xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 04/12/2009 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

04 dezembro 2009

Conselho de Sentença condena “Paulinho Ceará” a 20 anos de prisão - Postado por J. Tavares.


O Conselho de Sentença do 1º Tribunal do Júri do Fórum Clóvis Beviláqua condenou Paulo Roberto Cavalcante Sampaio, o "Paulinho Ceará", a 20 anos de prisão, em regime inicialmente fechado, pelo assassinato de Manoel Ferreira Almino de Lima e de Soraia Garcia Bezerra de Melo. O réu foi condenado a sete anos pela morte de Manoel Almino, já que os jurados não reconheceram os qualificadores de motivo fútil, meio cruel e recurso que tornasse impossível a defesa da vítima, e a 13 anos pelo assassinato de Soraia Melo, já que mantiveram o qualificador de motivo fútil.

“Paulinho Ceará” teria cometido o duplo assassinato na companhia de Daniel Benício Souza Filho, que não foi julgado por ter recorrido da sentença de pronúncia. O crime aconteceu no dia 2 de janeiro de 1989, por volta das 2h30, na cidade do Crato, região do Cariri. Manoel Ferreira e Soraia Garcia teriam sido executados pelos dois acusados, sendo encontrados dentro do carro de Manoel Ferreira, em uma rua da periferia da cidade. A promotoria atesta nos autos do processo que há indícios de que o assassinato ocorreu por vingança, pois na noite da festa de Reveillon, um dia antes do crime, a vítima, que estava em uma comemoração no município de Granjeiro, havia discutido com contra um grupo de seis homens. No dia seguinte, ao sair da festa na companhia da moça, os dois teriam sido colocados dentro de outro carro, levados para as proximidades do Quartel de Tiro de Guerra do Crato, onde foram assassinados. Manoel Almino levou quatro tiros e Soraia foi atingida por dois disparos fatais.

O julgamento foi presidido pelo juiz titular da 1ª Vara do Júri, Francisco Mauro Liberato e a acusação foi patrocinada pelo promotor de Justiça Francisco Marques Lima. Já a defesa, que estava sob a responsabilidade do advogado Ermano Uchôa Sobrinho, anunciou que vai recorrer da sentença.

Fonte: Site do Tribunal de Justiça do Ceará.

Publicidade - DULARE MÓVEIS - Uma grande loja se instalou em Crato !

Dulare 400

DULARE é a mais nova opção para você comprar seus móveis na Região do Cariri. Se você procura qualidade por preços acessíveis, o caminho certo é na DULARE MÓVEIS. E aproveite as ofertas de fim-de-ano. DULARE - Bons Móveis para Você - Em crato, na Praça Siqueira Campos.

Uma grande loja com o maior sortimento:

Image2


Sofás, Camas, Guarda-roupas, salas, cozinhas completas...

DULARE - Bons Móveis para Você

Publicidade: Clínica São Raimundo - Várzea Alegre


O Blog do Crato tem o prazer de fazer a publicidade da Clínica São Raimundo, da cidade de Várzea Alegre - CE, que acredita no nosso trabalho como meio de buscar a integração regional. A Clínica São Raimundo é uma empresa conceituada. Comandada pelos renomados médicos Dr. Menezes Filho e da Dra. Ana Micaely de Morais Meneses. Especializada em pediatria, ultrassonografia, fisioterapia especializada, RPG.

Eis algumas fotos da nossa empresa/parceira que fazemos questão de divulgar:



Acima: A Logomarca oficial da Clínica São Raimundo, em Várzea Alegre.


Acima: O Médico, Dr. Menezes Filho em atividade.

Acima: Dra. Ana Micaely de Morais Meneses

Cuidando de seus pacientes com carinho e dedicação...



Clinica São Raimundo.
Rua Dep. Luis Otacilio Correia 129. Várzea-Alegre. Fone (088) 3541-1467.
Especialidade: Pediatria, ultrassonografia, fisioterapia especializada, RPG.

"Cuidando com carinho e responsabilidade do povo de Várzea Alegre !"

Anuncie no Blog do Crato.
Contatos:
blogdocrato@hotmail.com
Tel: 088-3523-2272

A vulnerabilidade do IBOPE - Fonte: Luis Nassif

Ibope ignora quase 20 milhões de antenas parabólicas.

A medição de audiência feita pelo Ibope ignora quase 20 milhões de residências que recebem o sinal das TVs via antena parabólica. O Ministério das Comunicações estima em cerca de 60 milhões os domícilios com televisor no Brasil. Ou seja, em um terço deles a cobertura é feita pelas parabólicas. O Ibope não faz medição regular de audiência fora das grandes cidades. O PNT (Painel Nacional de Televisão), o Ibope “nacional”, mede apenas 3.500 residências, onde moram 14 mil pessoas, em 11 regiões metropolitanas: São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Florianópolis, Porto Alegre, Salvador, Recife, Fortaleza e Campinas. Nessa amostra, as residências com parabólicas representam apenas 5%.

Um grupo de emissoras cuja cobertura depende muito das parabólicas, liderado por MTV e TV Cultura, tentou neste ano convencer o Ibope a montar um painel para medir audiência em parabólicas de todo o país. A proposta, no entanto, não avançou. Um dos entraves foi o custo do serviço. O Ibope pediu às emissoras para investirem R$ 1 milhão apenas para a montagem da amostra, fora a assinatura mensal para receber os dados. As TVs seriam “sócias” do custo de implantação, mas o Ibope poderia vender o serviço a outros clientes, sem compensação às emissoras. Outro entrave foi o desinteresse das grandes redes e agências de publicidade. Não seria bom negócio para elas revelar o tamanho da audiência das parabólicas, em que não veiculam propaganda regional. Procurado, o Ibope disse apenas que mede “todas as formas de recepção VHF, UHF, Cabo, DTH e VCR”.

Fonte: Lima
Do Site Luis Nassif

http://blogs.r7.com/daniel-castro/2009/12/03/ibope-ignora-quase-20-milhoes-de-antenas-parabolicas/


Nós cremos na vida eterna- Por Moisés Rolim.


Acreditar na vida eterna é trazer seus frutos para a vida atual.

O Advento é o tempo da esperança cristã. O Papa Bento XVI, em sua Encíclica "Spe Salvi" (Esperança da Salvação), apresenta ao mundo uma forma de entendimento da fé e da esperança na vida eterna muito peculiar. Ele apresenta uma interpretação da Carta aos Hebreus, no capítulo 11, versículo 1, na qual o autor sagrado aproxima a fé e a esperança: "A fé é hypostasis das coisas que se esperam; prova das coisas que não se vêem". Hypostasis é uma expressão grega que ao ser traduzida para o latim, corresponde a substantia, no português "substância". Então podemos ler: "A fé é a 'substância' das coisas que se esperam; a prova das coisas que não se vêem."

O Sumo Pontífice, nessa interpretação, nos apresenta que o cristão materializa hoje aquilo que espera para o amanhã. A vida eterna, para a qual fomos criados, é antecipada pela fé. Nós cremos na vida eterna, e por isso mesmo podemos desde já experimentá-la. Acreditar na vida eterna, portanto, é trazer todos os seus frutos para a nossa vivência atual, na carne. Somos destinados a uma vida nova, no paraíso, na presença de Deus com os Seus anjos, com os santos, com a Virgem Maria, e Jesus, o nosso Redentor. Esta é a esperança cristã: nascemos e passamos pela vida da carne, para ressuscitar pela força de Cristo, para esta vida eterna.

