xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 16/04/2009 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

16 abril 2009

DE NOVO A RÁDIO CHAPADA DO ARARIPE - por José do Vale Pinheiro Feitosa

De volta de uma viagem ao Planalto Central, abro o Blog do Crato e quem escuto? A Rádio Chapada do Araripe. Com o locutor apascentando minha alma com seu "a" aberto e prolongado em Chaaaapada do Araripe. Mas, o Morais não vai gostar disso, a rádio é muito chique. Em vinte e quatro horas é como se alguém saisse pegando CDs de uma coleção moderna que vai do local ao universal, do antigo ao recente, de um estilo a outro. Agora tem um defeito, eita a briga agora é com o Dihelson, não tem nem um forrózinho eletrônico. Até que tem algumas pepitas no meio do cascalho. É difícil garimpar, mas é possível achar.


Nonato velho de guerra

A natureza humana é revestida de muitos mantos. A parte visível e superficial do nosso caráter é apenas a mais angelical, lá no fundo escondem-se e dissimulam-se todos os nossos demônios. O mais das vezes, as pessoas tidas como perigosas, loucas e pervertidas são simplesmente aquelas que não conseguem acorrentar suas feras interiores. Mas mesmo aquelas tidas como dóceis, meigas e perfeitamente normais, de vez em quanto, rescendem , a contra gosto, um cheirinho de enxofre. A primeira impressão que se tinha de Padre Nonato, ao se chegar a Matozinho, não era das melhores. Vigário da cidade há uns dois anos, nosso pároco era meio agoniado, vexado e algumas outras explosivo. Suas histórias já haviam preenchido todos os livros do folclore regional. Esta primeira impressão, no entanto, desvanecia-se quando se convivia mais perto com nosso Nonato. Mostrava-se um doce servo de Deus. Amigos dos pobres, abrira seu templo, preferencialmente, aos desfavorecidos deste mundo. Atendia-os com uma presteza impressionante. Como pastor, estava de plantão as vinte e quatro horas. Além de tudo, levava uma vida beneditina. Batina esfarrapada, casa paroquial humílima, parecia um cínico ateniense. Nunca se soube, também, de nenhum desvio seu que atentasse contra a moral e os bons costumes. Além , claro, de um ou outro destempero, quando flagrava o rebanho a saltar as cercas erguidas pelos livros sagrados. O único meio de transporte que utilizava, além dos pés, era uma velha lambreta que dirigia sem nenhuma perícia e que já computara inúmeras infrações: atropelamento de galinhas e porcos, desembesto em ladeiras e rampas, manobras radicais em meio de feira. Padre Nonato nunca conseguira decorar bem onde ficava o acelerador , a embreagem e o freio da velha “Vespa”.
As histórias que coletamos em Matozinho e aqui fazemos registro fazem parte da memória afetiva da vila e são contadas de boca em boca reverenciando de um lado a suposta “doideira” do nosso sacerdote, mas sempre tentando mostrar um ar de santidade por trás do aparente desequilíbrio. Em Matozinho, após sua morte, Nonato tornou-se um santo popular, obra milagres e seu túmulo apinha-se de ex-votos e oferendas. O povo percebia que , no nosso padre, a superfície apresentada não se mostrava muito diferente das profundezas mais recônditas de seu caráter.
Ainda no início das suas atividades evangelizadoras em Matozinho, Nonato recebeu, à noite, um telegrama que o preocupou. Fora endereçado por um sobrinho seu que estudava em um seminário na capital. Pedia sua presença com urgência. Nosso pastor imaginou tratar-se de problemas relacionados à saúde do menino e partiu utilizando a única forma de transporte disponível. Saiu pegando inúmeras caronas com caminhoneiros. Três dias depois, às doze da noite, foi que conseguiu chegar. Dirigiu-se, aflito, diretamente ao Seminário com fins de tomar pé da situação. Acreditou que talvez o menino estivesse interno e aventava até a possibilidade de cirurgia e morte. O vigia, no entanto, após a identificação, avisou que o seminarista estava bem e dormindo. Nonato pediu que o homem o despertasse, pois havia sido chamado com urgência. Após alguns minutos, o sobrinho, de olhos inchados, bocejante, veio ao seu encontro e tomou-lhe à bênção. . Nonato, então, o interrogou sobre o motivo do chamado :
--- Pronto, meu filho ! Vim com urgência ! O que aconteceu ?
O sobrinho, titubeante, tentou explicar:
--- Não, tio, não é nada demais, é que eu descobri que não tenho vocação para ser padre ...
Nonato, então, não suportou a besteira do sobrinho.
--- Tá ficando doido, menino ? Me manda chamar de tão longe por causa de uma besteira dessas ? Eu que tenho trinta anos de padre ainda não sei se tenho vocação, você já quer ter esta certeza no Seminário Menor ?
Havia um sacramento que Nonato cultivava por especial : o Batismo. E aí ele tinha uma verdadeira implicância com os nomes que os matozenses escolhiam para batizar os inocentes. Vivendo nuns confins daqueles, o povo começou a apresentar a progressiva mania de escolher nomes estrambóticos para os filhos arrancados geralmente da televisão, do cinema e do Show Bussiness. Parece que isso lhes imprimia um certo ar de nobreza e majestade. E aí começaram a surgir verdadeiros estapafúrdios: primeiro porque a população não entendia bem os nomes que pulavam da TV e, depois, porque os tabeliães não haviam sido reciclados em línguas estrangeiras várias: inglês, Alemão, espanhol, Russo. Nosso padre entendia que um pobre rebento que já nascia carregando o peso de um pecado cometido ainda no Gênesis, não merecia a pena de carregar consigo um nome que . algumas vezes , surgia como um verdadeiro Karma. Na hora da pia batismal, o diálogo era inevitável :
--- Qual o nome que vocês escolheram para o bichim ?
--- Yakosdgovsky, seu padre !
--- Ya, o quê ? Tá ficando doida ? E isso é lá nome para os pé rapado aqui de Matozinho ? Mundim te batizo , em nome do pai, do filho, do espírito santo ! Outro !
A história mais clássica do nosso Nonato passou-se na celebração do casamento de Gilbertina , a filha do Coronel Uglino Mangabeira, um dos homens mais temidos da cidade. O velho era mais positivo do que núcleo de átomo. Pois bem, Gilbertina engraçou-se de Filé, filho do Cel Filismino Saturnino, antigo chefe político da cidade e o namorico terminou nos pés do altar. Gilbertina , menina prendada, carregava consigo um grande defeito: era ciumenta como galinha choca.
Toda a sociedade da redondeza havia sido convidada para o grande enlace matrimonial. Dia de festa, Padre Nonato celebrava a solenidade com todo o aparato ritualístico que a ocasião exigia. Ao chegar na hora do “Sim”, Filé, com um sorriso, confirmou sua pretensão em desposar a noiva. Gilbertina, no entanto, sabe-se lá porque, lembrou-se de um suposto namoro do noivo, antes mesmo da sua administração. Na hora h , descobriu-a no meio dos convidados e, furiosa, à pergunta solene do padre, respondeu asperamente :
--- Aceito não !
Imaginem o tamanho do escândalo , do mal-estar das duas famílias. A festa cancelada, choro pra tudo quanto é lado. Agressões verbais, a partir dali, se acentuaram entre as famílias de Uglino e Filismino. Na cidade, a fábrica de boatos trabalhou a todo vapor, principalmente incentivada por aqueles que não haviam sido convidados para o rega-bofe. Passados alguns meses, no entanto, a turma do deixa-disso começou a atuar e terminaram aproximando novamente Filé e Gilbertina. Um semestre depois, resolveram novamente retornar ao altar. Convocaram Nonato que meio cabreiro aceitou novamente a peleja. Num belo domingo de maio , repetiu-se o cenário matrimonial na Igreja da Sé de Matozinho. Aparentemente tudo transcorria sem intercorrências maiores. A mocinha, motivo da dissensão anterior, desta vez havia sido cuidadosamente esquecida. Nonato, algo temeroso, preferiu perguntar inicialmente a pretensão casamentícia à Gilbertina que respondeu forte pela aceitação. Nonato respirou aliviado e virou-se candidamente para Filé, fazendo a pergunta fatal . Filé, então, neste átimo, lembrou de toda vergonha que havia passado na tentativa de casamento anterior, tendo sofrido quase uma execração pública. Na hora da resposta, desta vez, foi ele que refugou :
--- Aceito , não, seu padre !
O escândalo, desta vez, foi fenomenal. Os familiares quase que se engalfinham dentro do templo. Nonato , acalmados os ânimos, saiu fulo da vida. A fofoca novamente tomou conta da cidade e o assunto animou as rodas de praça e de bar por mais de um semestre. Mas Filé e Gilbertina tinham algo a seu favor, apesar de todas as confusões se amavam de verdade e mais uma vez, arrefecidos os ânimos, as alcoviteiras retomaram o trabalho. Pronto, estavam todos vingados, o Placar era de 1 X 1 ! Tanto fizeram que resolveram novamente voltar ao altar. O problema era um só: convencer Nonato a pagar um outro mico ! A missão coube aos dois maiores bigodes de Matozinho : Uglino e Filismino. Dirigiram-se a ele com um certo receio, mas ficaram surpresos com a receptividade. Ele disse que ia com o maior gosto desse mundo.
Remarcada a data, reconvidados todos. O templo, agora , estava apinhado também de muitos curiosos. No momento solene, Nonato demonstrava uma tranqüilidade totalmente inesperada. Fez a pergunta a Filé que confirmou a vontade de contrair núpcias com Gilbertina. Esta , por sua, vez, confirmou fortemente a intenção de se unir eternamente à Filé. Toda a igreja, familiares , convidados e curiosos respiraram aliviados. Faltava apenas a bênção final de Padre Nonato. Ele , calmamente, fitou os dois nubentes, a platéia e fechou a cerimônia :
---- Todos querem, não é ? Pois agora quem não quer é Nonato velho de guerra.
Pegou a bíblia, o cálice e foi-se embora sem dar mais uma palavra.

