11 outubro 2009

CRATO - Previsão do Tempo de Almanaque - 11 de Outubro de 2009

Bom Domingo, dia 11 de Outubro de 2009 para todos os amigos, leitores, colaboradores e escritores do Blog do Crato. Tenho diminuído propositalmente o número de postagens no Blog para que os artigos possam ser lidos e comentados melhor. Há alguns dias escrevi uma frase aqui: "Ler sem discutir, é como comer sem digerir". Estávamos com mais de 40 postagens por dia no Blog do Crato. Reduzi para umas 20, para que possamos acompanhar melhor. Alguns artigos serão trazidos à baila e os artigos mais comentados irão subir também. Hoje quero enviar um abraço todo especial a um grande amigo nosso, escritor de primeira grandeza: Dr. José Flávio Vieira, a quem eu chamo o Rei do Fim-de-Semana. Pois realmente ele nos salva o fim-de-semana sempre, com uma gostosa crônica.

Previsão do Tempo

A Previsão do tempo para hoje, Domingo, não muda: Dia de Sol, algumas núvens e não chove. A temperatura máxima de 31 graus e a mínima de 21. Informações do site Climatempo, um dos maiores do Brasil.

ALMANAQUE

11 de outubro. Dia de Santo Alexandre Sauli

A família Sauli fazia parte da nobre Corte de Gênova, muito ligada à Igreja. Nela, havia inúmeras figuras de destaque e influência na política, ricas e poderosas, tendo tradição de senadores e administradores para aquela costa marítima tão importante da Itália. No seio deles nasceu Alexandre, no dia 15 de fevereiro de 1534, em Milão. No batizado, sua mãe o consagrou à Virgem Maria. Desde a tenra idade queria seguir a vida religiosa. E na adolescência ele dispensou uma brilhante carreira na Corte do rei Carlos V, conhecido como o senhor da Europa e da América, para seguir sua vocação. Aos dezessete anos de idade, entrou no Colégio do Clero Regular de São Paulo, da igreja milanesa de São Barnabé, tradicionalmente freqüentada por sua família. Lá, entregou-se por completo à obediência das regras da vida comum com severas tarefas religiosas. Abandonou tudo o que possuía, tornando-se um verdadeiro seguidor de Cristo. Ordenado sacerdote, Alexandre Sauli exerceu o ministério como professor de noviços e formador de padres barnabitas. Depois, foi nomeado pelo arcebispo de Milão, Carlos Borromeo, agora santo, teólogo e decano da Faculdade Teológica de Pávia. Em 1565, aos trinta e um anos de idade, foi eleito superior-geral da Ordem, empenhando-se para manter vivo o espírito original do fundador. Considerado por seu dom de conselho, tornou-se o confessor do próprio são Carlos Borromeo, e orientador espiritual de muitas pessoas ilustres do seu tempo, tanto religiosos como leigos.

Em 1567, foi nomeado bispo de Aléria, na ilha de Córsega, França. Recebeu, entretanto, uma diocese decadente e abandonada, sem clero capacitado, sem locais de culto decente, com um rebanho perdido nas trevas da ignorância e da superstição. Trabalhou duro durante vinte e um anos. Conseguiu reformar o clero, sendo o professor e o exemplo da vida cristã para todas as classes sociais, eliminando divergências e ódios entre as várias famílias dominantes.

Transformou a diocese num modelo de devoção apostólica e de organização, sendo estimado e amado por todos, ricos e pobres. Mas Alexandre teve de deixar a Córsega quando foi nomeado bispo de Pávia pelo papa Gregório XIV, de quem fora diretor espiritual e confessor. Na época, Alexandre não tinha boas condições físicas devido ao seu incansável trabalho e à vida dura de privações, penitências e mortificações a que ele sempre se submetera. Mesmo assim, iniciou a visita pastoral de sua nova diocese, sem nem sequer pensar em abandonar a cruz de sua missão. No dia 11 de outubro de 1592, ele estava em visita na cidade de Calosso d'Asti. Era um doce entardecer de outono. Estando na rica propriedade do senhor do local, aceitou sua oferta de hospitalidade. Mas não ficou em nenhum dos luxuosos salões, preferiu estar entre os trabalhadores que se acomodavam nas estrebarias dos animais, onde adormeceu e não mais acordou.

Seu corpo foi transferido e sepultado na Catedral de Pávia, Itália. Em 1904, o papa Pio X o canonizou como santo Alexandre Sauli, "Apóstolo da Córsega". Venerado como padroeiro da ilha de Córsega, sua festa litúrgica, que ocorre no dia de sua morte, mantém-se muito viva e vigorosa.

Eventos históricos:

* 1582 - Devido a implantação do Calendário Gregoriano, o corrente dia não existiu neste ano nos seguintes países: Itália, Polônia, Portugal e Espanha.
* 1864 - Campina Grande é elevada à categoria de cidade.
* 1904 - Roberto Landell de Moura patenteia suas invenções no campo de transmissão de voz (transmissor de ondas, telefone e telégrafo sem fio) nos Estados Unidos da América.
* 1942 - Segunda Guerra Mundial: A Batalha do Cabo Esperança - A noroeste da costa de Guadalcanal, navios da marinha Estado-Unidense intercepta e destroi uma frota japonesa que estava à caminho para ilha de Guadalcanal.
* 1958 - Programa Pioneer: NASA lança a sonda lunar Pioneer 1 (a sonda cai de volta para a Terra em chamas).
* 1962 - Início do Concílio Ecuménico Vaticano II
* 1965 - Anos de Chumbo: campus da Universidade de Brasília é invadido por tropas e pela polícia.
* 1966 - O Papa Paulo VI eleva a Diocese de Brasília à categoria de arquidiocese.
* 1977 - Criação do Estado de Mato Grosso do Sul.
* 1986:
o Primeira exibição do anime e série de mangá Cavaleiros do Zodíaco pela TV Asahi.
o Guerra Fria: O presidente dos Estados Unidos Ronald Reagan e o líder soviético Mikhail Gorbachev se encontram em Reykjavík, capital da Islândia.
* 1993 - William Nygaard, editor de norueguês do livro Versos Satânicos de Salman Rushdie escapa de uma tentativa de assassinato.
* 1997:
o O Papa João Paulo II, em sua terceira e última viagem ao Brasil, permanece 75 horas no Rio de Janeiro.
o O presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, visita o Morro da Mangueira, no Rio de Janeiro.
* 1998:
o Edith Stein é canonizada.
o O Boeing 727 da Congo Airlines é derrubado por rebeldes em Kindu, Congo, matando 40 pessoas.
* 2002 - Um ataque a bomba em um shopping na cidade de Vantaa, Finlândia, mata 7 pessoas.
* 2006 - Acidente aéreo na cidade de Nova Iorque, mata 2 pessoas.