E como alcançar esta meta: pela fé. Mas uma fé "materializada", isto é, uma crença ativa, que comporta ações que antecipam o céu. Isso porque as pessoas que não vivem em conformidade com a santidade que existe no céu, não poderão estar eternamente nele. No céu só há lugar para o que é puro e santo. A nossa vida presente terá que apresentar a Deus uma santidade compatível com Ele, para estarmos em na presença d'Ele. Mas como alcançar isso? Pela fé em Jesus Cristo, pela participação em Sua vida, pela Liturgia, especialmente pela Eucaristia, na qual o pão se torna outra substância: o próprio Cristo.

Em Jesus Cristo somos capazes do céu. Por isso há a necessidade de cada pessoa humana se encontrar pessoalmente com o Senhor, com a Sua doutrina, e acreditando n'Ele, comungando-O no banquete Eucarístico, possuir a vida eterna. Crer na vida eterna é viver em conformidade com Cristo. São Paulo nos atesta: "Não sou eu que vivo, é Cristo que vive em mim" quando teve seu encontro com o Messias e aderiu ao projeto de amor d'Ele, de forma incondicional.

Nós cristãos cremos na vida eterna e que a nossa vida presente é um caminho para chegarmos à nossa verdadeira morada. Mas isso implica uma revisão de vida, uma luta constante, para que nossa fé em Jesus Cristo se cristalize em atos de amor ao próximo, que é a expressão daquilo que existe no céu: o amor. A fé precisa materializar-se como amor entre as pessoas, pois é nessa perspectiva que podemos afirmar nossa crença, não com palavras, mas em gestos concretos. Muitos, neste tempo do Advento em que se pensa no final dos tempos, poderiam mudar os seus discursos e se preocuparem com a vida: as suas próprias vidas, a vida de seus semelhantes, e fixarem os olhos na esperança futura, cujo penhor nos foi dado por Jesus Cristo Nosso Senhor. É nisto que queremos crer: na vida eterna, que nasce numa vida em comunhão de amor com Cristo e com os irmãos.PARABÉNS TODOS OS CATÓLICOS DO MUNDO POR ESTARMOS VIVENDO UM TEMPO TÃO SIGNIFICATIVO.

Fonte:www.cancaonova.com

Postado por: MOISÉS ROLIM (Em busca da noticia.Colaborador do Blog do Crato)

EUA se dizem 'decepcionados' com decisão do Congresso de Honduras

O secretário-assistente dos Estados Unidos para a América Latina, Arturo Valenzuela, disse nesta quinta-feira (3) que o governo americano está "decepcionado" com a decisão do Congresso hondurenho de não permitir a restituição do líder deposto de Honduras, Manuel Zelaya, à Presidência. "Esperávamos que o Congresso aprovasse a restituição", disse Valenzuela. Apesar da "decepção" sobre a decisão, Valenzuela garantiu que a votação da quarta-feira --na qual 111 deputados se opuseram ao regresso de Zelaya e somente 14 votaram a favor-- "foi conduzida de maneira transparente".

A responsabilidade do Congresso pela decisão sobre a restituição de Zelaya era um dos pontos previstos no acordo Tegucigalpa San-José, assinado pelas duas partes --representantes do líder deposto e do governo interino, liderado por Roberto Micheletti-- e mediado pelos EUA. O secretário-assistente pediu aos políticos hondurenhos novos passos que permitam a criação de um governo de união nacional e de uma comissão para investigar a deposição de Zelaya, em 28 de junho. "Resta muito trabalho a ser feito para restabelecer a ordem democrática e constitucional em Honduras e promover a reconciliação nacional", disse. "A situação segue sendo inaceitável". A Casa Branca afirmou que apoiaria a restituição de Zelaya ao poder através da votação dos deputados, mas o próprio presidente deposto negou aceitar qualquer regresso à Presidência que servisse para "encobrir o golpe de Estado" que o destituiu.

Washington também reconheceu as eleições presidenciais do último domingo em Honduras, que elegeram o candidato da oposição, Porfírio "Pepe" Lobo. Valenzuela disse, no entanto, que o pleito "não é suficiente" para solucionar a crise política no país.

Direitos humanos

Ainda nesta quinta-feira, a organização de direitos humanos AI (Anistia Internacional) apresentou o relatório de uma missão de observação que esteve em Honduras nos últimos dez dias. No documento, o grupo questionou o contexto de direitos humanos em que se foram conduzidas as eleições de domingo no país. A AI declarou a presença da organização em Honduras não era uma missão de observação eleitoral, mas o chefe da missão, Javier Zúñiga, disse à BBC Mundo que apesar de "não ter motivos para duvidar" da qualidade técnica do processo, há "algumas dúvidas" sobre o contexto em que as eleições foram realizadas. "Eu simplesmente lembro você que não houve observação internacional qualificada, como da OEA (Organização dos Estados Americanos), ou da ONU (Organização das Nações Unidas)", disse Zúñiga.

O líder da missão da AI afirmou ainda que "a crise em Honduras não termina com os resultados eleitorais" e que o próximo governo deve tomar medidas para eliminar os controles às liberdades pessoais e de expressão que foram estabelecidos pelo governo interino. A Anistia exige que se estabeleçam responsabilidades em todos os casos de abusos dos direitos humanos que foram documentados no país após a deposição de Zelaya.

Crise

A crise política em Honduras teve início em 28 de junho, quando Manuel Zelaya foi destituído do cargo pelas Forças Armadas, acusado de violar a Constituição do país. Antes de ser afastado, Zelaya defendeu que as eleições de 29 de novembro tivessem mais uma consulta, sobre a possibilidade de se mudar a Carta Magna hondurenha. Segundo sua proposta, os eleitores decidiriam nessa consulta se desejavam que se convocasse uma Constituinte --o que, segundo o principal assessor do líder deposto, Carlos Reyna, é "uma necessidade histórica de Honduras". Os críticos de Zelaya afirmam que sua intenção era mudar o marco jurídico do país para poder se reeleger, o que é vetado pela atual Constituição.

A deposição do presidente eleito foi condenada internacionalmente. No lugar de Zelaya, que foi levado para fora do país, assumiu um governo interino, liderado pelo antigo presidente do Congresso, Roberto Micheletti. Zelaya voltou clandestinamente a Honduras e se abrigou na embaixada do Brasil, onde está desde o mês de setembro.

Fonte: Folha OnLine
Fonte Original: BBC Brasil

Sobre um texto do Dr. José Flávio - A Corrupção no Brasil - Por: Dihelson Mendonça


O nosso ilustre Dr. José Flávio, num dos seus últimos textos, escreveu a seguinte frase, analisando o recente escândalo do Mensalão do DEM:

"Arruda e Paulo Octávio não são muito diferentes da imagem de cada um de nós refletida no espelho. Quantos de nós não encheriam as meias, da mesma maneira, se tivéssemos a oportunidade ?"

