um balanço do PNE. Ele não foi um plano que mobilizou”, disse. O Ministério da Educação (MEC) aguarda a atualização dos dados relativos ao acesso à educação, que são divulgados anualmente pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), para analisar o que foi ou não cumprido no atual plano. O PNE também previa que estados e municípios elaborassem seus próprios planos, com base nas diretrizes nacionais. Mas, segundo Cury, houve poucos avanços nas outras esferas. “Além da falta de recursos financeiros, faltou planejamento. Apenas sete estados fizeram seus planos e muitos municípios também não fizeram. Com a falta desses dois recursos, o PNE ficou um ‘queijo suíço’, cheio de buracos e furos”, avalia.

Conheça algumas metas do PNE e os resultados atingidos pelo Brasil

Analfabetismo: meta não cumprida

O PNE determinava que o analfabetismo deveria ser erradicado até 2010. O Brasil ainda tem 14 milhões de pessoas que não sabem ler e escrever, cerca de 10% da população acima de 15 anos.

Creche e pré-escola: meta cumprida parcialmente

De acordo com o plano, 30% das crianças de 0 a 3 anos de idade deveriam estar matriculadas em creches. Mas segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), a taxa de atendimento está em 18%. Já na pré-escola (entre 4 e 5 anos), a meta foi atingida. O MEC prevê que até o fim de 2010 o atendimento chegará a 80%, exatamente o que estava previsto no plano. Até 2008 a taxa era de 73%.

Ensino fundamental: meta cumprida

Segundo dados da última Pnad, 97,9% das crianças entre 7 e 14 anos estão na escola. O número, muito perto de 100%, atinge a meta de universalização do ensino fundamental. O plano também previa que a etapa fosse ampliada para nove anos, com início ao seis anos, mudanças que está sendo consolidada pelas redes em 2010.

Ensino Superior: meta não cumprida

Até o final da década, a meta era ter 30% da população de 18 a 24 anos inserida no ensino superior. De acordo com dados da Pnad de 2008, o percentual ainda está abaixo de 15%.

Fonte: Agência Brasil

Chegaram os céus de Inverno? Foto: Pachelly Jamacaru

Crepúsculo na Chapada do Araripe!

Conferência Nacional de Educação - Postado por Océlio Teixeira


O Plano Nacional de Educação (PNE) em vigor desde 2001 e que se encerrará no fim deste ano, previa 295 metas em cinco diferentes eixos prioritários. Metas ousadas, que certamente teriam sido responsáveis por uma verdadeira revolução na educação do País, caso tivessem sido efetivadas em sua maioria.

Um dos principais entraves para essa efetivação foi a questão do investimento. O Brasil investe apenas 4,7% do PIB em educação, enquanto outros países da América do Sul, como Chile e Argentina aplicam cerca de 6% do PIB. Defendemos o aumento desse valor, se não para os sonhados 10%, pelo menos para 7%, no somatório de recursos da União, estados e municípios. E ainda que os recursos a serem aplicados pela União em educação passem de 18% para 20% da receita total, e de estados e municípios aumentem de 25% para 30% da receita. Mas não basta apenas aumentar os recursos, é preciso melhorar a gestão, exigir que eles sejam mais bem aplicados e evitar o desperdício. Além disso, problemas históricos como o analfabetismo, o acesso à escola e a falta de valorização do professor persistem com números que distam do que foi estabelecido nas metas. Vejamos: o PNE 2001/2010 previa a erradicação do analfabetismo até este ano, no entanto, entre os anos de 2001 e 2008, segundo dados do Ministério da Educação, a taxa de analfabetismo sofreu apenas uma leve redução, de 13% para 10%. Ainda temos 11 milhões de analfabetos. É um número assustador. Com relação ao acesso ao ensino fundamental, a meta era a universalização. Mas ainda temos 2,4% dos brasileiros de 6 a 14 anos fora da escola, porcentagem que parece pequena, mas representa nada menos que 680 mil crianças sem acesso à escola. O PNE 2001/2010 também previa que o piso salarial fosse implementado já a partir de 2001, mas isso só se concretizou em 2008, com a promulgação da Lei do Piso Nacional do Magistério. Sem dúvida, foi a melhor iniciativa para tentar reduzir o achatamento salarial ocorrido ao longo dos anos, mas, infelizmente, ainda precisa ser efetivada por muitos municípios brasileiros.

