xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 15/10/2009 | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

15 outubro 2009

Brasil empata com a Fraca Venezuela - Por: Amilton Silva

Apesar de jogar sem vários titulares, o Brasil não passou de um empate em 0 X 0 , contra a fraca e já eliminada seleçao da Venezuela. O jogo foi realizado em Campo Grande capital de Mato Grosso do Sul. Apesar do empate, a Canarinha sagrou-se campeão das eliminatórias , beneficiada pela derrota do Paraguay dentro de casa para a Colômbia por 2 X 0. O Chile venceu por 1 X 0 o Equador, assumindo a segunda posição , já a desacreditada Argentina , foi ao estádio ce tenário e bateu heroicamente o Uruguay por 1 X 0. Peru 1 X 0 Bolívia finalizou a última rodada . Finalizada as eliminatórias da Copa de 2010,ficou assim a classificação:



P

J
V
E
D
GP
GC
SG
(%)

Classificados para Copa do Mundo CLASSIFICADOS PARA COPA DO MUNDO OS QUATRO PRIMEIRO COLOCADOS


1 Brasil 34 18 9 7 2 33 11 22 62
2 Chile 33 18 10 3 5 32 22 10 61
3 Paraguai 33 18 10 3 5 24 16 8 61
4 Argentina 28 18 8 4 6 23 20 3 51
5 Uruguai 24 18 6 6 6 28 20 8 44
6 Colômbia 23 18 6 5 7 14 18 -4 42
7 Equador 23 18 6 5 7 22 26 -4 42
8 Venezuela 22 18 6 4 8 23 29 -6 40
9 Bolívia 15 18 4 3 11 22 36 -14 27
10 Peru 13 18 3 4 11 11 34 -23 24

Por: Amilton Silva - Editor de Esportes do Blog do Crato

Olhaí a "Joinha" - Dedicado ao Carlos Eduardo Esmeraldo


O Carlos Eduardo Esmeraldo acabou de postar uma foto da "Joinha" e eu olhando bem, reconheci o rosto, de uma foto que fiz na semana passada lá no Largo da RFFSA. Olha ela aí ? Foi o Samuel quem me apresentou, e ele disse: "Dihelson, conheça aqui a única pessoa que tem passe livre na casa do Dr. Tasso!" - É sério ???

Abraços,

Dihelson Mendonça

O povo quer saber! E as respostas de “Joinha”– Por Carlos Eduardo Esmeraldo

Acredito que metade do Crato não sabe quem seja Ivanilde Pereira de Sousa, mas conhece Joinha, um dos tipos mais populares da cidade. Todos a chamam pelo apelido com o qual ela delicadamente trata as pessoas seja rico ou pobre: “Oi jóia!” Ela é muito humilde, prestativa, gosta de cultivar amizades, seja com pessoas importantes, como o governador, prefeitos, médicos, bancários e muita gente do Crato e Fortaleza. Passa uma parte do ano no Crato e outra em Fortaleza onde possui muitos amigos. Não gosta que lhe façam perguntas sobre sua intimidade, como por exemplo: onde mora, ou trabalha, quando vai voltar do Crato para Fortaleza ou vice-versa, coisas assim. Gosta de andar com roupas vistosas, coloridas, com fotos dela ao lado de autoridades e algumas anotações. Ontem eu a vi com uma blusa cheia de inscrições, quase um poema, com as respostas que ela dá quando lhe dirigem tais perguntas. Consegui anotar o que segue abaixo:

O povo me pergunta se eu peço esmola.
Por causa da minha sacola. E eu respondo:
Se quiser eu tenho para lhe dar.
O povo me pergunta onde eu como.
E eu respondo: no prato!
O povo me pergunta aonde eu durmo
E eu respondo: na rede!
O povo me pergunta o que eu faço na praça.
E eu respondo: já viu ter o que fazer na praça?
O povo me pergunta se eu levei chuva.
E eu respondo: deixei lá porque não andava com uma lata para levar a chuva!
O povo me pergunta aonde eu tomo banho.
E eu respondo debaixo da água!
O povo me pergunta se eu sou aposentada.
E eu respondo: sou expulsada!
E não tenho inveja de quem é.
O povo me pergunta se eu tenho “fio”. (filho)
E eu respondo quem tem “fio” é poste e bananeira".

Por Carlos Eduardo Esmeraldo


Suplicy diz que cueca vermelha foi brincadeira e nega quebra de decoro

Suplicy diz que cueca vermelha foi brincadeira e nega quebra de decoro
Publicidade

MÁRCIO FALCÃO
da Folha Online, em Brasília

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) não cansa de protagonizar cenas inusitadas no Senado. Depois de usar os microfones do plenário para cantar e subir na tribuna para levantar um cartão vermelho ao presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), o petista desfilou ontem pelos corredores do Senado trajando uma cueca vermelha por cima do terno. Suplicy afirmou que atendeu a um pedido da apresentadora Sabrina Sato, do programa "Pânico na TV", da Rede TV. A ideia era que ele ficasse parecido com o personagem do Super-Homem. A gravação deve ser exibida no próximo domingo. O senador disse que a cena não passou de uma "brincadeira". Segundo o petista, a apresentadora estava em busca de senadores super-heróis. "Ela [Sabrina] me procurou perguntando se no Senado existiam super-heróis. Eu disse que nesta Casa há muitos senadores batalhadores que lutam por causas enobrecedoras e lembrei que eu sou o autor do projeto que deu origem a lei da renda básica de cidadania. Ela disse que tinha um presente para me dar e me ajudou a colocar a sunga", disse.

Suplicy disse que não teme nenhum desgaste por causa do episódio. "Foi uma brincadeira. Não ofendi ninguém. Não acredito que tenha sido uma quebra de decoro parlamentar", afirmou.

Polêmicas

Nos últimos meses, o senador chamou atenção por se envolver em situações polêmicas. Depois de cobrar a saída de Sarney da presidência da Casa, Suplicy foi ao plenário cantar trechos da música "Father and Son", do cantor britânico Cat Stevens, que fala sobre a relação entre pais e filhos --numa homenagem ao Dia dos Pais, comemorado em agosto.

Em outro momento provocou tumulto na sessão para protestar contra o arquivamento das acusações contra o peemedebista no Conselho de Ética. O petista levantou um cartão vermelho, o que provocou um bate boca com o senador Heráclito Fortes (DEM-PI). Os dois ficaram em uma sucessiva troca de acusações. A confusão teve início depois que Fortes ironizou o cartão vermelho apresentado por Suplicy a Sarney, o que levou o petista a também apontar o cartão para o senador do DEM.

O cartão vermelho de Suplicy virou motivo de brincadeira entre os senadores e chegou a provocar resposta de Sarney, que ironizou o fato dizendo que seu cartão é o branco da paz.

Fonte: Folha OnLine

Câmara lança 'pacote de internet' e passará a transmitir as sessões on line

A Câmara dos Deputados lançou ontem, quarta-feira (14) o “Pacote de Serviços Digitais”. A intenção é ampliar a transparência da Casa com mais ferramentas de internet. Uma das novidades é a transmissão on line das sessões de todas as comissões da Casa. O “pacote de internet” começa a funcionar na próxima quarta-feira (21). Segundo a assessoria da Câmara, a maior parte das ferramentas foi desenvolvida por técnicos da Casa e utilizando software livre, portanto, sem custos. Na parte de software, o único gasto foi com a compra de uma nova ferramenta de pesquisa no portal da Câmara. A Casa pagou R$ 400 mil pelo software. O outro gasto do pacote diz respeito ao aumento da banda. Os gastos mensais com o acréscimo do tráfego serão de R$ 40 mil. A ampliação foi necessária principalmente pela transmissão ao vivo de todas as sessões. Outra área que deve aumentar o tráfego é a “Biblioteca Digital”, onde será disponibilizado todo o acervo da Casa.

O pacote também tem várias facilidades para os parlamentares. Eles terão assistência para desenvolver sites mais modernos e um novo sistema para administrar o funcionamento dos gabinetes.

Fonte: G1

Jarbas rebate Lula sobre medo de vaia e chama presidente de mentiroso

O senador Jarbas Vasconcelos (PMDB-PE) classificou nesta quinta-feira o presidente Luiz Inácio Lula da Silva de "mentiroso contumaz" ao reagir às críticas feitas pelo petista durante viagem às regiões de obras de transposição do rio São Francisco, no Nordeste do país. Jarbas disse que Lula aproveitou viagem para fazer campanha eleitoral em defesa de candidatos da base governista ao Palácio do Planalto. Em discurso no município de Custódia (PE), Lula disse que Jarbas não o acompanhava em cerimônias públicas durante os seus primeiros anos de governo porque, como governador de Pernambuco, na época tinha medo de ser vaiado.