E
u discordo totalmente. Ainda há pessoas que não encheriam as meias nem as malas, ainda que com o dinheiro deixado numa maleta de Aeroporto, por exemplo. Ainda há pessoas honestas, de caráter, de Brio, de Ombridade, que não se deixam comprar por dinheiro algum. Essa coisa de tentar generalizar de que "quantos de nós não encheriam as meias da mesma maneira se tivéssemos a mesma oportunidade" não me cheira a coisa boa. Ela é mais como uma desculpa, uma tentativa de justificar os crimes que vêm sendo praticados contra a nação Brasileira, como se dissesse que em cada um de nós vive um Corrupto adormecido, e que não adianta reclamar, que isso é assim mesmo, e que qualquer um faria a mesma coisa.

Isso aí me parece muito com uma tentativa de se justificar os mensalões que têm existido do Brasil. O Mensalão do Lula, o mensalinho, os mensalões de alguns estados, e o recente Mensalão do DEM. Nada mais nefasto! A população brasileira deve repudiar toda forma de corrupção, e não procurar justificativas para a mesma. O que se deve fazer é punir exemplarmente os criminosos. Agora, este é o país da Impunidade, em que cadeia é feita para Pobres, onde os Grandes que Lesaram a Pátria estão todos soltos e UNIDOS e comem no prato do poder, como Collor de Mello, que sofreu Impeachment pela Nação brasileira e hoje é um aliado do Presidente Lula. Como Sarney, como Renan e como tantos outros...

O problema desse país é exatamente da população se acostumar com a impunidade e com a corrupção. Achar que ser corrupto é uma coisa normal, e até de orgulho e de celebridade. O problema desse país é de não por os corruptos na CADEIA, que é o lugar de gente da estirpe dos que cometeram tais crimes. O mal desse país é o próprio povo, que podendo repudiar a corrupção, se acostuma com ela, e a torna um parente próximo, um aliado, que reside dentro do quarto, dentro da postura e dentro das condutas dos indivíduos.

Por: Dihelson Mendonça

CAIXA DE PANDORA - Por: Francisco Ribeiro Mendes

A declaração do presidente Lula sobre o mensalão do Governo do Distrito Federal é uma opinião de um expert no assunto. Em se tratando de mensalão, ninguém é mais experimentado do que ele para comentar. Quando Lula diz que “as imagens não falam por si só”, ele apenas profere uma versão aprimorada de um vocábulo que já foi repetido por ele, muitas vezes, para defender seus aliados e amigos acusados de corrupção. O mensalão de Brasília é só uma cópia da molecagem praticada no governo Lula, onde até o hábito de carregar dinheiro na cueca foi copiado. Agora, eufóricos, os petistas chamam esse escândalo de “Mensalão do DEM”, pensando que vão fazer com que todos esqueçam o verdadeiro mensalão do PT e dos amigos de Lula.

Todo brasileiro sabe que nenhum outro partido ou governo, por mais corrupto que seja, pode ser comparado ao PT e ao governo Lula. Ou, será que as imagens não falaram por si só quando os amigos e aliados de Lula foram flagrados roubando o Brasil no mensalão do PT? Se procurarem direito, dentro da Caixa de Pandora do governo de Brasília, que a Polícia Federal desbaratou, deve está o manual de corrupção do governo Lula, ensinando como fazer mensalão.

Francisco Ribeiro Mendes Brasília-DF

Centro Cultural BNB Cariri: Programação Diária - Por Carlos Rafael Dias


Dia 04 de dezembro, sexta-feira

Atividades Infantis - CRIANÇA E ARTE

14h Teatro Infantil: João e o Pé de Feijão, com a Cia. Voar Teatro de Bonecos (Brasília-DF)

Adaptação, direção e manipulação: Marco Augusto

Adaptação do conto popular de origem inglesa conhecido universalmente. A montagem nos conta a saga de João, um menino movido pela curiosidade, fantasia e astúcia, que vence o gigante e acaba coma fome e a aridez do lugar onde mora, mudando o seu destino e o de sua família. Classificação Indicativa: Livre. 60min.

14h Programa de rádio

Cariri Encantado (com Luiz Carlos Salatiel e Carlos Rafael Dias)

Programa de Rádio semanal que divulga música e a cultura caririenses, sempre com a presença de um convidado. O programa faz parte de uma parceria entre o Banco do Nordeste e a Rádio Educadora do Cariri, que inclui um programação diária diversificada de segunda a sexta-feira de 14 às 15 horas. Confira.

Rádio Educadora do Cariri AM 1020. 60min.

Música - CULTURA MUSICAL

19h30 Calé Alencar: SambaZiloas. 60Min.

Cantor, compositor e produtor musical, Calé Alencar tem mostrado seu talento, seguindo uma trajetória de reconhecida importância para o cenário da música cearense. O espetáculo musical SambaZiloas apresenta o itinerário do artista no ambiente carnavalesco, além de incluir canções inéditas e obras referenciais enfatizando loas compostas para os maracatus fortalezenses e a diversidade rítmica do samba. 60min.

Local: CCBNB Cariri (Rua São Pedro, 337, Juazeiro do Norte)

Fonte: CCBNB

A Corrupção no Brasil - Por: Hildeberto de Aquino


CORRUPTOS - “Pai, quero te agradecer por estarmos aqui, sabemos que nós somos falhos, somos imperfeitos, mas é o teu sangue que nos purifica. Pai, nós somos gratos pela vida do Durval ter sido instrumento de bênção para nossas vidas, para essa cidade. Tantas são as investidas, Senhor, de homens malignos contra a vida dele, contra nossas vidas. Nós precisamos da Tua cobertura e dessa Tua graça, da Tua sabedoria, de pessoas que tenham, Senhor, armas para nos ajudar essa guerra. Acima de tudo, Senhor, todas as armas que podem ser falhas, todos os planejamentos podem falhar, todas as nossas atividades, mas o Senhor nunca falha”, disse Brunelli na oração. “Lamento que a religião esteja tão banalizada a ponto de as pessoas não a verem como serviço a Deus e ao próximo, mas como servir-se da fé e do próximo. Isso é uma inversão total de valores.”

Disse o secretário-geral da (CNBB), dom Dimas Lara Barbosa, condenando a “bênção” realizada pelo presidente da Câmara do Distrito Federal, Leonardo Prudente, e pelo corregedor Junior Brunelli, registrada em vídeo em investigações da Polícia Federal. “Há muito tempo eminência, há muito tempo! E, maioria das vezes, pelos próprios religiosos. Está tudo invertido e dominado sim!”, dizemos nós, eleitores e crentes ultrajados com tanta devassidão!

Por: Hildeberto de Aquino

Antonio Vicelmo e o sábado a noite Por:Manoel Severo

.
.
O Sábado sem dúvidas me parece o dia mais esperado da semana; tudo aquilo com o que sonhamos durante a brava luta semanal acaba desaguando sobre os ombros desse simpático espaço da folhinha do calendário; nossas angustias, nossos desacertos, nossas frustações...enfim, tudo acaba perfeitmente diluido na pespectiva de que: Amanhã é sábado, depois de amanhã é sábado... e esse dia mágico, sem nada reclamar, acaba verdadeiramente sendo este bálsamo incrível na nossa existência,rsrsrs.

Mas, voltando a mais um sábado mágico. O último; o próximo passado, me surpreendi com um convite neste mesmo blog do Crato, para uma programação do CCBNB com o jornalista Antonio Vicelmo. De pronto trouxe para o meu sábado a sua parcela de responsabilidade em coroar a semana! As 18:30h já partia de Crato, junto com minha mulher Danielle Esmeraldo, para fizer fila e não chegar atrasado ao compromisso, que estava marcado para as 19 e 30h, fomos os primeiros a chegar, excesso de zelo, afinal; era um uma programação cultural e com a presença de meu amigo Vicelmo.

