11 novembro 2010

BC não descarta venda do Panamericano por Silvio Santos


BRASÍLIA (Reuters) - O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, sinalizou nesta quinta-feira que o Grupo Silvio Santos poderá ter que se desfazer do controle do Banco Panamericano para pagar a dívida com o Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Na noite de terça-feira, o Panamericano anunciou a injeção de 2,5 bilhões de reais no banco pelo Grupo Silvio Santos, que está tomando um empréstimo do FGC. Como garantia, o empresário --dono da rede de televisão SBT-- colocou seu patrimônio. O aporte no Panamericano foi necessário após a identificação de que o banco mantinha em seu balanço como ativos carteiras de crédito que já haviam sido vendidas a outros bancos. Também houve duplicação de registros de venda de carteiras. Com isso, o resultado da instituição financeira era inflado.

Meirelles disse que "é possível" que a Caixa Econômica Federal --que em dezembro de 2009 comprou 49 por cento do capital votante do Panamericano-- irá gerir o Panamericano com um outro sócio, na medida em que o controlador talvez tenha que vender sua participação no banco para pagar o FGC. A Caixa descarta colocar mais dinheiro no Panamericano e também assumir o controle do banco, disse à Reuters na quarta-feira uma fonte com conhecimento do assunto, sob condição de anonimato. As ações do Panamericano subiam 8,39 por cento às 11h57, a 5,17 reais, depois de terem desabado 29,5 por cento na quarta-feira.

(Reportagem de Isabel Versiani; texto de Cesar Bianconi; Edição de Aluísio Alves)

Yahoo Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.