J. Flávio Vieira

Cratinho de Açucar, o Paraíso é aqui !

Recebi por email do meu amigo Paulo de Tarso este pequeno texto, que traduz de uma certa forma o amor que temos pelo Crato.
Estava num passeio em Roma quando, ao visitar a Catedral de São Pedro fiquei abismado ao ver uma coluna de mármore com um telefone de ouro em cima.
Vendo um jovem padre que passava pelo local perguntei a razão daquela ostentação. O padre então me disse que aquele telefone estava ligado a uma linha direta com o paraíso e que se eu quisesse fazer uma ligação eu teria de pagar 100 dólares. Fiquei tentado porém declinei da oferta. Continuando a viagem pela Itália encontrei outras igrejas com o mesmo telefone de ouro na coluna de mármore. Em cada uma das ocasiões perguntei a razão da existência e a resposta era sempre a mesma: Linha direta com o paraíso ao custo de 100 dólares a ligação.
Depois da Itália vim para o Brasil e fui direto para o Ceará (de um país para outro país). Ao visitar a nossa gloriosa Catedral do Crato, na famosa Praça da Sé, fiquei surpreso ao ver novamente a mesma cena: uma coluna de mármore com um telefone de ouro. Sob o telefone um cartaz que dizia: LINHA DIRETA COM O PARAÍSO - PREÇO POR LIGAÇÃO = R$ 0,25 ( vinte e cinco centavos ).
Não me aguentei, e lasquei....Padre, eu disse, viajei por toda a Itália e em todas as catedrais que visitei vi telefones exatamente iguais a este, mas o preço da chamada era 100 dólares. Por que aqui é somente R$ 25 centavos? O Padre sorriu e disse. Meu amigo, você está no Crato. Aqui a ligação é local.
Saudações Geográficas!
João Ludgero

Instituto Cuca solicita apoio da URCA


Documentário sobre CUCA Cariri poderá circular nacionalmente dependendo da vinda da coordenação do Instituto CUCA.
ALexandre Santini ( foto)Coordenador Geral do CUCA da UNE

O coordenador geral do Instituto Nacional CUCA, Alexandre Santini encaminhou solicitação por e-mail a professora Cileide Araújo, Pró-reitora de Administração URCA, no sentido viabilizar a vinda da coordenação do Instituto e da presidenta da União Nacional dos Estudantes, Lúcia Stumpf para inauguração do Centro Universitário de Cultura e Arte – CUCA da Região do Cariri. que deverá ocorrer no período de 18 a 22 de maio, Esse será o primeiro Centro a ser instalado no Ceará, representando um esforço de artistas e estudantes que mantém negociações desde o ano passado com o Instituto CUCA.
De acordo com Santini a pretensão é produzir um registro audiovisual deste lançamento, que posteriormente será vinculado nacional e internacionalmente pelo blog do CUCA, pela TV CUCA e possivelmente pela TV Brasil. Ele acrescenta que este projeto será uma parceria entre a URCA, o Instituto Circuito Universitário de Cultura e Arte (CUCA da UNE) e a União Nacional dos Estudantes (UNE), caso seja viabilizado.
A pró-reitora já se prontificou a disponibilizar alguns equipamentos para o funcionamento das atividades, bem como viabilizar que o CUCA funcione no Parque de Exposição do Crato, juntamente com o Grupo de Valorização Negra do Cariri – Grunec, Centro Acadêmico de Ciências Sociais e o Conselho da Mulher, os quais já estão instalados no espaço.
A comissão do CUCA Cariri se reunirá no próximo dia 22, às 8 horas, no Pátio de Pedagogia da URCA, Campus Pimenta para planejar ações da inauguração do Centro. Para essa reunião estão sendo convidados representantes de grupo de artistas, reisados, Centros Acadêmicos e estudantes de diversas universidades e faculdades da região do Cariri.

Serviço:

Instituto CUCA
http://www.cucadaune.blogspot.com/
Alexandre Santini
Coordenador Geral
Instituto CUCA da UNE
(21) 95050812
Informações sobre
CUCA da UNE Cariri
(88)9248-5255 Alexandre Lucas


Povo Kariri receberá mudas frutíferas para complementar renda familiar

Uma parceria entre o Povo Kariri, do Sitio Poço Dantas, no Distrito de Monte Alvene, o Instituto Ecológico e Cultural Martins Filho – IEC, Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Regional do Cariri – URCA, Secretárias de Meio Ambiente e Controle Urbano e a Secretaria de Agricultura do Crato possibilitará que a comunidade Indígena seja beneficiada inicialmente com a doação de 300 mudas e orientação para plantio. Dentre as espécies de plantas estão a acerola, azeitona, tamarindo, cajá, manga, pintanga, brauna e ipê. No mês de setembro> serão distribuídas mudas de seriguela tendo em vista que é o período de plantio desta cultura, além do Piqui. A iniciativa simples e de baixo custo visa contribuir para rentabilidade dos índios Kariri, tendo em vista que essas culturas têmfacilidades de se adaptarem ao solo do sítio Poço Dantas e não demanda de recursos para plantio como é o caso de outras culturas, como feijão, arroz, milho, por exemplo, que necessitam de semente e preparação do solo.
Para o Secretário de Meio Ambiente do Crato, Nivaldo Soares, além de contribuir para complementação da renda familiar, a iniciativa contribui para cobertura da área devastada e proteção do solo e dos recursos hídricos. Para o índio Elias Cariri da Silva, essas mudas vão ajudar o seu povo. Ele ressalta o plantio deste ano foi prejudicado com o inverno ruim e que parte da produção será perdida. Ele acredita que quanto maior for a diversidade de espécies frutíferas a rentabilidade das cerca de 50 famílias da localidade tendem a melhorar e frisa que é preciso proteger a natureza e alerta sua a preocupação com a devastação do meio ambiente.
A distribuição e plantio de mudas acontecerão na próxima sexta-feira, dia 24, na localidade dos Povo Kariri, no Sitio Poço Dantas, noDistrito de Monte Alvene na cidade do Crato.