Primeiro chegaram os rádios; todos perfeitamente bem acompanhados, com suas histórias, lembranças e memórias,que foram aos poucos sendo acomodados sobre uns pequenos pilares no próprio palco; seriam uma platéia de luxo, aliás; eram também personagens principais. A família acompanhava o descontraído palestrante da noite, o jeito desengonçado de andar, o olhar manso daqueles que sabem que cumpriram sua missão e o sorriso sincero dos de bom coração, nos apresentavam Antonio Vicelmo.

Foram perto de hora e meia de prosa, daquelas que não se quer acabar, daquelas boas, de varanda e parapeito de fazenda, de casa de vó, de mesa de bar. O pequeno menino magricela de Brejo dos Santos e depois Porteira e para sempre Crato, se agigantou e se mostrou em sua verdadeira dimensão:"O melhor do norte e nordeste". Como foi gratificante coroar nosso sábado com essa verdadeira aula de vida, de sabedoria, de superação. As imagens que nos vinham a mente, eram acompanhadas de emoção e respeito; pela terra de origem, pela terra que o acolheu, por todos os ensinamentos dos pais, pelos caminhos percorridos, pela profissão que escolheu, e principalmente pela inesgotável paixão e amor pela família.

A Antonio Vicelmo, o grande que se tornou ainda maior, a minha gratidão e o meu abraço sincero. Obrigado por ser mais um a elevar a magia dos sábados.

Por: Manoel Severo
.



Tasso diz que Aécio assusta cada vez mais adversários


O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) saiu de um encontro nesta quinta-feira com o governador Aécio Neves (PSDB-MG) dizendo que o nome do mineiro "assusta cada vez mais" os adversários dos tucanos e defendeu que em janeiro o PSDB já tenha um candidato nas ruas, em campanha. Aécio, que disputa com o governador José Serra (SP) a indicação do PSDB para ser candidato a presidente, fixou o começo de janeiro para que o partido decida, caso contrário estará fora dessa disputa, porque entende não haverá mais tempo para buscar aliados. Tasso disse hoje em Belo Horizonte que a disputa interna no partido não causará riscos de cisão. Tasso reafirmou as posições do governador mineiro ao dizer que o partido está "ansioso" e "louco" para ter um candidato já em janeiro. "Existe uma ansiedade dentro do próprio partido para que haja uma definição", disse Tasso. "O partido está louco para ter um candidato na rua, está louco para sair pregando as nossas propostas", afirmou. O senador disse que a presença de Aécio nessa disputa é "fundamental". "Ele é uma opção real do partido, cada vez mais é uma opção que assusta muitos os nossos adversários. E a decisão dele tem que ser no momento certo para que o partido não perca essa alternativa que hoje é muito importante."

Serra vem tentando protelar essa definição para março. Seu grupo também tenta emplacar uma chapa puro-sangue, com Aécio candidato a vice. Questionado muitas vezes sobre o prazo de Serra, Tasso limitou-se a dizer apenas que haverá conversas com o paulista. Sobre Aécio ser vice, Tasso afirmou: "O governador Aécio nos deixou muito claro aqui que não aceita candidatura a vice". O encontro de quase três horas no Palácio da Liberdade, sede do governo mineiro, teve a presença do ex-ministro tucano Pimenta da Veiga (MG), que defendeu as posições de Aécio, especialmente com o argumento de que o tempo para o candidato a presidente articular alianças e coordenar os palanques regionais está acabando. Tasso concordou ao dizer que o PSDB ainda não está perdendo tempo, mas que isso poderá ocorrer. "Se a partir de janeiro não houver uma definição, pode ser que aí nós venhamos a perder tempo", disse.

Aécio apenas reiterou sua posição. "Se o partido optar por estender o prazo da sua decisão --certamente terá motivos para fazê-lo--, cabe a mim mergulhar nas coisas de Minas." O mineiro afirmou estar sendo "absolutamente claro e leal" com o PSDB ao dizer que em março "as forças simpáticas e dispostas" a se aproximar hoje do candidato tucano "já terão decidido seu caminho".

PAULO PEIXOTO
da Agência Folha, em Belo Horizonte

Presidente do DEM vê falta de solidariedade do PSDB na crise

BBC Brasil


Em meio à crise desencadeada pelas acusações de corrupção contra políticos do Distrito Federal, o presidente do Democratas (DEM), deputado Federal Rodrigo Maia (RJ), diz que "não é hora" de o PSDB discutir se o DEM terá ou não direito de apontar o candidato a vice-presidente que irá compor a chapa dos tucanos nas eleições do ano que vem.Para ele, discutir o assunto nesse momento é "falta de solidariedade" do partido aliado. "Ainda não tive a chance de conversar com eles (PSDB), mas pelo que vi até o momento, acho que faltou um pouco de solidariedade", disse o deputado, entrevista à BBC Brasil. Segundo ele, o PSDB "já viveu crises no passado" e tratar de candidatura a vice "é se esquivar do problema e não ser solidário ao aliado". O DEM deve decidir na próxima quinta-feira se expulsa ou não do partido o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, que vem sendo acusado de comandar o esquema de corrupção.

Maia disse também à BBC Brasil que a proposta de conceder a Arruda, em uma reunião da Executiva Nacional do DEM na terça-feira, um prazo para sua defesa - e não expulsá-lo sumariamente - foi apoiada pela "maioria" do partido.
Leia abaixo a entrevista:

BBC Brasil - Como foi o clima na reunião de terça-feira, que discutiu a situação do governador Arruda?

Rodrigo Maia - Você tinha no partido um sentimento de perplexidade muito grande. E você tinha uma posição que era de todos: uma certeza de que nós precisávamos tomar uma posição em relação ao caso do governador Arruda. E aí você tinha duas posições: uma que foi minoritária, dos que queriam o rito sumário; outros, que queriam garantir ao governador o que ele tinha pedido, ou seja, o prazo de defesa. Prevaleceu a decisão da maioria.
BBC Brasil - O senhor é a favor da expulsão?

Rodrigo Maia - Vou julgar com base no relatório do ex-deputado (José Thomaz) Nonô (relator do processo disciplinas contra Arruda no partido). Se eu antecipar meu voto, estou fazendo um pré-julgamento. Se não for a favor dele, posso estar dando argumentos para que, na Justiça, ele recupere a filiação dele. O procedimento correto é não pré-julgá-lo e esperar a decisão. É claro que o clima é tenso, é claro que as denúncias são gravíssimas, mas a nossa obrigação é esperar o relatório do deputado Nonô.

BBC Brasil - E como o senhor o avalia os comentários do senador Demóstenes (Torres, DEM-GO), por exemplo, de que "faltou coragem" ao partido, ao não decidir pela expulsão sumária?

Rodrigo Maia - Acho que, da mesma forma que foi coragem dele (Demóstenes) pedir o rito sumário para um governador do partido, foi também muita coragem da maioria ter a convicção de que deveria dar o direito à defesa ao governador. Acho que as duas posições são corajosas: a de defender o rito sumário e a de optar pelo direito defesa. Com toda a pressão da imprensa, eu acho que essa é uma posição corajosa também.