"O presidente Lula está se transformando num mentiroso contumaz. Como governador do Estado, nunca deixei de participar das programações feitas pelo Planalto, mesmo quando eram transformadas em eventos eleitoreiros por parte dos aliados do presidente. Quem tremeu diante de vaias foi Lula, quando foi vaiado fortemente em pleno Maracanã", afirmou o senador. Jarbas disse que é "vergonhoso e acintoso" ver o presidente da República "em campanha eleitoral escancarada e antecipada sob a passividade da Justiça Eleitoral e do Ministério Público sem nenhuma consequência".

"A verdade é que Lula usa e abusa do dinheiro público para empinar a sua candidata", afirmou o senador. No discurso em Pernambuco, Lula não citou o nome de Jarbas, mas insinuou para o atual governador Eduardo Campos (PSB) que o peemedebista não o acompanhava nas viagens presidenciais por medo da reação popular. "Você [Eduardo Campos] não estava comigo porque você não era governador e o outro governador não ia comigo. Não ia porque não queria ou porque tinha medo de ser vaiado", disse o presidente.

Críticas

Nesta quinta-feira, Lula também criticou o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), e o TCU (Tribunal de Contas da União). O presidente disse que é muito fácil para quem não sofre com a falta de água ser contrário à transposição do rio São Francisco.

"Ser contra lá na Tijuca, no Rio de Janeiro, na Avenida Paulista é fácil. Eu sou contra depois abro a geladeira e abro uma água Perrier [marca de água francesa] geladinha. Agora, vem pra carregar uma lata de água na cabeça com caramujo e tudo para depois tirar com uma canequinha uma água barrenta para beber", disse em entrevista coletiva à emissoras de rádio no município de Sertânia, em Pernambuco.

Em São Paulo, o governador José Serra (PSDB) criticou a redução de investimentos em irrigação. "Não fiz nenhuma crítica. Disse que pararam as obras de irrigação. Se ajudar a ter um metro a mais de irrigação, vou ficar feliz. Se o que disse aumentar a irrigação, vou ficar contentíssimo", disse Serra hoje. Ontem, ao comentar a viagem do presidente Lula às obras de transposição do rio São Francisco, Serra disse que faltava irrigação nas áreas vizinhas.

Com Agência Brasil - Folha OnLine

Cutrale diz que MST causou R$1,2 milhão de prejuízo em sua fazenda de laranja

A empresa Cutrale informou ontem quarta-feira (14) que os prejuízos da ocupação da sua fazenda em Borebi (SP) totalizaram R$ 1,2 milhão. O diretor da empresa, Carlos Otero, disse que o valor é referente aos equipamentos danificados, aos defensivos agrícolas extraviados e à parte da lavoura de laranja derrubada por integrantes do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra). A fazenda da Cutrale foi tomada pelos sem-terra no dia 27 de setembro e desocupada na quarta-feira passada, pacificamente, após determinação da Justiça. O MST negou ter destruído os equipamentos da propriedade ou roubado produtos durante a ocupação. O movimento alegou ter destruído parte do laranjal para protestar contra a suposta grilagem de terras públicas. O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) afirmou que as terras da Cutrale, em Borebi, pertencem à União. Otero não quis comentar o posicionamento do Incra e disse que “todas as vezes que o Incra discutiu isso na Justiça, a Cutrale provou que é dona das terras”.

Fonte: R7

DESVIO DE FUNÇÃO NO PODER JUDICIÁRIO - Por: João Tércio


DESVIO DE FUNÇÃO NO PODER JUDICIÁRIO Por João Tércio Silva Afonso Com a edição da Súmula nº 378 do Superior Tribunal de Justiça – STJ vem à tona expectativa de direito que em muito moraliza a Administração Pública, porquanto passa a exigir do Procurador Geral da República, membros dos Tribunais Superiores ou não, membros do Poder Legislativo, bem como dos Tribunais de Contas, Advocacia e Defensoria Pública e demais administradores do Poder Executivo, maior fiscalização no que toca à lotação de servidores em funções que guardem consonância com as atribuições legalmente previstas para o cargo. Diz a Súmula nº 378 do STJ: Reconhecido o desvio de função, o servidor faz jus às diferenças salariais decorrentes.

Com efeito, tal norte jurisdicional aponta-nos para o diagnóstico conclusivo de que na Administração Pública, em geral, não se vem observando as lotações dos servidores novéis ou não, na forma de suas atribuições legais, o que ensejou ante o Judiciário vários pedidos os quais redundaram na criação do enunciado acima transcrito. A medida indicativa da jurisdição do STJ revela-se como “um tiro no pé” do próprio STJ e dos demais Tribunais Superiores ou não, porquanto especialmente no que tange às atribuições para o cargo de analista judiciário área fim há numerosas lotações de servidores de outros cargos, notadamente técnicos judiciários, desenvolvendo atividades legalmente atribuídas a analistas judiciários. Não se discute aqui a competência ou incompetência particularizada de analistas ou técnicos para no labor diário assumirem funções de chefia, assessoramento e outras, inerentes ao cargo de analista previstas no art. 4º da Lei 11.416/2006.¹

É o interesse público que deve ser protegido e preservado, com reflexo direto no erário, pois o teor da Súmula nº 378 do STJ importará decisões judiciais reparadoras de injustiça, mas causadoras de grave lesão aos cofres públicos, porquanto a diferença de remuneração devida pelo desvio de função gera repercussão financeira em todas as outras verbas que compõem a remuneração dos demais auxiliares da Justiça que realizam indevidamente, mas quiçá necessariamente, atribuições de analistas judiciários, sejam pertencentes aos quadros do Poder do Judiciário da União ou dos Estados-Membros. O impacto orçamentário vislumbrado, por inferência lógica da experiência comum, será suportado pelo Estado em curto e médio prazo, mas inadmissível que se estenda por prazo superior a vinte e quatro meses, pois os ajustes necessários à lotação de analistas na ocupação de funções inerentes às respectivas atribuições legais e demais medidas para realocar técnicos e auxiliares em suas devidas funções devem realizar-se por meta com termo certo.

Nessa seara, e em sede do Poder Judiciário, é instrumento indissociável da boa gestão pública a responsabilização direta das Presidências dos Tribunais e suas respectivas Diretorias Gerais sob a espada da justiça erguida pelo STJ com o fim de ajustar e acelerar as mudanças necessárias ao correto enquadramento lotacional dos servidores do Poder Judiciário. Nota o cidadão comum que as maiores remunerações da folha estatal com seus servidores vertem inicialmente do Poder Legislativo, seguido do Judiciário, tendo-se ao lado o Ministério Público e findando com o Executivo. É que tal desordem de lotações contrárias às leis instituidoras dos planos de carreira serão financeiramente suportadas pelo povo, pois desvio de função ocasiona por consequência desvio ou má gestão na aplicação da verba pública. Todavia, parece-nos que um razoável argumento mitigador de tal lesividade ao erário e corresponsabilidade de suas excelências os Presidentes dos Tribunais Superiores, ou não, é o princípio da reserva do possível, o qual implica, para o caso sob exame, ponderação temporal na correição das lotações dos servidores do Poder Judiciário de acordo com as atribuições legais, não podendo, por outro lado, tal argumento servir para justificar e perpetuar a ilegalidade que se busca evitar ante a aplicação da Súmula nº 378 do STJ.

Espera-se assim do Conselho Nacional de Justiça – CNJ que recomende, por resolução, a todos os Presidentes de Tribunais do País que se atenham à diretriz da súmula mencionada. Conclui-se que, por via não tão oblíqua, os Administradores Públicos, sem excetuar a maioria dos Presidentes das Cortes no Brasil, por suas omissões, são responsáveis diretos naquilo que possa importar encargos financeiros passivos e liquidáveis por meio de precatório com natureza alimentar, em face do que for devido pelo fundamento da Súmula 378 do STJ, referente aos últimos 5 anos relativos à prescrição do direito em apreço. Luciene Teresinha Mateus Silva Responsável pela correção gramatical . 1-Lei 11.416 de 15/12/2006 Art. 1o As Carreiras dos Servidores dos Quadros de Pessoal do Poder Judiciário da União passam a ser regidas por esta Lei. Art. 2o Os Quadros de Pessoal efetivo do Poder Judiciário são compostos pelas seguintes Carreiras, constituídas pelos respectivos cargos de provimento efetivo: I - Analista Judiciário; II - Técnico Judiciário; III - Auxiliar Judiciário. Art. 3o omissis Art. 4o As atribuições dos cargos serão descritas em regulamento, observado o seguinte: I - Carreira de Analista Judiciário: atividades de planejamento; organização; coordenação; supervisão técnica; assessoramento; estudo; pesquisa; elaboração de laudos, pareceres ou informações e execução de tarefas de elevado grau de complexidade; II - Carreira de Técnico Judiciário: execução de tarefas de suporte técnico e administrativo; III - Carreira de Auxiliar Judiciário: atividades básicas de apoio operacional.