Abertas inscrições para Mostra de Artes Visuais do 2º. Colóquio do IMAGO

Estão abertas as inscrições da Mostra de Artes Visuais do 2º. Colóquio do Grupo de Pesquisa em Imagem, Espaço, Memória e Ensino - IMAGO da Universidade Regional do Cariri – URCA que acontecerá no período de 17 a 19 de junho, no campus Pimenta. A Mostra contemplará as categorias de desenho, pintura, fotografia, gravura, colagem, escultura, intervenção e instalação. Poderão se inscrever artistas do Ceará e de outros estados brasileiros. A temática do Colóquio e da Mostra será “CaririCaturas – imagens e representações da cultura no tempo e no espaço”.
Informações adicionais poderão ser obtidas pelo e-mail: coloquioimagomav@gmail.com ou pelo telefone: (88) 3102-1212 ramal 2424.

Regulamento da Mostra de Artes Visuais do II Colóquio Imago

1. DA PARTICIPAÇÃO

1.1 A Mostra de Artes Visuais do II Colóquio do Imago é organizada pelo Grupo de Pesquisa em Cultura Visual, Espaço, Memória e Ensino-IMAGO, vinculado ao Laboratório de Estudos e Pesquisas em Espaço Urbano e Cultura da Universidade Regional do Cariri e será realizada no espaço do Salão da Terra do Campus Pimenta da URCA, no período de 17 a 19 de junho de 2009. A Mostra é aberta à participação de artistas residentes na região do Cariri e em outras partes do país e tem como temática “CaririCaturas – imagens e representações da cultura no tempo e no espaço”.

2. DA INSCRIÇÃO

2.1 As inscrições são gratuitas e serão realizadas no período de 14 de abril a 14 de maio de 2008, na Sala do Instituto Ecológico e Cultural Martins Filho - IEC, localizada no Campus Pimenta – vizinho à Biblioteca Central da URCA, pelos correios;

2.2 Cada artista poderá inscrever até dois trabalhos em uma ou duas categorias: DESENHO, PINTURA, FOTOGRAFIA, GRAVURA, COLAGEM, ESCULTURA, INTERVENÇÃO e INSTALAÇÃO, sendo que, para essas duas últimas categorias, somente será aceito um trabalho por artista ou grupo de artistas;

2.3 A inscrição será feita em ficha própria, fotocópia ou impressão da versão divulgada na INTERNET.

2.4 Documentos exigidos para inscrição de trabalhos:
· Ficha própria preenchida;
· CD com breve currículo do artista ( máximo 10 linhas)
· Imagens do trabalho (as imagens deverão ser salvas na versão JPG); no caso de instalação ou intervenção deve ser encaminhada a proposta; Todos os trabalhos deverão conter suas dimensões.

2.5 As inscrições deverão ser entregues/encaminhadas, em envelope fechado para o seguinte destinatário: Mostra de Artes Visuais do II Colóquio do Imago/URCA Comissão Organizadora - Rua Cel.Antônio Luiz 1161 - Pimenta, CEP: 63.100-000 Crato-CE.

2.6. As inscrições encerrar-se-ão no dia 14 de maio de 2009, às 17:00. Para os trabalhos remetidos pelos correios vale a data da postagem. As informações enviadas são de inteira responsabilidade dos inscritos e os demais projetos enviados serão devolvidos. Após a realização do evento, os mesmos ficarão disponíveis entre os dias 22 e 29 de junho de 2009 na Sala do IMAGO (URCA, Campus do Pimenta, Bloco de Geografia);

2.7. Não serão devolvidos documentos ou trabalhos pelos correios e a Comissão não se responsabilizará por trabalhos procurados após a data referida no item anterior;

2.8 Para trabalhos realizados em grupo, um único representante deverá assinar a ficha de inscrição e representar o grupo no caso de seleção, devendo os nomes dos demais integrantes constarem em anexo com os respectivos currículos;

2.9 Para os trabalhos de fora da região do Cariri, só serão aceitos trabalhos que possam ser reproduzidos em suporte fotográfico, ou seja, não serão aceitos os trabalhos originais: pinturas, gravuras, colagens, desenhos e esculturas, prevalecendo, neste sentido o conteúdo da imagem e não o seu suporte. Neste caso a imagem do trabalho deverá ser entregue em material digitalizado (CD); fica facultado ao artista o desejo de arcar com as despesas de transporte;

2.8 Para os trabalhos em todas as categorias somente serão aceitos projetos pensados especificadamente para a temática do evento: “CaririCaturas – imagens e representações da cultura no tempo e no espaço”;

2.10 Não serão aceitos trabalhos realizados com materiais que prejudiquem a apresentação de outros e/ou comprometam a integridade física do local, das equipes da Mostra e do público em geral. No caso de trabalhos realizados com materiais perecíveis e/ou adulteráveis, a Comissão Organizadora da Mostra se exime da responsabilidade sobre a vida útil dos mesmos;

2.11 A Comissão Organizadora rejeitará inscrições que não estejam de pleno acordo com os termos deste Regulamento;

2.12 O ato da inscrição implica na automática e plena concordância do inscrito com as normas deste Regulament.


3. DA SELEÇÃO

3.1 A seleção dos trabalhos será realizada por uma comissão composta por três membros atuantes na área, indicados pela Comissão Organizadora do Colóquio;

3.2 O resultado da seleção será divulgado pelo site da URCA. Os artistas selecionados serão comunicados via e-mail;

3.3 Somente serão expostos os trabalhos selecionados, não sendo permitidas substituições ou modificações dos mesmos após a seleção;

3.4 Serão selecionados no máximo 30 trabalhos, ficando a critério da Comissão Organizadora definir o número adequado de trabalhos comportáveis dentro do Espaço disponibilizado para a Exposição.


4. DO TRANSPORTE E RETIRADA DOS TRABALHOS

4.1 É de responsabilidade dos artistas selecionados, o envio e transporte dos trabalhos , os quais deverão ser enviados para o seguinte endereço: Sala do IMAGO, Bloco de Geografia. Rua Cel.Antônio Luiz 1161 – Pimenta – Crato – Ceará. Os trabalhos deverão ser entregues até 12 de junho.

4.2 A retirada dos trabalhos dos artistas selecionados será de inteira responsabilidade dos mesmos no período de 22 a 29 de junho, no endereço supracitado;

4.3 Recomenda-se que os trabalhos selecionados sejam acondicionados em embalagens resistentes (caixa de madeira, tubo PVC ou similares), se necessário, com instruções para reembalagem anexadas, já que sua devolução será feita com o reaproveitamento das mesmas embalagens;

3.4 A Comissão Organizadora da Mostra oferecerá condições de segurança para a exposição, entretanto, estará isenta de quaisquer responsabilidades em caso de eventuais sinistros.


5. DA MONTAGEM

5.1 Caberá exclusivamente à Curadoria da Mostra o conceito da montagem expositiva;

5.2 O artista selecionado arcará com quaisquer despesas de aluguel, compra e/ou reparos de equipamentos e materiais especiais necessários à apresentação do seu trabalho, sendo de sua total responsabilidade a produção e manutenção dos mesmos;

5.3 no caso de trabalhos não oriundos da região do Cariri, nas categorias de Intervenção e Instalação, serão analisadas as condições de realização por artistas locais, indicados pela Comissão Organizadora;

5.4 Trabalhos selecionados que exijam montagens especiais só serão exibidos de acordo com a disponibilidade técnica do local expositivo;

5.5 Trabalhos que eventualmente tenham sido danificados durante o transporte para a Mostra, somente serão expostos se houver tempo hábil para sua restauração, definida em comum acordo entre a Comissão Organizadora e o artista;

5.6 Artistas que inscreverem instalações ou trabalhos que devam ser montados no local da exposição, deverão anexar ao seu Projeto especificações claras sobre a montagem. Esse artista poderá, ainda, acompanhar a montagem do seu trabalho no local, em data a ser determinada pela comissão organizadora.



