18 junho 2010

Chuvas fortes causam enchentes e preocupam população do Recife

As chuvas que caem sobre a cidade do Recife demoraram a cessar nesta quinta-feira (17). Nas regiões caracterizada pelos morros, a grande preocupação da população e da prefeitura local é o risco de morte que estas condições oferecem. Desde a manhã, a Codecipe (Coordenadoria de Defesa Civil de Pernambuco) já registrou 28 ocorrências, sendo 16 deslizamentos de barreira. Os alagamentos também atrapalharam o trânsito em várias ruas e avenidas da cidade. O prefeito de Recife, João da Costa, decretou no final da tarde alerta máximo. As secretarias e órgãos ligados à Defesa Civil estão agindo estratégicamente em vários pontos da cidade.

Fonte: Site Minha Notícia

5 comentários:

  1. “Enchente não é, necessariamente, sinônimo de catástrofe. É apenas um fenômeno natural dos regimes dos rios. Não existe rio sem enchente. Por outro lado, todo e qualquer rio tem sua área natural de inundação. As inundações passam a ser um problema para o homem quando ele deixa de respeitar esses limites naturais dos rios. Por exemplo, quando remove as várzeas e quando se instala junto às margens. Ou então quando altera o ambiente de modo a modificar a magnitude e o regime das enchentes, quando desmata, remove a vegetação e impermeabiliza o solo.”
    E como todas as grandes cidades, Recife-PE está sujeita a estes problemas, a população contribui para o desequilíbrio, depois põe a culpa na Natureza, o povo é sujo, é mal educado, é injusto, são vários predicativos.

    Abraços,

    Rose

    ResponderExcluir
  2. "Bombeiros localizam cinco corpos da mesma família. Um casal e três filhas morreram por conta de um deslizamento de barreira no Córrego do Sargento, na Linha do Tiro. Em Dois Unidos, menino de um ano morre soterrado". Estes são bairros da periferia de Recife, que fazem divisa com a cidade de Olinda, onde existia um rio o Beberibe, hoje já não existe mais, pois a população carente ocupou as margens, ou seja, retirou a vegetação nativa (Mata Ciliar). Mas o Lamepe-Laboratório de Meteorologia de Pernambuco, informa que a intensidade das chuvas vão diminuindo, pelos próximos dias.
    Hoje continua chovendo, mas não com muita intensidade. Vez por outra surge o sol.

    Até a próxima

    Rose

    ResponderExcluir
  3. Carlos concordo com você em parte por ser um dilúvio, mas este vem se propagando a muito tempo por causa do que os "seres ditos humanos", fazem com a Natureza, depois dizem é a fúria, é a ira, e a revolta, etc, etc, da Natureza, esta não agride o homem, pelo contrário somos nós quem a agredimos,ela nos dar tudo de melhor, nós somos burros, não aprendemos a Ler a Natureza.

    Rosemary Borges Xavier

    ResponderExcluir
  4. Sou pernambucana da capital e tenho visto todos os anos, aqui é o primeiro estado do Nordeste neste período a sofrer com estes problemas ambientais, pessoas sem educação sujam a cidade e falam: temos os garis para limpar, pessoas derrubando a Mata para construir casas (barracos), pois dizem: aqui é melhor porque fica perto do ponto onde eu já peço minha esmola, e por ai vai, falta EDUCAÇÃO neste país por isto falta tudo. E a culpa não é só dos políticos não, as pessoas não estão mais interessadas pela busca do conhecimento, então tem gente que defende: é a falta de pesrpectiva, as escolas estão péssimas, cobrem dos que foram eleitos, mas tem muitos alunos hoje que entram nas escolas para agredir professor, eu sei já vivi isto. Tudo está sem controle neste país, a população só quer conhecer a lei da vantagem. As pessoas só pensam em "derrubar" as outras, ninguém quer um país igualitário, ninguém ajuda ninguém.
    A Natureza apenas se DEFENDE, e que bom que tem força para se defender.

    Até mais

    Rosemary Borges Xavier

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.