No entanto, é nos números que nos envergonham que vai se centrar a Conferência Nacional de Educação (Conae), com início hoje, em Brasília, prosseguindo até 1º de abril. É a partir da Conae que será elaborado o novo Plano Nacional de Educação que vigorará a partir de 2011. Educadores, estudantes, pais de alunos, gestores, entidades sindicais, movimentos sociais, conselhos de educação, entre outros, estarão reunidos não só para discutir a elaboração do PNE 2011/2020, mas para implementar o Sistema Nacional Articulado de Educação, integrando todos os níveis, etapas e modalidades da educação escolar, em uma abordagem sistêmica. Na verdade, o grande desafio que teremos na Conae é encontrar formas para melhorar a qualidade da educação. Não se pode aceitar mais o disparate de o Brasil ser a nona economia mundial e estar, segundo dados da Unesco, no 88º lugar em qualidade da educação, entre 129 países pesquisados. É um número vergonhoso que temos obrigação e pressa em tentar reverter.

ARTUR BRUNO
Deputado estadual (PT)
arturbruno@arturbruno.com.br

Fonte: O POVO

CRATO - Previsão do Tempo e Almanaque - 28 de Março de 2010


Após um longo período de estiagem, a chuva volta a cair no cariri. Ontem (27), o dia foi de chuvas, que começaram já no período da madrugada. O Dia nublado fez cair as altas temperaturas, e aqui na Vilalta foi registrado um mínimo de 22 graus às 19:00. Hoje, choveu na madrugada, mas o dia amanheceu com cara de dia ensolarado, que só podermos confirmar nas próximas horas. A previsão apra hoje segundo o site Climatempo, especializado em Meteorologia, é de dia de sol e aumento de núvens de manhã, e pancadas de chuva à tarde e à noite. Chuvas no período da tarde é um pouco preocupante em razão do jogo Crato X Ceará, previsto para logo mais, às 16 horas no Estádio Mirandão.

ALMANAQUE

Dia 28 de março é o Dia de São Xisto III.

Xisto chegou a adotar uma posição neutra na controvérsia entre pelagianos e semipelagianos do sul da Gália, especialmente contra Cassiano, sendo advertido pelo papa Zózimo. Mas reconheceu o seu erro, com a ajuda de Agostinho, bispo de Hipona, que combatia arduamente aquela heresia, e que lhe escrevia regularmente. Ao se tornar papa em 432, Xisto III agindo com bastante austeridade e firmeza, nesta ocasião, Agostinho teve de lhe pedir moderação. Foi assim, que este papa conseguiu o fim definitivo da doutrina herege. Esta doutrina pelagiana negava o pecado original e a corrupção da natureza humana. Também defendia a tese de que o homem, por si só, possuía a capacidade de não pecar, dispensando dessa maneira a graça de Deus.

Ele também conduziu com sabedoria uma ação mais conciliadora em relação a Nestório, acabando com a controvérsia entre João de Antioquia e Cirilo, patriarca de Constantinopla, sobre a divindade de Maria. Em seguida, demonstrou a sua firme autoridade papal na disputa com o patriarca Proclo. Xisto III teve de escrever várias epístolas para manter o governo de Roma sobre a lliría, contra o imperador do Oriente que queria torná-la dependente de Constantinopla, com a ajuda deste patriarca.

