04 março 2010

Piloto que conseguiu aterrissar no rio Hudson se aposenta


O piloto Chesley Sullenberger, tratado como herói desde que realizou uma espetacular aterrissagem sobre o rio Hudson em Nova York, anunciou nesta quarta-feira a sua aposentadoria, após ter trabalhado para US Airways durante os últimos 30 anos.

"Tive a sorte de ter seguido a minha paixão durante a maior parte da vida, trabalhando em uma profissão que amo profundamente e junto a milhares de colegas maravilhosos", afirmou em comunicado o piloto de 59 anos, conhecido como Sully.
AP/Reuters

Em 15 de janeiro de 2009, Sullenberger fez um pouso de emergência com o Airbus A320 sobre as geladas águas do rio Hudson. A aeronave colidiu contra um bando de gansos pouco depois de decolar do aeroporto nova-iorquino de La Guardia. O avião operava o voo 1549 da US Airways entre Nova York e Charlotte, no Estado da Carolina do Norte. Todos os 155 ocupantes da aeronave se salvaram, e o piloto recebeu várias homenagens. Entre os colegas de profissão, Sullenberger fez referência ao homem com quem realizou seu último voo, Jeff Skiles, que foi seu copiloto durante anos e também voava com ele no voo 1549. Depois daquele incidente, a vida profissional de Sullenberger foi interrompida durante alguns meses, nos quais concedeu dezenas de entrevistas e escreveu um livro. Em setembro passado, ele foi incorporado à equipe de gestão de riscos da companhia aérea e em outubro voltou a pilotar.

da Efe, em Nova York (EUA)
da Folha Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.