18 abril 2010

TRAVESSA CRATO: EM FORTALEZA VOCÊ ENCONTRA UM CRATINHO - Por Wilson Bernardo.

Estive recentemente em Fortaleza e encontrei esse reduto. Aqui se encontra de tudo, além de se sentir como se estivesse em casa. Queijo bom, rapadura, paçoca no quilo, cachaça servido a tira gosto caseiro e o mais importante, é como se você estivesse mesmo no seu cratinho de açúcar ou no calçadão do portuga Joaquim. Recomendo a todos, quando estiverem por lá, visitem essa travessa, ela fica na rua dos correios, agência central de Fortaleza e próximo à catedral, e o domingo passei a manhã e tarde tomando cachaça e me sentindo em casa.

Aqui se tem de um tudo
Bugingangas e satisfação
O domingo a calçada é só dos boêmios e dos saudosistas,é o dia todo.

Wilson Bernardo (Texto & Fotografia)

10 comentários:

  1. Wilson, como conseguiu tomar cachaça pela manhã e a tarde no domingo, e segurar a câmera?
    Em quais dias fez as fotos?
    Tu tens quatro mãos por acaso? rs rs rs rs
    Me responda logo pois estou é muito curiosa.
    Se foi no domingo que fez isto tudo, meus parabéns, você é bom mesmo!!!!!.
    Pois são poucas as pessoas que mesmo sóbrias conseguem realizar algo.
    Um abraço,
    Rose

    ResponderExcluir
  2. Rose, é apenas uma idéia, mas ele pode tê-las feito antes de começar a se divertir...rs rs

    Abraços,

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir
  3. Ô lugarzinho animado!

    Gostaria de estar lá...

    ResponderExcluir
  4. E seria bom se a gente avisasse ao pessoal da Travessa Crato que se ligasse aqui no Blog do Crato.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Pode ser Di, se não ele poderia ter perdido o foco, só Wilson para descobrir estas pérolas, espero que da próxima vez ele me convide rs rs sr. Só faltou o pequi, não está na época.
    Tenta ver se você consegue contactar com o pessoal para vir bater um papo por aqui.
    Entra hoje neste site www.alltv.com.br
    às 19:00h Joilson vai está se apresentando.

    Rosemary Borges

    ResponderExcluir
  6. Alô Wilson Bernardo!
    Parabéns por tão grata descoberta da festa existente aos domingos na tão esquecida "Travessa Crato", agora revitalizada.
    Agradeço o excelente material com o qual você nos presenteou e já estou com ele aqui em Fortaleza.
    Gostei de você ter dito que para ser feliz é preciso ser irresponsável. O dificil é me tornar "irresponsável"! (rs.rs.rs..)Serei feliz do meu jeito mesmo.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  7. Wilson Bernardo,

    Repetindo aqui o que disse no comentário lá no texto "O Metrô do Cariri", eu e Carlos gostamos muito de lhe conhecer. A sua alegria e simpatia nos conquistou. Reforço o agradecimento pelo presente.

    Abraços

    ResponderExcluir
  8. ROSE,fotografo melhor ainda quando bebo uma garrafa de pinga,minhas melhores fotos não é com certeza quando estou sobrio,essas fotos nfelismente foram feitas com uma maquina sem muitos recursos,uma pequena maquina sony,o que limita e muito a pratica da fotografia,mas nesses casos o que vale mesmo é perpetuar o momento e as pessoas.

    ResponderExcluir
  9. MAGALI DE CARLOS,fico muito envaidecido pela estima a mim confiado,fiquei muito feliz que em poucos minutos de conversa,tenhamos nos afeiçoados com tão grande estima e respeito,ao o que somos sres,pautados a desiminar o humanismos entreas essoas insenciveis ao tempo,ao medo,e a certeza de que somos evidentementes necessarios para com a amizade e confraternização.Com certeza carlos você não tem e não é culpa sua,esse espirito de aventura irresponsavel,e sei que vc é feliz simplismente pelo fato de ter tão esti,ada senhora Magali.reintero sempre que eu estive nas minhas anuâncias de farras irresponsaveis,tomarei uma dose extra em comemoração a essa nova amizade que nos presenteia.abraços freternos magali de carlos e carlos de magali...isto dar um poema.

    ResponderExcluir
  10. Carlos, eu me lembro bem das coisas...rs rs

    O Wilson disse que "para ser feliz seria necessário ser irresponsável =Pelo menos uma vez na vida"

    Eu também fiquei atônito com a frase, por isso guardei bem e levei pra casa para meditar. E concluí que sou feliz, pois eu sou o maior irresponsável dentro das minhas responsabilidades.

    Um grande abraço a todos.

    Dihelson Mendonça

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.