Nascimentos:

* 1675 - Samuel Clarke, filósofo inglês.
* 1885 - François Mauriac, escritor francês.
* 1908 - Cartola, compositor brasileiro (m. 1980).
* 1936 - Tom Zé, compositor brasileiro.
* 1937 - Bobby Charlton, futebolista inglês.
* 1939 - Maria Esther Bueno, ex-tenista brasileira.
* 1941 - Ney Suassuna, político brasileiro.
* 1952 - Elymar Santos, cantor brasileiro.
* 1957 - Lobão, músico brasileiro.
* 1968 - Jorge Vercillo, cantor e compositor brasileiro.
* 1969 - Jury Chechi, ex-ginasta italiano.

Falecimentos:

* 1852 - Ferdinand Einstein, matemático alemão (n. 1823).
* 1889 - James Prescott Joule, físico inglês (n. 1818).
* 1896 - Anton Bruckner, compositor austríaco (n. 1824).
* 1916 - Otto da Baviera, rei da Baviera (n. 1848).
* 1963 - Jean Cocteau, escritor e cineasta francês (n. 1889).
* 1965 - Walter Stampfli, foi Presidente da Confederação suíça em 1944 (n. 1884).
* 1996:
o Renato Russo, cantor e compositor brasileiro, líder da banda Legião Urbana (n. 1960).
* 2004 - Fernando Sabino, escritor e jornalista brasileiro (n. 1923).

Feriados e eventos cíclicos:

* Dia do deficiente físico
* Dia da Mulher Índigena
* Dia Internacional do Combate à Obesidade
* Aniversário de Mato Grosso do Sul
* Aniversário de Campina Grande, Paraíba.

HOJE NA HISTÓRIA

Hoje é o Dia do Deficiente Físico

Podemos considerar como deficiência física, quando alguma parte do organismo humano não apresenta um funcionamento perfeito, porém isso não pode ser considerado como diferença, pois existem várias pessoas com os mesmos tipos de limitações que as tornam normais dentro de suas possibilidades. Com o passar dos anos, a deficiência passou a ser vista como uma necessidade especial, pois as pessoas precisam de tratamentos diferenciados e especiais para viver com dignidade. Sabemos que isso não acontece, pois o mundo não é adaptado para essas pessoas, que sofrem muito em seu dia a dia. Construir rampinhas nas ruas é uma forma de mascarar o verdadeiro tratamento que os mesmos deveriam receber. Além destas, em nosso meio social deveria existir leitura em braile para atender os deficientes visuais; acesso aos ônibus e lugares públicos aos cadeirantes; que a população aprendesse a conversar na linguagem de libras, para atender os surdos/mudos; além de planos governamentais voltados para a saúde e reabilitação dessas pessoas, visando amenizar suas dificuldades bem como capacitá-las para a vida social, para o exercício da cidadania.

As escolas deveriam ter profissionais preparados para lidar com as limitações, assumindo maior compromisso com a formação dos professores, coordenadores e diretores, que muitas vezes não sabem como lidar com as necessidades especiais. É dever da escola promover conhecimento a fim de garantir o aprendizado de uma profissão, dando-lhes garantia e dignidade para o futuro. Não adianta afirmar que a sociedade não está preparada. Passou da hora de arregaçarmos as mangas e tratar os portadores de necessidades especiais como pessoas normais, pois são normais embora tenham algumas limitações. Todas as pessoas são diferentes, assim como a cor dos olhos, dos cabelos, a raça, enfim, existem aquelas que apresentam as diferenças físicas, mas que são pessoas como outra qualquer. Tratá-las com indiferença ou com desrespeito são formas de preconceito, previsto na Constituição do Brasil, assim como é direito desses estar incluídos na sociedade, pois são produtivos e capazes.

Podemos nos certificar das capacidades dos portadores de necessidades especiais nos jogos paraolímpicos, onde os mesmos atingem recordes e conquistam várias medalhas. Participam de várias modalidades esportivas, como atletismo, futebol, natação, basquete, dentre outras.

A sociedade já mudou muito nos últimos anos em relação às necessidades especiais, mas ainda temos muito que melhorar. Hoje em dia podemos ver essas pessoas trabalhando em empresas, como supermercados, lanchonetes, restaurantes, farmácias, escolas, pois a lei obriga que um percentual dos funcionários sejam portadores de necessidades especiais, como forma de garantir-lhes oportunidades no mercado de trabalho.

Dessa forma têm assegurado a integração social além de conviverem com valores de igualdade de oportunidades. Mas será que isso realmente acontece? Pensem nisso!

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola

Fontes: Climatempo, 10emTudo, Edições Paulinas, Wikipedia, Equipe Brasil Escola

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.