6. CERTIFICAÇÃO

6.1 A Mostra de Artes Visuais do II Colóquio Imago emitirá certificados pela Universidade Regional do Cariri a todos os artistas participantes do evento.

7. DIVULGAÇÃO

7.1 A Mostra divulgará nos diversos veículos de comunicação virtual, impresso, radiofônico e televisivo os nomes dos artistas participantes, bem como criará pagina virtual para divulgação dos trabalhos selecionados;

7.2 Será produzido folder/livreto com a listagem de todos os artistas e grupos participantes;

7.3 A reprodução integral ou fracionária das imagens de todos os trabalhos selecionados poderá ser divulgada como promoção da Mostra de Artes Visuais do II Colóquio do IMAGO em todos os tipos de mídia falada, escrita e televisiva, na produção de CD ROOM e veiculação em website.

8. DISPOSIÇÕES GERAIS

8.1 Os trabalhos não poderão ser alterados ou retirados antes do encerramento da Mostra;

8.2 Não caberá recursos das decisões da Comissão Organizadora;

8.3 Os casos omissos neste regulamento serão resolvidos pela Comissão Organizadora.

Comissão Cultural
2º Colóquio Imago


Convite para Missa de Sétimo Dia - José Alexandre Moura

A família do saudoso José Alexandre de Moura agradece a todos que a confortaram quando do seu falecimento, ocorrido no dia 10 de abril de 2009. Aproveita para estender convite a parentes e amigos, para Missa de Sétimo Dia, quinta-feira, 16 de abril de 2009, às 20:00 horas. A Missa será realizada na Igreja São Vicente de Paulo, localizada na Av. Desembargador Moreira, 2211 - Aldeota

Esposa: Anita Pereira
Filhos: Jurema; Rosemberg; Rita e Juruena.

Publicidade - Amilton Som - A Maior Loja de CDs e DVDs do Cariri

Pensou em Som ? Pensou AMILTON SOM !


Não é à toa que o Blog do crato se orgulha de ter "Amilton Som" como um de nossos parceiros. Amilton Som é hoje a maior e melhor loja de CDs e DVDs do cariri, e com a maior diversidade, atendendo a todos os gostos musicais. E ainda na loja "Amilton Som", você conta com uma equipe para atendimento personalizado, a fim de tirar todas as suas dúvidas sobre os produtos. Vendas de PenDrives, Câmeras Fotográficas Digitais, Adaptadores Bluetooth, Wireless, CDs e DVDs vírgens, etc. "Amilton Som" também possui à sua disposição, o maior catálogo de Artistas Caririenses. Portanto, se você reside fora do crato, e deseja adquirir algum CD de artistas da região do cariri, entre em contato direto e faça sua compra. E você conta ainda com o "Banco Popular" para realizar todos os seus pagamentos com segurança e tranquilidade. Portanto, na hora de adquirir CDs e DVDs, consulte antes os excelentes preços de AMILTON SOM. Além do maior catálogo do Cariri, também o melhor preço. Quer publicidade melhor que a qualidade ?

O Maior acervo de CDs e DVDs do Cariri com os melhores preços!

A simpatia e atendimento de quem trabaha no ramo há mais de 35 anos...


Setor de Eletrônicos, com Pen Drives, Bluetooth, Pilhas recarregáveis, câmeras digitais...


Variedade para atender a todos os gostos!


Banco Popular, para fazer o pagamento de todas as suas contas!

Amilton Som - Sua melhor opção em CDs e DVDs
Empresa Genuinamente Cratense e Recomendada pelo Blog do Crato
Tel: (088) - 3521-3270

Chique - Por A. Morais

Segundo o Dicionário de Mundim do Sapo, baseado no conceito glamoroso de Teresa Gobira, ser chique é apresentar-se de forma elegante, se exibir, ser vaidoso. Esse mesmo Dicionário, define vaidade como arrogância, orgulho e tudo que dá ibope. Orgulho foi a escolha e o caminho seguido pelo Mussoline e Hitler. Se deram muito bem.
Eu estava na Praça Siqueira Campos, em Crato, Praça de tantas historias bonitas e da ultima reforma tão contestada e, fui convidado para tomar um café, com amigos, no Café Lider. A televisão mostrava em edição especial o anuncio oficial do Presidente Lula de fazer um empréstimo para FMI, justificativa: é chique. No caminho de volta para casa, de passagem pelo Hospital São Francisco, o mais importante hospital da cidade do Crato, vi um aglomerado de pessoas em volta de um táxi. Uma jovem apavorada, gritava de dores e a sua mãe chorava vendo a cabeça do neto fora do corpo de sua filha, a espera de atendimento. Um Doutor grandão se aproximou do carro e perguntou: Tem plano de saúde? Se não tiver não atendo, levem para outro local. Um pouco adiante, na Urca-Universidade Regional do Cariri algumas centenas de professores fazia manifestação com um carro de som por melhores condições de trabalho e melhores salários. Quando cheguei em casa, foi a minha vez. Sou um aposentado, quando me aposentei, no inicio do governo do Cara, recebia 10 salários, o teto máximo, já estou recebendo menos de oito salários. O dinheiro que falta para a saúde, falta para a educação e para pagar os direitos salariais adquiridos dos aposentados está sendo desviado para satisfazer a vontade do Cara em saciar sua vaidade e aparecer: emprestar para o FMI. A idiotice é tamanha que não basta mais sentar-se no colo da Rainha ou ser chamado de O Cara por Obama. Ninguém se preocupou em interpretar o que disse o Primeiro Ministro Inglês: "Quando era sindicalista botava a culpa nos empresários. Quando era oposição botava a culpa no governo. Quando virou governo bota a culpa na Europa e nos Estados Unidos". Há sempre um culpado, não tem responsabilidade com nada. Com este texto, encerro e me despeço do Blog do Crato. Não serei mais inconveniente, o sentimento de paixão pelo Cara não será mais perturbado, pelo menos por mim. Sejam felizes.

Por A. Morais

Trabalho de Juazeiro destaca-se em Congresso de Secretarias do Ceará

As enfermeiras Iara Bezerra Sales, Halana Cecília Vieira Pereira e Luciana Matos (assessora técnica da Secretaria Municipal de Saúde) participaram em Fortaleza recentemente, do IX Congresso das Secretárias e Secretários Municipais de Saúde do Ceará. Na oportunidade apresentaram um trabalho sobre uma experiência realizada aqui em Juazeiro do Norte entre os profissionais de saúde dos PSF’s e os professores das escolas municipais, com o intuito de orientar a comunidade escolar (professores, alunos e pais) sobre o funcionamento da Estratégia Saúde da Família e a dinâmica das unidades de saúde.

Em contato com esse blogger Dr. Iara lembrou que “a partir desse projeto local professores e alunos tornaram-se conhecedores e multiplicadores e podendo a partir de então saber o que as unidades de saúde lhes oferece e como devem fazer para utilizar os serviços de saúde da melhor maneira possível”. Em Fortaleza foram a apresentados 66 trabalhos no IX Congresso das Secretárias e Secretários Municipais de Saúde do Ceará com experiências dos diversos municípios cearenses e os 10 melhores foram selecionados para representarem o Ceará no XXV Congresso Nacional de Secretários Municipais de Saúde que acontecerá no mês de maio em Brasília.

