17 novembro 2009

Advogado contesta uso político do BNB e defende superintendente do banco

Ontem, postei uma matéria publicada no Blog do Eliomar, intitulada: “TRE investiga o uso político do BNB e da FUNASA”. Hoje, reproduzo aqui no nosso Blog do Crato uma nota que o advogado do prefeito de Mauriti e do Superintendente Estadual do BNB encaminhou ao prezado Eliomar de Lima.

"Do advogado André Costa, este Blog recebe a seguinte nota:

Caro Eliomar de Lima,

A respeito da notícia veiculada no seu blog intitulada “TRE investiga o uso político do BNB e da FUNASA”, o advogado André Costa, defensor do Prefeito de Mauriti, Isaac Júnior, e do Superintendente Estadual do BNB, Isidro Moraes, esclarece o seguinte:

1. Não é verdade que o BNB e a FUNASA foram utilizados politicamente ou que desenvolveram ações que beneficiaram eleitoralmente a candidatura do atual Prefeito de Mauriti, reeleito com 57,30% dos votos válidos, o que demonstra o amplo apoio popular.

2. O Ministério Público Eleitoral e o Juiz Eleitoral de Mauriti, por duas vezes, já decidiram que não houve qualquer crime eleitoral ou uso político do BNB e da FUNASA a favor do então candidato à reeleição.

3. Tanto o Promotor de Justiça de Mauriti como a Procuradoria Geral de Justiça, através do seu Conselho Superior do Ministério Público do Ceará, bem como o Ministério Público Federal já investigaram o fato e reconheceram que não houve qualquer ato de improbidade administrativa na conduta do Superintendente Estadual do BNB.

4. É importante registrar que o pequeno trecho citado na nota não está dentro do contexto no qual foi proferido o discurso, realizado no final de um dia de domingo, fora do expediente de trabalho, durante uma convenção partidária na cidade onde nasceu e sem qualquer ligação com algum evento oficial ou do BNB.

5. As provas colhidas pela Justiça Eleitoral demonstraram que durante toda a campanha de 2008 não ocorreu qualquer ato ou ação que pudesse ser caracterizada como abuso de poder, propaganda institucional em favor de candidaturas, captação ilícita de sufrágio ou qualquer forma de conduta vedada, mas apenas um mero discurso sem quaisquer conseqüências práticas ou eleitorais.

Sem mais,

André Costa – advogado."

Postagem: Océlio Teixeira de Souza
Fonte: Blog do Eliomar de Lima
Foto: Misael Sampaio

2 comentários:

  1. o Superitendente fez a seguinte afirmação em público: “Eu já estou fazendo muito pelo povo de Mauriti, mas enquanto essa estrela, enquanto essa estrela, esse treze que vocês estão carregando aí estiver no poder, ou alguém botado por ele no poder, eu ainda vou poder continuar ajudando e ajudando muito a vocês, porque sou superintendente do Banco até 2010 e de lá eu não saio, e se não colocar um substituto lá, eu vou continuar a parceria com Isaac Junior, a parceria com Isaac Junior e com Maninho vai se estreitar cada vez mais. E eu vou fazer uma verdadeira devassa em toda a região, em todos os distritos, nas contas que vocês têm no banco e empurrando dinheiro no povo de Mauriti”.

    Um comentário desta ordem configura vários tipos de atecnias e/ou impropriedades. Se o discurso era privado, em "domingo de tarde" há um impropriedade em citar o BNB, como instituição.

    ResponderExcluir
  2. Tem de se tirar o chapéu pro Isaac Junior.
    Há algum tempo atrás me pediu ajuda para conseguir acervos bibliográficos para a biblioteca de Mauriti, e lhe falei que o problema era apenas conseguir o transporte. De imediato conseguiu que se resolvesse o problema do transporte, inclusive ajudando a levar acervos para diversas bibliotecas do Cariri, e até de Morelândia no Pernambuco.
    Se alguns políticos tivessem essa mesma determinação e esse mesmo
    espírito comunitário, a história da nossa região teria capítulos um pouco mais humanitários.
    Por essa e por outras, é que nos
    sentimos fortalecidos a dar continuidade nessa luta em prol das bibliotecas públicas do nosso Nordeste.

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.