BBC Brasil - O senhor fala em uma "decisão majoritária". Mas há representantes do partido que falam que foi uma decisão sua...

Rodrigo Maia - Não foi. Foi uma proposta do deputado Onyx (Lorenzoni, DEM-RS) e que eu coloquei em votação e todos...

BBC Brasil - Houve votação, então?

Rodrigo Maia - Não foi votação. O que houve foi, vamos dizer assim... ninguém se manifestou contra a proposta. Nem os que defendiam o rito sumário. Ninguém pediu votação nominal. Todo mundo acatou aquela decisão pela proposta que o deputado Onyx apresentou e que eu encampei e encaminhei.
BBC Brasil - E como está o planejamento do partido em relação a outros quadros mencionados no inquérito, como o vice-governador, Paulo Octávio?

Rodrigo Maia - Ninguém pediu abertura de processo para nenhum dos outros dois citados. Só posso me manifestar, só posso encaminhar abertura do processo se algum filiado do partido encaminhar o pedido.
BBC Brasil - A situação deles é comparável a do governador Arruda?

Rodrigo Maia - Todas as situações são muito complicadas. E vamos avaliar aquelas representações que forem encaminhadas ao partido.
BBC Brasil - Como o senhor avalia a postura do PSDB nesse episódio?

Rodrigo Maia - Como eu não tive a oportunidade ainda de falar com nenhum deles, não quero julgar o movimento deles. Mas olhando, e pelo que tenho lido, a impressão que me dá é de que faltou um pouco de solidariedade. No momento de crise de um aliado, de crise que nós vivemos hoje, e que o PSDB já viveu no passado, ficar querendo tratar de candidatura a vice, eu acho que é um pouquinho de... é diminuir o problema e tentar se esquivar do problema e não ser solidário ao aliado. Mesmo porque essa é uma decisão que cada partido vai tomar em suas convenções. Eles podem decidir chapa puro-sangue e nós podemos decidir indicar o vice.
BBC Brasil - E aí, rompe-se a aliança?

Rodrigo Maia - Se tiver incompatibilidade, pode não ter aliança. Mas não acontecerá isso. Agora, nós temos o direito de, na nossa convenção, decidir o que a gente quiser. Aliança com o PSDB, indicação do vice ou não... Cada um vai decidir. Mas tratar disso agora? Até porque a coisa mais importante em uma campanha nacional não são nem os palanques regionais. É o tempo de TV. E o deles é igual ao nosso. Talvez sem o nosso tempo de televisão, a oposição não tenha chance de vencer as eleições.

Imprensa alemã diz que Lula é "superstar" - Fonte: Folha de São Paulo

Nota do Blog do Crato: Segundo Darlan Reis, a Folha e outros jornais do Brasil fazem parte de um tal de PIG - Partido da Imprensa Golpista. Vamos ver a reação dele e dos que pensam desta maneira ao saber que essa matéria saiu exatamente na Folha de São Paulo. Só é do PIG quando fala mal ?

No primeiro dia de sua viagem à Alemanha, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi tratado como estrela da política internacional em reportagens na imprensa local. O prestigioso jornal "Süddeutsche Zeitung" se referiu a Lula como "superstar" em uma reportagem que afirma que o Brasil é festejado sob seu governo, como se só agora o país tivesse sido descoberto pelo resto do mundo. O texto diz ainda que o presidente brasileiro tem um alto índice de aceitação não somente entre os próprios brasileiros, mas também por parte de políticos de outros países. O jornal econômico Handelsblatt disse que Lula chega à Alemanha para conversar com a chanceler Angela Merkel "de igual para igual". No artigo intitulado Lula não vem como pedinte, o periódico afirma que o Brasil é um país desejado pelos investidores, e que a líder alemã corteja, por isso, o país em nome do setor econômico alemão.

'Milagre econômico'

Já o conservador "Frankfurter Allgemeine Zeitung" (FAZ) diz que Lula chega à Alemanha como representante de uma "nova terra do milagre econômico" que "ultrapassou os tremores da crise global com uma velocidade impressionante". Na reportagem intitulada "Um visitante autoconfiante", o "FAZ" lembra que as empresas brasileiras estão, em muitos setores, na ponta do que há de melhor internacionalmente e que o "capital estrangeiro tem entrado no Brasil como nunca antes", o que faz do real "uma das moedas mais fortes do mundo". O jornal diz ainda que o Brasil subirá em breve ao grupo das dez maiores economias do planeta. "Daqui a dez ou 15 anos, deverá ultrapassar países como França e Reino Unido, chegando no quinto lugar."

Fonte: Folha OnLine

Começa o Berro Cariri - Por: Tarso Araújo


Aconteceu na noite de ontem, a abertura da sexta edição do Berro Cariri. O presidente da Comissão Gestora da Expocrato, Dr. Leitão Moura, coordena o evento, que acontece até o próximo domingo, com uma série de atrações. O Berro Cariri teve sua primeira edição em 2006 e foi coordenado na época, pela Universidade Regional do Cariri (URCA). Agora, a Comissão Gestora da Expocrato assumiu o evento que continua crescendo. A expectativa, apenas no setor de financiamentos é que se negocie R$ 1,2 milhão no parque durante o Berro Cariri. Com esses números iniciais a festa não poderia deixar de ser considerada forte com tendência de crescimento. Dr. Leitão Moura está no parque, nesses dias do Berro Cariri, conferindo o andamento da festa pessoalmente.

Camilo Santana acompanha Berro Cariri

O secretário de Desenvolvimento Agrário do Estado, Camilo Santana, vem ao Cariri nesta quinta-feira e fica toda o final de semana. Ele acompanha de perto o 6º Berro Cariri. Na gestão do professor Camilo Santana todos os eventos voltados para a agricultura e pecuária tem total apoio da SDA. Além disso, Camilo Santana vem dando total apoio ao desenvolvimento e ampliação da mais importante festa da Região, que com certeza é a Expocrato. O volume de negócios e os espaços hoje ocupados pela Exposição do Crato já credencia a nossa exposição ir mesmo para um lugar mais amplo. Camilo Santana participa nestes dias de Berro Cariri de uma série de eventos e encontros destinados à ampliação de realização de negócios no interior do Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcanti.

Programação do Berro Cariri

Um detalhe que chama a atenção no Berro Cariri deste ano são os shows. No sábado, teremos Fagner, o que vai ser uma beleza. Na mesma noite, Luiz Fidelis, Epitácio Pessoa, Herdeiros do Rei, Leninha e Maneiro Pau. No domingo, Rapadura Cultural, do meu amigo Jorge Carvalho movimenta a noite, fechando com Stênio Lima, Belo Xote e Dorgival Dantas. A programação de sexta-feira, amanhã será Irmãos Aniceto, Festival de Cordel, Mistura Nova, Flávio Leandro e Flávio José.

Fonte: Jornalista Tarso Araújo

CRATO - Previsão do Tempo e Almanaque - Dia 04 de Dezembro de 2009

Bom Dia! - Boa Sexta-Feira.

Olá, amigos do Blog do Crato. Bom dia. Ontem, nós tivemos o maior recorde de postagens de todos os tempos aqui no Blog. Passamos de 40. o conteúdo equivalente a 2 dias comuns. Isso compensou um pouco a diminuição do último fim-de-semana. Estou trabalhando em vários projetos que visam uma integração melhor do nosso Blog com Áudio e Vídeo. Em breve, mais novidades. Bom Dia! e Bom Fim-de-Semana.