Por: João Tércio

BLOGHumorPoema:Ao Amigo e Fraterno Dihelson Mendonça-Por Wilson Bernardo.

Dihelson Mendonça em suas teclas Magicas.
BRAHMA*.
Sempre que tomava choppe
Chopin
Trocava as teclas
Das Baquianas.

*Divindade...E uma Marca de Cerveja.
Wilson Bernardo(Poema & Fotografia)

Escola inglesa vai usar celulares, tocadores de MP3 e até videogames para ensinar

Diretor da Notre Dame diz que iniciativa lembra polêmica sobre uso de calculadoras na sala de aula nos anos 70

Celulares não são permitidos nas salas de aula da Inglaterra por causa de uma proibição nacional. Mas a escola de ensino médio Notre Dame resolveu ser a primeira no país a permitir o uso deles, de tocadores de MP3 e até de videogames como uma ferramenta educacional, revelou nesta quarta-feira (14) o jornal inglês Telegraph. Professores disseram que a ideia é aumentar as opções de ensino, e que a discussão não é muito diferente do que aconteceu na década de 70, quando a permissão para os alunos usarem calculadoras na sala de aula virou uma polêmica. Os pais dos alunos e os sindicatos criticaram a medida, dizendo que ela irá se transformar numa distração para os jovens. O diretor adjunto da escola, Paul Haigh, disse que os celulares, os tocadores de MP3 e os videogames são recursos não explorados pelas escolas. Ele explicou que uma escola pública - ainda que conte com mais de 800 computadores - não tem recursos para comprar aparelhos para todos os estudantes.

- Seria ótimo se eles pudessem ter acesso a uma série de ferramentas, como computadores portáteis, máquinas fotográficas, gravadores de voz, computadores portáteis e netbooks, mas seria muito caro comprar e manter todos esses equipamentos. O diretor disse que a maioria dos estudantes leva muitos desses aparelhos na mochila, sem contar que eles conhecem todos os atalhos e como usá-los todos os dias. Por isso, a escola entendeu que não fazia sentido permitir aos alunos usar um netbook no colégio e banir celulares, que acessam a internet, gravam sons e tiram fotos.

A Notre Dame já usa tecnologias de informação na sala de aula, e os alunos já participaram de um projeto em que carregaram um smartphone com um software ecológico para gravar dados de campo. Agora, a escola está desenvolvendo uma política para o uso dos aparelhos móveis dentro das instalações e sua rede sem fio está sendo reconfigurada para que os alunos possam usar seus aparelhos em um ambiente seguro e monitorado. O que importa é que “mesmo os historiadores não podem decidir quais datas as crianças devem aprender. Se elas querem saber a data da Batalha de Hastings vão procurar no Google", acrescentou o diretor da escola.

Fonte: R7

O Crato Ontem e Hoje... - Por: DIhelson Mendonça

No prédio dos correios, em Crato, há um quadro pintado por um artista por nome "Bento", pintado em 2003 ( evidentemente, a imagem do Crato se refere a uma época bastante anterior ). É um quadro super conhecido na cidade. Aproveitando a minha ida lá até ontem, resolvi tentar fazer uma comparação da visão que o artista teve ao pintar, à visão atual quase do mesmo ponto de vista, com todos os postes, fios, e automóveis que tão bem caracteriza o Stress do homem moderno.

CRATO - Em algum lugar do Passado...

foto correios 01


CRATO - Hoje...( 2009 )

foto correios 02

Fotos: Dihelson Mendonça
Pintura: "Bento"

Criador da WWW pede desculpas por barra dupla nos endereços

O homem que inventou a World Wide Web (a WWW, que é a base da internet) pediu desculpas por ter colocado duas barras na frente dos endereços eletrônicos. O cientista britânico Tim Berners-Lee, que criou a WWW há quase 30 anos, disse que o uso dos caracteres "//" após o "http:" é desnecessário. Segundo o jornal britânico "The Times", Berners-Lee disse em uma palestra em Washington que poderia ter criado os endereços sem as duas barras. O cientista disse que, quando criou a World Wide Web, ele não imaginava que as barras causariam tanta irritação entre os usuários. No entanto, ele brincou que ninguém calculou ainda a quantidade de terapeutas que conseguiram emprego para tratar pessoas com lesões de esforço repetitivo, de tanto usar a tecla w nos teclados de computador. Na entrevista ao "The Times", ele admite inclusive que o uso das barras é nocivo ao meio ambiente, já que desperdiça energia, papel e tinta. Tim é diretor do World Wide Web Consortium, que trabalha com o governo britânico para aumentar o acesso das informações governamentais ao público.

da BBC Brasil

CONVITE - Juventude do Partido Socialista Brasileira JSB

A Juventude do Partido Socialista Brasileira JSB - Crato-Ce- através da sua Executiva Municipal, tem a honra de convidar V. Excia. para se fazer presente ao ENCONTRO MUNICIPAL DA JUVENTUDE, a fim de discutir e deliberar sobre a seguinte pauta: I- Conjuntura Política Nacional, Estadual e Municipal; II- Diretrizes do Partido, III- Candidatura do PSB à Presidência da República; IV- A Importância da participação do Jovem na política; VI- Assuntos Gerais.

Data: 17 de Outubro de 2009
Horário: 14h
Local: Câmara de Dirigentes Lojista – CDL- Crato
Rua Teopisto Abath, 481 – Crato-CE

EXECUTIVA MUNICIPAL

Sangiorgy Ribeiro- Secretário Municipal de Juventude
Felipe Correia- Secretário Executivo
Cristiano Andrade: 1ª Secretário
Moisés Rolim: Secretário de Finanças
Allekson Saraiva: Secretário de Políticas Públicas
Emerson Henrique: Secretário de Movimento Estudantil
Tiago Andrade: Secretário de Formação Política

AOS AMIGOS, COM CARINHO - Jorge Emicles Pinheiro


Tanto quanto são infinitas as formas de compreender a vida, igualmente são as de enfrentar suas adversidades. Até que estejamos concretamente diante de um obstáculo, em verdade não sabemos de que forma o enfrentaremos. Até que sintamos a dor, não saberemos a verdadeira dimensão do sofrimento.

É o instinto (talvez vindo de Deus, talvez da mera condição animal) que nos ensina a lutar pela sobrevivência. Por pior que estejam as coisas sempre preservar-se vivo será a melhor saída, mesmo que o sopro de vida que restar não possua mais viço ou qualidade. A esperança é a última que morre: eis um ditado o qual bem poderia representar a eterna luta que somos socialmente treinados a travar com a morte. Pouco importa o sentimento que demos à nossa vida, desde que cotidianamente suplantemos o fantasma e a certeza da morte. Por finitos que sejamos, é na crença da imortalidade que consumimos cada instante de nossa tênue existência.

Nas dificuldades (nas mais temíveis principalmente) é este o instante que todos os que nos são próximos buscam nos alimentar. A qualquer custo que for, vença a morte, insista na sua própria imortalidade, porque assim estarás evidenciando não apenas sua infinita fortaleza como também alimentando de esperança todo o restante da humanidade.

Porém, uma vez que são muitas as formas de viver as augrúrias da existência, um dissabor pode ser encarado por infinitas maneiras. Variações que de ordinário dependerão da forma com que se interpreta o mundo, assim como este mesmo mundo reage face a seu sofrimento. Diante da enfermidade, fui cercado pela calorosa luz da compaixão e da amizade; fui encharcado pela inebriante energia do amor sincero, passional mas desinteressado de centenas de pessoas que me infligiram desejos de saúde plena e pronto restabelecimento.