Depois do Concílio de Éfeso em 431, em que a Mãe de Jesus foi aclamada Mãe de Deus, o papa Xisto III mandou ampliar e enriquecer a basílica dedicada à Santa Mãe das Neves, situada no monte Esquilino, mais tarde chamada Santa Maria Maior. Esta igreja é a mais antiga do Ocidente que foi dedicada a Nossa Senhora. Desta maneira ele ofereceu aos fiéis um grande monumento ao culto da bem-aventurada Virgem Maria, à qual prestamos um culto de hiperdulia, ou seja, de veneração maior do que o prestado aos outros santos. Xisto III, mandou vir da Palestina as tábuas de uma antiga manjedoura, que segundo a tradição havia acolhido o Menino Jesus na gruta de Belém, dando origem ao presépio. Introduziu no Ocidente a tradição da Missa do Galo celebrada na noite de Natal, que era realizada em Jerusalém desde os primeiros tempos da Igreja.

Durante o seu pontificado, Xisto III promoveu uma intensa atividade edificadora, reformando e construindo muitas igrejas, como a exuberante basílica de São Lourenço em Lucina, na Itália.

Morreu em 19 de agosto de 440, deixando a indicação do sucessor, para aquele que foi um dos maiores papas dos primeiros séculos, Leão Magno. A Igreja indicou sua celebração para o dia 28 de março, após a última reforma oficial do calendário litúrgico.

Eventos históricos

* 193 - O Imperador Romano Pertinax é assassinado por um grupo de soldados da Guarda pretoriana descontentes por terem recebido apenas metade do pagamento prometido;
* 364 - O Imperador Romano Valentiniano I designa, como co-imperador, o seu irmão Flávio Júlio Valente;
* 845 - Paris é saqueada pelos vikings, provavelmente sob o comando de Ragnar Lodbrok;
* 1098 - Primeira menção do título de Conde de Trava num documento, referindo-se a Pedro Froilaz de Trava
* 1431 - É feita a leitura dos 70 artigos da acusação de Joana d'Arc em Ruão. Estes setenta artigos sustentavam a acusação formal para a Donzela buscando sua condenação;
* 1795 - Partições da Polônia: O Ducado da Curlândia, um feudo ao norte da República das Duas Nações, deixa de existir a passa a fazer parte da Rússia Imperial;
* 1802 - Heinrich Wilhelm Matthäus Olbers descobre 2 Palas, o segundo asteroide conhecido pelo homem;
* 1809 - Guerra Peninsular: Na Batalha de Medellín a França derrota a Espanha;
* 1854 - Guerra da Criméia: A França declara guerra à Rússia;
* 1930 - As cidade turcas de Constantinopla e Angora mudam seus nomes para Istambul e Ancara, respectivamente;
* 1939 - Guerra Civil Espanhola: O Generalíssimo Francisco Franco conquista Madrid;
* 1944 - Brasil: criação do Departamento de Polícia Federal;
* 1968 - Durante o período da ditadura militar brasileira, morre em confronto com a polícia o estudante Édson Luís no restaurante Calabouço, no Rio de Janeiro;
* 1979 - Na Pensilvânia, uma bomba do sistema de arrefecimento do reator falha na usina de Three Mile Island e a evaporação de um pouco da água contaminada causa um derretimento nuclear;
* 1988 - Ocorre o assassinato de indígenas da etnia Tikuna na localidade de Boca do Capacete, Brasil, em face de reiterados conflitos pelo uso e posse da terra;
* 1994 - Na África do Sul, zulus e partidários do Congresso Nacional Africano entram em conflito no centro de Joanesburgo, resultando em dezoito mortes;
* 2007 - É inaugurado em Brinches (concelho de Serpa), Portugal a maior central fotovoltaica do mundo.

28 de março: Dia Mundial da Juventude

Nasceram neste dia...

* 1515 - Teresa de Ávila, religiosa e poetisa espanhola (m. 1582).
* 1918 - Adelino Moreira, compositor brasileiro (m. 2002)
* 1810 - Alexandre Herculano, escritor e historiador português (m. 1877).
* 1936 - Mario Vargas Llosa , escritor e político peruano.
* 1956 - Zizi Possi, cantora brasileira

Morreram neste dia...

