26 outubro 2009

A FUTURA DIREÇÃO DO PT CRATO E AS ELEIÇÕES DE 2012
Por Amadeu de Freitas


O Processo de Eleição Direta do Partido dos Trabalhadores que elegerá sua nova direção nos níveis nacional, estadual e municipal transcorre em um ambiente em que todas as lideranças têm consciência da importância das eleições de 2010, por isso todos unificados no apoio à candidatura da Ministra Dilma à presidente. O debate principal quando se trata de 2010 é em torno das alianças e do programa de governo.

Um novo mandato presidencial precisa aprofundar as conquistas dos dois mandatos do Presidente Lula. É preciso manter a política de controle da inflação, a política de juros baixos com incentivos para o crescimento do setor produtivo. O objetivo maior da política econômica deverá ser o de gerar empregos e distribuir renda. No campo social os direitos devem ser alargados para toda sociedade.

Para que o PT lidere com outros partidos um governo com um programa mais avançado na economia e nas políticas sociais faz-se necessário fortalecer seus laços com as bases sociais que o originou, a classe trabalhadora e qualificar sua militância através da formação política e da valorização dos organismos de base. Avança-se nas políticas de governo e fortalece o partido em sua política organizativa.

O PT tem consciência de que para transformar a realidade brasileira requer a participação política da sociedade. E essa participação terá que ocorrer em âmbito nacional e local. É nesse sentido que o debate em torno das eleições de 2012 se impõe como algo importante. Entendo que discutir com a sociedade e com as forças políticas comprometidas com um novo projeto de desenvolvimento e organização da cidade é um passo fundamental para um partido que se apresenta como alternativa de governo e de poder no município.

Há um pensamento comum entre as duas chapas que concorrem ao Diretório Municipal do PT do Crato que devemos ter candidatura própria para as eleições de 2012. Esse é um passo importante no sentido de construir a unidade do partido. A disputa se dá em torno das propostas de como trilhar esse caminho. Quanto à escolha do candidato isso não é problema, pois o PT já estabeleceu o sistema de prévias quando há mais de um filiado interessado em disputar um mesmo cargo majoritário.

Defendo que, no momento oportuno, o nome que tiver melhores chances de vencer a disputa, receba o apoio do conjunto do partido. Essas são condições suficientes para a consolidação da unidade do PT, para uma nova fase de organização interna e de disputa do governo municipal.

Amadeu de Freitas é membro do Diretório Municipal do PT do Cra

18 comentários:

  1. Deveria constar antes do título da matéria:

    "ESPAÇO DESTINADO À PROPAGANDA PARTIDÁRIA DO PT"

    ResponderExcluir
  2. Concordo com o meu amigo Armando Rafael. Entendo que este é um blog para expressão de opiniões de qualquer ordem, incluive políticas, mas não para editais de propaganda partidária.

    ResponderExcluir
  3. E por falar nisso os colegas do PT que o escreveram, me parece, que estão asídos da máquina do tempo. Grande parte deste extensa oração já não se coaduna com os princípios partidarios do partido hoje.

    ResponderExcluir
  4. Sugeriria alguns comentários sobre o inercial desempenho da Ministra Dilma estacionário eem seus 17% deas intenções de voto, do Deputado Ciro Gomes, com seus 16% de intenções de voto, quase a ultrapassando versus o desempenho do Governador José Serra, 7 pontos è frente da soma dos dois outros candidatos.

    ResponderExcluir
  5. Uma dos meus buzius. O PT está abrindo mão de candidaturas para garantir apoio a candidata a presidente da republica ou porque já não tem um nome para concorrer a altura. São Paulo é um belo exemplo. Ciro falou: quer tocar fogo no Brasil vote no Lula. O Lula vinga-se e toca fogo no Ciro ou tem alguem que acredita em sucesso de sua candidatura paulista. Se a Dilma perder a eleição o PT acaba. Fica apenas a marca da decepção. Mas, pra lá é muito distante. Vamos torcer pelo PT de Crato, aqui nunca foi referencia, nunca conseguiu o apoio do povo. Tem que mudar muito. Avante PT.

