31 março 2010

CRATO - Polícia apreende madeira e pássaros - Reportagem: Antonio Vicelmo


Nota do Blog do Crato: "Quero aqui parabenizar o Capitão Rabelo pela missão realizada. Eu já havia ouvido excelentes referências a ele através do Secretário de Meio Ambiente Nivaldo Soares, e isso está se confirmando como um homem de grande seriedade naquilo que se propõe a fazer. Finalmente, uma notícia positiva em relação a essas madeiras ilegais que sabemos há muitos anos que desce constantemente da Chapada do Araripe. Espero que essa seja a primeira de muitas apreensões a serem realizadas no Cariri. E que nenhum dos policiais tenha medo de exercer suas funções no difícil combate à extração e ao contrabando de madeiras da nossa Chapada do Araripe."

Entre os pássaros que foram apreendidos, estão canários da terra, sabiás, galo de campina, corrupião, golas, azulão e graúna. Agora, os responsáveis pela carga deverão responder a inquéritos administrativo e policial. ANTÔNIO VICELMO. Caminhões transportavam 17 metros estéreos de umburana, uma madeira nobre, utilizada na fabricação de móveis finos e, principalmente, na escultura de imagens de santos. Operação da Polícia MIlitar Ambiental combate o tráfico de aves silvestres e de madeira na região do Cariri

Crato. Dois caminhões, procedentes de Pernambuco, com 17 metros estéreos de umburana, uma madeira nobre utilizada na fabricação de móveis finos e, principalmente, na escultura de imagens de santos, foram apreendidos pela Companhia de Policiamento Militar Ambiental (CPMA), sob o comando do capitão Rabelo Luna. Noutra operação, foram apreendidos 42 pássaros, entre os quais canários da terra, sabiás, galo de campina, corrupião, golas, azulão e graúna. A madeira e os pássaros foram levados para o escritório do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) do Crato, onde os responsáveis pela comercialização de aves e corte de madeira assinaram o auto de infração e foram conduzidos para a Delegacia de Polícia do Crato. Na ocasião, foi registrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Além de responderem a inquéritos administrativo e policial, os infratores vão pagar uma multa no valor médio de R$ 5 mil. A informação é do chefe do escritório regional do Ibama, Francisco Sales, acrescentando que os dois motoristas que dirigiam os caminhões e o proprietário da carga de madeira foram inclusos no Artigo 46 da Lei dos Crimes Ambientais, que determina uma pena de detenção, de seis meses a um ano, e multa, com direito a defesa e pagamento de fiança.

Pássaros

Em Caririaçu e Missão Velha, a CPMA apreendeu 42 pássaros, em poder de dois agricultores, que também foram levados para o escritório regional do Ibama, na cidade do Crato. Os dois traficantes de aves da fauna silvestre foram inclusos no Artigo 29, dos Crimes Contra a Fauna, que diz: "Matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória", sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente, pena de detenção de seis meses a um ano. A multa é de R$ 500,00 por cada ave apreendida, perfazendo um total de R$ 21 mil em multas. As aves apreendidas, segundo Sales, serão examinadas pelo biólogo Carlos Leal, do Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio), e permanecerão em regime de quarentena, sob observação, nos viveiros do Ibama para serem libertadas numa área particular de preservação ambiental no município de Campos Sales.

O capitão Rabelo Luna, que comandou as operações, informou que a fiscalização terá continuidade. O militar destacou que, além de apoiar as operações ambientais das diversas Unidades da Polícia Militar, a CPMA atua em conjunto com o Ibama, Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), Secretaria do Meio Ambiente e Controle Urbano (Semam), entre outros órgãos municipais do Estado do Ceará, com a meta de promover a educação ambiental e prevenir e combater ações contra a natureza na região.

Educação ambiental

Paralelamente, estão sendo desenvolvidas campanhas educativas nas escolas. Ontem, o capitão Rabelo esteve no Colégio Pequeno Príncipe, falando sobre educação ambiental. Rabelo lembra que a escola é o espaço social e o local onde o aluno dará sequência ao seu processo de socialização no campo da educação ambiental. Ao fazer esta avaliação, o capitão Rabelo Luna lembra que é fundamental que cada aluno desenvolva as suas potencialidades e adote posturas pessoais e comportamentos sociais construtivos, colaborando para o desenvolvimento de uma sociedade socialmente justa, em um ambiente saudável. A formação dada pelos policiais junto aos grupos de estudantes colabora com a verdadeira mudança de consciência no planeta.

Educação

"A escola é o espaço social e o local onde o aluno dará sequência ao seu processo de socialização no campo"
Capitão Rabelo Luna
Comandante da CPMA

MAIS INFORMAÇÕES
Ibama
Praça Joaquim Fernandes Teles, 10
Crato - Cariri
(88) 3521.1529

Antônio Vicelmo
Repórter do Jornal Diário do Nordeste
Colaborador do Blog do Crato

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.