* 1881 - Modest Mussorgsky, compositor russo (n. 1839)
* 1943 - Sergei Rachmaninoff, compositor e pianista russo (n. 1873)
* 1941 - Virginia Woolf (na imagem), escritora britânica (n. 1882).
* 1985 - Marc Chagall, pintor russo (n. 1887).
* 2004 - Peter Ustinov, ator britânico (n. 1921).

Fontes: Edições Paulinas, Wikipedia, Climatempo
Foto: Dihelson Mendonça

De pernas pro ar: Hugo Chávez decreta 5 dias de feriado na Venezuela a partir de amanhã


Fonte: “Folha de S.Paulo”
"Venezuela quer economizar 500 megawatts ao dia em uma semana
da Efe, em Caracas
O governo venezuelano prevê economizar 500 megawatts por dia durante a próxima semana, graças ao feriado que vai de segunda-feira (29) a sexta-feira (2), promulgado para diminuir os efeitos de uma seca que já obrigou o país a decretar emergência elétrica. A Agência Bolivariana de Notícias (ABN) disse que esse cálculo foi efetuado pelo ministro de Energia Elétrica, Alí Rodríguez, depois que o governo decretou que, além da quinta e da sexta-feira santas, a segunda (29), terça (30) e quarta-feira (31) também seriam feriado".

Coluna CARIRI - por Tarso Araújo - (jornal O POVO,28-03-2010)

SERÁ SINA?
Costumam dizer que Crato é uma cidade pobre em monumentos públicos. E é mesmo!
Seria coisa do destino? Segundo o livro “Efemérides do Cariri”, historiador Irineu Pinheiro, o primeiro monumento público de Crato foi inaugurado em 31 de julho de 1903. Era um busto de Pero Coelho de Sousa, um dos colonizadores do Ceará. Feito de alvenaria, o busto não tinha braços. Ganhou logo do povo o apelido de “João Cotoco”. Outros preferiam chama-lo de “João de Barro”. Dois anos depois, em 1905, numa noite de tempestade, um raio destruiu o busto. De lá para cá outros monumentos em Crato foram destruídos. Agora por mãos humanas. Dentre eles, citemos dois: o monumento à Mãe Cratense e o comemorativo à proclamação do dogma da Assunção de Nossa Senhora. Ambos erguidos (e destruídos) na Praça da Sé.

A SUCESSORA
Monsenhor Ágio Augusto Moreira, criador da Escola Lírica do Belmonte e da Orquestra Sinfônica Padre Davi Moreira, chegou aos 92 anos. Essas instituições beneficiam – com o ensino da música – camponeses residentes no Belmonte, localidade do sopé da Chapada do Araripe, em Crato. A obra do padre Ágio vai ter continuidade. Quem o sucederá? A professora Izaíra Silvino, coordenadora voluntária do Curso de Educação Musical do Campus da UFC-Cariri. Ela ensinava música em Brasília e após se aposentar fixou residência em Crato, cumprindo antiga promessa feita ao padre Ágio de dar continuidade as suas iniciativas no campo musical.

ARTESANATO
Maria do Socorro Nascimento, residente no sítio Sítio Baixa do Quaresma, a 5 km de Missão Velha (ali mantém ateliê e forno) é hoje uma das maiores artesãs de barro do Cariri. Além dos potes e jarros, faz esculturas de animais e personagens famosos, como o poeta Patativa do Assaré e o presidente Lula. Maria do Socorro vende seus produtos em casa, mas começou a ganhar fama após participar de uma feira de produtos da agricultura familiar realizada no Parque de Exposições de Crato. Vale a pena conhecer a criativa arte dessa jovem artesã caririense.