A experiência apresentada pela Enfermeira Iara Bezerra foi uma das 10 escolhidos para ser apresentado no Distrito Federal. Segundo Dra. Iara “é muito importante o município estar apresentando suas experiências nos eventos estaduais e nacionais principalmente, quando são relacionados ao trabalho de educação em saúde para a comunidade.

Tive a confirmação que o Prefeito Manoel Santana já aprovou a ida da profissão a Capital Federal no próximo mês para mostrar essa rica experiência do trabalho na atenção básica local. Parabéns pela inclusão do município entre 10 melhores trabalhos do Estado. Na foto a enfermeira ao lado do painel apresentado.

Por: Beto Fernandes - Revista do Beto Fernandes


Reivindicação da População - Rua Aurora no Bairro Seminário tem grandes Crateras







Há alguns meses tenho observado reclamações das mais divesas e com muita frequencia de algumas Crateras na Rua Aurora no Bairro do Seminário, Bairro que resido. Será que a falta dos nossos representantes legitimos, Vereador Dêga e Panca estão presentes neste descaso? mas quero aqui atribuir a falta de assistência aos eleitores do nosso Bairro que não queiseram representação na Camara Municipal, será que fiseram a coisa certa? acredito que não. Surgiro ao orgão competente da administração que passem por lá quebrem seus carros lá também para só assim pelo menos tentarem tapar os buracos, digo melhor por lá existentes, seguem aqui fotos que fiz mostrando a veracidade das informações aqui repassadas.

Por Eduardo Junior

Eis algumas fotos do local:





Por Eduardo Junior

Teatro - Avental Todo Sujo de Ovo - Dias 18 e 19 - Teatro SESC


Avental Sujo de Ovo

Evento: Avental Todo Sujo de Ovo
Grupo Ninho de Teatro ( Cariri - CE )
Dia 18 de Abril / 2009, Sábado - 20h
Dia 19 de Abril / 2009, Sábado - 20h
Teatro SESC Pattiva do Assaré.
Ingressos: R$ 6,00 ( inteira ) - R$ 3,00 ( meia )


Programação Cultural da SECULT

Coordenadora de Comunicação - SECULT
Tel. (85) 3101-6759 e 9673-4086
De 13 a 17 de abril

Secult promove semana dedicada ao livro e leitura no Shopping Benfica

O Shopping Benfica, único shopping a receber pelo quinto ano consecutivo o Selo de Responsabilidade Cultural do Governo do Estado do Ceará, realiza em parceria com a Academia Fortalezense de Letras e a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, uma semana dedicada aos livros, de 13 a 19 de abril. O “Espaço Cultural Viajando Nos Livros” segue em comemoração ao Dia Internacional do Livro e visa fomentar o hábito da leitura. No espaço os visitantes poderão conhecer livros raros, gibis e revistas antigas, coleção de marca-texto, participar de oficinas de trovadorismo, produção de textos, oficina de desenhos em quadrinhos, sarau literário, palestra sobre a importância da leitura, orientação de como organizar uma biblioteca e cuidar dos livros, palestra sobre a obra de Patativa do Assaré escolhida para vestibular da UFC deste ano com Roderic, palestra "O Papel da família na formação de leitores" com Tâmara Bezerra, palestra "A origem e evolução dos livros - Do pergaminho ao computador" com José Augusto Bezerra. Serão realizadas atividades culturais diversas e preparado ambientes para leitura. Além disso, o shopping receberá o projeto Biblioteca Volante da Secult, que ficará na parte externa, recebendo os interessados. Confira programação no site: www.secult.ce.gov.br

Dia 16 de abril

Nova exposição no Sobrado Dr. José Lourenço. Milena Travassos inaugura nova exposição do Sobrado dr. José Lourenço nesta quinta Sala de jejum, vídeo-instalação de Milena Travassos. Em sua mais nova exposição, “Sala de jejum”, a artista Milena Travassos dá continuidade a sua pesquisa sobre o corpo, a cena e a fluidez com recursos imagéticos. "Sala de jejum", nova exposição individual de Milena Travassos, entra em cartaz amanhã, quinta-feira, 16 de abril, no Sobrado Dr.José Lourenço e segue até o dia 31 de maio. Sala de jejum , de Milena Travassos, parte da percepção de que as artes visuais tem se apresentado na cena contemporânea como lugar de interseção privilegiado para o encontro entre diversas linguagens artísticas. No intuito de potencializar estes encontros, os trabalhos apresentados estabelecem diálogos com o vídeo, a fotografia e a mise en scène. A exposição também gira em torno de algumas questões bases da pesquisa da artista como corpo, personagem, cena, paisagem, fluidez, e de algumas experiências com dispositivos imagéticos. A mostra integra ainda as atividades em torno do I Encontro Internacional de Imagem Contemporânea, de 12 a 17 de abril no Theatro José de Alencar, entre outras extensões. (Ver site: www.eiic.ufc.br

"Sala de jejum" - Exposição individual de Milena Travassos
Local: Sobrado Dr. José Lourenço (Rua Major Facundo, 154, Centro)
Datas: Abertura dia 16/04 às 21h, seguindo em cartaz até dia 31/05
Visitação aberta ao público de terça-feira a sexta-feira das 9h às 19h; Sábados das 10h às 19h e domingos das 10 às 14h. Entrada gratuita
Informações: 85- 3101.8826/ 8827

Dia 17 de abril
Dia Nacional do Livro Infantil na Escola de Artes e Ofícios

Em comemoração ao Dia Nacional do Livro Infantil, a Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho (EAO), mantida pelo Governo do Estado, por meio da Secult, oferece às crianças programação especial nesse 17 de abril de 2009. A programação conta com brincadeiras, oficinas de arte, seções de cinema, animação cultural e sorteios de brinde. O evento, que acontece na Biblioteca Thomaz Pompeu Sobrinho, faz parte do projeto Criançarte, desenvolvido para integrar crianças às atividades culturais na Escola, espaço referência na qualificação profissional de jovens. Segundo a coordenadora pedagógica da Escola, Francineide Chaves, a programação transcende o caráter lúdico das oficinas de arte e brincadeiras: “Também buscamos incentivar a visitação do público infantil ao acervo da biblioteca”, enfatizou. Garantindo o acesso da comunidade às mais variadas informações, a Biblioteca Thomaz Pompeu Sobrinho destaca-se através de seus exemplares cujos temas se relacionam com arte, patrimônio cultural e arquitetura.

SERVIÇO - Dia Nacional do Livro Infantil, 17 de abril, a partir das 8h, na Biblioteca da Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho – Av. Francisco Sá, 1801, Jacarecanga. Acesso livre. Mais informações: (85) 3238-1244.