Previsão do Tempo

A Previsão do tempo para hoje, sexta-feira, dia 04 de Dezembro de 2009 é de dia de sol, com poucas núvens e não chove. O calor voltou com frça máxima aqui no Crato, quando alguns termõmetros chegaram a marcar 31 graus no dia de ontem. A previsão para hoje, segundo o site Climatempo, é 31 graus a máxima de 21 graus a mínima.

ALMANAQUE

4 de dezembro. Dia de São João Damasceno.

João Damasceno é considerado o último dos santos Padres orientais da Igreja, antes que o Oriente se separasse definitivamente de Roma, no ano 1054. Uma das grandes figuras do cristianismo, não só da época em que viveu, mas de todos os tempos, especialmente pela obra teológica que nos legou. Seu nome de batismo era João Mansur. Nasceu no seio de uma família árabe cristã no ano 675, em Damasco, na Síria. Veio daí seu apelido "Damasceno" ou "de Damasco". Nessa época a cidade já estava dominada pelos árabes muçulmanos, que acabavam de conquistar, também, a Palestina. No início da ocupação, ainda se permitia alguma liberdade de culto e organização dos cristãos, dessa forma o convívio entre as duas religiões era até possível. A família dos Mansur ocupava altos postos no governo da cidade, sob a administração do califa muçulmano, espécie de prefeito árabe.

Dessa maneira, na juventude, João, culto e brilhante, se tornou amigo do califa, que depois o nomeou seu conselheiro, com o título de grão-visir de Damasco. Mas como era, ao mesmo tempo, um cristão reto e intransigente com a verdadeira doutrina, logo preferiu se retirar na Palestina. Foi ordenado sacerdote e ingressou na comunidade religiosa de São Sabas, e desde então viveu na penitência, na solidão, no estudo das Sagradas Escrituras, dedicado à atividade literária e à pregação. Saía do convento apenas para pregar na igreja do Santo Sepulcro, para defender o rigor da doutrina. Suas homilias, depois, eram escritas e distribuídas para as mais diversas dioceses, o que o fez respeitado no meio do clero e do povo. Também a convite de João V, bispo de Jerusalém, participou, ao seu lado, no Concílio ecumênico de Nicéia, defendendo a posição da Igreja contra os hereges iconoclastas. O valor que passou para a Igreja foi através da santidade de vida, da humildade e da caridade, que fazia com que o povo já o venerasse como santo ainda em vida. Além disso, por sua obra escrita, sintetizando os cinco primeiros séculos de tentativas e esforços de sedimentação do cristianismo.

Suas obras mais importantes são "A fonte da ciência", "A fé ortodoxa", "Sacra paralela" e "Orações sobre as imagens sagradas", onde defende o culto das imagens nas igrejas, contra o conceito dos iconoclastas. Por causa desse livro, João Damasceno foi muito perseguido e até preso pelos hereges. Até mesmo o califa foi induzido a acreditar que João Damasceno conspirava, junto com os cristãos, contra ele. Mandou prendê-lo a aplicar-lhe a lei muçulmana: sua mão direita foi decepada, para que não escrevesse mais. Mas pela fé e devoção que dedicava à Virgem Maria tanto rezou que a Mãe recolocou a mão no lugar e ele ficou curado. E foram inúmeras orações, hinos, poesias e homilias que dedicou, especialmente, a Nossa Senhora. Através de sua obra teológica foi ele quem deu início à teologia mariana. Morreu no ano 749, segundo a tradição, no Mosteiro de São Sabas. Tão importante foi sua contribuição para a Igreja que o papa Leão XIII o proclamou doutor da Igreja e os críticos e teólogos o declararam "são Tomás do Oriente". Sua celebração, no novo calendário litúrgico da Igreja, ocorre no dia 4 de dezembro.

Eventos históricos

* 1154 - É eleito o Papa Adriano IV.
* 1963 - Promulgação pelo Papa Paulo VI do Sacrosanctum Concilium.
* 1971 - Guerra Indo-Paquistanesa de 1971: a Índia invade massivamente o leste do Paquistão.
* 1975 - O Suriname é admitido como Estado-Membro da ONU.
* 1980 - O primeiro-ministro de Portugal, Francisco Sá Carneiro, e seis acompanhantes, morrem em queda de aeronave em Camarate, a norte de Lisboa.
* 1989 - Fundação da Associação Desportiva São Caetano, em São Caetano do Sul, Brasil.
* 1996 - Lançamento da missão Pathfinder a Marte.

Nascimentos

* 32 - Aulus Persius Flaccus, poeta da Roma Antiga (m. 62 d.C)
* 1711 - Maria Bárbara de Bragança, infanta de Portugal, rainha consorte de Espanha (m. 1758).
* 1795 - Thomas Carlyle, ensaísta, crítico, sociólogo e historiador escocês (m. 1881).
* 1875 - Rainer Maria Rilke, poeta alemão (m. 1926).
* 1892 - Francisco Franco, general e político espanhol (m. 1975).
* 1900 - Waldemar Levy Cardoso, último militar brasileiro a deter a parente de marechal (m. 2009).
* 1905 - Emílio Garrastazu Médici, presidente do Brasil (m. 1985).
* 1908 - Alfred Day Hershey, microbiologista estadunidense (m. 1997).
* 1944
o Dennis Wilson, baterista, pianista e cantor dos Beach Boys (m. 1983).
o François Migault, ex-piloto francês de Fórmula 1.
* 1949 - Jeff Bridges, ator estadunidense.
* 1953 - Jean-Marie Pfaff, ex-goleiro belga.
* 1957
o Eric S. Raymond, hacker estadunidense.
o Raul Boesel, piloto brasileiro de automobilismo.
* 1959 - Paul McGrath, ex-futebolista irlandês.
* 1963 - Sergey Bubka, ex-atleta ucraniano.
* 1964
o Marisa Tomei, atriz estadunidense.
o Chelsea Noble, atriz estadunidense.
o Jonatahn Goldstein, ator norte-americano.
* 1965
o Ulf Kirsten, ex-futebolista alemão.
o Carlos Carvalhal, treinador português de futebol.


Falecimentos

* 422 - Papa Bonifácio I.
* 1334 - Papa João XXII (n. 1249).
* 1679 - Thomas Hobbes, filósofo inglês (n. 1588).
* 1798 - Luigi Galvani, físico italiano (n. 1737).
* 1935 - Charles Robert Richet, fisiologista francês (n. 1850).
* 1975 - Hannah Arendt, teórica política alemã (n. 1906).
* 1976 - Benjamin Britten, compositor e pianista britânico (n. 1913).
* 1979 - Walther Müller, físico alemão (n. 1905).
* 1980
o Adelino Amaro da Costa, ministro da defesa de Portugal (n. 1943).
o Francisco Sá Carneiro, primeiro-ministro de Portugal (n. 1934).
* 1982
o Louis Aragon, poeta e escritor francês (n. 1897).
o Gildo de Freitas, cantor e compositor tradicionalista sul-rio-grandense (n. 1919)
* 1985 - Teixeirinha, compositor brasileiro, considerado o pai da música regionalista gaúcha.
* 1993 - Frank Zappa, músico de rock and roll estadunidense (n. 1940).
* 2003 - Maria de Arruda Müller, educadora e poetisa brasileira (n. 1898).