DESRESPEITO À LEI
Um ponto negativo, que contrasta com o inegável progresso e avanços registrados na conurbação Crajubar, é a poluição sonora que ainda resiste nas principais cidades caririenses. Nos centro comerciais, como o de Juazeiro do Norte (foto), carros de propaganda não respeitam o nível de som permitido (85 decibéis). Nas zonas urbanas é proibido executar atividades que produzam alto ruído antes das 7 horas e depois das 22 horas. O bairro Parque Grangeiro, em Crato, é o campeão do desrespeito. E quando são chamados para coibir os abusos, os policiais do Ronda Quarteirão dizem que não podem fazer nada. A quem apelar?

VIDA POLÊMICA
A revista “Família Cristã”, da Editora Paulinas, publicou – no número deste mês – extensa entrevista com dom Fernando Panico. A certa altura, o bispo de Crato declarou: “A vida do padre Cícero é polêmica porque ele viveu intensamente fatos polêmicos da história do Nordeste que ele tentou resolver, e sempre em favor do povo sofrido do sertão. Admiro no padre Cícero duas qualidades fundamentais: uma fidelidade heróica a sua consciência, e uma compaixão profunda para com os pecadores e os pobres”.

DE VOLTA AO PASSADO
O reitor Plácido Nuvens reeditou portaria de 2008 abrindo mais uma sindicância contra alguns membros da administração anterior da Universidade Regional do Cariri. A primeira sindicância, conduzida por pessoas da confiança do novo reitor e sugerida pela Auditoria, teria agido de forma parcial, já que era totalmente dependente da atual administração. Segundo consta, não foi apurado nada de grave contra os gestores da administração passada. Agora, depois de quase três anos, a sindicância foi reinstalada. Vale lembrar que os relatórios da auditoria foram remetidos ao Ministério Público. Quando os acusados solicitaram o texto do relatório o atual reitor não atendeu ao pleito.

TRISTE
Os vereadores de Crato, continuando a deplorável política de mudança dos nomes das ruas da cidade, “cassou” a denominação de Presidente Kennedy e renomeou aquela artéria urbana de Desembargador Edmilson Cruz. O que mudou na prática? Nada. Depois de mais de dois anos da mudança as novas placas nunca foram afixadas. E o povo continua chamando aquela rua de Presidente Kennedy... Bem feito!

CENTENÁRIO
A Assembleia Legislativa do Estado do Ceará realiza Audiência Pública em Juazeiro do Norte para discutir o centenário da cidade. O requerimento foi feito pela deputada Ana Paula. A audiência acontece dia 29, no Memorial Padre Cícero.

CURTAS
– Dom Fernando Panico esteve segunda e terça-feira (dias 22 e 23) em Quixadá, acompanhando as freiras contemplativas da sua diocese em viagem espiritual. Na quarta-feira (dia 24) seguiu para Belém, onde participou da posse do novo arcebispo da capital paraense. Já na sexta-feira, dia 26, estava despachando em seu gabinete, na Cúria Diocesana, em Crato.
– O chamado “Metrô do Cariri”, que liga Crato a Juazeiro do Norte está há dias sem funcionar. O que não causou nenhuma reclamação ou repercussão junto à população das duas cidades. A introdução desse transporte coletivo ainda não pegou. O povo apelidou esse trem de “cobra de duas cabeças”. E reclama da pintura das janelas que não favorece a visibilidade no interior dos vagões.
– O desenho de Reginaldo Farias vencedor do concurso para escolha da logomarca oficial do centenário de Juazeiro do Norte concorreu com outros 85 projetos. A escolha foi justa, pois a logomarca vitoriosa define bem a imagem da Terra do Padre Cícero.
– O empresário José Roberto Celestino é um dos maiores conhecedores da realidade do Cariri. Estudioso e sério, José Roberto mantém excelente relacionamento com os profissionais da imprensa da conurbação Crajubar.

Sobre Anonimato:

Conseguem ler isso?

Comentários Anônimos serão sempre Rejeitados. Assinem seus Comentários!

Dihelson Mendonça
Administrador do Blog do Crato

Edições Anteriores:

Outubro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31