Quem nada me devia senão estima gratuita me emprestou dessa luz; quem talvez me devesse algo, mas que não poderia ser cobrado em razão do meu próprio estado de fragilidade, sem nada querer pagar igualmente me cedeu desta luz; quem imaginei que pelos descaminhos da vida nem mais se lembrasse de mim, da mesma forma me encandeou desta revigorante luminosidade; de quem não esperava carícias me afagou pelo amor; de quem esperava estas carícias, me as trouxe com muito mais generosidade que merecia; quem decepcionei me afagou com o perdão; quem não pude ajudar, me retribuiu com a solidariedade; quem pouco conhecia, me abraçou com ardor e os antigos e verdadeiros amigos permaneceram incontinenti em apoio.

Jamais havia sentido energia tão pujante e verdadeira. Nas lágrimas destas centenas de amigos angariei a força do destemor; na honestidade de seus abraços adquiri a coragem da vitória; na fortaleza de suas palavras (escritas ou faladas) a energia da revitalização. É esta a verdadeira alquimia. A chave da pedra filosofal tão empenhadamente buscada pelos antigos filósofos. Tão plena, enfim, estava minha alma desta saborosa energia, que dali seria capaz de enfrentar todos os obstáculos que se pudessem interpor no meu caminho, fossem quais fossem as conseqüências do mal que me afligia.

A vida, a morte e esta infindável luta pela eternidade passaram a ter nenhuma importância a partir de então. Talvez não houvesse diferença entre uma longa vida e uma morte prematura. Nem uma nem outra condição garantiria a felicidade. O completar-se dessa pujante e luminosa energia proveniente do amor e da amizade, sim, representam o verdadeiro sentido e mistério da vida. Por isto mesmo que pouco importava a vida ou a morte, pois tanto pela vida longa quanto pela breve morte estarei sempre repleto daquela energia vital e eterna que preenche todos os planos da existência, seja material ou não. Aos amigos, além destas palavras, somente posso agradecer com o compromisso de distribuir a tantos quanto se apresentem, com o mesmo calor revigorante de que fui já embebido por sua generosa luz.

Lhes sou profunda e eternamente grato por tudo! Muito obrigado!

Jorge Emicles

Não queremos guerra, queremos justiça! - por Pedro Esmeraldo

Nunca vimos o Crato tão desprezado, como está atualmente, causado pelo afastamento irrepreensível da camada política governamental, já que deixam nossa cidade em segundo plano nos programas do desenvolvimento educativo e social. Cremos que, devido a sua posição de cidade líder possuidora de caráter dinâmico poderia ser aplicado no processo de evolução do movimento progressista da Região do Cariri. Desejaríamos que fossemos contemplados com bens evolutivos e bons desempenhos administrativos conquistando a fatia com uma administração dinâmica e progressista.
Somos povos eficientes, visto que participamos de movimentos irrelevantes em épocas passadas com plenas atividades guerreiras, quer morais ou culturais, que superamos com rebeldia no primeiro quartel do século XIX (Revolução Pernambucana de 1817 e Revolução do Equador de 1824), conquistando a liberdade e berço cultural de toda região centro nordestino.
Hoje, por meio do movimento articulatório, a nossa cidade é desconsiderada, visto que não temos mais vez em participar de movimentos auspiciosos da cúpula administrativa do Estado. Sofremos juntos com isso, pois consideramos esses desprezos como sendo gestos ultrajantes a esse povo, que conquistou e relevou com muita perfeição as discórdias ocorridas no último século e no início desse século.
Certa vez, conversamos com o prefeito em uma pequena cidade, pertencente a zona metropolitana do Cariri “assim era o seu pensamento”, pois dizia: essa zona metropolitana é uma farsa para nós, cidade pequena. Assim era o seu pensamento; pois tudo que é de bom só favorecerá a uma cidade, tudo vai para lá aleatoriamente, prejudicando os outros municípios pertencentes a essa mesma área metropolitana. Somente a cidade mais evoluída receberá benefícios, deixando-nos permanecer na estaca zero.
Isto é uma verdade, pois não somos mais contemplados com grandes fatias, vez que não somos mais presenteados com gordas verbas contemplativas. Totalmente ocultas, às margens do desenvolvimento, permanecem outras cidades esquecidas, oscilando sem nenhuma pretensão para conseguir verbas favoráveis ao equilíbrio social e moral; isso nos deixa apavorados, tornando as outras cidades desconsideradas como sendo cidade sucção do progresso que teríamos direito.
Ultimamente, Crato vem se tornando o grande centro de desprezo desta zona metropolitana, visto que conseguiram parar as obras sem nenhuma explicação e nem sequer dão satisfação ao povo porque motivou essa paralisação.
Avisamos, porém, não somos acomodados, mas somos relevantes e temos coragem de partir para a luta a fim de impulsionar com lutas árduas, lembrando as autoridades que somos dinâmicos e temos coragem de trabalhar.
Não podemos esquecer que tudo que vem para o Crato há uma barreira de impedimento. Não podendo mais avançar, assim dizem: olhem que agora o Crato está sendo enganado, pois sem nenhuma explicação resolveram deixar o Crato marginalizado. Não seremos contemplados com boas obras que impulsionem o desenvolvimento. Por isso perguntamos: por que resolveram parar as obras do centro de convenções? Por que o Crato é esquecido? Não senhores chefes, o Crato não é cidade pobre, é cidade rica e está crescendo vertiginosamente, também merece um lugar de destaque.


Texto de Pedro Esmeraldo

RESPOSTA e Nota do Editor:
Caro Pedro Esmeraldo, quem lhe responde é o próprio Prefeito da cidade, Samuel Araripe:

O MOTIVO DA PAUSA NA CONSTRUÇÃO DO CENTRO DE CONVENÇÕES

Samuel Araripe - A licitação foi feita no último ano do governo Lúcio Alcântara, e a obra só começou neste ano. A construtora Marquise que venceu o sertame, quer que o governo faça um realinhamento de preços porque a obra só começou 3 anos após. Então esse é o impasse, mas o Governador, Dr. Cid, no governo itinerante em Barbalha, me garantiu que o secretário do Turismo, que é o Bismark Maia, já estaria mantendo um contato com a construtora, e que em breve, a obra vai reiniciar. Então, o problema é apenas essa questão de realinhamento de preços. A intenção do governo é de continuar o quanto antes ( a obra ) e a da construtora também, e eles estão conversando para definir.

( Em entrevista concedida ontem ( dia 14 ) ao Jornal Chapada do Araripe )

O poder e o segredo – Por: José Nilton Mariano Saraiva

“A definição da democracia como poder em público não exclui naturalmente que ela possa e deva ser caracterizada também de outras maneiras. Mas essa definição capta muito bem um aspecto pelo qual a democracia representa uma antítese de todas as formas autocráticas de poder. O poder tem uma irresistível tendência a esconder-se. Quem exerce o poder sente-se mais seguro de obter os efeitos desejados quanto mais se torna invisível àqueles aos quais pretende dominar. A principal razão pela qual o poder tem necessidade de subtrair-se do olhar do público está no desprezo ao povo, considerado incapaz de entender os supremos interesses do Estado (que seriam, no julgamento dos poderosos, os seus próprios interesses) e presa fácil dos demagogos.
Segundo Elias Canetti, no admirável livro Massa e Poder, “...o segredo está no núcleo mais interno do poder. O poderoso, que se serve do próprio segredo, conhece-o com exatidão e sabe muito bem apreciar a sua importância nas várias circunstâncias. Ele sabe qual o seu objetivo se quer obter algo, e sabe também qual de seus colaboradores empregar na cilada. Ele tem muitos segredos porque deseja muito, e combina-os em um sistema dentro do qual se preservam reciprocamente: um segredo confia a este, outro àquele, e faz de tal modo que os indivíduos depositários dos segredos não possam unir-se entre si. Qualquer um que saiba de alguma coisa passa a ser controlado por um outro que contudo ignora qual seja na verdade o segredo do espionado. Daí a conseqüência de que apenas o poderoso tem a chave do todo complexo de segredos, e sente-se em perigo quando dele deve tornar inteiramente partícipe um outro.
O temor a Deus serviu durante séculos para justificar o temor ao soberano. A transgressão do segredo divino e do segredo natural não podia deixar de ter como conseqüência a transgressão do segredo político. Grande parte da história do pensamento político pode ser interpretada como uma contínua tentativa de parte dos súditos de arrancar os véus, ou as viseiras, ou as máscaras atrás das quais se escondem os detentores do poder, de ampliar a área do poder visível em relação à área do poder invisível”.

Fonte: Teoria Geral da Política, de Norberto Bobbio, página 399.
Postagem: José Nilton Mariano Saraiva

Zelaya aceita discutir mudanças em acordo fechado por negociadores

O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, afirmou nesta quarta-feira que está disposto a discutir mudanças na proposta sobre sua restituição fechada horas antes entre negociadores dos dois lados da crise política hondurenha. A declaração foi feita depois que o presidente interino, Roberto Micheletti, disse que ainda não havia acordo devido a divergências sobre o foro adequado para decidir sobre o possível retorno de Zelaya ao poder.