Dia 17 de abril com atrações gratuitas no TJA

Desde 1999, ou seja, há 10 anos, os dias 17 de cada mês ganham uma diversificada programação gratuita no Theatro José de Alencar, marcando o (des) aniversário desse teatro monumento e monumental, que em junho próximo completa 99 anos. As Visitas Guiadas são carro-chefe para se (re) conhecer os meandros, histórias e espaços cênicos que muitos ainda desconhecem, tendo além dos acompanhamentos às 8h, 9h e 11h da manhã, e das 13h, 14h e 15h, duas sessões especiais também gratuitas: Às 10 horas, o bailarino Hugo Bianchi, precursor no Ceará do ballet clássico vira guia e mostra suas visões e usos do Theatro com o qual convive há mais de 50 anos. Já às 16h é a vez da visita guiada com audiodescrição e conversão em libras para deficientes visuais e auditivos, realizada por voluntários do Grupo Lead/UECE e Grupo de Acessibilidade da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social - STDS/Governo do Estado. Quanto às atrações, quem agita e anuncia os espetáculos do dia é o mais antigo palhaço em atividade no Ceará, seu Trepinha, que recebe a criançada e público em geral, ao lado do assistente Subidinha com intervenções entre as 8 e 12 horas, assim como das 14 às 18 horas. Nesse dia 17 de abril, o palco principal do TJA recebe a partir das 14h30 as últimas conferências pelo Encontro Internacional de Imagem Contemporânea (EIIC). Maria Dora Mourão (USP) discute sobre Ética e documentário: o autor frente a seu objeto e a representação das magens”, seguida pela professora e coordenadora geral desse importante evento, Beatriz Furtado (UFC), que falará sobre “A obra documental como obra de arte”, às 16 h. A expert Daniela Bousso (Museu da Imagem e do Som - SP) insere saberes acerca do tema “Imagens Contemporâneas: e a arte?” às 17h30, com sequência do lusitano Paulo Viveiros (Universidade Lusófona, de Lisboa) às 18h30 com explanações sobre “Espaços densos: configurações do cinema digital”. Já às 19h30, “Imagens do (nosso) tempo” é a deixa para Peter Pál Pelbart (PUC-SP). Às 20h30, o jardim projetado por Burle Marx é palco da Festa de Encerramento do evento, que ainda disponibiliza nesse mesmo espaço colorido verdejante, um cineminha com a Mostra "Alguns", que exibe curtas e médias metragens das 16h às 18h30 e das 18h30 às 21h. Permeando o EIIC, a programação gratuita do TJA anima também o saguão às 18h30 o Projeto Sexta de Música no Theatro ao som da Camerata Eleazar de Carvalho, enquanto no pátio nobre a beleza de uma Chuva de pétalas de flores é a oferta dos alunos do Curso Princípios Básicos de Teatro, da turma noturna, que vem à cena com figurinos animados. Incluindo as atrações do Mês da Dança, quem ficar até mais tarde na casa mantida pelo Governo do Estado através da Secretaria da Cultura pode saber como é assistir a uma apresentação no porão no Theatro José de Alencar, por volta das 22h30, dentro das Série Fora de Hora + Repertório, que mostra às sextas desse mês trabalhos do grupo Centro de Experimentação em Movimento, o Cem, que é dirigido por Sílvia Moura e que comemora seus sete anos de atividades com movimentos corpóreos. Dessa vez os ingresso são $ 5 (estudante) e R$ 10,00, e como a sessão é mais tarde, por conta do horário, a indicação é para maiores de 18 anos

Dia 18 de abril

Curso de Produção, Gestão e Elaboração de Projetos Culturais começa sábado em Fortaleza. A cultura e o entretenimento são os seguimentos mais promissores da atividade econômica do País. Segundo dados publicados pelo Sebrae no final de 2007, as atividades de criação, produção, circulação e consumo de bens culturais no planeta cresce a uma taxa anual de 6,3%, ao passo que o restante da economia registra uma expansão de 5,7%. Com a preocupação em formar profissionais para atender esse segmento crescente, a Secretaria de Cultura do Ceará oferece o programa de cursos de extensão em parceria com a Universidade de Fortaleza. O primeiro deles será Produção, Gestão e Elaboração de Projetos Culturais e destina-se à formação de 490 pessoas, na faixa etária de 18 a 40 anos, nas 14 macro-regiões do Estado. O curso será ministrado por professores da Unifor e convidados com reconhecida experiência no segmento de projetos culturais. As aulas acontecem em municípios-sedes, Itapipoca, Camocim, Aracati, Tauá, Crateús, Canindé, Quixadá, Limoeiro do Norte, Iguatu, Juazeiro do Norte, Baturité, Sobral, Guaraciaba do Norte e Fortaleza, mas destinam-se a todos os municípios do Ceará. Os conteúdos das disciplinas versam sobre cultura e desenvolvimento, conceito e objetivos do marketing cultural, tipos de ações culturais, como as empresas podem investir em cultura, legislação brasileira do incentivo fiscal (Sistema Estadual de Cultura, Lei Rouanet, Lei do Audiovisual e editais federal, estadual e municipal) e introdução a captação de recursos junto à iniciativa privada. Os cursos irão introduzir os alunos no universo da metodologia e da regulamentação dos mecanismos de incentivo à cultura e capacitá-los a desenvolver projetos e produtos culturais. A cooperação entre Estado e Unifor prevê junção de esforços no sentido de desenvolver um programa de formação e promoção de atividades artístico-culturais, contribuindo com os recursos humanos, materiais e financeiros necessários. Entre as atividades de curso estão previstas diagnósticos e visitas técnicas; estágios; pareceres e relatórios; apoio na elaboração de estudos, planos e programas; participação e treinamento e fornecimento de documentação técnica e fontes bibliográficas. Dos participantes - Participam do curso três representantes de cada município, sendo duas vagas para Secretaria de Cultura do Município ou Departamento respectivo, e uma para ONG's ou Associações Culturais do Município. A inscrição deverá ser feita pela Prefeitura, portanto caberá ao gestor municipal decidir quem ocupará a vaga. Os indicados devem, preferencialmente, ter concluído ou estar cursando nível superior e trabalhar na pelo desenvolvimento cultural do Município.

Serviço:
Curso em Produção, Gestão e Elaboração de Projetos Culturais
Local: Universidade de Fortaleza-Unifor
Acesse o site: www.secult.ce.gov.br no link curso e veja a grade de aulas e professores
Informações: 85 3101 6763 /3101 6742 ou codac@secult.ce.gov.br

Dia 20 de abril

Governo do Ceará investe R$ 500 mil em inclusão cultural
A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará informa que segue até segunda, dia 20 de abril, as inscrições para o I Edital de Incentivo às Artes para Pessoas com Deficiência. Com recursos oriundos do Tesouro Estadual, o Governo do Estado do Ceará investe R$ 500 mil (quinhentos mil reais) para a inclusão cultural de portadores de deficiência, apoiando projetos para as áreas da música, literatura (literatura, livro e leitura), artes visuais (artes plásticas e artesanato) e artes cênicas (teatro, dança e circo). As inscrições são gratuitas e o edital está disponível no site www.secult.ce.gov.br. A iniciativa é mais uma ação do Estado, que atua no sentido de promover a inclusão social e cultural de pessoas com deficiência, em projetos transversais coordenados pelo gabinete da primeira-dama, Maria Célia Habib Ferreira Gomes com apoio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS).

Informações: (85) 3101-6763 e 3101-6765. O Edital e seus anexos estão no link editais, no topo da página principal do site (www.secult.ce.gov.br)

Matéria enviada por: Hudson Jorge

Música Cariri - Com Geraldo Júnior, Flauberto Gomes e Ranier Oliveira


Show Geraldo Junior - email

Programação Cultural - Café Estação - Agenda Digital - Semanal Abril


agenda digital cafe estacao

Programação Cultural - Cinema Sessão Curumim


Clique para ampliar:


cinema sessao curumim

Arte Retirante - Arte em Movimento

Programação Cultural - Festival Armazem do Som

Programação Cultural - Aula sobre Genero e Direito com a professora Salete Maria - Dia 23, na URCA


Local: Salão da Terra - URCA ( Pimenta )
Data: 23/04/2009
Horário: 18h30

Jornal do Vicelmo está de Volta à Rádio Chapada do Araripe

Alô amigos,

É com muita satisfação que comunicamos o retorno do Jornal do Cariri, da Rádio Educadora, apresentado por Antonio Vicelmo. Todos os dias, das 07:00 às 08:00 da manhã.
Nosso link é independente do site oficial da Rádio Educadora, pois capta o sinal diretamente da estação.