Feriados e eventos cíclicos

* Dia do Orientador educacional
* Dia do Perito
* Feriado municipal em Santa Bárbara d'Oeste, São Paulo (dia da padroeira e aniversário da cidade)

Fonte: Edições Paulinas, Climatempo, Wikipedia

O Músico Frank Zappa é o nosso homenageado no Hoje na História


HOJE NA HISTÓRIA


Nesta data, em 1993, falecia um dos maiores músicos do século XX: Frank Zappa !

Frank Vincent Zappa (21 de Dezembro de 1940, Baltimore, Maryland –; 4 de Dezembro de 1993, Laurel Canyon, Los Angeles, Califórnia) foi um dos músicos e compositores mais prolíficos do século XX. A sua obra musical estende-se desde o rock até à música clássica, passando pelo jazz e música de fusão. Foi também um exímio guitarrista. Para além da obra musical, realizou filmes e escreveu diversos livros. O seu espólio, com milhares de concertos e gravações que foi fazendo ao longo dos seus quase trinta anos de atividade (Freak Out! (1965) - 1993) permanece ainda parcialmente inédito. Zappa ficou conhecido como grande satírico pelas suas composições iconoclastas e foi pioneiro do estilo freak rock, além de ser criador da fusão de jazz e música clássica. Como guitarrista, foi várias vezes, e sem razão, subestimado, deixando, entre variadíssimas outras coisas, um legado fantástico de solos eletrizantes. Ele próprio nunca se considerou um instrumentista virtuoso, assumindo-se acima de tudo como compositor.

Em 1964, em Los Angeles, fundou o grupo, Mothers of Invention, a partir dos Soul Giants (antiga banda de bares). O nome devia ter sido apenas Mothers, mas "por necessidade" como explica, e por a editora se recusar a editar um disco cujo nome era evidentemente uma contracção de Motherfuckers(!). Devido ao seu rigor na execução técnica das canções e à não admissão do uso de drogas durante os ensaios e apresentações (ele próprio nunca as consumia), Zappa viria a mudar frequentemente a composição do grupo. Nos seus espectáculos, combinava música experimental improvisada onde estavam sempre presentes as suas comédias surrealistas e sátiras anárquicas, com adereços especiais e improvisações dramáticas. Entre os músicos que ele lançou estão nomes como Jean-Luc Ponty, Steve Vai, Bob Martin e muitos outros.

Zappa, sempre ativista em campanhas e movimentos, chegou a candidatar-se à presidência dos EUA. O projeto foi abortado pela súbita doença que o atacou. Se a sua personalidade complexa e a sua música, muitas vezes controversa e difícil, fazem com que seja atacado por muitos, é por outros considerado um dos maiores gênios musicais de todos os tempos. Faleceu devido a um cancro na próstata em 4 de Dezembro de 1993.

Fonte: Wikipedia

Pensamentos do Dia - 04 de Dezembro de 2009


"A verdade é que não há verdade."

Pablo Neruda

"A ciência humana de maneira nenhuma nega a existência de Deus. Quando considero quantas e quão maravilhosas coisas o homem compreende, pesquisa e consegue realizar, então reconheço claramente que o espírito humano é obra de Deus, e a mais notável."

Galileu Galilei

"A reputação de um médico se faz pelo número de pessoas famosas que morrem sob seus cuidados."

George Bernard Shaw

"A vantagem de ter péssima memória é divertir-se muitas vezes com as mesmas coisas boas como se fosse a primeira vez."

Friedrich Nietzsche

"O mesmo acontece ao mérito e à inocência: perde-se, desde que deles nos sustentemos."

Immanuel Kant

"Os aduladores são como as plantas parasitas que abraçam o tronco e ramos de uma árvore para melhor a aproveitar e consumir."

Marquês de Maricá

OAB decide pelo impeachment de Arruda

Conselheiros da ordem dos advogados do DF sugeriram separar processo envolvendo governador e Paulo Octavio, mas pedido de afastamento incluiu os dois. A OAB-DF (Ordem dos Advogados do Brasil) decidiu por 31 a 1, na noite desta quinta-feira, entrar com pedido de impeachment contra o governador José Roberto Arruda (DEM). A solicitação da ordem dos advogados será encaminhada à Mesa Diretora da Câmara Legislativa do Distrito Federal e se somará a sete outros pedidos já protocolados no legislativo (PSB, PT, CUT, PSOL, Ordem dos Ministros Evangélicos do Gama e os dois advogados). De acordo com a presidente da OAB-DF, Estefânia Viveiros, o inquérito 650 da Polícia Federal traz indícios suficientes para apontar culpa de Arruda. O pedido da OAB, de acordo com os conselheiros da ordem, tem o mesmo objetivo dos outros sete, mas garante legitimidade jurídica às solicitações anteriores.

Na investigação o governador é apontado como chefe de esquema de cobrança de propina que abasteceria rede de corrução envolvendo secretários, deputados distritais, o governador e seu vice, Paulo Octavio. O relator do processo contra Arruda na OAB-DF, João Pedro Ferraz dos Passos, afirmou que o relatório mostra que o governador conhecia as habilidade do ex-secretário de Relações Institucionais Durval Barbosa Rodrigues (que atuou juntamente com a PF para produzir vídeos e gravações contra Arruda) e tinha uma estreita relação com o denunciante.

- É uma suspeita relação, não é razoável a movimentação de dinheiro em espécie e não convence as justificativas dadas pelo governador. Quem quer prestar contas movimenta os recursos no sistema bancária, possibilitando seu registro. O relator justifica que o inquérito também traz indícios de tentativa de influêcia de Arruda junto a integrantes do Judiciário e afirma que além do pedido de impeachment a investigação tem elementos para a abertura de processo jurídico contra o governador, por improbidade administrativa. A inclusão do vice-governador Paulo Octavio, no entanto, causou polêmica. Alguns conselheiros argumenaram que a lei não permite solicitação da saída de um vice-governador que ainda não assumiu no lugar do titular a ser afastado.

- Nós não podemos impedir a autoridade antes de ele assumir o cargo.

Os juristas ponderaram, no entanto, que Paulo Octavio também exercia cargo de secretário de Desenvolvimento e teria participação no suposto esquema de corrupção fazendo uso de prerrogativas concedidas a integrantes do secretariado e solicitaram afastamento dos dois.

Josie Jeronimo, do R7 em Brasília

Edival Dias - Da Periferia para para o palco da vida


Nota do Editor: Artista Edival Dias concede uma entrevista para o Site Coletivo Camaradas, do nosso amigo Alexandre Lucas.

Coletivo Camaradas - Quem é Edival Dias?

Artista, educador, militante esquerdista (PCdoB) e ator social. Nascido a 25 de setembro de 1966, na pequena cidade de Bom Conselho - PE, vindo residir com meus pais na cidade de Crato-CE aos 11 anos de idade para ingressar no Ensino Fundamental II, pois até então só havia estudado na área rural. Morei no bairro Batateiras até os 14 anos, quando me mudei para Recife, depois Rio de Janeiro e São Paulo, retornando ao Cariri há cinco anos e estabelecendo uma relação de pertença com esta região. Hoje sei que posso contribuir com meus préstimos profissionais em diversos setores da sociedade e tenho tido a oportunidade de crescer profissionalmente e realizar o que gosto e sei fazer, que é trabalhar com as artes no fomento de uma educação libertadora e política, tendo como clientela as várias esferas sociais.