    ResponderExcluir
  6. Rapaz eu jurava que tinha entrado no blog do PT!

    Oxe depois que vi que era mais uma conversinha para boi dormir dos meninos que querem que acreditemos que o PT e forte!

    Eita teve que se arrebentar inteiro para descobrir que tinha que ter candidatura própria??

    Eu já consegui imaginar que o Ditador será o presidente deste nefastinho partido!!

    Quem viver verá!

    Façam suas apostas mas o nome todo mundo ja sabe!

    ResponderExcluir
  7. Bem, essa é uma questão interna do PT. Mas sobre o tema em si, tenho uma consideração.
    O hegemonismo não é bom para ninguém. É importante que os partidos sejam fortes e é legítimo que queriam lançar nomes para os cargos majoritários. Mas se de antemão já dizem que terão candidato, estão nos dizendo que os outros partidos devem ou ter candidaturas próprias também ou devem seguir quem já tem.
    Hegemonismo não resolve nada.

    ResponderExcluir
  8. Caro Darlan,

    É legítimo que cada partido tenha projeto de disputar eleição com candidato próprio. O PT do Crato pensa assim, mas já apoiou candidatos de outros partidos. Para 2012 pretendemos apresentar uma opção para prefeito. Evidentemente que queremos discutir essa proposta com nossos aliados. Sempre foi assim. Todos têm seus nomes e avalia-se quem tem melhores chances de vencer a disputa (com que programa). Com certeza nós vamos conversar muito com o PCdoB, partido prioritário nas alianças do PT.
    Amadeu de Freitas.

    ResponderExcluir
  9. Nas eleições passadas se discutiu muito em candidatura própria e deu no que deu, primeiro a briga era entre duas alas partidária dentro do partido, uma pela aliança com Roque e outra pelo dinheiro do cambio em dólares cuecados que era ala que defendia os interesses de NOBRE GUIMARÃES, minha posição era a candidatura única sem remendos de política de aliança,que no caso poderia fortalecer o partido e voltarmos acreditar no mesmo partido,buscando novamente a juventude petista dispersada por mal planejamentos de estrutura política,e os possíveis candidatos estavam em uma disputa particular e financeira,sem a estrutura devida é obvio que as chances seriam remotas e uns dos pretensos candidatos a majoritária não largaria o tutano de osso,que dizer largar o certo bem frondoso pelo duvidoso,o INCRA é uma grande vaca leiteira sobre todos os aspectos,e pra 2012 fica muito mais fácil,Ner senhores cordeiros e anjos de malicias cuequeiras,foram covardes sim,na época e jogaram a batata morna nas mãos de Andre Barreto que foi ingênuo e caiu na armadilha dos seus pretensos aliados,o que na mesma campanha teve candidatos a vereadores pró Roque,que não subiram no palanque de Andre e fizeram a campanha na moita para Walter Peixoto.

    ResponderExcluir
  10. Imagino que o pessoal do PT Crato entenda que provavelmente este Blog do Crato não é o local apropriado para a "procura de seus aliados". Para declarações oficiais desta ordem existem as matérias pagas no jornais.

    ResponderExcluir
  11. Mas realmente o que se le nas entrelinhas é que um grande incomodo com a canditura da Ministra Dilma Roussef: primeiro porque a mesma não passou por nenhuma roteirização de escolha a não do Grande Lider Presidente. Segundo por ser a mesma um candiatura pesada de alguém que nunca teve nenhuma participação na vida partidária. Terceiro, porque de fato, é uma candidatura frágil, em processo de descontrução por dois candidatos da "base aliada": Ciro Gomes, com 16% das intenções voto e Marina Silva com 8%, enquanto a Ministra da Casa Civil, não descola dos 17% e com tendencias a ter menor desempenho.

    ResponderExcluir
  12. E não será uma "Caravana Rolidei" pelo São Francisco que fará a reversão desta posição. Primeiro: que nas margens do Santo Francisco não existem assim tantos eleitores. Segundo: porque esta imagem de nordestino sem água, além de estar um pouco desgastada na midia, cria um atrito com s eleitores das outras regiões: os sudestinos não a aceitam mais e os centro oestinos também a rejeitam. Aqui no Ceará isto foi alterado pelos Governos das Mudanças através do Programa Águas do Ceará: é um passado que não nos interessa mais reviver.