"Se há mudança no acordo, voltamos à mesa de negociações para discutir, damos poderes às comissões", disse Zelaya à agência de notícias France Presse, na Embaixada do Brasil em Honduras, onde está abrigado há mais de 20 dias, sem revelar se do seu lado houve aprovação do documento acertado nas negociações com o governo interino. O presidente deposto afirmou que as negociações continuarão nesta quinta-feira, último dia de um prazo que dera anteriormente para a conclusão das discussões, mas não se referiu ao ultimato. No Blog da Embaixada, o repórter Fabiano Maisonnave, da Folha de S.Paulo, que está na sede diplomática brasileira em Tegucigalpa, informa que os delegados do presidente deposto disseram que Zelaya aprovou o texto, com pequenas modificações.

Na tarde desta quarta-feira, Victor Meza, o principal representante do presidente deposto, na mesa de negociações iniciada já uma semana, disse que os negociadores de ambos os lados haviam chegado a um acordo para encerrar a crise política no país, mas que o texto ainda precisava ser aprovado por Zelaya e por Micheletti. A chefe da delegação do governo interino, Vilma Morales, ex-presidente da Suprema Corte, confirmou a existência de um consenso, mas comissões disseram que não poderiam falar sobre o conteúdo do documento. Mas minutos depois de se reunir com Micheletti, Vilma Morales disse em entrevista coletiva que ainda não havia a um acordo sobre o regresso de Zelaya à Presidência, segundo o jornal hondurenho "El Heraldo", que faz uma cobertura favorável ao governo interino. Em um comunicado, o presidente interino disse que ainda não havia acordo sobre o retorno de Zelaya à Presidência devido a uma divergência sobre se a medida deve ser decidida pelo Congresso ou pela Suprema Corte.

"Estão pedindo que o Congresso determine se ele pode ou não voltar, mas esta é uma questão jurídica, é definitivamente é a Suprema Corte [que deve decidir]", disse Micheletti no comunicado. Na declaração, o governo interino afirmou que "até agora não há nenhum acordo final sobre este ponto e amanhã as equipes de negociação retomarão o diálogo". Micheletti já usara possíveis diferenças de foro para decidir sobre o retorno de Zelaya para adiar indefinidamente posicionar-se sobre o retorno de Zelaya previsto pelo Acordo de San José, a proposta de mediação feita pelo presidente da Costa Rica há mais de dois meses. Quando finalmente pronunciou-se sobre o assunto, ele disse que o retorno era impossível, porque Zelaya respondia a processos na Justiça que estavam além de seu poder desconsiderar.

A negociação em curso começou na semana passada durante uma missão diplomática da OEA (Organização dos Estados Americanos) e reúne três representantes de cada lado, que discutem uma saída para a crise com base no Acordo de San José. Além de Meza, participaram do diálogo pelo lado de Zelaya Mayra Mejía, sua ministra do Trabalho, e o advogado Rodil Rivera. Como representantes de Micheletti, negociam Armando Aguilar Cruz, um dos diretores do Banco Central, o empresário e político Arturo Corrales e Vilma Morales. Anteriormente nesta quarta-feira, o chefe das Forças Armadas de Honduras, o general Romeo Vázquez, havia afirmado que o fim a crise política estava próximo. A crise política hondurenha se agravou em 28 de junho, quando Zelaya foi deposto por tentar realizar uma consulta popular sobre mudanças constitucionais considerada ilegal pela Justiça. Considerada um golpe de Estado pelo virtual consenso de governos e entidades internacionais, a sucessão foi classificada por Micheletti e pelas instituições hondurenhas como uma mudança legítima de governante, referendada pela Suprema Corte e pelo Congresso. Mas Zelaya, expulso, de pijamas, do país por militares na madrugada do dia em que pretendia realizar a consulta, disse que sofreu um golpe militar e desmentiu qualquer tentativa de alterar a cláusula pétrea da Constituição que impede reeleições para se manter no poder. Embora a destituição de Zelaya tivesse amparo constitucional sob a hipótese de que ele estivesse tentando reeleger-se, a expulsão não é prevista no texto e tanto Micheletti quanto o chefe das Forças Armadas eximiram-se de responsabilidade por essa iniciativa.

Pressionado --nenhum país reconheceu seu governo-- o governo interino adiou ao máximo uma solução para o impasse, resistindo a uma proposta feita pelo presidente da Costa Rica, Oscar Árias, para o retorno de Zelaya à Presidência com poderes limitados e à frente de um governo de união nacional. Micheletti apostava na eleição presidencial de novembro --que estava marcada antes da crise-- como a saída para entregar o poder a um sucessor que tivesse legitimidade aos olhos dos demais países, mas essa solução foi rejeitada pela OEA (Organização dos Estados Americanos. Nem Zelaya nem Micheletti são candidatos. Após quase três meses de negociações sem avanços e duas frustradas tentativas públicas de voltar a Honduras, Zelaya retornou ao país clandestinamente no último 21 de setembro e se abrigou na Embaixada do Brasil em Tegucigalpa. O retorno do presidente deposto aumentou a pressão internacional sobre o governo interino, alimentou uma onda de protestos e fez da crise hondurenha um dos temas da Assembleia Geral da ONU, reunida em Nova York em setembro. A ONU suspendeu um acordo de cooperação com o tribunal eleitoral hondurenho e o governo interino aceitou o envio de uma delegação diplomática da OEA a Honduras, dias depois de ter barrado a entrada no país de enviados da organização.

Além disso, a coesão da elite hondurenha começou a apresentar sinais de desgaste, e os protestos em favor do governo interino, comuns no início da crise, passaram a ser superados de longe, em número e volume, pelas manifestações pró-Zelaya, que desafiaram os toques de recolher e o estado de exceção. De volta à mesa de negociações, os representantes dos dois lados da crise começaram a dar sinais de conciliação nesta semana, mas com custos para ambos. Enquanto os representantes de Micheletti começaram a se mostrar flexíveis em relação a um retorno de Zelaya à Presidência, o presidente deposto alienou parte do movimento popular que o apoia ao abrir mão da proposta de uma constituinte. O sindicalista Juan Barahona, dirigente do movimento de resistência popular que apoia o presidente deposto, deixou a mesa de negociações nesta semana e foi substituído pelo advogado Rodil Rivera, que ao lado dos outros dois representantes deu seguimento às negociações que culminaram no acordo anunciado nesta quarta-feira.

Fonte: Folha OnLine

Yes, we have pterossauros - George Alberto de Aguiar Coelho

Caro Editor do Blog do Crato,
Segue minha versão para a notícia divulgada nos jornais sobre a descoberta dos pterossauros na região de Santana do Cariri.
Abraço, George.

O esquisitíssimo pterossauro (as asas chegavam a 4,5 metros) já deve de ter feito uns vôos rasantes pela serra de Santana, no Cariri cearense. Isto há uns 100.00 milhões de anos, antes de virar carniça, que o destino dele agora é outro. Virou celebridade nas mãos de Mark Witton, paleontólogo inglês, porque foi nomeado como nova espécie do gênero Tupuxuara. Ficou assim: Tupuxuara Deliradamus. O Deliradamus, coisa parecida com diamante louco, veio por conta dum buraco em forma de diamante que o réptil voador tinha no crânio, bem como da inglesia do Mark Witton Explico melhor: admirador de Pink Floide, se lembrou da canção "Shine on you crazy diamond".

Inglês gosta de diamantes. Vê-se nos filmes e romances do americano Sidney Sheldon: mulheres belíssimas... e diamantes. Não foi à toa que se grudaram na África do Sul, onde foi descoberto o maior de todos: 1,4 kg. E quando desenterraram Lucy, em 1974, na Etiópia? Lucy foi o elo de ligação entre o homem e o macaco. Viveu há menos tempo que os Tupuxuaras: só uns 3,5 milhões de anos atrás. Embora não tenha aprendido a voar, a macaca-gente achou por bem ficar de pé e correr, que tigre faminto tinha de mais e árvore pra se trepar, de menos. Pois bem, na hora da descoberta de Lucy, a radiola dos gringos tocava “Lucy in the sky with diamonds” dos Beatles. Mas onde meteram o cabeça-chata Tupuxuara Deliradamus, e a etíope Lucy. Resposto. O primeiro repousa, na Universidade de Portsmouth (Reino Unido). Já dona Lucy está despida a olhos, e ossos vistos, no Museu de História Natural, em Nova Iorque. A gente sabe que existem umas leis no Brasil contra a saída de fósseis (na Etiópia deve de ter também). Porém, de Santana saem rumas deles pra país civilizado. Well! Sem compradores, esse comércio não existiria.