Dihelson Mendonça

A República é Nossa - Por: Oscar Araripe


Muito devem a Independência e a República ao Ceará. E muito o Ceará ao próprio Ceará, pois só agora se faz a revisão que há de nos colocar melhor na História. Aqui se viveu não só a primeira mas a mais bela República. No entanto, ainda se nega a primazia das idéias republicanas de Quixeramobim e do Crato, e ainda não se reconhece inteiramente, de fato e de direito, o animoso Tristão de Alencar Araripe como o Primeiro Presidente republicano do Brasil. Nem mesmo nas ruas e nos livros o nome de Tristão é assinalado corretamente, faltando-lhe quase sempre o nome de escolha, o Araripe brasílico. Enquanto isto, o de Costa Barros, por exemplo, sangrento facínora, pois mandou fuzilar vários heróis quando já nem era necessário, ostenta completo e correto pelas ruas de nossas cidades, embora poucos se dêem conta. É como se Silvério dos Reis fosse homenageado e Tiradentes tivesse seu nome surrupiado...

Contudo, a História vai contando novas histórias, agora de baixo para cima, e já se reconhece em Bárbara de Alencar a Mãe da Independência e da República do Brasil. Mas, ainda que na Galeria dos Presidentes cearenses, no hall do Plenário da Assembléia do Estado, no texto do retrato do Conselheiro Tristão, filho do herói, possa se ler ter sido Tristão Araripe o Primeiro Presidente da República da Confederação do Equador, ainda não se aceita inteiramente ter sido a Confederação nossa primeira República, o que é um absurdo. Mas por que tanta demora? Tanta resistência em se ver o Ceará como o berço de tais conquistas? Sabe-se do mau hábito de negar-se ao talento e à extração popular, à espontaneidade, a autoria dos fatos históricos. Nossa Independência, assim, teria sido uma benesse do Imperador e nosso primeiro presidente republicano tinha que ser de alta patente, e não um animoso herói do Cariri, de liderança inconteste, que levantava um cavalo com uma das mãos, que recusou o exílio e que tinha a consciência do porvir. Diz-se que a mídia pernambucana, mais eficiente, talvez até soberana à época, seria também responsável pela versão pouco cearense dos episódios de 17 e 24, e iria impregnar e nortear as publicações cearenses e do país, e que as perseguições que se seguiram à débâcle republicana acabariam por imprimir na nossa alma a desimportância da nossa participação, ao nos quebrar a estima. Sabe-se que quase 500 revolucionários participaram do Grande Conselho em que Araripe foi eleito Presidente, mas ainda assim diz-se comumente que a Confederação teve pouca participação popular, quando tal número por si só atesta a magnitude do evento. Facilmente, por aqui, repete-se que Pernambuco teve a liderança dos dois episódios, simplesmente recorrendo-se à cronologia, mas esquecendo-se que, ao se assim apreciar, melhor seria creditar-se às idéias pernambucanas às revoluções Americana e Francesa, que as inspiraram. Se Pernambuco teve valorosos Carvalhos e Amores Divinos, o Ceará teve vários Alencares, Mororós, Sucupiras, Ibiapinas, Carapinimas, Antas, Araripes e outros. Ou seja, aqui ocorreram as maiores batalhas, daqui partiu a vitoriosa expedição a Fidié; por aqui nossos heróis brotaram como flores em mandacarus molhados; aqui se decidiu a batalha final e aqui a esperança da vitória viveu até o fim, e mesmo após. Diz Joaquim do Amor Divino, o Frei Caneca, em seu Diário, às páginas 451, citado por Antônio Dantas Alencar: ...”Ceará, talvez não tenha havido entre as províncias do império do Brasil uma que tanto se chocasse com o aborto da dissolução da Assembléia soberana quanto o Ceará Grande”.Pág. 452: "... derrocaram o monstro da cadeira da presidência ( Costa Barros), formando um governo temporário, debaixo da presidência de Tristão Gonçalves de Alencar Araripe; e se dispõem para resistirem a toda agressão da parte do Ministério do Rio, quer no bem, quer no mal”. Pág.527: "O Ceará tem tomado uma atitude que mostra a sua decisão enérgica contra os planos do Rio de Janeiro, e qualquer agressão externa”. Pág.528:”Quem lhes ministrou, aos cearenses, planos tão bem concertados, providências tanto a tempo e cautelosos? Qual tem sido a província do Brasil que tem desenvolvido tanto liberalismo e despregado tanta energia? Que exemplo mais imitável aos povos do Brasil ? Pernambuco mesmo deve fitar os olhos no Ceará, e confundir-se.Ali alçou o primeiro grito a liberdade, e seu eco fez estremecer o coração do império”. É Frei Caneca, o grande herói pernambucano, quem diz a importância que o Ceará não se diz.E lembrem que em sua fuga, foi para o Ceará, ao encontro de Alencar, Filgueiras e Araripe que se dirigiu, na esperança de aqui ganhar as forças que já não tinha em Pernambuco. Diz ele: "... que, tomando-se todas as medidas necessárias para a defesa da liberdade da pátria, se levantasse o acampamento, e se procurasse outra posição vantajosa, donde pudéssemos ter comunicação com os liberais das províncias do Ceará...e especialmente com o General Filgueiras, a fim de combinarem os planos de ataque sobre o inimigo”. Tivesse tal encontro se dado e talvez a Confederação fosse vitoriosa. Mas, nesta grande revisão em que passa a História, mesmo a derrota às vezes tem sabor de vitória, e dia a dia a Independência e a República, sem dúvidas, vão sendo mais nossas.

Por: Oscar Araripe
Pintor e escritor e ex-jornalista do Correio da Manhã e do Jornal do Brasil.



16-04-2009
Vigilância realiza apreensões e faz notificações no comércio durante a Semana Santa

Vários estabelecimentos comerciais de Crato foram notificados e tiveram mercadorias apreendidas durante a Semana Santa por fiscais da Vigilância Sanitária do Município do Crato. A ação desencadeada nos quatro dias envolvendo o feriado, foi responsável pela visita às feiras livres, supermercados, Mercado Central e mercearias. Nos diversos estabelecimentos comerciais inspecionados, foram notificados e apreendidos um total de 70.841 kg de produtos com prazo de validade vencidos ou deteriorados por falta de conservação adequada, além de 45,5 litros de produtos com prazo de validade expiradas ou falta de conservação adequada. De acordo com as inspeções sanitárias realizadas pela equipe da Vigilância, no Mercado Central Walter Peixoto, não foi constatado nenhuma irregularidade grave nas bancas que comercializavam o peixe fresco, não havendo apreensão de nenhum produto deteriorado ou em má conservação, que viesse comprometer a saúde do consumidor. Na oportunidade, foram distribuídos Equipamentos de Proteção Individual – EPI -, com os feirantes locais como toucas e luvas descartáveis, sacos plásticos para acondicionamento de lixo e Hipoclorito de Sódio para a higienização das bancas após o termino dos trabalhos. Também foram entregues materiais educativos (panfletos e cartazes) com orientações para os comerciantes e para os consumidores em geral. Em conformidade com o Art. 10º § VXIII da Lei Federal Nº 6.437/77, que trata das infrações sanitárias, foram lavrados Termos de Apreensão com a descrição dos produtos perante os responsáveis pelos estabelecimentos. Os documentos ficarão arquivados na Unidade de Vigilância Sanitária. Os produtos apreendidos foram conduzidos ao depósito da Vigilância, para posteriormente serem levados para o aterro sanitário (lixão), local apropriado para o destino final dos produtos. Os 40 litros de leite ‘in natura’, apreendidos, foram doados a Casa de Amparo as Famílias Carentes do Crato, conforme Termo de Doação lavrado e assinado pela responsável por a instituição beneficente.

Construção da Consciência Sanitária

A Vigilância Sanitária entende que a parceria com a sociedade é fundamental para a concretização de suas ações visto que seu campo de atuação de atuação relacionado à defesa do consumidor real ou potencial de produtos e serviços, garantindo o direito do cidadão a uma saudável. Faz-se necessário o desenvolvimento de processos de educação e de comunicação social, destinado à conscientização da sociedade quanto ao consumo de produtos e à utilização de serviços que têm impacto na saúde.