    ResponderExcluir
  13. Dr. José Sales, cada um terá seus candidatos, desde presidente até deputado estadual.
    E aproveitando a deixa, muita água vai rolar por debaixo da ponte!

    ResponderExcluir
  14. Caro Darlan Reis. Muita água já rolando embaixo da ponte e nas margens assoreadas e desmatadas do Rio São Francisco para as quais não existe proposta nenhuma a não ser de utilização do mesmo como informação de midia. O que se gastou na edição da "Caravana Holidei" foi mais do o que foi aplicado em recuperação e requalificação ambiental: aviões e helicopteros para cá e para lá, "acampamentos em barracas 5 estrelas", multidões de "aspones" e assessres credenciados e 3,7% do orçamento realizado é um piada de imenso mau gosto.

    ResponderExcluir
  15. E esta é uma "piada de mau gosto" que se repete em todo o país. Aqui em Fortaleza. iriam/ irão aplicar 753 milhões(8,5 vezes mais do que se promete para o Cariri todinho) na recuperação do Rio Maranguapinho, tem placas por toda a situação e cidade.

    Mas o que se realizou foi simplesmente dar continuidade às obras de dois conjuntos habitacionais iniciados à época do Governo Lúcio Alcantara, que estavam "inexplicávelmente" paradas.

    E absolutamente nada a mais. Nem boi dorme mais com esta conversa.

    ResponderExcluir
  16. Desculpe, Sr. José Sales, imaginei que aos leitores do blog pudesse interessar as discussões que passam no interior de um partido que trata da política municipal. Devo informar que o texto não é oficial, mas a opinião de um membro do partido. Mas, como vejo que publicação de matéria dessa natureza incomoda, concluo que estou escrevendo para o veículo errado. Minhas desculpas. Penso que sou mesmo um estranho no "ninho".

    Amadeu de Freitas.

    ResponderExcluir
  17. Primeiro - um militante do PT tem todo o direito de colocar o que pensa o partido para a cidade. Isso é feito com o prefeito quase todos os dias. A oposição tem esse direito e ele está garantido aqui.

    Segundo - O Dr. José Sales é sempre seletivo. Tivesse esse mesmo rigor com a tucanagem, criticaria de forma veemente o que o José Serra faz em São Paulo e a propaganda "deslavada" (para ficarmos na água) que a SABESP faz em todo o Brasil.

    Terceiro - Nem o José Serra tem coragem de ir lá na população que vai receber os benefícios da transposição e dizer que é contra. Para isso, usa os articulistas, os colunistas e a "inteligentsia". Aliás, faz o mesmo com o bolsa-família.

    Por fim, que oposição sem projetos. Melhor dizendo, só sabe fazer projetos caríssimos e que incluem privatização, desmonte do estado, neocolonização!

    PS: Amadeu, não se sinta um estranho no ninho. No Blog do Crato tem um ninho tucano mas tem espaço para outras correntes. O povo precisa aparecer mais para defender suas idéias. Não existe espaço vazio em política!

    ResponderExcluir
  18. Eu Wilson Bernardo, escrevo aqui,em nome de Dihelson Mendonça,e tenho plena certeza que ele concorda comigo,o BLOG do Crato,não tem tendência alguma partidária ou que seja classista e o mesmo blog esta aberto a todas as tendências,sejam elas políticas,credo,sexualidade,ou o que quer que seja,portanto sintam-se a vontade e em casa para qualquer adversidade,só condenamos racismo,homofobias ou o direito de expressão negados e enfim qualquer tipo de preconceito,com minorias ou maiorias.Agora falo por mim,eu já estive lá dentro,e o PT sim não respeita a diversidade de opiniões e nem se discute as tendências de escolhas de vida,moqueiam as situações,escondem as homofobias que existem no partido em termos de raça,crença e de credos políticos...uma farsa.

    ResponderExcluir

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.