Mas, sem bulir mais com o alheio, o que eu queria mesmo é que se achassem mais espécies de pterossauros, fartos que são na região de Santana. Alíás, Tupuxuara vem do Tupi e significa espírito familiar. E queria também que os Mark Witton fossem brasileiros. Quem sabe, em vez de Pink Floid, não se homenagearia o Patativa, que é do Assaré, da serra de Santana. Ou o Luiz Gonzaga - que é dali de perto também, do Exú, - cuja mãe chamava-se Santana. Quem sabe não batizaríamos o novo pterossauro de Tupuxuara Patativa ou Tupuxuara Santana.

Por: George Alberto de Aguiar Coelho

OAB-Crato lança blogue - Por Carlos Rafael Dias

Francisco Bacurau bento
(Presidente da OAb-Crato)

A Ordem dos Advogados do Brasil - Subseção de Crato, está lançando um blogue com o objetivo de prover a classe dos advogados cratenses e a sociedade em geral de informações pertinentes, e das realizações e do dia-a-dia da instituição. Na ocasião, o presidente da OAB-Crato, Francisco Bacurau Bento, publicou a seguinte mensagem:

"Este espaço foi criado com o objetivo de manter os advogados filiados à Ordem dos Advogados do Brasil - Subsecção de Crato constantemente atualizados com as mais relevantes informações acerca do exercício do Direito e da Justiça, bem como do cotidiano de atuação e administração da nossa entidade.

Portanto, é mais um espaço do advogado cratense, que pode e deve participar nos enviando sugestões, críticas e informes que julgar importantes e necessários.

Sejam bem-vindos e mantenham contato conosco através do e-mail: oabcrato@gmail.com."

Francisco Bacurau Bento - Presidente da OAB/Crato

Aposentados também deverão ter direito ao vale-cultura

Brasília - A Câmara dos Deputados concluiu há pouco a votação do projeto de lei do Poder Executivo que cria o vale-cultura para os trabalhadores que ganham até cinco salários mínimos. Na votação dos destaques, foi aprovado apenas o que estende o benefício, no valor mensal de R$ 30, para os aposentados que recebem até cinco salários mínimos e deverá ser pago pela Previdência. Os demais destaques foram rejeitados. A matéria segue agora à apreciação do Senado. O texto aprovado pelos deputados diz que terá direito ao vale os trabalhadores da iniciativa privada e os servidores públicos federais que ganham até cinco salários mínimos por mês. Em relação aos trabalhadores deficientes, o vale-cultura será pago para os que ganham até sete salários mínimos. Também poderão ter direito ao benefício os estagiários.

O projeto ainda prevê o pagamento do vale os servidores dos estados, dos municípios e do Distrito Federal. Mas para que eles recebam o benefício será necessária a aprovação de uma lei estadual, municipal ou distrital disciplinando o pagamento.

Pelo projeto, o vale-cultura deverá ser pago pelas empresas que aderirem ao Programa Cultura do Trabalhador. Ela poderá deduzir do Imposto de Renda o valor gasto com o benefício, limitado a 1% do imposto devido. O vale não poderá ser dado em dinheiro. Ele se destinará apenas à compra de serviços ou produtos culturais. O vale-cultura tem o caráter pessoal e intransferível e é válido em todo território nacional para o acesso aos produtos e serviços culturais. O benefício será fornecido pelas empresas preferencialmente por meio magnético, com seu valor expresso em moeda corrente. Pelo texto aprovado, o trabalhador poderá ter descontado de sua remuneração o percentual máximo de 10% do valor do vale-cultura.

Fonte: Agência Brasil

15 de outubro, dia de Santa Teresa d’Ávila – por Armando Lopes Rafael

Capela de Santa Teresa, localizada em Crato. Foto: Dihelson Mendonça

“Teresa d’Ávila, ou Teresa de Jesus, nome que assumiu no Carmelo, nasceu em 1515. Aos 16 anos, sua atração pelas vaidades era muito acentuada. Por isso, o pai a enviou para o colégio das agostinianas em Ávila. Uma doença grave a fez voltar para receber tratamento em casa. Nesse período, pela primeira vez, Teresa passou por experiências espirituais místicas, conversas com Deus. Já com 20 anos, decidiu tornar-se religiosa. Foi para o Convento carmelita da Encarnação de Ávila.

Em 1560, teve a inspiração de um novo Carmelo, onde se vivesse sob as regras originais. Dois anos depois, fundou o primeiro Convento das Carmelitas Descalças da Regra Primitiva de São José em Ávila, onde foi morar. Em 1580, o papa Gregório XIII declarou autônoma a província carmelitana descalça. A pedido de seus superiores, registrou toda a sua vida em livros. Neles, ela própria narra como um anjo transpassou seu coração com uma seta de fogo. Doente, morreu no dia 4 de outubro de 1582, aos 67 anos, no Convento de Alba de Torres, Espanha”. (até aqui transcrito do jornal “O Povo” de 15-10-2009)

O culto de Santa Teresa d’Ávila em Crato

No dia 31 de outubro de 1923, há 86 anos, era inaugurada na cidade do Crato a capela de Santa Teresa de Jesus, felizmente conservada, até hoje, como originalmente foi entregue ao povo católico da “Cidade de Frei Carlos”.
Devemos a construção dessa capela à Cruzada Carmelitana, uma associação religiosa existente no Crato, fundada que fora em 1914, pelo então vigário da Paróquia de Nossa Senhora da Penha, padre Quintino, um ano depois eleito primeiro bispo da nossa diocese.

A Cruzada Carmelitana era formada por senhoras e jovens da sociedade cratense. Além da parte religiosa, seus membros desenvolviam uma grande ação social na comunidade. Na prática religiosa, basta destacar que as festas de Nossa Senhora do Carmo (16 de julho) e Santa Teresa d’Ávila (15 de outubro) eram comemoradas com grande pompa, precedidas de Tríduo Festivo e encerradas com uma missa solene. Tudo acompanhado pelo Coral das Teresinas, onde se sobressaía a maravilhosa voz de Iraídes Gonçalves. De tudo isso só nos restam as gratas lembranças e os registros históricos...

Foi notável o empenho da Cruzada Carmelitana na construção da sua capela. As ricas obras talhadas em madeira de lei (altar-mor, quatro nichos laterais, confessionário, sólio episcopal, bancada e grade do altar) foram esculpidas por Mestre José Lucas, conhecido artista cratense. Tão bonito é o sólio episcopal que, posteriormente, ele foi cedido à Sé Catedral, onde ainda hoje está, tendo servido aos cinco bispos da diocese do Crato.

As imagens da capela foram adquiridas na Itália. No altar-mor está o “Trio Carmelitano”: Santa Teresa d’Ávila pontifica como padroeira, tendo ao seu lado Nossa Senhora do Carmo e São José. Os quatro nichos laterais abrigam as estátuas de São João da Cruz, Santa Teresinha do Menino Jesus, São Geraldo e São Quintino.

Toda a construção e acervo da capela de Santa Teresa foram viabilizados no primeiro quartel do século passado, quando o Crato vivia longe (quase isolado) dos grandes centros do Brasil. Naqueles tempos, as estradas e os meios de comunicação eram precários e a nossa economia dependia unicamente do produzido nas fainas agrícolas e na incipiente pecuária da época. Mas o importante é que o povo tinha fé!
Tanta, que este pequeno templo aí está, para atestar essa fé...

Texto e postagem de Armando Lopes Rafael

Tratamento para mal de Parkinson mostra bons resultados

Washington, 14 out (EFE).- Uma equipe médica francesa testou com bons resultados um tratamento genético para o mal de Parkinson em macacos, revela um estudo publicado hoje pela revista "Science Translational Medicine". Segundo os pesquisadores do centro de pesquisa molecular de Fontenay-aux-Roses, o tratamento previne os movimentos involuntários característicos da doença. A perda de dopamina provoca o descontrole nos movimentos corporais. O tratamento normal consiste em administrar remédios que aumentam o nível da substância no cérebro dos pacientes. No entanto, esse tratamento não mantém os níveis de dopamina para um funcionamento normal, o que conduz a um transtorno motor chamado discinesia. Para simular a doença, os cientistas aplicaram nos macacos uma neurotoxina que provoca a doença até o momento em que os animais apresentaram os tremores, a rigidez e a postura instável que são típicos do mal de Parkinson.