Coletivo Camaradas - Quando teve inicio seus trabalhos artísticos?

Sempre associei as minhas lutas sociais à arte, pois interagir em outros universos, pois estamos dialogando e intervindo nas relações humanas o que exige da gente um desdobramento e uma entrega ao outro, coisas que só os artistas fazem com tanta propriedade, o que chamo de empatia, viver a situação do outro, comungar com o outro e sobre tudo partilhar de interesses coletivos. Mas a arte formal só aconteceu no ano de 1990, quando fui convidado para participar de uma seleção para atores num grupo de teatro chamado GRUTMA, na cidade de São Paulo, o qual foi a minha primeira experiência em palcos convencionais, neste período fazíamos um teatro mambembe e vendíamos nossos espetáculos nas escolas públicas da periferia da cidade de São Paulo, foi uma experiência ímpar, pois neste momento, descobri a minha outra faceta, a de ator social, pois via nas escolas a possibilidade de fazer um teatro educativo, porém não tinha a consciência desse fazer teatral, até então só intuição, coisa que viera se confirmar mais tarde, quando entrei para a faculdade de artes cênicas e comecei a pesquisar e me fundamentar nas teorias das artes.

Coletivo Camaradas - Qual a sua formação na área do teatro?

Comecei a minha graduação em 1992 na Faculdade Mozarteum de São Paulo, hoje Famosp. Graduado em 1996 e pós-graduado só em 2005, pois fazer uma pós-graduação há dez anos, era privilégio de poucos, só me oportunizando agora e no cariri. Salve o cariri. Tenho especialização em Educação especial/Inclusiva, tendo como temática o teatro inclusão, pois percebo e acredito que a arte é por excelência um vetor de inclusão social e só seremos uma sociedade democrática e livre da opressão quando socializarmos e incluirmos todas as raças e credos num mesmo cenário, respeitando as particularidades e as diferenças que são peculiares a cada indivíduo, mas que podem comungar na diversidade. Nesse período de 1996 a 2005, busquei sempre a minha formação contínua na área, participando de simpósios, conferências, seminários, cursos, atuação em grupos teatrais e terceiro setor (ONG`s), no qual me recordo com saudosismo da Fundação Gol de Letra, que me ensinou como atuar nessa área social, pois estávamos localizados no meio de uma periferia, cercada de favelas e ao mesmo tempo no meio de uma clientela rica de saberes popular e domínio de territorialização, pois eles sabiam por que estavam ali e o que queriam da vida, sobre tudo respeitavam o espaço coletivo da comunidade, vivendo em harmonia.

Coletivo Camaradas - Você vem da periferia e isso faz alguma diferença para compreensão sobre arte?

Com certeza, só podemos nos expressar com propriedade quando somos conhecedores de causa, digo que a arte tem a função de perturbar e isso só podemos fazer no caos. A periferia traduz com muita propriedade esse caos, pois aglomeram o que a sociedade chama de “marginalidade” e nós periféricos estamos sempre a margem do sistema, apesar do avanço da globalização.

Coletivo Camaradas - Quais suas influências no seu fazer artístico?

Ufa!!!!!!!!!! São tantas, costumo me definir como um pigmaleão, me adapto as diversas situações propostas pelo o meio ao qual convivo, assim, recebo influências das mais diversas, dependendo do contexto ao qual estou inserido: Dona Edite do coco da batateiras(minha mãe), Bertold Brecht, Karl Marx, Michael Foucault, Ariano Suassuna, Maria Yuma, Irene Ravache, Cordel do fogo encantado, Paulo Freire, PCdoB, Augusto Boal, Chico Buarque de Hollanda, Gianfrancesco Guarnieri, Jesus Cristo, Padre Cícero, Beato José Lourenço, profeta Gentileza, Artur Bispo do Rosário, Fundação Gol de letra, Colégio Angelli Bonni, Natália Giro, Cia brincante de teatro, carroça do mamulengo e tantas outras.
Como você a relação entre arte e política?
Não consigo desassociar arte da política, a arte é com excelência uma manifestação política, uma forma de pensar, fazer, interagir e o melhor, formar opiniões. Com a arte falamos verdades e mentiras e ainda podemos sair à francesa quando necessário, como faziam com a comédia Dellárte.

Coletivo Camaradas - Você acredita que o teatro pode ser instrumento de politização?

É um fato, por meio do teatro educamos platéias, portanto é um instrumento político, pois há transformação. Coletivo Camaradas - No período da Mostra Sesc você ministrou oficina sobre Teatro do Oprimido com jovens da periferia. O que resultou em intervenções teatrais nas filas de espetáculos do evento. O que isso significou?

Foi uma das minhas mais valorosas contribuições para a arte no contexto social, pois estávamos envolvidos com uma clientela da periferia, com pouca experiência teatral e que resultou num trabalho consciente. As meninas curingas,vivenciaram algo que estava fora da sua realidade e conseguiram atrair a atenção de um público bem diferente do seu universo, pois muitas delas nunca tomara conhecimento ou participara da mostra SESC, assim, cumprimos com o papel do teatro do oprimido, intervir em universos desconhecidos com a empatia do público, levar o outro a refletir sobre o seu papel social, onde todos podemos atuar no mesmo patamar de igualdade.

Você integra o Coletivo Camaradas o que isso representa para você?

Mais uma experiência e influência na minha carreira artística, representa poder atuar na esfera social, sem perder a maestria da arte politizada e técnica se necessário.
E por falar nos “Camaradas” você coordenará o Grupo de Estudos e Experimentos Teatrais do Coletivo. Em que consistirá esse grupo?
A proposta de trabalharmos com a linguagem teatral no coletivo é nos apropriar dos fazeres artísticos em defesa de uma causa social e educacional, um teatro que valorize a pesquisa, o experimento, a criação e que a produção seja resultante de todo um processo, que possa ser discutido e dinamizado com o grupo e parceiros envolvidos numa perspectiva de um teatro didático e político, fazendo valorar a aquisição da aprendizagem nessa vertente.

Quais seus próximos projetos?

Plantar uma árvore, escrever um livro e fazer um filho. rsrsrsrrsrsrsrsrsrsrsrrsrs

--
Prof. Alexandre Lucas
Coletivo Camaradas

Notícias do Crato para o Dia 04 de Dezembro de 2009


Secretaria de Agricultura do Crato convoca agricultores inscritos no Programa Garantia Safra 2009/2010

A Secretaria de Agricultura e a Comissão do Programa Garantia Safra, comunica os senhores agricultores inscritos no programa 2009/2010, que os boletos serão entregues na AABB no período de 02 a 08 de dezembro do corrente mês, no horario de 07:00 às 13:00 horas. A secretaria solicita ainda que os agricultores compareçam ao local indicado portando os documentos de Identidade e CPF, do titular e da esposa. Francisco Erasmo Ferreira - Secretário de Agricultura do Crato.

Fonte: Assessoria de Imprensa
Governo Municipal do Crato
Fone/Fax - (88) 3521.7069
Mais informações:

http://www.crato.ce.gov.br
http://www.prefeituramunicipaldocrato.blogspot.com

Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30