Atendimento social às famílias cresce com os CRAS, em Crato

A Prefeitura Municipal do Crato, por meio da Secretaria de Ação Social, vem realizando um trabalho de atendimento às comunidades, com capacitação, por meio dos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS). São cinto implantados no município, com serviços prestados a milhares de famílias. Segundo os dados colhidos através de relatórios de produtividades nos dois primeiros meses deste ano, somente por meio do CRAS da Batateira, foram beneficiadas 142 famílias da localidade, com os serviços prestados na unidade. Deste montante, 119 são famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. Diariamente adolescentes da comunidade participam das atividades oferecidas pelo Projovem Adolescente, que presta um serviço sócio-educativo à adolescentes com idade entre 15 e 17 anos, que estão em vulnerabilidade social. Este projeto oferece serviços de Orientação Social, Cultura e Esporte. O CRAS Batateira vem buscando direcionar suas atividades com vista num trabalho preventivo das situações de risco das famílias de seu território através do desenvolvimento de suas potencialidades, e do fortalecimento de vínculos familiares e comunitários. É oferecido à comunidade apoio às famílias e indivíduos na garantia de seus direitos à cidadania, com ênfase no direito à convivência familiar e comunitária; serviços continuados de acompanhamento psicossocial às famílias ou demais membros que dele necessite; proteção social pró-ativa, através das visitas domiciliares às famílias que estão em risco; além de acolhida para recepção, escuta e referência. São feitos atendimentos individuais e em grupo (familiar ou comunitário), entrevistas seletivas e diagnósticas, visitas domiciliares e a instituições envolvidas em alguma problemática a ser resolvida (Equipamentos Sociais); estudos de casos para ser desenvolvido um plano de ação, além de reuniões comunitárias e de equipe Técnica ou de Apoio, tanto internamente como também com as demais unidades de CRAS. Diariamente são prestadas orientações à comunidade sobre o Programa Bolsa Família/BPB e BPC com vista ao acompanhamento e encaminhamentos necessários.

Comunidade da Batateira realiza capacitação em peças íntimas

O Governo Municipal em Parceria com a Secretaria de Ação Social, o Cadastro Único e o CRAS Batateira, realizou CAPACITAÇÃO em "CONFECÇÃO DE PEÇAS ÍNTIMAS", contemplando chefes de famílias da Batateira. A capacitação faz parte das ações do "Projeto Inclusão Produtiva", em fase de implantação. O trabalho visa garantir às famílias vulneráveis uma possibilidade de gerir seu sustento, através de sua própria força de trabalho. Em breve, será promovida a segunda parte da capacitação, que oferecerá às mulheres conhecimentos no que se refere ao empreendedorismo e tudo mais que for necessário para que se consiga um melhor lugar no mercado de trabalho.

Grupo de Idosos da Batateira retoma atividades

O Grupo de Idosos da comunidade da Batateira retomou suas atividades diárias. A equipe do CRAS, composta por Psicólogos e Assistentes Sociais e ainda uma Educadora Física, vem buscando atender o que é exigido pelas Políticas Públicas de Atendimento ao Idoso.

Mobilização Social promove capacitações sobre prevenção a dengue, higiene e qualidade de vida nos bairros
A Secretaria de Saúde do Crato, por meio do Núcleo de Mobilização Social, estará realizando no próximo dia 17, na Casa de Apoio Padre Manoel, na Vila Novo Horizonte, no bairro Grangeiro, palestra sobre lixo, cuidados de higiene e saúde. Esse trabalho vem sendo desenvolvido em várias comunidades do município, no intuito de levar a prevenção bem contra a dengue, os cuidados que se deve ter para a não proliferação do mosquito Aedes aegypti.

Balcão de Atendimento leva palestras às comunidade sobre direitos dos cidadãos

Dentro da proposta de levar à comunidade o Balcão de Promoção dos Direitos Humanos, uma parceria da Prefeitura Municipal do Crato e Universidade Regional do Cariri (URCA), foi realizada na última terça-feira, na Vila André Pinheiro Pedrosa, em Crato, a apresentação do Balcão de Atendimento para a comunidade local, ministrada pela Dra. Alda Maria Teles Oliveira, contando também com Larissa Maria Barbosa Lemos. Por meio do Balcão podem ser oferecidos serviços como orientação sobre deveres e direitos dos cidadãos e legislação que assegura esses direitos; acolhimento e encaminhamento de denúncias sobre violação dos direitos humanos, envolvendo violência contra a mulher; mediação e conciliação de conflitos, atuando na busca de soluções pacíficas, com a finalidade de promover acordos satisfatórios entre as partes envolvidas. Também inclui assistência jurídica, nos casos em que não for possível a solução pacífica e a capacitação de líderes comunitários. No próximo dia 28, será a vez da comunidade do CRAS da Vila Alta, que terá a oportunidade de participar da palestra sobre Violência Doméstica Contra Criança, proferida por Alda Maria Teles, Cleonice Almeida e Larissa Barbosa.

Contatos:
Prefeitura Municipal do Crato
Assessoria de Imprensa
cratoimprensa@gmail.com
Telefone(88): 3521. 9600
Maiores informações:

www.prefeituramunicipaldocrato.blogspot.com

Publicidade - Clínica São Raimundo - Cuidando do Povo de Várzea Alegre !

O Blog do Crato tem o prazer de fazer a publicidade da Clínica São Raimundo, da cidade de Várzea Alegre - CE, que acredita no nosso trabalho como meio de buscar a integração regional. A Clínica São Raimundo é uma empresa conceituada. Comandada pelos renomados médicos Dr. Menezes Filho e da Dra. Ana Micaely de Morais Meneses. Especializada em pediatria, ultrassonografia, fisioterapia especializada, RPG.

Eis algumas fotos da nossa empresa/parceira que fazemos questão de divulgar:



Acima: A Logomarca oficial da Clínica São Raimundo, em Várzea Alegre.


Acima: O Médico, Dr. Menezes Filho em atividade.

Acima: Dra. Ana Micaely de Morais Meneses

Cuidando de seus pacientes com carinho e dedicação...



Clinica São Raimundo.
Rua Dep. Luis Otacilio Correia 129. Várzea-Alegre. Fone (088) 3541-1467.
Especialidade: Pediatria, ultrassonografia, fisioterapia especializada, RPG.

"Cuidando com carinho e responsabilidade do povo de Várzea Alegre !"

Anuncie no Blog do Crato.
Contatos:
blogdocrato@hotmail.com
Tel: 088-3523-2272

Nuances - Por Socorro Moreira


O sol despontou, um tanto zarolho. Parece um pirata, cheio de asas. As ruas escondem suas sombras, e clareiam os movimentos de quem passa.Atravessei a praça, adiantando e retardando compromissos diários. Enfrentei filas. Comprei frutas nas calçadas. Olhei vitrines... Experimentei vestidos floridos. Aspirei meu próprio cheiro, no vento dos meus cachos. Ideias enroladas ... Dispenso os babados. Amigos encontro ao acaso. Sorriem perguntas formais. Sem casos. Problemas escondidos, no banco de trás. Arrasto tempo e sandálias . Compro um brinco , na lojinha da esquina ... Balançam meu juízo , mas emprestam-me charme. Café com bolo não posso ... Mas traço ! E saio requebrando , na minha saia estampada. Pés descobertos , evitam as águas paradas. Vestígios das chuvas , alocados nos buracos ... Eu passo ! Pulo feito gata ...Quando fui gata ? Era uma tonta mulherzinha trepidando saltos no asfalto. Hoje as sandálias me carregam, me levam pra onde os olhos não podem , nem querem.Tarde de malemolência. Sessão de cinema que adormece. Amores na tela , me acordam ... São quatro horas. Olho o espelho e vejo uma cara, traquinamente feliz ...Mentira de Abril. É quase cínico ou triste , o olhar que pisca , nuances de mim.

Por: Socorro Moreira

Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30