Para iniciar o tratamento, os cientistas inseriram no cérebro dos macacos três genes cruciais na produção da dopamina. A observação constante dos animais durante mais de três anos revelou um restabelecimento dos níveis de dopamina, corrigiu os transtornos motor e não teve efeitos secundários. Em seu relatório, os cientistas dizem que já há um teste clínico desse tratamento em seres humanos.

Fonte: EFE
Yahoo Notícias

TSE suspende plebiscito sobre criação de novo município em Rondônia


O ministro Fernando Gonçalves, do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), decidiu suspender o plebiscito que seria realizado no início de novembro, em Rondônia, para decidir sobre a criação de um novo município no Estado. A Procuradoria-Geral Eleitoral entrou com mandado de segurança no TSE para suspender o plebiscito. O novo município --Extrema de Rondônia-- desmembraria distritos pertencentes à capital de Rondônia, Porto Velho. De acordo com o ministro, a lei diz que o plebiscito deve consultar todas as pessoas diretamente interessadas na decisão. O artigo 7º da Lei 9.709/98, segundo Gonçalves, determina que nesse tipo de plebiscito toda a população diretamente interessada deve ser ouvida, "tanto a do território que se pretende desmembrar, quanto a do que sofrerá desmembramento".

O ministro ressaltou, no entanto, que a resolução do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Estado, que fixa as instruções para a realização do plebiscito sobre a criação de Extrema de Rondônia, determinou que fossem ouvidos exclusivamente os eleitores dos distritos de Extrema, Fortaleza do Abunã, Nova Califórnia e Vista Alegre do Abunã, e não o eleitorado total da capital Porto Velho. A criação do município de Extrema de Rondônia foi aprovada por decreto da Assembléia Legislativa de Rondônia em 19 de julho de 2007.

Fonte: Folha OnLine

E ainda tem que Engolir! - Oposição ameaça parar pauta do Congresso se Sarney barrar CPI do MST

Líderes do DEM e do PSDB disciram na última quarta-feira (14) estratégia para convencer o presidente do Congresso, senador José Sarney (PMDB-AP), a marcar sessão para leitura do pedido de criação da CPI do MST (Movimento Sem-Terra). Sarney afirmou que não pretende abrir uma sessão do plenário só para criar a CPI. Regra interna do Congresso exige que o pedido de abertura da comissão seja lido em plenário. O líder do DEM no Senado, José Agripino (RN), tentar articular, nesta tarde, grupo de líderes de outros partidos para pressionar Sarney. Os integrantes da oposição acreditam que o presidente do Senado pode mudar de ideia, mas se isso não acontecer planejam boicotar votações importantes para o governo obstruindo a pauta de trabalhos do Congresso. O deputado Ronaldo Caiado (GO), líder do DEM na Câmara, disse que ainda hoje a oposição vai decidir alternativas para criar a CPI.

- Fica claro a má vontade do Sarney, ele passou a se comportar como um defensor do MST. Isso mostra sua parcialidade. Se ele quisesse trabalhar, poderíamos aproveitar a sessão para apreciar milhares de vetos engavetados. Nós vamos esperar a tarde de hoje. Se não acontecer nada a alternativa é a obstrução nas duas Casas. Para criar a CPI mista, que conta com atuação de integrantes da Câmara e do Senado, a oposição precisa de 27 assinatura de senadores e 171 de deputados. As assinaturas juntamente com o documento que explica os motivos da CPI são entregues na Mesa Diretora do Congresso. A expectativa da oposição é fazer isso ainda esta semana. Integrantes do DEM e PSDB, no entanto, temem que alguns parlamentares desistam do pedido e retirem as assinatura, pois a regra do Congresso permite isso. A estratégia dos opositores é entregar formalmente o documento quando a sessão de leitura do pedido já estiver marcada para não haver risco de o governo tentar convencer parlamentares indecisos a engavetarem a comissão.

A CPI do MST foi rejeitada no fim de setembro, mas voltou a ganhar força depois que integrantes do movimento destruíram plantação de laranja em fazenda do interior de São Paulo durante uma invasão.

Fonte: R7

Festival da Canção e de Coração: Só isso já teria valido a pena! - Por: Manoel Severo

danielle esmeraldo e severo

Acima: Secretária Danielle Esmeraldo e seu marido, Manoel Severo

Sábado à noite sempre nos remete a muitas emoções; a maioria delas ligadas ao mais íntimo de nossa alma. Fui adotado pelo Crato ainda em 1995 quando me abanquei por esses lados do cariri, prestando serviço ao Bicbanco; naquela época tive o privilégio de ter em muitas de minhas noites de sábado a companhia de amigos admiráveis, sonhadores, maravilhosos... Quantas e quantas vezes nos surpreendíamos em volta de uma boa mesa e uma espetacular conversa... Rinaldo, Júnior Rivadavio, Janinha, Fabíola, Hugo, Benuí, Flávio Rocha, Beto e Lula, Adauto, Alcântara, Val Andrade, Alci Ventura, Ricardo Correia, puxa, que saudade! Tudo valia a pena.

Como que por mágica, salto no tempo e me vejo em outra época; quase quinze anos depois, um mesmo sábado à noite. A brisa tão escassa nesses meses de “B R O Brós” teima em acalentar os nobres corações que visitam a noite de nosso amado Crato. São perto de nove da noite; a lua ao longe é testemunha não só do grande evento que está por iniciar; mas parece carinhosamente voltar seu brilho e seu olhar para o ingênuo futebol dos meninos das encostas gramadas do largo da reffsa; para os casais não da melhor idade, mas da espetacular idade que trafegam por ali e por cá, pisando o solo sagrado das manifestações culturais de nossa cidade; para o brilho no olhar da mãezinha que dentro de poucos minutos terá seu menino, brilhando no palco daquela festa feita para ele. Ah lua! Doce lua... Só isso já teria valido a pena.

O tempo, o som e o palco foram passando, a melodia; fruto do sonho e do coração daqueles pequenos heróis acabou plantada em nosso ser. Puxa; como deve ser duro escolher o melhor... Todos merecem nossos aplausos, vocês são vencedores! Todos, todos. Ao final de tudo, sentado no meu banco improvisado, vi do meu lado uma cena fantástica: O menino herói que acabara de apresentar-se, descido do palco e passando ao lado de um colega; talvez de escola, talvez de rua; e esse ao cumprimentá-lo, da forma tão típica dos nossos jovens e impetuosos adolescentes, falou: “Puxa cara! Você é muito bom, valeu, valeu mesmo, fiquei emocionado”... Os olhos de ambos tinham um brilho diferente... Só isso já teria valido a pena.

Sentado no “parapeito” de frente ao cenário da festa, não percebi o tamanho da apreensão de tantos e tantos que apesar das muitas limitações deram o melhor de si para que tudo corresse bem. De todos os personagens daquele sábado à noite, um em especial merecia um grande beijo de gratidão; não pela realização, não por se esforçar ao máximo na condução de um maravilhoso grupo de trabalho, não pelo empenho, não pelo destemor e coragem diante dos desafios; mas e principalmente... Pelo sentimento inabalável de acreditar que vale a pena, que a vida se torna mais bonita quando começamos a sorrir e mais ainda: quando começamos a fazer brotar o sorriso e a esperança no rosto e nos corações das pessoas, principalmente de nossos pequenos meninos e meninas, valeu Dani, só isso já teria valido a pena.

Para Danielle Esmeraldo, o meu beijo de gratidão e o meu amor. Parabéns por nos ajudar a acreditar que vale a pena!

Por: Manoel Severo

Travessia - Por: Luiz Domingos de Luna *



A Parede da mente
Está quebrada
No conflito da estrada
É reviravolta somente

Á águia está lá
A asa ferida
Sem guarida
Sempre a voar

A água agitada
Tem que passar
Furacão no ar
Força anulada

Na superfície a pisar
O mergulho da morte
É o único suporte
Que espera chegar

Tremulante momento
Uma chuva de vento
A águia a carregar
Rasteja na onda
Como uma lona
O espaço ganhar
A asa dobrada
Tão fatigada
A praia chegar...

Por: Luiz Domingos de Luna

FUTEBOL - Brasil se despede das eliminatórias com empate contra a Venezuela

A seleção brasileira decepcionou ao fechar a sua participação nas eliminatórias sul-americanas da Copa do Mundo-2010 com um empate sem gols contra a Venezuela, em Campo Grande (MS), nesta quarta-feira, pela última rodada do torneio. Já classificado para o Mundial da África do Sul desde que derrotou a Argentina em 5 de setembro, o Brasil terminou a competição com 34 pontos em 18 jogos. Agora, a seleção deve fazer pelo menos mais dois jogos antes do final do ano. A partida contra a Inglaterra já está confirmada: no dia 14 de novembro, em Doha, no Qatar. O outro jogo deve ser realizado quatro dias depois, mas ainda não tem adversário e local definidos.

Por ser sede da Copa-2014, o Brasil não disputará a próxima eliminatória e só voltará a participar desse torneio no classificatório para o Mundial-2018. A partida contra a Venezuela marcou o 50º jogo do técnico Dunga no comando da seleção. Nesse período, além classificação com antecedência para a Copa, ele conquistou a Copa das Confederações-2009 e a Copa América-2007. No jogo desta quarta-feira, o Brasil teve a volta dos titulares Gilberto Silva, Kaká e Luis Fabiano, que foram poupados na derrota por 2 a 1 para a Bolívia, no domingo, e nem viajaram para La Paz. A principal a novidade do Brasil contra a Venezuela foi a escalação de Filipe Luís na lateral esquerda. Apesar de começar a partida buscando mais o gol, a seleção não conseguiu pressionar o adversário. A equipe mostrou lentidão ao trocar passes no meio de campo e também não mostrou muita criatividade. Na seleção, Luis Fabiano e Kaká se destacavam ao tentar superar a marcação rival. Aos 35min, o centroavante aproveitou cruzamento e, de cabeça, quase abriu o placar. Quatro minutos depois, em boa jogada, Luis Fabiano tentou driblar o goleiro e caiu na área, mas o árbitro Victor Carrillo, do Peru, considerou o lance normal e não anotou o pênalti. Na etapa final, o Brasil jogou melhor. O time mostrou mais força e empurrou a Venezuela para a defesa e até chegou a acertar a trave. Só, que aos 11min, a equipe brasileira passou a atuar com dez jogadores em campo. O zagueiro Miranda recebeu o cartão vermelho por acertar com o braço o venezuelano Maldonado. Com a expulsão, ele não poderá participar, se for convocado, da primeira partida da Copa.

Mesmo em desvantagem no número de atletas em campo, o Brasil continuou melhor e permaneceu no ataque. Dunga decidiu colocar o meia-atacante Alex, no lugar de Filipe Luís, para fazer a função de ala pela esquerda. Elano entrou na vaga de Ramires. Depois, Luis Fabiano saiu para a entrada de Diego Tardelli. A seleção pressionou bastante, e a Venezuela ficou recuada, tentando surpreender somente nos contra-ataques. No final do jogo, Kaká chutou a bola na trave.

Fonte: Folha OnLine


Criança de Juazeiro do Norte morre dentro de avião da Ocean Air

Uma criança de três anos morreu, nesta quarta-feira, dentro de uma aeronave da Ocean Air, no Aeroporto Internacional de Cumbica, em São Paulo. Filha de um casal de Juazeiro do Norte, a criança tinha câncer e estava em fase terminal. O corpo será transladado para Juazeiro do Norte entre a noite desta quarta-feira, 14, para quinta, segundo a Ocean Air, que arcou com todas as despesas, incluindo o enterro do menino. O pai acompanhava o garoto no voo que estava previsto para sair de Cumbica às 9h15 com destino à Juazeiro do Norte. O avião taxiava na pista quando o menino passou mal e a equipe médica do aeroporto foi acionada, sendo cancelada a partida da aeronave. A criança fazia tratamento contra a doença em São José dos Campos, onde moram alguns familiares.

Fonte: Eliomar de Lima e O POVO Online

Notícias do Crato para o Dia 15 de Outubro de 2009


CRATO EM NOTÍCIAS - Dia 15 de Outubro de 2009




Saúde Bucal atende estudantes com Os Amigos do Sorriso


A Secretaria de Saúde do Crato e a Coordenação de Saúde Bucal informam que Os Amigos do Sorriso estarão neste dia 16 no Colégio Diocesano. O evento começará? às 08h30 com as seguintes atividades: mini palestras sobre saúde bucal, distribuição de kits de higiene bucal,escovação e aplicação de flúor. Acompanhando os amigos estarão também a banda de música e o palhaço Poupancinha. Durante este mês de outubro, a saúde bucal do município do Crato homenageia as crianças com o importante trabalho de orientação, com a presença de profissionais da saúde e dentistas.

Crato tem quase 14 mil beneficiados pelo Bolsa Família

A Coordenação do Programa Bolsa Família do Município do Crato continua realizando cadastramento dos beneficiários do Programa, que há dois anos seguidos está sem atualização dos seus dados. O trabalho será feito atéo final do mês para esses casos, além da atualização permanente dos dados junto à coordenação do Programa, na Secretaria de Ação Social do Município. O Crato está sendo contemplado este ano com a inclusão de pelo menos mais 2 mil pessoas, agora cadastradas no Bolsa Família. Atualmente só cerca de 13.600 famíias recebendo o benefício do Governo Federal no Crato.

Governo do Crato realiza próxima semana a 4ª Conferência Municipal das Cidades

O Governo Municipal do Crato por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Controle Urbano – SEMAC, realiza na próxima quarta-feira, dia 21, a 4ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DAS CIDADES. O evento será realizado no Teatro Salviano Arraes Saraiva, as 8 horas. Na ocasião, serão tratados assuntos relativos aos avanços, dificuldades e desafios na implementação da política de desenvolvimento urbano e serão eleitos os representantes da nossa cidade para a Conferência Estadual das Cidades. A programação da conferencia contará com a Palestra: “Cidade para Todos e Todas com Gestão Democrática, Participativa e Controle Social” , proferida pelo Arquiteto e Urbanista Dr. Luciano Guimarães, Apresentação do Regimento, Divisão dos Grupos por Eixos Temáticos e Formulação de Propostas, Apresentação em Plenária das Sínteses dos Grupos, Eleição dos Delegados para a 4ª Conferência Estadual.

Agricultura do Crato convoca comunidades para resolver pendências no cadastro do Seguro Safra

A Secretaria de Agricultura, Pecuária de Recursos Hídricos do Crato solicita urgente o comparecimento dos representantes das Associações comunitárias e responsáveis pela inscrição dos agricultores no programa Garantia Safra 2009/2010, para resolver pendências nos cadastros das seguintes comunidades:

SANTA ROSA
BARRO BRANCO – VICENCIA LEANDRO PINHEIRO;
BAIXIO DOS ROBERTOS E SEDE – ELIANE VIEIRA DE OLIVEIRA;
SÃO JOSE – JÉSSICA DA SILVA SANTOS;
DOM QUINTINO
SEDE DO DISTRITO – MARIA CORREIA LIMA / MARYANE CAVALCANTE DE SOUSA;
MINEIRO – LUIZA PEREIRA DE BRITO GONÇALVES;
CAMPO ALEGRE
PASCOA – JOSE ANISIO BENTO;
GUARIBAS – CICERO LUCIANO FERREIRA;
BEBIDA NOVA – FRANCILENE DE SOUSA;

Acontece em Crato Semana de Comemoração ao Dia Mundial de Alimentação

A Prefeitura do Crato, juntamente com a Unidade de Vigilância Sanitária e Saúde Ambiental e o Núcleo de Mobilização Social da Secretaria Municipal de Saúde promovem a Semana de Comemoração ao Dia Mundial de Alimentação. O evento que acontece até a próxima sexta-feira, 16, tem como parceiros o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial – SENAC, com o Programa Alimento Seguro – PAS, Serviço Social do Comercio – SESC com o Programa Mesa Brasil e a Coordenadoria Regional de Saúde: 20ª CERES. O Dia Mundial da Alimentação, comemorado no dia 16 de outubro, é uma atividade anual de âmbito mundial cujo objetivo é fomentar a conscientização sobre a fome a desnutrição no mundo e induzir todas as pessoas em nível mundial a adotarem medidas para combater a fome. O tema da semana esse ano é "Alcançar segurança alimentar em época de crise". Que tem como objetivo central a proteção aos mais vulneráveis e o incentivo à agricultura. Criada pela Conferência da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação – FAO, essa data é comemorada há 28 anos em cerca de 150 países.

Fonte: Assessoria de Imprensa
Governo Municipal do Crato
Fone/Fax - (88) 3521.7069
Mais informações:

http://www.crato.ce.gov.br
http://www.prefeituramunicipaldocrato.blogspot.com

Edições Anteriores:

Novembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30